Você está na página 1de 20

Instituto Superior de Educação Anísio Teixeira

(ISEAT) – Unidade Ibirité


Curso de Licenciatura em Matemática
Disciplina: Física II

CAMPO ELÉTRICO

Profª Ma. Glêsiane C. Alaor Viana


CAMPO ELÉTRICO
• Campo vetorial, constituído
por uma distribuição de
vetores, um para cada
região em torno de um
objeto eletricamente
carregado.
𝐹
𝐸= Unidade no SI: N/C
𝑞0
• q0 é uma carga de prova
positiva puntiforme e 𝐹 é a
força eletrostática sobre ela.
CAMPO ELÉTRICO
CAMPO ELÉTRICO
LINHAS DE CAMPO ELÉTRICO

• Se afastam das
cargas positivas
(onde começam) e
se aproximam das
cargas negativas
(onde terminam).
CAMPO ELÉTRICO

Exemplo:
Uma carga puntiforme q= -
8,0 nC está localizada na
origem dos eixos. Determine
o valor do campo elétrico
para o ponto do campo x =
1,2 m e y = -1,6 m
CAMPO ELÉTRICO UNIFORME
• Os vetores do campo elétrico tem o
mesmo módulo e a mesma orientação em
todos os pontos do espaço.
CAMPO ELÉTRICO UNIFORME
• Trajetória de um elétron dentro de um
campo elétrico uniforme.
CAMPO ELÉTRICO DE UMA CARGA PONTUAL
• Pela Lei de Coulomb:
1 𝑞 ∙ 𝑞0
𝐹= ∙ 2
4𝜋𝜀0 𝑟
Onde r é a distância à carga pontual q e
q0 é uma carga de prova.
𝐹 1 𝑞
𝐸= →𝐸= ∙ 2
𝑞0 4𝜋𝜀0 𝑟
CAMPO ELÉTRICO DEVIDO A VÁRIAS CARGAS
• Princípios de superposição dos campos elétricos:
soma vetorial dos campos elétricos gerados por
todas as cargas sobre o ponto P.
𝐸𝑅 = 𝐸1 + 𝐸2 + ⋯ + 𝐸𝑛
CAMPO ELÉTRICO: CONDUTOR ESFÉRICO
BLINDAGEM ELETROSTÁTICA
BLINDAGEM ELETROSTÁTICA
Apresentação do mágico David
Blaine começou em outubro
de 2012 em Nova York. Blaine
pretendia passar 72 horas em
pé sobre uma plataforma de 6
metros de altura, sem comida,
em meio a uma tempestade
de relâmpagos artificiais,
emitidos por bobinas de Tesla.
O mágico veste um traje feito
com quase dez quilos de
malha metálica.
BLINDAGEM ELETROSTÁTICA: AVIÕES
BLINDAGEM ELETROSTÁTICA: CARROS
LEI DE GAUSS
• A Lei de Gauss relaciona o fluxo total de um campo
elétrico através de uma superfície fechada,
chamada de superfície gaussiana, à carga total
envolvida por essa superfície.
• Se uma carga em excesso é introduzida em um
condutor, ela se concentra em sua superfície e o
interior do condutor continua a ser neutro.
• O campo elétrico interno existe durante certo
tempo enquanto o condutor é carregado, mas a
carga elétrica se distribui e esse campo interno se
anula, e as cargas elétricas param de se mover
(equilíbrio eletrostático).
Para treinar um pouquinho...
Os exercícios inseridos ao longo dos slides farão parte das
Listas de Exercícios que serão avaliadas ao longo da etapa.

01. Quando uma carga pontual de 2,0 nC é colocada na


origem, ela experimenta uma força elétrica de
8,0 ∙ 10−4 N na direção positiva do eixo y. (a) Qual é o
campo elétrico na origem? (b) Qual seria a força elétrica
sobre uma carga pontual de 4,0 nC colocada na origem?
(c) Se esta força é devida ao campo elétrico de uma
carga pontual sobre o eixo y, em y = 3,0 cm, qual é o
valor dessa carga? R: (a) 𝟒, 𝟎 ∙ 𝟏𝟎𝟓 𝑵/𝑪; (b) – 𝟏, 𝟔 ∙
𝟏𝟎−𝟑 N; (c) – 40 nC.
Para treinar um pouquinho...
02. Duas cargas pontuais, cujos módulos são 𝑞1 = 2,0 ∙
10−7 𝐶 e 𝑞2 = 8,5 ∙ 10−8 𝐶, estão separadas por uma
distância de 12 cm. (a) Qual é o módulo do campo
elétrico que cada carga produz no local da outra? (b)
Que força elétrica atua sobre cada uma delas? (c) è
possível determinar o módulo e o sentido da força e do
campo elétrico?
R: (a) 𝟏, 𝟐𝟓 ∙ 𝟏𝟎𝟓 𝑵 𝑪 𝒆 𝟓, 𝟑 ∙ 𝟏𝟎𝟒 𝑵 𝑪 ; (b)
𝟏, 𝟎 ∙ 𝟏𝟎−𝟐 N.
Para treinar um pouquinho...
03. Uma carga pontual de 5,0 μC está localizada no eixo x em
x = -3,0 cm, e uma segunda carga pontual de -8,0 μC está
localizada no eixo x em x = 4,0 cm. Onde deve ser colocada
uma terceira carga de 6,0 μC de modo que o campo elétrico
na origem seja zero? R: 2,4 cm.
04. Um elétron é solto a partir do repouso, num campo
elétrico uniforme de módulo é 2,0 ∙ 104 𝑁 𝐶 . Calcule a sua
aceleração. Desconsidere os efeitos da gravidade e considere
a massa do elétron 𝑚𝑒 = 9,1 ∙ 10−31 𝑘𝑔 . R: 𝟑, 𝟓𝟏 ∙
𝟏𝟎𝟏𝟓 𝒎 𝒔²
05. Pessoas que viajam de carro, durante uma tempestade,
estão protegidas da ação de raios. Explique por que.
Referências Bibliográficas

Halliday, David; RESNICK, Jearl Walker.


Fundamentos de Física, volume 3:
eletromagnetismo. Tradução e versão
técnica Ronaldo Sérgio de Biasi. – Rio de
Janeiro: LTC, 2009.