Você está na página 1de 6

INSTITUTO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO

DE JUIZ DE FORA
Língua Portuguesa – Professora Gisele Braga
ROTEIRO DE LEITURA:
A Terra dos Meninos Pelados – Graciliano Ramos
Nome: ______________________________________ n°__Turma___Data __/___/___

1)Conhecendo o a obra e o autor.

a)Você já ouviu falar de Graciliano Ramos?Vamos ler um pouquinho?

Graciliano nasceu em uma cidadezinha lá de Alagoas, há muito, muito tempo


atrás.Cresceu no meio da seca e da violência, seu pai o batia muito, e ainda sim cresceu com
muita poesia em seu coração.

Na verdade, quando resolver escrever livros infantis, Graciliano já era muito famoso
por escrever livros para adultos, como “S. Bernardo” e posteriormente, “Vidas Secas”.

Em 1937, Graciliano Ramos resolveu concorrer a um prêmio literário proposto pelo


Ministério da Educação e inscreveu uma história não muito longa e bastante original, chamada
"A terra dos meninos pelados” e recebeu o prêmio Literatura Infantil pelo livro que você leu
este bimestre.

Nessa obra fantástica, o autor nos faz mergulhar em um mundo que nós conhecemos
muito bem, afinal, não somos todos diferentes?

 “A Terra dos Meninos Pelados” é a história da fantástica viagem de Raimundo por


uma terra mágica chamada Tatipirun. Por ter um olho azul e o outro preto, e nem
um fio de cabelo na cabeça, Raimundo é discriminado pelos colegas. Na verdade,
Raimundo é um garoto como outro qualquer, só que diferente. Mas quem disse que
ser diferente é proibido?

De posse do livro, leia os dois primeiros capítulos do livro e reflita sobre o conflito vivido
pela personagem principal.

b)Raimundo era diferente dos outros meninos? Como?

_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________

c)Por que os outros meninos mangavam dele?

_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________

d)Você concorda com a atitude dos outros meninos?Como acha que Raimundo se sentia?
_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________

e)Fale um pouco sobre o que você sabe de preconceito e respeito às diferenças.

_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________

2)Tipos de discurso

 Discurso direto e discurso indireto

Quadro I Quadro II

Os vizinhos mangavam dele e gritavam: Os vizinhos mangavam dele, o chamando de “ pelado”.

— Ó pelado!

O trecho contido no Quadro I narra um momento onde o autor transcreve fielmente a fala
da personagem. Chamamos isso de discurso direto.

O discurso direto apresenta-se com:

· Verbo de elocução (gritar,falar, perguntar, afirmar, responder, indagar, replicar, argumentar,


pedir, implorar, comentar, exclamar, etc.)

· dois-pontos;

· Travessão (iniciando um novo parágrafo)

No Quadro II, é retratado o mesmo momento, só que a fala da personagem torna-se


conhecida através do narrador, que conta o que foi dito. É o discurso indireto.

No discurso indireto, eliminam-se os dois-pontos e o travessão.

Nos capítulos 1 e 2, poucas vezes a personagem principal fala, o narrador preocupa-se


mais em apresentar o espaço, tempo e as personagens que compõem a história.

a)Nesses capítulos predomina o discurso direto ou indireto ? Transcreva as ocorrências do


discurso predominante.

_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________

b)Observe que Raimundo fala pela primeira vez apenas no capítulo 2: "__Era melhor que me
deixassem quieto, disse Raimundo baixinho." Por que ele demora a falar? Por que fala
"baixinho"?
_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________
O que essa fala revela?

_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________
Agora, vamos ler o terceiro capítulo do livro.

3)Foco narrativo

Ao lermos uma história, há alguém que desempenha o importante papel de nos contar
os fatos ocorridos nela, não é verdade? Esse alguém se chama narrador, mas precisamos saber
também a forma da qual ele se utiliza para realizar essa importante tarefa. Pronto!
Descobrimos o que é o foco narrativo, ou seja, a forma com que o narrador relata o discurso.

Ele assume posições e papéis diferentes, os quais podem assim se classificar:

 Narrador de primeira pessoa – se é de primeira pessoa ele participa dos fatos, ou seja,
é também um personagem da história. Por esse motivo ele também é chamado
narrador protagonista ou narrador coadjuvante.
 Narrador de terceira pessoa – Assumindo esse papel ele não participa dos fatos
narrados, pois prefere ficar ali quietinho, quietinho. Sabe o que ele faz?Somente
observa do lado de fora, para depois nos contar tudo. Assim sendo, podemos dizer que
ele se classifica em duas modalidades:

- Narrador onisciente – Pode acreditar: esse tipo de narrador conhece toda a história, até
mesmo o que pensam os personagens.

- Narrador observador – Esse, por sua vez, não é tão audacioso assim – ele, ao contrário do
primeiro, não conhece toda a história, apenas se limita a narrar na medida em que os fatos
acontecem.

Nos dois primeiros capítulos de "A terra dos meninos pelados” predomina a voz do
narrador:

"Havia um menino diferente dos outros meninos".

"Um dia em que ele preparava com areia molhada a serra de Taquaritu e o
rio das Sete Cabeças, ouviu gritos dos meninos escondidos por detrás das
árvores..."

A partir do capítulo 3, começa a aparecer mais intensamente a voz de Raimundo. Uma


possível explicação é que, a partir do momento em que Raimundo transfere-se para o mundo
imaginário, diminui a aparição do narrador.

Isso não quer dizer que, de uma hora para outra, a história muda de foco narrativo.
Pelo contrário, o narrador continua seguindo a trajetória de Raimundo, só não interfere em
momento algum com descrições, comentários, explicações, deixa Raimundo dialogar, conviver
com seus novos amigos sem a presença de um adulto ou voz autoritária. Por esse motivo, o
discurso direto permeia toda a história.

a)Qual é o foco narrativo do livro, 1ª ou 3ª pessoa? ____________________________

b) Se você respondeu 3ª pessoa, ele é observador ou onisciente? ______________________

Leia também o capítulo 4.

4) O real e o imaginário

 Raimundo mergulha-se em um mundo mágico, uma terra onde não há noite, não há
chuva, não há frio, não há tristeza e, sobretudo, não há preconceito.

a) No capítulo 3, Raimundo resolve momentaneamente o seu problema. Para onde


Raimundo vai?

_____________________________________________________________________________
b) Essa viagem é mágica? Justifique.

_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________

c)No mundo imaginário, não se busca a lógica dos fatos, nem a realidade concreta, lá tudo é
possível e todas as coisas podem acontecer. Como é a terra dos meninos pelados? Descreva-
a.
_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________
d) No mundo imaginário, por mais iguais que as crianças sejam, ainda assim, mantêm
diferenças que as distinguem. Que diferenças são essas? Retire do livro fragmentos que
comprovem sua resposta.
_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________
e) Durante toda a narrativa, Raimundo tem consciência da realidade. Considera a terra
imaginária excelente para se viver, mas sabe que deve voltar para a realidade. Retire do
texto fragmentos que indicam lembranças que ele tem do mundo real.

_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________
Agora, vamos ler do capítulo 5 ao 23.Não se preocupe, são bem curtinhos e muito
interessantes!

5) Diferença e discriminação
"Não senhor, que a gente não é rapadura."

Essa grande obra de Graciliano Ramos, muitos podem interpretar como apenas uma
história de crianças, mas na realidade é uma história de uma criança em particular, que é um
reflexo de todas crianças no mundo.

Qual criança nunca imaginou um mundo só seu, onde você é aceito não importando
nada além de seu interior?

Graciliano utiliza-se da imaginação criativa da criança para nos mostrar a profundidade


por trás dos conflitos vividos por esses pequenos seres e faz cada criança,e muito adultos, ver
que na vida nada tem que ser igual, que a graça que temos nela é sermos diferentes e viver
essas aventura de diferenças é o que a vida tem de melhor.

O autor nos mostra também que a imaginação nunca deve morrer, mas quem nos
espera no fim da nossa serra de 'Taquaritu' é a realidade e devemos de fato obter o melhor
dos nossos sonhos para compreender assim melhor a realidade que nos é imposta ao dia-dia.

a) Logo que Raimundo vê as crianças, algo semelhante ao mundo real lhe acontece. O que
acontece? Como Raimundo reage?

_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________
b) Sardento propõe a Raimundo um plano. Que plano é esse?

_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________
c)O que Raimundo acha desse plano? Qual o conselho ele dá ao amigo?

_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________
d) A atitude de Raimundo é contrária à que toma no mundo real? Por quê?

_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________
e) O nome "Raimundo" significa "protetor" ou "sábio". Indica uma pessoa que tende a se
isolar, pois é muito rigorosa consigo mesma e supervaloriza as virtudes e opiniões dos
outros. Porém, quando essa pessoa se conscientiza de sua própria importância, torna-se
capaz de dar apoio e conselhos valiosos a todo mundo. Tendo como base a informação sobre
o nome "Raimundo", você considera coerente com a atitude da personagem principal, no
momento em que ela orienta Sardento?

_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________
f) No capítulo 11, os novos amigos de Raimundo querem lhe dar outro nome: "Mundéu" ou
"Pirundo". Por qual motivo Raimundo não deseja trocar seu nome?

_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________
g) "Raimundo diz para Sardento que o fato de ele ter sardas na pele não muda nada, já que
todos o amavam". Essa atitude revela um amadurecimento de Raimundo?

_____________________________________________________________________________
____________________________________________________________________________

h)A terra dos meninos pelados, segundo a estudiosa Regina Zilberman, pode ser julgada
como um texto politicamente correto, ao falar de pessoas perseguidas pelos preconceitos da
sociedade, que sabem dar volta por cima, não por se adaptarem aos valores predominantes,
mas por se aceitarem como são. Vocês concordam com a opinião da autora? Considera que
Raimundo volta para a realidade mais forte para encarar os preconceitos?

_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________
____________________________________________________________________________

Boa leitura!

Prof.Gisele