Você está na página 1de 4

Dedico este meu blog para os que de alguma forma foram

direta ou indiretamente atingidos. Peço desculpas pelos anos


da minha inocente omissão e ter deixado o blog de Claudio
Lopes Duarte ter ido tão longe, sem a devida resposta.
Confesso que em vão acreditava que o injurioso entrasse em si
e calasse as suas baboseiras com exposição na rede mundial.
Luiz Felipe

DIANTE DO CONJUNTO DE INFÂMIAS, SÓ ME RESTA PRESERVAR A


HONRADEZ E PRIVACIDADE TRAZENDO À TONA A VERDADE.

PORTANTO, AOS FATOS.

Luiz Felipe da Conceição Rodrigues.

1) A verdade é que há mais de 40 anos, na década de 70, ANTONIO SILVA DUARTE pai
de CLAUDIO LOPES DUARTE iniciou atividades em diversas empresas de razões
sociais diferentes, mas operando sob um pseudo nome fantasia (sem registro no INPI)
intitulado de BOIBOM.

Nesse período, o Sr. Antonio Silva Duarte, que possuía outras empresas em Duque de
Caxias e São João de Meriti, conheceu o promissor engenheiro da extinta TELERJ, Sr.
HUGO CECÍLIO DE CARVALHO e o convidou para administrar a firma BOIBOM
CARNES LTDA, então sediada no local conhecido como Guarus em Cabo Frio.

2) Ao longo dos anos Hugo tornou-se um grande conhecedor do trabalho de distribuição


de carnes e alimentos, tendo se tornado o braço direito de Antônio Silva Duarte. Assim
permaneceu por muitos anos até que o Sr. Duarte o convidou para sócio em alguns
negócios, ante a confiança conquistada justificadamente por Hugo.

3) Tal sociedade se deu informalmente, fora do quadro societário das diversas empresas de
Duarte, para resguardar as propriedades das empresas nas quais era sócio, já que a
participação compreendia em Capital (Duarte) e em trabalho (Hugo). Contudo, foram
diversas outras empresas criadas nos últimos 25 anos por Duarte em nome de interpostas
pessoas que eram gerenciadas por Hugo.

Até o início de 2010, Hugo, vale ressaltar, tinha sua carteira profissional assinada nestas
empresas e chegou a se aposentar pelas mesmas.

1
4) Porém, justamente no início de 2010, o Sr. Duarte, sem qualquer motivo aparente,
passou a desconfiar de Hugo e contratou uma empresa de auditoria para apurar se Hugo
estava obtendo vantagens das empresas que administrava, além do seu salário. O Hugo
se afastou ao mando do Sr. Duarte por 6 meses para que a auditoria fosse realizada sem
interferência, mas se algo fosse encontrado, seria o fim da sociedade.

Com a conclusão da auditoria, o Sr. Duarte ficou revoltado, que nada encontrou de
relevante, não podendo usá-la para tirar o Hugo das empresas.

5) Abalada a confiança entre os sócios e Hugo que nada tinha feito de errado na
administração, propôs às interpostas pessoas (laranjas) a negociação e a compra das
empresas Mayara, Chade 2004 e Moratori, com tratativas para o encerramento da antiga
sociedade.

Tendo as interpostas pessoas concordado com a venda, já que estavam insatisfeitas com
o Sr. Duarte, pois o mesmo não cumpria o que prometeu, Hugo comprou as três
empresas e ingressou legalmente com o seu próprio nome, agora como dono.

Daí nasceu a irresignação de Antonio Silva Duarte e seu filho Claudio Lopes Duarte, já
que o Sr. Duarte prometeu a Claudio Duarte que ele seria o gestor destas empresas, pois
naquela ocasião o Claudio falira em Campos dos Goytacazes com a sua empresa de
revenda de cervejas “Skol”.

Frustrados pois haviam contado com o sucesso da auditoria em encontrar algo errado de
Hugo para poder expulsar o mesmo dos negócios.

É aí que entra o advogado LUIZ FELIPE

6) INICIALMENTE, o Dr. Luiz Felipe da Conceição Rodrigues, atuou como conciliador


entre Sr. Duarte e Hugo, a pedido dos dois. Passando-se o tempo e não havendo a
conciliação, o Sr. Duarte já pressionado pelo seu filho Claudio, passou a ameaçar Hugo
de invadir as empresas e dali desalojá-lo junto com sua “corja”, conforme palavras do
Sr. Duarte.

De Miami, o Sr. Duarte, por telefone, na presença do Dr. Luiz Felipe, que a tudo
acompanhava no Viva Voz, deu ultimato a Hugo. Afirmou que iria invadir e retirá-lo “a
força” do controle das empresas e que iria constituir uma nova no local para seu filho
Claudio.

Ante a ameaça, Hugo contratou os serviços do escritório do advogado Luiz Felipe para
defender seus interesses e evitar um confronto direto entre Duarte e Hugo. Uma vez
contratado, Luiz Felipe precisou valer-se dos meios jurídicos necessários e entrou com
uma Ação de Interdito Proibitório obtendo liminar que impedia Duarte de ingressar nas
dependências da Mayara, Chade 2004 e Maratori.

7) Tal fato causou a ira do Sr. Duarte e seu filho Claudio desencadeando uma campanha
caluniosa, com publicações pagas e que depois ganhou formato nas redes sociais através
do tal blog ESCANDALO BOIBOM, que passou a servir de espaço para o Sr. Claudio
andar por aí a difamar Hugo e em seguida o advogado Luiz Felipe com expressões de
baixo calão, injuriosas e difamatórias.

2
Como se não bastasse, provocou os advogados prestadores de serviços, funcionários,
clientes e demais conhecidos para acompanhar, atrair a si e até expor estas pessoas no
blog dele.

CONCLUSÃO

Quem lê o tal blog se indaga a origem de tal ódio de DUARTE e CLAUDIO


e o porquê das ofensas ali narradas. Fica evidente que há algo mal resolvido, pois o blog
longe de ser informativo, como afirma Claudio, passa a ser veículo de notícias
difamatórias contra Hugo e Luiz Felipe.

Portanto, é está a verdadeira e real origem do blog ESCANDALO BOIBOM.

O bom senso de um empresário de caráter e íntegro recomenda que quando


existe algo contra um ex-sócio e ou oponente, o mesmo deve recorrer as barras dos
Tribunais e não criar um meio de ofender o oponente, sua família, seus colaboradores
e muito menos seus advogados, como fazem incansavelmente Sr. DUARTE e
CLAUDIO.

DUAS PERGUNTAS

1) Qual o interesse de DUARTE e CLAUDIO em prosseguir publicando diariamente


ofensas no tal blog? Medo de perderem as três empresas citadas?
2) Quais seriam os motivos para gastarem uma fabulosa quantia de dinheiro com
infrutíferas e infundadas calúnias? O fato de que eram sócios ocultos destas empresas
e de suas antecessoras, que devem milhões de reais ao fisco?

A VERDADE

A análise dos fatos “em tese" que se verifica é que pai e filho usavam as
empresas em nome de “laranjas” para enriquecer.

Muitas foram as reflexões feitas ao longo dos 8 anos em que prorrogam


os litígios entre DUARTE e HUGO. Agora, depois de tantas mentiras, calúnias e difamações
resolvemos criar também este meio informativo.

Este blog sim, INFORMATIVO, vai trazer à tona a VERDADE dos fatos e dizer
quem é quem.

Portanto, a partir de hoje, diariamente o blog será alimentado com A


VERDADE, pois o oponente difamador só divulga o que lhe interessa, omitindo a realidade.

Aqui serão publicadas decisões, sentenças, cópias de documentos, contratos


sociais, que revelarão como o oponente "alaranjou" diversas empresas. Também divulgaremos
a reprodução de publicações jornalísticas que eles omitem, pois agora sim, este blog
INFORMATIVO, mostrará o andamento das ações e procedimentos investigativos públicos,
em desfavor às pessoas ligadas a Claudio Lopes Duarte e ao Sr. Antonio Duarte e
providenciaremos até o DESARQUIVAMENTO DE INVESTIGAÇÕES contra o criador do
blog Escândalo Boibom e seu pai.

3
ACOMPANHEM!

A VERDADE VIRÁ E SERÃO DESMASCARADOS!

______________________

No lançamento,
colacionamos o relatório público do Desembargador Fábio Dutra da 1ª Câmara Cível - TJRJ,
com a decisão de proibir ofensas contra Luiz Felipe da Conceição Rodrigues, neste a
condenação de indenização e de multa de R$ 1.000,00 por cada publicação acrescida da multa
diária já determinada desde 2017 no valor de R$ 1.000,00 (um mil reais) por dia de publicação
ofensiva no blog Escandalo Boibom de Claudio Duarte.