Você está na página 1de 76

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc.

Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.


Infraestrutura
hiperconvergente

2ª edição especial da VMware

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
Infraestrutura
hiperconvergente

2ª edição especial da VMware

de Michael Haag
VMware – Armazenamento e disponibilidade
Gerente de marketing de produtos do grupo

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
Infraestrutura hiperconvergente para Leigos®, 2º edição especial da VMware
Publicado por
John Wiley & Sons, Inc.
111 River St.
Hoboken, NJ 07030-5774
www.wiley.com
Copyright © 2018 por John Wiley & Sons, Inc., Hoboken, Nova Jersey
Nenhuma parte desta publicação poderá ser reproduzida, armazenada em um sistema de recuperação ou
transmitida de qualquer forma ou por qualquer meio, eletrônico, mecânico, fotocópia, gravação, digitaliza-
ção ou de outra forma, exceto conforme permitido nas Seções 107 ou 108 da Lei de direitos autorais dos
Estados Unidos de 1976, sem a prévia autorização por escrito da Editora. Os pedidos para permissão da
Editora devem ser enviados para Permissions Department, John Wiley & Sons, Inc., 111 River Street,
Hoboken, NJ 07030, (201) 748-6011, fax (201) 748-6008 ou on-line pelo site http://www.wiley.com/go/
permissions.
Marcas registradas: Wiley, For Dummies, o logotipo Dummies Man, The Dummies Way, Dummies.com,
Making Everything Easier, e imagens comerciais relacionadas são marcas comerciais ou marcas registradas
da John Wiley & Sons, Inc. e/ou de suas afiliadas nos Estados Unidos e em outros países, e não poderão ser
utilizadas sem permissão por escrito. VMware, NSX, vSphere e vRealize são marcas registradas da VMware,
Inc. vSphere Storage DRS, vSphere Virtual Volumes, vSphere Replication, vSphere Thin Provisioning, vCenter
Server, vRealize Air Automation, vRealize Log Insight, vRealize Operations, vRealize Operations Manager,
vRealize Automation e Horizon Air Hybrid, vSAN e vSAN ReadyNode são marcas comerciais da VMware, Inc.
Todas as outras marcas comerciais são propriedade de seus respectivos proprietários. A John Wiley & Sons,
Inc. não está associada a nenhum produto ou fornecedor mencionado neste livro.

LIMITAÇÃO DE RESPONSABILIDADE/RENÚNCIA DE GARANTIA: A EDITORA E O AUTOR NÃO FAZEM


DECLARAÇÕES OU GARANTIAS RELATIVAMENTE À PRECISÃO OU À INTEGRIDADE DO CONTEÚDO
DESTA OBRA E, ESPECIFICAMENTE, RENUNCIAM A TODAS AS GARANTIAS, INCLUSIVE, ENTRE
OUTRAS, GARANTIAS DE APTIDÃO PARA UM DETERMINADO PROPÓSITO. NENHUMA GARANTIA
PODE SER CRIADA OU ESTENDIDA POR VENDAS OU MATERIAIS PROMOCIONAIS. AS ORIENTAÇÕES
E AS ESTRATÉGIAS CONTIDAS NO PRESENTE DOCUMENTO PODEM NÃO SER ADEQUADAS PARA
TODAS AS SITUAÇÕES. ESTA OBRA É VENDIDA COM O ENTENDIMENTO DE QUE A EDITORA NÃO
PRESTA SERVIÇOS JURÍDICOS, CONTÁBEIS OU OUTROS SERVIÇOS PROFISSIONAIS. SE FOR PRECISO
ASSISTÊNCIA PROFISSIONAL, DEVEM SER USADOS OS SERVIÇOS DE UM PROFISSIONAL COMPETENTE.
NEM A EDITORA NEM O AUTOR SERÃO RESPONSÁVEIS POR DANOS SURGIDOS DESTA OBRA. O FATO
DE QUE UMA ORGANIZAÇÃO OU UM SITE É MENCIONADO NESTA OBRA COMO UMA CITAÇÃO E/OU
UMA FONTE POTENCIAL DE INFORMAÇÕES ADICIONAIS NÃO SIGNIFICA QUE O AUTOR OU A EDI-
TORA APROVE AS INFORMAÇÕES QUE A ORGANIZAÇÃO OU O SITE OFEREÇA OU RECOMENDAÇÕES
QUE FAÇA. ALÉM DISSO, OS LEITORES DEVEM ESTAR CIENTES DE QUE OS SITES DA INTERNET LISTA-
DOS NESTA OBRA PODEM SER ALTERADOS OU RETIRADOS NO PERÍODO EM QUE O LIVRO FOI
ESCRITO E QUANDO FOR LIDO.

ISBN 978-1-119-51528-9 (pbk); ISBN 978-1-119-51529-6 (ebk)


Fabricado nos Estados Unidos da América
10 9 8 7 6 5 4 3 2 1
Para obter informações gerais sobre nossos outros produtos e serviços, ou sobre como criar um livro perso-
nalizado para Leigos para sua empresa ou organização, entre em contato com nosso Departamento de
Desenvolvimento de Negócios nos EUA pelo telefone 877-409-4177, pelo e-mail info@dummies.biz ou visite
www.wiley.com/go/custompub. Para obter informações sobre licenciamento da marca para Leigos para
produtos ou serviços, entre em contato com BrandedRights&Licenses@Wiley.com.

Reconhecimentos da editora
Algumas das pessoas que ajudaram a colocar este livro no mercado são:
Responsável pelo desenvolvimento: Representante de desenvolvimento de
Elizabeth Kuball negócios: Karen Hattan
Responsável pela revisão: Elizabeth Kuball Responsável pela produção:
Responsável por aquisições: Katie Mohr Selvakumaran Rajendiran
Gerente editorial: Rev Mengle

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
Índice
Introdução. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1
Sobre este livro................................................................................1
Suposições tolas..............................................................................2
Ícones usados neste livro..............................................................2
Para onde ir agora...........................................................................2

Capítulo 1: O data center evoluiu. Sua infraestrutura


acompanhou essa evolução?. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
Novos requisitos para seu data center........................................4
O crescimento do data center definido por software...............5
Infraestrutura hiperconvergente: evolução natural
para um data center moderno..................................................6
Infraestrutura tradicional....................................................6
Infraestrutura convergente.................................................7
Infraestrutura hiperconvergente........................................8

Capítulo 2: Uma nova abordagem:


Infraestrutura hiperconvergente. . . . . . . . . . . . . . . . . . . 11
Definição da infraestrutura hiperconvergente.........................11
Identificação das tendências que impulsionam a
hiperconvergência....................................................................13
Tecnologias flash de maior densidade............................13
Servidores mais poderosos..............................................13
Prevalência da virtualização de servidores...................14
Princípios de nuvem e economia.....................................15
Combinação de ingredientes para o sucesso...........................15
Um hypervisor comprovado............................................16
Armazenamento simples e hiperconvergente...............16
Gerenciamento unificado..................................................17
Escolhas flexíveis de implantação...................................17
Análise dos principais casos de uso para
infraestrutura hiperconvergente............................................18
Aplicativos corporativos críticos....................................18
Infraestrutura de desktop virtual/computação
para o usuário final........................................................19
TI distribuída e filiais/escritórios remotos ....................19
Recuperação de desastres................................................20
Clusters de gerenciamento...............................................20

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
vi Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

O grande retorno: os benefícios da


infraestrutura hiperconvergente............................................21
Simplicidade........................................................................21
Custo....................................................................................22
Segurança............................................................................22
Agilidade..............................................................................22
Desempenho.......................................................................23
Disponibilidade...................................................................23

Capítulo 3: Ampliação da virtualização


ao armazenamento com
infraestrutura hiperconvergente. . . . . . . . . . . . . . . . . . . 25
Os problemas com o modelo de armazenamento
do seu avô..................................................................................25
Reinventando o modelo de armazenamento............................27
Entendendo o DNA de armazenamento da HCI........................27
Impulsionando inovação de armazenamento
através do hypervisor..............................................................28
O hypervisor: o local ideal para proporcionar
armazenamento definido por software.................................29
A evolução para o hardware x86................................................30
Uma nova maneira de gerenciar seu armazenamento............31
Rumo a tudo definido por software...........................................32

Capítulo 4: A abordagem VMware à


infraestrutura hiperconvergente. . . . . . . . . . . . . . . . . . . 33
Duas rotas diferentes à infraestrutura hiperconvergente......33
HCI com tecnologia da VMware..................................................35
Com tecnologia do VMware vSAN..............................................36
Integração nativa................................................................37
Desempenho otimizado por flash....................................37
Segurança nativa da HCI....................................................38
Vantagens de eficiência.....................................................38
Vantagens operacionais.....................................................39
Escolha de hardware..........................................................40
Dimensionamento elástico e ininterrupto......................40

Capítulo 5: Transformação do modelo operacional


com gerenciamento unificado. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 43
Gerenciamento de painel de controle único.............................43
Gerenciamento em escala............................................................44
Colocação das operações no nível da máquina virtual..........44
Automação orientada por políticas...........................................45

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
 Índice vii
Controle dinâmico de serviços de armazenamento................46
A implementação VMware: gerenciamento baseado
em política de armazenamento vSphere...............................47
Programável através de interfaces de programação
de aplicativos.............................................................................47
Renovação da amizade entre o administrador de
infraestrutura virtual e o administrador de
armazenamento.........................................................................48

Capítulo 6: Introdução à infraestrutura


hiperconvergente. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 49
Implementação da HCI com tecnologia da VMware:
opções de implantação............................................................49
Soluções certificadas: vSAN ReadyNode...................................50
Benefícios de um vSAN ReadyNode................................51
Escolha o vSAN ReadyNode ideal....................................52
Implementação do vSAN ReadyNode..............................52
Sistemas integrados: appliances HCI do Dell EMC VxRail......53
Potência da rede de área de armazenamento
em apenas dois racks.....................................................53
Uma experiência conhecida..............................................54

Capítulo 7: Dez motivos para gostar da


infraestrutura hiperconvergente. . . . . . . . . . . . . . . . . . . 55
Melhoria da eficiência de custo..................................................55
Melhoria da eficiência operacional............................................56
Promoção da resposta dinâmica................................................56
Melhoria da precisão e granularidade.......................................56
Segurança nativa...........................................................................57
Dimensionamento elástico..........................................................57
Preparação para futuros aplicativos..........................................58
Desempenho uniforme para cada aplicativo............................58
Disponibilidade para uso corporativo.......................................59
Elementos para a nuvem híbrida................................................59

Apêndice: Recursos . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 63

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
viii Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
Introdução
B em-vindo ao Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, seu
guia para entrar na onda da hiperconvergência, a que está
invadindo os data centers atuais.
Por que você quer entrar na onda da hiperconvergência? Bem,
como Stephen Covey disse uma vez: “Você não pode mudar a fruta
sem mudar a raiz.”

Nesse caso, o fruto é o retorno de seus investimentos sobre a


infraestrutura do data center. Você está obtendo máximo retorno de
seus investimentos? Provavelmente não, pressupondo que você use
abordagens convencionais.

Para obter retornos mais frutíferos de seus investimentos, você


deve mudar a raiz, ou seja, a arquitetura do data center, para que
use menos capital e tempo de pessoal para operar e gerenciar sua
infraestrutura.

A infraestrutura hiperconvergente (HCI) faz exatamente isso. A HCI


expande a forma como a computação, o armazenamento e o geren-
ciamento são fornecidos e provisionados para ajudar você a reduzir
os custos operacionais e de capital, aumentar a agilidade comercial
e da tecnologia da informação (TI) e melhorar o desempenho das
aplicativos.

Como se chega lá? O primeiro passo é mergulhar nos conceitos


desta nova abordagem ao data center. Esse é o assunto deste livro.

Sobre este livro


Não deixe o tamanho deste livro enganá-lo. O Infraestrutura hipercon-
vergente para Leigos está repleto de informações que podem ajudar
a entender e a capitalizar com a HCI. Em uma linguagem simples e
didática, este livro informa

✓✓ O que é HCI
✓✓ Por que é um tema tão importante
✓✓ Como você pode começar
✓✓ Onde você obterá o maior retorno com a HCI

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
2 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

Suposições tolas
Este livro faz algumas suposições sobre você. Se você está lendo
este livro, suponho o seguinte:

✓✓ Você trabalha em uma loja de TI.


✓✓ Você está familiarizado(a) com a terminologia de data centers.
✓✓ Você entende o conceito de virtualização.

Ícones usados neste livro


Para facilitar ainda mais ver as informações mais úteis, os livros
para Leigos usam os seguintes ícones.

ChEste livro foi elaborado como um manual de consulta que não


precisa ser memorizado. Mas as informações marcadas com o ícone
Lembre-se são tão valiosas que vale a pena lembrar, mesmo que
você não memorize todo o livro.

Verifique as passagens marcadas com o ícone Material Técnico para


obter uma explicação técnica detalhada. Caso tenha pouco tempo,
você poderá ignorar essas passagens sem perder o ponto principal.

Siga o alvo para obter orientações que podem poupar tempo.

Cuidado com estas possíveis armadilhas na estrada à frente.

Para onde ir agora


Para obter mais informações sobre a HCI, consulte o site VMware
Hyper-Converged Infrastructure em https://www.vmware.com/
br/products/hyper-converged-infrastructure.html.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
Capítulo 1
O data center evoluiu.
Sua infraestrutura
acompanhou essa evolução?
Neste capítulo
▶▶Destaque dos desafios de infraestrutura atuais
▶▶Data center definido por software
▶▶Introdução à infraestrutura hiperconvergente

V ocê já viu um profissional de tecnologia da informação (TI)


com problemas de infraestrutura? Basta olhar à sua volta no
data center. Talvez você possa se olhar no espelho.
No ambiente de TI da empresa, a manutenção de uma infraestrutura
de data center ágil tende a ser uma fonte de dores de cabeça para
líderes e administradores de TI. Sem mudanças fundamentais, a dor
de cabeça só vai piorar à medida que as empresas migram para o
mundo de tudo digital. Isso se deve às as demandas em infraestru-
tura estarem explodindo.

Uma grande parte do problema decorre do crescimento descon-


trolado de dados. Qual é a rapidez do crescimento de dados? A
IDC prevê que, até 2025, a esfera de dados global passará para 163
zettabytes (um trilhão de gigabytes). Isso é dez vezes os 16,1 ZB de
dados gerados em 2016.
Este problema afeta mais que uma parte de uma empresa. A moeda
tem duas faces:

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
4 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

✓✓ Por um lado, praticamente todas as partes de cada organi-


zação estão desafiando os limites. Elas estão gerando mais
informações, exigindo novos tipos de acesso e planejando
mantê-las para sempre (ou quase sempre). Em alguns casos, a
necessidade de adquirir e aproveitar informações gera mode-
los corporativos completos.
✓✓ Por outro lado, os usuários finais que conhecem bem a
nuvem estão aumentando suas expectativas. Eles esperam
um desempenho cada vez melhor de seus aplicativos, infraes-
trutura de baixo custo e respostas cada vez mais rápidas da
organização de TI.
Esta nova era de maior expectativa cria novos requisitos para seu
data center. Neste capítulo, eu abordo alguns deles. Eu também
explico o aumento do data center definido por software (SDDC,
software-defined data center) e o que isso significa para você. E, por
fim, concluo o capítulo explicando como a infraestrutura hipercon-
vergente (HCI) ajuda você a abrir caminho para o SDDC e a nuvem
pública de sua escolha.

Novos requisitos para seu data


center
A capacidade de armazenamento de dados não para de crescer. A
IDC estima que serão necessários 19 ZB de capacidade de armaze-
namento em todos os tipos de mídia de 2017 a 2025 para manter as
demandas de armazenamento.

Esse crescimento de capacidade vem com boas notícias, mas tam-


bém com más notícias:

✓✓ A boa notícia: O custo do hardware de armazenamento conti-


nua a diminuir.
✓✓ A má notícia: Os custos associados ao aumento de capaci-
dade, ao desempenho e à complexidade de gerenciamento
em geral excedem as economias de custo no hardware de
armazenamento.
Para muitos ambientes, o armazenamento agora é a maior parte
do gasto de TI. Dada essa realidade, não surpreende que, à medida
que os conjuntos de dados crescem de terabytes para exabytes,
as empresas estão esmiuçando cada vez mais a eficiência do
armazenamento.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
Capítulo 1: O data center evoluiu. Sua infraestrutura acompanhou essa evolução? 5
Além disso, as expectativas dos usuários finais estão aumentando
devido ao uso generalizado da virtualização do servidor, ao
aumento dos serviços baseados na nuvem e ao surgimento de apli-
cativos com dimensionamento horizontal. Os usuários finais agora
esperam um melhor desempenho dos aplicativos e uma capacidade
de resposta mais rápida da organização de serviços de TI.

Essas expectativas colocam mais pressão sobre a equipe de TI para


evoluir para uma infraestrutura moderna que simplifique a compu-
tação, o armazenamento, a rede e o gerenciamento e ofereça maior
eficiência, custos mais baixos e maior agilidade.

O crescimento do data center


definido por software
O SDDC promete alterar a forma como os serviços de TI são forneci-
dos. O que antes era estático, inflexível e ineficiente agora torna-se
dinâmico, ágil e otimizado. Em outras palavras, o SDDC se baseia no
sucesso da virtualização de servidores para evoluir o data center do
passado para o futuro.

Neste novo mundo definido por software, todos os elementos da


infraestrutura de TI (computação, armazenamento, gerenciamento e
rede) são virtualizados e fornecidos como um serviço em servidores
e componentes padrão do setor. Os recursos são implantados auto-
maticamente, com pouco (ou nenhum) envolvimento humano. Tudo
é altamente automatizado, controlado por software e regido por
políticas que incorporam a lógica dos requisitos comerciais para TI.

Em um SDDC, você não passa semanas provisionando a infraestru-


tura para comportar um novo aplicativo. Você executa um aplicativo
em minutos. Isso significa

✓✓ Tempo super-rápido para agregar valor


✓✓ Executivos muito satisfeitos
Considere isso: De muitas maneiras, o SDDC é a extensão natural da
virtualização de servidores. Assim como a virtualização do servidor
ajuda a agregar mais valor aos seus sistemas de computação, o
SDDC ajuda você a agregar mais valor a todos os recursos que usa
para hospedar um aplicativo, especialmente o armazenamento.

A abordagem definida por software é uma estrutura muito necessá-


ria para maior agilidade de TI e fornecimento de serviços de TI mais
ágil, tudo a um custo menor. É a chave do data center do futuro.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
6 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

Infraestrutura hiperconvergente:
evolução natural para um data
center moderno
Bem, sabemos que o SDDC ajuda os profissionais de TI a superarem
muitos desafios comuns decorrentes de problemas legados. Então,
como se chega lá? Existem muitas opções, mas a rota mais rápida,
direta e popular para o SDDC é a HCI. A Figura 1-1 mostra como o
SDDC fornece uma arquitetura ideal para nuvens privadas, públicas
e híbridas, estendendo conceitos de virtualização a todos os recur-
sos e serviços do data center.

Computação para o usuário final

Aplicativos

DATA CENTER DEFINIDO POR SOFTWARE

Plataforma de gerenciamento em nuvem


Automação Operações Empresa Extensibilidade

> Computação Rede Armazenamento


Nuvem híbrida
Infraestrutura hiperconvergente (privada/pública)

Figura 1-1: O data center definido por software.

A HCI é a evolução natural de arquiteturas dos data centers. Essa


evolução contínua primeiro nos levou da infraestrutura baseada em
silo tradicional para a infraestrutura convergente. E agora está nos
levando para a HCI. Nas seções a seguir, eu lhe mostrarei cada um
desses tipos de infraestrutura.

Infraestrutura tradicional
O modelo de infraestrutura tradicional depende do hardware
patenteado e construído especificamente para armazenamento e
rede. Esses componentes formam silos separados com seu próprio
software de gerenciamento de vários fornecedores. Eles funcionam
melhor quando otimizados e gerenciados por especialistas dedi-
cados. Além disso, como o desempenho é definido na camada de
hardware, os recursos não são adequadamente otimizados e o a
fornecimento excessivo geralmente ocorre.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
Capítulo 1: O data center evoluiu. Sua infraestrutura acompanhou essa evolução? 7
A Figura 1-2 mostra a abordagem tradicional como uma solução
dispendiosa para uma necessidade de TI de uso geral. Isso resulta
em uma maior área de ocupação, maior complexidade e mais
funcionários e especialização. Para piorar, os aplicativos dinâmicos
atuais e as cargas de trabalho virtualizadas requerem flexibilidade
de fornecimento que as abordagens centradas em hardware não
fornecem. É o oposto de simples e simplificado.

Computação Armazenamento

Rede

Figura 1-2: Infraestrutura tradicional baseada em silos.

Infraestrutura convergente
Uma infraestrutura convergente é melhor que o modelo tradicional
porque coloca a computação, o armazenamento, o gerenciamento
e a rede em um único rack, conforme mostrado na Figura 1-3 . Em
geral, diferentes fornecedores especializados ainda oferecem esses
elementos. O gerenciamento geral pode ser integrado e otimizado,
mas ainda são necessários sistemas separados, fluxos de trabalho
e plataformas de gerenciamento para muitas operações e tarefas de
solução de problemas.

Além disso, os pacotes de hardware são pré-configurados para


executar cargas de trabalho específicas e não podem ser facilmente
alterados, resultando em uma perda de flexibilidade. Os limites
físicos podem ter sido eliminados, mas o fornecimento e os desafios
operacionais permanecem.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
8 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

Figura 1-3: Infraestrutura convergente.

Infraestrutura hiperconvergente
As soluções hiperconvergentes dão um passo adiante. A infraestru-
tura hiperconvergente (HCI) converge silos de infraestrutura de TI
tradicionais em servidores padrão do setor e virtualiza a infraestru-
tura física. A HCI originalmente incluía apenas computação virtual e
armazenamento virtual, mas agora pode ser ampliada com soluções
completas de redes virtualizadas para um data center definido por
software completo. Esta abordagem flexível e baseada em software é
adequada para os desafios de TI atuais.

O ingrediente secreto da HCI está no hypervisor (a fonte do “hiper”


na hiperconvergência). Conforme a Figura 1-4, as principais funções
do data center (computação, armazenamento, rede de armazena-
mento e gerenciamento) agora estão funcionando como software
no hypervisor, possibilitando operações eficientes, fornecimento
simplificado e rápido, e crescimento eficaz em termos des custos.

A HCI é a base de TI que permite um negócio diferenciado e


competitivo através do data center definido por software e em
nuvem do futuro. Dados os benefícios da HCI e os desafios que a TI
enfrenta hoje, espera-se que o mercado de HCI cresça a uma taxa
anual composta de 48% até 2022. (Isso é conforme o Infraestrutura
hiperconvergente (HCI) – Global Market Outlook [2016–2022].)

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
Capítulo 1: O data center evoluiu. Sua infraestrutura acompanhou essa evolução? 9

SS
SO D
FTW
AR
E

Figura 1-4: Uma pilha de software da infraestrutura hiperconvergente.

Ao implantar a HCI, você está abrindo o caminho para o SDDC. A


HCI integra nativamente funções de computação, armazenamento
e rede de armazenamento, executando-os todos em software em
uma plataforma virtualizada, juntamente com ferramentas comuns
de gerenciamento. Você pode então desenvolver a sua HCI, adicio-
nando automação e recursos de virtualização de rede para criar seu
SDDC completo.

Além disso, você pode ampliar seu ambiente hiperconvergente para


suas matrizes existentes de armazenamento externo, comportadas
pelo vSphere para proteger seus investimentos atuais. Matrizes
que suportam o vSphere Virtual Volumes da VMware podem ser
gerenciadas sob a mesma estrutura de gerenciamento baseada
em política de armazenamento. O Virtual Volumes é uma iniciativa
do setor, suportado por todos os grandes fornecedores de arma-
zenamento que pode coexistir com as soluções HCI com base no
VMware vSphere. Esta iniciativa possibilita otimizar as capacidades
exclusivas de seus investimentos de armazenamento atuais em um
ambiente de armazenamento definido por software (SDS) ou sim-
plificar a modernização do seu data center com uma migração sem
interrupções com base em recursos comprovados como o vSphere
vMotion e o Storage vMotion da VMware.

O vSphere Virtual Volumes é uma estrutura de integração de API que


expõe discos de máquina virtual (VM, virtual machine) como obje-
tos de armazenamento nativos. Isso permite operações baseadas
em matriz no nível do disco virtual. Em outras palavras, o Virtual

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
10 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

Volumes faz com que a rede de área de armazenamento (SAN,


storage area network) e os dispositivos de armazenamento anexado
à rede (NAS, network-attached storage) percebam a VM.

A estrutura do Virtual Volumes também permite que suas matrizes


de armazenamento se integrem com o plano de controle VMware
SDS, conhecido como gerenciamento baseado em política de
armazenamento (SPBM, Storage Policy-Based Management) da
VMware. Através do vSphere Virtual Volumes, você pode controlar
suas matrizes de armazenamento existentes através do mecanismo
de política a nível de VM. Isso significa que agora você pode fazer a
transição facilmente, sem interrupção, para um modelo operacional
mais simples e eficiente que é otimizado para ambientes virtuais e
funciona com todos os tipos de armazenamento.

Você pode obter uma compreensão mais detalhada do Virtual Volu-


mes visitando o site da VMware em https://www.vmware.com/
br/products/vsphere/virtual-volumes.html.

Existe uma defasagem cada vez maior entre as arquiteturas de


data centers tradicionais e os requisitos do SDDC. Sua organização
precisa de uma nova abordagem para sua arquitetura.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
Capítulo 2
Uma nova abordagem:
Infraestrutura
hiperconvergente
Neste capítulo
▶▶Tendências que impulsionam a infraestrutura hiperconvergente
▶▶Interpretação do papel do hypervisor
▶▶Destaque dos fatores de sucesso e casos de uso

E ste capítulo analisa alguns dos motivos pelos quais a


infraestrutura hiperconvergente (HCI, hyper-converged infras-
tructure) é um tema tão debatido em círculos de tecnologia da infor-
mação (TI). Você terá uma definição básica da HCI, uma explicação
das características de uma solução completa, uma demonstração
de casos de uso comum e uma lista dos principais benefícios da
hiperconvergência.

Definição da infraestrutura
hiperconvergente
Primeiro, vamos estabelecer uma definição básica. A infraestrutura
hiperconvergente, conforme a Figura 2-1, coloca a computação,
o armazenamento (incluindo rede de armazenamento) e geren-
ciamento em hardware padrão virtualizado, possibilitando uma
abordagem de bloco de construção para a infraestrutura com capa-
cidades de dimensionamento horizontal. A HCI originalmente incluía
apenas a computação virtual e o armazenamento virtual, mas agora
pode ser ampliada com recursos completos de redes virtualizadas
para um data center completo definido por software.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
12 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

VM
VM
GE
RE
NC
AR IAM
MA EN
ZE TO
NA
CO M E
MP NT
UT O

ÃO

Figura 2-1: Infraestrutura hiperconvergente.

Na HCI, todas as funções principais do data center são executadas


como software no hypervisor em uma camada de software bem
integrada. A HCI fundamentalmente diz respeito à essa arquitetura
final; como resultado, existem diferentes trajetórias que levam ao
mesmo destino, desde appliances prontos para uso até plataformas
de hardware flexíveis instaladas com o software de infraestrutura
hiperconvergente.
Em um ambiente HCI, os recursos de computação, armazenamento
e gerenciamento são entregues com as arquiteturas x86 padrão do
setor. A plataforma do servidor executa um hypervisor e agrupa
dispositivos de armazenamento anexados diretos (dispositivos flash
como SSDs ou unidades de disco rígido) de vários servidores no
cluster para criar um armazenamento compartilhado, o qual funciona
como aquele fornecido por dispositivos de rede de área de armazena-
mento tradicional (SAN, storage area network) ou de armazenamento
anexado à rede (NAS, network-attached storage). Às vezes ignorada,
um ponto importante aqui é que a HCI não virtualiza nem agrupa
armazenamento de sistemas de armazenamento externos como fazem
algumas soluções tradicionais de virtualização de armazenamento. O
armazenamento compartilhado é composto apenas de dispositivos de
armazenamento anexados diretos no servidor.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
 Capítulo 2: Uma nova abordagem: Infraestrutura hiperconvergente 13

Identificação das tendências que


impulsionam a hiperconvergência
O motor hiperconvergente é alimentado por uma série de tendên-
cias tecnológicas importantes:
✓✓ Tecnologias flash de alta densidade que oferecem maior
desempenho a custos mais baixos
✓✓ Servidores mais poderosos, graças aos avanços na unidade de
processamento central (CPU, central processing unit) e às den-
sidades de memória
✓✓ Adoção generalizada da virtualização de servidores para a
maioria das cargas de trabalho
✓✓ Influência de princípios da nuvem, economia e aplicativos nati-
vos da nuvem exigindo uma abordagem atualizada da TI
A hiperconvergência aproveita todas essas tendências para oferecer
uma infraestrutura moderna com maior desempenho e simplicidade
por um custo total menor.

Tecnologias flash de maior densidade


As tecnologias de memória flash e não volátil de alta densidade
estão evoluindo rapidamente. Essas tecnologias podem acelerar
o desempenho de armazenamento e reduzir a latência de leitura e
gravação.
Mas há um pequeno problema: para alcançar plenamente os possí-
veis ganhos de desempenho dessas novas tecnologias de memória,
deve-se eliminar os nós de rede onde os dados passam por pontes,
roteadores ou gateways. O objetivo é aproximar os dados das CPUs
– para o mesmo servidor. Esta é a abordagem hiperconvergente, que
recebe um grande impulso das tecnologias flash.
À medida que o custo dos dispositivos flash continua a diminuir, o
preço por processador de entrada/saída (IOP) se torna mais atra-
ente, e isso leva a uma maior adoção da HCI.

Servidores mais poderosos


Com as novas CPUs multipolares, os servidores x86 padrão do setor
estão ficando cada vez mais poderosos. Agora eles são tão pode-
rosos que podem lidar com os requisitos de carga de trabalho de
armazenamento de alto desempenho em ambientes corporativos.
Com a HCI, pode-se tirar vantagem desses aumentos imediatamente,

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
14 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

uma vez que uma solução de software pode ser facilmente atuali-
zada ou ampliada para ser executada nos servidores padrão mais
modernos.
Aqui é onde as coisas ficam realmente boas: O custo do hardware
x86, incluindo a memória flash, geralmente é uma pechincha em
comparação com as matrizes de armazenamento construídas para
um propósito específico. Como resultado, a HCI oferece grandes eco-
nomias de custos em comparação com a implantação de servidores
em silo, redes de armazenamento e soluções de armazenamento
externo.
Dadas as vantagens, a adoção generalizada da HCI é inevitável. Nos
próximos meses e anos, você verá soluções HCI em data centers em
todos os lugares.

Prevalência da virtualização
de servidores
O hypervisor rompe-se com aplicativos ligados a um determinado
hardware. Ele permite que um servidor físico atue como host para
vários sistemas operacionais guest ou máquinas virtuais (VMs,
virtual machine). Cada VM atua como seu próprio sistema e executa
seus próprios aplicativos. Em segundo plano, o hypervisor controla
como os recursos subjacentes do servidor são acessados pelas VMs.
Com a adoção generalizada da virtualização de servidores, o hyper-
visor está em todos os lugares nos data centers atuais. Ele surgiu
como a plataforma padrão para aplicativos corporativos. Considere
estas constatações:
✓✓ Alimentar o crescimento da virtualização do servidor é uma
demanda cada vez maior de sistemas integrados hiperconver-
gentes e de soluções de data centers definidas por software.
De acordo com o “Server Virtualization Market Research
Report – Global Forecast 2023” (Relatório de Pesquisa de Mer-
cado de Virtualização de Servidores – Previsão Global de 2023),
estima-se que o mercado de virtualização de servidores cres-
cerá aproximadamente US$ 8 bilhões até 2023. Devido a esse
uso generalizado, o hypervisor é a base óbvia para expandir
os benefícios do servidor.
✓✓ A IDC prevê que o armazenamento para ambientes virtuais
crescerá em 5,8% da CAGR (taxa de crescimento anual com-
posta) para US$ 40,6 bilhões em hardware de armazenamento
e gastos com software até 2020. Esta nova realidade torna a
virtualização do servidor e as VMs as principais locomotivas
da infraestrutura de armazenamento.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
 Capítulo 2: Uma nova abordagem: Infraestrutura hiperconvergente 15
Devido a esse uso generalizado, o hypervisor é a base óbvia para
expandir os benefícios de virtualização do servidor para cobrir o
armazenamento, a rede e o gerenciamento unificado, possibilitando
uma trajetória sem problemas para a HCI e eventualmente para o
SDDC, sem a necessidade de grandes mudanças à infraestrutura e
aos conhecimentos atuais.

Princípios de nuvem e economia


O crescimento dos serviços sob demanda e baseados na nuvem
está sendo captado no data center, onde os administradores
procuram maneiras simples e acessíveis de oferecer resultados
comerciais. Isso é ainda mais verdadeiro para pequenas empresas
ou departamentos individuais que buscam arquitetar uma solução
simples para atender às suas principais necessidades de TI.
Este desejo de consumo em nuvem está impulsionando diretamente
a adoção da HCI, que proporciona um nível muito maior de flexibi-
lidade, simplicidade e crescimento sob demanda do que a infraes-
trutura tradicional do data center, ao mesmo tempo que oferece os
benefícios iniciais de alto desempenho, segurança e controle.
Além disso, as soluções HCI de próxima geração oferecem uma base
robusta para a implantação de um modelo de nuvem híbrida, seja
através da integração com tecnologias OpenStack ou o suporte de
carga de trabalho de próxima geração, como aplicativos e contêine-
res nativos de nuvem.
Os administradores querem uma maneira de otimizar os recursos
internos, bem como sua escolha de nuvens públicas. A solução
HCI ideal apresenta uma trajetória ininterrupta de e para a nuvem
pública, ao mesmo tempo que proporciona uma experiência e um
ambiente operacional comuns.

Combinação de ingredientes
para o sucesso
Construir um ambiente HCI tem muito a ver com preparar uma refei-
ção saborosa: comece com os melhores ingredientes, misture com
cuidado e use técnicas comprovadas para fazer tudo funcionar em
conjunto como um todo unificado. Os quatro principais ingredientes
para o sucesso da HCI são:
✓✓ Um hypervisor comprovado
✓✓ Armazenamento simples e hiperconvergente

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
16 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

✓✓ Uma plataforma de gerenciamento unificada


✓✓ Escolhas flexíveis de implantação

Um hypervisor comprovado
Em uma solução HCI, o hypervisor forma a sua base – é o “hiper”
em hiperconvergente e desempenha um papel fundamental para
garantir a disponibilidade de dados, a eficiência de armazenamento,
o desempenho de aplicativos e o dimensionamento flexível.
Dado que os benefícios da virtualização, desde a eficiência operacio-
nal até uma maior disponibilidade, derivam do hypervisor, a escolha
do hypervisor certo é essencial. Quanto mais capaz e abundante em
recursos for seu hypervisor, melhores serão seus resultados.
A VMware é reconhecida como líder no segmento de produtos de
Software de Virtualização do Servidor pelo G2 Crowd (2017). Na
verdade, mais de 500 mil empresas, incluindo 100 por cento das
empresas Fortune 100, usam a VMware como plataforma de infraes-
trutura de virtualização.

Armazenamento simples
e hiperconvergente
Em uma solução hiperconvergente, o armazenamento e as redes de
armazenamento são condensados no servidor e virtualizados. Isso
agiliza as operações, os custos e a área física geral. No entanto, nem
todas as abordagens para o armazenamento definido por software
em um ambiente HCI são iguais. As soluções HCI de próxima gera-
ção oferecem uma integração perfeita entre o servidor e o software
de virtualização de armazenamento. A integração perfeita elimina a
necessidade de um appliance de armazenamento virtual separado
implantado em cada servidor, o que leva à menor utilização de
recursos e à menor densidade de VM.
Ao contrário das soluções centradas em hardware, o software de
infraestrutura hiperconvergente agrega o armazenamento anexado
ao servidor para criar armazenamento compartilhado, flexível e de
alto desempenho, que é otimizado para máquinas virtuais. O que
antes era complicado e dispendioso agora torna-se exatamente o
oposto: simples, poderoso, simplificado e inteligente.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
 Capítulo 2: Uma nova abordagem: Infraestrutura hiperconvergente 17
A solução de armazenamento ideal pode reduzir as despesas ope-
racionais (OpEx, operational expenditures). Isso é atingido simplifi-
cando as tarefas rotineiras, possibilitando um desempenho melhor
e mais previsível e permitindo que sua organização e infraestrutura
de TI cresçam de forma acessível sem a necessidade de grandes
investimentos de capital. Os custos das despesas de capital (CapEx,
capital expenditure) são bastante reduzidos, eliminando a necessi-
dade de hardware e silos de rede de armazenamento construídos
para um propósito específico.

Gerenciamento unificado
Você chegou ao ponto na receita em que virtualizou sua infraes-
trutura (computação, armazenamento e rede de armazenamento),
ou seja, meio caminho andado! Em seguida, você precisa de uma
maneira para gerenciá-la. Ao selecionar uma solução de gerencia-
mento, evite criar uma curva de aprendizagem para os usuários, ou
na pior das hipóteses, vários silos de gerenciamento que requerem
malabarismos para gerenciamento ou monitorar as diferentes
camadas na HCI.
O que você quer é uma interface conhecida, que já saiba como usar.
E dada a importância da simplicidade e da facilidade, procure uma
plataforma unificada que gerencie toda a pilha e integre todos seus
fluxos de trabalho ininterruptamente.

Escolhas flexíveis de implantação


O software não pode ser executado em software, ou seja, você
precisa colocá-lo em algo. Para facilitar, procure uma plataforma HCI
que proporcione as escolhas mais amplas possíveis para a plata-
forma de hardware. Essa flexibilidade ajuda a criar um ambiente HCI
que corresponde exatamente às suas necessidades e preferências.
Ela permite que você aproveite a infraestrutura x86 que já conhece,
ou seja, redes e produtos de armazenamento eficazes em termos de
custos, padrão do setor, de uma grande variedade de fabricantes
de computadores. Isso significa que não é necessário aprender
nenhum hardware novo, processo novo de compra e modelo novo
de suporte para navegar.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
18 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

Aqui vai uma dica: não economize


Economizar nos ingredientes, ✓✓ Quais serão os impactos
optando por produtos inferiores, operacionais?
pode produzir resultados insatisfató-
✓✓ A solução poderá crescer de
rios. Optar por economias iniciais de
forma eficiente e econômica
custos ou aceitar limites no desem-
quando, onde e como você pre-
penho será uma decisão que você
cisar dela?
provavelmente se arrependerá mais
cedo ou mais tarde. É importante Escolher a melhor qualidade para
considerar o impacto da sua seleção seus ingredientes pode ajudar a
além da solução HCI. evitar uma solução mal elaborada
que o(a) deixará com silos, preso(a)
✓✓ Para essa finalidade, faça as
a um fornecedor, com atualizações
seguintes perguntas:
e expansões dispendiosas e um
✓✓ Como a solução vai se integrar desempenho imprevisível.
ao ambiente existente?

Análise dos principais casos de uso


para infraestrutura hiperconvergente
Os benefícios da HCI não se limitam a estes casos de uso, porém são
especialmente aparentes em todos os casos de uso comuns:
✓✓ Aplicativos corporativos críticos (BCAs, business-critical
applications)
✓✓ Infraestrutura de desktop virtual (VDI, virtual desktop infras-
tructure)/computação para o usuário final
✓✓ Computação de ponta e filiais/escritórios remotos
✓✓ Recuperação de desastres
✓✓ Clusters de gerenciamento

Aplicativos corporativos críticos


A infraestrutura tradicional torna os BCAs lentos para serem
provisionados e complicados de gerenciar. Tarefas como processa-
mento de banco de dados, gerenciamento de servidor de e-mail e
carga de trabalho da Web 2.0 exigem altos níveis de desempenho,

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
 Capítulo 2: Uma nova abordagem: Infraestrutura hiperconvergente 19
disponibilidade e confiabilidade. As arquiteturas mais antigas têm
armazenamento com fornecimento excessivo, hardware dispen-
dioso e construído para um propósito específico e ferramentas de
gerenciamento em silo.
A infraestrutura hiperconvergente supera esses desafios com uma
arquitetura simplificada e distribuída com capacidade de expansão
horizontal, muitas vezes otimizada para dispositivos flash de alto
desempenho, que coloca a TI de volta no comando dos aplicativos
que são tão importantes para a empresa.

Infraestrutura de desktop virtual/


computação para o usuário final
Com tantos dispositivos de usuário final, houve um aumento na
necessidade de VDI, mas os sistemas de legados fazem com que
a implantação seja um desafio. A VDI requer uma combinação de
IOPs altas e baixa latência para garantir uma experiência de usuário
“física.” Ela também precisa manter baixos custos operacionais e de
capital para justificar o retorno sobre o investimento (ROI, return on
investment).
Usando a infraestrutura tradicional, a VDI tem implantação e manu-
tenção onerosas, com altos requisitos de capital inicial, bem como
altos custos de manutenção necessários para fornecer desempenho
e expansão adequados para aplicativos e desktops virtuais.
A HCI é a solução perfeita para esses desafios de VDI. Ela é uma
solução de alto desempenho e baixo custo para uma experiência de
usuário mais uniforme e previsível, um requisito CapEx mais baixo e
um modelo operacional mais simples.

TI distribuída e filiais/escritórios
remotos
Muitas organizações distribuíram computação e filiais/escritórios
remotos que dependem da infraestrutura de TI local gerenciada
pela equipe de TI em outro local. Esta arquitetura remota e distri-
buída apresenta diversos desafios que vão desde o desempenho
imprevisível, complexidade de gerenciamento até confiabilidade e
disponibilidade inadequadas.
As equipes de TI precisam de uma melhor visibilidade à distância,
juntamente com ferramentas que tornem a administração e o
gerenciamento mais simples e menos demorados. E à medida que

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
20 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

os negócios crescem, elas precisam da capacidade de dimensionar


sem ultrapassar o orçamento.
A HCI é ideal para a computação de ponta e a implantação de filiais/
escritórios remotos: Ela apresenta uma solução de infraestrutura
única e de baixo custo com computação, armazenamento, geren-
ciamento e rede integrados. Além disso, a solução HCI certa pode
ser ampliada ou reduzida, e é flexível o suficiente para acomodar
mudanças nas necessidades, exatamente o que as empresas com
escritórios remotos precisam.

Recuperação de desastres
O custo de um local de recuperação de desastres pode ser proibi-
tivo para muitas organizações. Como resultado, muitas empresas
têm um plano de recuperação de desastres inadequado ou inexis-
tente, que apresenta riscos consideráveis. Um dos custos mais signi-
ficativos de um local de recuperação de desastres é a infraestrutura
de sistemas de TI, incluindo software do servidor, armazenamento e
software de replicação.
Como a HCI oferece uma plataforma completa e integrada nativa-
mente, composta de computação, rede e armazenamento, ela é a
solução ideal para o caso de uso de recuperação de desastres. A
implementação em componentes de servidor x86 padrão do setor
de baixo custo remove os grandes investimentos iniciais. Como as
unidades anexadas diretas são usadas para criar o armazenamento
compartilhado, não existe dependência no hardware de armazena-
mento compartilhado externo. Isso ajuda a reduzir o custo total da
solução ao mesmo tempo que oferece capacidade, confiabilidade e
desempenho suficientes.
A replicação em software pode replicar a máquina virtual assíncrona
com objetivos do ponto de recuperação baixos (RPOs, recovery
point objectives). A replicação pode ser configurada conforme a
máquina virtual, permitindo um controle preciso sobre quais cargas
de trabalho são protegidas.

Clusters de gerenciamento
Os aplicativos empresariais críticos podem receber a maior parte da
atenção, mas os clusters de gerenciamento desempenham um papel
crítico e em segundo plano para manter o ambiente de TI em geral
funcionando ininterruptamente. Um cluster de gerenciamento é um
grupo dedicado de hosts reservados para executar VMs que fornece
serviços de gerenciamento para ambientes de infraestrutura,
podendo incluir serviços de diretório, sistema de nome de domínio

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
 Capítulo 2: Uma nova abordagem: Infraestrutura hiperconvergente 21
(DNS, domain name system), Protocolo de Configuração Dinâmica
de Host (DHCP, Dynamic Host Configuration Protocol) e o VMware
vCenter Server.
Seu papel vital exige que os clusters de gerenciamento estejam
sempre disponíveis, sempre com recursos adequados. No caso de
uma falha generalizada no local, eles devem ser colocados on-line
primeiro, o mais rápido possível. É importante mantê-los em um
ambiente isolado e dimensionado para possibilitar seu acionamento
rápido.
Tradicionalmente, esses clusters residiam em hardware dispendioso
para garantir alta disponibilidade e alto desempenho. Se eles viviam
em recursos compartilhados com a finalidade de reduzir custos,
tinham que competir com as cargas de trabalho da empresa para
recursos de computação e armazenamento, o que fazia com que a
recuperação fosse um desafio
A HCI ajuda no gerenciamento desses desafios. Ela possibilita
gerenciamento simplificado, restauração mais rápida e recuperação
de desastres, e permite isolar a infraestrutura sem altos custos de
capital.
Tenha em mente que os casos de uso de HCI citados aqui não são
uma lista completa. As soluções HCI também podem ser usadas
para atender a uma ampla variedade de outras necessidades de TI
como, por exemplo, sistemas para suporte de nuvem híbrida, locais
de recuperação de desastres, data centers secundários, implanta-
ções DMZ e funções de teste e de desenvolvimento.

O grande retorno: os benefícios da


infraestrutura hiperconvergente
Agora vamos chegar à sobremesa, ou seja, os benefícios à TI e à
empresa de uma solução HCI que possui todos os ingredientes
certos.

Simplicidade
Com um ambiente HCI completo, você pode eliminar muitos dos
componentes e silos de hardware encontrados na infraestrutura
tradicional. Em termos simples, com a HCI, você precisa de muito
menos coisas no seu data center. Essa simplicidade ajuda a reduzir o
tempo operacional e a complexidade no seu data center.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
22 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

Para ajudá-lo(a) a simplificar seu ambiente, a HCI


✓✓ Contém uma única pilha de software integrada que é execu-
tada em servidores padrão do setor
✓✓ Oferece facilidade de implantação e manutenção, com automa-
ção orientada por políticas
✓✓ Reduz os componentes físicos para gerenciar, monitorar e
manter

Custo
A HCI pode ajudar a reduzir muito as despesas de infraestrutura no
seu data center. Especificamente, a HCI
✓✓ Gera eficiência de custo e de armazenamento
✓✓ Aproveita recursos técnicos e conhecimentos que você já
possui
✓✓ Elimina o fornecimento excessivo com expansão granulomé-
trica que cresce conforme a necessidade

Segurança
As soluções HCI modernas oferecem segurança nativa baseada em
software, como criptografia de dados em repouso, para atender às
crescentes necessidades dos clientes de proteger os dados empre-
sariais críticos. A solução ideal da HCI
✓✓ Protege informações com criptografia nativa de dados em
repouso que elimina os riscos de descarte da unidade e despe-
sas gerais.
✓✓ Elimina os custos e as complexidades de implantação de
hardware especializado, como unidades com criptografia
automática.
✓✓ Cumpre normas rigorosas de conformidade e segurança para
muitos setores, como governo, finanças e saúde.

Agilidade
Com um data center construído em torno da HCI, sua organização
de TI está preparada para responder rapidamente às mudanças nas
demandas da empresa. Para proporcionar essa agilidade e flexibili-
dade, a HCI

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
 Capítulo 2: Uma nova abordagem: Infraestrutura hiperconvergente 23
✓✓ Proporciona ampla opção de implantação, sem ficar preso(a) a
um fornecedor de hardware
✓✓ Permite um ambiente de TI a longo prazo, com apoio para
aplicativos tradicionais atuais, bem como novos aplicativos
nativos da nuvem e tecnologias de contêineres
✓✓ Permite dimensionamento horizontal e vertical para atender
facilmente às necessidades específicas do aplicativo

Desempenho
A HCI acelera aplicativos e melhora a experiência do usuário. Para
gerar ganhos de desempenho, a HCI
✓✓ Oferece otimizações all-flash para tempos de resposta rápidos
de aplicativos
✓✓ Permite recursos fáceis de dimensionamento horizontal e
vertical
✓✓ Garante um desempenho previsível para manter os usuários
satisfeitos

Disponibilidade
A HCI ajuda a minimizar o risco com uma plataforma comprovada e
segura que
✓✓ Garante um desempenho previsível com qualidade de serviço
(QoS, quality of service)
✓✓ Oferece alta disponibilidade e flexibilidade sem um único
ponto de falha
✓✓ Desenvolve a confiança com base em um hypervisor compro-
vado e líder do setor
No final das contas, a HCI é uma evolução natural para seu data
center. Se usa um ambiente VMware vSphere, você está entre os
mais de 500.000 clientes que conhecem e usam o vSphere e todas
as ferramentas conhecidas. Para sua organização, a HCI oferecerá
grandes vantagens com mudanças e aprendizados mínimos.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
24 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
Capítulo 3
Ampliação da virtualização
ao armazenamento
com infraestrutura
hiperconvergente
Neste capítulo
▶▶Introdução à infraestrutura de armazenamento moderna
▶▶Análise do DNA de uma nova abordagem de armazenamento
▶▶Explicação do valor de integração do hypervisor

E ste capítulo investiga arquiteturas de armazenamento moder-


nas que são fornecidas através de software inteligente, que é
uma das principais bases da infraestrutura hiperconvergente (HCI)
e do data center definido por software (SDDC). Também conhecidas
como armazenamento definido por software, as soluções HCI de
próxima geração simplificam as construções de armazenamento
físico para possibilitar um consumo flexível e preciso de acordo com
os requisitos do aplicativo. Isso é possível por causa do hypervisor
que atua como intermediário, ponderando as necessidades de uma
máquina virtual (VM) e os aplicativos que ela executa.

Os problemas com o modelo de


armazenamento do seu avô
Para atingir o potencial do SDDC, todos os componentes-chave da
infraestrutura de tecnologia da informação (TI) devem ser virtualiza-
dos para que possam ser automatizados e controlados por software.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
26 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

Este requisito prenuncia grandes mudanças para a infraestrutura de


armazenamento existente que foi construída para o passado.

Em termos simples, é difícil para as arquiteturas de armazena-


mento antigas acompanhar as demandas do SDDC e, ainda mais,
corresponder às demandas da era digital. Mas a infraestrutura de
armazenamento atual não está totalmente errada. Na realidade, o
armazenamento hoje tem um pouco de tudo. Há o muito bom e o
não tão bom:

✓✓ O lado positivo: As matrizes de armazenamento modernas


oferecem excelentes recursos para armazenar, gerenciar e pro-
teger dados.
✓✓ O lado negativo: As matrizes de armazenamento atuais são,
em grande medida, mundos à parte, como cidades muradas
com suas próprias culturas e maneiras de fazer as coisas.
O modelo de armazenamento corporativo não mudou muito nos
últimos 20 anos: Fornecer serviços de armazenamento significa
adquirir matrizes de armazenamento dedicadas e rodeá-las com
equipes operacionais dedicadas. Às vezes esse modelo funcionava no
mundo do terabyte, mas não no mundo atual do petabyte e exabyte.

O antigo modelo de armazenamento corporativo apresenta muitas


deficiências operacionais. Por exemplo:

✓✓ A maioria das organizações depende de matrizes de armaze-


namento dedicadas e exclusivas. Cada matriz tem sua própria
funcionalidade especializada e procedimentos operacionais
vinculados ao hardware e não aos aplicativos ou às VMs.
✓✓ As necessidades dos aplicativos e os serviços de armazena-
mento não estão alinhados. Os proprietários de aplicativos e
os administradores de virtualização não podem especificar de
forma fácil ou exata o que e quando precisam. Portanto não
possível cumprir acordos de nível de serviço (SLAs, service-
-level agreements) para aplicativos ou um fornecimento exces-
sivo da capacidade de armazenamento e de serviços.
✓✓ Os fluxos de trabalho operacionais são compartimentados
em equipes de armazenamento, aplicativos e virtualização.
Pedidos são feitos, reuniões são realizadas, notas adesivas
são postadas em monitores, o trabalho é agendado e perde-se
tempo.
Obviamente, as antigas abordagens sobre a infraestrutura estão
muito aquém das necessidades atuais. Precisamos de uma aborda-
gem totalmente nova. Uma abordagem definida por software.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
 Capítulo 3: Extending Virtualization to Storage with Infraestrutura hiperconvergente 27

Reinventando o modelo de
armazenamento
A HCI reinventa o modelo de armazenamento, eliminando os silos
legados e permitindo o verdadeiro agrupamento de recursos de
armazenamento. O hypervisor proporciona ao armazenamento
a mesma eficiência operacional que a virtualização do servidor
oferece à computação.

Para possibilitar esta mudança, a HCI coloca o aplicativo e seus


requisitos no topo da cadeia alimentar de TI, usando recursos
de armazenamento para responder às mudanças dinâmicas em
requisitos dos aplicativos. Agora quem manda é o aplicativo; os
recursos de apoio são os trabalhadores que fazem o chefe tenha o
que precisa e quando precisa.

Esta é uma mudança da abordagem convencional centrada em


hardware de baixo para cima. Esta abordagem geralmente requer
que os administradores de armazenamento criem conjuntos
estáticos de recursos de armazenamento e, em seguida, aguardem
um alinhamento entre as necessidades do aplicativo e os serviços
de armazenamento pré-planejados. Com essa tática antiquada, há
desperdício de recursos (devido ao fornecimento excessivo para
proteger o crescimento futuro).

Em um ambiente HCI, a plataforma do servidor x86 executa um


hypervisor e inclui dispositivos de armazenamento virtualizados.
A HCI implementa armazenamento compartilhado, agrupando os
recursos de armazenamento distribuídos em vários nós de servidor.
No final, tem-se uma rede de área de armazenamento (SAN, storage
area network) dentro de um sistema de servidor x86.

Entendendo o DNA de
armazenamento da HCI
Graças à flexibilidade e à agilidade da infraestrutura definida por sof-
tware, a HCI oferece um novo DNA de armazenamento que difere do
armazenamento tradicional. Uma infraestrutura moderna baseada
em HCI proporciona os seguintes benefícios:

✓✓ Possibilita serviços de armazenamento centrados em apli-


cativos. A HCI possibilita que os serviços de armazenamento
sejam adaptados aos requisitos precisos de um aplicativo e
sejam ajustados conforme necessário para cada aplicativo,

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
28 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

sem afetar os aplicativos vizinhos. Os serviços de armazena-


mento tornam-se flexíveis, ou seja, um pouco mais para este
aplicativo, um pouco menos para aquele.
✓✓ Possibilita automação orientada por políticas. Os adminis-
tradores de TI estabelecem políticas para solicitar, monitorar
e ajustar serviços de armazenamento para aplicativos especí-
ficos. A HCI, em seguida, permite que a camada de armazena-
mento descubra como melhor atender a esses requisitos.
✓✓ Possibilita serviços de armazenamento centrados em aplica-
tivos. A maioria dos produtos de armazenamento atuais usa
um modelo estático para fornecer serviços de armazenamento.
Todas as classes de serviço são pré-fornecidas fisicamente em
volumes de armazenamento ou números de unidade lógica
(LUNs, logical unit numbers). A HCI usa um modelo dinâmico,
como com a computação virtualizada. Os administradores de
TI podem responder à demanda e ao fornecimento de maneira
precisa, de acordo com os requisitos de aplicativos específi-
cos, no exato momento em que os recursos são necessários.
✓✓ Comporta matrizes convencionais de armazenamento.
Quando introduzem novas tecnologias, as organizações de
TI valorizam a capacidade de continuar a usar os investimen-
tos existentes. E esse é o caso da abordagem da VMware em
relação à HCI. Os sistemas SAN e de armazenamento em rede
(NAS, network-attached storage) existentes podem coexistir
com conjuntos de armazenamento anexados ao servidor ou
podem aproveitar o sistema de gerenciamento baseado em
armazenamento com o VMware Virtual Volumes.

Impulsionando inovação de
armazenamento através do
hypervisor
O hypervisor tem uma longa tradição quando se trata de
inovação de armazenamento. No caso específico da VMware, o
hypervisor possibilitou todos os tipos de recursos no ambiente
VMware vSphere para melhorar o gerenciamento de sistemas de
armazenamento.

Alguns exemplos:

✓✓ O vSphere Thin Provisioning permite a distribuição excessiva


da capacidade de armazenamento para aumentar a utilização e
simplificar o gerenciamento de capacidade.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
 Capítulo 3: Extending Virtualization to Storage with Infraestrutura hiperconvergente 29
✓✓ O vSphere Storage DRS (Distributed Resource Scheduler)
equilibra continuamente o uso do espaço de armazenamento
e a carga de E/S de armazenamento para ajudar a evitar uma
sobrecarga de recursos e satisfazer os níveis de serviço de apli-
cativos desejados.
✓✓ O vSphere Replication possibilita a replicação de VMs em
qualquer tipo de sistema de armazenamento para proteção de
dados e recuperação de desastres.
Com a HCI, a VMware continua a impulsionar a transformação de
armazenamento através do hypervisor. O objetivo final é oferecer
ao armazenamento o mesmo nível de eficiência operacional que
a virtualização do servidor ofereceu à computação. E este grande
passo começa com o hypervisor.

O hypervisor: o local ideal para


proporcionar armazenamento
definido por software
Dada sua posição única entre o servidor físico e as VMs executadas
nele, o hypervisor tem um ponto de vantagem exclusivo. Ele vê
basicamente tudo, incluindo os aplicativos e o hardware do host.

Esta localização privilegiada na pilha de TI posiciona de maneira sin-


gular o hypervisor para atuar como intermediário para ponderar as
necessidades de uma VM e os aplicativos que ela executa, incluindo
os requisitos para computação, armazenamento e rede. O hyper-
visor tem uma visão para o futuro necessária para tomar decisões
inteligentes de posicionamento e gerenciar otimizações contínuas
da carga de trabalho.

Por que o hypervisor pode atuar como intermediário entre aplicati-


vos e serviços de armazenamento? É por causa da consciência e da
posição:

✓✓ Por um lado, o hypervisor está inerentemente ciente dos aplica-


tivos. Ele tem um ângulo de visão direto em cada aplicativo exe-
cutado nas VMs que estão conectadas ao servidor do host. Ele
entende os requisitos de armazenamento do aplicativo, isso faz
parte do seu trabalho.
✓✓ Por outro lado, o hypervisor está posicionado na trajetória dos
dados E/S entre o servidor do host e as VMs hospedadas, e
ele gerencia a infraestrutura de armazenamento subjacente.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
30 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

Essa posição cobiçada possibilita que o hypervisor transforme


recursos físicos duros em conjuntos de capacidade de armaze-
namento e recursos que podem fluir para aplicativos conforme
necessário.

A evolução para o hardware x86


A HCI tem tecnologia de armazenamento compartilhado flexível que
usa hardware x86 padrão do setor (hardware de armazenamento
não especializado, desenvolvido para fins específicos). Esta
mudança traz bons resultados. Com o uso de componentes de
armazenamento incorporados em hardware padrão do setor, o
ambiente de armazenamento contorna as barreiras incorporadas
nas arquiteturas de armazenamento convencionais.
Essa abordagem reescreve as regras antigas de despesas de capital
(CapEx, capital expenditure) e de despesas operacionais (OpEx,
operational expenditure) para o armazenamento da empresa. O
preço dos componentes de armazenamento caiu muito. Sua loja
de TI tem a liberdade de selecionar os componentes específicos
que melhor atendem a seus requisitos específicos de desempenho,
custo e capacidade.

Com a HCI, os componentes de armazenamento compartilham com-


putação e memória com a infraestrutura do servidor. Isso elimina
a necessidade de matrizes, controladores, memória, SANs e muito
mais. Todas as tecnologias de armazenamento estão plenamente
integradas ao cluster de virtualização. É como ter uma SAN dentro
de um servidor.

Hoje, existem duas formas muito diferentes de implementar armaze-


namento para a HCI no hardware x86 e no armazenamento anexado
direto:

✓✓ Software de terceiros executando em VMs (às vezes conhe-


cidas como VM do controlador) que se situa em cima de
um hypervisor (não dentro de um hypervisor) para criar
appliances de armazenamento virtual (VSAs, virtual storage
appliances).
✓✓ Funcionalidade de armazenamento integrada diretamente no
hypervisor. Essa arquitetura é chamada de armazenamento
hiperconvergente. É a abordagem utilizada nas soluções HCI.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
 Capítulo 3: Extending Virtualization to Storage with Infraestrutura hiperconvergente 31

Uma nova maneira de gerenciar


seu armazenamento
A próxima grande vantagem de uma arquitetura de armazenamento
hiperconvergente é a transformação do gerenciamento e forneci-
mento para fazer com que tudo seja em relação ao aplicativo, e não
em torno do hardware.

Em termos simples, a HCI altera a camada de gerenciamento para


permitir que os requisitos de aplicativos (não recursos de hardware)
conduzam suas decisões de armazenamento.

Historicamente, o gerenciamento de serviços de armazenamento


girava em torno de uma lista rígida de requisitos de capacidade,
desempenho, proteção e outras necessidades de armazenamento.
Esses requisitos eram comunicados de uma equipe para outra, e
implementados fisicamente como LUNs ou volumes de armazena-
mento. Quando executados, havia pouca margem para mudanças. Os
requisitos eram praticamente definidos por completo.

A HCI reescreve este texto. As políticas de armazenamento centradas


em aplicativos substituem essa abordagem centrada em hardware.
As políticas de armazenamento estão associadas às VMs que execu-
tam um aplicativo; essas políticas são automaticamente colocadas
na camada de armazenamento para implementação e execução. Aqui
está o retorno:

✓✓ As políticas de armazenamento e os níveis de serviço que elas


controlam são modificados de forma fácil e dinâmica à medida
que um aplicativo passa por seu ciclo de vida, indo do desen-
volvimento e testes à implantação e produção total.
✓✓ Há muito menos desperdício do que as políticas específicas
de hardware. Os aplicativos recebem exatamente os serviços
de armazenamento que precisam, quando precisam, sem uma
capacidade de fornecimento excessivo rotineiro ou serviços de
dados.
✓✓ A HCI traz uma abordagem comum de gerenciamento padroni-
zado que funciona e abrange diferentes tipos e níveis de arma-
zenamento. O gerenciamento baseado em políticas torna-se
um centro unificado de comando e controle para seu ambiente
de armazenamento. Você pode gerenciar a nova arquitetura de
armazenamento hiperconvergente, além das soluções de arma-
zenamento tradicionais (como SAN e NAS) e ter todos os benefí-
cios das políticas de armazenamento centradas em aplicativos.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
32 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

As soluções HCI de próxima geração, assim como aquelas com


tecnologias da VMware, oferecem uma nova abstração para armaze-
namento e um novo plano de controle:

✓✓ A abstração pode ser implementada no armazenamento


tradicional ou você pode implementar uma arquitetura HCI
inteiramente nova que abstraia recursos de armazenamento
anexados ao hardware do servidor x86.
✓✓ O plano de controle é uma nova maneira dinâmica de gerenciar
serviços de armazenamento comuns em diferentes tipos de
armazenamento.

Rumo a tudo definido por software


A virtualização de computação é uma categoria madura que
possibilitou benefícios em desempenho e expansão. Hoje, estamos
assistindo a outros componentes críticos do data center também
avançarem e se tornarem conjuntos de recursos dinâmicos que
podem ser dimensionados. Estamos vendo o surgimento de tudo
definido por software, desde redes definidas por software, arma-
zenamento de software definido e infraestrutura hiperconvergente
até serviços de aplicativos definidos por software. Todos abrem
caminho para o data center definido por software (SDDC, software-
-defined data center), que é uma abstração de software de todo o
data center.

O VMware NSX é a plataforma de virtualização de rede para o data


center definido por software. O NSX incorpora funcionalidades
de rede e segurança normalmente processadas no hardware
diretamente no hypervisor. A plataforma de virtualização de rede
NSX transforma fundamentalmente o modelo operacional de rede
do data center (como a virtualização de servidores fez há dez anos)
e está ajudando milhares de clientes a se darem conta de todo o
potencial de um SDDC.

Com o NSX, pode-se reproduzir no software todo o ambiente de


rede. O NSX oferece um conjunto completo de elementos e serviços
de rede lógica, incluindo comutação lógica, roteamento, firewall,
balanceamento de carga, VPN, qualidade de serviço (QoS, quality
of service) e monitoramento. As redes virtuais são fornecidas de
forma programática e gerenciadas independentemente do hardware
subjacente.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
Capítulo 4
A abordagem VMware
à infraestrutura
hiperconvergente
Neste capítulo
▶▶Destaque das rotas à infraestrutura hiperconvergente
▶▶Introdução à infraestrutura hiperconvergente com tecnologia da VMware
▶▶Explicação dos atributos do VMware vSAN

E ste capítulo analisa a forma como as soluções de infraestrutura


hiperconvergente do VMware vSAN oferecem as vantagens de
uma arquitetura nativa. Este capítulo também analisa os benefícios
da pilha de software da VMware e apresenta as vantagens de esco-
lhas flexíveis de implantação.

Duas rotas diferentes à


infraestrutura hiperconvergente
Do ponto de vista da arquitetura de armazenamento, existem
duas rotas comuns para a HCI. Embora pareçam semelhantes, tais
abordagens oferecem experiências e capacidades fundamentalmente
diferentes:
✓✓ Anexar software de armazenamento em um hypervisor com
facilidade
✓✓ Construir software de armazenamento no hypervisor
A abordagem “bolt-on” (personalizável) comum à hiperconvergência
executa software de armazenamento de terceiros em máquinas virtu-
ais (VMs, virtual machines) que se situam em cima de um hypervisor.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
34 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

Embora permita a hiperconvergência, a abordagem de arquitetura


bolt-on tem algumas desvantagens marcantes. Essas limitações resul-
tam da criação de uma camada de armazenamento separada que é
executada como VM guest em cada servidor que consome recursos
dedicados de cada servidor.
Algumas das maiores desvantagens da hiperconvergência bolt-on
são:
✓✓ Uso excessivo de recursos
✓✓ Menor desempenho e latências mais longas
✓✓ Integração limitada com os ambientes operacionais múltiplos e
de gerenciamento existentes
A abordagem VMware da HCI é “incorporada.” Nesta abordagem
inovadora, o software de armazenamento é nativo ou é construído
diretamente dentro do hypervisor. Isso significa que a convergência
não ocorre em cima do hypervisor usando um dispositivo virtual,
mas sim dentro do hypervisor.
As vantagens da abordagem hiperconvergente são convincentes:
✓✓ Menor uso de recursos
✓✓ Melhor desempenho e latências mais baixas
✓✓ Integração perfeita permitindo o gerenciamento de ponta a
ponta a partir de uma única ferramenta e um modelo operacio-
nal simplificado
Aqui estão alguns exemplos das vantagens do armazenamento
hiperconvergente incorporado:
✓✓ Não há necessidade de dedicar determinadas unidades de pro-
cessamento central virtual (vCPUs, virtual central processing
units) a um appliance de armazenamento virtual (VSA, virtual
storage appliance) por host.
✓✓ Os recursos da CPU são usados somente quando necessários.
Não é necessário reservar CPUs para a pior das hipóteses.
✓✓ Você economiza ciclos de CPU passando por uma pilha (hyper-
visor) e não duas (hypervisor mais um sistema operacional
[OS, operating system] guest do VSA). É uma matemática
simples.
Com o armazenamento hiperconvergente, a convergência ocorre no
hypervisor, não em uma máquina virtual que é executada em cima
do hypervisor.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
 Capítulo 4: A abordagem VMware à infraestrutura hiperconvergente 35

HCI com tecnologia da VMware


Para possibilitar as soluções HCI, a VMware converte os silos
de infraestrutura de TI tradicionais em hardware baseado em
tecnologia padrão do setor, conforme mostrado na Figura 4-1. As
soluções HCI com tecnologia da VMware virtualizam a infraestrutura
física para ajudar os clientes a desenvolver uma infraestrutura sem
riscos, a melhorar o custo total de propriedade (TCO, total cost of
ownership) em relação aos silos de recursos tradicionais e a dimen-
sionar a longo prazo com o suporte em tempo hábil para novas
ferramentas de hardware, aplicativos e nuvem. A HCI originalmente
incluía computação virtual, armazenamento virtual (com rede de
armazenamento) e gerenciamento unificado, mas agora pode ser
ampliada opcionalmente com recursos de rede virtualizados e avan-
çados para um data center totalmente definido por software.

VM
VM
VM o
wa ad
re n ific
vC ou o
en nt ad
VM ter me erc
wa Se
rve T ncia m
re rM ere r de
vS G líde ivo
VM ph
ere® or o rat
is orp
wa p erv c
re Hy nto
vS
ANTM a me
azen
Arm

Se
r
co vidor
nfi x8
gu 6 t
rad ot
o alm
en
te

Figura 4-1: Infraestrutura hiperconvergente com tecnologia da VMware.

Você pode desfrutar de computação e armazenamento econômicos


e de alto desempenho com tecnologia de software integrado
nativamente da VMware, processadores Intel e unidades de estado
sólido (SSDs, solid-state drives). É a combinação ideal de hardware
Intel comprovado e software da VMware para alto desempenho e
confiabilidade excepcional.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
36 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

A pilha de software da infraestrutura hiperconvergente da VMware é


composta de três soluções amplamente confiáveis:
✓✓ VMware vSphere: O hypervisor que define o padrão do setor
✓✓ VMware vSAN: Uma solução segura de armazenamento
empresarial, a qual é exclusivamente nativa ao hypervisor para
alto desempenho e confiabilidade
✓✓ VMware vCenter Server: Uma solução de gerenciamento unifi-
cada e extensível
As soluções de infraestrutura hiperconvergente com tecnologia da
VMware estão disponíveis através de um amplo conjunto de opções
de implantação, desde appliances HCI prontos para uso até serviços
públicos de nuvem com HCI para mais de 250 servidores pré-certifi-
cados através do programa vSAN ReadyNode.

Com tecnologia do VMware vSAN


A implementação VMware de armazenamento hiperconvergente,
o VMware vSAN, agrupa o armazenamento anexado ao servidor
(SSDs, HDDs ou outros dispositivos flash), conforme mostra a Figura
4-2. Ela cria um armazenamento de dados compartilhado com ser-
viços de dados avançados, projetados para ambientes virtuais. Este
armazenamento de dados é altamente flexível, sem um único ponto
de falha e otimizado para as tecnologias flash mais modernas.
O vSAN comporta configurações all-flash e híbridas (uma mistura
de dispositivos flash e HDDs) com servidores em Intel para fornecer
armazenamento empresarial para aplicativos virtualizados. Este é
um armazenamento de alto desempenho com criptografia poderosa
em software, construído para enfrentar os desafios de seus aplicati-
vos corporativos críticos.
Além disso, o vSAN funciona perfeitamente com o resto da pilha
de software da VMware. O gerenciamento é simplificado, usando
hardware padrão e ferramentas e interfaces comuns da VMware em
computação, armazenamento e rede. Isso faz do vSAN a plataforma
de armazenamento mais simples para VMs.
Nas seções a seguir, eu mostrarei os atributos do VMware vSAN.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
 Capítulo 4: A abordagem VMware à infraestrutura hiperconvergente 37

VM VM VM VM VM VM

vSphere + vSAN

SS SS SS
D D D

SS SS SS SS SS SS
D D D D D D

Armazenamento de dados vSAN


Figura 4-2: VMware vSAN.

Integração nativa
As soluções hiperconvergentes usam o hypervisor para suportar
e fornecer funções de armazenamento e rede de armazenamento
no software. Não há necessidade de hardware de armazenamento
dedicado, como uma matriz de armazenamento ou de redes de
armazenamento complexas, como um canal de fibra.
Como o vSAN está incorporado no kernel do vSphere, ele pode
oferecer os mais altos níveis de desempenho sem carregar a CPU
com overhead adicional. Além disso, a arquitetura nativa simplifica
o gerenciamento e elimina o risco associado a componentes extras
e pontos de integração. Esta é uma grande diferença em relação
aos muitos dispositivos de armazenamento virtualizados que são
executados separadamente em cima do hypervisor.

Desempenho otimizado por flash


Como o armazenamento definido por software depende do
hypervisor, o hypervisor é como o motor que move a carga. Assim,
um excelente desempenho do hypervisor é fundamental para um
excelente desempenho de armazenamento.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
38 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

No caso do ambiente de virtualização do VMware vSphere, o hyper-


visor ESXi foi elaborado especificamente para oferecer um excelente
desempenho de armazenamento no hardware em flash. Isso não
aconteceu por acaso. O hypervisor ESXi tem sido otimizado há mais
de dez anos. Com projetos de hiperconvergência, a funcionalidade
que costumava ser implementada pela matriz de disco é transferida
para os mesmos hosts onde as cargas de trabalho ou as VMs são
executadas.
O vSAN amplia essa vantagem de desempenho na camada de hyper-
visor com um sistema de armazenamento distribuído, arquitetado
desde o início até as operações de armazenamento simplificadas e
utiliza as capacidades das tecnologias flash mais modernas. Como
resultado, os aplicativos se beneficiam de tempos de resposta
rápidos e os administradores de TI desfrutam de níveis mais altos
de densidade da VM.
Além disso, o vSAN se beneficia de um poderoso ecossistema
de parceiros de hardware, garantindo uma rápida adoção das
tecnologias flash mais modernas. O vSAN ReadyLabs é uma equipe
dedicada do vSAN que funciona de maneira prática com o vSAN
e as tecnologias de hardware mais modernas para garantir uma
experiência de hardware previsível no dia 0 com o vSAN ReadyNode
testado e certificado.

Segurança nativa da HCI


A segurança está-se tornando uma prioridade máxima para todos
os Diretores de Informação (CIOs), pois o valor dos dados e o custo
de uma violação de segurança continuam a aumentar. A VMware
oferece a primeira solução de criptografia de dados em descanso
definida por software para a HCI. Os clientes, de mercados financei-
ros a governos federais, podem mitigar os riscos de segurança para
uma maior tranquilidade.
Com o vSAN Encryption, os clientes podem implantar o hardware de
armazenamento escolhido, evitando o preço elevado de unidades
de codificação automática (SEDs, self-encrypting drives). A cripto-
grafia vSAN é completamente agnóstica de hardware. Além disso,
o gerenciamento de chaves é bastante simplificado com suporte
para todos os principais servidores de gerenciamento de chaves e
ativação simples de 1 clique para todo o cluster.

Vantagens de eficiência
Além disso, os recursos avançados de eficiência de armazenamento
incluem a eliminação de duplicação, a compressão e a codificação

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
 Capítulo 4: A abordagem VMware à infraestrutura hiperconvergente 39
de apagamento. Essas tecnologias de eficiência e de redução de
dados são executadas internamente antes que qualquer dado
seja gravado na camada de capacidade do vSAN. Esses recursos
melhoram drasticamente a taxa de utilização de armazenamento
(o que significa que é necessário menos armazenamento físico para
armazenar a mesma quantidade de dados).
E, graças à integração, esses recursos, que podem consumir uma
quantidade significativa de CPU e overhead de memória em solu-
ções HCI baseadas em VSA, têm um impacto mínimo na overhead
de computação. Isso quer dizer que você pode ativar e esquecê-los,
mesmo em ambientes mistos de carga de trabalho – sem plane-
jamento complicado, sem decisões difíceis, sem necessidade de
monitorar nem ajustar o ambiente com base na mudança de carga
de trabalho.

Vantagens operacionais
As vantagens operacionais são talvez a maior vitória da abordagem
hiperconvergente. Uma abordagem de armazenamento hipercon-
vergente é construída desde o início com o objetivo de integrar e
alavancar toda a funcionalidade do hypervisor, sem mais overhead
operacional ou qualquer redução das principais funcionalidades.
Ao executar um ambiente vSphere, você provavelmente valorizará
a funcionalidade da sua camada de virtualização (incluindo coisas
como vSphere High Availability e vSphere vMotion). Muito bem!
Agora, você pode ter a mesma funcionalidade no armazenamento
hiperconvergente baseado no vSphere, porque está tudo embutido
no hypervisor.
À medida que os clientes implementam essas soluções HCI em
grande escala, o vSAN oferece amplo suporte para APIs/SDK públi-
cas e PowerCLI para automação avançada e scripts. Os recursos
de gerenciamento e monitoramento do dia a dia de computação
e armazenamento, incluindo verificação de alertas, visualização
do uso de capacidade, atualização de drivers do controlador com
1 clique (um novo recurso no vSAN 6.6) e muito mais, podem ser
executados com as ferramentas conhecidas do vCenter. Os admi-
nistradores que utilizam o vRealize Operations para monitoramento
rápido e solução de problemas de seus ambientes maiores podem
se beneficiar da integração nativa do vSAN no vRealize Operations,
onde eles podem facilmente monitorar vários clusters do vSAN, rea-
lizar planejamento de capacidade avançado e alavancar os painéis
do vSAN do cliente sobre saúde e desempenho.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
40 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

Escolha de hardware
Para oferecer o máximo de valor e flexibilidade e, no final das
contas, uma trajetória para o data center definido por software
(SDDC), uma solução HCI não deve estar presa a uma plataforma de
hardware específica. É aí que a abordagem agnóstica de hardware
para a implantação de soluções HCI da VMware oferece uma escolha
diferenciada, permitindo que você controle sua infraestrutura.
✓✓ A verdadeira flexibilidade da HCI permite que você escolha
sua plataforma de servidor x86 e o fornecedor. Todos os
principais fornecedores de servidores x86 fornecem soluções
de hardware pré-certificadas prontas para executar o vSAN.
Escolha entre pacotes de hardware existentes, chamados vSAN
ReadyNodes, ou escolha componentes suportados para per-
sonalizar sua infraestrutura. Esta flexibilidade coloca você em
comando.
✓✓ Existe uma via rápida para a HCI com tecnologia da VMware
através de appliances prontos para uso. Essas ofertas são
oferecidas como dispositivos de hardware com configura-
ções mais controladas. É um pouco menos flexível, mas você
ganha os benefícios imediatos de uma implantação mais
rápida, gerenciamento integrado do ciclo de vida e compras
simplificadas.

Dimensionamento elástico e ininterrupto


O VMware vSAN foi projetado com uma arquitetura distribuída que
permite dimensionamento elástico e ininterrupto. Esta é uma vanta-
gem arquitetônica importante de usar a plataforma x86. Você pode
executar seu data center de forma modular, como um provedor de
serviços na nuvem. À medida que as necessidades empresariais
mudam, as soluções HCI com tecnologia do vSAN podem ser dimen-
sionadas vertical ou horizontalmente para atender às necessidades
exatas dos seus aplicativos.
Este modelo que cresce conforme a necessidade ajuda a distribuir
seus investimentos ao longo do tempo.
Existem duas maneiras de expandir e ambas são bastante simples:
✓✓ O dimensionamento horizontal aumenta a capacidade e o
desempenho ao mesmo tempo, adicionando um novo host ao
cluster.
✓✓ O dimensionamento vertical aumenta a capacidade e o desem-
penho de forma independente, adicionando novas unidades
aos hosts existentes.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
 Capítulo 4: A abordagem VMware à infraestrutura hiperconvergente 41
O vSAN pode ser configurado como armazenamento all-flash ou
híbrido. Em uma arquitetura de armazenamento híbrido, o vSAN
agrupa HDDs e SSD anexados ao servidor para criar um armazena-
mento de dados compartilhado e distribuído.
Com os preços de flash em declínio e a disponibilidade de recursos
de eficiência espacial avançados, o ponto de inversão está mudando
rapidamente para configurações all-flash porque são mais rápidas e
mais baratas.

O armazenamento ideal
para máquinas virtuais
Após analisar todas as caracterís- ✓✓ Integração de armazenamento
ticas do armazenamento hipercon- com o hypervisor e seus recur-
vergente, é evidente que esta nova sos poderosos
abordagem oferece vantagens que
✓✓ Opções flexíveis para implanta-
fazem com que sejam armazena-
ção e dimensionamento do seu
mento ideal para VMs.
ambiente de armazenamento
Aqui estão as vantagens mais
Tais benefícios são os motivos pelos
importantes do armazenamento
quais o armazenamento hipercon-
hiperconvergente:
vergente tornou-se o armazena-
✓✓ Melhor preço-desempenho –os mento ideal para VMs. É a forma
ganhos que você espera com os mais pura da HCI e a rota mais
servidores atuais rápida para o SDDC.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
42 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
Capítulo 5
Transformação do
modelo operacional com
gerenciamento unificado
Neste capítulo
▶▶Gerenciamento e monitoramento do ambiente de infraestrutura hiperconver-
gente
▶▶Colocação das operações no nível da máquina virtual
▶▶Uso de automação orientada por políticas
▶▶Controle dinâmico de serviços de armazenamento

V amos mergulhar nas operações de tecnologia da informação


(TI)? Este capítulo mostra como a infraestrutura hiperconver-
gente (HCI) transforma o modelo operacional através do gerencia-
mento de recursos simples e unificado.

Gerenciamento de painel de
controle único
Se trabalha em operações de TI, você sabe tudo sobre gerenciamento
de interfaces, ou seja, quando você vai de uma interface para outra
para gerenciar diferentes aspectos do seu ambiente. A HCI ajuda você
a simplificar sua vida através do gerenciamento de painel de controle
único.
Em um ambiente VMware, você pode usar suas ferramentas
conhecidas do vSphere, especificamente o VMware vCenter Server,
para gerenciar computação, armazenamento e rede a partir de uma
única interface. O vCenter Server oferece controle simples e automa-
tizado do ambiente virtual, ou seja, implantação, gerenciamento e
monitoramento em um único lugar, sem necessidade de ferramentas

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
44 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

adicionais. Tudo ficará mais fácil quando você eliminar a necessi-


dade de várias ferramentas.
Mas não pressuponha que todos os ambientes HCI oferecem geren-
ciamento unificado. Atente para sistemas que exigem ferramentas
diferentes para o sistema HCI, hypervisor e/ou gerenciamento de
armazenamento.

Gerenciamento em escala
Quando se trata de monitoramento do sistema, seu ambiente HCI
deve incorporar recursos de monitoramento integrados.
Por exemplo, em um ambiente VMware, o desempenho avançado e
o monitoramento de capacidade são incorporados diretamente no
vCenter. Verifique o uso da capacidade rapidamente. Verifique se
seu hardware está executando o firmware certificado mais recente.
Confirme que o desempenho atende aos níveis exigidos.
Se quiser melhorar sua solução HCI com tecnologia da VMware com
recursos avançados e sofisticados de monitoramento e análise de
desempenho (pense em painéis personalizados e tendências histó-
ricas), você pode usar os recursos avançados do VMware vRealize
Operations e VMware vRealize Log Insight. O vRealize Operations
agora inclui a integração nativa do vSAN que fornece gerenciamento
de vários clusters, análises preditivas para desempenho e capa-
cidade, solução rápida de problemas e monitoramento simples,
tornando-o uma ferramenta ideal para ambientes de grande escala.
Recursos como esses ajudam você a obter uma visibilidade
operacional profunda e uma imagem de ponta a ponta da pilha de
software e do ambiente para monitoramento proativo e solução de
problemas mais rápida.

Colocação das operações no


nível da máquina virtual
Em sua essência, a TI corporativa trata do fornecimento de aplica-
tivos. É assim que os usuários veem o mundo: através da lente de
seus aplicativos. A HCI está em sincronia com essa visão. Com a
HCI, é possível ajustar todos seus serviços de armazenamento para
aplicativos específicos e as máquinas virtuais (VMs) onde residem.
A HCI segue a forma como os usuários veem o mundo e não como
a TI define os componentes da infraestrutura. Isso é bastante dife-
rente da situação no armazenamento. Em geral, os dispositivos de
armazenamento atuais têm pouco conhecimento de aplicativos. Eles

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
 Capítulo 5: Transformação do modelo operacional com gerenciamento unificado 45
veem o mundo como números de unidade lógica (LUNs, logical unit
numbers) centrados em armazenamento e sistemas de arquivos;
cada um oferece um contêiner com uma combinação estática de
capacidade, desempenho e proteção.
Através da otimização da abstração de armazenamento no nível do
plano de dados, a HCI oferece um controle muito maior sobre os ser-
viços de armazenamento até o nível da VM. Isso significa que você
pode criar serviços de armazenamento orientados por requisitos de
aplicativos, não por restrições físicas de armazenamento. Em outras
palavras, tem tudo a ver com as necessidades dos aplicativos e dos
usuários finais, não com o hardware secundário.

Automação orientada por políticas


Para possibilitar operações mais eficientes, os sistemas HCI de
próxima geração usam políticas de armazenamento para conduzir
a automação. Você pode definir políticas para os requisitos de
capacidade, desempenho, disponibilidade, redundância e outros.
Em um ambiente VMware, a base para o plano de controle baseado
em políticas é conhecida como Gerenciamento Baseado em Políticas
de Armazenamento (SPBM, Storage Policy-Based Management) do
VMware vSphere.
Basicamente, as políticas são modelos que esclarecem os requisitos
de armazenamento para VMs e os aplicativos que elas executam.
O plano de controle de gerenciamento automatiza a colocação da
VM. Ele faz isso identificando os armazenamentos de dados dispo-
níveis que atendem aos requisitos de armazenamento do aplicativo.
Assim, você evita o trabalho entediantes com o fornecimento de
VMs caso a caso.
A combinação de automação e gerenciamento baseado em políticas
ajuda a simplificar o gerenciamento de armazenamento. Ou seja,
ajuda você a oferecer valor rapidamente aos seus clientes, ou seja,
às pessoas que usam seus serviços de TI. Por exemplo:
✓✓ Os administradores de aplicativos podem consumir armaze-
namento como serviço, sem que sintam os gargalos causados
pelos pontos de sobrecarga do serviço que vêm com aborda-
gens convencionais para fornecimento de armazenamento.
✓✓ Os recursos de armazenamento são fornecidos para os requi-
sitos precisos de um aplicativo. Os administradores de apli-
cativos recebem exatamente o que eles precisam, sem um a
fornecimento excessivo e caro.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
46 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

Depois que as políticas de armazenamento são configuradas, os


administradores de aplicativos podem escolher o aplicativo ou o
modelo de VM necessário. O mecanismo de política do plano de
controle lê a política de armazenamento associada e, em seguida,
fornece precisamente os recursos de armazenamento para corres-
ponder aos requisitos do aplicativo.

Controle dinâmico de serviços de


armazenamento
Com o modelo atual de armazenamento estático, os administradores
de armazenamento devem estimar (ou basear-se em estimativas
conjecturais) sobre as necessidades de diferentes aplicativos muito
antes da implantação. Eles então adquirem o hardware físico e o
alocam em conjuntos de recursos pré-fornecidos com diferentes
níveis de serviço para capacidade, desempenho e proteção. Nesse
momento, o aplicativo está disponível para consumo.
É fácil ver por que esse modelo convencional não é ideal. Aqui estão
alguns dos muitos problemas com esta abordagem:
✓✓ Se o requisito de um aplicativo não se encaixa precisamente
em um dos níveis de serviço de armazenamento pré-estabele-
cidos, os administradores de armazenamento precisam fazer
concessões.
✓✓ Se os requisitos de um aplicativo saem do intervalo fornecido
pelo conjunto pré-definido de recursos de armazenamento, os
administradores de armazenamento precisam se esforçar para
transferir o aplicativo para o conjunto apropriado.
✓✓ Se a demanda real de armazenamento agregado não se alinha
com as partições pré-alocadas, os recursos são desperdiçados
ou não atendem à demanda.
A HCI rompe o molde de armazenamento convencional. Todos os
recursos de hardware e software são apresentados como grandes
conjuntos de serviços de armazenamento que podem ser alocados a
aplicativos. Quando os pedidos de aplicativos são feitos para um ser-
viço de armazenamento específico com base em uma determinada
política, a HCI configura de forma dinâmica a combinação precisa de
serviços de dados, apenas a quantidade certa de capacidade, desem-
penho e proteção, para atender às necessidades do aplicativo.
Semelhante do que é feito com a computação virtualizada
atualmente, a HCI possibilita que sua equipe de TI corresponda
precisamente a demanda à oferta, sem ter conhecimento prévio dos

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
 Capítulo 5: Transformação do modelo operacional com gerenciamento unificado 47
requisitos específicos do aplicativo. Você está preparado(a) para o
que vier à sua frente.

A implementação VMware:
gerenciamento baseado em política
de armazenamento vSphere
Em um ambiente VMware, a base para o plano de controle baseado
em políticas é conhecida como Gerenciamento Baseado em Políticas
de Armazenamento (SPBM, Storage Policy-Based Management) do
VMware vSphere.
O SPBM possibilita que você capture seus requisitos de armazena-
mento para capacidade, desempenho e disponibilidade sob a forma
de modelos, chamados de políticas de armazenamento da VM. Com
base nesses modelos de políticas, o SPBM automatiza o fornecimento
e o monitoramento de serviços de armazenamento. À medida que
as necessidades das VMs individuais mudam, o SPBM proporciona
os recursos de armazenamento necessários. Tudo isso resulta no
fornecimento de armazenamento mais rápido para novos aplicativos.
O uso de políticas também simplifica o processo de mudança. O
administrador da infraestrutura virtual (VI, virtual infrastructure)
pode fazer alterações nas políticas a qualquer momento e as
mudanças de infraestrutura necessárias são configuradas através
da automação. Isso facilita a manutenção dos seus aplicativos em
sintonia com as mudanças das necessidades corporativas.

Programável através de interfaces


de programação de aplicativos
As interfaces de programação de aplicativos (APIs, application
programming interfaces) estão no cerne de tudo o que é definido por
software. As APIs oferecem flexibilidade para adaptar o seu ambiente
HCI a diferentes casos de uso.
Especificamente, o plano de controle orientado por políticas fornece
pontos de integração, utilizando APIs, para o fornecimento ágil de
serviços de TI em ambientes de nuvem privada e consumo de servi-
ços de armazenamento de autoatendimento pelos proprietários de
aplicativos. Essas APIs permitem que você integre seu ambiente HCI
com ferramentas de gerenciamento de data center, como scripts e
soluções de automação em nuvem para consumo de armazenamento
de autoatendimento.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
48 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

Renovação da amizade entre o


administrador de infraestrutura virtual
e o administrador de armazenamento
Nos data centers atuais, os administradores de VI e os administrado-
res de armazenamento vivem um relacionamento de codependên-
cia. Nenhum deles pode funcionar sem o outro. Esta codependência
pode levar a um conflito de TI, com cada lado puxando o outro para
fazer determinadas coisas.
Usando o SPBM, a HCI com tecnologia da VMware elimina os
motivos desse conflito. O SPBM simplifica as operações de arma-
zenamento, automatiza tarefas manuais e elimina as dependências
operacionais entre o administrador de VI e o administrador de
armazenamento. O SPBM separa o fornecimento de infraestrutura
de armazenamento do consumo de armazenamento por VMs.
Neste mundo definido por software, o administrador de VI não
depende do administrador de armazenamento para atender às
solicitações de mudança de infraestrutura:
✓✓ O administrador de armazenamento é responsável pela con-
figuração inicial da capacidade de armazenamento e dos ser-
viços de dados, que são publicados como armazenamento de
dados virtual. O administrador de armazenamento está sempre
no controle dos recursos que estão disponíveis para consumo,
assim, o trabalho é mais eficiente.
✓✓ O administrador de VI usa o armazenamento de dados virtual
como um menu de itens de armazenamento para atender às
necessidades das máquinas virtuais. O administrador de VI
é autossuficiente, ou seja, as políticas podem ser alteradas
a qualquer momento. E, como a administração de armaze-
namento, a administração de VI é mais eficiente porque as
mudanças de infraestrutura necessárias são configuradas atra-
vés da automação.
O administrador de VI e o administrador de armazenamento não
dependem um do outro para realizar tarefas diariamente. Cada um
pode ser autossuficiente para muitas tarefas do dia-a-dia. Ou seja,
eles podem voltar a ser amigos!
Os administradores têm dois papéis básicos em um ambiente SDS:
✓✓ O administrador de armazenamento disponibiliza grandes con-
juntos de recursos para consumo dinâmico.
✓✓ O administrador de VI define políticas e monitora a execução.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
Capítulo 6
Introdução à infraestrutura
hiperconvergente
Neste capítulo
▶▶Opções de implantação da HCI com tecnologia da VMware
▶▶Diferentes soluções certificadas
▶▶Explicação sobre dispositivos da infraestrutura hiperconvergente

P ronto(a) para colocar a teoria em prática? Este capítulo


destaca os recursos que você pode potencializar para
implementar a infraestrutura hiperconvergente (HCI) conforme suas
necessidades e cronogramas.

Implementação da HCI
com tecnologia da VMware:
opções de implantação
Você tem duas opções principais para implementar a HCI baseada
em VMware, conforme mostra a Figura 6-1 :

✓✓ Soluções certificadas baseadas no VMware vSAN ReadyNode


✓✓ Sistemas integrados na forma dos appliances HCI do Dell EMC
VxRail prontos para uso

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
50 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

Soluções Appliances de
HCI certificadas HCI desenvolvidos

Personalize um vSAN Escolha uma solução HCI pronta para


ReadyNode pré-certificado uso com o Dell EMC VxRail Appliances

FLEXIBILIDADE VELOCIDADE DE IMPLANTAÇÃO

Figura 6-1: Modelos de implantação da HCI.

Qualquer uma dessas opções ajudará a otimizar seu data center e a


fornecer computação e armazenamento de baixo custo e alto desem-
penho com tecnologia do VMware vSAN juntamente com unidades
de estado sólido (SSDs, solid state drives). O software integrado de
maneira nativa reúne o vSAN, o vSphere e o vCenter com as opções
de implantação da HCI nas arquiteturas x86 padrão do setor.

O VMware vSAN oferece um armazenamento comprovado e de alto


desempenho que possibilita expandir seus conjuntos de habilidades
de virtualização existentes, reduzir custos de infraestrutura e geren-
ciamento e ampliar novas e modernas tecnologias de hardware,
aplicativos e nuvem.

Ao ser definido por software e fornecido a partir do hypervisor, o


vSAN é completamente independente de hardware; ele funciona com
qualquer servidor x86 compatível com o vSphere. Isso significa que,
quando estiver pronto(a) para implementar a HCI, você possui uma
ampla variedade de componentes e opções da VMware e de tercei-
ros para configurar e implantar os nós do vSAN, quer você procure
flexibilidade máxima ou o melhor tempo para atingir o mercado.

Independentemente do modelo de implantação que escolher, com o


vSAN você ganha economia do lado do servidor. Você pode reduzir
suas despesas de capital de armazenamento aproveitando os com-
ponentes de armazenamento de arquiteturas x86 de baixo custo e
padrão do setor e, ao mesmo tempo, usar todos os outros benefícios
do modelo operacional SDS.

Soluções certificadas:
vSAN ReadyNode
Você pode implantar o vSAN com uma plataforma de hardware cer-
tificada do fornecedor do fabricante do equipamento original (OEM,

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
 Capítulo 6: Introdução à infraestrutura hiperconvergente 51
original equipment manufacturer) de sua escolha. Essas plataformas
pré-certificadas, chamadas vSAN ReadyNode, incluem uma pilha de
hardware completa composta do servidor, controlador e unidades.
O VMware vSAN ReadyLabs e os OEMs de servidor têm validado em
conjunto várias configurações de servidor que estão prontas para
executar o vSAN.

Com esta abordagem, é possível criar nós do vSAN que atendem


a diferentes necessidades de capacidade de carga de trabalho e
de desempenho. Para isso, basta selecionar o ReadyNode de sua
escolha no menu de opções fornecido por cada fornecedor. O
ReadyNode está pronto para uso ou pode ser personalizado para
atender às suas necessidades, por exemplo, incluir mais memória,
unidades de processamento central (CPUs, central processing units)
ou unidades.

Em suma, o vSAN ReadyNode é ideal como bases hiperconvergentes


para ambientes grandes de data center que procuram automação e
configurações de hardware personalizáveis.

Benefícios de um vSAN ReadyNode


O vSAN ReadyNode ajuda a simplificar a decisão de compra,
assumir o controle da sua HCI e acelerar o tempo para valorizar, e
oferece os seguintes benefícios:

✓✓ Escolha de hardware: selecione um OEM de servidor e esco-


lha entre mais de 250 ReadyNodes pré-certificados que aten-
dem às suas necessidades de carga de trabalho. Cada perfil de
solução apresenta um foco de preço/desempenho diferente.
✓✓ Eliminação de silos: implemente seu ambiente HCI nas pla-
taformas x86 que já conhece e usa. Ou seja, não é necessário
aprender nenhum hardware novo, nenhum processo novo de
compra e nenhum modelo novo de suporte para gerenciar.
✓✓ Facilidade de encomenda e personalização: compre uma
única unidade de manutenção de estoque (SKU, stock keeping
unit) pré-configurada com CPU, memória, rede, controlador
de E/S, unidades de disco rígido (HDDs, hard disk drives) e
SSDs, e também opcionalmente pré-carregada com o vSphere
e o vSAN. Compre o produto pronto para uso ou personalize-o
conforme suas necessidades específicas.
✓✓ Opções de licenciamento: potencialize seus acordos de
licença de empresa existentes ou simplifique a aquisição de
licenças como novo cliente.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
52 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

Escolha o vSAN ReadyNode ideal


Veja como escolher o vSAN ReadyNode ideal:

1. Consulte o Guia de Referência Rápida de Hardware


do vSAN para obter dicas sobre como identificar os
requisitos de hardware para seu perfil de carga de
trabalho e a categoria do ReadyNode que atende
às suas necessidades: www.vmware.com/resources/
compatibility/vsan_profile.html.
2. Visite o Configurador do vSAN ReadyNode e obtenha
ajuda passo a passo para escolher um perfil e identi-
ficar as opções do seu fornecedor: http://vsanready-
node.vmware.com/RN/RN.

Implementação do vSAN ReadyNode


Aqui estão algumas dicas para implementar o vSAN ReadyNode:

✓✓ Siga o Guia de Compatibilidade do vSphere. Siga as orienta-


ções e os conselhos no Guia de Compatibilidade do vSphere
para vSAN. Esta ferramenta on-line (disponível em https://
www.vmware.com/resources/compatibility/search.
php?deviceCategory=vsan) é atualizada regularmente
para fornecer as últimas orientações da VMware. Siga-o com
precisão.
Sempre confirme se a VMware suporta todos os componentes
de hardware que você planeja usar na implantação do vSAN.
✓✓ Crie configurações equilibradas. Como prática recomendada,
implemente os hosts ESXi com configurações semelhantes
ou idênticas em todos os membros do cluster, incluindo con-
figurações de armazenamento semelhantes ou idênticas. Isso
garante um equilíbrio uniforme de componentes de armazena-
mento da máquina virtual (VM) em todo o cluster de discos e
hosts.
✓✓ Projete para o ciclo de vida do cluster vSAN. Para configura-
ções híbridas e all-flash, é importante dimensionar de forma
a permitir uma quantidade adequada de cache e capacidade
para suas cargas de trabalho.
Considere hosts que tenham slots de disco para capacidade
adicional e tenham uma maneira fácil de instalar dispositivos
adicionais nesses slots.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
 Capítulo 6: Introdução à infraestrutura hiperconvergente 53
✓✓ Dimensione com capacidade, manutenção e disponibilidade
em mente. Uma configuração com quatro nós (ou mais) for-
nece mais opções de disponibilidade do que uma configuração
com três nós. Você deve ter capacidade de armazenamento
suficiente não apenas para atender aos requisitos de dispo-
nibilidade, mas também para permitir uma reconstrução dos
componentes após uma falha.
✓✓ Migre dados e VMs da infraestrutura existente. A transição
para sistemas HCI com tecnologia do vSAN também é extre-
mamente fácil. Após a criação de um novo cluster do vSAN
baseado no ReadyNode em sua instância existente do vCenter,
você pode usar os recursos de migração integrados baseados
nas tecnologias compradas do vMotion e do Storage vMotion.
Com alguns cliques no assistente de migração, seus dados e
cargas de trabalho podem ser migrados sem interrupção do
seu ambiente de armazenamento e computação tradicional
para um novo ambiente HCI.

Sistemas integrados: appliances


HCI do Dell EMC VxRail
O Dell EMC VxRail Appliance é uma família de appliances HCI da
VMware totalmente integrada, pré-configurada e pré-testada. Com
base no VMware vSphere e no vSAN, o VxRail oferece uma solução
completa de transformação de infraestrutura de tecnologia de infor-
mação (TI), aproveitando uma base conhecida e comprovada para o
data center definido por software (SDDC).

Potência da rede de área de


armazenamento em apenas
dois racks
Com a potência de toda uma rede de área de armazenamento (SAN)
em apenas duas unidades de rack, esses dispositivos fornecem uma
solução hiperconvergente simples e econômica para uma ampla
variedade de aplicativos e cargas de trabalho. O VxRail Appliances
oferece recursos para resiliência, qualidade do serviço (QoS, Quality
of Service) e gerenciamento centralizado, permitindo um gerencia-
mento mais rápido, melhor e mais simples de cargas de trabalho
consolidadas, desktops virtuais, aplicativos empresariais críticos e
infraestrutura de escritório remoto.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
54 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

Uma experiência conhecida


Construído com base no VMware vSAN e gerenciado pelo VMware
vCenter Server, o Dell EMC VxRail Appliances fornece aos clientes
atuais da VMware uma experiência familiar, além dos benefícios de
operações simplificadas, gerenciamento de ciclo de vida e serviços
de TI adicionais.

O VxRail Appliances está repleto de serviços de dados essenciais de


missão crítica da Dell EMC, incluindo replicação, backup e camadas
em nuvem, sem custo adicional. Como uma solução baseada em
VMware, o VxRail também se integra à plataforma de gerenciamento
de nuvem da VMware e às soluções de computação de usuários
finais. O produto também é uma plataforma para a introdução de
ofertas avançadas do SDDC, como VMware NSX, vRealize Air Auto-
mation e Horizon Air Hybrid Mode.

Os recursos da HCI também estão disponíveis em sistemas inte-


grados da VMware. Esses sistemas contam com a tecnologia do
software hiperconvergente da VMware, o vSphere para virtualização
e o vSAN para armazenamento. Os sistemas integrados reúnem
computação, armazenamento e rede da VMware com hardware de
parceiro certificado em dispositivos HCI. O resultado é um sistema
de data center completo, fácil de implantar e simples de gerenciar.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
Capítulo 7
Dez motivos para
gostar da infraestrutura
hiperconvergente
Neste capítulo
▶▶Benefícios operacionais da infraestrutura hiperconvergente
▶▶Destaque dos benefícios comerciais da infraestrutura hiperconvergente
▶▶Compreensão das necessidades de aplicativos em evolução

E ste livro deixa o melhor por último (ou quase último, se você
segue à risca a numeração dos capítulos). Aqui está o retorno
da infraestrutura hiperconvergente (HCI): resultados muito bons
para a empresa e para a tecnologia da informação (TI).

Melhoria da eficiência de custo


Com uma HCI, você pode reduzir os custos usando o hardware do
servidor baseado em padrões como estrutura para seus sistemas
de armazenamento O hardware padrão pode diminuir os custos de
aquisição e reduzir as despesas de manutenção, em comparação
com os custos de compra e manutenção de soluções exclusivas.
O resultado é uma redução geral das despesas de capital (CapEx)
e das despesas operacionais (OpEx).

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
56 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

Melhoria da eficiência operacional


Ao comparamos os fluxos de trabalho da HCI com os fluxos de
trabalho de armazenamento tradicionais, uma coisa se destaca: há
muito menos etapas que, em geral, são realizadas por um número
menor de pessoas. Isso é intencional. O projeto dos ambientes HCI
prevê automatização desde o início, não como uma consideração
tardia.

Aqui está um exemplo de como a HCI melhora a eficiência ope-


racional. Em vez de realizar as mesmas tarefas de fornecimento
de armazenamento várias vezes, você define políticas e deixa o
software fazer o trabalho por você. Em seguida, você faz os ajustes
necessários nas alocações de armazenamento com o passar do
tempo. E melhor ainda, tudo isso pode ser feito através de ferramen-
tas familiares que você já conhece e confia!

Promoção da resposta dinâmica


Os requisitos do serviço de armazenamento de aplicativos sempre
mudam. Um aplicativo passa da fase experimental para a produção.
Uma carga de trabalho pesada precisa de mais recursos de armaze-
namento. Outra carga de trabalho precisa ser desativada.

Em um mundo centrado em hardware, essas mudanças podem tra-


zer muita dor de cabeça para sua equipe de TI, mas não no mundo
centrado em aplicativos da HCI. Os ambientes HCI são projetados
para agilidade. Mude a política do aplicativo e a infraestrutura
responde de forma transparente e automática, graças ao Geren-
ciamento Baseado em Política de Armazenamento (SPBM, Storage
Policy-Based Management). Você ganha níveis de serviço mais
confiáveis e economiza tempo e recursos.

Melhoria da precisão e
granularidade
Em ambientes de armazenamento convencionais centrados em
hardware, o fornecimento excessivo é a norma. Os administradores
configuram conjuntos estáticos de recursos de armazenamento de
acordo com suas melhores estimativas sobre as necessidades de
aplicativos e armazenamento máximo. Isso gera muita capacidade
desperdiçada.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
 Capítulo 7: Dez motivos para gostar da infraestrutura hiperconvergente 57
Em um ambiente HCI, os serviços de armazenamento são consu-
midos quando necessários, com pouco (ou nenhum) desperdício.
Os aplicativos recebem apenas o desempenho, a capacidade e a
proteção de que precisam, e nada mais. As aproximações brutas
dão lugar a ajustes precisos e o fornecimento excessivo torna-se
uma relíquia.

Segurança nativa
Com tantas violações de segurança que acabam virando manchetes,
a segurança tornou-se um requisito fundamental para os CIOs. À
medida que você evolui para um data center moderno baseado em
arquiteturas HCI, é necessária uma solução de segurança flexível e
simples para proteger você e os dados críticos dos seus clientes.

Uma solução HCI moderna deve fornecer criptografia nativa que se


alinha com os outros benefícios de sua escolha de HCI, que incluem
opções de hardware e flexibilidade, custos mais baixos e gerencia-
mento simplificado.

Dimensionamento elástico
Na HCI com o vSAN, você pode dimensionar de forma elástica e sem
interrupções, aproveitando os servidores x86 para armazenamento:

✓✓ Dimensionamento horizontal: tanto a capacidade quanto o


desempenho podem ser dimensionados horizontalmente ao
mesmo tempo; basta adicionar um novo host ao cluster.
✓✓ Dimensionamento vertical: a capacidade e o desempenho
podem ser dimensionados verticalmente independentemente;
basta adicionar novas unidades à camada de armazenamento
em cache ou à camada de capacidade, ou ambas.
Este modelo de crescimento conforme suas necessidades propor-
ciona uma escala linear e granular de forma acessível. Compre ape-
nas o que precisa quando precisar e distribua seus investimentos ao
longo do tempo.

Com a grande variedade de plataformas de hardware disponíveis


para o vSAN, você também pode escolher entre os vários fatores
de forma de servidores disponíveis. Escolha o design do servidor
tradicional para a infraestrutura composta mais recente dos princi-
pais fornecedores para melhor corresponder o seu ambiente HCI às
necessidades do seu aplicativo.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
58 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

Preparação para futuros


aplicativos
As organizações procuram implantar uma infraestrutura pronta para
desenvolvedores, assim, um novo estilo de aplicativo é cada vez
mais comum em ambientes de TI. Independentemente de se tratar
de um aplicativo móvel, análise de big data ou novos aplicativos
nativos em nuvem, esses aplicativos mais recentes são muito mais
dinâmicos em seus requisitos de recursos do que os corporativos
tradicionais. A crescente popularidade dos contêineres e aplicativos
em nuvem está colocando novas demandas na sua infraestrutura
de TI. Por exemplo, o vSAN integra-se perfeitamente com o Docker
e o Kubernetes para fornecer armazenamento persistente, consi-
derando aplicativos e contêineres com uma infraestrutura compro-
vada fácil de gerenciar, monitorar e manter.

A antiga abordagem de fazer suposições iniciais estáticas sobre os


requisitos de um aplicativo deixou de ser relevante. Em vez disso,
a infraestrutura subjacente deve estar preparada para fazer ajustes
automáticos para atender às necessidades em constante mudança
do aplicativo. Isso é HCI.

Desempenho uniforme para


cada aplicativo
Certifique-se que você pode executar qualquer aplicativo, desde
aplicativos corporativos críticos até futuros aplicativos nativos da
nuvem. Dimensione sabendo que o desempenho não será afetado.
E com opções para all-flash, você obtém o desempenho mais econô-
mico. Além disso, você pode utilizar recursos de eficiência espacial
com impacto mínimo na CPU e na overhead de memória.

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
 Capítulo 7: Dez motivos para gostar da infraestrutura hiperconvergente 59

Disponibilidade para uso


corporativo
Com a HCI, você pode eliminar o tempo de inatividade dispendioso.
Ela permite níveis máximos de proteção e disponibilidade de
dados com tolerância de falha embutida, replicação assíncrona de
longa distância e clusters expandidos. Com total disponibilidade
(99,999%), você tem tranquilidade, mesmo quando com fatos
inesperados.

Elementos para a nuvem híbrida


A HCI, com sua arquitetura modular, é o elemento fundamental para
a nuvem híbrida. E para empresas que desejam avançar em direção
ao SDDC, o fornecedor ideal da HCI mostrará um caminho para fazer
isso com recursos adicionais de gerenciamento de rede e gerencia-
mento avançado com o uso dos mesmos serviços de gerenciamento
de dados em ambientes físicos, virtuais e em nuvem. Chegue na
próxima geração de hiperconvergência com a VMware com a pilha
de data center definida por software mais abrangente, integrada e
interoperável.

O que é VMware Cloud Foundation?


A VMware Cloud Foundation tem abstrai e agrega recursos de compu-
por base uma arquitetura hiper- tação e memória em conjuntos lógi-
convergente modular, que otimiza o cos de capacidade de computação,
hypervisor para entregar computa- enquanto que o Virtual SAN, embu-
ção, armazenamento e rede em uma tido no vSphere, agrupa o armaze-
única camada de software (veja a namento anexado ao servidor para
figura a seguir). criar um armazenamento de dados
compartilhado de alto desempenho
Os componentes fundamentais
para o armazenamento da máquina
da solução HCI da VMware são
virtual. O SDDC Manager, incluído
VMware vSphere, VMware vSAN e
no pacote, automatiza todo o ciclo
VMware vCenter Server, que permi-
de vida do sistema (desde o início,
tem a convergência de computação,
configuração e fornecimento até
armazenamento e gerenciamento
atualizações e correções) e simpli-
em uma única camada de software
fica o gerenciamento e as operações
que pode ser executado em qual-
cotidianas.
quer infraestrutura x86. O vSphere

(continued)

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
60 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

(continued)

A VMware Cloud Foundation leva a HCI mais à frente, ampliando a conver-


gência de computação e armazenamento para incluir redes com o VMware
NSX. O NSX separa a funcionalidade de rede dos switches físicos e a
incorpora ao hypervisor para maior segurança, maior eficiência de rede e
dimensionamento elástico na escala do data center. E para organizações
que desejam automação e monitoramento avançados para o SDDC, a Cloud
Foundation pode ser aprimorada com soluções adicionais de automação em
nuvem e operação em nuvem.
VMware Cloud Foundation
SDDC Manager

NSX

vCenter Server vCenter Server

vSAN vSAN

vSphere vSphere

HCI SDDC

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
Notes

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
Notes

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
Apêndice

Recursos
P ronto(a) para um mergulho mais aprofundado na infra-
estrutura hiperconvergente (HCI)? Aqui estão alguns dos
melhores recursos.
Site HCI da VMware: Conheça as opções de implantação e encontre
recursos para começar sua trajetória para a HCI. www.vmware.
com/products/hyper-converged-infrastructure.html

Laboratório prático do vSAN: Ganhe experiência prática da HCI


com este ambiente on-line fácil de usar. www.vmware.com/go/
try-vsan-hol

Versão gratuita do vSAN: Experimente o vSAN por 60 dias gratuita-


mente em seu próprio ambiente. https://my.vmware.com/web/
vmware/evalcenter?p=vsan

Treinamento on-line do vSAN no seu próprio ritmo:


Conheça os recursos, os benefícios e os casos de uso comuns
da Infraestrutura Hiperconvergente com tecnologia do vSAN.
https://mylearn.vmware.com/portals/www/search/
results.cfm?ui=www_edu&category=catalog&search
type=advanced&keyword=vSAN&subjectID=0&delivery
Type=2&productID=0&roleID=0
VMware vSAN – Implantação e gerenciamento: Saiba como o
vSAN funciona como um componente importante no data center
definido por software da VMware e ganhe experiência prática
com exercícios práticos de laboratório neste curso de três
dias. https://mylearn.vmware.com/mgrReg/courses.
cfm?ui=www_edu&a=one&id_subject=79177

TCO do vSAN e calculadora de tamanho: Quantifique o


impacto econômico que o vSAN pode ter em seu ambiente.
https://vsantco.vmware.com/vsan/SI/SIEV

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
64 Infraestrutura hiperconvergente para Leigos, 2º edição especial da VMware 

Configurador do vSAN ReadyNode: Nossa ferramenta on-line


facilita a seleção do ReadyNode ideal. http://vsanreadynode.
vmware.com/RN/RN

Virtual Volumes: Saiba mais sobre a estrutura de integração e


gerenciamento para armazenamento externo que proporciona
um controle mais preciso no nível da VM, agilizando a operação
de armazenamento. www.vmware.com/products/vsphere/
features/virtual-volumes.html

Blog de armazenamento da VMware “Virtual Blocks”: Informe-se


mais sobre as tendências atuais e os desenvolvimentos em HCI
e armazenamento definido por software (SDS). http://blogs.
vmware.com/virtualblocks

Recursos técnicos do StorageHub: Recursos técnicos e documentos


para ajudar você em todas as etapas da infraestrutura hiperconver-
gente, desde a avaliação até a otimização. https://storagehub.
vmware.com/#!/vmware-vsan

Estes materiais são © 2018 John Wiley & Sons, Inc. Qualquer disseminação, distribuição ou uso não autorizado é estritamente proibido.
WILEY END USER LICENSE AGREEMENT
Go to www.wiley.com/go/eula to access Wiley’s ebook EULA.