Você está na página 1de 4

Lição 6 – Quem é o Anticristo?

3 a 10 de Novembro de 2018

Texto-Chave:
“Antes daquele dia virá a apostasia e, então, será revelado o homem do pecado, o
filho da perdição. Este se opõe e se exalta acima de tudo o que se chama Deus ou é
objeto de adoração, chegando até a assentar-se no santuário de Deus,
proclamando que ele mesmo é Deus”
2 Tessalonicenses 2:3,4

Sábado – 3 de Novembro

Introdução
O tema abordado esta semana, sem dúvida, tem sido uma das razões principais
para muitas tensões inamistosas entre os adventistas do sétimo dia e outras
denominações.
Precisamos estudar esse assunto de maneira que não ofendamos as pessoas de outra fé,
mas, ao mesmo tempo, não podemos menosprezar a mensagem vital da Igreja Adventista
do Sétimo Dia de sermos firmes em nossas convicções pessoais, mesmo em meio à
corrupção política, abuso de poder e contrafação da verdadeira adoração a Deus.
É importante lembrar que essa profecia se aplica à igreja e seus líderes e não aos
fiéis seguidores que creem que estão obedecendo à vontade de Deus. Há pessoas
sinceras em todas as denominações, que são fiéis à luz que receberam. No momento
certo, Deus as chamará para fazer parte de Seu rebanho e demonstrarem sua fidelidade
a Ele em meio à maior provação de toda a história.
As profecias de Apocalipse 13 podem ajudar-nos a entender a estratégia do inimigo
nos últimos dias. Por meio da união da igreja com o Estado, Satanás sabe que muitos
serão enganados, que a falsa adoração será imposta e a liberdade religiosa negada. Este
é o tempo de permanecermos firmes em Cristo, certos de que Ele é a nossa única
segurança.

Domingo – 4 de Novembro
Estudando e Aplicando a História
O estudo das profecias pode ser algo fascinante, especialmente se considerarmos
a bondade de Deus em apresentar a revelação e o significado delas para o nosso tempo.
Uma definição simples para profecia é: conhecer o fim da história antes que ela aconteça.
A passagem bíblica desta semana está relacionada a uma importante profecia. Leia em
sua Bíblia Apocalipse 13:1-18 e depois responda às seguintes perguntas:
Observe a referência ao leopardo, ao urso e ao leão no verso 2. Agora compare
isso ao simbolismo usado em Daniel 7. Com a ajuda de um comentário bíblico, pesquise
que poderes governamentais esses animais representa:
Leopardo:
Urso:
Leão:

Como esses poderes se comparam aos poderes representados pela estátua em


Daniel 2?

Em sua opinião, por que João se refere a esses poderes em ordem inversa de
Daniel?

Há quatro referências nesse capítulo ao “dragão”. Leia Apocalipse 12:7-9 para


identificar o dragão.

Só de ler os versos 17 e 18, o que você sabe sobre a marca da besta e o número?

Segunda – 5 de Novembro

Leia o Texto-Chave desta semana, que se encontra em 2 Tessalonicenses 2:3,4.


O comentário extraído de Life Application Bible, diz o seguinte a respeito dessa
passagem bíblica:
“Através da história tem havido pessoas que personificaram o mal e que foram
hostis a tudo que representa Cristo [ver 1 João 2:18; 4:3; 2 João 1:7]. Esses anticristos
têm existido em todas as gerações e continuarão a operar o mal. Então, exatamente
antes da segunda vinda de Cristo, ‘o perverso’ […] aquele que traz destruição, um homem
totalmente mal, aparecerá. Ele será instrumento de Satanás, equipado com o poder de
Satanás [2 Ts 2:9]. Esse perverso será o anticristo. É perigoso, no entanto, rotular
qualquer pessoa como anticristo e tentar predizer a vinda de Cristo com base nessa
suposição. Paulo menciona o iníquo não para que pudéssemos tentar identificá-lo, mas
para que pudéssemos estar preparados para qualquer coisa que ameaçasse nossa fé. Se
nossa fé é forte, não precisamos ter medo das mentiras que surgirem, porque sabemos
que esse perverso já foi vencido por Deus, não importa quão poderoso ele se torne ou
quão terrível nossa situação pareça. Deus está no controle, e será vitorioso. Nossa tarefa
é estar preparados para o retorno de Cristo e espalhar as boas-novas para que mais
pessoas também estejam preparadas.”
A palavra-chave aqui é PREPARO. Como podemos nos preparar agora para não
sermos enganados quando o anticristo se manifestar? De que forma as suas escolhas
pessoais podem estar influenciando seu preparo?
Leia Mateus 24:13 e descubra o segredo das pessoas bem preparadas.
Terça – 6 de Novembro
Você Sabia?
* Católico vem do grego katholikos e quer dizer “universal”. A igreja recebeu o nome de
Romana quando Constantino, o imperador de Roma, se converteu ao cristianismo. Ele foi
o responsável por introduzir muitas das suas práticas pagãs no cristianismo.
* Quando uma pessoa confessa seu pecado a outra – um mortal imperfeito – esperando
ser perdoada, a imagem de Deus fica distorcida. Deus não autorizou nenhum ser humano
a se colocar como Seu intercessor na Terra. Quem faz isso está ocupando o lugar de
Cristo.
* Na Igreja Católica, o papa é chamado de “vigário de Cristo”. O termo “vigário” vem do
latim vicarius que quer dizer “substituto” ou “no lugar de”.
* “A observância do domingo é um costume que se originou com Roma, e a Igreja
Católica a reivindica como sinal de sua autoridade. […] O primeiro esforço legal para
impor o domingo foi a lei promulgada por Constantino. Embora fosse, em essência, um
estatuto pagão, o imperador o fez vigorar depois que aceitou as formalidades do
cristianismo” [Os Resgatados, p. 291].
* “O mundo protestante descobrirá as intenções de Roma somente quando for tarde
demais para escapar da armadilha. Ela cresce silenciosamente em poder. Suas doutrinas
exercem influência sobre o poder legislativo, sobre as igrejas e sobre o coração das
pessoas. [,,,] Logo, todo aquele que crer na Palavra de Deus e a ela obedecer enfrentará
censura e perseguição” [ibid., p. 295]

Quarta – 7 de Novembro
Versos de Impacto:
Atos 1:6, 7
Apocalipse 19:10
Apocalipse 20:12

Leia e marque em sua Bíblia os Versos de Impacto desta semana. Você observou que a
expressão “espírito de profecia” é bíblica? Está em Apocalipse 19:10 e também foi
mencionado no capítulo 12, verso 17.
A Igreja Adventista do Sétimo Dia reconhece o ministério de Ellen G. White como a
manifestação especial do “espírito” ou do “dom” de profecia para os nossos dias. Não
consideramos os escritos da profetisa um substituto nem um acréscimo à Bíblia. Eles são
a luz menor que guia as pessoas à luz maior. O livro sagrado é a única regra de fé.
De acordo com o Comentário Bíblico Adventista [vol. 7, p 974] : “Os escritos do
espírito de profecia não apresentam uma nova forma de salvação, mas têm o propósito de
levar as pessoas a entender e apreciar a Bíblia, ajudando-as a se apropriar da fonte de
salvação ali revelada.” Quem aprecia os escritos proféticos sente maior satisfação ainda
na leitura da Bíblia!

Quinta – 8 de Novembro
“A pompa e as cerimônias do sistema de culto católico têm um poder sedutor e fascinante
que engana muitos. Começam a ver a Igreja Romana como a porta do Céu; Somente
aquele cujos pés estão firmes no alicerce da verdade e cujo coração foi renovado pelo
Espírito de Deus estão seguros contra sua influência. O que a maioria das pessoas quer é
apenas a forma de piedade, sem seu poder” [Os Resgatados, p. 288].

Ellen G. White dirige palavras fortes contra a Igreja Católica Romana. É preciso ler todo o
capítulo 35 do livro Os Resgatados [O Grande Conflito na linguagem de hoje] para
entender o contexto de suas palavras e compreender o motivo de sua indignação.
Ela apela para que façamos da Bíblia o guia para a nossa vida. Insiste para que
conheçamos as profecias e tenhamos consciência do tempo em que estamos vivendo.
O inimigo não está brincando. Sabendo que lhe resta pouco tempo, está convergindo toda
a sua força para executar as obras de engano.
É assim que a mensageira do Senhor chama nossa atenção: “Com exceção
daqueles a quem o poder de Deus mantém, pela fé, firmados em Sua Palavra, o mundo
inteiro se deixará levar por esse engano. As pessoas estão rapidamente sendo
embaladas até o sono da sensação de uma segurança fatal e somente o derramamento
de ira divina as despertará” [Os Resgatados, p. 286]. Agora é o tempo para despertarmos
e deixar nossas lâmpadas abastecidas com o azeite do Espírito Santo!

Sexta – 9 de Novembro
A palavra anticristo literalmente significa “no lugar de Cristo”. Geralmente
pensamos no prefixo “anti” como “contra”. Para ser mais preciso, esse prefixo significa
“em vez de”.
Não há muitas passagens bíblicas mencionando o anticristo, mas elas são
suficientes para nos ajudar a identificá-lo. Veja algumas referências:
* 1 João 2:22: “Quem é o mentiroso, senão aquele que nega que Jesus é o Cristo? Este é
o anticristo: aquele que nega o Pai e o Filho.”
*1 João 4:2,3: “Vocês podem reconhecer o Espírito de Deus deste modo: todo espírito que
confessa que Jesus Cristo veio em carne procede de Deus; mas todo espírito que não
confessa Jesus não procede de Deus. Esse é o espírito do anticristo acerca do qual vocês
ouviram que está vindo, e agora já está no mundo.”
* 2 João 1:7: “De fato, muitos enganadores têm saído pelo mundo, os quais não
confessam que Jesus Cristo veio em corpo. Tal é o enganador e o anticristo.”
Toda vez que a palavra anticristo aparece na Bíblia encontra-se no contexto de
minar e menosprezar o ministério e a pessoa de Jesus. O anticristo nega três coisas em
relação a Cristo: que Ele é o ungido, que procede de Deus e que veio em carne. Ou seja,
o anticristo nega a Jesus e pretende assumir o lugar que pertence a Ele.
Sem dúvida, o espírito do anticristo tem atuado neste mundo e precisamos estar
atentos para não permitir que nada, nem ninguém ocupe o lugar de Cristo em nossa vida.

Com Outros Olhos


“A humildade é a chave para experimentar o poder de Deus.” - Jim Cymbala

“A igreja deve ser lembrada de que não é o senhor ou o servo do estado, mas a
consciência do estado.” - Martin Luther King Jr.

Leitura da Semna
* Os Resgatados capítulo 35