Você está na página 1de 2

Funcionamento

1056b-Detalhes dos bicos injetores Uno Fire

Funcionamento
ELETROINJETORES

Os eletroinjetores, do tipo "top-feed" de jato duplo (com gliceur) inclinando em relação ao


eixo do injetor podem dirigir adequadamente os jatos em direção das válvulas de admissão.

Os jatos de combustível, com pressão diferencial de 3 bar, saem do eletroinjetor


pulverizados instantaneamente, formando dois cones de propagação.

A lógica de comando dos eletroinjetores é do tipo "semi-sequencial", isto é, os quatro injetores


são comandados paralelamente, de dois em dois, uma vez a cada duas rotações da árvore de
manivelas.

A fixação dos eletroinjetores é efetuada pelo tubo distribuidor de combustível, que pressiona os
mesmos nas respectivas sedes situadas nos tubos de admissão. Além do mais, estão unidos
ao tubo distribuidor de combustível através de "travas de segurança". Dois anéis (1) e (2) de
borracha fluorizada os mantém firme no tubo de admissão e no tubo distribuidor de
combustível.

A alimentação do combustível acontece pela parte superior (3) do eletroinjetor, cujo corpo
contém uma bobina (4) ligada aos terminais (5) do conector elétrico (6).

NOTA:
Nas operações de remoção-recolocação, não aplicar forças maiores de 120 N sobre
o conector (6) do eletroinjetor para não prejudicar o seu funcionamento.
Funcionamento
1056b-Detalhes dos bicos injetores Uno Fire