Você está na página 1de 8

Jornal dos Alunos da Escola Municipal Educação Infantil Ensino Fundamental ALA - Apoiando a Liberdade de Aprender – Centro, Apiaí-SP

| Junho - 2013 Nº 10

Editorial

Trabalho novo e muita ansi-


edade. A partir dessa edição do jor-
nal escolar vamos passar por algumas
mudanças. A principal é o tamanho
do nosso jornal que agora passa a ter
oito páginas deixando de ser dois jor-
nais e ficando apenas um com o nome
“Pequenos Escritores”.
Eliane Gasparini
Coordenadora Pedagógica

Rafael - 1º ano

Prof.ªMiriam
2 Jornal Pequenos Escritores

Isadora Rosa - 1º ano

ESPA Ç O POESIA
Duas dúzias de na escola, Querido E.T.
Dormir gostoso, após um banho No nosso Brasil
coisinhas à toa que nos Temos uma festa chamada Carna-
delicioso.
deixam felizes! Coisinhas à toa que nos deixam
val
São quatro dias
feliz é correr comendo bis. De folia e diversão
Brincadeira de boneca, peteca,
Pessoas fantasiadas,
quem mais brinca é sapeca.
Saem nas ruas entusiasmadas
Brincar com panela, do lado da E dançam ao ritmo
janela, Do samba animado.
Com pijama de flanela com boli-
Milhares de pessoas
nha amarela. Vão as avenidas
Cachorro comendo osso, perto do Ver as escolas de samba passarem
poço olhando o moço. Só está faltando você nesta folia.
Jogar futebol o dia inteiro, de-
Texto Coletivo - 4º ano A
pois comer brigadeiro. Professora Fátima
Ir à escola, ler historias.
Andar de carro, brincar com bar-
ro.
Rolar no mato, amarrar os sapa- Cheiro de hortelã, terra molhada
tos, de manhã,
Gostosuras no jardim, Vindo de Itaóca, comendo pipo-
Brincadeiras de cansar, ca com mandioca.
Jogar basquete, marcar chiclete, Lacinho de cetim, brincadeiras
navegar na internet no jardim
Andar de bicicleta no quintal, Andar de bike com tênis Nike,
derrubar o varal. tomando Sprite.
Poesia coletiva - 4º ano B
A gente não enrola, estudando
Professora Rosimara
Jornal Pequenos Escritores 3

Festa pro amigo E.T. Duas dúzias de


coisinhas à toa que Mamãe
Olhei para o céu e vi uma luz bri- nos deixam felizes! Mamãe, sei que fui seu primeiro a-
lhante mor.
Estava chegando um convidado E com todos esses anos de carinho
muito importante, seu nome é E.T. Vou te agradecer do jeito que for!!!
Gigante.
Mulher a quem devemos a vida
Ei meu amiguinho E.T. Minha mamãe querida.
Você não sabe o que é uma festa? Mamãe, tanto amor, tanta paz
Então vamos te explicar...
Que coisinhas gostosas que você faz.

A vida nos presenteia com pessoas


Festa tem muita alegria,
maravilhosas como você.
Musicas, docinhos e companhia
Você é querida demais, cada dia te
Festa é divertida
amo mais.
Cheia de travessuras e gostosuras
Mamãezinha bonitinha para mim...
Gente soltando o esqueleto Você é uma rainha.
Dançando tudo o que tem direito És a mais formosa estrela
Muita bagunça e algazarra Brincar no jardim, A flor mais bela do jardim
Deixando a imaginação criar asas! Cuida de todos, especialmente de
Comer quindim,
mim.
Pão com amendoim.
Imaginou meu amiguinho E.T.?
Em uma festa tudo pode acontecer O teu cheiro é mais do que a flor
Não importa o lugar, Assistir Carrossel, Cuida de mim com muito amor.
O que importa é se divertir e co- Ver Papai Noel,
memorar Fazer pastel. Parabéns pelo seu dia
Parabéns pela sua alegria
Então você acha legal?
Participar de uma festança, Crianças do mundo, de valor as suas
Que tal fazermos uma festa
Encher a pança, mães
Em sua nave espacial?
Amiguinhas do E.T. Inventar uma boa dança. Como elas não existirás outras ja-
mais.
Aline e Alissa do 4º ano B
Professora Rosimara Ver a água do mar,
Peço a Deus todos os dias
Sentir o gostoso ar, Por você existir na minha vida
Fazer guerra de polegar. Você é sagrada e abençoada por
Deus.
Passear no domingo,
Poesia coletiva - 4º ano B
Ganhar prêmios no bingo, Professora Rosimara
Ir ao zoológico ver o flamingo.

Comer macarrão,
Brincar de caminhão,
Soltar bolinhas de sabão.

Usar o computador,
Esquecer a dor,
Dar um abraço com amor.

Texto coletivo - 4º ano A


Professora Fátima
4 Jornal Pequenos Escritores

Adivinhas
Jornal Pequenos Escritores 5

Artigo de Opinião
dicar o lugar onde vivem os a- sas ideias e opiniões sobre um
Áreas verdes de Apiaí nimais, provocar até mesmo a assunto muito sério mas que
pedem Socorro sua extinção, além de pôr fim
aquilo que temos de maior va-
não é todo adulto que se preocu-
pa muito com ele!
Nós, alunos do 5º ano C da
lor, nosso verde exuberante. Gostaríamos que as pessoas
professora Mariza, da EMEI-
Lembramos que ao preservar- parassem para observar melhor
EF - ALA, estivemos por esses
mos nossas florestas, estare- os espaços onde vivem, que cui-
dias fazendo um passeio par
mos preservando os animais, dassem melhor deles, que sen-
observação das transformações
as plantas, o ar puro e o bem tissem mais amor por tudo a-
da paisagem da nossa cidade.
maior, nossa água ... Água quilo que Deus fez e nos deu de
Descobrimos então, que
límpida que como outra é difí- graça e que não estamos nem ao
existem áreas verdes que estão
cil de encontrar! menos sabendo cuidar.
aos poucos desaparecendo, co-
Frequentemente ocorrem queima- Às autoridades competen-
mo é o caso daquele pequeno
das e derrubadas de arvores em tes, pedimos que fiscalizem e
horto florestal, próximo ao C-
vários bairros como Pinheiros e multem aqueles que cometem
DHU 1 que, dia após dia, di-
Benvindo, de acordo com o rela- crimes contra a natureza. Aos
minui cada vez mais, devido ao
to de crianças moradoras dos cidadãos apiaenses, pedimos
desmatamento feito por parte
bairros. que cuidem e denunciem aqueles
de pessoas que moram próxi-
Aprendemos na escola, que o que cortam arvores, jogam lixo
mas à ele. De acordo com depo-
homem precisa sim construir em qualquer local, provocam
imentos dos moradores, muitas
casas, prédios, praças, etc para queimadas ... Se cada um de nós
aves que existiam, já nem se vê
viver melhor e com mais confor- agirmos com responsabilidade,
mais. Outra área que represen-
to, mas aprendemos também teremos sempre uma cidade bo-
ta o nosso belo verde e, que está
que se não preservarmos ao nita e boa para viver, como é a
aos poucos sendo invadida por
máximo nossas paisagens na- nossa.
moradias, é a floresta próxima
turais, não conseguiremos ga- E não esqueça! Se puder
ao Colégio Cecília Meirelles.
rantir a sobrevivência do ho- plante uma arvore! A vida a-
Achamos que se isso continuar,
mem. gradece!
em pouco tempo todo aquele
Resolvemos escrever este Texto produzido coletivamente pelos
verde irá desaparecer e preju- alunos do 5º ano C e a prof.ª Mariza,
artigo, procurando colocar nos- após um passeio pelos lugares citados

Combatendo o Inimigo causa horríveis cenas de vados pela curiosidade ou


violência e até mortes. influência de “amigos”.
As drogas são um Segundo pesquisas o Por isso a importância
problema serio que está a- Brasil é o segundo maior dos pais e comunidades
tingindo todos os lugares. mercado consumidor de ficarem atentos. Vigiar e
Não só as cidades grandes
cocaína e derivados e o cuidar para saber onde es-
mas também as pequenas
maior mercado de crack. tão e o que fazem suas
vilas e até as aldeias indí-
Infelizmente o grande crianças é a única manei-
genas são afetadas pelo
número de pessoas atingi- ra de se prevenir e evitar
problema.
do pelas drogas são crian- que esse inimigo vença.
Esse é um mal que
ças e adolescentes que na
prejudica milhões de pes- Texto elaborado pelos alunos do
maioria das vezes são le- 5º ano B
soas, destrói famílias e Professora Eliane Falcão
6 Jornal Pequenos Escritores

Abuso de menores A importância


Os casos de abusos de me- do idoso
O lixo de
nores são muitos em nosso país.
A maioria deles acontecem com
Um dia nós ficaremos idosos, todo mundo
meninas que sofrem abuso den- agora imagine se por causa disso ti-
tro da própria casa por familia- véssemos mais importância? O lixo é um problema
res. Isso não quer dizer que os Ser idoso é ser uma pessoa com muito comum, porém seu
meninos também não sejam abu- desperdício e acúmulo ex-
sados porém, é em número menor muitas histórias para contar, é ter
cessivo está cada vez mais
e geralmente por pessoas estra- experiência para trocar com outras
degradando o meio ambi-
nhas. pessoas; é ter conquistado muitas coi- ente e assim prejudicando
Existem pais que não acre-
sas e muitos amigos, é ter vivido mui- não somente a natureza
ditam quando seus filhos relatam
tal acontecimento o que torna tos e muitos anos... mas a nos mesmos.
ainda mais difícil a vida dessas Com os idosos podemos apren- Considero o lixo um
crianças que geralmente tornam- der tudo aquilo que nos leva o vencer fator prejudicial a toda so-
se tristes ou até mesmo violen- ciedade. Pesquisas realiza-
na vida, porque eles sabem mostrar
tas.
para cada um de nós o caminho que das concluíram que o lixo
Para se prevenir os pais devem
conversar sobre esse assunto devemos seguir. alterou as calotas polares
desde cedo com seus filhos para Eles nos ensinam a respeitar as aumentando o nível do
orientá-los e ajudá-los a identifi- mar e a elevação da tem-
pessoas, os animais, a natureza e toda
carem as ameaças de abuso. peratura da Terra, isso a-
É dever da sociedade, go- a vida! penas pela ação do homem
vernos e familiares proteger nos- Não existe o mundo sem os não pensada.
sas crianças. Por isso fique aten- idosos, porque eles são importantes Poluir o meio ambien-
to o mal pode estar mais próximo
do que imaginamos. Qualquer
para o futuro de nós que hoje somos te parece nos algo que no
suspeita de abuso contra meno- crianças. Esta importância está no futuro não trará conse-
res deve ser denunciado ao Con- carinho e na preocupação devemos ter quências, mas não é ver-
selho tutelar ou a polícia local. por eles. dade, uma simples sacoli-
Texto produzido pelo aluno Juliano de nha plástica trás inúme-
Texto elaborado pela aluna Isabella
Thatiele O. Santos com a ajuda dos alu- Oliveira Cristo, 5º ano C / Prof.ª Mariza, ros problemas tendo dano
nos do 5º ano B / Professora Eliane com o auxilio da família. a fauna e flora que é o nos-
so meio de sobrevivência.
A influência da In- tempo conectados ao “mundo digi- Enfim, o lixo que nós
ternet na vida das
crianças e dos jo- tal”. mesmos produzimos mata
vens O que eu acho é, com essa mo- os recursos naturais que
A internet está presente em nos dá a vida, poluímos o
dernização os jovens e crianças nosso próprio ar, alimen-
praticamente todos os lugares, estão se tornando cada vez mais tos, águas, etc. cada pesso-
pois ela é muito importante nos sedentárias e depende do uso de- a deve fazer a sua parte,
dias de hoje nos trazendo infor- la, uma vez que deixam de prati- jogando lixo no lixo, sepa-
mações de todos os lugares , di- car alguma atividade física ou ter ração do lixo orgânico do
vertindo e servindo como fonte de inorgânico entre outras
um convívio virtual com outras
estudo. A cada dia a internet ações de preservação do
pessoas e assim futuramente aca- meio ambiente.
está se modernizando e em con- bará tornando-se prejudicial tanto
sequência disso, se tornando mais na parte física como na parte e- Maria Gabriela da Paz
acessível para todos os cidadãos. mocional do jovem, dificultando de Jesus
Podemos perceber, isso ao fato seu convívio na sociedade.
das crianças e dos jovens de todos 5º ano A
os anos passarem a maior parte do Ariane 5º ano A - Professora Juceli Professora Juceli
Jornal Pequenos Escritores 7

Pesquisa com os pais sobre a importância da escola


A escola é muito importante na A escola é importante para a
Pode-se afirmar que a escola é o formação da pessoa. Ela auxilia na
formação do se humano, além da trans- coordenação motora e psicológica.
segundo ambiente mais importante na vida
missão de conhecimento, nos proporcio- Ajuda no conhecimento das raças,
social de um ser humano. É lá que com a na a convivência social que enriquece e cultura, saúde, natureza, meio ambi-
ente, alfabetização e muitas das ve-
ajuda dos educadores e pais, que uma pes- ensina limites. zes ajuda na decisão para a profis-
são do individuo.
soa vai se constituindo como ser pensante e Delma Terezinha Ristof Fontanesi
questionador, despertando seus potenciais Aluna: Carolina Ristof - 3ºano B Vilma Santos Barbosa
Aluno: Luiz Henrique - 3º ano
criativos e talentos.
Joseli Antunes Albuquerque Para mim a escola é de muita
Aluno: Bruno M.Albuquerque - 3ºano C importância pois preparam nossos fi- A escola é muito importante
lhos para as responsabilidades que para a formação profissional e do
terão de assumir na vida, encaro a
A escola é a nossa segunda escola como uma aliada pois o objetivo
caráter. A escola é um investimen-
dos professores é o mesmo que o de nós to a longo prazo e com retorno
família, a nossa segunda casa. É um
pais: produzir jovens que mais tarde se muito grande se for bem investido.
lugar que a gente aprende a ler e es- tornarão adultos maduros, equilibra- É na escola que a criança desenvol-
crever. Podemos fazer amigos e a- dos usufruindo a vida e podendo achar
ve suas habilidades físicas e intelec-
seu lugar na sociedade em que vivem.
prendemos as regras da sociedade e Por isso a educação escolar deve ser tuais. Uma criança sem escola é
assim poderemos conviver melhor. levada muito a sério. uma criança sem futuro.

Denise Lúcia dos Santos Tatiane Batista Caniles Gonçalves Eliane Loureiro Bontorin Franco
Aluna: Emanuelle - 3º ano A Aluna: Myllaine Ap.ª C. G./3º ano C Aluno: Murilo Bontorin - 3º ano B

Bilhetes
8 Jornal Pequenos Escritores

Projeto “Ler, prazer e saber” Atenção

No ano de 2011 recebemos a formação do curso “Ler, prazer


e saber”, onde desenvolvemos atividades visando a leitura prazerosa,
tendo como foco estimular o hábito de leitura em nossos alunos...
As práticas de leitura tiveram Convidamos todos os
continuidade em 2012 e neste ano de alunos e seus pais para a
2013 reiniciamos o projeto com uma nossa Festa Junina Interna,
roda de leitura feita em HTPC pela que será realizada no dia
equipe gestora, dando assim continuida- 26 de junho no período de

de aos trabalhos já realizados nos anos aula.

anteriores.
Segue o registro de como foi de-
senvolvida a roda de leitura contemplan-
do as passos à qual o projeto embasa.

1º passo: Aquecimento ções: Tatiana Paiva


EXPEDIENTE
Explorar a capa do livro atra-
vés de perguntas: 3º passo: Desdobramento Escola Municipal de Educação In-
- Qual o título do livro?, - Gostaram da história?, fantil e Ensino Fundamental
“Apoiando a Liberdade de Apren-
- O que é um Araquã?, - O que vocês relataram antes der”
- Por que vocês acham que é da leitura, foi o que realmente
um pássaro?, aconteceu?, Diretora:
Elizabete Rodrigues Sare
- Que cor deve ser o Araquã?, - Araquã realmente é um pás-
- Sobre o que vocês acham que saro?, Vice-diretora:
Rita de Cássia Andrade Munhão Silva
fala este livro? Por quê?, - Ele é da cor que vocês pen-
- O que mais chamou atenção saram?, Supervisora:
Heloína Martins Chaves Hernandez
de vocês na capa? - Como foram as atitudes do
Araquã no inicio da história?, Coordenadora Pedagógica:
Eliane da Silva Gasparini
2º passo: Leitura Expressiva - Por que ele agiu assim?,
Livro: Festival da Primavera - - E no final, o que aconteceu?, Diagramação:
Regina Mota Antunes da Silva
Aventuras do Araquã. Recon- - Podemos aprender alguma
tado por Braguinha. Ilustra- coisa com esta história? Elaboração: Professores e alunos

Telefone: 3552-2245

Tiragem: 235 exemplares


Código do Jornal: PLSP10/002
Impressão:
Comunicação e Cultura em parceri-
a com o Centro de Apoio à Comuni-
cação Popular