Você está na página 1de 2

T EMA: Parábola - A Ovelha Desgarrada

faixa etária: Pré- Jardim adaptável ao jardim

objetivo: A c rianç a deverá c onhec er a Parábola da Ovelha Desgarrada e sentir- se mais segura pelo amo de Deus por
c ada um de nós.

bibliografia: Mt 18:12 a 14; Lc , 15:3 a 7; Salmos 23, 34:22 e 37:5.


Parábola e Esninos de Jesus(Cairbar Sc hutel). c ap "Parábola da Ovelha Perdida"; Eluc idaç ões
Evangélic as (A.Luiz Sayão), c ap Mt XVIII, 12- 14 - Lc XV, 1- 10.

Aula

a) inc entivaç ão Inic ial: Diálogo sobre figura.


A present aç ões ilust raç ões para inc ent iv aç ão e desenv olv er c om as c rianç as uma c onv ersa baseada nos
seguint es it ens:
- Quem sabe o nome deste animalzinh?(Ovelha)
- A ovelha é um animalzinho selvagem, bravo?
- Não, ela até se deixa tosquiar, deixa c ortar sua lã para fazer agasalhos, blusas.
- Como se c hama a pessoa que c uida das ov elhas, as lev a at é o past o e as guia de v olt a?( Past or)
Hoje nós vamos ouvir a história de uma ovelhinha. É uma história diferente porque é uma história que Jesus
mesmo c ontou, quando estava aqui na T erra. Ele a c ontou aos seus amigos. Vamos ouvir?

b) Desenvolvimento:

A PARÁBOLA DA OVELHA DESGARRADA


(baseado em Mt, 18:12 a 14)

Um pastor possuia um grande rebanho de ovelhas, eram 100 animais. De todas ele muito gostava, e c uidava
delas c om c arinho e c uidado. O pastor era muito bom, bom mesmo; e jamais se c ansava de proc urar os melhores
lugares para suas ov elhas past arem; lev av a- as aos c ampos c om bom past o e às f ont es, onde elas enc ont rav am
água fresc a e limpa.

T odas as t ardes o past or c ont av a suas ov elhas , para v er se não f alt av a nenhuma.

Um dia, ao c ontá- las, que surpresa!!! ... Só havia noventa e nove! O pastor c ontou novamente. Afinal, poderia
ter errado... Mas não, faltava mesmo uma ovelhinha.

O pastor fic ou preoc upado. Ele tinha medo que sua ovelhinha pudesse se ferir ou mesmo enc ontrar a morte ao
c air de um barranc o, se afogar...

O que ele f ez? Pôs- se a proc urá- la por t odos os c ant os. Nas enc ont as das roc has, nos barranc os, nos burac os. . .

Então, lá embaixo, sob pedras, avistou a ovelhinha que balia(gritava, c horava).

Por horas a fio o pastor trabalhoum até que c onseguiu salvar o animalzinho.

Como ela estava c om a patinha ferida, ele a pegou no c olo, levou- a até um riac ho de águas fresquinhas e deu-
lhe de beber. Depois fez um c urativo no ferimento, usando um pedaç o da própria túnic a!

E voltou c om a ovelhinha no c olo, andando muitas léguas, até novamente devolvê- la ao rebanho.

E o bic hinho ia ali, naquele c olo quentinho, feliz, apesar da patinha ferida. Ela rec onhec ia no pastor um fiel
amigo.

Quando o pastor foi se aproximando do rebanho c om a ovelhinha nos braç os, todas as outras se aproximaram
balindo(gritando, c ovnersando na linguagem das ovelhas) , alegre. Elas estavam felizes pela volta da c ompanheira e
por se sent irem prot egidas pelo past or.

---

Voc ês gostaram da história? Agora c heguem aqui bem bem pertinho, que eu vou lhes c ontar um segredo! Jesus
c ont ou est a hist ória pra most rar pra gent e que o Pai do Céu é c omo est e past or; e nós somos as ov elhinhas Dele; e
o Pai do Céu gost a de nós, nos ama c omo est e past or. É bom a gent e saber que t ambém t emos além de nosso Pai
do Céu , temos também nosso amigo Jeus, que nos ama muito e os dois tomam c onta de nós, não é mesmo?

T em uma músic a que falad esta história, vamos aprender?

c ) fixaç ão : músic a e c olagem em desenho


c 1 - Ensinar a c antar c om as c rianç as a músic a de Demétrio Pável Bastos:

Um pastor tinha c em ovelhas


Com t odas elas ele passeav a
à tardinha voltou pra c asa
entao viu que uma faltava

Indo at rás de sua ov elhinha


T ão aflito o pastor se ac hava
Que os espinhos que o mac huc av am
O pastor pra eles nem ligava

Vem c a ovelhinha perdida


Por onde v oc ê andará?
Prec iso enc ont rá- la depressa
Pois a noite vai c hegar.

Ac hou a ovelhinha c horando


E no c olo ela a c oloc ou
Prá c asa, a ov elhinha c onduz
O past or se c hama J esus!

c 2) Reproduzir para c ada c rianç a ilustraç ões de ovelhas para c olagem de algodão em seu c orpo.

d) Material didátic o: ilustraç ões c oloridas sobre a parábola c ontada, fita c ontendo a músic a a ser ensinada,
ilustraç ao para c olagem, algodao, c ola.

(Fonte: AME/JF)
obs. : o plano de aula é sugest ão, podendo e dev endo ser modif ic ado para adapt ar- se às suas c rianç as
( respeit e a aut oria e as t raduç ões dos t ext os)