Você está na página 1de 9

PLANO DE TRABALHO

ESPAÇO ACOLHER

PARCERIA TÉCNICA- PEDAGÓGICA

ANO 2014
GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ
Simão Robison Oliveira Jatene

SECRETARIA ESPECIAL DE PROMOÇÃO SOCIAL


Alex Bolonha Fiúza de Melo

SECRETARIA DE ESTADO DE DUCAÇÃO


José Seixas Lourenço

SECRETARIA DE ESTADO DE SAÚDE


Hélio Franco

SECRETARIA ADJUNTA DE ENSINO


Licurgo Peixoto de Brito

PRESIDENTE DA FUNDAÇÃO SANTA CASA MISERICÓRDIA DO PARÁ


Ana Conceição Matos Pessoa

DIRETORIA DE ENSINO PARA A DIVERSIDADE, INCLUSÃO E CIDADANIA


Aldeise Gomes Queiroz/SEDUC

COORDENAÇÃO DO ESPAÇO ACOLHER


Maria Luzia de Matos

UNIDADE SEDUC NA ESCOLA – USE 05


Joseane Oliveira Figueiredo

DIRETORA DA ESCOLA BARÃO DO RIO BRANCO


Ana Célia Monteiro de Souza

VICE-DIRETORA DA ESCOLA BARÃO DO RIO BRANCO-ANEXO I


Deuzanilce Batista da Silva

PROFESSORAS DA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA DA


CLASSE HOSPITALAR E ATENDIMENTO DOMICILIAR
Rosiane Silva de Alcantara
Rosiana do Carmo da Fonseca Garcia

PROFESSORA REFERÊNCIA/SEDUC
Denise Correa Soares da Mota
O ESPAÇO ACOLHER
A Fundação Santa Casa de Misericórdia do Pará-FSCMPA
criou o Espaço Acolher como parte de um conjunto ações para
assegurar o atendimento humanizado aos pacientes oriundos de
municípios distantes que necessitam realizar tratamento
especializado.
O Espaço tem como prioridade atender vítimas de
escalpelamento e mães que possuem crianças recém nascidas
internadas na Clínica de Neonatologia. Em caráter excepcional,
recebe pacientes de outras categorias que necessitem de pernoite
ou acolhimento de curto prazo.
O escalpelamento é a retirada acidental e de maneira brusca
do couro cabeludo que acontece com mulheres da Amazônia.
Encaminhadas a capital paraense essas pessoas são tratadas pela
FSCMPA, que hoje se tornou referência no atendimento integral a
esses pacientes oferecendo total assistência, da chegada até o
retorno seguro aos seus municípios de origem.
O Espaço Acolher está organizado em suas ações de forma a
atender as diversas faixas etárias, desde crianças a adolescentes,
jovens e pessoas idosas.
No espaço Acolher, as ações de educação e saúde são
desenvolvidas a partir da atuação de uma equipe multidisciplinar
formada por profissionais de diversas áreas, como: Assistentes
Sociais, Psicólogos, Enfermeiros, Pedagogos, Professores,
Bolsistas da Universidade Estadual do Pará e demais profissionais
de apoio.
CLASSE HOSPITALAR DO ESPAÇO ACOLHER

A classe hospitalar do Espaço Acolher iniciou suas atividades


no ano de 2011, como parte de um programa de Governo do
Estado do Pará para assegurar o direito à educação às crianças,
jovens e adultos (pacientes e acompanhantes) que por tratamento
de saúde interromperam seus estudos.
Para tal, foi firmado um Convênio de Cooperação Técnica
entre a Fundação Santa Casa de Misericórdia do Pará e a
Secretaria Executiva de Educação (SEDUC).
O Objetivo da Classe hospitalar no Espaço Acolher é dar
continuidade ao processo de desenvolvimento e aprendizagem de
pacientes vítimas de escalpelamento e seus acompanhantes,
assegurando os vínculos escolares durante o todo o tratamento.
Também visa: criar condições para o resgate da autoestima
dos pacientes e acompanhantes que residem no espaço;
minimizando suas perdas físicas, sociais, psicológicas e cognitivas;
favorecer a humanização; diminuir a ociosidade e problemas
decorrentes desta e valorizar as potencialidades dos residentes.
A Classe hospitalar do Espaço Acolher apresenta como
proposta um trabalho estruturado, com atendimentos específicos,
para cada nível de ensino, com ações de escolarização e projetos
pedagógicos interdisciplinares, que contribuem para assegurar o
direito a educação, cidadania e resgate da autoestima dos alunos
atendidos.
O Ensino Fundamental 1º e 2º ciclos (1º, 2º, 3º 4º e 5º anos):
As alunas utilizaram cadernos pedagógicos individualizados,
devidamente preparados de acordo com o nível de aprendizagem
de cada criança e baseado nos conteúdos curriculares de cada
ciclo.
Da mesma forma, materiais pedagógicos de apoio foram
construídos pelos próprios professores da classe hospitalar partindo
das realidades regionais dos diversos municípios do Pará.
O Ensino Fundamental 3º e 4º ciclos (6º, 7º, 8º, 9º anos) e o
Ensino Médio:
As alunas utilizaram cadernos pedagógicos interdisciplinares,
confeccionados por áreas de conhecimentos, a saber:

• Área de Linguagens, Códigos e suas tecnologias.


Língua Portuguesa, Redação, Literatura, Arte,
Ed. Física, Inglês e Espanhol.
• Área de Ciências Humanas e suas tecnologias:
História, Geografia e Vida Cidadã (Sociologia e Filosofia).

• Área de Ciências da Natureza e suas tecnologias:


Física, Química e Biologia.

• Área da Matemática e suas tecnologias:


álgebra, geometria, gráficos e tabelas.

Na modalidade Educação de Jovens e Adultos-EJA:


Toda a dinâmica de trabalho foi desenvolvida a partir da
concepção teórica e metodológica freireana..
Todo o trabalho educativo teve a parceria da Universidade
Estadual do Pará, por meio do Núcleo de Educação Paulo Freire-
NEP, dando o suporte técnico para implementação do referencial
teórico freireano.
O NEP disponibilizou bolsistas da graduação em pedagogia
para desenvolvimento de atividades da educação infantil e EJA, em
conjunto com os professores da SEDUC.

 Sala de Apoio Pedagógico: espaço organizado e equipado para


facilitar a aprendizagem de alunos/pacientes regularmente
matriculados na rede educacional, pública ou privada, da capital ou
interior, e visa dar continuidade ao processo de aprendizagem, sem
interrupção do ano letivo, nos períodos em que se encontrem no
hospital internados ou em tratamento ambulatorial, sempre em
parceria com a escola de origem desses alunos.

Autores de referência: João Ubaldo Ribeiro, com suas


discussões sobre a formação do povo brasileiro e Dalcídio Jurandir
com as questões regionais.
Os professores do Espaço Acolher utilizam o computador com
suas diversas mídias para trabalhar as ações e conteúdos das
áreas de conhecimento.
Isso se faz necessário porque estamos vivendo num período
em que as redes de comunicação estão cada vez mais disponíveis
à população, e o acesso a informação mais democratizada, por
meio das redes sociais, internet e demais meios de comunicação.
O acesso a informação facilita a aprendizagem e a aquisição
de novos conhecimentos. Logo, nossos alunos precisam ter acesso
a essas mídias e utilizá-las para benefício do processo ensino-
aprendizagem, mesmos com dificuldades de acesso em municípios
mais longínquos da região amazônica.

“Somos parte de mundo globalizado: minha terra,


minha gente, habitantes da Amazônia”.
4- CALENDÁRIO DE ATIVIDADES:

JANEIRO

02 a 17 - Recesso dos professores


20 a 24 - Jornada Pedagógica

FEVEREIRO

27 a 31-Planejamento
03 a 07-Planejamento e Organização do Espaço.
10 a 14- Semana de Acolhimento: aula inaugural, reunião com os pais, oficinas
pedagógicas.

MARÇO

03, 04,05- Carnaval


11- Homenagem as mulheres- “Oficina pedagógica”

ABRIL

18- Celebração de Páscoa


- Visita a feira do Livro

MAIO

09 – Celebração da Família
26,27,28- 1º Congresso Nacional de Atendimento Escolar

JUNHO

03-Visita as dependências de Comunicação impressa


27- Culminância do Projeto do semestre

JULHO

01-30 Atividades externas como passeios, cinema entre outros.

AGOSTO

04- Acolhimento
27 e 28- Participação das atividades do Dia Nacional de Combate aos
Acidentes de Escalpelamento. 1º Colóquio da Classe Hospitalar do Espaço
Acolher

SETEMBRO

02- City tur “ Conhecendo nossa história” – Roteiro:cidade velha.

OUTUBRO

06 e 10/10 - Feira Cultural do Espaço Acolher (definir tema e participações)

NOVEMBRO

24 a 28- oficinas natalinas

DEZEMBRO

18- Mostra Pedagógica e celebração de natal

5-LOCAIS E TIPOS DE ATENDIMENTOS, HORÁRIO DE


FUNCIONAMENTO E RESPONSÁVEL

SALA DE AULA
TIPOS DE ATENDIMENTOS HORÁRIO DE RESPONSÁVEL
FUNCIONAMENTO

1-EJA (3ª,5ª 6ª) 8h 30min- 11h30min PROFESSOR


SEDUC
BOLSISTAS- UEPA

2-1º e 2º CICLOS(2ª e 4ª) 8h 30min- 11h30min PROFESSOR


SEDUC
BOLSISTAS- UEPA

2- 3º E 4º CICLOS E MÉDIO 13h 30min- 16h00min PROFESSOR


SEDUC
BRINQUEDOTECA
TIPOS DE ATENDIMENTOS HORÁRIO DE RESPONSÁVEL
FUNCIONAMENTO

1º CICLO(3ª e 5ª) 08h30min- 11h30min PROFESSOR


SEDUC
BOLSISTAS UEPA

6-PROFESSORES DE REFERÊNCIA:

SEDUC
Denise Corrêa Soares da Mota
Geíse Martins Leite
Gilda Maria Maia Martins Saldanha
Micheline Banhos de Oliveira
Rita de Cássia Reis Rosa Figueiredo

BOLSISTAS/UEPA
Assuélen Nascimento da Silva Junqueira
Érica Evangelista Duarte

ASSESSORIA TÉCNICA/UEPA

Ivanilde Apoluceno de Oliveira


Tânia Regina Lobato dos Santos
João Colares Mota Neto