Você está na página 1de 13

MINISTÉRIO DA DEFESA

EXÉRCITO BRASILEIRO
ESCOLA DE SARGENTOS DAS ARMAS
ESCOLA SARGENTO MAX WOLF FILHO

EXAME INTELECTUAL AOS CURSOS DE FORMAÇÃO DE SARGENTOS


Nº 1/SCA – 2018-19

CONHECIMENTOS BÁSICOS

LÍNGUA PORTUGUESA

A CARTA AUTOMÁTICA
1 Mais de cem anos depois do surgimento do telefone, o começo dos anos 90 nos oferece um meio de comu-
nicação que, para muitos, resgata um pouco do romantismo da carta. A Internet não usa papel colorido e per-
fumado, e sequer precisa de selos, mas, para muitos, fez voltar à moda o charme da comunicação por escrito.
E, se o provedor não estiver com problemas, faz isso com o imediatismo do telefone. A rede também foi uma
5 invenção que levou algum tempo para cair no gosto do público. Criada em 1993 para uso doméstico, há muito ela
já era usada por cientistas universitários que queriam trocar informações. Mas, só após a difusão do computa-
dor doméstico, realizada efetivamente há uns quatro ou cinco anos, que o público pôde descobrir sua utilidade.
 Em The victorian internet, Tom Standage analisa o impacto da criação do telégrafo (surgido em 1837).
 Uma nova tecnologia de comunicação permitia às pessoas se comunicarem quase que
10 instantaneamente, estando à longa distância (...). Isto revolucionou o mundo dos negócios.
(...) Romances floresceram sob impacto do telégrafo. Códigos secretos foram inventados por
alguns usuários e desvendados por outros. (...) O governo e as leis tentaram controlar o novo
meio e falharam. (...) Enquanto isto, pelos cabos, uma subcultura tecnológica com seus usos
 e vocabulário próprio se estabelecia.
15 Igual impacto teve a Internet. Antes do telégrafo, batizado de “a autoestrada do pensamento”, o ritmo de
vida era superlento. As pessoas saíam para viajar de navio e não se ouviam notícias delas durante anos. Os
países que quisessem saber se haviam ou não ganho determinada batalha esperavam meses pelos mensagei-
ros, enviados no lombo dos cavalos. Neste mundo em que reinava a Rainha Vitória (1819-1901), o telégrafo pro-
vocou a maior revolução das comunicações desde o aparecimento da imprensa. A Internet não chegou a tanto.
20 Mas nada encurta tanto distâncias como entrar num chat com alguém que esteja na Noruega, por exemplo.
 Se o telégrafo era “a autoestrada do pensamento”, talvez a rede possa ser a “superautoestrada”. Dos pen-
samentos e das abobrinhas. As tecnologias de conversação realmente mudam as conversas. Apesar de ser
de fundamental utilidade para o trabalho e a pesquisa, o correio feito pela rede permite um tipo de conversa
 diferente daquela que ocorre por telefone. Talvez um dia, no futuro, pesquisadores analisem as razões
25 pelas quais a rede, rápida e imediata e sem o vivo colorido identificador da voz, se presta a bate-papos
 (via e-mails, chats, comunicadores instantâneos) até mais informais do que os que fazemos por telefone.
CAMARGO, Maria Sílvia. 24 dias por hora. Rio de Janeiro: Rocco, 2000. p. 135-137.
QUESTÃO 1
De acordo com o exposto no texto, a comunicação via Internet
a. foi concebida para atender ao uso doméstico de modo restrito.
b. perdeu o romantismo da troca de cartas escritas à mão.
c. teve sua utilidade aceita de imediato pelo público.
d. tornou-se imediatista, exceto quando há problema no provedor.
e. representou uma revolução similar à do telégrafo em sua época.

QUESTÃO 2
Autoestrada na expressão “a autoestrada do pensamento” (l. 15) significa
a. diretriz.
b. canal.
c. expansão.
d. objetividade.
e. modernização.

QUESTÃO 3
A substituição da palavra em destaque ALTERA o sentido do enunciado em:
a. “Romances floresceram sob impacto do telégrafo.” (l. 11) / Romances imergiram sob impacto do
telégrafo.
b. “Códigos secretos foram inventados (...)” (l. 11) / Códigos secretos foram criados
c. “O governo e as leis tentaram controlar (...)” (l. 12) / O governo e as leis procuraram controlar.
d. “(...) tentaram controlar o novo meio e falharam.” (l. 12-13) / tentaram controlar o novo meio e erraram.
e. “(...) com seus usos e vocabulário próprio se estabelecia.” (l. 13-14) / com seus usos e vocabulário
peculiar se estabelecia.

QUESTÃO 4
A mudança na pontuação mantém o sentido da frase original, preservando a norma-padrão da língua, em:
a. “(...) realizada efetivamente há uns quatro ou cinco anos,” (l. 7) / realizada efetivamente há uns quatro,
ou cinco anos,
b. “(...) analisa o impacto da criação do telégrafo (surgido em 1837).” (l. 8) / analisa o impacto da criação
do telégrafo: surgido em 1837.
c. “Romances floresceram sob impacto do telégrafo. Códigos secretos foram inventados (...)” (l. 11) /
Romances floresceram sob impacto do telégrafo, códigos secretos foram inventados
d. “Igual impacto teve a Internet.” (l. 15) / Igual impacto, teve a Internet.
e. “(...) não se ouviam notícias delas durante anos.” (l. 16) / não se ouviam notícias, delas, durante anos.

QUESTÃO 5
O termo destacado na sentença é substituído corretamente pelo pronome da expressão ao lado, de acordo
com a norma-padrão em:
a. “A Internet não usa papel (...)” (l. 2) – não o usa.
b. “(...) faz isso com o imediatismo do telefone.” (l. 4) – faz-lo como imediatismo do telefone.
c. “(...) permitia às pessoas (...)” (l. 9) – Permita-as.
d. “(...) em que reinava a Rainha Vitória (...)” (l. 18) – Em que reinava-a.
e. “(...) provocou a maior revolução (...)” (l. 18-19) – provocou-lhe.

QUESTÃO 6
Considere a frase abaixo.

O chefe de vários departamentos identifica a mudança no cenário da informática.

A palavra identifica pode ser substituída, mantendo o sentido da sentença, pelo verbo ver, flexionado de
acordo com a norma-padrão, por
a. vêm.
b. veem.
c. vem.
d. vê.
e. viram.
QUESTÃO 7
De acordo com a ortografia da língua portuguesa, associe as palavras à esquerda à letra ou ao dígrafo
propostos à direita. As associações corretas são:

I – exce__ão P – ss
II – marginali__ar Q–z
III – e__tranho R–s
IV – má__imo S–ç
T – x

a. I – P, II – R, III – T, IV – S
b. I – Q, II – P, III – T, IV – R
c. I – R, II – S, III – T, IV – P
d. I – S, II – Q, III – R, IV – T
e. I – T, II – Q, III – R, IV – P

QUESTÃO 8
O sinal indicativo de crase é necessário em:
a. A venda de computadores chegou a reduzir o preço do equipamento.
b. Os atendentes devem vir a ter novo treinamento.
c. É possível ir as aulas sem levar o notebook.
d. Não desejo a ninguém uma vida infeliz.
e. A instrutora chegou a tempo para a prova.

QUESTÃO 9
A sentença em que a expressão em negrito está usada de acordo com a norma-padrão é:
a. O provedor que comprei o plano demonstra eficiência.
b. As pessoas dos quais compareceram desconheciam informática.
c. O desejo de que a Internet ficasse mais rápida se realizou.
d. O menino, o cujo pai trabalha em informática, virá ajudar-nos.
e. A matéria aonde me dei mal foi programação.

QUESTÃO 10
A formação do plural está de acordo com a norma-padrão em
a. água-marinha – água-marinhas
b. navio-escola – navio-escolas
c. alto-mar – alto-mares
d. salva-vida – salva-vidas
e. vice-almirante – vices-almirantes

QUESTÃO 11
Assinale a opção que traz a correta classe gramatical da palavra destacada e a adequada divisão silábica.
a. Preconceito e intolerância são sinônimas / substantivo / pre-con-ce-i-to
b. Isso indica uma primeira diferença / substantivo / pri-mei-ra
c. Não constitui uma discordância tácita / adjetivo / tá-ci-ta
d. A ausência da tolerância dificulta o ser humano aceitar bipolaridades / adjetivo / to-le-rân-cia
e. Manifesta-se discursivamente sobre argumentos / adjetivo / dis-cur-si-va-men-te

QUESTÃO 12
Assinale a alternativa correta quanto à concordância verbal.
a. O acesso às universidades podem ser um caminho para uma vida melhor.
b. Com as cotas, garantiram-se vagas a negros, pardos, índios e pobres nas universidades.
c. Houveram muitos mitos quando se cogitaram a implementação das cotas.
d. Já fazem quinze anos que as cotas nas universidades vem sendo implementadas.
e. As cotas, implementadas no país nos últimos quinze anos, é um feito a comemorar.
MATEMÁTICA

QUESTÃO 13
Um grupamento de sargentos do Exército Brasileiro em um curso de aperfeiçoamento no estado de TOCAN-
TINS foi incumbido de escrever em uma placa o nome do Batalhão onde se encontravam. Considerando
os princípios fundamentais da contagem, é correto afirmar que, com o nome do estado TOCANTINS, no
total, é possível formar
a. 20160 anagramas.
b. 10080 anagramas que começam pela letra T.
c. 10080 anagramas que terminam com vogal.
d. 40320 anagramas que contêm as letras TT juntas.
e. 7560 anagramas que mantêm as vogais juntas.

QUESTÃO 14
Toda a produção semanal de garrafas de suco de certa fábrica foi vendida a três lojas, aqui designadas por
X, Y e Z. Para a loja X, foi vendido um terço da produção; para a loja Y, foram vendidos 40% da produção, e,
para a loja Z, foram vendidas 11.360 unidades. Qual a produção semanal de garrafas de suco dessa fábrica?
a. 42.000 garrafas.
b. 42.300 garrafas.
c. 42.420 garrafas.
d. 42.540 garrafas.
e. 42.600 garrafas.

QUESTÃO 15
Considere a matriz quadrada A, de ordem 2, definida por:

O determinante dessa matriz A será igual a


a. 7.
b. 9.
c. 11.
d. 13.
e. 15.

QUESTÃO 16
Resolvendo-se a seguinte inequação do segundo grau:

-4x2 - 5x + 6 > 0

No conjunto dos números reais, obtém-se o conjunto solução

a.

b.

c.

d.

e.
QUESTÃO 17
Uma avenida retilínea no Nordeste Brasileiro terá um trecho de 3,6 km recapeado pelos soldados do Exér-
cito Brasileiro, e isso será feito em 3 etapas, conforme mostra a figura.

O comprimento do trecho a ser recapeado na 2ª etapa é de


a. 600 m.
b. 400 m.
c. 1 000 m.
d. 800 m.
e. 1 200 m.

QUESTÃO 18
Em uma loja especializada em vestuário e calçados para militares, estão sendo anunciados três tipos de
compra:
• na compra de 2 coturnos, 1 farda e 3 quepes, o cliente irá pagar R$ 770,00;
• na compra de 1 coturno, 2 fardas e 3 quepes, o cliente irá pagar R$ 850,00;
• na compra de 1 coturno, 3 fardas e 2 quepes, o cliente irá pagar R$ 840,00. Independentemente se o
cliente vai aceitar ou não uma dessas ofertas, os preços de cada item citado são fixos e não mudam,
mesmo que o cliente faça outra escolha nas quantidades de cada item. Dessa forma, caso um cliente
queira comprar somente 1 coturno, 1 farda e 1 quepe, ele irá pagar por essa compra a quantia de
a. R$ 380,00.
b. R$ 450,00.
c. R$ 930,00.
d. R$ 910,00.
e. R$ 600,00

QUESTÃO 19
Para saber o custo total (em reais) na produção de x uniformes para um grupo de sargentos no curso de
formação, primeiramente, substitui-se cada elemento x, da matriz a seguir, pela quantidade de uniformes
que se quer produzir e calcula-se o determinante dessa matriz, obtendo-se, assim, o custo total na produ-
ção destes x uniformes igual ao valor do determinante.

Dessa forma, para se produzirem 70 uniformes para um grupo de soldados, o custo total nessa produção será de
a. R$ 4.100,00.
b. R$ 3.500,00.
c. R$ 3.100,00.
d. R$ 2.500,00.
e. R$ 2.100,00.
QUESTÃO 20
O esboço de gráfico a seguir mostra a relação linear entre o custo y (em reais) da produção de x coletes
de segurança para a Polícia do Exército: se forem gastos R$ 2.000,00 na produção de um lote de coletes,
então, nesse lote, foram produzidos

a. 70 coletes.
b. 90 coletes.
c. 50 coletes.
d. 80 coletes.
e. 60 coletes.

QUESTÃO 21
Com relação ao conjunto dos números complexos, sabendo que i é a unidade imaginária complexa, isto é,
i é tal que i 2 = -1, então o valor absoluto no número complexo é igual a
a. 3.
b. 4.
c. 5.
d. 6.
e. 7.

QUESTÃO 22
Em um plano cartesiano, temos um triângulo cujos vértices são (–3, 7); (–8, 1); (5, 3). Calcule a área desse
triângulo.
a. 34
b. 62
c. 68
d. 136
e. 70

QUESTÃO 23
Observe atentamente o retângulo abaixo, no qual se encontra um polígono ABCD:

A área hachurada vale:


a. 55
b. 65
c. 90
d. 120
e. 150

QUESTÃO 24
Suponha que um recipiente para líquidos seja formado pela junção de um cubo vazado e uma pirâmide
(sem a base) cujas faces são triângulos equiláteros, conforme mostrado na figura a seguir.

Ao se colocarem 158,4 cm3 de um líquido nesse recipiente, o líquido ocupará o volume da pirâmide, chegando
até a metade do volume do cubo. Nesse caso, considerando 1,4 como valor aproximado para  , é correto
afirmar que a altura ocupada pelo líquido no recipiente, medida desde o vértice da pirâmide até a metade
da altura do cubo, será
a. inferior a 2,8 cm.
b. superior a 2,8 cm e inferior a 4,2 cm.
c. superior a 4,2 cm e inferior a 5,6 cm.
d. superior a 5,6 cm e inferior a 6,6 cm.
e. superior a 6,6 cm.

HISTÓRIA

QUESTÃO 25
O movimento político organizado na Bahia em 1798 incluía em seu bojo e na sua liderança mulatos e negros
livres ou libertos, ligados às profissões urbanas, como artesãos ou soldados, bem como alguns escravos.
“Os conspiradores defendiam a proclamação da República, o fim da escravidão, o livre-comércio – espe-
cialmente com a França –, o aumento do salário dos militares e a punição de padres contrários à liberdade.”
O texto anterior refere-se à:
a. Revolta dos Mascates.
b. Conjuração Baiana.
c. Balaiada.
d. Conjuração Mineira.
e. Sabinada.

QUESTÃO 26
São revoltas nativistas:
a. Insurreição Pernambucana e Confederação do Equador.
b. Revolta de Beckman e Conjuração Baiana.
c. Guerra dos Emboabas e Revolta de Vila Rica.
d. Conjuração Baiana e Inconfidência Mineira.
e. Conjuração Carioca e Guerra dos Emboabas.

QUESTÃO 27
Constituída por dois eventos conflituosos que envolveram holandeses, portugueses e indígenas, entre
1648 e 1649, em Pernambuco. O evento se insere no conjunto dos acontecimentos relacionados à Restau-
ração Pernambucana, desencadeada entre os anos 1645 e 1654, estabelecendo limites para a presença
holandesa e o fim de seu poderio no litoral brasileiro.
O texto se refere à:
a. Restauração dos Braganças.
b. Revolta de Felipe dos Santos.
c. Batalha de Guaxenduba.
d. Confederação dos Cariris.
e. Batalha dos Guararapes.

QUESTÃO 28
O Convênio de Taubaté foi um plano feito entre os governos de São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro
e os grandes cafeicultores destes estados. Esse acordo, firmado na cidade de Taubaté (interior de São
Paulo), tinha como principal objetivo aumentar o preço do café.
O presidente da República à época do Convênio era:
a. 1889-1891: Marechal Manuel Deodoro da Fonseca;
b. 1891-1894: Floriano Vieira Peixoto;
c. 1894-1898: Prudente José de Morais e Barros;
d. 1898-1902: Manuel Ferraz de Campos Sales;
e. 1902-1906: Francisco de Paula Rodrigues Alves.

QUESTÃO 29
Atos Institucionais foram decretos emitidos durante o período do regime militar no Brasil, que se iniciou com
o golpe de 1964 e se estendeu até 1985. O decreto que estabeleceu o bipartidarismo no Brasil foi:
a. AI 1
b. AI 2
c. AI 3
d. AI 4
e. AI 5

QUESTÃO 30
O Estado Novo foi um regime ditatorial arregimentado por Getúlio Vargas, instituído em 10 de novembro de
1937. Desde 3 de novembro de 1930, Vargas governava o país. No referido período estado-novista ocorreu a:
a. criação da Empresa Brasileira de Petróleo.
b. criação da Companhia Vale do Rio Doce.
c. construção da Usina Hidrelétrica Três Irmãs.
d. criação da Central Nuclear Almirante Álvaro Alberto.
e. criação da SUDENE.

GEOGRAFIA

QUESTÃO 31
Observe a imagem a seguir.

O horário de verão no Brasil foi adotado pela primeira vez em 1 de outubro de 1931, através do Decreto n.
20.466, abrangendo todo o território nacional nessa oportunidade. O horário de verão serve para minimizar
a sobrecarga de consumo de energia durante alguns picos diários nos horários de maior consumo do dia
(final da tarde). A respeito das informações contidas no mapa do horário de verão 2018/2019 e também
com relação à dinâmica do espaço territorial brasileiro, indique a opção verdadeira.
a. Suponha que sejam 9 horas em Viçosa (MG) e que você, estando nessa cidade, precisa planejar uma
ligação interurbana para uma pessoa em Boa Vista (RR), que poderá ser encontrada, nessa cidade, às
11 horas (hora local desse estado). Logo, você deverá realizar a ligação às 12 horas em Viçosa, uma
vez que as duas cidades possuem uma hora de diferença.
b. Os estados que não adotaram o horário de verão têm como principal característica o fato de estarem
localizados próximos à linha do Equador, onde os benefícios seriam menores, uma vez que as diferen-
ças entre o dia e a noite são reduzidas, independente da estação do ano.
c. Durante o horário de verão, quando os relógios de Brasília estiverem marcando 15 horas, os relógios
marcam 13 horas no estado do Acre.
d. O estado de Tocantins é o único da Região Centro-Oeste do Brasil, segundo o IBGE, que não adota o
horário de verão.
e. Um avião sai do aeroporto de Salvador às 20h30 do dia 07/01/2019 com destino ao aeroporto de
Manaus (AM). Considerando que o voo teve duração de três horas e quarenta minutos, a chegada à
capital amazonense será às 00h10 do dia 08/01/2019.

QUESTÃO 32
O Brasil, do ponto de vista geomorfológico, possui um relevo bastante antigo, que data da era pré-cam-
briana, o que indica um intenso desgaste e determina altitudes modestas. O mapa a seguir indica as áreas
brasileiras formadas por escudos cristalinos e bacias sedimentares.

A partir do estudo geomorfológico do Brasil, três autores se destacam no processo de classificação, entre
eles Aroldo de Azevedo, Aziz Ab’Saber e Jurandyr Ross. Tendo os estudos desses autores como referên-
cia, indique a opção verdadeira.
a. Aroldo de Azevedo acredita que a divisão do território nacional deverá ter como principal critério os
aspectos morfoclimáticos.
b. Segundo Jurandyr Ross, os planaltos, em sua maioria, apresentam-se como formas residuais, ou seja,
restos de antigas superfícies erodidas.
c. Aziz Ab’Saber acredita que o Brasil possui sete formas de relevo, destacando-se o complexo do Panta-
nal como maior planície alagada do mundo.
d. No Brasil, os afloramentos superficiais do embasamento cristalino apresentam aproximadamente 64%
da superfície, enquanto a área sedimentar é responsável por volta de 36% da área total do país.
e. Coube a Aziz Ab’Saber, após seu trabalho no projeto Radam de mapeamento da Amazônia, uma pro-
posta inovadora para introduzir as depressões como constituintes do relevo brasileiro.

QUESTÃO 33

“A população brasileira atingiu 202,7 milhões de pessoas em primeiro de julho deste ano, segundo estima-
tiva do IBGE divulgada na manhã desta quinta-feira (28). O volume de pessoas que vivem no país cresceu
0,86% em relação ao verificado em igual período do ano anterior”.

Folha de São Paulo, 28 ago. 2014. População brasileira atinge 202,7 milhões de habitantes, calcula IBGE. Disponí-
vel em: <http://folha.com/no1507099>. Acesso em: 02 fev. 2015.
Passados quatro anos da reportagem da Folha de São Paulo, o Brasil atingiu aproximadamente 209 milhões
de habitantes em 2019, surgindo um país diferente sob vários aspectos. A maior parte deles impensável,
imprevisível. Dez anos são um período de amadurecimento, de enormes transformações sociais, políticas
e econômicas de uma sociedade.
Utilizando o tema tratado como elemento norteador das afirmativas a seguir, indique a opção verdadeira
sobre a demografia brasileira.
a. As transformações econômicas e sociais ocorridas por volta da primeira década do século XX com a
entrada maciça das mulheres no mercado de trabalho são um dos aspectos responsáveis pela redução
da fecundidade no Brasil.
b. A redução das taxas de natalidade de um país leva, ao longo do tempo, ao envelhecimento da popula-
ção e, nesse sentido, verifica-se uma forte tendência a um mercado de trabalho menos competitivo e
exigente, demandando menos custos do Estado com os aspectos sociais.
c. A dinâmica demográfica da população brasileira pode ser explicada somente pelos mecanismos natu-
rais, desconsiderando os mecanismos culturais e econômicos de regulação.
d. A queda da mortalidade brasileira resulta da melhoria do padrão de vida das populações com a dissemi-
nação dos métodos contraceptivos e a melhoria das condições médico-sanitárias nos anos 70.
e. Os anos 70 caracterizam-se pela mudança do papel social da mulher do século XX; ela deixa de viver,
exclusivamente, no núcleo familiar, ingressando no mercado de trabalho e passando a ter acesso ao
planejamento familiar, o que explica a diminuição vertiginosa das taxas de fertilidade no Brasil.

QUESTÃO 34
O Índice de Desenvolvimento Humano foi criado pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvi-
mento (PNUD) em 1990. É uma medida comparativa usada para classificar a qualidade de vida oferecida
em um determinado país, destacando-se três dimensões básicas do desenvolvimento humano: renda, edu-
cação e saúde. O IDH vai de 0 a 1. Quanto mais próximo de 1, mais desenvolvido é o país.
A respeito da qualidade de vida em um país e todos os aspectos relacionados, indique a opção verdadeira
a respeito da vida nas cidades brasileiras.
a. A urbanização desordenada no Brasil tem como um de seus principais aspectos o êxodo rural, o que acarreta,
entre outros problemas, a macrocefalia urbana, a conurbação e o estabelecimento de áreas subnormais.
b. A urbanização da população brasileira é um processo uniformizado com pouco contraste na distribuição
da população rural e urbana.
c. Entre os principais aspectos que levam à violência urbana nas metrópoles brasileiras está a exclusão
social desencadeada por diversos fatores sociais, tais como: o subemprego, o crescimento de favelas,
o surgimento de megacidades e as cidades globais.
d. O aumento da taxa de urbanização brasileira tem íntima relação com o processo de desconcentração
industrial desencadeada a partir do fim dos anos 80.
e. O aumento das favelas, dos loteamentos clandestinos e da população sem-teto pode ser apontado
como consequência da urbanização e da busca de melhores condições de vida.

QUESTÃO 35
Observe a charge:
Entre os anos de 1941 a 1988, o território do Brasil passou por diversas divisões regionais. A primeira metade
do século XX é o momento do início dessa caminhada que culminou em uma série de propostas com carac-
terísticas humanas do Brasil, físicas, históricas, econômicas e até vinculadas ao processo de globalização.
Sobre essa temática, indique a opção correta.
a. A primeira divisão do IBGE ocorreu em 1941, estabelecendo como critério os aspectos físico-naturais,
históricos e humanos, no qual o país foi dividido em cinco macrorregiões.
b. A divisão do IBGE de 1988 tem como grande modificação a criação dos estados de Tocantins e Mato
Grosso do Sul, além do surgimento das unidades federativas de Rondônia, Roraima, Amapá, uma vez
que na divisão de 1969 eram territórios.
c. A divisão de Pedro Pinchas enfatiza os aspectos geoeconômicos, dividindo o Brasil em três macrorre-
giões em que um mesmo estado poderá pertencer a mais de uma região, como Maranhão, Tocantins,
Piauí, Bahia, Mato Grosso do Sul e Minas Gerais.
d. Em 1969, o IBGE elaborou uma nova proposta de divisão para o país que, além dos aspectos físicos,
levou em consideração aspectos socioeconômicos. A região Norte era composta pelos estados de Ama-
zonas, Pará, Maranhão, Piauí e o território do Acre.
e. Conforme a divisão regional de 1945, o Brasil possuía sete regiões: Norte, Nordeste Ocidental, Nordeste
Oriental, Centro-Oeste, Leste Setentrional, Leste Meridional e Sul. Na porção norte do Amazonas, foi
criado o território de Rio Branco, atual estado do Acre, e, no norte do Pará, foi criado o estado do Amapá.

QUESTÃO 36
Observe a charge a seguir sobre o tema de vegetação.

Bioma é uma grande comunidade estável e desenvolvida, adaptada às condições ecológicas de certa
região e caracterizada por um tipo principal de vegetação. A mata de terra firme, a mata de várzea e o igapó
são formações vegetais típicas desse bioma. É o mais extenso do Brasil e tem sido devastado devido à
atuação das fronteiras agrícolas por volta dos anos 60 em sua porção mais oriental.
O texto refere-se ao bioma:
a. Cerrado.
b. Mata Atlântica.
c. Pampa.
d. Caatinga.
e. Amazônico.

INGLÊS

River Cruises Allow Tourists To See The Unknown Parts of Brazil

Riverboats take visitors to little-explored places, like the deep Amazon basin and Pantanal
Mar.19.2019 6:05PM
Unlike Brazilian sea cruises, that stop at well-known tourist spots like Rio, Salvador, and Ilhabela, river
cruises are the chance of seeing hidden places more rooted in the country.
Tourism operators offer cruises along the rivers Negro, Solimões and Amazon, in the Amazon region, where
visitors can see and visit the indigenous tribes and communities settled along the riverbanks. 
Moving south, it's possible to visit another Brazilian biome, Pantanal. In this case, the cruises go along the
rivers Paraguay and Cuiabá. See below a sample of available tours.

R$ 2.094 (US$ 546) – Three nights with Top Brasil


They offer a river cruise along the Rio Negro, aboard Iberostar Grand Amazon, departing from Manaus and
with all meals included. Price per person doesn't include airfare.

R$ 2.950 (US$ 769) – Three nights with Pisa Trekking


The company offers a Rio Negro cruise aboard MV Desafio, departing from Manaus and all meals included.
Includes visits to the Anavilhanas river island, visits to riverbank communities and indigenous tribes, to
the Meeting of Waters (the confluence between the rivers Negro and Solimões), a river dolphin sanctuary,
piranha fishing, and canoeing. Price per person. Airfare not included.

R$ 4.850 (US$ 1.264) – Three nights with Turismo Consciente


They offer a river cruise along the Amazon river, departing from Alter do Chão (Santarém), Pará. Includes all
meals and drinks, visits to riverbank communities, hiking trails, canoeing, and sightseeing. Price per person.
Airfare not included.

R$ 5.041 (US$ 1.314) – Three nights with Free Way


The company offers the Katerre expedition through the Amazon, departing from Manaus and all meals
included. It goes to the rivers Negro, Solimões, and Ariaú. Visits to riverbank communities and the Anavilhanas
river islands. Price per person in rooms with bunk beds (rooms with double beds cost R$ 6.293- US$ 1.640).
Airfare not included. 

https://www1.folha.uol.com.br/internacional/en/travel/2019/03/river-cruises-allow-tourists-to-see-the-unknown-parts-
of-brazil.shtml

QUESTÃO 37
The cheapest three-day trip costs
a. R$ 5.041
b. R$ 4.850
c. R$ 2.950
d. R$ 2.094
e. R$ 2.940

QUESTÃO 38
A river cruiser does not cruise along
a. Negro
b. Alalaú
c. Amazon
d. Ariaú
e. Anavilhanas

QUESTÃO 39
The underlined words cruises and visits are
a. verbs in the present simple tense.
b. verbs in the present continuous tense.
c. verbs in the third person of singular.
d. nouns in the singular form.
e. nouns in the plural form.

QUESTÃO 40
All of the three tour companies mentioned in text offer packages with
a. meals.
b. drinks only.
c. airfares.
d. meals and drinks.
e. rental cars.
MINISTÉRIO DA DEFESA
EXÉRCITO BRASILEIRO
ESCOLA DE SARGENTOS DAS ARMAS
ESCOLA SARGENTO MAX WOLF FILHO

EXAME INTELECTUAL AOS CURSOS DE FORMAÇÃO DE SARGENTOS


Nº 1/SCA – 2018-19

FOLHA DE RESPOSTAS

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10

11 12 13 14 15 16 17 18 19 20

21 22 23 24 25 26 27 28 29 30

31 32 33 34 35 36 37 38 39 40