Você está na página 1de 87

Adobe Illustrator CC Open CG

Sumário
CAPÍTULO 01
Aula 01 - Introdução ao Adobe Illustrator..........................................05
O que são vetores?........................................................................05
Tela de boas vindas........................................................................05
Janela de novo documento............................................................06
Raster Effects.................................................................................08
Preview Mode...............................................................................08
Área de trabalho do Adobe Illustrator...........................................08
Barra de menus.............................................................................09
Barra de opções.............................................................................09
Barra de ferramentas....................................................................09
Barra de painéis............................................................................09
Personalizando a área de trabalho................................................10
Atividades.........................................................................10
CAPÍTULO 02
Aula 02 - Usando a Barra de ferramentas..........................................11
Barra de Ferramentas....................................................................11
Formas básicas e modos de desenho.............................................12
Modos de desenho.........................................................................13
Desenhando com a Shaper Tool.....................................................13
Selecionando e modificando objetos.............................................15
Redimensionando objetos.............................................................15
Rotacionando objetos....................................................................16
Colorindo objetos...........................................................................17
Agrupando objetos........................................................................17
Reordenando objetos.....................................................................18
Camadas........................................................................................18
Atividades.........................................................................19

1
Adobe Illustrator CC Open CG

CAPÍTULO 03
Aula 03 - Copiando objetos................................................................21
Alinhando objetos..........................................................................21
Mais opções do painel de Alinhamento.........................................21
Definindo uma referência de alinhamento...................................22
Exemplos.......................................................................................22
Combinando formas de alihamento..............................................23
Defina o alinhamento chave para o Artboard...............................24
Texto..............................................................................................26
Personalizando texto......................................................................27
Atividades.........................................................................28
CAPÍTULO 04
Aula 04 - Pathfinder............................................................................29
Shape modes..................................................................................29
knife Tool ( ferramenta faca ).........................................................33
Divide objects below (dividir objetos abaixo).................................33
Shape builder tool..........................................................................33
Transformações..............................................................................34
Atividades.........................................................................37
CAPÍTULO 05
Aula 05 - Vetorização avançada com a Pen tool.................................39
Grupo de ferramentas....................................................................39
Add anchor point tool....................................................................39
Delete anchor point tool................................................................40
Convert anchor point tool..............................................................40
Pen tool .........................................................................................41
Criando curvas...............................................................................41
Dicas de vetorização.......................................................................42
Observação....................................................................................43
Atividades.........................................................................43
CAPÍTULO 06
Aula 06 - Variações de cores entre dispositivos.................................45
Variações de cores entre dispositivos............................................45
Janela de novo documento............................................................45
Modos de cor.................................................................................45
Tintas especiais.............................................................................46
RGB...............................................................................................46
Modos de cor no illustrator.............................................................47
Escalas de cor.................................................................................48
Organizando as cores no illustrator................................................50
Atividades.........................................................................50
CAPÍTULO 07
Aula 07 - Gradients.............................................................................51
Adicionando cores ao degradê......................................................52
Utilizando a ferramenta gradient..................................................52
Distorções......................................................................................53
Envelopes.......................................................................................54

2
Adobe Illustrator CC Open CG

Máscara de recorte........................................................................56
Realizando máscaras para uma camada inteira............................57
Criando uma máscara de opacidade.............................................57
Atividades.........................................................................58
CAPÍTULO 08
Aula 08 - Edição de Efeitos..................................................................59
Uso e edição de efeitos...................................................................59
Path e Pathfinder...........................................................................61
Expand / Expand Appearance........................................................62
Conta-gotas....................................................................................63
Estilos de gráfico............................................................................64
Atividades.........................................................................64
CAPÍTULO 09
Aula 09 - Ferramentas Avançadas de Texto........................................65
Ferramenta texto de área (Area Type Tool)...................................65
Texto em um demarcador (Type on a path tool)............................66
Contornando objetos com texto.....................................................67
Formatando caracteres..................................................................68
Formatando parágrafos.................................................................69
Fontes............................................................................................70
Utilizando a plataforma de fontes da Adobe, Typekit.....................71
CAPÍTULO 10
Aula 10 - Padrões (Patterns)...............................................................73
Usando padrões prontos do illustrator...........................................76
Recolor Artwork (Recolorização de trabalho)................................76
Salvando as cores encotradas.......................................................77
Color Guide (Guia de Cor)..............................................................78
Atividades.........................................................................78
CAPÍTULO 11
Aula 11 - Malha..................................................................................79
Malha de gradiente.......................................................................79
Criando uma malha de gradiente..................................................79
Sobre objetos feitos com a caneta.................................................80
Colorindo os pontos de malha.......................................................80
Copiando imagens com malha e camadas.....................................81
CAPÍTULO 12
Aula 12 - Fechamento de Arquivos.....................................................83
Fechamento de Arquivos................................................................83
PDF................................................................................................83
Configuração a exportação............................................................83
Salvando para Internet..................................................................85
O conteúdo deste método foi produzido pela equipe de desenvolvimento da detentora dos direitos autoriais, a quem são reservados todos os
direitos. Nenhuma parte desta publicação pode ser reproduzida ou transmitida, sejam quais forem os meios empregados eletrônico, mecânico,
fotográficos, sem autorização previa por escrito. Esta apostila publica nomes comerciais e marcas registrada de produtos pertencentes a diversas
comanhias, somente para fins editoriais educacionais e em beneficio dos proprietários das marcas, sem nenhuma intensão de atingir seus direitos.

Fale conosco!

Sugestão, supostos erros ou dúvidas diferentes aos conteúdo desta apostila deverão ser encaminhados para o e-mail: sac@gracomonline.com.br.
Lote:201704.26-04-2017

3
Adobe Illustrator CC Open CG

4
Adobe Illustrator CC Open CG

CAPÍTULO 01
Aula 01 – Introdução ao Adobe Illustrator

O Adobe Illustrator é um programa voltado para a criação de arquivos e ilustrações vetoriais.


Seu uso permite a criação avançada de ilustrações, elementos de texto e efeitos especiais.
Pode ser usado tanto para fins de impressão como de visualização em monitores e dispositivos
móveis. Suas áreas de atuação envolvem design gráfico, publicidade, elementos para websi-
tes, editoração, dentre outros.

O que são vetores?

Um arquivo vetorial, diferente de uma imagem bitmap comum, é formado por pontos e
linhas. Quando é necessário alterar as dimensões do arquivo não há perda de qualidade
pois o programa efetua um cálculo matemático para ajustar as distâncias entre todos os
pontos, o que garante à imagem manter sempre a mesma aparência, independente de
suas dimensões - ideal para impressão de elementos em vários tamanhos (como marcas
de empresas, por exemplo).

A tela de boas vindas

5
Adobe Illustrator CC Open CG

Ao abrir o Illustrator CC 2017, uma tela de boas vindas com tutoriais e acesso rápido à arqui-
vos recentes irá aparecer. É possível criar um novo documento em File >> New (Arquivo >>
Novo). O atalho para essa função é o CTRL + N.

A janela de novo documento

Logo acima existe um menu com várias categorias de documentos. São elas: Mobile (Dispo-
sitivos Móveis), Web (Internet), Print (Impressão), Film & Video (Filme e vídeo) e Art & Illus-
tration (Artes e Ilustração). Ao escolher uma opção, sugestões de tamanho de arquivos irão
surgir. Como no exemplo abaixo, onde a opção Mobile (Dispositivos Móveis) foi selecionada.

6
Adobe Illustrator CC Open CG

Ao lado direito do painel é possível definir manualmente as dimensões do arquivo (Width para
largura e Height para altura), a orientação (Landscape para paisagem e Portrait para retrato),
o número de páginas, sangria (bleed) e modo de cor (Color mode).

É também possível clicar no botão More Settings (Mais configurações), onde o painel abaixo
aparecerá:

7
Adobe Illustrator CC Open CG

Nele, opções detalhadas para a criação de arquivo estarão presentes. novas opções, além das
antes apresentadas, são Raster Effects (Efeitos de rasterização), Preview Modes (Modos de
pré-visualização).

Raster Effects: Define a densidade de pixels do documento. Isto é, quantos pixels existirão
para cada centímetro ou polegada de uma folha, caso o arquivo seja impresso. Para telas,
essa opção tem como padrão 72PPI (72 Pixels Per Inch, em português, Pixels por polegada).
Mas caso o arquivo vá ser impresso, é necessário escolher a opção High (300 ppi), já que mais
pixels por polegada são necessários para que a impressão tenha boa qualidade.

Preview Mode: Define como o documento será visualizado no Adobe Illustrator. São três op-
ções:

Default: Visualiza o documento em vetor.

Pixel: Visualiza o documento em pixels, isto é: Ao ampliar os elementos da página, sua quali-
dade será comprometida.

Overprint: Visualiza o documento simulando uma impressão. Isto é: Cores sobrepostas irão
gerar uma terceira cor, como funciona em documentos impressos.
Finalizando a configuração e criando um novo documento
Após definir todas as opções para a criação do arquivo, clique em Create Document.

A área de trabalho do Adobe Illustrator

Esta é a aparência da janela do programa quando um novo documento foi criado.

8
Adobe Illustrator CC Open CG

Barra de menus

Nesta barra é possível executar operações básicas com o documento, como salvar, apagar,
criar novos e abrir novos. Além disso, operações com elementos criados e novos paíneis po-
dem ser abertos.

Barra de opções

Esta barra muda suas opções de acordo com a ferramenta seleciona. Ela serve para configurar
a ferramenta selecionada na barra de ferramentas, bem como alternar propriedades de obje-
tos selecionados com a ferramenta de seleção (Selection Tool).

Barra de ferramentas

O principal painel do programa, onde é possível escolher as ferramentas apro-


priadas para cada tipo de ilustração ou design. A ferramenta mais recorrente é a
ferramenta de seleção (Selection Tool, atalho V), que está selecionada no exemplo.

Barra de painéis

Essa barra mostra os paineis abertos bem como expõe


atalhos para os mais comuns. Um paínel exibe opções
específicas para transformar objetos e desenhos de
diversas maneiras.

9
Adobe Illustrator CC Open CG

Personalizando a área de trabalho

A área de trabalho mostrada anteriormente é a padrão do Illustrator. É possível perso-


nalizar a interface do programa e salvar cada personalização em diferentes Espaços de
trabalho (Workspaces).

Na barra de menus, que você já conhece da última seção, existe um menu no canto direito, onde é
possível notar que o espaço de trabalho Essencial (essentials) está selecionado.

Existem diversos espaços de trabalho diferentes, cada um feito para um caso específico. Também
é possível criar seus próprios espaços. Basta abrir paineis diversos (Através do menu Window, na
barra de opções), organizar suas posições, e ao fim da alteração, voltar no mesmo menu de espa-
ços (indicado na imagem) e escolher New Workspace (novo espaço de trabalho).

A T I V I D A D E S

1. Crie novos documentos baseado em situações diferentes: Um documento para desenvol-


ver uma interface de aplicativo móvel, outro para criar um cartaz de festa que será impresso,
e outro para ser usado como marca d’água em um vídeo FULL HD. Apesar de não conhecer o
programa e todos os termos usados na questão, seguindo a interface de criação de novo arqui-
vo irá te fazer aprender coisas novas.

2. Escolha espaços de trabalho apropriados para cada caso

3. Salve os arquivos através do menu File >> Save

10
Adobe Illustrator CC Open CG

CAPÍTULO 02
Aula 02 – Usando a Barra de Ferramentas

Barra de Ferramentas

Seguindo o padrão da Adobe, aquelas ferramentas que exibem um ícone de triângulo


branco no canto inferior direito, como mostrado na imagem ao lado, escondem um
grupo de opções.

Para revelá-las, basta manter o botão esquerdo do mouse pressionado por um segundo
e depois soltá-lo ou, apenas clicar com o botão direito do mouse em cima da ferramenta.
Novas ferramentas da mesma categoria irão aparecer.

Caso queira criar um painel móvel apenas para aquele grupo de opções, clique ou solte o
mouse na barra direta do painel que surge. É agora possível arrastar esse novo painel para
onde desejar.

11
Adobe Illustrator CC Open CG

Formas básicas e modos de desenho

Você pode desenhar com as formas básicas de dois modos: com apenas um clique ou clicando
e arrastando. Se você selecionar a forma desejada e der apenas um clique na tela, surgirá uma
janela onde você deverá inserir os valores exatos de seu objeto (como largura, altura, raio de
arredondamento, número de lados).

O pop-up de configuração de um retângulo, a forma mais básica do illustrator.


Se você clicar, segurar o mouse e arrastar, você poderá fazer sua forma de modo personaliza-
do, vendo como ela ficará. Para modificar algumas propriedades enquanto desenha, use os
atalhos abaixo:

SHIFT: Garante proporção e alinhamento

ALT: Realiza o desenho a partir do centro. Na ferramenta estrela , mantém as pontas


retas.

CTRL: Funciona apenas com a ferramenta estrela . Configura o raio de entrada das
pontas
Setas direcionais: Aumenta e diminui suas propriedades. Como nível de arredondamento ou
quantidade de lados/pontas. A depender da ferramenta.
Barra de espaço: Movimenta o objeto.

12
Adobe Illustrator CC Open CG

Modos de desenho

Na hora de desenhar novos objetos, é possível usar modos de desenho. São, ao total, três
modos e você alterna entre eles através da barra de ferramentas.

Draw Normal (Desenhar Normal)

Desenha por cima dos objetos já existentes, o que é padrão em todas as versões anteriores.

Draw Behind (Desenhar por trás)


Desenha atrás dos objetos selecionados.

Draw Inside (Desenhar por dentro)


Desenha por dentro do objeto selecionado (só permite em um por vez). Essa função cria uma
máscara de recorte, que será vista mais à frente

Desenhando com a Shaper Tool

A Shaper tool é outra maneira de desenhar formas básicas. É ideal para usuários de mesas
digitalizadoras. A Shaper Tool (Ferramenta de forma livre) converte desenhos livres em
objetos perfeitos.

Seleciona a Shaper Tool e desenhe algo similar a um círculo. Não se preocupe com a precisão,
o Illustrator cuidará disso para você

13
Adobe Illustrator CC Open CG

Assim que soltar o botão do mouse, note que o Illustrator converterá sua forma em uma
versão perfeita dela:

Pratique algumas formas específicas. É divertido!

14
Adobe Illustrator CC Open CG

Selecionando e modificando objetos

Para conseguirmos modificar os objetos no Illustrator, eles devem estar selecionados. A ferra-
menta de seleção é a Selection Tool, localizada no topo da barra de ferramentas.

Ultilizando a ferramenta de seleção, é possível selecionar um ou múltiplos objetos (mantendo


a tecla SHIFT pressionada enquanto clica em múltiplos objetos, ou desenhando uma caixa de
seleção na árera de desenho).
Após selecionados. Os objetos podem ser movimentados pela tela ou rotacionados, além de
ter seu tamanho alterado utilizando as alças azuis em volta do objeto selecionado.

Redimensionando objetos

Uma estrela tendo sua largura alterada. Para reproduzir a mesma ação, basta manter o botão
esquerdo do mouse pressionado em qualquer linha azul em volta do objeto, enquanto move
o mouse.

15
Adobe Illustrator CC Open CG

Também é possível redimensionar o objeto mantendo a tecla SHIFT pressionada, a fim de


mantere sua proporção original:

Rotacionando objetos

Basta posicionar o mouse um pouco acima dos cantos diagonais da caixa de seleção (linhas
azuis) de um objeto. Pressione a tecla SHIFT para rotacionar com mais precisão.

16
Adobe Illustrator CC Open CG

Colorindo objetos

Objetos vetoriais possuem uma cor de preenchimento e uma cor de borda. Você pode esco-
lher dentro de um grupo limitado de cores, através da barra de opções:

Ou utilizando o seletor de cor (Color Picker) , dando um clique duplo na barra de op-
ções, para selecionar a cor de forma ilimitada.

Agrupando objetos

Podemos agrupar objetos para que, quando um deles seja selecionado, vários outros sejam
selecionados também, o que ajuda muito a editar objetos que façam parte de uma mesma
ilustração.
Selecione os objetos que deseja agrupar e acesse Object >> Group (CTRL + G). Para desagru-

17
Adobe Illustrator CC Open CG

par, basta selecionar o grupo e acessar Object >> Ungroup (CTRL + SHIFT + G). Essas opções
também surgem ao clicar com o botão direito em cima dos objetos, com a ferramenta Selec-
tion Tool (V).

Reordenando objetos

O Illustrator já vem, por padrão, configurado para desenhar novos objetos por cima dos já
existentes. Caso você queira trocar a ordem dos objetos após já os ter desenhado, use as op-
ções em Object >> Arrange ou clicando com o botão direito em cima. As opções são:

Bring to Front Traz para a frente de todos os objetos.


Bring Forward Traz um nível à frente.
Send Backward Manda um nível para trás.
Send to Back Manda para trás de todos os objetos.

Camadas

A princípio, as duas opções intermediárias (Bring Forward e Send Backward) podem


não funcionar do modo esperado. Por mais que dois objetos pareçam que estão um
acima do outro, se eles estiverem sido criados em momentos muito diferentes, talvez
não estejam imediatamente um após o outro na lista de empilhamento de objetos do
Illustrator. Para ter acesso a essa lista e ter um controle maior da ordem dos objetos,
então acesse o painel Layers (camadas).

18
Adobe Illustrator CC Open CG

Todos os objetos que você cria no Illustrator são armazenados em uma mesma camada, a não
ser que você crie uma outra. Para reordenar os objetos, basta clicar em sua camada e arrastálo
para cima ou para baixo na lista de empilhamento.
Se você quiser ainda criar uma nova camada, para tornar mais organizado o seu fluxo de tra-
balho, clique no ícone destacado. Mas lembre-se: as opções do menu Arrange não funcionam
entre objetos que estão em camadas diferentes. Caso queira trocar a ordem de objetos em
camadas diferentes, troque a ordem da camada inteira ou então puxe os objetos de uma ca-
mada para outra.

A T I V I D A D E S

1. Crie todos os tipos de forma geométrica possíveis. Utilize todas as teclas de modifica-
ção enquanto cria tais objetos (SHIFT, ALT, direcionais) para pegar o jeito com o programa.
2. Altere a ordem de todos os objetos usando o painel de camadas
3. Quando se sentir confortável, tente criar desenhos de personagens geométricos. Já
pensou em, por exemplo, recriar super heróis dos filmes e quadrinhos usando formas
geométricas?

CAPÍTULO 03
Aula 03 – Copiando objetos

Copiando objetos

Existem várias formas de criar cópias entre objetos no Illustrator:


CTRL + C / CTRL + V Copia e cola no centro da tela
CTRL + C / CTRL + F Copia e cola exatamente por cima dos originais
CTRL + C / CTRL + B Copia e cola exatamente por baixo dos originais
ALT + Arrastar objeto selecionado Funciona em conjunto com a ferramenta Selection Tool (V).
Onde o cursor do mouse for solto será criada a cópia

Alinhamento de objetos

Ao selecionar mais de um objeto, nos deparamos, na barra de ferramentas, com as opções


rápidas de alinhamento. Veja as opções completas no painel Align (Window >> Align):

19
Adobe Illustrator CC Open CG

Align Objects (Alinhar objetos): Alinham o centro dos objetos


Distribute Objects (Distribuir objetos): Distribui um espaçamento igual entre o centro dos ob-
jetos

Mais opções do painel de alinhamento

É possível visualizar opções avançadas para o painel, selecionando o menu suspenso do mes-
mo (Fly-Out Menu) e escolhendo Show Options (Mostrar opções)

As opções que surgem são:

Distribute Spacing (Distribuir espaçamento): Distribui um espaçamento igual entre a borda


dos objetos
Align To (Referência de alinhamento): Escolhe a sua referência de alinhamento

Definindo uma referência de alinhamento

Na referência de alinhamento (Align To) do painel Align, existem três opções: Alinhar em re-
lação à seleção (que é o padrão), Alinhar em relação ao objeto chave e Alinhar em relação à
área de trabalho.

Para definir um objeto chave na sua seleção, basta, após selecionar todos os objetos, dar um
clique em cima do objeto que você quer marcar como sua referência. Ele terá uma seleção
mais firme, como mostrada com o objeto amarelo no passo da imagem abaixo. Agora todas as
formas de alinhamento terão aquele objeto como referência.

20
Adobe Illustrator CC Open CG

Exemplos

Utilize a imagem acima como referência. Para entendermos melhor as funções de alinhamen-
to, vamos clicar em seguida em opções específicas:
Horizontal Align Left (Alinhamento Horizontal à esquerda)

Vertical Align Center (Alinhamento vertical centralizado)

Horizontal Distribute Space: 15px (Distribuir espaçamento horizontal)

Teste outras formas de alinhamento, bem como outros centros de alinhamento (Align To) para
dominar as opções do painel.

21
Adobe Illustrator CC Open CG

Combinando formas de alinhamento

Observe abaixo a situação onde temos essa disposição de objetos dentro de um artboard:

Queremos manter os objetos alinhados horizontalmente, um abaixo do outro, centralizados


no Artboard. Como podemos atingir essa aparência usando o painel Align?
Selecione todos os objetos

Utilize a ferramenta de seleção (Selection Tool) para desenhar uma caixa de seleção afim de
selecionar todos os objetos.

Defina o alinhamento chave para o Artboard

22
Adobe Illustrator CC Open CG

Como explicado anteriormente, os objetos devem estar centralizados de acordo com o Artbo-
ard, sendo assim, o centro de alinhamento (Align To) deve estar configurado para ele.
Alinhe os objetos centralmente na horizontal (Horizontal Align Center)

Teremos o resultado abaixo:

Distribua os objetos verticalmente (Vertical Dsitribute Space)

23
Adobe Illustrator CC Open CG

Com a última opção escolhida, temos os objetos distribuidos em todo o Artboard

Texto
Para a inserção simples de texto, use a ferramenta Type Tool X17 . Existem duas formas de
inserir textos: dando apenas um clique (para digitar um texto de ponto) ou clicando,

Texto de ponto X texto de área

O texto de ponto está presente em uma única linha. Ao redimensionar a caixa, o texto é com-
primido como se fosse um objeto sendo redimensionado.

O texto de área está presente na área desenhada. Ao redimensionar a caixa, o texto se man-
tém com o mesmo tamanho e apenas se reenquadra dentro da área.

24
Adobe Illustrator CC Open CG

Algumas opções de transformação do objeto não funcionam do modo esperado se você usar
o texto de área, pois a transformação é feita à caixa, mantendo o texto sempre na horizontal.
Se tentar rotacioná-la, por exemplo, apenas a moldura da caixa gira. A estrutura do texto per-
manece na horizontal.

Convertendo o modo de texto


É possível transformar um texto de linha em texto de área, ou o contrário.
Basta clicar duas vezes no círculo à direita da caixa de texto, sendo ele linha ou área.

Personalizando o texto

A barra de opções exibirá opções exclusivas para personalizar texto. A fonte e seu tipo podem
ser escolhidos, bem como seu tamanho e alinhamento de parágrafo. É possível selecionar
apenas uma parte do texto com a ferramenta de texto e modificar as propriedades apenas
daquelas palavras selecionadas.

25
Adobe Illustrator CC Open CG

A T I V I D A D E S
1) Crie uma arte com formas básicas e torne-a simétrica. alinhe seus objetos utilizando o
painel de alinhamento.

2) Adicione texto à sua arte, transformando-a em uma peça promocional. Utilize textos de
área para inserir blocos de texto longos, e textos de linha para textos de título ou palavras
únicas que servirão como destaque.

CAPÍTULO 04
Aula 04 – Pathfinder

Pathfinder

Pathfinders criam interações entre objetos, para que se possa gerar objetos diferentes
a partir das formas básicas. O painel que contém as opções necessárias é o Pathfinder
(Window >> Pathfinder).

O Pathfinder é separado em dois grupos: o shape modes e o pathfinders. A diferença principal


é que a maioria das opções do primeiro grupo te darão apenas um objeto como resultado,
enquanto a maioria das opções do segundo grupo podem resultar em dois ou mais objetos na
tela - inclusive por esse motivo é o que o resultado sempre é dado agrupado. Para desagrupar,
basta acessar Object >> Ungroup.

Shape Modes
Ilustração original: Unite

26
Adobe Illustrator CC Open CG

Serve para unir os objetos. A cor do objeto que estiver acima prevalece.
Minus Front

Corta o último objeto da pilha com o formato de todos os objetos que estiverem por cima.
Intersect

Serve para manter apenas a área de intersecção entre o(s) objeto(s) selecionado(s).
Exclude

27
Adobe Illustrator CC Open CG

Serve para eliminar apenas a area de intersecção entre o(s) objeto(s) selecionado(s).
Pathfinders
Ilustração original:

Divide

Serve para gerar novos objetos a partir das intersecções existentes. As áreas isoladas, que
pertencem separadamente a cada objeto, também são separadas.
Trim

28
Adobe Illustrator CC Open CG

Serve para cortar o(s) objeto(s) que estiver(em) por baixo com o formato do que estiver
no topo da “pilha”.
Merge

Faz duas coisas ao mesmo tempo: recorta e solda os objetos. O critério para soldagem é a cor
do preenchimento e estilo dos objetos. No exemplo, o objeto laranja foi antes pintado de ver-
melho, para melhor entendermos.

Crop

O objeto que estiver mais ao topo será o molde do que será mantido. Tudo que estiver fora
dessa área será eliminado, como uma fôrma de biscoitos.
Outline

Cria um efeito bastante similar à opção Dividir (Divide). A diferença é que não gera preenchi-
mentos separados, mas sim linhas separadas. O critério continua sendo a área de intersecção
entre os objetos.

29
Adobe Illustrator CC Open CG

Minus Back

Corta o objeto do topo da pilha com o formato de todos os objetos que estiverem por baixo.
Faz o contrário da opção Minus Back, do primeiro grupo.
Outras ferramentas de recorte

Knife Tool (ferramenta faca)

Como uma faca, serve para dividir o seu objeto em fatias. Basta selecionar a ferramenta e,
com seu objeto selecionado na tela, clique e arraste sobre sua área. Serão gerados dois ou
mais objetos, a depender do movimento do recorte.

Divide Objects Below (dividir objetos abaixo)

É possível obter um efeito bastante semelhante com o comando Divide Objects Below (Dividir
Objetos Abaixo). Basta selecionar apenas um objeto de uma pilha de objetos e ativá-lo em
Object >> Path >> Divide Objects Below. O efeito é semelhante ao Crop, que simula uma fôrma
de biscoitos. A diferença é que os objetos que não forem sobrepostos não serão eliminados,
apenas separados. E o recorte é feito em cada objeto que estiver abaixo, não apenas nas áreas
visíveis

Shape Builder Tool

Uma outra forma de criar interações entre objetos é usando a ferramenta Shape Builder Tool
(SHIFT + M), Ela te permite criar quase todos os efeitos do painel Pathfinder de um modo mais
intuitivo.

30
Adobe Illustrator CC Open CG

Observe na imagem acima: Uma linha é traçada no objeto vermelho, fazendo com que o mes-
mo seja separado do resto

CAPÍTULO 05
Aula 05 – Transformações

Para fazer transformações precisas aos objetos selecionados, devemos acessar o comando
Object >> Transform. As mesmas opções também podem ser acessadas ao clicar com o botão
direito sobre um objeto selecionado.

Transform Again
Essa opção serve para repetir a última transformação aplicada.
Move

31
Adobe Illustrator CC Open CG

Essa opção serve para mover o objeto de modo preciso. Esse movimento pode ser aplica-
do ao informar coordenadas na horizontal e vertical ou ao informar uma distância e um
ângulo de direção.
Para informar a distância na horizontal e na vertical, use as duas caixas iniciais. Caso queira
adicionar uma distância de modo relativo à posição original, basta clicar uma vez sobre o
nome Horizontal ou Vertical para deixá-los zerados e o valor que você informar será adiciona-
do à posição original.
Para informar uma distância qualquer e um ângulo, use os dois campos da parte de baixo.
A última linha é voltada para objetos que tenham patterns (padrões) como preenchimento.
Se estiver marcado Objects (Objetos), apenas o formato do objeto é movido, deixando a repe-
tição dos padrões intacta, como mostra a imagem ao lado, o que pode mudar a visualização
dos padrões no preenchimento.
Se Patterns (Padrões) estiver marcado, apenas o preenchimento de padrões será movido,
mantendo o objeto no mesmo local. Se as duas opções estiverem marcadas, tanto o objeto
quanto seu preenchimento de padrão serão movidos juntos, o que o garante sempre a mesma
aparência.
Se você quiser criar uma cópia do(s) objeto(s) selecionado(s) com a transformação aplicada,
basta clicar em Copy (Cópia) ao invés de Ok. Isso manterá o objeto original intacto, enquanto
uma cópia receberá a transformação aplicada.

Rotate
Serve para rotacionar objetos em relação ao seu centro. Basta informar um ângulo e clicar em
Ok ou Copy.
Reflect
Serve para refletir o objeto na horizontal, vertical, ou em relação a um ângulo específico.
Scale
Serve para alterar o tamanho dos objetos. Pode ser feito de modo uniforme ou não-uniforme
(quando se modifica separadamente largura e altura). Na parte de baixo, além das opções re-
ferentes à modificação de padrões, também existe a opção Scale Strokes & Effects (Escalonar
Bordas e Efeitos), que permite que bordas e efeitos aumentem junto com o objeto seleciona-
do, o que o garante sempre a mesma aparência.

32
Adobe Illustrator CC Open CG

Shear
Serve para inclinar objetos em relação a um dado ângulo. O eixo de inclinamente pode ser
vertical, horizontal ou em relação a um ângulo específico.

Transform each
A janela Transform Each (Transformar cada) aplica a mesmas transformações citadas acima,
só que em relação a cada objeto selecionado separadamente, não a todos como se fossem
um objeto só. Te permite ainda escolher um eixo de transformação (o que as opções isoladas
acima não permitiam) e também possui a marcação Random, que se houverem dois ou mais
objetos na seleção, eles receberão transformações aleatórias, o que lhe ajuda a criar uma apa-
rência mais livre, sem precisar selecionar e movimentar cada objeto separadamente.

Ferramentas de transformação
Você também pode realizar essas transformações manualmente, através das ferramentas Ro-
tate Tool, Reflect Tool, Shear Tool e Scale Tool da barra de ferramentas.

33
Adobe Illustrator CC Open CG

A principal característica de usar essas ferramentas é que, após selecioná-las, o primeiro cli-
que será destinado a escolher o seu eixo de transformação na tela. Do segundo clique em
diante, você pode aplicar a transformação. Para criar uma cópia do objeto selecionado en-
quanto transforma, basta manter a tecla ALT pressionada.

Para informar valores específicos, pressione ALT e clique no objeto, para que surja uma janela
referente àquela transformação.

Aplicando transformações em pontos isolados


Como vimos na primeira aula, todo objeto vetorial é formado por pontos e linhas. Podemos
aplicar transformações diretamente sobre um ou mais pontos dos nossos objetos, e assim po-
demos modificar sua aparência. Para selecionar um ponto, use a ferramenta Direct Selection
Tool (Ferramenta de Seleção Direta) .
Dando dois cliques em um ponto do nosso objeto, ela permite isolálo, e toda transformação
feita com qualquer uma das opções mostradas acima será aplicada apenas àquele ponto.

A T I V I D A D E S
1) Crie desenhos mais avançados a partir de formas básicas. Com Pathfinder e Shape Buil-
der, novas formas são possíveis. Solte a imaginação ou siga o exemplo do professor.

CAPÍTULO 06
Aula 06 – Vetorização avançada com a Pen Tool

Vetorização avançada com a Pen Tool

Vimos nas aulas iniciais que todo objeto criado em programas de ilustração vetorial são for-
mados por pontos e linhas e é a localização e formato desses pontos que darão forma ao
objeto criado. Até agora dependíamos das formas básicas do Illustrator para criar nossas ilus-
trações, mas a partir dessa aula poderemos criar qualquer formato desejado com o grupo da
ferramenta caneta (Pen Tool).

Grupo de ferramentas

O grupo da ferramenta Pen Tool possui 4 opções. Falaremos inicialmente da segunda opção
em diante, pois servem para modificar objetos já existentes, enquanto a primeira serve para
criar objetos do zero. Antes de criar nossos objetos devemos analisar quais os principais ele-
mentos de um vetor, para que aí então tenhamos segurança para usar a primeira ferramenta.
Abaixo temos dois objetos vetoriais básicos: um quadrado e uma elipse. No quadrado perce-
bemos os pontos de ancoragem e as linhas que os ligam, enquanto nas elipses percebemos,

34
Adobe Illustrator CC Open CG

além disso, as hastes, que são controladores das curvas feitas pela linha.

Vejamos o que cada uma das ferramentas pode nos oferecer:

Add Anchor Point Tool


Serve para adicionar pontos à um objeto na tela. Basta selecioná-la e clicar sobre uma linha já
existente para que novos pontos sejam adicionados e você tenha maior poder de edição sobre
o objeto. Para mover pontos, use a ferramenta de seleção direta (Direct Selection Tool) ,
selecione pontos individuais e os mova.

Delete Anchor Point Tool


Para eliminar pontos já existentes, basta dar-lhes um clique com essa ferramenta.

Convert Anchor Point Tool

Essa ferramenta serve para converter pontos de retos a curvas e de curvas a retos. Para con-
verter um ponto reto em uma curva, basta, com essa ferramenta, clicar e arrastar sobre esse
ponto, para que surjam duas hastes controladoras dessa curva.

35
Adobe Illustrator CC Open CG

Você ainda pode usar essa ferramenta para movimentar apenas uma haste de um ponto, o
que lhe auxilia a criar cantos.

Para converter um ponto curvo à uma reta, basta, com essa mesma ferramenta, dar apenas
um clique em um ponto. Suas hastes serão eliminadas e ele passará a ser um ponto reto.

Pen Tool
Agora que vimos como modificar objetos, podemos criá-los do zero. Com a Pen Tool, cada
clique que você der gera um novo ponto. Se você apenas clicar e soltar, todos os pontos serão
retos. Veja:

Para fechar esse objeto, basta clicar no ponto inicial novamente. Ao lado do cursor surgirá um
círculo, indicando que você irá concluir o seu objeto. Mas caso você queira deixar o seu objeto
aberto, basta apertar a tecla Enter - e o próximo clique, então, será para gerar um novo objeto.

Dica: para continuar a criar linhas para um objeto que foi deixado aberto, basta clicar no ponto
de uma das suas extremidades.

Criando curvas
Para criar curvas, basta clicar, segurar e arrastar o botão do mouse, ao invés de apenas clicar.
Ao fazer isso surgirão as hastes, que são os controladores de curva do seu objeto.

36
Adobe Illustrator CC Open CG

Ao criar curvas, você perceberá que uma linha sempre será dependente da haste anterior e da
haste seguinte, que ditarão seu formato. Para indicar uma outra direção para a sua última has-
te, basta pressionar a tecla ALT (que irá ativar um modo rápido da ferramenta Convert Anchor
Point) e arrastar indicando a nova direção.

Para remover a haste por completo e tornar a próxima linha reta, basta clicar no último ponto feito.
CAPÍTULO 07
Aula 07 – Dicas de vetorização

Já que já vimos como funciona a ferramenta de preenchimento ao vivo (Balde de Tinta / Live
Paint Bucket), não precisamos mais criar um objeto inteiro e fechado para cada cor, mas pode-
mos agora desenhar várias linhas soltas, para fazer a pintura como se todos os objetos estives-
sem no mesmo plano, usando o balde de Tinta.
• Vetorize sem preenchimento, apenas com uma cor de borda. Isso impede que o objeto
vá se preenchendo à medida que você cria, o que compromete a visualização.
• A quantidade de pontos deixa o seu arquivo mais pesado e, na maioria das vezes, com
uma aparência não muito suave. Portanto, quanto menos pontos, melhor.
• Tente enxegar toda curva como um triângulo. Existe um ponto inicial, que será a base da
curva; um segundo ponto na área mais alta (ou baixa), que será a curva em si; e um ponto
final, que finalizará a base. Com esse raciocínio você cria menos pontos e se aproveita das
curvas para deixar o seu objeto com uma aparência muito mais suave.
Tente fazer apenas linhas retas e depois as arredonde com a Convert Anchor Point, assim
como mostrado abaixo:

37
Adobe Illustrator CC Open CG

Espessuras de contorno variáveis

Até agora, temos trabalhado com espessuras uniformes: o valor que é aplicado ao objeto é
mantido o mesmo em todas as partes. Para a criação de cabelos e efeitos, é interessante o
efeito de diferentes espessuras aplicadas a um mesmo objeto. Podemos fazer isso no Illustra-
tor através da ferramenta Espessura (Width Tool) .
Com essa ferramenta, ao passar o cursor sobre qualquer objeto percebemos que podemos
criar alguns pontos. São esses pontos que nos garantem diferentes espessuras. Basta clicar
onde surgir um desses pontos e arrastá-lo de volta para a linha original (para diminuir a es-
pessura naquele local), ou puxá-lo para longe da linha original (para aumentar a espessura).
Podemos criar vários desses pontos ao longo do traçado.

Para aplicar a modificação de borda a apenas um dos lados da linha, use a tecla ALT enquanto
arrasta a partir de um ponto.

Se quiser salvar uma dessas configurações para ser aplicada a outros objetos, basta usar o
campo Variable Width Profile (Perfil de Espessura Variável) na barra de opções:

38
Adobe Illustrator CC Open CG

Observação

O uso do balde de tinta e das ferramentas de pintura ao vivo não conseguem trabalhar com
alguns efeitos, incluindo as espessuras variáveis: quanto você tentar pintar, o Illustrator trans-
formará todas as bordas variáveis em bordas uniformes novamente. Para evitar esse compor-
tamento ao usar as ferramentas de pintura, devemos antes transformar todas as linhas em
preenchimentos. Isso pode ser feito no comando Object >> Expand Appearance. Ele converte
todos os efeitos em objetos editáveis, o que nos garante a edição completa dos objetos

A T I V I D A D E S
1) Vetorize uma imagem de desenho animado utilizando o grupo de ferramentas da Pen
Tool. Variações como desenhos de personagens de jogos também são recomendadas.
2) Vetorize uma imagem de desenho cujo traçados contém espessuras variáveis, como
desenhos de mangá, que utilizam a variação para reforçar expressões faciais e entonações
específicas às cenas.

CAPÍTULO 08
Aula 08 – Cores

Variações de cores entre dispositivos

Todo trabalho feito em computação gráfica, mais especificamente com impressão, pode apre-
sentar variações do tipo exibido abaixo. Você vê as cores de um modo na tela, no momento da
criação, mas consegue outra cor (ou ligeiras variações daquela cor) no momento da impres-
são. Isso acontece pois não são todas as cores que vemos na tela que serão reproduzidas no
momento da impressão: os monitores conseguem reproduzir milhares de cores a mais.
Então, como saber se uma cor que esteja sendo vista na tela será obtida com a mesma aparên-
cia na impressão? É aí que entram os modos de cor.

Modos de cor

Os modos de cor são a forma que os programas de computação gráfica usam para distinguir
qual será a finalidade daquele arquivo que está sendo criado. Os dois principais modos de cor
são CMYK e RGB.

CMYK

É o modo de cor voltado para impressão. Sua sigla significa Cian, Magenta, Yellow e Black,
que são os quatro canais utilizados para impressão comercial. O papel passa quatro vezes
pela impressora, cada vez para receber uma das quatro tintas (a depender das cores, não
são necessários os quatro canais). Imagine só se, para imprimir uma foto, tivéssemos que
pagar por cada cor separada? Dariam milhares de cores diferentes, o que seria um cus-
to muito grande. Portanto foram feitos estudos e foi constatado que, se misturarmos as
quantidades exatas de ciano, magenta, amarelo e preto, poderemos ter qualquer cor. Mas

39
Adobe Illustrator CC Open CG

essas cores são bastante limitadas em relação às cores que vemos na tela, por isso que
geralmente percebemos diferenças nas tonalidades de impressos.

Cada canal CMYK varia de 0 a 100% para demonstrar uma cor. Será muito comum ouvirmos
algo do tipo: “essa cor tem cerca de 70% de ciano, 45% de magenta, 30% de amarelo e 80% de
preto”. Isso indica a quantidade de cada canal que foi utilizado.

É possível alternar manualmente os valores baseados em CMYK no seletor de cor (Color


Picker).
RGB e CMYK estão presentes.

Tintas Especiais
Tintas especiais como cores neon, cores metálicas e vernizes não são feitos a partir da combi-
nação CMYK, mas são compradas separadamente e são adicionadas ao número de vezes que
um papel passa pela impressora (no CMYK são 4, para cada tinta especial conta-se mais uma).
Além de efeitos, essas tintas extras são usadas também para garantir uma maior segurança

40
Adobe Illustrator CC Open CG

no momento da impressão. Imagine que seja necessário fazer um impresso para a Gracom
e devemos nos certificar que o laranja da marca jamais seja alterado. Como a combinação
CMYK depende de quatro cores, o que implica em uma precisão menor, já que são tantas
cores, podemos comprar separadamente uma tinta do exato tom de laranja que queremos,
sem depender do CMYK. Essa tinta geralmente sai mais cara, mas lhe dá muita segurança na
impressão. As principais empresas responsáveis por fabricação de tintas de impressão são a
Pantone e a TOYO.

RGB
É o modo de cor voltado para a visualização em tela. Caso esteja fazendo um arquivo para
internet, para ser visto numa televisão ou em qualquer dispositivo que usa luz para emitir as
cores, o modo de cor deve ser o RGB. Ele consegue reproduzir todas as cores que os dispositi-
vos móveis atuais conseguem reproduzir, daí incluem-se os tons mais vibrantes. Significa Red,
Green e Blue.

Note que no exemplo, o modo RGB não exibe as cores reais, por serem muito fortes para im-
pressão e apenas compatíveis com telas iluminadas, como monitores de celulares e televisões.
Cada canal consegue reproduzir valores de 0 a 255, onde 255 é o máximo daquele canal.
Como são valores mais extensos do que o CMYK, existe uma outra forma de comunicar as
cores em RGB: são os hexadecimais.

Hexadecimais
Os hexadecimais são códigos de 6 dígitos que servem para identificar uma cor RGB. Os
dois primeiros dígitos se referem à quantidade de vermelho; os dois seguintes se referem
à quantidade de verde; e os dois últimos, à quantidade de azul. A ausência daquele canal
seria indicada por 00, enquanto a total presença seria indicada por FF (a marcação vai de
0 a 9, e então de A até F).

Modos de cor no Illustrator


Ao criar um novo arquivo, é possível escolher o seu modo de cor, escolha o seu baseado no
objeto (Impressão: CMYK ou web: RGB). Agora pode criar suas ilustrações tranquilamente,
sabendo que todas elas atendem à finalidade do arquivo.

41
Adobe Illustrator CC Open CG

Você pode inclusive pesquisar as cores através do Color Picker, na parte inferior da barra de
ferramentas. Ele lhe exibe muitas cores, o que pode acabar lhe deixando inseguro sobre quais
cores atendem à sua finalidade, mas perceba que, caso você selecione uma cor fora do espec-
tro CMYK, ele irá lhe informar através de um triângulo amarelo. Clique nesse símbolo para que
ele lhe apresente a cor mais próxima e possível de ser impressa.

Se um cubo 3D também surgir, é por que você escolheu uma cor fora das cores seguras para
internet (Web Safe RGB). Falaremos dessas cores ainda nessa aula.
Caso você queira trocar de modo de cor enquanto desenha, acesse o comando em File >>
Document Color Mode >> RGB ou CMYK.

Escalas de cor
As escalas de cor (também chamadas de modelos de cor)
são formas diferentes de pesquisar e identificar as cores. Existem pessoas mais habituadas a
pesquisar as cores usando os quatro canais CMYK, outras que preferem o RGB, e outras que
preferem achar uma cor específica (azul, por exemplo) e aí partir daí deixá-lo a seu gosto.
Podemos usar qualquer escala de cor no nosso arquivo, independente do modo de cor que
estamos trabalhando.
Para ter acesso a essas e outras escalas, acesse o painel Color (Window >> Color).

42
Adobe Illustrator CC Open CG

Se seu painel de cor parecer mostrar menos opções, clique em “Show Options” no menu sus-
penso (Fly-out menu)
Inicialmente, surgirão deslizadores referentes ao seu modo de cor atual. Perceba que do lado
direito são exibidos os valores de cada canal necessárias àquela cor. Do lado esquerdo você
define se essa cor será aplicada ao preenchimento ou à borda dos objetos selecionados. Para
trocar de escala, basta clicar no menu suspenso do painel Color. Além de CMYK e RGB, as es-
calas exibidas são:
Grayscale: Te dá apenas o deslizador Black, responsável pela a cor preta. É útil quando traba-
lhamos em arquivos que não levarão cores, apenas tons de cinza.

HSB: Significa Matiz (Hue), Saturação (Saturation) e Brilho (Brightness). A matiz indica o tipo
da cor: azul, amarelo, rosa, dentre outras. A saturação irá indicar a intensidade da cor: uma
matiz azul pode aparecer intensa se sua saturação for 100% e em tom de cinza caso seja de
0%. E o último deslizador, o do brilho, irá definir a presença ou de luz na cor: se estiver para
100%, a cor estará totalmente iluminada, portanto em sua maior intensidade; se estiver para
0%, não haverá luz sobre a cor, portanto o resultado será sempre preto, independente da ma-
tiz e da saturação atribuídas.

43
Adobe Illustrator CC Open CG

Web Safe RGB: São as cores seguras para Internet. Entre monitores, muitos fatores podem ser
obstáculos para as cores: o navegador utilizado, o sistema operacional, a marca do monitor,
dentre outros. As cores exibidas nessa escala são resistentes a todos esses obstáculos, lhe
garantindo sempre cores exatas no ambiente web.

Como citado agora a pouco, caso você use alguma outra escala e escolha uma cor fora do gru-
po de cores voltadas para internet, será exibido um símbolo de cubo em 3D. Para tentar achar
a cor mais próxima possível, clique nele.
E ainda existem duas opções que não são escalas, mas servem para encontrar as cores opostas
(Invert) e as cores complementares àquelas que estamos selecionando.

Organizando as cores no Illustrator


Todos os tipos de preenchimentos (cores, gradientes e padrões) são exibidos e podem ser
salvos no painel de Amostras (Window >> Swatches). Veja as opções:

Inicialmente, o Illustrator exibe as principais cores referentes ao seu modo de cor, seja ele
CMYK ou RGB. Perceba que, ao lado da opção de anular cor (None), do lado esquerdo do pai-
nel, surge também a Registration Color. É a cor de registro, que serve para alinhar as placas de
impressão evitando aparência borrada em impressos coloridos

Para ter acesso a outros grupos de cor, inclusive grupos temáticos, base clicar no primeiro

ícone do lado esquerdo, o menu das bibliotecas de amostras (Swatch Libraries Menu) .
Você também pode alterar o modo e o tamanho das miniaturas exibidas no painel através do
menu de contexto, na terceira seção.

44
Adobe Illustrator CC Open CG

Salvando amostras

Para salvar seus preenchimentos basta selecionar um objeto que o possua e clicar no ícone

New Swatch (Nova Amostra), . Caso queira salvar várias amostras de uma só vez, use o

botão New Color Group (Novo grupo de cor)

A T I V I D A D E S

1) Prepare arquivos das aulas anteriores para impressão ou exibição na web, de acordo
com a intenção de cada peça.

CAPÍTULO 09
Aula 09 – Gradients e Distorções

Gradients

Um preenchimento gradiente (também chamado de degradê) consiste na transição entre


duas ou mais cores. Podemos criar preenchimentos gradientes no painel Gradient (Win-
dow >> Gradient).

45
Adobe Illustrator CC Open CG

No campo Type , devemos escolher qual tipo de gradiente queremos aplicar: Radial (que é
criado a partir do centro) ou Linear (que é criado da esquerda para a direita).

Na parte central do painel temos a visualização das cores que participam do gradiente - que
são, inicialmente, preto e branco. Para controlar a participação das cores, use o polígono que
surge na parte de cima da visualização.
Para trocar as cores participantes, basta dar um duplo clique em cima de um dos indicado-
res de cor. Surgirá um pequeno painel em que você pode escolher as cores de duas formas:
através do painel Cor (Color), que possui deslizadores; ou através das amostras, que possui as
cores salvas no painel Amostras

Adicionando cores ao degradê

Para adicionar mais cores ao gradiente, basta clicar em uma área que ainda não indicadores
de cor.. Para eliminar uma cor, basta arrastá-la para baixo (ou selecioná-la (uma cor selecio-
nada exibe sua “ponta” em preto) e clicar no ícone de lixeira, do lado direito da visualização).
Você ainda pode atribuir diferentes opacidades a cada uma das cores de um gradiente. Basta
selecionar a cor e modificar o valor Opacity, que fica na parte de baixo do painel. O valor “Loca-
tion” (localização), abaixo, permite modificar a posição de uma cor selecionada no gradiente.

46
Adobe Illustrator CC Open CG

Utilizando a ferramenta Gradient


Você também pode fazer várias modificações no Gradiente diretamente no objeto ao selecio-

nar a Gradient Tool (ferramenta Gradient , atalho G). Surgirá uma linha sobre o objeto,
onde você poderá configurar a posição, ângulo, distribuição, quantidade e cores do seu gra-
diente. Se essa linha não surgir, vá ao menu View e escolha Show Gradient Annotator.

Distorções
As opções mais interativas para distorção são as opções do grupo Liquify (tecla de atalho da
principal: SHIFT + R).

As ferramentas funcionam à base de um pincel e, para personalizar o tamanho desse pincel,


basta pressionar SHIFT e ALT ao mesmo tempo que clica, segura e arrasta o mouse.

47
Adobe Illustrator CC Open CG

Para configurar essas ferramentas, dê dois cliques em cima de seus ícones. As opções são:

Width e Height: Controlam a largura e altura do cursor da ferramenta, respectivamente.


Angle: Controlam a orientação do cursor da ferramenta - apenas perceptível quando o
cursor que não seja totalmente circular.
Intensity: Controla a intensidade da ferramenta. Valores altos definem distorções mais
rápidas.

Use Pressure Pen: Lhe permite usar a pressão de uma stylus (de mesa digitalizadora) para
configurar diferentes intensidades. Se você não tiver uma mesa digitalizadora instalada em
seu computador, essa opção estará desativada.
Complexity (disponível para as ferramentas Scallop, Crystallize e Wrinkle): Define o espaça-
mento das distorções nas bordas dos objetos. Tem quase o mesmo efeito que a opção Detail.
Detail: Controla o espaçamento entre os pontos criados na borda dos objetos. Valores altos
deixam os pontos próximos, criando bordas mais irregulares.
Simplify (disponível para as ferramentas Warp, Twirl, Pucker e Bloat): Reduz os pontos supér-
fluos, ou seja, que não fazem muita diferença nas bordas dos objetos.
Twirl Rate (apenas disponível para a ferramenta Twirl): Define a frequência na qual a distorção
é aplicada. Vai de -180º a 180º. Valores negativos distorcem no sentido horário e valores posi-
tivos distorcem no sentido antihorário. Para distorcer mais rapidamente, use valores próximos
dos extremos (-180 e 180º). Para distorcer de modo mais suave, use valores próximos a 0º.
Horizontal e Vertical (apenas disponível para a ferramenta Wrinkle): Define o quão distante
dois pontos são adicionados em ambos os eixos.

Para as três últimas ferramentas (Scallop, Crystallize e Wrinkle) surgem três marcações:
Brush Affects Anchor Points: Cursor afeta os pontos)
Brush Affects In Tangent Handles: Cursor afeta as hastes para dentro
Brush Affects Out Tangent Handles: Cursor afeta as hastes para fora

48
Adobe Illustrator CC Open CG

Envelopes
Um envelope é um objeto que serve para distorcer outro objeto. Você pode criar uma distor-
ção de envelope a partir de uma forma predefinida pelo programa, através de uma malha de
pontos ou através de um objeto já desenhado na tela. Veja como:
Envelope a partir de uma forma predefinida
Object >> Envelope >> Make With Warp

Selecione o objeto que deseja distorcer e acesse o caminho citado acima. Surgirá a janela
abaixo onde você pode configurar:
Style: Defina o tipo de objeto predefinido que você deseja utilizar.
Eixo: Defina se quer aplicar a distorção no eixo horizontal ou vertical do objeto selecionado.
Bend: Defina a intensidade da distorção aplicada.
Distortion (Horizontal e Vertical): Equilibre a distorção entre esquerda e direita (horizontal) e
topo e base (vertical).
Aperte OK para confirmar.
Observação: para voltar a editar essa distorção, acesse as opções presentes na barra
de opções.

Envelope a partir de uma malha de pontos


Object >> Envelope Distort >> Make With Mesh
Selecione um objeto e acesse o menu citado acima. Surgirá uma janela onde você deve definir
o número de linhas e colunas que queira utilizar na distorção.
Aperte OK e, com a ferramenta Direct Selection (seleção direta), selecione os pontos e arraste,
como se fossem pontos âncora normais. Perceba que o objeto original é moldado para preen-
cher exatamente o formato do envelope.

49
Adobe Illustrator CC Open CG

Envelope a partir do objeto acima


Object >> Envelope Distort >> Make With Top Object
Selecione dois objetos, sendo o de baixo o objeto original e o de cima o molde da distor-
ção, e acesse o menu citado acima. Perceba que o objeto de baixo se modela para ter o
formato do de cima.

Editando uma distorção de envelope


• Em qualquer uma das opções citadas acima, você pode personalizar a posição dos pon-
tos âncora do envelope, através da Direct Selection Tool (ferramenta de seleção direta).
• Para remover a distorção, acesse Object >> Envelope Distort >> Release (Seu objeto
original será devolvido, assim como o formato que estava sendo utilizado na distorção).
• Para ter acesso a opções adicionais de Envelope, acesse Object >> Envelope Distort >>
Envelope Options. São elas:
Anti-Alias: Suaviza a borda de elementos raster (como imagens bitmap) para evitar aparência
serrilhada.
Preserve Shape Using: Define como as áreas não retângulares vão ser preenchidas nas ima-
gens bitmap. Escolha Clipping Mask para criar uma máscara de recorte ou Transparency, para
que seja utilizado um canal alpha, sem conteúdo naquela área.
Fidelity: Define a fidelidade da distorção ao formato do envelope.
Distort Appearance: Distorce atributos do painel de aparência como efeitos e estilos de
gráfico.
Distort Linear Gradients: Distorce, além do formato do objeto, o gradiente linear que estiver
nele.
Distort Pattern Fills: Distorce, além do formato do objeto, o preenchimento de padrão que
estiver nele.

50
Adobe Illustrator CC Open CG

CAPÍTULO 10
Aula 10 – Máscaras

Máscara de recorte (Clipping Mask)

Object >> Clipping Mask >> Make


A máscara de recorte (clipping mask) serve para você esconder áreas de um objeto, imagem
ou grupo a partir de um outro formato. É muito útil para simular recortes não-destrutivos, pois
a qualquer momento você pode editar o formato da máscara.

Tenha um objeto na tela e, por cima dele, desenhe um outro formato. Tenha em men-
te que o formato de cima sempre será o formato da área mantida pela máscara: o
que não estiver por baixo dela será eliminado. Selecione os dois e acesse o comando
Object >> Clipping Mask >> Make.
Outra maneira de acessar o comando é, com a ferramenta de seleção, pressionar o botão di-
reito do mouse com a arte selecionada e escolher Make Clipping Mask.
Observação: Caso queira realizar uma mesma máscara para vários objetos, esses objetos de-
vem estar préviamente agrupados.

Editando uma máscara de recorte


Para editar o formato da máscara, basta usar a Direct Selection Tool (ferramenta de seleção
direta sobre os pontos, como se faz para uma distorção em envelope).
Para editar o conteúdo original do recorte, basta alternar através do botão Edit Contents, da
barra de opções, ou através do comando Object >> Clipping Mask >> Edit Contents.
Para remover uma máscara de recorte, acesse Object >> Clipping Mask >> Release. Será de-
volvido o objeto original e, por cima dele, o formato da máscara, sem nenhum estilo de pre-
enchimento ou borda.

51
Adobe Illustrator CC Open CG

Realizando máscaras para uma camada inteira

Para fazer uma máscara em uma camada inteira, incluindo seus grupos, posicione o formato
do recorte no topo da camada, como o primeiro objeto dela. Em seguida selecione o nome da
camada e, no menu de contexto do painel Layers, escolha Make Clipping Mask. Perceba que
agora todos os itens estão sob a área da máscara. Para remover, clique no mesmo botão, que
agora mudou o nome para Release Clipping Mask.

Criando uma máscara de opacidade


Puxe uma imagem para o seu arquivo e, por cima dela, desenhe um objeto com preenchi-
mento gradiente (de branco para preto). Selecione os dois e, no menu de contexto do painel
Transparency, escolha Make Opacity Mask (fazer máscara de opacidade).

Perceba que as áreas que antes eram pretas agora estão transparentes e as áreas antes bran-
cas agora estão visíveis na imagem abaixo; a transição entre as partes se torna em diferentes
níveis de transparência.

52
Adobe Illustrator CC Open CG

No painel Transparency existem duas miniaturas principais: a do objeto mascarado (do lado
esquerdo) e do objeto máscara (do lado direito).

Observação: Caso não estejam visíveis, acesse Show Options (mostrar opções) no menu de
contexto do painel Transparency.
Para editar um ou outro, basta selecionar a sua miniatura e realizar a edição. Para sair do
modo de edição da máscara, clique na miniatura da imagem.
• Para visualizar apenas o objeto máscara, pressione a tecla ALT e clique nele (para voltar
ao modo normal, repita o passo).
• Para remover uma máscara de opacidade, vá ao menu de contexto do painel Transpa-
rency e escolha Release Opacity Mask.

Ao lado das miniaturas surgem duas opções:


Clip: Elimina a visualização das áreas que não estiverem sob a máscara de opacidade.
Invert Mask: Inverte a opacidade dos elementos na tela. Portanto, áreas com 90% de opacida-
de passam a ter 10% e vice-versa.

A T I V I D A D E S
1) Crie uma arte publicitária que utilize efeitos de transformação e máscaras. Junte-se com
colegas para desenvolver a proposta da propaganda e desenvolvam usando as ferramen-
tas apresentadas na aula.

2) Transforme uma das artes realizadas em aulas anteriores em uma bandeira utilizando
as ferramentas de distorção.

53
Adobe Illustrator CC Open CG

CAPÍTULO 11
Aula 11 – Edição de Efeitos

Uso e edição de efeitos


Para aplicar um efeito, basta acessar o menu Effect. Ele estará dividido em duas partes prin-
cipais: efeitos do Illustrator - a maioria aplicáveis apenas a vetores; e efeitos do Photoshop,
aplicáveis tanto a bitmaps quanto a vetores.

Os efeitos do Illustrator que também são aplicáveis à bitmaps são: efeitos 3D , filtros SVG ,
Warp, Transform, Drop Shadow, Feather, Inner Glow, e Outer Glow.
Os efeitos do Photoshop são chamados efeitos raster (raster effects), pois usam pixels para ge-
rá-los. Alguns efeitos do Illustrator também se baseiam em pixels, como os filtros SVG, o Drop
Shadow, o Inner Glow e o comando Feather. Para configurar a resolução desses pixels criados,
acesse o opção em Effect >> Document Raster Effects Settings.

Color Mode: Define o modo de cor do documento.


Resolution: Define a resolução (quantidade de pixels por polegada) que é aplicada aos efeitos
raster.
Background: Defina o que quer nas áreas sem conteúdo: pixels brancos ou transparentes.
Em Options (Opções):
Anti-Alias (evita a aparência serrilhada em bordas de objetos. Deixe desativada para efeitos
em linhas finas e textos).
Create Clipping Mask: Cria uma máscara de recorte nas áreas sem conteúdo. Não há necessi-
dade de deixá-la marcada caso você tenha marcado transparente para os elementos de fundo.
Add Around Object: Cria uma distância a partir das bordas do objeto, no valor que desejar. É
útil para criar uma espécie de borda branca ao redor dos objetos, caso tenha escolhido que
quer planos de fundo em branco.
Preserve Spot Colors: Preserva as cores “spot” escolhidas, que representam cores especiais

54
Adobe Illustrator CC Open CG

diferente das cores de processo CMYK.

Efeitos do Illustrator 3D
Guardam opções referentes à edição em 3D como adição de profundidade, uso de técnicas
para objetos simétricos e rotação simples e 3D

Convert to Shape
Lhe permite converter qualquer objeto em um retângulo, retângulo arredondado ou elipse.

Crop Marks
Adiciona marcas de recorte no(s) objeto(s) selecionado(s).

Distort & Transform


Aplica distorções e transformações dos mais variados estilos.

55
Adobe Illustrator CC Open CG

Path e Pathfinder
São equivalentes aos paineis Path e Pathfinder, com as mesmas funções já vistas antes, mas
aplicados como efeitos.
Transforma os objetos selecionados em imagens bitmap.

Stylize
Aplica efeitos de estilização como sombras, brilhos e aparência rabiscada.

SVG Filters.
Os efeitos SVG garantem uma aparência de efeito raster (como um desfoque, por exemplo),
mas com propriedades que lembram o vetor: são elementos feitos a partir de cálculos mate-
máticos que mantém sua aparência quando redimensionados.

Warp
Aplica distorções baseadas em formas pré-definidas, idêntico ao Envelope Distort, já visto
anteriormente.
Painel de Aparência
O painel de aparência (Appearance) lhe permite controlar todos os efeitos aplicados
a um objeto:

56
Adobe Illustrator CC Open CG

Usando o painel Appearance, é possível dar um clique duplo sobre efeitos aplicados à fim
de editá-los. Também é possível selecionar áreas específicas de um objeto e aplicar efeitos
somente àquelas áreas.

Basta selecionar apenas o preenchimento, ou apenas o contorno, e selecionar o efeito


desejado normalmente.

Expandindo objetos
Caso queira editar os objetos exatamente do modo como os vê, como se todos fossem feitos e
modificados com formas básicas, você precisa expandí-lo através do comando Object >>

Expand / Expand Appearance.


Esse comando, além de lhe dar maior poder de edição sobre o objeto, também facilita na im-
portação do seu arquivo em outros programas, que talvez não consigam ler as informações de
efeito do Illustrator - sobretudo em programas fora do pacote Adobe.
Abaixo, as configurações do comando Expand:

Object: Expande objetos complexos, tais como mesclagens, distorções, grupos de símbolos,
dentre outros.
Fill: Expande apenas o preenchimento dos objetos.
Stroke: Expande apenas a borda dos objetos.
Gradient Mesh: Expande objetos com preenchimento gradiente para simples objetos com
malha de gradiente.

57
Adobe Illustrator CC Open CG

Specify: Expande gradientes ao criar vários objetos. Quanto mais objetos você informar no
campo disponível, mais cores serão expandidas, o que resultará em um aspecto mais suave.
Do contrário, resultará em um gradiente com etapas muito visíveis, como mostra o exemplo
abaixo:

Conta-gotas
O conta-gotas serve para copiar e atribuir propriedades de objetos em vários níveis: desde
copiar apenas as cores de preenchimento até copiar todas as propriedades listadas no painel
de aparência.
Para usar a ferramenta, primeiro selecione o objeto que deseja que receba as propriedades,
ative o conta-gotas e clique no objeto de onde quer pegar as propriedades.
Para configurar o que o conta-gotas copia e o que ele aplica, dê dois cliques em seu ícone na
barra de ferramentas.
Observação: Se você deixar todas as opções marcadas, em ambos os lados, perceberá que
não conseguirá mais copiar apenas as cores dos objetos e sim tudo que estiver listado no pai-
nel de aparência, o que se mostra um empecilho quando trabalhamos com imagens bitmaps
e queremos pegar a amostra de apenas alguns pixels. Para conseguir capturar apenas cores,
independente das opções marcadas, pressione SHIFT enquanto utiliza o conta-gotas.

Caso queira aplicar as propriedades copiadas com o conta-gotas em algum objeto que não
esteja selecionado na tela, clique neles com a tecla ALT pressionada.

58
Adobe Illustrator CC Open CG

Caso queira copiar a cor de algum elemento da sua área de trabalho no computador ou de
algum outro programa aberto e visível na tela, basta, com clicar na tela do Illustrator com o
conta-gotas selecionado e arrastá-lo para a cor que deseja copiar em qualquer área do moni-
tor. Quando a cor desejada estiver sendo visualizada no painel de Cores, solte o mouse.

Estilos de gráfico

Os estilos de gráfico servem para você salvar um conjunto de atributos e efeitos aplicados a
um objeto para posteriormente usá-los em outros objetos, com apenas um clique.
Para salvar os atributos de um objeto selecionado como um estilo de gráfico, basta clicar no
ícone de folha branca (New Graphic Style ), no painel Window >> Graphic Styles,.
Para ter acesso às várias categorias de estilos de gráfico já predefinidas do Illustrator basta
acessar o primeiro ícone do lado esquerdo do painel.

A T I V I D A D E S

1) Crie uma peça publicitária utilizando repetições de estilos: Crie o seu próprio, salve no
painel de estilos de gráfico e repita o padrão para uma identidade visual concreta.

2) Experimente efeitos de sombra e brilho para decorar os itens da peça

59
Adobe Illustrator CC Open CG

CAPÍTULO 12
Aula 12 – Efeitos 3d - Extrude and Bevel

Criando objetos 3D

Os efeitos 3D do Illustrator te permitem criar objetos tridimensionais a partir de objetos 2D.


As opções contidas no menu Effect >> 3D são: Extrude & Bevel (Extrusão & Chanfro), Revolve
(Revolução) e Rotate (Rotação).
Observação: Assim como acontecia com os efeitos discutidos na aula passada, não consegui-
mos voltar a editar um efeito 3D através do menu Effect >> 3D, pois estaremos adicionando
uma nova camada de efeitos por cima do mesmo objeto. Caso queira editar um objeto 3D
(ou com qualquer efeito aplicado) basta acessar o painel de aparência em Window >> Appe-
arance.

Extrude & Bevel

Esse efeito lhe permite adicionar profundidade (extrusão) e personalizar os cantos e bordas
dos objetos 3D.

As opções da caixa de diálogo são:

Position (Posição)

Esse cubo é a representação do ângulo de vista do seu objeto 3D. A face azul é a face frontal
do objeto, as faces do topo e da base são cinza claro, as faces das laterais são cinza médio e
a face de trás é representada por cinza escuro.
Com esse cubo você pode reposicionar o objeto no ambiente 3D de vários modos:
escolhendo uma predefinição no menu acima, clicando em uma das faces e arrastando,
ou clicando em uma das bordas entre as faces, o que lhe permite reposicionar o objeto

60
Adobe Illustrator CC Open CG

apenas em relação a um dos eixos: x, y ou z.


Abaixo, insira um valor para perspectiva do objeto, o que garante um aspecto de distância à
ele. Mas atenção: valores muito altos podem acabar deixando o objeto distorcido.

Extrude & Bevel


Nessa seção você irá modificar a aparência dos cantos do seu objeto 3D.
Cap: Lhe permite ativar ou desativar a face principal, mantendo apenas as “paredes” 3D do
seu objeto.
Bevel: Aplica um estilo de chanfro ao objeto.

Height: Define a intensidade desse chanfro.


Bevel Extent Out: Adiciona o chanfro de dentro para fora do objeto.
Bevel Extent In: Aplica o chanfro de fora para dentro, como se cavasse o objeto. Surface
(Superfície)

Surface (Superfície)
Define a aparência do seu objeto 3D:

Wireframe: É o modo aramado, que visualiza apenas a estrutura do seu objeto 3D.
No Shading: Não adiciona nenhuma luz ou sombra, mantendo a mesma cor do objeto origi-
nal (o que garante um efeito de silhueta).
Diffuse Shading: É a sombra difusa, que busca reproduzir uma sombra mais suave.
Plastic Shading: É a sombra plástica, que busca deixar a iluminação mais definida, com som-
bras e luzes bem marcadas, como num reflexo de plástico.
Observação: Para ter acesso a mais opções de superfície e visualização, clique no botão More
Options, do lado direito.

61
Adobe Illustrator CC Open CG

Opções adicionais de superfície:


Surge uma simulação da iluminação atual do objeto. Para movimentar o foco de luz, dê um
clique nele e arraste. Para adicionar novos focos de luz, clique no ícone de folha branca. Use
o ícone de lixeira para remover. O primeiro ícone serve para mover a luz para frente ou para
trás do objeto.

Do lado direito, surgem alguns campos com valores:


Light Intensity: É a intensidade da luz selecionada.
Ambient Light: É a luz ambiente, que influencia todas as luzes. Se estiver em 0% é como uma
sala com a luz apagada, onde apenas algumas “lanternas” surtem efeito de luz. Se estiver em
100%, o objeto ficará totalmente claro.
Highlight Intensity: Controla a intensidade dos focos mais visíveis de luz.
Highlight Size: Controla o diâmetro dos focos mais visíveis de luz.
Blend Steps: São as etapas de mesclagem. Quanto maior o valor, mais etapas de iluminação
existirão, o que garante uma iluminação mais suave. Quanto menor o valor, menos cores
serão utilizadas e os objetos ficarão com as separações de cores muito visíveis, o que acaba
dando uma aparência de baixa qualidade.
Shading Color: É a cor da sombra. Você pode escolher nenhuma (None), personalizar uma
cor (Custom) ou usar o padrão preto (Black).
Na base do painel ainda existem duas marcações:
Preserve Spot Colors: Preserva as cores especiais utilizadas. Caso você escolha uma cor
personalizada de sombra, todas as cores “spot” (cores especiais como as da escala Pantone)
serão ignoradas e transformadas em cores de processo (CMYK). Portanto, caso essa opção
esteja ativada, você apenas poderá usar a sombra preta, padrão, ou simplesmente desativá-
-la (None).
Draw Hidden Faces: A depender do ângulo, algumas partes de um objeto 3D não são visí-
veis, mas podem ser úteis caso você queira expandí-lo (como foi visto na aula passada). Essa
opção permite que o Illustrator faça o desenho das faces escondidas do objeto, as quais você
poderá ter acesso caso expanda esse objeto.

62
Adobe Illustrator CC Open CG

No exemplo, o objeto à esquerda foi gerado com a opção Draw Hidden Faces. Após ter sua
aparência expandida, é possível ver as áreas que originalmente não seriam desenhadas.

CAPÍTULO 13
Aula 13 – 3D símbolos e Map Art

Map Art

Um objeto 3D tem várias superfícies - como um cubo, que possui seis, e podemos aplicar um
objeto diferente para cada uma dessas superfícies, o que é útil na criação de embalagens,
caixas, recipientes, entre outros.
Para poder mapear ilustrações em faces 3D, é preciso que esse objeto seja um símbolo (volte
à aula 05 para revisar a criação de símbolos).
Para ter acesso ao mapeamento de arte, clique no botão Map Art, do lado direito da janela.

63
Adobe Illustrator CC Open CG

Surgirá a janela acima, onde você define que símbolo quer utilizar e em qual superfície de-
seja aplicar, através dos botões de primeira, anterior, próxima e última superfície, visíveis na
parte superior direita.
É possível transformar objetos em símbolos para serem usados em Map arts, no painel Win-
dow >> Symbols.
As áreas exibidas em cinza claro são áreas visíveis do objeto e as áreas em cinza escuro são
as partes que atualmente estão escondidas - seja por dentro do objeto, seja na parte de trás.

Ao selecionar um símbolo na lista, você usar os botões na parte de baixo para ajustá-lo à
superfície disponível (Scale to Fit), apagá-lo (Clear) ou apagar todos os símbolos de todas as
faces (Clear All).
Observação: Perceba também que só é possível aplicar um símbolo por superfície.
Ainda existem duas marcações na base da janela:
Shade Artwork (Slower): Essa marcação permite atribuir a mesma iluminação do objeto aos
símbolos nele mapeados, o que torna a renderização (visualização do objeto 3D) um pouco
mais lenta.
Invisible Geometry: Essa marcação serve para tornar invisível a estrutura do objeto 3D, dei-
xando apenas os símbolos visíveis, o que é útil para realizar aparentes distorções em textos e
objetos, como mostra a imagem abaixo:

64
Adobe Illustrator CC Open CG

CAPÍTULO 14
Aula 14 – Revolve e Rotate

Revolve
O Revolve lhe permite criar objetos simétricos a partir do desenho de linhas e objetos. Essa
ferramenta realiza um giro de 360º a partir do eixo y, da altura, para gerar seus objetos.
Para ter um descrição fiel de um objeto simétrico, devemos realizar um desenho da metade
vertical do objeto e em sua visão frontal, como mostram os desenhos abaixo.

As opções do Revolve são basicamente as mesmas do efeito anterior, apenas sendo acres-
centados os seguintes modificadores:
Revolve
Angle: Define o ângulo de rotação. O máximo é 360º, que compreende um giro no objeto
inteiro, e valores menores dão a aparência de “fatia de bolo”, já que o objeto não será fecha-
do completamente.
Offset: Adiciona uma distância entre o eixo de revolução (y) e o objeto desenhado, o que
garante uma aparência de anel.
From: Define se a revolução será gerada para a esquerda (Left Edge) ou para a direita (Right
Edge).
Observação: Se aplicarmos um efeito revolve a vários objetos selecionados, cada um deles
irá girar em torno de seu próprio eixo Y. Caso queira aplicar o revolve com o mesmo eixo para
vários objetos, use a aplicação de efeitos para camadas, como mostrado na aula anterior.

65
Adobe Illustrator CC Open CG

Rotate
A última opção do submenu 3D é a mais simples, lhe permitindo apenas rotacionar objetos
2D e 3D nos eixos tridimensionais, mas sem adicionar nenhum tipo de extrusão. Possui parte
das opções anteriores.

CAPÍTULO 15
Aula 15 – Ferramentas Avançadas de Texto

Ferramenta Texto de área (Area Type Tool)

Você pode aplicar texto no interior de objetos. Basta usar a segunda ferramenta do grupo de
texto, a Area Type Tool e clicar na borda de qualquer objeto, aberto ou fechado.

66
Adobe Illustrator CC Open CG

Para configurar opções adicionais de um texto de área basta acessar Type >> Area Type Op-
tions. Surgirá a janela ao lado com as seguintes opções:

Width / Height: Definem a largura e altura, respectivamente, do objeto que contém o texto.
Em Rows (Linhas) e Columns (Colunas) você ainda encontra:
Number: Define o número de linhas ou colunas atribuídas ao texto.
Span: Define a altura das linhas e a largura das colunas.
Fixed: Mantêm fixos os valores de altura e a largura das linhas e colunas mesmo quando você
redimensiona o objeto. Se você deixar essa opção marcada e aumentar um objeto, podem
surgir novas linhas e colunas, mas os valores de altura e largura nunca são modificados. Deixe
essa opção desmarcada caso você queira que a altura e a largura das linhas e colunas seja mo-
dificada quando o objeto/caixa for redimensionado.
Gutter: É a distância entre linhas e colunas.
Inset spacing: Define a distância entre o texto e a borda do objeto.
First baseline e Min.: Define, de várias formas, como a primeira linha do texto se posiciona em
relação ao topo do objeto. Em Min (valor mínimo), defina um valor manualmente.
Em Options (Opções), defina um fluxo de texto entre as linhas e colunas.

Texto em um demarcador (Type on a path tool)

67
Adobe Illustrator CC Open CG

Demarcadores (paths) são a forma como a Adobe chama as estruturas vetoriais. Basicamente,
são a descrição dos contornos dos objetos. Você pode digitar um texto sobre um demarcador,
de modo que as letras acompanhem o seu formato. Basta usar a terceira opção do grupo de
texto, a Type On A Path e clicar na borda de qualquer objeto, aberto ou fechado.

Para aplicar diferentes efeitos no texto que cobre a linha, acesse Type >> Type On A Path e
escolha um dos modelos

Para acessar as opções adicionais, vá em Type >> Type On A Path >> Type On A Path Options,
que exibe as seguinte opções:

Effect: Exibe os mesmos efeitos do menu inicial, que são Rainbow (Arco-íris), Skew (inclinar),
3D Ribbon (fita 3D), Stair Step (passo de escada) e Gravity (gravidade).
Flip: Permite aplicar o texto sobre a face inversa do objeto selecionado.
Align to Path: Define como o texto será alinhado com o demarcador.
Spacing: Define o espaçamento entre as letras do texto em áreas curvas do demarcador, como
mostra o exemplo abaixo. Não tem efeito algum se a digitação for feita em linha reta.

68
Adobe Illustrator CC Open CG

Contornando objetos com texto

Para fazer com que seu texto de caixa contorne outros objetos na tela, selecione os objetos e
a caixa de texto e acesse Object >> Text Wrap >> Make. Você pode fazer algumas alterações
a qualquer momento através da opção Text Wrap Options, no mesmo menu. A condição para
que isso funcione é que todos os objetos (incluindo a caixa de texto) estejam no mesmo gru-
po, sendo a caixa o último da pilha.

Offset: Define a distância dos objetos em relação ao texto, evitando que fiquem
muito próximos.
Invert Wrap: Faz com que o texto ocupe a posição inversa ao ser distribuído.

69
Adobe Illustrator CC Open CG

Formatando caracteres
O painel que contém as propriedades de formatação de caracteres é o Character (Window
>> Type >> Character).

Caso o painel não apareça com todas as opções, clique no menu suspenso e escolha Show
Options
As opções do painel, em ordem de cima para baixo e da esquerda para a direita, são:
Fonte
Estilo da fonte
Tamanho da fonte
Kerning da fonte
Escala horizontal
Elevação de linha
Sublinhado e tachado
Idioma
Espaçamento de linhas
Espaçamento de caracteres
Escala vertical Rotação
Método de refinação da fonte
O Kerning é um espaçamento entre caracteres permite configurar o espaço que existe entre
dois caracteres. A opção Idioma é útil para correção de textos (visto em completo no Adobe
InDesign). O método de refinação da fonte permite definir como a fonte será visualizada na
tela, de modo que possa criar uma simulação de como aparecia na internet (modo Sharp) ou
se impresso em alta qualidade (modo Smooth).

70
Adobe Illustrator CC Open CG

Formatando parágrafos
O painel Paragraph (Window >> Type >> Paragraph) contém opções voltadas para a formata-
ção de parágrafos de caixas de texto. Confira:

Alinhar à esquerda
Alinhar ao centro
Alinhar à direita
Justificado (última linha à esquerda)
Justificado (última linha ao centro)
Justificado (última linha à direita)
Justificado (última linha também justificada)
Recuo da esquerda
Recuo de primeira linha
Espaço antes do parágrafo
Hifenizar (permitir hífens)
Recuo da direita
Espaço após o parágrafo
Fontes

As fontes, como vimos no painel de caractere, é a face principal de um texto, definindo o for-
mato e detalhes dos caracteres. Geralmente, em nosso computador, temos as fontes padrão
de sistema (Arial, Tahoma, Verdana) e também algumas trazidas por programas instalados
(como a Myriad Pro e Kozuka, da Adobe). Para comprar fontes na internet ou adquirí-las gra-
tuitamente acesse os sites citados no box ao lado.
Para usuários do Windows XP, basta copiar o arquivo baixado em seu computador e colá-lo na
pasta C:// Windows/Fonts. Para usuários do Windows, basta clicar no botão Instalar, na parte
de cima da janela de uma fonte.

Caso queira substituir todas as ocorrências de uma fonte utilizada em um arquivo, acesse o
comando Type >> Find Font. Como ilustra a imagem abaixo, na parte de cima você escolherá
quais fontes encontradas no arquivo deseja modificar e, na parte de baixo, você escolhe por
quais serão substituídas. Para que sejam exibidas todas as fontes do seu sistema e não apenas
aquelas que estão sendo usadas no arquivo, encontre a marcação Replace With Font From e
escolha System, ao invés de Document.

71
Adobe Illustrator CC Open CG

Quando encontrar a fonte desejada, clique em Change para modificar apenas o objeto de
texto atualmente selecionado na tela ou Change All para mudar todas as ocorrências da fonte
no documento.

Caso você use uma fonte baixada em seus textos e em seguida tentar abrir esse arquivo em
um outro computador que não tenha a mesma fonte instalada, o Illustrator irá substituí-la por
uma fonte do sistema e surgirá uma janela de erro. Para evitar isso, sempre que usar fontes
baixadas lembre-se de convertê-las em objetos (métodos citados na próxima página), para
evitar maiores sustos e modificações na aparência do seu arquivo.

Utilizando a plataforma de fontes da Adobe, TypeKit

72
Adobe Illustrator CC Open CG

É possível escolher fontes personalizadas e sincronizá-las com a nuvem, dessa forma você tem
acesso à milhares de fontes novas para seus trabalhos, e não corre o risco de perdê-las. Aces-
se-as no botão Add Fonts, no menu de seleção de fontes.

O site do TypeKit irá se abrir em seu navegador, e é possível adicionar fontes à sua conta da
Adobe. Caso você esteja registrado e logado na sua conta no computador, as fontes irão ser
adicionadas automaticamente ao Illustrator.
Convertendo textos em objetos comuns
Para converter seus textos em objetos comuns existem duas formas:
• através do menu Object >> Expand;
• com a ferramenta de seleção (Selection Tool), clique com o botão direito sobre o texto e
escolha Create Outlines.
Assim, basta desagrupar os objetos da letra e trabalhar sobre eles como quiser.

73
Adobe Illustrator CC Open CG

Dica: Para adicionar gradientes de modo completo a objetos de texto, permitindo seu contro-
le de cores e tudo mais, você deve transformá-lo em objeto com um dos comandos citados
acima.

CAPÍTULO 16
Aula 16 – Padrões (Patterns)

Padrões (Patterns)

Padrões (chamados pela Adobe de patterns) são ilustrações repetitivas, útil para preencher
grandes espaços como planos de fundo, embalagens e estamparia. O segredo na criação de
um padrão é utilizar-se de um quadrado como base. Veja os passos a seguir:

#1 Crie um quadrado perfeito


Com a ferramenta Rectangle Tool, dê um clique na área de trabalho do Illustrator. Surgirá uma
caixa de diálogo com as medidas predefinidas para criação, defina um mesmo valor para lar-
gura e altura (como 300px x 300px). Aplique uma cor de preenchimento e elimine sua borda
(a não ser que queira uma aparência quadriculada no padrão).

74
Adobe Illustrator CC Open CG

#2 Adicionando objetos ao padrão


Crie alguns formatos e os coloque sobre o quadrado. Se optar por aplicar apenas objetos na
área interna do quadrado, ele terá uma aparência muito previsível e monótona.
O ideal seria aplicar objetos também nas bordas do quadrado, para eliminar os constantes
espaços vazios ao redor. Acontece que esses objetos devem ter seus equivalentes do lado
oposto, para que não sejam recortados na repetição do padrão. Para isso utilizaremos as coor-
denadas de X (horizontal) e Y (vertical) do Illustrator:
#3 Crie objetos nas bordas e os copie exatamente opostos aos originais
Crie um objeto sobre a borda do retângulo e crie uma cópia sobre o original (CTRL + C/ CTRL +
F). Na barra de opções, busque pelos valores X e Y, que indicam a posição do objeto na tela. Se
utilizar um objeto sobre a borda esquerda, terá que gerar uma cópia na borda direita. Então
adicione “+ 300 px” do lado do valor original de X e perceba que o objeto se move para o lado
direito do objeto. Faça o mesmo para caso use objetos nas extremidades do topo e da base
(use valores positivos em Y para que ele desça e negativos para que suba).

#4 Crie uma base


O Illustrator provavelmente não irá repetir corretamente o seu padrão se você criá-lo a partir
do que já tem. É necessário eliminar as “sobras” que ficaram para fora do retângulo base, uti-
lize o painél Pathfinder ou crie uma máscara de recorte para isso.

75
Adobe Illustrator CC Open CG

#5 Crie o padrão em Object >> Pattern >> Make


Ao executar o comando, o painel de Patterns irá se abrir. Marque a opção “Size Tile to Art”
caso a aparência do padrão não esteja correta. Esse é o resultado que deve ser atingido:

É possível alterar, em Tile Type, a maneira como o padrão será alinhado. P


em ara padrões que sairam de um quadrado perfeito, Grid é sempre a opção adequada.
Em H Spacing e V Spacing, é possível determinar o espaçamento horizontal e vertical entre
cada rrepetição do padrão.

#6 Salve o padrão

Clique em Done, o padrão agora estará disponível no painel de amostras do Illustrator e pode
ser aplicado como preenchimento de qualquer objeto.

76
Adobe Illustrator CC Open CG

Usando padrões prontos do Illustrator


No painel Swatches, é possível acessas padrões prontos do programa, acesse as bibliotecas de
amostras e esciolha a categoria Patterns.

Recolor Artwork (Recolorização de trabalho)


Edit >> Edit Colors >> Recolor Artwork
Uma função muito útil do Adobe Illustrator é a possibilidade de redefinir todas as cores usa-
das em um trabalho selecionado, utilizando apenas uma janela, sem necessidade de seleção
separada de cada um dos objetos. A edição das cores é feita em um anel cromático e surte
efeito em todas as ocorrências de uma determinada cor no trabalho selecionado. Caso seja
necessário editar a cor apenas de alguns objetos, os selecione antes de abrir a janela.
Acessando a janela Recolor Artwork (Edit >> Edit Colors >> Recolor Artwork) é possível perce-
ber duas abas principais: Edit (que serve para editar as cores existentes no trabalho seleciona-
do) e Assign (que define como as novas cores irão ser usadas no trabalho)

77
Adobe Illustrator CC Open CG

.
Observação: Para editar um grupo de cores do painel Swatches, basta dar dois cliques no íco-
ne de pasta que surge à esquerda.

Cores alteradas pela ferramenta.

Salvando as cores encontradas

Para salvar suas cores como um novo grupo no painel de amostras (Swatches), clique no ícone
Novo Grupo de Cor (New Color Group), destacado na imagem. Caso esteja editando um grupo
já existente e queira apenas sobreescrever as modificações, clique no ícone Salvar mudanças
para o grupo de cor (Save Changes to Group Color), ao lado.

78
Adobe Illustrator CC Open CG

CAPÍTULO 17
Aula 17 – Guia de Cores e recolor artwork

Color Guide (Guia de Cor)

Para encontrar rapidamente harmonias de cor, use o painel Color Guide (Guia de Cor). Basta
selecionar uma cor na área de trabalho que ele irá lhe mostrar possíveis combinações em uma
dada harmonia. Para ter acesso a outras harmonias, clique no menu em cima do painel.

Você pode definir como as harmonias serão mostradas através do menu de contexto:
Show Tints/Shades: Mostra variações de preto na esquerda e de branco na direita;
Show Warm/Cool: Mostra variações de vermelho na esquerda e de azul na direita;
Show Vivid/Muted: Diminui a saturação do lado esquerdo e aumenta a saturação do lado
direito.
Especifique o número e a intensidade das variações que surgem na janela, através da opção
Color Guide Options no menu de contexto.

A T I V I D A D E S

1) Crie padrões (patterns) e aplique-os no background de peças criadas anteriormente, ou


crie novas peças com padrões.

2) utilize o painel Color Guide para recolorir artes antes criadas.

79
Adobe Illustrator CC Open CG

CAPÍTULO 18 e 19
Aula 18 e 19 – Malha e Gradientes

Malha de Gradiente
A ferramenta Gradient Mesh (Malha de Gradiente) nos permite trabalhar com inúmeras cores
em um só objeto de modo muito simples. Sobre um objeto é criada uma espécie de tabela, e
nessa tabela todos os pontos (encontros entre linhas e colunas) podem receber cores diferen-
tes. A gradação entre esses pontos é feita de modo bastante suave, garantindo um aspecto
polido e detalhado. Uma malha de gradiente também pode ser modelada e assumir qualquer
forma, o que a torna útil para reprodução de imagens com realismo.

Criando uma malha de gradiente


Crie uma forma básica (como retângulo, elipse ou polígono) e acesse Object >> Create Gra-
dient Mesh (Objeto >> Criar Malha de Gradiente). As principais propriedades são Rows (Li-
nhas) e Columns (Colunas), que definem a estrutura inicial da malha.
A seção Appearance permite definir se a malha criada será inicialmente plana, com todos os
pontos da mesma cor (Flat), se haverão pontos mais claros ao centro (To center), ou pontos
mais claros na borda (To Edge). O campo Highlight define a opacidade dessas áreas claras

80
Adobe Illustrator CC Open CG

Sobre objetos feitos com a caneta


Uma malha é como uma tabela e, ao se utilizar de linhas e colunas devemos levar em conside-
ração que toda a área dessa malha se utilizará dessas mesmas linhas e colunas para gerar sua
estrutura. Se criarmos um objeto livremente com a ferramenta Caneta (Pen Tool), não pode-
ríamos garantir essa simetria necessária e as linhas e comportariam de modo muito diferente
das bordas do objeto por conta da falta de simetria. Para evitar isso, prefira sempre iniciar seus
projetos de malha com formas básicas e, para conseguir outros formatos, use a Direct Selec-
tion Tool e a Convert Anchor Point para ajustar o seu formato.
Adicionando novos pontos na malha
Para adicionar novos pontos à malha use a ferramenta Malha (Mesh Tool - U) , disponível na
barra de ferramentas. Para remover pontos, pressione a tecla ALT use a mesma ferramenta
sobre os pontos.
Colorindo os pontos de malha
Selecione um ou mais pontos de malha com a ferramenta Direct Selection Tool (A) e use o
painel Color (ou o Color Picker) para escolher outras cores. Para copiar cores de imagens im-
portadas ou de outros objetos na tela, use a Eyedropper Tool (I) (ferramenta Conta-Gotas):
primeiro selecione o ponto, em seguida use a ferramenta para copiar cor de uma área para o
determinado ponto.
Dica: Quando estiver reproduzindo imagens, sempre precisará usar a ferramenta Direct Se-
lection (Seleção direta) e, em seguida, a Eyedropper Tool (Conta-Gotas). Após usar as duas
ferramentas seguidamente, use a tecla CTRL para alternar entre elas.

Colorindo os pontos de malha


Selecione um ou mais pontos de malha com a ferramenta Direct Selection Tool (A) e use o
painel Color (ou o Color Picker) para escolher outras cores. Para copiar cores de imagens im-
portadas ou de outros objetos na tela, use a Eyedropper Tool (I) (ferramenta Conta-Gotas):
primeiro selecione o ponto, em seguida use a ferramenta para copiar cor de uma área para o
determinado ponto.

81
Adobe Illustrator CC Open CG

Dica: Quando estiver reproduzindo imagens, sempre precisará usar a ferramenta Direct Se-
lection (Seleção direta) e, em seguida, a Eyedropper Tool (Conta-Gotas). Após usar as duas
ferramentas seguidamente, use a tecla CTRL para alternar entre elas.

Copiando imagens com malha e camadas


Ao posicionar uma malha sobre uma imagem é natural não conseguir ver os detalhes por
baixo. Se diminuirmos a opacidade também perderemos precisão nas cores, portanto o
modo ideal de utilizar malha para copiar imagens é através das camadas (layers). Com
elas você pode separar a imagem em um plano e a malha em outro, podendo a qualquer
momento ativar e desativar seu preenchimento, o que é muito útil ao se basear em for-
matos. Siga o passo-a-passo:

#1 Importe a imagem desejada para o Illustrator


Após importar a imagem, abra o painel de camadas (Window >> Layers) e bloqueie a camada
existente clicando na área destacada em vermelho abaixo. Troque seu nome para Imagem
(para trocar o nome, dê um duplo clique em seu nome atual).

#2 Crie uma nova camada


Crie uma nova camada através do botão Create a New Layer , desenhe uma forma básica e
aplique a malha de gradiente. Para desativar seu preenchimento temporáriamente, pressione
a tecla CTRL e clique no seu ícone de visualização: desse modo apenas sua estrutura perma-
necerá visível.

82
Adobe Illustrator CC Open CG

#3 Edite a estrutura e copie as cores


Use a ferramenta Direct Selection Tool e Convert Anchor Point para controlar a posição e di-
reção dos pontos e hastes, até obter o formato desejado. Crie novos pontos de malha onde
surgem novas cores e utilize da ferramenta conta-gotas (Eyedropper Tool) para copiar as cores
da imagem.

#4 Acompanhe o seu preenchimento


Para retornar à visualização de seu preenchimento, pressione CTRL e clique sobre o ícone de
visualização novamente.

CAPÍTULO 20
Aula 20 – Fechamento de Arquivos

Fechamento de Arquivos
Para gerar impressões ou apenas para visualização de imagens em tela, precisamos exportar
nossos arquivos sabendo quais são os melhores e mais comuns formatos utilizados para cada
caso. Salvando para impressão Os formatos mais utilizados por gráficas para impressão final
são o PDF e o JPEG.

PDF
PDF (Portable Document Format - Formato de Documento Portátil) é um formato que busca
preservar a qualidade de vetores, imagens e fontes de um determinado trabalho. É muito útil
para impressão e também pode ser visualizado em meio digital através do Adobe Reader, pro-
grama gratuito da Adobe para a leitura de PDFs. Também é um formato largamente aceito em
outros programas da Adobe ou de outras companhias.
Para salvar em Adobe PDF, acesse File >> Save As e, no campo Tipo de Arquivo, escolha Adobe
PDF.

Se seu arquivo tiver muitas páginas, você pode escolher quais páginas quer salvar em um de-
terminado arquivo PDF. Basta, na parte de baixo da janela Save As, especificar um intervalo em
Range (Intervalo) ou deixe selecionado All, para salvar todas as áreas disponíveis.

83
Adobe Illustrator CC Open CG

Configurando a exportação:
Adobe PDF Preset: Predefinições de configurações. Para impressão, High Quality Print é reco-
mendada. Impressoras mais antigas ou gráficas que trabalham com padrões específicos po-
dem requerer presets diferentes. Sendo assim, ao fechar o arquivo para impressão, é neces-
sário pedir instruções de padrões que a serigrafia/gráfica usa.
Standard: Define o padrão de PDF usado. Novos padrões com novas tecnologias de compres-
são e melhorias como mais fidelidade de cor são criados todos os anos. Para compatibilidade
com dispositivos (como leitores de PDF ou softwares de impressão) mais antigos, o padrão
deve ser alterado. No geral, essa opção pode se manter como está.
Compatibility: Compatibilidade com versões específicas do Adobe Acrobat.
Pages: É possível definir quais páginas serão impressas. É também possível mudar a configu-
ração entre páginas individuais ou spreads.
Viewing: Em view, se define o tamanho das páginas em proporção aos tamanhos originais. Em
Layout, se escolhe qual layout será exportado.
Embed Page Thumbnails: Exporta miniaturas para as páginas, que podem ser visualizadas em
índices de leitores de PDF, por exemplo.
Optimize for Fast Web View: Comprime imagens e faz outras otimizações para que o arquivo
carregue rápido em páginas da web.

Imprimindo marcas de impressão em PDF (Printer Marks)


A depender do tipo de impressão, do tamanho do papel ou da necessidade do cliente, é útil
imprimir ao redor do arquivo original as marcas de impressão, responsáveis pelo corte, ali-
nhamento e apuração da calibração das cores da impressora. Para ativá-las, acesse o terceiro
tópico destacado acima (Marks and Bleeds) e ative All Printer Marks. Os itens extras nos can-
tos do arquivo servem para checar balanço de cor, alinhamento da impressora, área de corte
e informações do arquivo.
JPEG
JPEG é um formato de imagem bitmap amplamente utilizado tanto em meio digital quanto em
meio impresso. É conhecido por conseguir reproduzir um grande número de cores em arqui-
vos leves, mas essa propriedade exige uma compressão, resultado em perda de informação
de cor. Ainda assim, é muito utilizado por ser de fácil distribuição (gera arquivos leves, levando
em consideração sua qualidade) e uso.
Para salvar em JPEG, acesse o comando File >> Export >> Export As e, na seção, inferior, defina
o tipo de arquivo JPEG.
É possível escolher se serão levadas em consideração as áreas de trabalho (as medidas inicial-
mente utilizadas) ou se o JPEG se resumirá apenas aos elementos desenhados. Para respeitar
as medidas originais, deixe selecionado Use Artboards.

Opções de salvamento JPEG:

84
Adobe Illustrator CC Open CG

Ao salvar um JPEG, surge a janela JPEG Options. As mais relevantes propriedades são:
Quality: Defina a qualidade da imagem. Valores baixos resultarão em imagens leves mas com
grande perda de informação de cor.
Color Model: Define se o seu arquivo será limitado ao intervalo de cores CMYK (voltado para
impressão) ou se não haverá limitação de cores, sendo salvo em RGB (voltado para visualiza-
ção em tela).
Resolution: Define a quantidade de pixels que sua imagem terá, o que define se estará apta
ou não para impressão. Uma impressão em alta qualidade é feita com arquivos com 300 dpi/
ppi ou mais.

Salvando para internet


Os formatos mais utilizados para internet são o JPEG, GIF e PNG. Os dois últimos ainda lhe
permitem salvar imagens com áreas transparentes, útil para criação de layouts e botões de
internet.
Ao salvar para a internet, deve haver um equilíbrio entre a qualidade da imagem e o seu tama-
nho. Em File >> Export >> Export for Screens é possível configurar tamanho em escalas para
telas de diferentes tamanhos.

85
Adobe Illustrator CC Open CG

CAPÍTULO 21
Aula 21 – Prova teórica

CAPÍTULO 22
Aula 22 – Prova Prática

86