Você está na página 1de 28

1

A BÍBLIA CHEIA DE ERROS

2
Este estudo foi traduzido e adaptado da seção Smiling
Zone, da página de Called to be Different "The Bible is
full of mistakes"
em 24/07/2007
por Fábio Amarante — famarte@uol.com.br
Nova revisão e editoração em janeiro de 2019.

http://www.angelfire.com/ar/c2bd/index.html
http://www.angelfire.com/ar/mjsmiley/index.html#light
e
http://www.gospelcom.net/moh/WinkPrat/DTM/Mistak
esIntheBible.htm (Jason)

O texto original em inglês pode atualmente ser


encontrado na página
http://www.xapurdue.com/resources/the-word/

https://archive.org/download/2TheBibleIsFullOfMistak
es/2-The%20Bible%20is%20full%20of%20mistakes.doc

3
A BÍBLIA CHEIA DE ERROS

4
CONTEÚDO
PREFÁCIO .................................................................... 7
A BÍBLIA ESTÁ CHEIA DE ERROS ............................. 7
A BÍBLIA ESTÁ CHEIA DE FALHAS ............................ 7
ESTÁ CHEIA DE CONTRADIÇÕES ............................. 7
DEUS NÃO ESCREVEU A BÍBLIA............................... 7
O HOMEM MODERNO TEM REJEITADO OS
ENSINAMENTOS DA BÍBLIA... ................................... 8
É CLARO QUE SÓ MESMO UMA PESSOA IGNORANTE
OU FANÁTICA PODERIA ACREDITAR NA BÍBLIA... .... 8
A BÍBLIA NADA MAIS É DO QUE OUTRO LIVRO
RELIGIOSO................................................................ 9
E VOCÊ NÃO PODE ENTENDER E NEM CONFIAR NO
QUE A BÍBLIA DIZ... .................................................. 9
A BÍBLIA É UM LIVRO DE DEUS, SOBRE DEUS ......... 11
1. Sua Sobrevivência ............................................... 17
2. Sua Estrutura ..................................................... 18
3. Sua Exatidão Científica ....................................... 20
4. Sua Extensão de TEMPO na Profecia ................... 23
5. Sua Influência Social ........................................... 25
6. Seu Recurso Supremo ......................................... 26
7. Sua Sobrenatural Salvação .................................. 27

5
A BÍBLIA CHEIA DE ERROS

6
PREFÁCIO
A BÍBLIA ESTÁ CHEIA DE ERROS
O primeiro erro foi quando Eva duvidou da
palavra de Deus. O segundo aconteceu quando
seu marido também duvidou. E erro após erro
ainda está sendo feito, porque as pessoas
insistem em duvidar da Palavra de Deus.

A BÍBLIA ESTÁ CHEIA DE FALHAS


Porque ela registra as pessoas que falharam
muitas e muitas vezes. Assim foi com Adão, com
Caim, com Moisés; as falhas de Davi e de muitos,
muitos outros. Porém ela também é o registro do
amor de Deus que nunca falha.

ESTÁ CHEIA DE CONTRADIÇÕES


Ela contradiz o orgulho e o preconceito.
Contradiz a luxúria e a ilegalidade. Ela contradiz
o pecado, os seus e os meus.

DEUS NÃO ESCREVEU A BÍBLIA...


...Para as pessoas que querem jogar com as
palavras e para aqueles que gostam de examinar
as coisas boas, mas sem praticá-las, nem para as

7
A BÍBLIA CHEIA DE ERROS

pessoas que não acreditam porque não querem


acreditar.

O HOMEM MODERNO TEM REJEITADO


OS ENSINAMENTOS DA BÍBLIA...
...Pelas mesmas razões que outros homens os
têm rejeitado através da história.
...Pela amargurada ignorância à sua
verdadeira mensagem e conteúdo;
Pelo decidido pouco caso, recusando-se a
consi-derar suas afirmações;
...Pela repetição mecânica de
pseudoconhecimen-tos, como se fossem críticas
honestas;
...Por uma secreta convicção de que este Livro
está correto e os homens estão errados.

É CLARO QUE SÓ MESMO UMA


PESSOA IGNORANTE OU FANÁTICA
PODERIA ACREDITAR NA BÍBLIA...
— A Bíblia tem ensinamentos muito velhos,
irracionais, discutíveis e com princípios
destituídos de propósitos.

8
— Está cheia de absurdos e de afirmativas
incompatíveis.
— É só um livro sem importância que os
homens fizeram, sem critérios, sem inspiração e
que quase ninguém concorda
— ...CONFORME A MANEIRA DE PENSAR
DAQUELES QUE A DESPREZAM!

A BÍBLIA NADA MAIS É DO QUE


OUTRO LIVRO RELIGIOSO...
...Para milhares que não aceitam o risco de
serem honrados consigo mesmo e com Deus!
...Para aqueles que temem aceitar o desafio
de Deus para um exame honesto!
...Para aqueles que não querem examiná-la a
fundo, pois ela lhes diria como eles realmente são
intimamente!

E VOCÊ NÃO PODE ENTENDER E NEM


CONFIAR NAQUILO QUE A BÍBLIA DIZ...
...A menos que você esteja disposto a
considerar as evidências e encarar o Autor.
Não cometa nenhum “erro” sobre a Bíblia
— ELA VEIO PARA FICAR! É PERMANENTE!

9
A BÍBLIA CHEIA DE ERROS

10
A BÍBLIA É UM LIVRO DE DEUS,
SOBRE DEUS
A história do Seu amor pelo homem. Sua
figura central é Jesus Cristo, Deus revestido da
humanidade; o registro de Sua origem,
nascimento, vida, morte e ressurreição. Sua
mensagem é mais estranha que a ficção – que o
Deus que criou os corpos celestes girando no
espaço, uma vez visitou a terra para fornecer um
caminho para o céu, e que o homem pode
compartilhar um novo Reino em Sua própria
família.
A Bíblia não é um livro comum – é
estranhamente diferente, porque os homens que
ouviram a voz de Deus a escreveram. As palavras
que eles escreveram eram mais que humanas.
Vivem como fogo a cada nova geração, fresca
como o vento e pura como a chuva.
Não é um livro de história, embora os seus
registros tenham sido corretamente fundamen-
tados pela arqueologia moderna.
Não é um livro de poesia, embora tenha sido
inspiração de inúmeras canções e poemas ao
longo dos séculos.

11
A BÍBLIA CHEIA DE ERROS

Não é uma história de aventuras, embora


poucos romances tenham correspondido ao seu
drama completo.
Não é um livro de ética ou moralidade,
embora as leis mais belas e justas da civilização
tenham sido forjadas a partir de seus princípios.
Não é um livro didático, mas ainda causa
espanto a cientistas e estudiosos de campos tão
variados como genética, geologia e física nuclear.
A Bíblia é um registro único do problema do
homem, e a resposta de Deus — a boa nova da
salvação do pecado através de Jesus.
"O que um homem produziu, o homem pode
esgotar... temos superado todos os outros livros
que pertencem ao passado, mas em vez de superar
a Bíblia, ainda não crescemos para ela. A Bíblia
não é apenas atualizada, mas sempre se antecipa
ao futuro." (C.A. Benham). Séculos de estudos
pelos estudiosos mais capazes ainda nem
começaram a esgotar suas riquezas.
O mais profundo estudo revelou apenas
insondáveis profundezas da sabedoria. Mark
Twain disse: "Não são as coisas que eu não
entendo na Bíblia que me incomodam; são as

12
coisas que eu entendo!" Essas percepções
precisas expõem a verdadeira razão pela qual a
maioria das pessoas tem medo de estudar as
escrituras; elas têm medo de que possam
encontrar o Autor, e sabem que não estão prontas
para fazê-lo.
Para muitas pessoas, a evidência objetiva
quanto à autenticidade das Escrituras é quase
inútil. Seu ateísmo ou ceticismo é simplesmente
uma conveniente desculpa para a covardia moral
e cegueira intencional. Tal rejeição da palavra de
Deus não vem da falta de evidências, mas das
faltas de honestidade, de integridade e de pureza
moral. Há muita evidência para ser examinada,
nas quais você pode acreditar honestamente —
mas você realmente quer?
Antes que você prossiga na leitura , saiba
que C ONHECIMENTO = R ESPONSABILIDADE !
Você vai arriscar a ler?
Essas "contradições" em grande parte são
mitos. Poucas pessoas que criticam as Escrituras
realmente sabem o que dizem. Ainda menos
pessoas têm as qualificações necessárias para
passar quaisquer informações objetivas em sua

13
A BÍBLIA CHEIA DE ERROS

mensagem. A maioria nunca realmente a leu em


sua totalidade, e suas afirmações de "erros" ou
"contradições" são em grande parte boatos.
Qualquer pessoa que pretende dar uma
opinião inteligente ou conclusiva sobre a Bíblia
deve primeiro passar tempo suficiente em
pesquisa pessoal e intensiva para ver o que ela
realmente diz. Investigação simples, mas
honesta, harmonizará as aparentes discrepân-
cias de leituras superficiais.
A Bíblia não tenta defender sua reivindicação
à inspiração divina — Ela simplesmente a afirma.
Seus escritores reivindicam continuamente que a
mensagem não é a opinião humana, mas a
revelação divina.
• Gênesis inicia com as Palavras, "E disse
Deus," nove vezes no primeiro capítulo.
• A declaração, "…diz o Senhor," aparece 23
vezes no último livro do Velho Testamento,
Malaquias.
• "Diz o Senhor" aparece 560 vezes sozinho
nos primeiros cinco livros da Bíblia.
• Isaías reivindica pelo menos 40 vezes que
sua mensagem era de Deus, assim como

14
• Ezequiel e Jeremias, 60 e 100 vezes,
respectivamente.
• Pelo menos 3.800 vezes na Escritura, os
Escritores declaram a origem divina de
suas mensagens.
O Senhor Jesus citou pelo menos 24 livros do
Antigo Testamento. Ele se referiu a Daniel 22
vezes, 40 vezes a Isaías, ao Pentateuco 60 vezes,
bem como aos Salmos, nunca implicando que os
acontecimentos ou pessoas lá registradas eram
meras fábulas ou folclore. Em Lucas 24:24-27,
Cristo afirmou ser Ele o assunto das profecias por
todo o Antigo Testamento.
Muitas vezes Ele afirmou que todas as coisas
nas Escrituras devem ser cumpridas.1 Ele
assegurou que suas próprias palavras foram
inspiradas2, e que, "a Escritura não pode ser
anulada."3. Suas próprias reivindicações de
origem divina e as reivindicações da Bíblia
permanecem ou caem juntas. Se não pode ser

1 Mt 13:4; Lc 21:22; Jo 13:18; 15:25; 17:12.


2 Mc 13:31; Jo 6:63; 8:4 2-47; 12:46-50.
3 Jo 10:35.

15
A BÍBLIA CHEIA DE ERROS

provado ser Ele um mentiroso ou um lunático, a


Bíblia é a Palavra de Deus.
Os escritores do Novo Testamento que
andaram e falaram com Cristo, da mesma forma,
reivindicaram inspiração divina. Paulo declarou
que sua mensagem veio de Deus, no poder de
Deus,4 e Pedro diz que Paulo escreveu "segundo a
sabedoria que lhe foi dada."5
Há pelo menos 600 citações e referências do
Antigo Testamento no Novo Testamento,
entrelaçando e interligando os dois Testamentos
como um todo unido. O relato da própria Bíblia
sobre sua inspiração e preservação é: "Toda a
Escritura é divinamente inspirada… Sabendo
primeiramente isto: Que nenhuma profecia da
Escritura é de particular interpretação; Porque a
profecia nunca foi produzida por vontade de
homem algum, mas os homens santos de Deus
falaram inspirados pelo Espírito Santo."6

4 1Co 2; Gl 1:11-17.
5 2Pe 3:15-16.
6 2Tm 3:16; 2Pe 1:19-21.

16
A Bíblia é um livro escrito para pessoas
cuidadosas e inteligentes. Ele vai suportar o
exame mais acurado de qualquer pessoa.
Pesquisas honestas, tanto de crentes ou
céticos, sempre resultaram em evidências
conclusivas de sua autenticidade. A Bíblia não
exige uma fé cega, mas pede honestidade
completa por parte dos críticos.
Um minucioso estudo de suas reivindicações,
origem, registros históricos e o cumprimento das
profecias, bem como uma análise cuidadosa de
cada desafio e acusação de seus críticos,
acumularam suficiente evidência convincente
mesmo para o mais cauteloso dos estudiosos.

1. SUA SOBREVIVÊNCIA
Por que a Bíblia sobreviveu século após
século de feroz perseguição? Nenhum outro livro
antigo tem um número tão grande de cópias
sobreviventes; Há milhares de manuscritos do
Antigo e do Novo Testamento. Variações entre
estes são pequenas e insignificantes e grande
cuidado deve ter sido tomado em copiá-los. Dizem
que os escribas judeus usavam uma nova pena
toda vez que aparecia à palavra "SENHOR" e,

17
A BÍBLIA CHEIA DE ERROS

nesse momento, comparavam cuidadosamente


tudo o que haviam escrito até agora, com o
original.
Homens em todos os séculos foram mortos
por possuir cópias. Cada época traz uma
tentativa renovada de eliminá-la, mas a história
mostra que tem sido impossível destruir as
Escrituras. Voltaire disse: "Em cem anos, este
livro será esquecido". Voltaire foi esquecido. Cem
anos depois de sua jactância, sua casa estava
sendo usada como sede da Sociedade Bíblica de
Genebra.
Jesus disse: "O céu e a terra podem passar,
mas a minha palavra nunca passará".7 A Palavra
de Deus é objetiva, eficaz e viva.8 Tem resistido
ao teste da erudição, aos séculos e às provações
de todos os ataques dos inimigos.

2. SUA ESTRUTURA
Tome cerca de 40 escritores diferentes, ao
longo de um período de cerca de 1.500 anos,
usando homens de muitos setores da vida —

7 Mt 24:35.
8 Hb 4:12.

18
médicos, pastores, reis e pescadores. Escolha-os
de longínquos lugares e gerações de distância.
Dê-lhes pouca ou nenhuma chance de
comunicarem-se entre si. Tire a maioria deles das
organizações religiosas do seu tempo. Peça-lhes
que escrevam sobre religião, poesia, saúde, ética,
ciência, moralidade e filosofia. Peça-lhes para
prever eventos futuros, escrevam sobre o
significado da vida, o mistério da existência e o
propósito final do homem.
Você é o editor! Recolha, condense e coloque
o material em linguagem comum. Divida-o em
livros, capítulos e versículos. Agora, o que você
tem?
— Uma salada de literatura! Nenhum homem
na terra poderia fazer sentido unificado a partir
de uma bagunça de idéias ultrapassadas,
especulações selvagens e contradições sem espe-
rança. Mas a Bíblia foi escrita exatamente dessa
maneira. E qualquer leitor honesto, que exami-
nou cuidadosamente sua mensagem, descobriu
que ela é inteiramente surpreendente, do Gênesis
ao Apocalipse; unidos no tema, consistentes no
conceito, lógicos no desenvolvimento, e harmoni-
zado na doutrina.

19
A BÍBLIA CHEIA DE ERROS

Na ilustração da vida real, na parábola e na


profecia, registrando pessoas históricas que
viveram e morreram, a Bíblia é a história de amor
da história — Deus está procurando o homem
rebelde.

3. SUA EXATIDÃO CIENTÍFICA


O Deus da Bíblia é o Deus criador do
universo. A verdadeira ciência e as Escrituras
sempre concordarão — ambas possuem o mesmo
Autor! A ciência teve séculos para examinar as
declarações de fato nas Escrituras. Embora as
opiniões dos homens sobre a natureza e sobre a
Bíblia às vezes sejam divergentes, nenhuma falha
foi registrada nas Escrituras.
A Bíblia não é o registro de contos de fadas.
Suas afirmações são verdadeiras, capazes de
suportar os exames mais acurados. É uma
questão de registro histórico que a ciência nunca
se desenvolveu de forma significativa em
qualquer lugar, exceto onde houvesse uma
influência cristã.
O método científico e a motivação para a
investigação são realmente filhos dos conceitos

20
escriturísticos; que o universo é o produto
ordenado de uma Mente Divina, e que o homem
pode descobrir os segredos de Sua criação, uma
vez que ele é feito em miniatura finita e racional
de seu criador. A ciência expandiu-se
principalmente onde a Bíblia era mais livremente
lida. Galileu, Newton, Pascal, Copérnico e muitos
outros conheciam a Bíblia e seu Autor.
Antes de Colombo navegar ao redor do
mundo, as Escrituras registram a natureza
esférica da terra.9
Quando "A Ciência" ainda engatinhava,
pensava-se que o mundo fosse sustentado por
"três elefantes nas costas de uma tartaruga", a
Bíblia estabeleceu objetivamente sua flutuação
livre no espaço.10 A lua é mostrada como um
refletor, ao contrário do sol irradiante.11 Os
modernos telescópios de precisão mapearam uma
estrela "fugitiva" no espaço. Arcturus, à deriva
com todos os seus planetas a reboque, viaja
silenciosamente pelo universo a 44,7km por

9 Is 40:21-22.
10 Jó 26:7.
11 Jó 25:5; 31:6

21
A BÍBLIA CHEIA DE ERROS

segundo. A Bíblia registrou suas andanças


séculos antes do telescópio.
O registro bíblico da criação é o exemplo
principal da harmonia da geologia, da biologia e
das Escrituras. Há 300 anos, descobriu-se que a
vida física estava no sangue; a Bíblia o registrou
há 3.500 anos.12 Meteorologia, geologia, princí-
pios aeronáuticos são todos sugeridos nas Escri-
turas.13 Os efeitos da energia atômica e da
radiação são coisas antigas com o deus do
átomo.14
A ciência pode tabular para nós o "o quê",
analisar o "como" e investigar o "por quê". Mas
não pode nos dizer o "onde" ou a razão pela qual
o universo existe. Não pode dizer quem é você ou
porque está aqui. Pode nos dizer o que somos
capazes de fazer, mas não o que devemos fazer.
Aqui, a revelação na ciência é superada por Sua
revelação, a Escritura.15 Uma mostra Seu poder;
a outra, o Seu propósito.

12 Lv 17:11.
13 Sl 135:5,7; Jó 38:4; 28:5.
14 2Pe 3:10-12; Is 4:1; 13:12; Jl 2:30 — a palavra "colunas" está em

hebraico, "palmeiras".
15 Sl 91: 1; 8: 3-6; 19: 7-14.

22
4. SUA EXTENSÃO DE TEMPO NA PROFECIA
Há uma coisa que a Bíblia ousa fazer que
nenhum outro livro no mundo faz: Ela prevê com
exatidão o futuro. Deus organiza situações na
história para trazer a Sua glória na vida daqueles
que respondem ao Seu chamado. Trabalhando
com as escolhas morais dos homens, Ele direci-
ona as circunstâncias juntas para uma série pré-
planejada de padrões estabelecidos antes da
fundação do mundo. O esboço de muitos desses
padrões é revelado na Bíblia. Existem cerca de
3.850 versículos direta ou indiretamente relacio-
nados com a profecia nas Escrituras — cerca de
um verso em cada seis fala de eventos futuros!
O desafio de Deus para o mundo é: "Prove-me
agora — eu sou o SENHOR ... eu falarei; e a
Palavra que eu falar será cumprida".16
Os budistas, os confucionistas e os segui-
dores de Maomé têm seus escritos sagrados, mas
neles o elemento da profecia é notável por sua
ausência.

16 Jr 28: 9; Ez 12:25; 24:14; Lc 21:22.

23
A BÍBLIA CHEIA DE ERROS

A destruição de Tiro, a invasão de Jerusalém,


a queda de Babilônia e Roma — cada um foi
precisamente previsto e cumprido nos mínimos
detalhes.
Na vida do próprio Senhor Jesus há mais de
300 profecias cumpridas. As possibilidades de
que todas coincidam por acaso em uma só pessoa
são dignas de riso. Pelas leis do acaso, é uma em
um número seguido por 181 zeros!
Para lhe dar uma ideia do tamanho dessa
imensa figura, pense em uma bola que é
embalada solidamente com elétrons, (dois
milhões e meio, bilhões, ponta a ponta fazem uma
linha de cerca de um centímetro de compri-
mento). Agora em sua mente imagine esta bola
expandida para o tamanho do universo que
conhecemos — cerca de quatro bilhões de anos-
luz de diâmetro. (Um ano-luz é a distância que a
luz viaja em um ano, a uma taxa de mais de
300.000 quilômetros por segundo.) Multiplique
isso por 500 quadrilhões, depois remova apenas
um elétron e pinte-o de vermelho. Coloque de
volta e mexa por cem anos. Depois coloque uma
venda nos olhos de um homem e peça-lhe para
apanhá-lo da primeira vez. Impossível? Esta é a

24
mesma chance de que Cristo viveu e morreu de
acordo com as Escrituras por acidente.
A Bíblia prevê especificamente eventos e
acontecimentos que são tão modernos quanto o
comunicado das notícias de amanhã.

5. SUA INFLUÊNCIA SOCIAL


O verdadeiro valor de um livro é revelado pelo
efeito que ele tem na sociedade. A Bíblia dá leis
para relações humanas que nunca foram supe-
radas ou igualadas. Sempre que a Escritura foi
ensinada e vivida, ela transformou as nações.
A Bíblia produziu consideração pelos outros,
ternura e compaixão pelos idosos, doentes e
necessitados. Considerou digna a feminilidade e
orientou a infância. Sempre que a Escritura
circula livremente na linguagem de um povo, ela
libera poder surpreendente para o bem, eleva a
sociedade, derrota a superstição e abre a porta
para o progresso nas ciências, artes e huma-
nidades.
A mensagem da Bíblia libertou milhares das
cadeias do medo, da doença e do pecado. É o livro
mais poderoso do mundo para a renovação do

25
A BÍBLIA CHEIA DE ERROS

homem. Praticamente aplicado, ensina e inspira


a indústria, a equidade e a justiça; representa o
bem-estar do indivíduo, da família, da comu-
nidade e do estado. Criou empresas mais benevo-
lentes do que qualquer outro livro da História.
Estude você mesmo o registro da História.
Veja o que acontece com a nação que honra
a Bíblia e seu Autor. Veja o que acontece com o
progresso em países que tentam suprimir, rejeitar
ou interpretar erroneamente sua mensagem.
Onde quer que a Bíblia seja amada e aplicada, a
nação é exaltada.
Sempre que os homens se esquecem de seu
Autor e ignoram suas verdades, o medo, a guerra,
a doença e o ódio perseguem as ruas. A determi-
nação da Bíblia é clara; "Feliz é a nação cujo Deus
é o Senhor"17

6. SEU APELO SUPREMO


A Bíblia é um livro com uma mensagem
universal para todos. É o único volume que tanto
uma criança quanto um estudioso podem achar
igualmente delicioso. Seus princípios simples e

17 Sl 33:12; 144:15.

26
relacionados à vida funcionam em qualquer país,
transcendendo as barreiras da cultura e da raça
para trazer paz, amor, alegria e perdão. Somente
a Bíblia pode tornar bons os homens maus,
transformando o rebelde em santo e servo da
humanidade. Ela apela a todos os homens.

7. SUA SOBRENATURAL SALVAÇÃO


A maior prova da Bíblia é a diferença que sua
mensagem pode fazer em sua vida. Se você não
fez isso, Você vai pedir a Deus o Espírito Santo,
para revelar ao seu coração a verdade de Seu
poder em Suas páginas?18
Ore honestamente, "Deus, eu não sei se esta
é a Sua palavra ou não, mas se for e se o Senhor
pode me ajudar, revele-se a mim como eu li."
Deus irá encontrar você em uma demonstração
viva de Sua realidade.19
Não cometa o erro de duvidar das promessas
de Deus!

18 Jo 16:13; 1Co 2:11-14.


19 Jo 20:30-31.

27
A BÍBLIA CHEIA DE ERROS

28