Você está na página 1de 2

HEITOR DE PAOLA

Médico, especializado no estudo e tratamento de distúrbios mentais de origem psicológica. Até há


pouco me intitularia psicanalista. Não o faço mais porque a formação que fiz com tanto esforço,
estudo e desenvolvimento pessoal, tornou-se uma espécie de leito de Procusto onde, esticando um
pouco ou cortando pedaços, cabem todos os que se aventuram por suas sendas. Durante algum
tempo tentei, junto com outros, ser uma espécie de Teseu para conjurar o monstro, até que percebi
que a própriaInternational Psycho-Analytical Association, fundada por Freud para ser a guardiã de
suas descobertas e das que posteriormente dela derivassem, prostituiu-se através da implementação
do “pluralismo”, forma específica do relativismo cultural que assola a cultura ocidental,
destruindo-a por dentro. Tornou-se impossível criticar – qualquer charlatanismo era considerado
boa psicanálise – imperava o “politicamente correto”. A invasão marxista dos anos 60, bem
disfarçada embora visível até 1982, mostrou toda sua força destrutiva desde então. Ultimamente
piorou tanto que passei a sentir vergonha deste título, embora continue fazendo na minha clínica
privada o que sempre fiz: tentar entender o inconsciente, este locus onde está tudo que temos de
pior e de melhor.

Nasci em Rio Grande, RS, em 1944 único filho de Francisco Raphael De Paola, comerciante bem
sucedido, filho de imigrantes italianos e de Maria Bandeira De Paola, excelente dona de casa e,
principalmente, cozinheira de mão cheia. Estudei Medicina, título que ainda me causa orgulho, em
Pelotas, na atual Federal e em 1970 vim para o Rio de Janeiro a fim de fazer a formação
psicanalítica e me estabelecer. Aqui conheci Magali, Economista, com quem estou casado desde
aquele ano. Tenho dois filhos e até o momento três netos.

Fui comunista, integrei a Ação Popular (AP) entre 63 e 68, fui Vice-Presidente da UNE em 65. Saí
da AP quando foi decidido tomar em armas – em janeiro, não como dizem em resposta à ditadura
do AI-5, este sim consequência da violência das ações guerrilheiras e terroristas que se seguiram.

Desde 2001 comecei a escrever sobre os assuntos deste blog – mais profundamente abordados no
meu site (www.heitordepaola.com), participei de cursos de Filosofia com Olavo de Carvalho, de
quem tornei-me amigo e admirador.

Meus interesses:

A- Na área de história principalmente os seguintes  períodos:

1- A Idade Média, principalmente a Alta, dos anos finais do Império Romano à formação dos
primeiros Estados Nacionais surgidos das invasões.

2- O período entre guerras do século XX e a formação dos estados totalitários.

3- A historia dos povos anglo-saxônicos, principalmente a formação dos Estados Unidos da


América e sua Constituição. Interessa-me sobremaneira a história da liberdade individual.

B- A origem, a formação e o estado atual das ideologias surgidas após o Iluminismo anti-Cristão. A
negação da religião como fonte de valores morais.

C- Política de maneira geral, economia política (embora meus conhecimentos de economia sejam
muito limitados). Globalização, ONU, governo mundial.

D- Filosofia: ainda me considero um simples estudante.

(Uma biografia mais completa estará publicada no site em breve).

Você também pode gostar