Você está na página 1de 17

Protocolo de Atendimento Ambulatorial em

Acupuntura
REPERTORIZAR o animal – padronizar segundo a MTC
Magnificação do sintoma – síndrome magnificante
Cercar o dragão é uma técnica usada para afecções localizadas, muito feita ao longo do canal Vaso
Governador e na cervical (cervicalgia), de acordo com Jean Joaquim (2009) uma acupuntura feia é
determinada por muitas agulhas mas postas em harmonia, a forma exata em que devem ser colocadas,
perfeitamente em encaixe com o tecido muscular, alcançando o objetivo energético pretendido.

→ CERVICALGIA
Os pontos Jiu Wei são 6 PONTOS EXTRAS, localizados ao redor da cervical precisamente entre os
pontos B10 (entre C1 e C2) e B11 (C7 e T1), atentar para o fato de que o animal com esta patologia
apresenta muita sensibilidade e, portanto, deve-se utilizar o mandril para posicionar as agulhas, para animais
obesos deve-se usar agulha grossa e comprida (???)

→ DISPLASIA COXOFEMORAL
Síndrome Bi (dor) Coxofemoral (displasia)
Triângulo da cabeça do fêmur = VB30, VB29 (atua nas emoções distribuídas em torno de VG), B54,
BH, B40, B26, F3, VB34, VG2, R3
EA – promove analgesia em que freqüência? (F 0-50Hz, modo AM = chinÊS??)

→ PARALISIA
Usar agulhas chinesas (MEDIDAS??) e sem mandril
Reflexos patelar, tibial e femoral === NEUROLOGIA VETERINÁRIA → lesão de neurônios motores (I ou S)
Lesão de NMS → quanto mais tempo mais dor → Lesão NMI → Incontinência urinária e fecal
MIELOMALÁCIA
↓ ↓
Ascendente descendente
Óbito

→ ACALMAR
VG60 é melhor que YIN TANG para acalmar, junto com C7, P9, PC6 (relaxar e acalmar a mente – triangulo
das bermudas)

→ FITOTERAPIA
Usada principalmente em animais agitados ou quando o mesmo apresenta episódio de tratamento, ou seja,
reage ao posicionamento das agulhas, não aceita a acupuntura, neste caso intervir usando a laserpuntura
ou fitoterapia.
Guei Fu Di Huang Wan é uma erva chinesa usada para tonificar Yang de Shen
Jiuan Bi Tang usada para artrose quando o animal não consegue mais promover a deambulação.
Ação da erva JINAN BI TANG??

→ NEOPLASIA
Qual a característica energética?
Tonificar o XUE ou erva para refrescar o calor

Estagnação – para de circular (bactéria, vírus, trauma)


FOGO – C e ID
TERRA – digestório (E e BP)
ÁGUA – Genitourinário (R, B)
MADEIRA – F e VB gastrite é madeira agredindo terra
METAL – P e IG

→ DISCOPATIA
Representa o rompimento do ligamento dorsal
Daschund = teckel → são os mais freqüentes no ambulatório

→ GASTROENTEROPATIAS
Vômito amarelo – colecistite (cálculo biliar – pode obstruir e causar pancreatite) SILIMARINA (Max 50mg/kg)
Pontos usados: F3, E36 (encosta no periósteo, crista da tíbia), BH (ponto extra no espaço lombossacro),
B19, B11 (lesões de coluna) + água (VB34) (principal para tendões e ligamentos → tira umidade e calor –
cálculo), B20 porta dos ventos (convulsão), um meridiano equilibrando seu acoplado diretamente
F13 (borda ventral da última costela)
VG2 – bom para o membro pélvico + B62
Se convulsão pior estimular pontos de metal (Ciclo Ko em madeira – vento)
VB25 – abdome tenso

Exame neurológico
AVALIAÇÃO DE DOR PROFUNDA (coxins): Pressão é um estimulo difuso, animal reage diferente quando é
dor (vira-se para agredir), prognóstico é bom se houver, testar reflexos nas duas patas (uma é inervada pela
safena e outra pela femoral)
DOR CRUZADA: lesão de neurônio motor de um lado e sensitivo do outro, provocar estimulo é importante
para mandar ao cérebro do animal o comando nervoso (mastigar a ponta do rabo com os dedos, BA FENG,
JOAQUIN’S POINT...)
B23 fica entre l2 e l3
VG 4 é importante para coluna
BA FENG são pontos extras que provocam contração da musculatura e movimentação do animal
PARALISIA x PARESIA (greg – relaxamento, fraco) – em ambos há perda de função motora mas usa-se
paresia apenas quando o movimento esta fraco ou limitado (paralisia incompleta)
PARAPLEGIA x HEMIPLEGIA – paralisia dos membros inferiores e também do tronco, e a segunda é
paralisia de um dos lados do corpo
BICO DE PAPAGAIO – Osteofitose (formação óssea anormal reação á degeneração do disco intervertebral)
B60 – R3: ponto aspirina, no maléolo lateral no tendão calcâneo
Entre VG e B há uma coleção de pontos chamados HUATO (servem para ajudar a cercar o dragão
estimulando mais ainda a região)
Na extrusão de disco a atrofia é rápida (para analgesia usar F ↑50-100)
VG16 (occiptal) + yin tan (linha da saombracelha) = acalmar
Lesão lombossacra é mais difícil mexer PORQUE???
Artrite inflamação, não vinculada à idade, pode acometer várias articulações (poliartrite)
Artrose degeneração, comprometimento funcional, freqüente em articulações que suportam peso, dor
vespertina que alivia com repouso (dor após uso da articulação), quando ocorre processo de destruição o
organismo tenta conter a lesão reparando, e produzindo mais osso (osteófito)
FATORES QUE CONTRIBUEM PARA A DEGENERAÇÃO ARTICULAR
- sobrepeso (sobrecarga nas articulações)
- dieta (balanceada sem excesso gorduras – sobrepeso)
- exercício físico (caminhada contínua de 20-30 min) EXERCÍCIO SISTEMÁTICO (procedimento organizado
para conduzir à uma meta!!!)
Há certa idade e comprometimento ósseo é bastante benéfico o uso de andador (vetcar) pois evita o
sobrepeso na articulação dando-lhe tempo para desinflamar

DOR – neurolítico nos acupontos (NEUROMAX 5%)


“melhor ser dependente de fitoterápico que de droga” Jean Joaquim
Animal é condicionado pelos donos à uma postura para chamar agtenção geralmente adotando-se uma
postura rígida isso se corrige
Ponto diagnóstico para cervical é cranial á escápula
VB21 – entre acrômio e VG14 bem no meio do trapézio
VG10 – para fraqueza em membro anterior
Como a escápula é em forma de fenda ela é a porta de entrada para invasão de frio (VENTO – MADEIRA)
EACP ↑↓ para sedar e tonificar ao mesmo tempo
A lombar é onde ocorre as lesões mais freqüentes (abaixo de t3-t10 é decorrente de trauma – atropelamento)
Protocolo para lesão em NMS: B18, B23, BH, R3, VB34
EACP verificar jacarés (americano e chinês, um é menor e mais leve) para que não “pesem” na agulha, dica
do Jean PE prender ele com um pouco de pêlo para assegurar mais ainda
PONTO DE ASCENÇÃO E ASSENTIMENTO É A MESMA COISA
Aparelho com 2 saídas (bateria) – 400
Em casos de lesão da medicina interna não necessita os pontos de tratamento serem bilaterais
Já as lesões mecânicas sempre devem ser bilaterais (acentua alta)
Andar medular verdadeiro – corpo se movimenta independente de comando
Punção de medula óssea (auto hemoterapia)_ - células troncos (40x5) 4ml, 5 no máximo
Para injetar nos acupontos
PC6 – ponto plasil
Condroton não é regenerador articular, é antinflamatório de longa duração, não há trabalho que comprove
este efeito
C3 é o ponto que joga água no coração (SÍNDROME DO PÂNICO, EUFORIA, AGITAÇÃO, INQUIETUDE)

Pruprido, processo alérgico – calor no xué


LONG DAN XIE GAN TANG – esfria muito, é o antinflamatório chinês

Animal tenso, dolorido = padrão de excesso, usar agulha fina

IG4 – não se usa muito em animals por ser um ponto muito dolorido

FPE – fator patogênico externo, ou exterior com oJean chama (frio, vneto, calor, umidade e secura)

VISCUM ALBUM – anticancerígeno homeopático


Diferenciar uma síndrome dolorosa de uma síndrome atrófica
TA5 – transfixar o espaço interósseo entre rádio e ulna (para tendões e ligamentos de MA)
VB34 – para tendões e ligamentos de MP

Para traçar um padrão de doença desconhecida a melhor coisa a fazer é exames seriados

Diferenciar pelo teor protéico


Exsudato (fluido inflamatório) - ↑ 3ng/ml e alta celularidade (neutrófilos), mais seco, consistente
Transudato – ↓3ng/ml e baixa celularidade
Causas de ascite
ICC direita
Hepatopatia
Hipoalbulinemia
Neoplasia
Nefrose (animal fica com os membros e face bastante edemaciados)
Cirrose
Mixedema

Quando há dificuldade em fechar um diagnóstico pela medicina convencional, na chinesa faz bastante
sentido
Agressividade – não aceitar nada VO pode ser considerado agressividade?)
Se o animal não reagiu mal à intervenção não seria dor?
PULSO RÁPIDO – febre
BP21 – mansão dos ossos
Terra controla fluidos (BP)
BP4 + PC6 – pontos para enjôo em grávida
F14 – ao lado do xifóide (depressão, próximo do VG14)

Muito importante estimular o ponto sem prejudicar o metabolismo do animal debilitado


Acuponto consome metabolismo

FITO que tonifica tanto YIN quanto YANG é sheng mai, BA jen, bu xué
Neuromax (neurolítico) em acupontos pois promove neurectomia, bloqueia o nervo, cessa a dor (BP10, E35,
E34 Xi Yan)
IG10 é o E36 dos membros anteriores

Protocolo usado para cervicalgia – B10, 11, 12, JIU WEI, VG15, 14, VB39, 21, ID3
Pontos extra da cauda (Joaquim’s point) são usados para estimular

B10, B62 e VG2 são usados para destravar a coluna


É rotineiro injetar vitamina b12 nos pontos E36, IG10 e BH

Viscum Alba é usado no ponto VG14 (imunidade) principalmente em casos de câncer (anticancerígeno
homeopático)]
DIETOTERAPIA caseira para diversas patologias (desintoxicação)
Como tumor tem requerimento energético alto deve-se diminuir a ingestão de carboidratos
Ponto b23 fica na direção da última costela entre l2 e l3 (é um ponto chave de RIM, ossos e nervos)
B18 é um ponto de assentimento (fígado) que move madeira, age em articulações e tendões
VB34 – ponto mestre de tendões, na crista da tíbia
B40 – mestre de coluna lombar

Erva ZUE FUU serve para esfriar o sangue (tumor, calor)


YIN esta ligado à constituição
YANG à função
Displasia, articulação e ligamento estão ligados à MADEIRA (fígado) – f3, b18, vb30, b52, b23, 24, 25, b17,
27, e36
Para um animal assim recomenda-se DU HUO JI SHEN TANG
Sendo um pastor alemão ↓yin do rim, idoso complica mais ainda, por isso r3 e b23 (dietoterapia – pimenta
branca ajudará com o elemento água pois tonifica elemento metal – ciclo de geração)
PANICULO OU REFLEXO CUTÂNEO DO TRONCO - Reflexo cutâneo do tronco
- O reflexo cutâneo do tronco, também chamado de reflexo do panículo, está presente ao nascimento. Ele
testa a integridade da inervação da musculatura cutânea do tronco. A resposta ocorre no segmento medular
próximo a T2. Espeta-se uma agulha na linha média dorsal do tronco, desde a região lombo-sacra até a
altura de T2. A resposta normal é uma contração reflexa da musculatura subcutânea um pouco acima do
ponto de estimulação, e indica que a medula está intacta desde o nível testado até T2. Uma lesão medular
causará ausência do reflexo do panículo caudalmente ao ponto lesionado e, na região da lesão ou um pouco
acima da mesma, pode ocorrer uma resposta exagerada.
A partir de L2 já tem panículo? ↑
ASSINATURA RADICULAR
ANDAR MEDULAR

RECEITA PARA ACALMAR A MENTE – Pc6, c7 e p9


R7 – ponto lasix
PC6 – ponto plasil

VB21 – bem no meio do acrômio (TA14)


Fator patogênico residual no xao yang (uma das camadas energéticas) de uma invasão que o organismo não
conseguiu expulsar totalmente
FRIO EM CIMA
CALOR EM BAIXO

Distúrbio de SHEN é comportamental


Usar EACP depende do estado do animal (consumo metabólico) NÃO USAR EM: Paralisia repentina,
incontinência urinária...
- debilitado
- filhotes
- idoso demais
Ou se usar não ser por mais que 10 min

A intensidade depende de quanto o animal suporta sem dor

AMBIENTE DE ACUPUNTURA:
= Silencioso
= Confortável para animal e proprietário
= Cômodo e prático
= Privacidade

Fármacos que os pacientes de acupuntura mais usam quando chegam para tratamento: Inalapril, rimadyl,
Alolipina (antiarrítmico)
MAGNETOTERAPIA
FISIO – TENS E FENS
Bóia no animal para nadar!!
Quando o animal não responde à vincristina usa-se doxorrubicina

Exame neurológico: testar reflexos do animal, propriocepção, radiografias (diminuição ou não de espaço intra
vertebral EIV),
Toda síndrome BI é dolorosa

Incontinência leva em média 7 semanas para estabilizar (EACP em pontos da bexiga) b20, 22, 60, vb34, e36,
BH, vg2 ↓ yang rim e bexiga
Protocolo de EACP (eletro) deve ser no ponto mais proximal e o mais distal (cercar o dragão)

Tumor hepático (↓Madeira) – estagnação que pelo ciclo Ko provoca ↑ terra (diarréia clara, aquosa, sem
cheiro - ↓ Yang PI)
Protocolo de tratamento é tonificar água
Mais fácil tonificar do que sedar
Pulso lento, pouco tenso, profundo
VG12, E21, E36, BP3, BP4, F14, F13, F3, B18, B46, P9
Língua púrpura mais nas pontas (B20 é sensível)

Atropelamento (fratura em l3) sem propriocepção, relaxamento de ligamento genital (vulva caída),
desobstrução local (cercar o dragão), tonificar rim (Jin Kui Shen Qi Ran, Jiu Wedi Awang Ran)
Cada ponto tem função local e geral
Acompanhando as costelas reto = b23
Acompanhando = b21
VG2 – na dobra da cauda
VG1 – acima do ânus
VC1 – abaixo do ânus
Nos Joaquin’s Point não se usa EACP (3 pontos na cauda)
QUAL PONTO NA EXTREMIDADE DA CAUDA???

Tetraparesia – discopatia cervical


Alopatia é mais rápida, mas fitoterapia é mais efetiva (Desde que o diagnóstico seja o correto).
Juan Bi Tang – Para dor
Síndrome Bi fria – EA 2Hz-120Hz – B10, Jiu Wei, V15, VG14, B11, VB39, ID3, VB21

Teckel – calcificação vertebral,hiporxia, paraliia posterior, apetite seletivo (carne crua) BH, B18, B23, E36,
VB34, B40, R3 (com 1 mês de acupuntur passou para quinzenal) = XU YANG SHEN (tratamento para
desbloquear Qi de Du Mai Pangguang

Ciclo reverso, Ru, contradominândia (menos comum em veterinária) é patológico (PROBLEMAS DE


EXCESSO)

Craniopuntura e caudopuntra

IG10 (mais frontal que lateral), E36 (pontos de estimulação local), V30/B20 (tira vento, BP0 e B20 (tonificar
baço)
BP3 – ressaca
Tumor hepático, animal idoso (6 sessões animal já melhora da dor), enzimas hepáticas aumentadas.
TESTAR REATIVIDADE DOS PONTOS (dor, temperatura)
Esplenomegalia, dor abdominal, anorexia, sensibilidade F14 e F14 (hipocôndrio), cistite
Estagnação xue fígado (calor) – F3, B18, B17, E36, VG14, BP10, VG4, VB40, P8, BP6, VB34, VB39, BP32.

Tegredol (anticonvulsivante – agressividade) associado à acupuntura


C7 – P9 – PC6 – C8 – sossega leão

Selegilina – l deprenil 1mg/kg – disfunção cognitiva (esclerose, senilidade...) COMERCIAL JUMESIL ou NIAR
(mas são caros, é melhor manda manipular)
WWW.sanare.do (Du – Dinamarca)
Tumor fígado – metal-metal (p8, ig1) – 80% melhora em todos tumores analisados (em início – até grau 2
sem quimio e cirurgia)
Animal com câncer não sofre pra morrer, morre de repente
Metástase – fator patogênico se aprofundou, quando não trabalhar mais o órgão em si (síndrome
paraneoplásica – calor tóxico – seca o sangue, caquexia, anorexia, calor queimando por dentro, FITO,
DIETA!)
Ponto fonte – onde aflora a essência no meridiano (JING) energia concentrada (reserva)
JING = reserva, concentrado!!!!
Pontos de acúmulo – chiclete!
Pontos de acumulo e luo são pouco usados em veterinária (excesso) para dispersar, espalhar a energia
acumulada (problemas crônicos também)
Pontos Ting (da coroa do casco – desobstrui meridiano melhorando a circulação energética)– Poço! Pontos
das extremidades (laminite – sangrar todos os pontos Ting), se usar os 5 elementos vai funcionar, mas
demorará, e laminite não se pode esperar efeito (acaba evoluindo), pontos Ting são muito mais fortes, em
cães são pouco usados (R1 é o mais usado – paralisia juntamente com o VG26, só que enfia e tira) – moxa
VC12 e B23
Ponto da ponta da cauda (extra)
Ponto de assentimento, de transporte ou Shu Dorsal P-PC-C-VG-XUE-F-VB-BP-E-TA-R-IG-ID- B
B13 → Pulmão
B14 → Pericárdio
B15 → Coração
B16 → Vaso Governador
B17 → Xue (relacionado com o diafragma)
B18 → Fígado
B19 → Vesícula Biliar Síndrome ↓
B20 → Baço-Pâncreas Bi Shen
B21 → Estômago
B22 → triplo aquecedor
B23 → rim Obstrução
B25 → Intestino grosso local
B27 → Intestino delgado
B28 → Bexiga

Pontos que abrem a janela para o céu (pescoço – abrir novos horizontes)
Ponto alarme (diagnóstico – YIN, se relacionarão mais com a estrutura) x ponto assentimento (diagnóstico e
tratamento – YANG, se relacionarão mais com a função)
DETECTAR ALTERAÇÃO NA ESTRUTURA e/ou FUNÇÃO (segundo a medicina chinesa)

Farmacopuntura – 0,1-0,2ml por ponto

Vasos maravilhosos – onde ficam as reservas (portão da vitalidade, entre os rins ou no rim direito
dependendo da escola, MingMen) o mais usado é ID3 + B52 (abrir toda porção superior do organismo), usa
no desespero, emergência ou quando não se tem mais o que fazer (não gastar essência à toa)
Língua mole está relacionada com baço (↓Qi)
DIAGRAMA DE BOLHAS - Órgãos – sempre na seqüência , 5º ponto é sempre Ho (joelho, cotovelo)
Melhor tonificar usando a mãe e o elemento
LONG DAN XIE GAN – calor
Vento frio = vírus (secreção serosa, olhos, narinas, claro = frio), contaminação bacteriana (vento calor –
corrimento, crosta, pneumonia) – FPE penetra mais ainda causando deficiência de Xue (febre, anorexia) =
vento interno, se o vaso não esta cheio de sangue sobra espaço preenchido por vento (mioclonia, convulsão)

LIVRO – A DOENÇA É O CAMINHO


LIVRO – 4 PATAS 5 DIREÇÕES
LIVRO – IMPERADOR AMARELO
LIVRO – MACIOCIA

Animal muito idoso sacrifício humanitário coloca várias agulhas para esgotar o JING (único caso em que
acupuntura pode matar, seja o problema que for não há como piorar com acupuntura, ela sempre
estabilizará), quando Yin e Yang se deslocam animal está na eminência da morte. Animal muito debilitado
pode morrer se for usado EACP

Passarinho (extremamente Yang) e filhote coloca e tira a agulha


VG16 – Côndilo Occiptal
VB20 – forame do atlas
4 cavalheiros !!

Para encontrar o número correspondente à segunda linha do meridiano da bexiga basta localizar o ponto
intervertebral e somar 29 (ex. se localizar B23 o ponto mais lateral á este é B52)

Exercitar anatomia com imagens sem descrição, colorir, encontrar estruturas, palpar na Sarah
Fórmula para carnívoros – C7-T13 (13 costelas também) – L7-S2-Ca ou Cd20-23
Articulação atlanto-occipital e atlanto-axial é que permite a ampla movimentação cervical do animal
C3-C4-C5 0 forma bicuspude
C6 – tricúspide nomenclatura não-usual (segundo a forma)
C7 – unicúspide (já começa a se parecer com uma vértebra torácica)
LIGAMENTO NUCAL – liga axis às vértebras torácicas.
VERTEBRAS TORACICAS
Processo espinho (vai diminuindo de tamanho conforme vai chegando ás vértebras lombares), transverso,
mamilar e acessório
MUDANÇA REPENTINA – (importante para palpar e achar os pontos VG e B) mudança de orientação dos
processos espinhos, eram caudodorsais e viram crâniodorsal (palpar T13, T12)
LOMBARES
Característica pelo processo transversos (voltados cranialmente) – importante pois se articula com o Sacro (3
vértebras unidas que formam um osso só)
SACRO – PELVE ÓSSEA (teto da cavidade pélvica) – processo articular caudal e cranial
Articulação Sacroilíaca!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Coccigea é apenas uma nomenclatura humana (COCIX), nos animais é VÉRTEBRA CAUDAL!!!!!!!!!!!!
Há uma simplificação progressiva das vértebras caudais (diminuição dos corpos vertebrais)
LIGAMENTO SUPRA-ESPINHAL – de T2 em diante
Articulação intervertebral – sínfise, fibrocartilaginosa
Costelas tem parte óssea e cartilaginosa
TIPOS
- verdadeiras (Esternais) ou costais (se articula com o esterno – articulação esterno-costal) são 9
- flutuantes – a 13ª última
- falsas (acostais)
F14 - 6º espaço
Último par de costelas flutuantes – linha reta entre l3-l2 = B23, entre l2-l3 é VG4
BH = palpa as cristas ilíacas
B12 – ponto mais alto da escápula
Esterno – 8 esternebras, extremidade cranial (manúbrio), extremidade caudal (xifóide)
Elizabeth M S Schmidt

Fáscia – epimisio, membrana de tecido conjuntivo que reveste externamente o músculo (na maior parte das
vezes a agulha de acupuntura atinge esta estrutura)
Ventro em miologia – é o corpo
Digástrico – 2 ventres (2 corpos)
Estudar músculos através de seus nomes (origem dos nomes)
ABREVIAÇÂO ANATOMICA
Mm. Músculos
VV. veias
Aa. Artérias
Nn. Nervos

Sínfise???
Exercício com bola entre as pernas é ótimo pra trabalhar grácil, adutor...
Ruptura de serrato o processo espinhal da escápula fica bem alto (músculo de fixação)

Hipotiroidismo ↓ YANG PI – bom usar moxa, pontos YANG (e36 – fazer o ∆ entre crista da tíbia, cabeça da
fíbula e o VB34, localiza-se 3 tsun para baixo na barriga do músculo), ↓ YANG SHEN (calor vaio)
IG10 – 3 tsun abaixo do cotovelo
TA10 – cotovelo (equilibra fluidos – tumor)
TA14 – atrás do acrômio
ID15 – na frente da escápula, ponto mestre para concentrar energia em MA
B23 – ponto de assentimento do RIM, onde YANG do órgão se manifesta (representa os ossos)
B11 –
YANG – rege o funcionamento (função, fisiologia), YIN a estrutura (matéria)
R3 – ponto fonte (atrás de B60), aflora a energia ancestral, essência

CANAIS TENDINOMUSCULARES – pesquisar mais sobre isso

Labrador – JUANITO (o que é isso???)


Ajustar a dose da tiroxina por dosagem hormonal (hipotiroidismo)

WEI FU é tônico YIN para RIM

Laser é apenas uma alternativa á acupuntura, uma não é melhor que a outra, pois há animais que
simplesmente não aceitam a agulha. A eficácia do laser depende muito do aparelho (feixe de luz).

C8 é um ponto muito usado para sedação e C7 para tonificação (acalma a mente)


C5 arritmia ↓ YIN XIN
C3 para problema crônico de coração
Auto-hemopuntura
B10 fica atrás do atlas
B11 fica atrás da escápula

BP → Gu Qi → P → Zhong Qi → C → XUE
BH em humanos é o VG20
4 cavalheiros →↓←

Síndrome BI ósseoa piora com frio (efeito do fleuma)
Água de arroz é bom para diarréia

Cervicalgia (Pinsher) – tremor/dor, anda encurvado (síndrome Bi é estagnação = dor)


PULSO CHEIO – dor == tratamento é cercar o dragão, huato, jiu wei (para desobstruir), VB20, VG20, VB39,
B17, VG21, TA14 (acrômio)
ID3 e B62 – abre VG, bom para dor nas costas e paralisia

Dermatite úmida – cefalexina não é tão bom quanto ciprofloxacina e iodo povidina para secar a lesão

Estudar mais sobre plasil, ranitidina, glicose, complexo b, prometaina, tramal, morfinal, furosemida, dipirona,
escopolamina

Na estagnação um lado fica em excesso e outro com deficiência


PC6 e BP4 equilibram XONG MAI e fortalecem E (para massa hepática)
VB34 – tira umidade e calor, colestase, tonifica tendões (o contrário de VB34 é BP9)
Ponto F14 é muito sensível
Oculomotor – miose

Pupila – SNA parassimpático


Dor na região da cabeça é trigêmeo
Estudar nervos cranianos para entender melhor o processo de formação de imagem e dor em face (tronco
cervical)

Para testar propriocepção consciente dos 4 membros usar o teste da patinho no chão
Fascículo grácil - posterior, cuneato (cuneiforme) – anterior
Para testar propriocepção inconsciente necessita ser realizada quando não se presta atenção

ESPINOCEREBELAR – trato espinotalâmico – dor


Superficial e profunda – grave
Trato espinhal – síndrome Horner

Marcha reflexa, andar medular (inconsciente), trato motor (córtico rubroespinhal, MOVIMENTO, que no gato
é mais desenvolvido)
A informação toda é distribuída pelas regiões que a torna complexa e protege
Lesão ortopédica de membros gera diminuição de reflexos
NMS – NMI
Entre t3 e L3, neurônio motor
Trato axonal do neurônio
O reflexo serve para testar o circuito

SERINGOMIELIA
Retenção (tônus, bexiga repleta) X incontinência (vaa, relaxamento)

MIELOGRAFIA
→Carrinho ortopédico, acupuntura
Má formação da vértebra cervical (TOMO)
REABILITAÇÃO tonifica musculatura
Diferenciar protrusão de prolapso
XIFOSE
Síndrome SCHIFF-SHERRINGTON
Clônus x Tônus
Neurônios da borda
CHOQUE ESPINHAL dura algumas horas e gera flacide de membros posteriores
NMS – espástico
NMI – flácida

NEURÔNIOS DA BORDA – propofol

MIELOPATIAS – ENCEFALOPATIAS
Auto-mutilação por parestesia

TETRAPARESIA FLÁCIDA
Função neuromuscular – miastenia gravis, botulismo
Raiz poliradicular – secundária à vacina (imunomediada infecciosa)
Doença do NM (rara em cão) – atrofia muscular severa
POLINEUROPATIA
Reabilitação por acupuntura – não indica tratamento, pois o curso da doença não muda (doença do NMI)

Implante de ouro – usar xilazina, no gato usar inalatória, no pastor acepran, no animal grande pode-se usar
acupuntura à seco.
Vibração e tapa para liberar substância P, segredo do implante é beliscar o animal grande para “anestesiar”
por atrito mecânico, distente tecido analgesiando.
Animal com processo doloroso administra meloxican 1-2 dias após implante

Freqüência contínua deixar até 30min (lesiona tecido)


HEGU – IG4
Procedimento quando animal não acerta as agulhas
↓ freqüência para estimular o sistema nervoso (contração caudal = movimento de pedalagem)
ELETRO corrente contínua – 100H – DOR LOCAL

B20 fica entre T12 e T13


Fisioterapia com bola – não deixar o animal flutuando – 2x por dia com 10 repetições, forçar o animal a
apoiar os membros
B11 é mais para animais idosos
Animais paralisado usar R3
Problema lombar (B60, B10)
Proprietário retrancou coluna do animal – perda propriocepção em grau elevado, paralisia completa
Melhor resposta (menor recidiva) corrente baixa (grau 1 e 2 recidiva mais que dor superficial / profunda)
Fêmea – ID3 esquerda
Macho – ID3 direita

Traumática, hérnia de disco, calcificação de disco


Um processo espinhoso mais elevado que outro – aperta-se para diagnosticar

Efeitos da acupuntura são neurológicos, humorais, endócrinos (ACTH...)....


O que fazer em casos complexos?
- Diagnosticar com precisão
- definir co-morbidades
- saber quando e como indicar um profissional capacitada para o caso em especial
- ter conhecimento dos efeitos da AP

Última opção é dizer que foi falta de conhecimento do clínico responsável (ÉTICA PROFISSIONAL)
Falta de conhecimento do proprietário
Dificuldade de tempo e transporte

DOR TOTAL = física + psicológica + social + espiritual


O vento (feng) É O MENSAGEIRO DA DOENÇA
MIOMA – contraste entre quente e frio (estagnação)
Óculos branco – pêlo branco ao redor dos olhos (deficiência de RIM) – sensibilidade no ponto B2
B25 – ponto para intestino grosso (mucosa) tem ação sobre a próstata

O trajeto do meridiano utiliza os do sistema nervoso mas não é só por ele que é explicado
Acupuntoscópio é mais usado em pesquisa
Tempo de liberação do Qi – dependendo da correta localização do ponto pelo acupuntor é imediata
O conhecimento observacional possui correlação somato-visceral
Ramo interno do meridiano que faz comunicação com o órgão que o denomina
O meridiano é uma rede de integração do corpo que serve como proteção contra invasão de patógenos
Demonstra a localização das desordens pois transmitem Qi para a área afetada durante o tratamento
Regulam o excesso e a deficiência
Dermátomos táteis – inervação segmentar
A energia de defesa circula pela superfície
Os bloqueios anestésicos são sempre em pontos de acupuntura
B40 é ponto mestre de columa lombar
Relação entre os canais/meridianos de ACP e nervos do plexo lombossacro
Alguns meridianos “usam” nervos
E – nervo femoral
R-F-BP – nervo safeno
VB – nervo fibular
B – nervo ciático

THREADLIKE STRUCTURE – comunicação intracelular via nanotúbulos


Quanto mais íntegro o sistema nervoso melhor os efeitos da acupuntura (neurohumoral)
Ativação do fluxo de Cálcio por estímulo químico ou mecânico, pode-se propagar em segundos para outras
células distantes centenas de micras via nanotúbulos
Rede de comunicação física – celular, não neural
Acupuntura libera substâncias humorais (evidenciado por experimento direto e indireto)
Agulha grossa é mais usada em local dolorido (stress movimenta o cortisol)
Neurotransmissores envolvidos na AP – Catecolamina (NA) → Serotonina (Acetilcolina) → Substância P (SP
– que modula a dor na coluna por exemplo) → GABA (dopamina) → função antidepressiva

CCK8 → Dor articular por exemplo (ação dos NT liberados por AP)
A diferença entre remédio e droga é a dose!
↓ limiar nociceptivo e analgesia através do exercício que previne também a atrofia muscular desde que
devidamente orientado para não causa stress na cápsula articular e ligamentos
Receptores Mu articulares

ESTUDAR MAIS SOBRE AMITRIPITILINA na dor muscular


Processo de confecção de trabalho científico – metanálise!
Provas de que a vacina funciona – imunoestimulação
Veneno de abelha no IG11 – estimula a imunidade
VG14 – imunoestimulante ↑44 a 59% o número de leucócitos no plasma
VISCUM ALBUM no VG1 é muito usado principalmente em animais com câncer
BH e ID19 leucocitose com neutrofilia
E36, BP6, BP10, VB39 (mestre de medula), B17 (produz sangue), B26 (laser, ↑ atividade fagocitária)
Controle parasitário com acupuntura em ovinos
HEPARINA EM PONTOS DE ACUPUNTURA – efeitos?!

1 – oposição YIN YANG – não há proporção estática


2 – interdependência – um não existe sem o outro
3 – consumo mútuo – um afeta o outro
4 – interelacionamento – um se transforma no outro

YANG – inflama e gera calor, vento calor, hipertensão, mialgia, catarro, oligúria, constipação
YIN – invasão de vento frio, coriza, mialgia, febre, poliúria
Pulso cheio – calor verdadeiro
Apenas sedar YANG já não se tonifica YIN??
SÍNDROME BI CALOR – calor excessivo (↑YANG↓YIN) hipertermia, febre, agente patogênico, reação
inflamatória, estresse, ansiedade, agentes tóxicos
SÍNDROME FRIA (↑YIN↓YANG) frio excessivo, pulso lento e atado (como é isso, atado?) = DCF (cauda
dura, andar rígido, claudicação), quando o ambiente restringe o animal fica mais YIN, hipotermia,
antiinflamatório em excesso (corticóide), efeito medicamentoso, depressão
É mais difícil tonificar do que sedar, muito mais fácil tratar excesso do que deficiência.
O diagnóstico é pelos contrários, se há ↑ de YANG o problema correto é ↓ YIN
CONDIÇÔES QUE MIMETIZEM A SÍNDROME!!!

↑YANG relativo ↓ YIN – SÍNDROME DE CALOR VAZIO (pulso vazio)


Urticária, hipertiroidismo, artralgia, insônia, Síndrome de Wobler (estudar mais sobre isso!!!) – ansiedade,
agitação com o tempo

↑YIN relativo e ↓ YANG – SÍNDROME DE CALOR VAZIO, dor crônica, consome YANG, retração social,
hipotiroidismo, enfermidade crônica, letargia, depressão, obesidade (BP)
Ascite - ↓ YANG DE PI (pois ele controla os fluidos)
R7 é o ponto lasix (2 tsun acima do R3)

SINTOMAS DA ENFERMIDADE YIN


Aliviam com o calor e pressão (linfagite é uma emergência clínica pois o animal não sobrevive mais do que 3
dias assim)
Agravam com o frio, diarréia e urina clara e abundante, pulso lento, língua pálida, esbranquiçada, saburra
branca e úmida
Sedar o ponto até 20ml em acupontos
O coração é o mestre das emoções
↑ YANG – altivo, agressivo, inquieto, olhos brilhantes
Diarréia – probiótico para equilibrar a cólica

↓ = XU

XU YANG – E36, IG10


XU YIN – R6, P7, BP6, BP10
A escolha dos pontos é baseada no diagnóstico

Para tonificar YIN de SHEN – R10 – perda de água


YANG de GAN – F8 (no peito) para tonificar os rins
Calor perverso → problema genitourinário (urina concentrada)
É mais fácil sedar do que tonificar
MING MU DI HUANG WAN → Tônico de YIN (↑ esfriar, sedar) (Ming mu = brilho dos olhos)
KCS – olho seco, ceratoconjuntivite seca
Tonificar = esquentar
EXTRUSÃO DE DISCO – espondilose?!?
Impossibilidades de uso de fitoterápicos: formulação difícil de encontrar no Brasil (poucas farmácias
trabalham com elas)
Prurido – queixa do proprietário é a coceira então trata-se para que ele se acalme para depois começar a
tratar prurido sistêmico, que não é a origem do problema
FAN FENG XAO FENG

Pulso em corda – EXCESSO


Vasos vazios é penetração de frio (ou seja, muito “espaço” entre os glóbulos vermelhos) – tremor!
XIN – aspecto cognitivo
Convulsão, mioclonia, animal jovem – epilético verdadeiro
Problemas em tendão indica agressividade
IG15 – ponto mestre do ombro
ASSINATURA RADICULAR????
DIAGNÓSTICO EM MTC – pelos 8 princípios (BA GANG)
1- Etiológico: causas do processo (FPE – tipos calor, frio, vento, umidade = peso, embotamento), quando
FPE é pelo clima os sintomas perduram
2- Sindrômico: agrupando sinais e sintomas, identificando órgãos e meridianos afetados, síndromes de
canais e de colaterais, Qi, Xue (diferenciar segundo BA GANG)
Xue é feito à noite e circula à noite (YIN)
YANG é Qi
Quando órgãos internos são afetados – pensar em acometimento de meridianos
Quando as condições externas é que não estão boas – pensar em acometimento de canais
tendinomusculares
DEIV – diminuição de espaço intervertebral

Síndrome Bi pode ser interna ou externa


Conflito entre XIE QI (FPE) x WEI QI (energia defensiva) → Dor em MTC é falta de circulação de Qi
Avaliar se a síndrome evoluiu de externa para interna (dessedenntação)
Quando a síndrome é interior há comprometimento de substâncias fundamentais
Muito calor = calor tóxico
30x8 – hipodérmica
40x8 – cavalo

Tragus – borda da orelha, onde se insere ID19


Língua deitada na boca = deficiência
ID3 – cervicalgia
PC – meridiano que segura as enfermidades antes de afetarem o coração (tratamento para distúrbios
comportamentais)
TA20 e TA17 – para massas tumorais
TA = avenida de transporte do Qi
Linfadenopatia – nódulos (BP – umidade afeta mente e vitalidade)
BP é naturalmente ↓ YANG
Yu nan pai yao – corta sangramento, tumores que sangram – para anemia crônica não funciona

VIBRAMICINA – Erlichia (20 dias para fazer efeito)

Meridianos ZANG começam no pé e terminam no tórax (YIN) ou começam no tórax e terminam na mão (pois
vêm da terra)
Meridianos FU começam na mão e terminam na cabeça (YANG) ou começam na cabeça e terminam no pé
(pois vêm do céu)

LATERAL – YANG
MEDIAL – YIN
VG14 – é antipirético
Vasos maravilhosos – Du Mai (VG) – unilateral
Ren Mai (VC) – não pareados
Ponto conexão é aquele que se agrega ao acoplado (P7 – IG)
Acuponto – Shu (transporta, comunica, distribui xue, buraco, depressão)
Pontos A-Shi surgem com doença (como fibromialgia) – trigger points
Canais regulares ou ordinários
JING LUO
Melanoma bocal – PESQUISAR MAIS!!!!!!
Lesão de L7 retém urina
Cão tem panículo até L3, gato tem mais
Gato – mestiço Maine Coon, paresia posteriores, fratura CF, cauda eqüina, denervação, foi indicada a
eletroneuromiografia e tratamento com célula tronco (60Hz modo AM), 80Hz é usado para atletas, complexo
B em acupontos estimula menos que vitamina B1
B40 – EAP é para tonificar semitendinoso e semimembranoso
L4 – nervo femoral
Nervo ciático
Cruzado tibial
Displasia não altera propriocepção
F3 é um ponto à distância para DCF
B54 – dorsal ao trocanter maior
Hipereflexia de femoral – fratura – sinal de babinsky (abrir dedo) NMS
Presença/ausência de dor profunda
Questão ética – eutanásia ou não??? NUNCA DIZER AO PROPRIETÁRIO QUE NÃO TEM JEITO, DIZER
QUE É DIFÍCIL!
O reflexo patelar vai de L3 a L5
Ciático
Femoral
R10 é importante para quê?????

Tsu (cun) é uma medida individualizada


Fisiologia do Qi: Alimentos e bebidas no E são separados em puro (para o BP) e impuro (para ID), onde são
novamente convertidos nos respectivos órgãos em puro para a B (que irá para pele e músculos passando
pelo R) e impuro para IG (pelo ID), esta parte impura também irá formar a urina. De BP se obtêm o Gu Qi e
Yuan Qi que são convertidos com ajuda de Jing para o C (onde forma XUE), Gu Qi no P se transforma em
Zhong Qi que se separa em Yuan Qi e Zhen Qi (= Yin Qi e Wei Qi)
O produto enviado do R para o P é convertido em Qing Qi. XU = deficiência ↓
Dálmata e Teckel (ou Dashound) têm predisposição à urolitíase, a causa é genética mas a ACUPUNTURA
ameniza
Garanhão e reprodutores possuem ↓ Shen devido a atividade que exercem o desgastar muito.
O não controle de esfíncteres (incontinência) é reflexo da perda de energia
Estenose cervical = cervicalgia = síndrome de Wobbler
Língua púrpura = forte estagnação (câncer) = dor
Quando animal sofrer excesso = sangrar pontos Ting caudais do casco (no caso de cavalos)
Desenvolvimento de radiculopatia (extrusão de disco, compressão da raiz)
Tratar primeiro a queixa do proprietário (se não requer atenção especial) para ter sua adesão ao tratamento
AVV – aversão
A cauda do gato demonstra tipicamente o padrão de excesso (diferente do cão)
EXCESSO – YIN, peso, letargia
YANG vaporiza urina (R↑) se não evapora acumula e é excretada em grande quantidade

Teckel (Natasha): quando necessário recomendar fisioterapia (exercícios em casa com alongamento bolístico
– BOLA SUÍÇA)
VG2 – localiza-se na inserção da cauda
VG1 – ânus
Foi indicado joaquin’s point (extra da cauda), R1 (coxim medial), VB39 (abaixo da safena – próximo à tíbia),
VG4-B23 / VG5 – B21
B20, B21, B22, B23
Huatos ficam entre B
BA feng
↓EIV com pulso fino e fraco, paraplegia com ausência de dor profunda, calcificação de disco com osteófito
dorsal (cistite – cantharis, parreira brava, berbeus, CH9 3gts/dia)

DOR EM POSTERIORES (paralisia – joaquin’s point, B18, B23, R1, R3, BA FENG, VG1 – tira umidade e
calor, pontos da B são sempre bilaterais)
O intervalo entre as sessões pode ser de até 3 dias, acelera a melhora mas não muito
B53 e B30 são pontos genitais, B18, B23, R3, R1, BA FENG (sempre para animais com paralisia, dor em
posteriores)
A resposta é melhor e mais rápida com EAP – não usar em animal cardiopata (cuidado com o traçado dos
fios pelo coração – corrente elétrica) e oncológico (pois protege o tumor e ajuda-o a crescer)
VB34 – ponto mestre de tendão (madeira controla circulação de XUE)
VG2, VG1, VC1 e BH – ELETRO – para animais que não controlam a defecação
PONTO ALARME = MU

BINGO – reflexo quando o animal reage ao estímulo afastando o membro, dor é quando ele vai para o
estímulo com agressividade, se vira na direção dele. O panículo serve para localizar a lesão
TIPOS DE CORRENTE – para tonificar a musculatura deve ser contínua (contração máxima)
MODO AM – modo chinês (Tipo 1 decrescente, tipo 2 crescente)
MODO AC – IIIII crescenteIIIIIdecrescente IIIII
Coceira é vento
Técnica de fisio!!!! TENS!!!!!
100Hz – alternada é para sedar

MV Celina Emiko Okamoto (celinaokamoto@hotmail.com)