Você está na página 1de 16

ECOVIDA - BOM DESPACHO, MG

Sofre com dores nas articulações? Não


Dores nas sabe mais o que fazer, temos uma
Articulações descoberta incrível
Cartilax UC2

INICIO BOM DE VER QUE IDÉIA ÓTIMA!! FAUNA E FLORA DO CERRADO CHÁS E ERVAS CULINÁRIA DO CERRADO FRUTOS DO CERRADO FICA A DICA CONTATO

Fazer Uma Busca...

Conheça o projeto EcoVida

Inicio » FICA A DICA » 14 árvores adequadas para plantio em vias urbanas e dicas de como plantá-las
adequadamente

14 árvores adequadas para plantio em vias urbanas e dicas de como plantá-las


adequadamente
Arnaldo Silva 18:45:00 57 comentários

Postagens populares

15 Ideias para você reaproveitar os


pés das velhas máquinas de
costuras, de nossas avós.
Lembram daquelas velhas máquinas
de costurar que nossas avós
tinham? Muitas pessoas ainda tem
essas máquinas, bem velhas e não sabem o que...

Bebida 3 em 1 de aveia e mamão.


Reduz o colesterol, limpa o intestino
e ajuda a emagrecer
Sabemos que existem frutas que
fazem verdadeiros milagres quando
consumidas regularmente. São
verdadeiros presentes do Criador para nós. E...

O verdadeiro pão saudável -


totalmente sem farinha, sem glúten
e muito fácil de fazer!
Todo mundo sabe que o pão é o
Uma cidade arborizada tem mais vida e fica mais bela. Árvores atraem pássaros alimento mais popular do mundo. E
isso não é de hoje, basta olhar
e polinizadores. Refrescam o ambiente e aumentam a umidade do ar. As árvores
algumas passagens bíblicas para perceber q...
absorvem gás carbônico. Cada árvore consome em média 180 kg de CO2 por
ano, o que reduz consideravelmente os efeitos desse gás no nosso planeta.
Cada árvore plantada é uma enorme contribuição para o combate ao efeito
estufa. Na foto acima podemos vemos arborização urbana correta e bem feita
em Seritinga, Sul de Minas Gerais. Foram usadas espécies de árvores de
pequeno porte, que não danificam os passeios e nem a rede elétrica. (Foto da
Prefeitura de Seritinga)
As arvores ajudam na manutenção e recuperação da capacidade produtiva do
solo, conservam os lençóis freáticos, preservam as margens dos rios, por isso
da importância de se preservar matas ciliares e arborizar as margens dos rios e
ribeirões que cortam as cidades.
Temos que ter essa consciência, que devemos plantar árvores, mas acima de Seguidores
tudo, gostar das árvores, gostar de tê-las em nosso quintal, calçada, nas praças,
nos parques e nas matas.(na foto ao lado, uma rua com jacarandás na calçada. A
vermelha é bouganvillea. Um lindo exemplo)
Seguidores (279) Próxima
Quem gosta planta. Mas
plantar o quê? Qual árvore
plantar?
É essa a questão. Gostar
de árvores não é sair por
Seguir
ai plantando qualquer
espécie que vem em
mente. Ou por achar que
é bonita, que tem flores
lindas. Não é por ai.
Alguns aspectos têm que
ser levados em conta:
Qual o bioma da sua
região? Por exemplo, se
for Cerrado, o mais
adequado é plantar
árvores do Cerrado. Se
numa região de cerrado
você planta árvores
nativas da Mata Atlântica
poderá ter problemas
futuros já que as árvores
não terão um desenvolvimento natural, por ser de outro bioma. Teria que se
adaptar e geralmente sofre modificações devido a diferenças climáticas.
Árvores exóticas, de outros biomas ou países, são consideradas invasoras,
podem inclusive desequilibrar o meio ambiente e prejudicar o desenvolvimento
da fauna nativa.
Conheça o porte da árvore que quer plantar. Procure saber se ela tem raízes
agressivas, se estouram asfalto, calçadas e danificam as redes elétricas e
tubulações.
Se forem plantar árvores frutíferas na sua calçada, veja antes se o tipo de fruto
produzido pela árvore não traria problemas. Por exemplo, um pé de abacate em
sua calçada geraria problemas sérios quando os frutos caírem ao chão porque
levaria risco de escorregões e acidentes aos pedestres. Manga também, bem
como e outras frutas cujas polpas e cascas são escorregadias se ficarem no
chão.
Em todas as cidades tem técnicos e órgãos especializados na área de meio
ambiente. Antes de escolher uma árvore para plantar em sua calçada, procure a
Companhia de Água, a empresa de Luz e a Prefeitura de sua cidade. Também
pode procurar o IEF e Ong´s ambientais se tiver em sua cidade. Veja antes a
opinião deles.
A foto acima é de uma avenida em Maria da Fé, Sul de Minas, fotografada pelo
Leonardo Bueno. Cerejeiras são adequadas para plantio em vias urbanas, mas
adapta-se somente em regiões de clima mais frio e acima de 1000 metros de
altitude. Em regiões quentes e de baixa altitude, dificilmente germinam.
Abaixo segue uma lista de árvores que eu considero ideais para plantio em vias
urbanas

1 – Jacarandá Mimoso – Jacarandá mimosifolia

Jacarandás floridos da Avenida João Pinheiro em Poços de Caldas MG. 


Fotografia de Marcos Corrêa 

Árvore de porte médio atinge no máximo 15 metros de altura. É adequada em


vias urbana pela floração decorativa, rápido crescimento e por não ter raízes
agressivas. É bastante usada na ornamentação de avenidas, calçadas, praças e
parques de cidades do mundo todo. Se for plantar em calçada, plante contra a
rede elétrica. Existem dezenas de espécies de jacarandás, ao optar por plantio
dessa árvore, dê preferência para esta espécie que vê na foto acima, o Mimoso.
2 – Ipê amarelo - Tabebuia serratifolia
Fotografia de Wilson Fortunato em Bom Despacho MG

É a espécie mais comum de ipê amarelo e a mais indicada para calçadas largas.
Atinge entre 8 a 20 metros de altura. Não tem raízes agressivas. Pelo porte, mais
indicado o plantio contra a rede elétrica. As outras espécies de ipês como o roxo
e rosa não são indicadas para calçadas pelo porte da copa e altura, como o roxo
e o rosa, que pode chegar a 30 metros. Outra espécie de ipê indicada para
calçada é o Caraiba (Tabebuia áurea), muito comum no Cerrado, cujo tamanho
não ultrapassa os 5 metros. Pode ser plantado também o ipê-mirim (Tecoma
stans) de pequeno porte, até 5 metros. Não prejudica a calçada e nem fiação. O
mesmo para o ipê branco (Tabebuia róseo-alba), também conhecida como
Planta do Mel. É uma linda espécie de ipê, ideal para calçadas, contra a fiação
elétrica. Ultrapassa os 5 metros, podendo chegar a 12 metros. Tem uma linda
florada, mas bem curta. Dura em média 25 horas apenas.
3 – Quaresmeira - Tibouchina granulosa

Quaresmeiras floridas e outras espécies, em rua de Caxambu MG.


Fotografia de Rafael Siqueira 

Tem com flores roxas e rosa e são indicadas para calçadas. Têm raízes
profundas, galhos firmes, dão bom sombreamento e suas folhas retêm
impurezas do ar, ajudando a diminuir a poluição. Muito usada na ornamentação
urbana pela beleza de suas flores.
4 – Noivinha - Euphorbia leucocephala

Fotografia de Wilson Fortunato em Paineiras MG

É uma das mais belas plantas que existem. Também conhecida por Neve da
Montanha, Mês de Maio, Cabeça de Velho, Chuva de Prata, Cabeleira do Vovô,
entre outros nomes. Tem uma característica peculiar. Perde suas folhas no
inverno e sua florada é totalmente branca, permanecendo assim por 30 a 40
dias. Essa planta é considerada um arbusto, por ser de pequeno porte.
Geralmente não ultrapassam os 3 metros. São indicadas para calçadas, não
provocam nenhum dano a fiação, tubulação ou construção.
5 – Manacá-da-serra - Tibouchina mutabilis

Flores de Manacá-da-serra. Fotografia de Arnaldo Silva 

De pequeno porte, é uma excelente árvore para plantio em calçadas e praças por
não ter raízes agressivas. Suas flores são belas e delicadas. Adapta-se melhor
em regiões de clima mais frio e montanhoso.
Segue lista de mais árvores que podem ser plantadas em vias urbanas:
7 - Astrapéia - Pterocarpus violaceus

8 - Cássia imperial - Cassia fistula

9 - Chuva de ouro - Laphantera lactescens


10 - Jasmim-manteiga - Plumeria rubra

11 - Pata-de-vaca - Bauhinia purpúrea


12 - Pitangueira - Eugenia uniflora

13 - Caliandra do Cerrado -Calliandra tweedii.


Flor da Caliandra a flor símbolo do Cerrado- Fotografia de Thelmo Lins

14 - Jabuticabeira - Eugenia cauliflora

 Essas são algumas sugestões. Existem centenas de árvores adequadas para


calçadas, bem como inadequadas. Como citei acima, consulte os órgãos
ambientais de sua cidade para se informar e dê preferência para a flora do
Bioma em que vive. Plante as árvores nativas de sua região.

Após a escolha da espécie que irá plantar, siga essas dicas:


- A muda adequada para plantio tem que ter entre 1 metro e meio a 2 metros.
- Deve ser plantada a 1,50 metros de bocas-de- lobo, garagem e de acessos a
cadeirantes
- Árvores de pequeno porte devem ser plantadas na distância de 4 metros umas
das outras. De médio porte a 6 metros e de grande porte a 8 metros de distância.
- Retire a embalagem. Saquinhos, garrafas pets ou vasos, caso contrário elas
não vingarão.
- Faça uma cova de pelo menos 80 centímetros (Isso para evitar que quando a
árvore crescer, suas raízes não fiquem expostas e nem a mesma sujeita a quedas
fáceis ) e pelo menos 1 metro quadrado de diâmetro. Nesse metro quadrado
você pode plantar grama. Coloque na cova adubo orgânico. Depois que plantar,
coloque adubo em volta também.
-Deixe uma área livre ao redor da muda
- Finque uma lasca de bambu próximo à cova e amarre com corda (não use
arame) o tronco da muda para que ela cresça retilínea.
Não cerque com concreto ou tijolos a árvore por que suas raízes precisam
respirar e retirar água e nutrientes do solo. Deixe um espaço de terra em volta da
árvore, em torno de 100 centímetros de diâmetro pelo menos. Não faça barreiras
para evitar que a água da chuva entre na cova da árvore. É comum vermos as
pessoas cercarem com tijolos a árvore, fazendo quadrados. Isso é errado e
impede o contato dá planta com a água da chuva que está na calçada. Elas
precisam dessa água.
- Regue pelo menos três vezes por semana a planta com água limpa.

É isso ai. Siga essas dicas e plante árvore.


Quem ama a natureza planta e cuida, mas plante com consciência, se
informando como, quando e que tipo de árvore plantar.
A sua cidade ficará melhor e não terá problemas futuros com árvores
inadequadas.

Arnaldo Silva - Fotojornalista e Ambientalista, com especialização em Gestão


Ambiental, Desenvolvimento Sustentável, Paisagismo e Plantas Ornamentais
AVISO LEGAL: Reprodução proibida no total ou em partes em qualquer tipo de
mídia sem minha expressa autorização.

Curtir 439 mil Compartilhar

Aprenda Curso Produção de Mudas Nativas.


Curso Online. Inscreva-se Já!
Cultivar Mudas clickmudas.com.br/CursoOnlineMudas

←  Anterior Inicio →
Proxima  

57 comentários:

Matheus Gazzola 31 de janeiro de 2017 16:29


A foto da Lagerstroemia indica está errada. Fora isso, bem interessante a coletânea!
Responder

Paulo Henrique 1 de fevereiro de 2017 01:29


Este comentário foi removido pelo autor.
Responder

Paulo Henrique 1 de fevereiro de 2017 02:03


Esse jacarandá, o mimoso, e essa espécie de pata-de-vaca, purpurea, são muito bonitos e fáceis
de encontrar mas são exóticas. Não conheço todas as outras pra dizer se tem mais alguma
exótica... Uma boa parte das árvores que a gente tá acostumado a ver nas calçadas são
exóticas (e até invasoras algumas), acho que a gente deveria conhecer e valorizar mais as
nossas árvores nativas. Outra coisa, opinião pessoal, são as árvores que atrapalham a rede
elétrica ou é a rede elétrica que atrapalha as árvores? De que serve uma rua com um monte de
arvore pequena, podada e tal, e nenhuma sombra? Calor na certa...
Responder

Respostas

Wilson 3 de fevereiro de 2017 04:56


Existem as patas de vaca nativas.

Wilson 3 de fevereiro de 2017 05:00


ótimo comentário

helena bastos 3 de fevereiro de 2017 12:11


As árvores, nunca irão permitir calor na certa como vc falou. Além disso enfeitam as
ruas, e retiram CO2 do ar, contribuindo dessa maneira para deixar a atmosfera mais
cheia de oxigênio e, portanto, mais frescor para o ambiente. Não precisa ser árvores
enorme, e árvores não é apenas para dar sombra. É para fazer fotossintese e
despoluir o ambiente. De qualquer maneira sempre as árvores, grandes ou pequenas
irão favorecer e despoluir o ambiente.

Liège Saboya 3 de fevereiro de 2017 14:30


Um jeito de evitar raízes alavancando a calçada é colocar na cova uma manilha (de
pé ) com pelo menos 60 cms de altura. Uma forma de proteger enquanto está
pequena é cercar com um pedaço (rolo)de malha pop.

Liège Saboya 3 de fevereiro de 2017 14:34


Que importa se a árvore é exótica ? No caso do J. Mimoso o 'exotismo' dela é quase
nenhum, visto ser da Argentina.Legal a gente apreciar as arvores nativas mas
xenofobia arbórea é demais.

Liège Saboya 3 de fevereiro de 2017 14:40


Um jeito de evitar raízes alavancando a calçada é colocar na cova uma manilha (de
pé ) com pelo menos 60 cms de altura. Uma forma de proteger enquanto está
pequena é cercar com um pedaço (rolo)de malha pop.

Candeeiro 7 de fevereiro de 2017 18:00


Simples! Fiação embutida, nada de postes.

Helder Batista 16 de fevereiro de 2017 14:04


Liège, plantar uma espécie exotica influenciará toda o ecossistema em volta,
inclusive podendo ate diminuir a polinização de outras plantas. Pode tambem ocorrer
de insetos hospedeiros daquela espécies predarem as plantas locais então sempre
que possivel escolha especies nativas com as caracteristicas adaptadas ao convivio
urbano (raizes horizontais, folhas pequenas e sombra favoravel) um abraço

Responder

Ro Zanard 1 de fevereiro de 2017 02:54


Adoro a quaresmeira -ipê -sakura,tenho um manacá, mas a pergunta é as flores forram o chão
fica Tdo lindo e os garis? dão conta de limpar? Os bueiros não irão intupir? ( mais o lixo que o
povo joga no chão ) enfim amo árvores e flores , a cidade fica bela !
Responder

Respostas

Pedro Almeida 2 de fevereiro de 2017 08:24


O ideal seria que as pessoas limpassem as portas de suas casas. É um trabalho leve
que sai "baratíssimo" pelo benefício de ter sombra e ar fresco na sua cidade! As
pessoas precisam se tornar menos dependentes do Estado!!!

Aglaé Oliveira 3 de fevereiro de 2017 00:27


Sim, não há necessidade nenhuma de esperar ninguém limpar a nossa porta, será
prazeroso, acredito eu, é um feedback, que na verdade é até desproporcional, pq uma
árvore terá muito mais benefícios e nós só vamos tiras suas folhas... Adoro isso! Por
mais árvores, matas, pássaros, verde, mais natureza!

Aglaé Oliveira 3 de fevereiro de 2017 00:28


Sim, não há necessidade nenhuma de esperar ninguém limpar a nossa porta, será
prazeroso, acredito eu, é um feedback, que na verdade é até desproporcional, pq uma
árvore terá muito mais benefícios e nós só vamos tiras suas folhas... Adoro isso! Por
mais árvores, matas, pássaros, verde, mais natureza!

Liège Saboya 3 de fevereiro de 2017 14:39


Adoro ver o chão coberto de flores. Algumas arvores dão um show, como acontece
com o Jambeiro! Essa ideia de que folhas sujam o chão é incompreensível pra mim.
Adoro ver folhas no chão. Nesse aspecto as amendoeira são grandes artistas. O que
me incomoda é ver papeis, sacos plasticos, basta de cães, latas. Isso sim é ruim.

Liège Saboya 3 de fevereiro de 2017 14:40


Adoro ver o chão coberto de flores. Algumas arvores dão um show, como acontece
com o Jambeiro! Essa ideia de que folhas sujam o chão é incompreensível pra mim.
Adoro ver folhas no chão. Nesse aspecto as amendoeira são grandes artistas. O que
me incomoda é ver papeis, sacos plasticos, basta de cães, latas. Isso sim é ruim.

Ro Zanard 10 de março de 2017 19:38


Sim a frente da minha casa eu limpo,tenho um manaca-da-serra.
Mas cidade com edifícios altos como aqui inclusive com muitas arvores lindas,
morador do condomínio limpar? acho difícil.Enfim arvores são lindas e nem precisam
ter flores.

Responder

Elba Silva 1 de fevereiro de 2017 04:34


Parabens pelo belíssimo trabalho de pesquisa. Nota 1000.
Responder

SECRETARIA MUNICIPAL DE ITAUBA 1 de fevereiro de 2017 05:13


Que bela matéria, uma preocupação muito pertinente, e que deveria ser mais utilizada e
difundida. As fotos então, nem se fala, encantadoras, chega da vontade de conhecer os lugares,
de tão lindos que ficam.
Responder

Respostas

Arnaldo Silva 1 de fevereiro de 2017 10:52


Itajubá é uma cidade maravilhosa, temos amigos ai, bem como em Maria da Fé e
outras cidades ai da Mantiqueira. Um grande abraço a todos.

Responder

jequtibah 1 de fevereiro de 2017 06:37


A maioria das árvores é exótica, ou seja, estrangeira. Precisamos plantar árvores nativas do
Brasil, para valorizar a nossa flora e seguir o que a natureza fez, com a seleção natural.
Responder

Diogo de Souza Lindenmaier 1 de fevereiro de 2017 09:59


Tem duas espécies da lista que, se não me engano, são tóxicas!
Responder

Raquel Vidigal Santiago 1 de fevereiro de 2017 13:29


Espelhei-me nessas imagens e plantei, a maioria dessas maravilhosas árvores, em um terreno
de 50 por 70 m - em Rio Pomba-MG. Daqui a 5 anos estará uma maravilhas.
Responder
Reginaldo Fisherman 1 de fevereiro de 2017 13:47
O ipê caraiba é um que tem a folha peladinha? Já plantei vários. Muito bom para calçadas e
aceita podas. Bom artigo!
Responder

Reginaldo Fisherman 1 de fevereiro de 2017 13:49


Eu quis dizer "peludinha".
Responder

Unknown 1 de fevereiro de 2017 15:19


Maravilha de matéria, meu amigo!
Parabéns! Bela foto da minha cidade! Abraços.
Responder

Vitor Souza 1 de fevereiro de 2017 16:08


Beleza de matéria!!! Se me permite gostaria de incluir a Caliandra, um arbusto de no máximo 4
metros, de manutenção muito fácil, e de flores belíssimas, muito cultivada por bonsaistas.
Responder

Josefina Rodrigues da Silva 1 de fevereiro de 2017 16:28


maravilhosa materia vou compartilhar pra outras pessoas terem conhecimento
Responder

Melissa Kobayashi 1 de fevereiro de 2017 18:57


Arnaldo Silva, plumeria rubra, nerium oleander, euphorbias de qualquer especie, nao devem ser
plantadas em locais publicos, porque sao toxicas e podem envenenar pessoas e animais,
especialmente ciancas e cachorros
Responder

Respostas

Arnaldo Silva 2 de fevereiro de 2017 03:16


Melissa, convivemos diariamente com plantas tóxicas. Mamona por exemplo que são
comuns, se ingerir mata. Uma das plantas mais perigosas e venenosas que eu
conheço chama-se Hortência, linda, que enfeita jardins de casas e praças de várias
regiões de Minas, principalmente do Sul do Estado e sul do Brasil. É uma planta
mortífera, bem como as Alamandas, que dão lindas flores.Quem comer hortência e
alamanda, morre mesmo. A toxina delas são violentas. Agora vou pedir para as
pessoas arrancarem as hortências, alamandas, mamonas, etc? Nunca vi ninguém
pegar uma flor de hortência e comê-la. Nem de espirradeira, nem de murta.Ninguém
sai pegando flores por ai pra comer. Como falei no artigo, as pessoas devem ter
ciência do que está plantando, conhecer a espécie. Se não conhece, procure alguém
que conheça ou a Prefeitura. Informação é importante. Plantar um pé de manga ou
abacate em uma via pública pra mim é mais perigoso que essas ai que citou. Sabe
porquê? As frutas amadurecem, caem no chão, apodrecem e o chão fica
escorregadio. Ai acontecem acidentes, com escorregões ou quedas dos frutos nas
cabeças das pessoas. Árvores frutíferas recomendo para parques e praças com
áreas reservadas. As plantas tóxicas só fazem mal se alguém for lá, pegar e comer.
Quem faz isso não é normal. Crianças não alcançam uma árvore dessas. Mas no
jardim, podem alcançar por exemplo a flor da hortência ou das alamandas e colocar
na boca. São plantas baixas, pequenas. Mas nunca ouvi falar de alguma criança ter
ingerido flor de hortência ou alamanda. O cheiro delas não atiçam o paladar para
comê-las. Como falei, é bom ter ciência do que se planta, conhecimento faz bem e
essas ai que citou, são próprias para calçadas e são lindas, bem como algumas
perigosas plantas de jardim, que intoxicam e matam e que estão ao alcance de
crianças, gatos e cães. Saibamos conviver com consciência com a natureza. Tê-la
como amiga, parceira e não como ameaça ou inimiga. Grande abraço Melissa.

Rennato 3 de fevereiro de 2017 07:39


Olá Arnaldo Paz e bem,
Minha cidade Campos Belos/GO (região com muito calor), fica no Nordeste do
estado, qual seria uma boa opção de árvore de ate 5m de altura para plantar na
minha calçada? Grato

TONI 4 de fevereiro de 2017 05:03


Arnaldo Silva
Excelente postagem e belas sacadas. Vou seguir suas dicas na minha rua em
Manaus vlwww.
Acho que a galera não lê o texto por completo ou tem dificuldade de compreensão.
Responder

magno geovane philadelpho da costa 1 de fevereiro de 2017 20:06


bem observado, a espirradeira é toxica a outra não sei qual é
Responder

JHON LEE 2 de fevereiro de 2017 00:17


Materia linda! Quero plantar muitas dessas na minha rua.
Responder

Luiz Prado 2 de fevereiro de 2017 03:08


No Rio, no condomínio em que moro, com muito espaço verde, resolvemos não plantar mais
NADA, tal a burocracia para fazer uma simples poda ou remover um pinus com cupim. Uma
pena, mas os "abraçadores de árvores", aqui, fabricaram essa realidade. A prefeitura proibiu o
plantio de amendoeiras em vias públicas, mas se eu quiser remover uma porque está causando
danos à rede de drenagem o poder público acha que pode intervir, e intervem com grosseria,
truculência. Mas a Light - concessionária de eletricidade - decepa árvores à vontade e ninguém
diz nada.
Responder

Fernanda 2 de fevereiro de 2017 06:22


O que dizem da aroeira salsa para região centro oeste MG? Ela é toxica? Acho ela linda!
Responder

Joana Darc de Paula Oliveira 2 de fevereiro de 2017 06:50


A Espirradeira (nerium oleander)não sei se deveria ser ornamental pois é muito tóxica. Todas as
partes da planta, mesmo depois de morta.
Responder

Respostas

Fátima Coração 2 de fevereiro de 2017 12:10


Muito bem, Joana, ia fazer o comentário e encontrei sua observação. A Espirradeira é
muito tóxica e perigosa, aqui no Rio elas foram retiradas da listas de arbustos de fácil
plantio e desenvolvimento.

Responder

GRACI SANTOS REZENDE 3 de fevereiro de 2017 13:04


Gostaria de saber o nome dessas arvores plantadas em Seretinga,sul de Minas.Imagem da
primeira foto.????
Responder

BOHEMIUS BRAMINIUS SKOLAVIUS 4 de fevereiro de 2017 08:07


As pitangueiras...belas e uteis.
Responder

Lú Oliveira 5 de fevereiro de 2017 13:45


Lindas!!!
Responder

esteticaemcurso 7 de fevereiro de 2017 01:54


Eu tenho na minha calçada uma cerejeira do Japão. Posso podar a copa ? De quanto em quanto
tempo?Não quero que ela cresça muito na vertical.
Responder

Respostas

Arnaldo Silva 7 de fevereiro de 2017 04:16


Podas devem ser feitas somente em caso de extrema necessidade, como por
exemplo, se os galhos estiverem encostando na rede elétrica. Podas desnecessárias
não são recomendadas porque encurta o tempo de vida da planta, bem como reduz a
floração da mesma e os cortes podem danificar a planta, enfraquecendo-a ao ataque
de pragas e dai poderá morrer. Se sua árvore não estiver causando danos a rede
elétrica ou qualquer outro dano, evite podas.

Marilda 10 de março de 2017 10:14


Exato, Arnaldo Silva. Minha rua é bem arborizada porém todos os anos a Comlurb
vem podar (por acaso limpeza urbana sabe podar? Não deveria ser Parques e
Jardins?) e a minha percepção é que cortam mais das árvores do q deveriam.
Observo que os flamboyants e outras árvores não estão florindo como antigamente.
Eu sempre reclamo com eles mas sou uma voz no deserto, ninguém mais reclama.

Responder

Ana Paula 8 de fevereiro de 2017 10:12


Embora eu seja leiga com relação aos assuntos da natureza eu tenho plena consciência do
quanto devemos presevar o meio ambiente e até contribuir para melhorar o nosso planeta. Eu
sempre mim preocupp e até gico com raiva quando vejo pessoas ignorando esse tema. Moro
numa cidade pouco arborizada no nordeste do estado sergipe e aqui o calor é insuportável.
Gostaria de receber algumas dicas de árvores apropriadas para essa região, quero poder passar
a dica para nossas autoridades pois, quem sabe eles não criam um projeto em prol do plantio de
árvores pprque se depender de um grande número da população isso não irá acontecer visto
que ignoram geral.
Responder

Respostas

Arnaldo Silva 8 de fevereiro de 2017 12:26


Olá Ana Paula, boa iniciativa a sua. Sugiro você pesquisar a flora e o bioma de seu
Estado, Sergipe e ver as plantas nativas de sua região e as que se adaptam mais ao
clima do nordeste.

Responder

Renata Rocha de Brito 9 de março de 2017 01:59


Muito bacana e interessante a materia. Preocupo-me com questões ambientais relacionadas ao
desenvolvimento sustentável, camada de ozônio, etc e também amo plantar, ver e fotografar
árvores no periodo da florescência, principalmente os Ipês, Jacarandás mimosos, Bouganvilles e
Flamboyants.
Responder

SÉRGIO ALEXANDRE BOECHAT CAPITTA 9 de março de 2017 14:27


Prezados, onde encontrar mudas ou sementes destas espécies ?

Att,
Responder

Respostas

Ro Zanard 11 de março de 2017 04:24


Oi Sergio aqui na minha cidade tem nas floriculturas e distribuidoras se não achar
eles encomendam pra você.Tem também no Ceasa.
Abraços!

Responder

claudia 13 de março de 2017 05:08


qual a especie utilizada em Seritinga, Sul de Minas Gerais?
Responder

Respostas

Arnaldo Silva 13 de março de 2017 05:34


Imperatriz real.

Responder

Ailce Nunes 16 de março de 2017 03:50


Maravilha de matéria.
Gostaria que minha cidade tivessem essas árvores. Mas ao contrário tiraram todas das ruas.
Mais facil para prefeitura arrancá-las que darem manutenção, e o pior que a sociedade se cala
diante o poderio da podridão de nossos representantes no poder público.
Responder

shirlene ferraz 22 de março de 2017 12:50


Só não gosto daquelas arvores
que dominam toda a frente da casa vai levando tudo que tem pela frente.
Responder

Ro Zanard 22 de março de 2017 14:47


Boa noite, eu estava lendo um artigo sobre a árvore Moringa, conhecida como a árvore da vida,
acho que todos deviam plantar , que acham? Eu já encomendei as sementes . Em breve digo
algo sobre ehehehe
Abraço a todos !
Responder

Roseli Aquino 1 de abril de 2017 12:54


Muito util sua página ! amei.
Responder

Olavo Pereira 20 de abril de 2017 11:29


Umas. Das formas de. Plantar arvores de grande porte sem alavancar calcadas e plantar mudas
dentro de um Cano de concreto de uma polegada de espessura por 01metro de diametro por 01
metro de comprimento com a Boca para cima as raizes São educadas a crescerem para baixo
quando grandes nao aparecem nas calcadas suas raizes.Esses canos e o mesmo esses de
esgoto. De calcadas.
Responder

Digite seu comentário...

Comentar como: Helo (Google) Sair

Publicar Visualizar Notifique-me

Política de Privacidade
Copyright © 2017 Eco Vida - Bom Despacho | Suporte