Você está na página 1de 1

01 - O Estado Islâmico (EI), uma das organizações terroristas mais sanguinárias da atualidade, tem estabelecido

controle sobre vastas regiões do Iraque e da Síria. Entre as ações que os membros do Estado Islâmico promovem
contra as populações das cidades que ocupam, podemos citar:
a) Crucificações e fuzilamento, mas proteção aos curdos.
b) Decapitações, fuzilamento, crucificações, estupro e carbonização de pessoas vivas.
c) Aliança com os sírios e fuzilamento apenas de iraquianos.
d) Aliança com os curdos e fuzilamento dos sírios.
e) Fuzilamento apenas de curdos.
Resposta B
O Estado Islâmico combate, captura e promove atrocidades como decapitações, fuzilamento em massa, crucificações,
estupros e carbonização de pessoas vivas contra curdos, sírios e iraquianos xiitas, yazidis e quaisquer outras
populações e etnias que sejam contrárias ao seu projeto de expansão territorial.

02 - Em 29 de junho de 2014, Abu Bark Al-Baghdadi, líder do grupo terrorista sunita Estado Islâmico, declarou-se califa.
O califado almejado por Al-Baghdadi tem por objetivo servir de pretenso modelo para os muçulmanos, com leis rígidas
calcadas na Sharia (Lei Islâmica). Para sustentar suas pretensões, o Estado Islâmico, além de ter uma estrutura bélica
fortalecida, tem também como principal fonte de renda:
a) o comércio de diamantes roubados da África.
b) a distribuição de cocaína colombiana no Oriente Médio.
c) a venda de ouro.
d) a venda de petróleo iraquiano.
e) a venda de mulheres escravizadas para a Europa.
Resposta D
A maior fonte de renda do Estado Islâmico é a venda do petróleo iraquiano para o mercado negro. Só a cidade de
Mossul, controlada pelo EI, produz quase dois milhões de barris de petróleo por dia.

03 - O Estado Islâmico começou atuando na Síria, como frente de ataque ao governo de Bashar Al-Assad, depois
expandiu o seu domínio para o Iraque. Em seu início, a que rede terrorista islâmica estava vinculado o EI?
a) Hezbollah
b) Fatah
c) Al-Qaeda
d) Hamas
e) Setembro Negro
Resposta C
O Estado Islâmico, antes conhecido como Estado Islâmico no Iraque e no Levante, era o braço armado da Al-Qaeda na
Síria. A Al-Qaeda foi fundada pelo saudita Osama Bin Laden e foi responsável pelos ataques terroristas nos EUA de 11
de setembro de 2001. Atualmente, a rede ainda possui bases em vários países. O EI rompeu com a Al-Qaeda em 2014
e passou a atuar sozinho.

04 - O fundamentalismo islâmico do EI horroriza o mundo com diversas cenas de brutalidade, massacre e agressões.
No que se refere aos valores culturais da humanidade presentes no Oriente Médio, sobretudo na região da
Mesopotâmia, onde hoje o EI estende o seu domínio, as ações desse grupo terrorista têm levado:
a) à valorização dos monumentos históricos dos assírios, com os quais o EI identifica-se.
b) à promoção de eventos de divulgação das obras dos povos mesopotâmicos.
c) à destruição apenas dos monumentos da civilização da Babilônia.
d) à destruição apenas de monumentos da civilização assiriana.
e) à destruição de todos os monumentos históricos e obras-primas das antigas civilizações mesopotâmicas.

Resposta E
Nas cidades que vêm ocupando no Iraque e na Síria, sobretudo naquelas que acomodam o patrimônio das antigas
civilizações da Mesopotâmia, os membros do EI têm destruído monumentos e obras de arte milenares. A justificativa é
a de que são objetos de culto demoníaco, que não condizem com a tradição muçulmana.