Você está na página 1de 89
Só É Pobre quem Quer Thomas Morgan

Só É Pobre quem Quer

Thomas Morgan

Só É Pobre quem Quer Thomas Morgan

Só É Pobre quem Quer

É quase inaceitável que alguém possa fazer uma afirmação destas em

um mundo tão conturbado como o nosso, onde os tempos estão cada vez mais difíceis. Porém, se voltarmos alguns anos atrás, veremos que nossos pais falavam as mesmas coisas, os nossos avós também. Por isso, checamos à conclusão de que os tempos sempre foram difíceis (para aqueles que se entregam!). Desvalorização do dinheiro, medidas econômicas, inflação, tudo serve de desculpa para os malsucedidos.

Mas, conforme podemos ver através de muitos textos bíblicos, quando Deus colocou o homem na Terra não quis que ele fosse pobre. Muito pelo contrário, pois qual o pai que deseja que seu filho amargue na pobreza. Esta, porém, é, antes de tudo, um estado de espírito.

Este livro não lhe ensinará nenhuma mágica ou nenhum segredo para ficar rico da noite para o dia. Não estipulará tempo para que você fique rico, Porém, de uma coisa tenha absoluta certeza: se você colocar em prática todos os conselhos que lhe são transmitidos, na certa enriquecerá. Disto não tenha a mínima dúvida, pois tudo o que aqui lhe é ensinado já foi testado e usado por muitas pessoas que hoje não têm nada o que reclamar da vida, pois são podres de ricas!

E não pense que todo rico conseguiu sua fortuna através de herança,

sorte na loteria, negócios escusos, etc. Nada disto. Simplesmente usaram,

consciente ou inconscientemente, as regras deste livro.

Dedico este livro a meus filhos Diego e Rodrigo

Sumário

ESTE LIVRO VAI CHOCAR VOCÊ! POBREZA NÃO É DEFEITO ACABANDO COM OS FALSOS CONCEITOS VOCÊ DEVE DESEJAR SER MUITO RICO

PARE DE MOSTRAR AQUILO QUE NÃO TEM

A SORTE ESTÁ AO SEU LADO

COMO FAZER O SEU PRIMEIRO MILHÃO NÃO SEJA MÃO-ABERTA OU EMPOBRECERÁ PROCURE SUA INDEPENDÊNCIA

COMO SABER PARA ONDE DEVE IR QUANTO TEMPO LEVA PARA ENRIQUECER?

O PLANEJAMENTO EFICAZ

A TEIA DE ARANHA DOS RICOS

COMO EVITAR OS PREJUÍZOS COMO FAZER INVESTIMENTOS CERTOS

SEJA PESSIMISTA

SEMPRE

A RIQUEZA E OS BONS MODOS

TRABALHE PARA ENRIQUECER

INSISTA E PERSISTA, VOCÊ ENRIQUECERÁ

O

MEDO DE NÃO ENRIQUECER

O

PODER DA MENTE SOBRE AS RIQUEZAS

COMO COMEÇAR DO PONTO ZERO ENRIQUECER COM JOGOS E LOTERIAS

COMO TER APENAS DOMINGOS E FERIADOS COMO EVITAR ENDIVIDAR-SE SEUS FILHOS E SUA RIQUEZA CUIDADO COM OS COMERCIAIS FAÇA VOCÊ MESMO E ECONOMIZE COMO ESQUECER A POBREZA NADANDO EM DINHEIRO COMO NÃO FRACASSAR NUNCA CAPITALIZAR O TEMPO

A

MOEDINHA DA SORTE

O

SEGREDO DOS SEGREDOS

COMEÇAR TODOS OS DIAS CULTURA E EDUCAÇÃO X RIQUEZA CONSELHOS AOS ASPIRANTES A RIQUEZA BEM-VINDO AO CLUBE DOS RICOS

Este Livro Vai Chocar Você!

POBRE Aquele que não tem o necessário à vida; cujas posses são inferiores à sua posição ou condição social; que revela pobreza; pouco produtivo; mal dotado; pouco favorecido; digno de lástima; que inspira compaixão; miserável; indigente; mendigo; pedinte.

RICO Aquele que possui muitos bens; abundantes; opulento; fértil; produtivo; magnífico.

Qual dos dois você é agora? Rico ou pobre?

Vamos, não tenha vergonha de assumir a sua real condição de vida. Admita que você é pobre mesmo, pois creio que se não o fosse, jamais teria comprado este livro. Você, quando se tornar rico, descobrirá que há muita coisa mais importante a fazer do que ler livros sobre como enriquecer. Felizmente você está lendo um livro que pretende, de uma vez por todas, colocá-lo no caminho da riqueza e prosperidade; seu tempo gasto na leitura deste livro é um investimento que lhe trará grandes fortunas, se é o que você deseja.

Então? Já conseguiu definir-se quanto a POBREZA ou RIQUEZA? Quer tirar a máscara da falsa riqueza agora, ou prefere continuar fingindo ser rico?

Eu disse que este livro iria chocá-lo profundamente, e você sabia disso. Caso não esteja disposto a encarar a sua pobreza de frente, então é melhor jogar no lixo este livro, pois de nada adiantará prosseguir em sua leitura, se você não for um pobre assumido.

Você pode estar dizendo: "mas eu não sou totalmente paupérrimo ou mendigo." Sinto muito desapontá-lo, caro leitor, mas você também não é rico. Ou é? Preciso de sua definição agora para prosseguir. Enquanto você não admitir que não é RICO, você jamais estará apto para mudar a sua vida radicalmente.

Leia outra vez o significado de RICO, no início do texto. Você possuí muitos bens? Tem dinheiro suficiente para comprar um carro do ano de qualquer marca? Se desejar, pode viajar para qualquer parte do mundo com a família? Mora confortavelmente, dispondo de todas as comodidades oferecidas pela moderna tecnologia? Em sua conta bancária, você dispõe de dinheiro suficiente para comprar um anel de brilhantes para sua mulher, ou um presente caro para o seu marido? Se

não pode fazer nenhuma dessas coisas, então queira desculpar, mas você não é rico, mas sim, pobre.

queira desculpar, mas você não é rico, mas sim, pobre. Se você não possui dinheiro o

Se você não possui dinheiro o suficiente para comprar um carro do ano, de qual quer marca, então você não pode se considerar rico.

Pobreza Não É Defeito

Sim, pobreza não é defeito grave. O que constitui grande defeito é, podendo-se mudar, continuar na pobreza. A primeira coisa que sugeri no Início deste livro foi a conscientização da sua pobreza. Qualquer que seja a sua dificuldade em aceitar este fato, constituirá um grande problema para sua mudança definitiva. Você tem que acreditar que é pobre, pois é mesmo. Não estará fazendo nenhum favor a ninguém.

Tente compreender porque desejo conscientizá-lo da sua pobreza. Um assaltante e perigoso estuprador, ao ser preso e levado para um centro de recuperação, jamais aceitará qualquer orientação dos assistentes sociais, enquanto ele próprio não admitir que necessita de ajuda. Todos que estão interiormente convencidos de que são pessoas boas, jamais aceitarão a correção. Poderá o marginal se tornar verdadeiramente um cidadão honesto, enquanto estiver convencido de que já o é, mesmo enquanto pratica crimes bárbaros?

Um homem riquíssimo nunca admitirá que o é; você sabia disso? E se até aqui você continua acreditando que é rico, sinto muito, mas você acaba de ser reduzido a um estado de pobreza absoluta. Pobreza de sabedoria e consequentemente pobreza material. Os ricos são suficientemente sábios para nunca afirmarem a sua riqueza. E quando o fazem, são tão discretos que tentam diminuir esta impressão. Dizendo sempre: "não sou nada do que dizem; sou apenas uma pessoa que lutou bastante para vencer na vida."

Veja, por exemplo, uma pessoa da classe média-endividada:

procura ostentar aquilo que tem, exibindo-se constantemente. São os pseudo-ricos ou, na linguagem popular, os falsos ricos. São pobres pintados de dourado. Aparentemente ninguém pode ser rico. Você só é rico quando tem dinheiro suficiente para satisfazer a maior parte das suas necessidades.

Pense por exemplo comprar ainda hoje ou amanhã, cinco pares de sapatos, dez calças compridas ou vestidos. Você dispõe de dinheiro suficiente para isto? Não vai lhe fazer falta gastar todo este dinheiro apenas em algumas peças do seu vestuário? Bem, se você pode fazer isto, então você é de fato uma pessoa rica. Não é um falso rico. Este livro vai entediá-lo. Jogue-o no lixo. Mas se você está convicto de que

realmente é pobre, e deseja mudar completamente de vida, então vamos prosseguir e prepare-se para um novo choque no seu ego.

Acabando com os Falsos Conceitos

Num país como o Brasil, costuma-se falar em três classes econômicas: pobres, representados pela classe baixa; mais ricos que pobres, representados pela classe média e, finalmente, ricos, que são os pertencentes à classe alta.

Estou quase certo de que ao iniciar a leitura deste livro, você achava-se pertencente à classe média. Parece que há uma forte tendência de grande parte da população pobre desejar pertencer à classe média. Parece que não existe no mundo das finanças pessoas mais ou menos ricas. Ou você é pobre ou é rico. Quanto a pertencer a um grupo que não pode usufruir de uma vida plena e abundante em termos econômicos, teremos que enfrentar a realidade nua e crua: somos pobres ou ricos.

O sucesso de uma pessoa está determinado pela quantidade de bens que esta consegue obter. Nada mais falso. Sucesso, na absoluta acepção da palavra é muito mais que possuir riquezas e bens materiais. Uma pessoa de sucesso é também aquela que, além de possuir riqueza suficiente para levar uma vida plena e abundante, pode usufruir destas conquistas satisfatoriamente. Um indivíduo rico e poderoso, que tenha devotado toda a sua vida em atividades arriscadas e extenuantes, adoecerá ou até morrerá antes de gozar sua riqueza conquistada. Esta pessoa não teve sucesso completo. Foi um sucesso (se é possível considerar assim) relativo; pela metade e com um final infeliz. Estou iniciando um outro processo de conscientização, para que você perceba com clareza que nem todos os ricos desfrutam das suas riquezas de modo satisfatório. Se você quer ser rico, terá que enfrentar este problema. E não pense que conseguirá fazê-lo com facilidade. Ser rico não é tão difícil como você pensava até então, difícil porém é encontrar tempo para usufruir da riqueza. Isto é uma outra questão. Mesmo assim, estou certo de que você continua preferindo ser rico, não é mesmo? Quando se deparar com uma ideia ou sugestão que não lhe agrade, queira pois abandonar imediatamente este livro. Ser rico quase sempre requer uma grande capacidade de conviver com assuntos desagradáveis, chocantes e até contrários ao nosso modo de pensar. Todavia, se você desejar prosseguir até o fim, poderá conseguir tudo quanto deseja na

vida e até muito mais. Saiba, porém, que o início de qualquer coisa é muito difícil. Não desejo enganar você com falsas promessas. Já trilhei o caminho da pobreza, aprendi com mestres das finanças, magnatas e multimilionários. Tenho competência para lhe transmitir estas instruções. Você não está sendo obrigado a coisa alguma. Mas logo eu estarei forçando você a fazer coisas não muito agradáveis. Afinal, não é uma característica dos pobres desejar fazer as coisas mais fáceis? Pois esqueça as facilidades. Elas só ocorrerão quando você não necessitar mais delas. Ser rico não é difícil, como aliás já disse, difícil é deixar os falsos conceitos, as velhas ideias e partir para encarar a realidade.

seguintes

afirmações:

Todas

as

pessoas

pobres

costumam

acreditar

nas

1. ° Todo rico é sovina, miserável e pão-duro.

A maioria dos ricos roubaram bastante e fizeram negócios inescrupulosos para enriquecerem.

3.° A maioria dos ricos já nasceram em berço de ouro, ou tiveram parentes ricos que lhes deram heranças enormes.

4.° A riqueza depende do fator sorte. Só pode ser rico quem tiver este destino.

Uma pessoa pobre só conseguirá riqueza se for através de jogos ou loterias, nunca pelo trabalho.

6.° Deus quer que sejamos pobres. Devemos aceitar a vontade de Deus.

Não devemos desejar a riqueza, pois os ricos não vão herdar o Reino de Deus.

Eu poderia enumerar uma lista com outras mil afirmações, que você já ouviu durante toda sua existência. Talvez você não acredite em nenhuma delas, mas inconscientemente elas agem sobre todos nós, empurrando-nos para baixo.

Ao menos uma vez na vida, você já deve ter pensado em conformar- se com a sua sorte. Talvez agora mesmo esteja se perguntando se vale a pena lutar pela riqueza. Lembra-se daquelas frases: "o amor ao dinheiro é a raiz de todos os males" e "nem só de pão viverá o homem'? Pois saiba que nada disso tem a ver com você e seu desejo de enriquecer. Coloque de lado todas as frases que combatem a riqueza e o apego aos bens materiais. Elas só irão atrapalhar a sua caminhada para o sucesso

financeiro. Funcionarão como um freio em sua vida. Bloquearão seu raciocínio, sua intuição e conduzirá você a uma irremediável estagnação. Não há futuro sorridente para quem quer a riqueza, mas no íntimo a detesta. Se você quer ser rico, deve considerar que tudo quanto tem feito até hoje não lhe trouxe a riqueza desejada. Penso que já é tempo de mudar de opiniões e conceitos. Você vive rodeado de gente pobre como você, ou de gente rica? Os seus melhores amigos são muito ricos? Conte quantos deles detestam os bens que possuem. Nenhum? Não é de estranhar-se que sejam ricos. Você deve ter a nítida impressão de que eles estão sempre desejando mais e mais, não é verdade? Alguns são discretos, outros indiscretos, mas todos demonstram inegável vocação para acumular mais dinheiro e bens.

Você sente uma pitadinha de inveja das pessoas ricas? Não seja bobo. Admita que sente sim. Se você não sente é porque não gosta da riqueza, ou aprendeu a camuflá-la. Quero que você sinta muita inveja dos ricos, muita mesmo. Não se envergonhe de sentir isto, fará bem a você mesmo. Quando você reconhece que alguém lhe é superior, procurará melhorar a si mesma. É uma lei universal. Ao admitir-se pobre, você estará constantemente lutando para sair daquele estado negativo.

Quando eu digo para você sentir inveja, não estou incitando a você desejar os mesmos bens que pertencem a outros. Quero que você sinta- se frustrado por não tê-los e comece a colocar em prática os princípios deste livro, apenas isto Você não sentindo-se inferior a ninguém, nada vai fazer para melhorar-se, compreende claramente este fato?

Você Deve Desejar Ser Muito Rico

Deseje ardentemente ser rico. Deseje isto diariamente. A cada instante, deseje ser rico. Você precisa ser rico, muito rico. Não se conforme com a sua pobreza de hoje. Deseje ser rico, riquíssimo. Ter muito dinheiro, muitos bens. Não há virtude alguma na miséria e pobreza. Você precisa urgentemente ser rico. Suficientemente rico para dar risada do seu passado de necessidade. Você quer ser rico para ajudar os pobres. Você quer ser rico para poder comprar tudo quanto desejar para si ou para seus familiares. Você quer ser milionário de verdade. Ter milhões depositados em seu nome numa ou em várias contas bancárias. Você quer ter grandes e luxuosos imóveis em seu nome. Casas, apar- tamentos, propriedades, animais de criação, sítios, fazendas, casas de campo, carros de luxo, iates, aviões particulares, joias, roupas boas e importadas. Assustou-se?

Releia o parágrafo anterior. Releu?

Vê como o espírito do pobre é mesquinho e pouco exigente? Percebe o quanto você mesmo não tem desejado de verdade a riqueza? Por mais que você tenha pensado em ser rico, ainda agora, esteve dizendo para si mesmo: "eu nem quero tudo isto, basta-me poder viver sossegado numa casinha modesta, um carro em boas condições, alguns cruzados no banco "

Não seja pobre, para pedir e desejar, pelo amor de Deus.

Perca a timidez para ser rico. Deixe de ficar desejando coisas tão mesquinhas. Você quer muito mais, só não acredita que isto será possível, não é mesmo? Este é o grande problema da humanidade, foi o meu e certamente é o seu problema hoje. Achar que não conseguirá tudo quanto deseja.

Durante toda a vida ouvimos dos nossos pais e mestres frases como:

"aprenda a contentar-se com o que Deus lhe deu" ou ainda "o pouco com Deus é muito." Você ainda acredita nestas fantasias de pobres? Ora, não estou dizendo que tudo que nossos pais nos ensinaram é tolice ou errado. Apenas algumas coisas acerca da riqueza não nos foi ensinado. Recebemos mais orientação para não fazer, do que para fazer. Vivemos ainda hoje em conflito com as orientações dos nossos familiares. Você precisa, a partir de agora, agir mais, produzir mais, desejar mais, sem sentir culpa alguma.

A riqueza é boa e maravilhosa. Bom seria se todos fossem ricos.

Você dirá: "e quem iria produzir para os ricos" ou "quem faria os serviços mais pesados e sub-humanos"? A resposta é: todos fariam. Ser rico não significa ter empregados para fazer tudo que se deseja, até por que, nem sempre os ricos permitem que seus empregados façam tudo para si. Desejam ter o controle de tudo, querem a perfeição das ações. São capazes de realizar qualquer tipo de trabalho, tão bem quanto o seu mais humilde empregado. Você será instruído nos próximos capítulos sobre este segredo.

O mundo seria melhor, se não houvesse pessoas pedindo esmolas,

assaltando, matando e trapaceando para terem o pão de cada dia. A riqueza é algo maravilhoso e indescritível. Só quem a possui, pode avaliar este sentimento. Você precisa ser rico, muito rico mesmo.

Deseje ter muito dinheiro. O dinheiro é uma coisa maravilhosa. Com ele você pode adquirir praticamente todas as boas coisas da vida. Deseje as boas coisas da vida. Apenas fique atento para algumas coisas que parecem ser boas coisas da vida e que não são de fato. Poderão lhe levar à ruína. Promiscuidade, bebedeiras, jogos de azar, negócios ilegais

e atividades arriscadas são alguns exemplos. Você sabe que muitos

homens e mulheres ricos perderam tudo que possuíam, da noite para o

dia. Você não precisa cometer estes mesmos erros.

Comece, a partir de agora, a desejar ardentemente a riqueza. Sinta necessidade dela. Busque-a com todo o seu coração. Dedique seu pensamento, sua inteligência, sua vida, sua alma, para conseguir a sua riqueza. Quando eu falo, dedicar a sua alma, você pode chocar-se mais uma vez, porque pensa que a alma não deve desejar riqueza. Outro falso

conceito ensinado pela religião. Lembre-se que seu propósito é bom e positivo. Você quer ser rico, para fazer o bem, ajudar aos outros, fazer a

si e aos seus familiares felizes. Isto é o melhor que você pode desejar

neste mundo. Ter dinheiro suficiente para satisfazer todos os desejos

bons da sua alma. Uma pessoa pobre costuma ser infeliz, amargurada, nervosa e descontente com a vida.

Deseje ansiosamente a riqueza que lhe pertence desde o nascimento. Nada de pobreza, dificuldades financeiras, privações. Não estou pedindo para você detestar pobres, mas você descobrirá que quando enriquecer eles lhe causarão grandes aborrecimentos. Como aliás é muito natural. Uma pessoa infeliz e amargurada não pode relacionar-se com pessoas sorridentes, seguras de si, aparentemente esnobes. Todo rico parece estar sempre esnobando em cima dos pobres. Você não precisa ser igual a

ninguém. Seja você um rico ímpar. Diferente de todos os demais. Cuide para não se deixar contaminar com as boçalidades de alguns ricos. Infelizmente poucos ou até mesmo nenhum rico estará lendo este livro, pois se o fizessem, poderiam aumentar ainda mais a própria riqueza e adquirir bons modos. (Boa parte dos ricos são pedantes e pouco ligam para as boas maneiras.)

ricos são pedantes e pouco ligam para as boas maneiras.) A riqueza é algo maravilhoso e

A riqueza é algo maravilhoso e indescritível. Só quem a possui pode avaliar este sentimento.

Pare de Mostrar Aquilo que não Tem

que princípio elementar para a riqueza.

Você certamente conhece pessoas que estão com carro do ano, casas e apartamentos ricamente mobiliados, vestem roupas caras e artigos importados, ostentam joias e exibem a carteira cheia de dinheiro. Fazem sempre questão de pagar a conta, dão festas suntuosíssimas e vivem endividadas!

Acho que todo rico pode se dar a este luxo, mas somente depois de possuir uma riqueza sólida. Quando conseguem esta riqueza definitiva, quase sempre não precisam ostentar tanto luxo, tudo quanto fazem, faz parte do dia a dia, não é uma exibição vulgar e fantasiosa.

Os pobres da classe média, ou mesmo alguns pobres em ascensão, vivem gastando à toa tudo quanto ganham, com suas ridículas exibições de riqueza e poder. Nunca serão ricos de verdade Passarão toda a vida apenas exibindo algo que nunca possuíram. Envelhecerão precocemente pelas preocupações das prestações do carro novo, ou das despesas exorbitantes com as festas desnecessárias. São pobres-coitados. Dignos de pena e orientação.

Faça um check-up na sua vida. Comece analisando se as roupas que tem comprado, ultimamente, estão dentro do seus ganhos. Descubra os gastos supérfluos que vem fazendo com o intuito de aparentar boa vida. Se você possui automóvel, será que não pode ir para o trabalho de transporte coletivo, até melhorar de vida definitivamente? Talvez o restaurante a que tem ido nos fins de semana cobre mais pelo luxo que pela comida que serve. Não seria uma boa ideia mudar de comida e de gastos de vez em quando? Talvez seus telefonemas estejam sendo demorados demais. Que tal instalar um temporizador ou bloqueador de DDD?

Talvez seus filhos estejam gastando mais do que você pode com viagens de turismo, excursões desnecessárias ou material escolar supérfluo. Não seria bom conversar seriamente com eles, antes de aprovar gastos supérfluos?

Pense bastante sobre isto. Você jamais será rico, se não souber quanto vale UM CENTAVO. Se você desperdiçá-lo, nunca ajuntará o

este

Tenho

certeza

você

concordará

com

facilidade

com

suficiente para se sentir rico. Não pense que o Tio Patinhas está errado em economizar. Talvez o erro dele seja o da avareza. Mesmo tendo tanto dinheiro, continua comendo sanduíches e andando mal vestido. Parece que nunca o vimos com uma roupa diferente

Você pode aprender muito com os verdadeiros ricos. Não precisa imitá-los em todos os aspectos. As pessoas realmente ricas não gostam de mostrar o quanto são. Talvez tenham medo que queiramos parte da sua riqueza. O que é verdadeiro. Quando você está ao lado de uma pessoa que declara ser muito rica, sente vontade de pedir alguma ajuda? Claro que muitos de nós controlamos este desejo, mas está ali uma vontade imensa de solicitar algum benefício.

Se quer ser explorado por seus amigos, então saia por aí dizendo o quanto você ganha, quanto tem na poupança, quanto pagou pelo seu automóvel novo etc. Eles cairão em cima de você, na esperança de sugar alguma coisa Seja modesto. Seja idiotamente modesto. Mesmo que você tenha dinheiro, nunca afirme que tem, isto é tolice. Muito menos demonstre que tem aquilo que não tem de verdade. Esta atitude só vai empobrecê-lo mais e mais. Deixe que pensem que você é pobre mesmo, e viva a sua vida. Logo perceberão que você é um miserável mentiroso rico. Você pode escolher: viver duro com a aparência de rico, ou ser realmente rico aparentando ser pobre. A escolha é sua. Ao escrever este livro, procurei sintetizar para você os segredos da riqueza, não estamos querendo algo apenas para passar o tempo. Este livro dá a você orientações amadurecidas ao longo de milhares de anos, desde que o homem existe na face deste planeta. Quer você me dê ouvidos ou não, o mundo continuará dividido em duas categorias definidas: pobres e ricos. Deseje ser rico e aja como um deles. Muitos pensam que agir como um rico é gastar dinheiro à toa, dar generosas esmolas, banquetes sociais e jogar dinheiro pela janela. Se você olhar com bastante frieza, verá que só os ricos loucos fazem isto. Neste ponto deixarão de ser ricos, para apenas serem pobres-loucos. Seja um rico sábio.

A Sorte Está ao Seu Lado

Mas uma vez, volto às velhas teorias. Dizem que os ricos nascem predestinados à fortuna e à riqueza. Nada mais falso. Predestinação é uma palavra que qualifica os incapazes. Todos que fracassam põem a culpa no destino. Os que vencem, todavia, reconhecem que o sucesso é uma consequência do trabalho e dos esforços.

Reconheça que a sorte sempre esteve do seu lado. Você não sabe como? Ora, você está vivo, não está? Então você tem grandes chances. Somente aqueles que estão mortos é que não têm chances de enriquecer. Você porém não está morto. Ou está? Se estiver morto em iniciativa, fique tranquilo, pois este livro fará um milagre por seu espírito e alma. Você ressuscitará de modo surpreendente. Basta que para isto tome o remédio que estou lhe dando.

A maré de boa sorte chegou em sua vida agora. Foi mesmo uma grande sorte ter encontrado este livro e ter chegado até aqui. Não deixe escapar sua boa maré de sorte. Esqueça quanto azar você já tenha sofrido, e tenha certeza de que a má sorte acabou. A prova está em suas mãos. Este livro é algo tão concreto quanto foi a sua falta de sorte. Agarre-se ao conteúdo deste livro. Lembre-se do que foi dito: só é pobre quem quer. Não sou eu quem precisa provar isto. É você quem deseja

ser rico, eu já estou no caminho há muito tempo

ficar mais rico. Se eu fosse paupérrimo jamais escreveria um livro de su- cesso como este que você lê agora. Veja por exemplo que os ricos podem e devem ajudar aos pobres. É quase um dever moral e social. Deve ajudar inclusive aos que desejam ajuda. Se você procurar a minha ajuda, estarei pronto a fazer alguma coisa por você. Algo concreto e definitivo. Estas palavras que escrevo é parte da minha grande experiência na arte de enriquecer. Aprendi que a riqueza não é uma questão de sorte apenas, mas sim, uma questão de acreditar que já se tem sorte de algum modo.

e desejo a cada dia

Seja qual for a sua condição financeira no atual momento, você poderá mudar para melhor. Sua sorte está agora em suas mãos. Do mesmo modo que um mapa que conduz a um tesouro, este livro, se for seguido passo a passo, o levará a riquezas inimagináveis. Tenho que parabenizar a você, por ter tido a sorte de ler este livro. Guardarei meu

abraço para quando encontrá-lo pessoalmente, andando entre os ricos e vencedores. Sua sorte está agora em suas mãos. Saiba aproveitá-la.

Certa vez um homem tropeçou num saco cheio de pedras. Soltou um palavrão e abaixou-se para examinar o conteúdo daquele saco. Só havia pequeninas pedras. Como estava findando a tarde, sentou-se à beira do riacho e começou a atirar na água as pedrinhas que estavam ainda dentro do saco. Uma a uma foram atiradas na água, até que de repente um raio de sol incidiu sobre uma das últimas pedrinhas na sua mão. Os raios do sol fizeram brilhar aquele pedaço de mineral que nada mais era que um precioso diamante. Por pouco não fora atirada ao fundo do rio uma fortuna imensa.

Você tem muita sorte em tropeçar neste livro. Semelhantemente ao viajante, você nem imaginava que pudesse conter algo tão rico em seu interior. Ainda resta muito a caminhar. Você encontrará não apenas uma ou duas pedrinhas preciosas, porém centenas de joias de grande valor psicológico.

Esqueça de agora em diante sua sorte. Ela já está ao seu lado permanentemente. Assim como você não pode deixar de respirar, do mesmo modo você não pode evitar a boa sorte. A partir de agora, qualquer coisa que lhe aconteça, mesmo que não pareça ser positiva, será na realidade algo para lhe proteger e assegurar sua boa sorte. Acredite, pois é verdade. Tudo quanto lhe acontecer a partir de agora é pura sorte.

Como Fazer o Seu Primeiro Milhão

Você já sabe que é pobre, já decidiu mudar seu status econômico, está conscientizado da importância de ser muito rico, sabe que a sorte está ao seu lado? E agora? Como fazer surgir o dinheiro, as riquezas? Como se transformar de pobre para muito rico?

Quanto você tem em dinheiro agora? Desejo fazer uma experiência com você. Por favor, leve a sério para o seu próprio bem. Não discuta com sua própria consciência, acostumada a pensar como pobre, pense como um rico em ascensão. Recolha todas as moedas, cédulas velhas e tudo quanto possa representar dinheiro vivo em suas mãos. A quantia que está depositada em banco, conta corrente ou poupança não contam. Quero que você encontre cada moedinha espalhada por sua casa, mesas, gavetas, cofrinhos, copos, baús, etc. Faça um pequeno monte em cima de uma mesa. Conte níquel por níquel. Para fazer isto, você deve abandonar a leitura deste livro agora. Talvez você não esteja em sua casa, ou esteja com preguiça para fazê-lo agora. Prometa porém a si mesmo fazer isto, assim que tenha oportunidade. É importantíssimo executar esta experiência. Produzirá um efeito quase mágico em sua vida e rendimensionará sua visão sobre o dinheiro. Se estiver viajando em um veículo, então, assim que chegar em casa, realize esta primeira experiência financeira.

Espero que não tenha ficado surpreso com a quantidade de dinheiro espalhado pela casa, ou pelo escritório. Talvez se procurar melhor ainda encontrará um níquel aqui ou ali, dentro de um livro antigo, ou no fundo de alguma mala.

Estou quase certo de que algumas notas ou moedas nem valem mais nada, por estarem desatualizadas. Num país onde a moeda é trocada a cada novo governo, perde-se muito dinheiro nestas trocas. Ou melhor, muitos pobres empobrecem ainda mais pelo descuido em não trocar a velha moeda pela nova.

Mesmo que seu prejuízo financeiro seja de alguns cruzados, você teve um prejuízo líquido e certo, não é mesmo? Admita que é pequeno, mas admita. Suponhamos que tenha sido apenas 10 cruzados o total. Sabe quanto falta para 1 milhão de cruzados? Apenas 999.990 cruzados! Não é fantástico! Você acha muito? Pois agora vou lhe dizer como ganhar o que falta para completar UM MILHÃO.

Apanhe todo este dinheiro que estava espalhado e sem nenhuma utilidade e deposite-o em uma caderneta de poupança. Responda agora a seguinte pergunta: você todos os meses paga as suas contas? Algumas? Pois quero que você agora pague todos os meses à sua conta da caderneta de poupança uma quantia específica e equivalente a 10% dos seus ganhos. Impossível? Não importa, se é impossível ou não, quero que você PAGUE INFALIVELMENTE!

Você consegue pagar a companhia de eletricidade, água, aluguel, supermercado, condução, etc, então suponho que consiga pagar também

a si próprio todos os meses. Você é a pessoa mais importante, merece a principal atenção. Tenho certeza de que os 10% que retire para pagar a

si mesmo, poderá ser subtraído daqueles gastos supérfluos que você faz

sem se dar conta. Se você não pagar a si mesmo todos os meses, estará roubando seu próprio dinheiro, apenas isto. Assim fazendo, continuará pobre para sempre. Continuará a lamentar-se da sorte até morrer.

As pessoas só se dão conta do quanto foram estúpidas em não pensar e agir com sabedoria sobre a questão de pagar a si mesmos, quando chegam aos 50 anos de idade. Você chegará aos cinquenta anos de idade, se não sofrer acidente ou for apanhado por uma doença fatal. Esta é uma das razões pela qual você deverá desejar ser rico desde cedo. Após os 50 ou 60 anos, tudo quanto você tiver, foi fruto do seu trabalho enquanto jovem. Todavia, se você já tem mais de 50 anos, saiba que se pretende viver até os 85 anos ou mais, ainda poderá enriquecer neste período. Serão 35 anos para chegar lá. Você descobrirá neste livro que o prazo mínimo para enriquecer não existe. Alguns levam 10 ou mais anos, outros levam um ou dois anos apenas. Seus desejos ligados às suas atitudes e ações é que determinarão a rapidez do seu enriquecimento.

Suponho que a maioria dos leitores deste livro estão na faixa de 20 a 40 anos. Faça um cálculo do que ocorrerá com seu saldo na caderneta de poupança, se iniciar este mês, depositando tudo quanto possa (mínimo de 10%) durante 15 anos consecutivos. Somando-se juros sobre juros,

correção monetária, etc., já é um bom dinheiro. Suficiente para iniciar-se qualquer negócio sem tomar dinheiro emprestado. Ou até proporcione juros suficientes para gastar a metade com as necessidades e redepositar

a outra metade continuamente. Você é quem deve fazer isto por si mesmo.

Ao invés de jogar no fundo da gaveta as moedas que recebe de troco, deposite-as na caderneta de poupança. Na gaveta, o seu milhão estará se distanciando de você. Na poupança, estará crescendo

continuamente. Você se empolgará quando já tiver 10 mil cruzados, e desejará depositar mais e mais. Este é o primeiro sintoma de que você está no caminho certo. É o primeiro indício de que você está enriquecendo de verdade. Deposite sempre mais e mais. Deseje que a sua conta ultrapasse o primeiro milhão rapidamente. Sua nova meta então passará para 10 milhões. Quando atingi-la, você saberá que poderá atingir 100 milhões, se desejar. Dará boas gargalhadas quando lembrar que tudo começou com uma arrumação de gavetas, e com as sobras de velhas cédulas e desprezíveis níqueis. Este é o princípio da riqueza, economizar os níqueis desprezíveis. Sozinhos eles nada valem, porém, junto com outros, são poderosos e conquistam qualquer coisa, você deve saber disso.

Não Seja Mão-Aberta ou Empobrecerá

A expressão mão-aberta quer dizer pessoa que dá tudo que possui com facilidade. Se você conhece muitas pessoas mão-aberta, não são pessoas ricas de verdade. São pessoas pobres em desenvolvimento, crentes que, dando dinheiro com facilidade, receberão muito mais. Parece que a coisa não é bem assim. Quando Francisco de Assis disse que: "é dando que se recebe", estou certo que se referia à capacidade de doação do homem no sentido espiritual. Dar amor, dar felicidade, dar conforto, também se aplica a esta expressão. Se você puder dar dinheiro, então ótimo, está tudo bem. Você fez uma boa ação a uma pessoa pobre. Todavia, você pode criar na pessoa pedinte um vício incorrigível. Veja os mendigos, por exemplo. Você pode lhes oferecer um emprego digno, e eles não aceitarão, porque já têm consciência de que, pedindo, alguém lhes dará esmolas. Será que o sábio S. Francisco queria dizer isto? Estava ensinando que devemos dar aquilo que ainda não temos para pessoas indolentes.

Não estou fazendo uma pregação contra aqueles que são generosos. Nem quero ensinar a sovinice. Acho que o ditado popular, "quem dá esmola aos pobres, empresta a Deus" é uma agiotagem disfarçada.

Se você já tem o suficiente para dar um pouco de conforto a outras pessoas, então será bom fazê-lo. O mundo será melhor quando soubermos nos ajudar mutuamente. Dar esmolas não é bem uma forma de ajudar a alguém. Talvez arranjando-lhe um emprego. Levando-o a um médico. Ensinando-lhe a trabalhar para ganhar o próprio sustento, seja uma forma mais inteligente de ajudar. Quase todos nós, senão todos, podemos fazer isto. Mas, quando se trata de dar dinheiro, pagar contas para os outros, assumir responsabilidades de irresponsáveis, então a coisa passa a ser diferente.

Você não deve se sentir responsável por nada ou ninguém. Terá que lutar com denodo e afinco para vencer na vida. Todos devem aprender a fazer isto. Não queira bancar o bom samaritano com pessoas que estão fingindo-se de necessitados. Não se exponha aos aproveitadores. Mesmo que você não saiba, existem centenas de milhares de oportunistas, vivendo de esmolas, morando em boas casas, sustentando famílias inteiras, vícios e outras prodigalidades, com o seu dinheiro. Espantado? Você deve ter ouvido falar de pedintes que viviam folgadamente man-

tendo duas ou mais famílias, possuindo casas alugadas, excelente saldo

médio bancário, modernos equipamentos eletroeletrônicos

com o seu dinheiro e de tantas outras pessoas de boa vontade e piedosas. Talvez fosse melhor você pensar duas vezes quando tivesse que tirar da sua carteira de cédulas uma esmolinha para o pedinte da esquina. Existem aqueles que são realmente dignos de piedade e misericórdia. Você pode ajudá-los de outro modo, se quiser. Nada de generosidades religiosas. Deus lhe dará sempre, independente dos apelos emocionais feitos pelos pedintes em nome Dele. Quando dizem: "Deus lhe pague", querem atenuar o alívio que deram ao seu bolso. Tentam, com isto, fazer você acreditar que quanto mais você der dinheiro, mais você ganhará. Não parece inteligente?

Não é a esmola que você dá que retorna para você em forma de bênção divina. É a sua conscientização que precisa de mais riqueza e prosperidade que o impele a produzir ainda mais. Quando você vê um pedinte, sente piedade dele; compara-se e sente-se superior (nem sempre é verdade), você lhe atira uma moeda por pura piedade, sem saber que está fazendo um grande mal. Você está acostumando o mendigo a viver toda a sua vida dependendo dos outros. Enquanto você ou eu continuarmos dependendo do governo, do presidente, das leis, das outras pessoas para ficarmos ricos, só receberemos migalhas. Sobre este assun- to falarei amplamente agora. E lembre-se, os pobres não precisam de caridade e sim de inspiração.

tudo isto

Existem muitas formas de se ajudar um pedinte sem ser lhe dando dinheiro, pois ao

Existem muitas formas de se ajudar um pedinte sem ser lhe dando dinheiro, pois ao se fazer isto cria-se o hábito em você de dar, e no mendigo de se acostumar a viver de esmolas.

Procure Sua Independência

Estamos falando de independência financeira. Lembra-se de como foi conseguida a independência do Brasil? Dom Pedro I queria cortar o cordão umbilical que mantinha o Brasil dependente de Portugal. Já era tempo de evitar que nossa nação brasileira fosse explorada pela Coroa portuguesa. Só havia um meio de acabar com isto: declarando a independência ou morte. Felizmente não houve morte, e os brasileiros puderam manter-se independentes da orientação portuguesa e sobreviver às próprias custas.

E o seu grito de independência, quando será dado? Você precisa esperar o momento certo. De nada vale sair por aí dizendo-se independente, se na realidade você não está pronto para isto. A independência só lhe ocorrerá, quando sua vida financeira estiver equilibrada. Quando você puder caminhar com suas próprias pernas, sem depender de um emprego, ou das medidas econômicas do país. Você navegará sempre para seu objetivo, independente das forças da correnteza.

Deseje ser independente e você ficará. Deseje a riqueza e ela virá. Aja para conquistá-la e ela capitulará aos seus pés.

Lembra-se da escravidão negra no Brasil? Se os negros não desejassem sua libertação e lutassem com unhas e dentes por ela, até hoje continuariam escravizados.

Muitas pessoas estão vivendo numa semiescravidão Acostumaram- se à vida de subserviência, e nem sentem desejo de sair daquela vida rotineira e tediosa. São quase mendigos de rua. A diferença é que ganham uma gorjeta ou esmola fixa, todos os meses. Em termos econômicos estão até ganhando menos que certos mendigos. Ao menos os mendigos podem mudar de local quando a praça está ruim. Ou podem ir para casa (quase todos a tem) quando desejarem. São na verdade patrões de si mesmos. A maioria dos empregados não o são. Vivem escravizados numa atividade monótona e cansativa. Morrerão dependentes daquele emprego miserável. Esqueçamos os pobres por um instante. Fazer uma radiografia da pobreza é angustiante para mim. Quero que você deseje ardentemente sua liberdade de um tipo de vida assim. Desejo arrastá-lo para a riqueza plena e absoluta, e para isto é necessário que você deseje sua independência total.

Como consegui-la? Colocando em prática todos os princípios descritos neste livro até agora, e seguindo as novas orientações. É sobre este assunto tão importante que desejo lhe falar agora. A orientação, o rumo a seguir.

Como Saber Para Onde Deve Ir

Não é raro ficarmos indecisos ao tomarmos uma decisão importante para a nossa vida financeira. Não sabemos se será melhor mudar de emprego, de lugar, de cidade etc. O grande problema humano parece que ainda está neste plano: o da indecisão.

Tememos que alguma coisa nos piore a vida. Receamos tomar uma decisão da qual venhamos a nos arrepender. Você de hoje em diante não precisa mais ficar ansioso quando tiver que decidir algo sobre sua vida financeira. Você, a partir de agora, saberá que toda e qualquer decisão que tome será para o seu bem. Acredite nisto.

Acho que precisamos falar um pouco sobre algo muito importante, que talvez você não venha dando muita importância, e por esta e outras razões continua pobretão.

Quantas vezes por dia, você se lembra do seu Criador? Não estou me referindo ao seu progenitor. Seu pai e sua mãe foram apenas instrumentos do Criador Universal para você surgir neste mundo. Assim sendo, sua vida pertence a alguém. Seu coração bate por que alguém o mantém funcionando. O próprio mundo só existe por que há uma força poderosíssima, mantendo-o. Sua vida particular não é diferente. Tudo que você fizer, disser ou pensar, afeta o meio em que você vive, por isto sua vida é muito importante. Você existe neste mundo para expressar Deus. Não há outra justificativa. E Deus quer se orgulhar de você. Deseja que um de seus filhos, ou ainda todos eles, vivam cobertos de nobreza, riqueza e felicidade. Se você está infeliz, saiba que não é a vontade de Deus. Não pense que sua vida está isolada da força e do poder do Criador. Não há como fugir Dele. Agora mesmo, você ao pensar Nele, sintoniza-se com as mais poderosas forças do Universo. Ninguém conseguiu ainda explicá-la, nem se torna necessário. Para você usar a energia elétrica, não precisa saber como e de que ela é feita. Basta saber como usá-la para seus propósitos. Assim é Deus. Existe para lhe ajudar e orientar. Parece que aquela coisa chamada oração não é uma

bobagem de religiosos fanáticos. Tenho a mais pura convicção de que você não precisa frequentar igrejas ou dedicar uma hora especial para suas orações a Deus, para pedir-lhe orientação e ajuda. Você deve fazer isto todo o tempo! Não basta reservar alguns minutos para rezar, orar ou qualquer coisas desta espécie. Nem é necessário retirar-se para o interior de templos ou montanhas para encontrar Deus. Não perca tempo com estas tolices. Você pode e deve pedir ajuda e orientação de seu Criador, continuamente. Não sabe como fazê-lo? Ora, será que é tão difícil falar a um ser invisível, encontrado em toda parte? Não existem fórmulas, nem receitas. Você apenas deve verbalizar o seu desejo. Diga, pense, converse com Deus. Ainda tem dúvidas de que tal coisa funcione? Pois experimente pedir a todo instante: "Deus, me dá riqueza, muita riqueza. Deus, me dá dinheiro, muito dinheiro. Deus, me orienta para que eu possa fazer as coisas certas."

Imagine que você fosse apresentado ao homem mais rico da Terra, e este se colocasse à sua disposição para conceder-lhe o que desejasse. Como você faria o seu pedido, ou que coisas pediria? Pois faça o mesmo com Deus, esqueça o homem mais rico do mundo. O seu Criador é o ser mais rico e poderoso do Universo. E por qualquer capricho, este Criador não lhe concede o pedido logo da primeira vez. Parece que espera você insistir outras vezes. Acho que Ele quer verificar se você de fato quer o que pede ou não está bem certo. Quer saber primeiro se você realmente tem muito interesse no que pede ou não. E tem ainda outra coisa, talvez, Ele só dê para você aquilo que você acredita que Ele pode lhe dar. Surpreso? Pois comece agora mesmo fazendo o seu pedido. O Mestre da Galileia disse algo que você deveria escrever em 100 cartões e espalhar por sua casa, carro, escritório e fixar em sua mente, alma e coração: "Por isto vos digo que tudo o que pedirdes, orando, crede que o recebereis e tê-lo-eis." S. MARCOS 12:24 Bíblia Sagrada.

Imagine você numa cidade estranha, tomando um táxi e pedindo ao motorista que o leve a determinado endereço que você não sabe onde se localiza na cidade. Enquanto o táxi se desloca pela avenida, você pede ao motorista que entre numa determinada rua à esquerda, ele retruca e diz que não, mas você insiste, afinal está pagando. O motorista obedecerá a você. Quando você perceber que está perdido, dirá ao motorista que prossiga para o endereço que lhe dera no início da viagem. Outra vez o táxi se deslocará para o rumo pedido. Mas você vê um monumento interessante à sua direita e pede para seguir para lá, o motorista seguirá outra vez em obediência ao seu comando. Você só chegará ao seu destino (se o endereço estiver certo), quando deixar-se

conduzir pelo habilidoso motorista de táxi. Deus age como um bom e atencioso motorista de táxi. Se você pede: "Quero dinheiro, muito dinheiro." Mas depois diz: "não muito, apenas algum dinheiro." Você estará freando e acelerando ao mesmo tempo. Não irá a parte alguma. Para obter a orientação certa, faça o pedido certo e insista nele. Não se preocupe com o tempo. As coisas certas só ocorrerão no momento certo e conveniente. Esqueça o tempo por completo. Apenas saiba que é necessário agir com sabedoria, afinar-se com as leis da vida abundante, sem as quais ninguém irá a parte alguma.

Quanto Tempo Leva Para Enriquecer?

Esta é uma boa pergunta. Acredito que ninguém saberá dar a resposta. Mas acredite, o tempo estará diretamente proporcional ligado aos seus esforços. Quanto mais esforço você fizer de modo correto, mais cedo você enriquecerá. Não há outra alternativa. Se você nada fizer, então nunca enriquecerá.

Sabemos que não duraremos para sempre, e que a expectativa de vida para os homens é de 75 anos e para as mulheres de 85, sendo esta a média geral. Alguns conseguem ultrapassar essa média. São felizardos quando também chegam a esta idade, gozando de prosperidade e nobreza.

De nada adianta apressar a vida. Comer uma fruta sem amadurecer não é muito sensato. Temos que esperar o momento certo. Só assim ela nos fará bem. Com a riqueza acontece o mesmo. Ficar rico sem saber administrar a riqueza é suicídio. Você deve saber de pessoas que acertaram em loterias, receberam imensas fortunas e um ano depois estavam falidas. Acho que a riqueza deve ser acompanhada de maturidade e equilíbrio.

Não fique ansioso quanto ao dia em que ficará rico definitivamente. Isto levará algum tempo. Você ganhará muito dinheiro durante toda a sua vida, é isto que significa ser rico. De nada adianta ganhar muito dinheiro de uma só vez e desperdiçá-lo com maus negócios ou

aventuras. Os verdadeiramente ricos não fazem isto com o dinheiro que conseguem juntar e ganhar.

Com as instruções deste livro, você estará se adestrando para fazer fortuna, mas esqueça o tempo. Não exija dia e hora para ficar rico, ou isto não acontecerá. E se acontecer, será apenas no momento certo.

Olhe para uma árvore adulta. Quanto tempo pensa que levou até que estivesse completamente formada e com tantas folhas, galhos, flores e frutos? A natureza é sábia e sabe estruturar todas as coisas. Quando você tiver raízes suficientemente fortes para sustentar o peso da sua riqueza, você será rico; nem um minuto antes, nem depois. Tudo tem o seu tempo certo. Saiba apenas que uma semente, para germinar e virar árvore, deve ser plantada no solo e regada. Sua riqueza não é diferente.

O Planejamento Eficaz

Já falamos em desejar ser rico. Isto é essencial. Ninguém pode se tornar milionário se não fizer alguma coisa para isto. Mas, como planejar ficar rico?

Quando sugeri depositar 10% dos seus rendimentos mensais em uma caderneta de poupança, eu estava fazendo um planejamento para sua vida financeira.

O grande segredo é GUARDAR E POUPAR. Note que este guardar simboliza o economizar; não gastar com coisas supérfluas. Juntar dinheiro é uma tarefa que requer muita força de vontade. Poucas pessoas resistem à tentação de irem na caderneta de poupança retirar todo o dinheiro poupado para fazer aquela viagem dos sonhos. Você nunca será rico se fizer isto. Os ricos vão a toda parte, os pobres apenas a alguns lugares de vez em quando. Não planejam com eficácia a vida financeira. Colocam o prazer antes do dever. Os pobres pensam que nunca conse- guirão tempo de vida para conhecerem o mundo e desfrutarem das boas coisas da vida. E assim, afundam-se em projetos inoportunos, e mal têm tempo de viver com tranquilidade e dignidade.

Para enriquecer com segurança, você deve colocar acima de qualquer outra coisa em sua vida a prosperidade. Seu maior desejo deve ser o de ser rico, muito rico. Fique rico primeiro, goze a vida depois. O contrário será desastroso, olhe ao seu redor e comprove este fato.

Ainda ouço muita gente dizendo: "coitado, morreu e deixou tudo

nem gozou a vida direito." Será que o morto pensava

assim? Será que não morreu satisfeito com a vida que levava? Nunca saberemos. Mas, aqueles que usufruirão das riquezas do falecido certamente estarão contentes (pelas riquezas, é claro). Como você está querendo ser rico, terá que aprender com eles que, para ganhar dinheiro, são necessários alguns sacrifícios, um deles é o adiamento do prazer efêmero. Primeiro as obrigações do trabalho, depois o lazer. Não há atalho. Planejar eficazmente é decidir o que deseja fazer para ganhar mais dinheiro. Talvez você não tenha uma ideia sobre como fazer isto, eu lhe darei boas sugestões.

No momento, o que você tem a fazer é: agir continuamente, produzir sempre. Produzir o quê? Qualquer coisa, ora. Produza algo que possa ser comido; algo que sirva para brincar ou para divertir, produza algo que sirva para vestir, algo que sirva para enfeitar, adornar, produza algo que seja útil a muitas pessoas. Esta é a chave final para fazer riqueza. Você tem que encontrar algo que possa ser feito, distribuído, controlado, oferecido, trocado, transformado, embalado por você, e que seja procurado e desejado por muitas pessoas.

Ninguém ficará rico apenas com um salário medíocre. Você sabe do que estou falando. Se pensar que com a economia de 10% do seu salário, ficará rico da noite para o dia, está enganado. Você deve desejar ganhar muito mais dinheiro, além do seu salário, se deseja enriquecer de verdade. Deverá dedicar-se a outras atividades que lhe proporcionem ganho de capital.

Só você sabe o que é capaz de fazer para isto. Faça uma avaliação de seu potencial, das suas habilidades e quem sabe não inicia hoje mesmo um novo ramo de negócio. Veja os verbos abaixo e procure imaginar-se fazendo alguma coisa com eles.

para os outros

CONSERTAR

POLIR

OBSERVAR

COMPRAR

LAVAR

TRANSPORTAR

VENDER

ENTREGAR

CALCULAR

TROCAR

CONTAR

AMOLAR

FABRICAR

CONSTRUIR

TRADUZIR

GUARDAR

REVENDER

MOLDAR

ORGANIZAR

ENSINAR INFORMAR

PLANTAR

ANOTAR

REVISAR

REPRODUZIR

ENCONTRAR

TRATAR

CUIDAR ORIENTAR

APLICAR

APARAR REPRESENTAR

TRANSFORMAR

LIMPAR

ACOMPANHAR

DESTRUIR

PINTAR

RESOLVER

RELATAR

ESCREVER

ALUGAR

DATILOGRAFAR

TOCAR

COMPOR

RECOLHER

CANTAR

INVENTAR

DEMOLIR

BORDAR

MONTAR

INVESTIGAR

DIRIGIR

GRAVAR

CONSERVAR

EMBALAR

PESQUISAR

REFORMAR

Existem ainda centenas de verbos que você pode descobrir, com relação a coisas que lhe darão bons rendimentos. Faça a pergunta ao VERBO do seu interesse e encontre as múltiplas alternativas de atividades que poderia desenvolver. Por exemplo: O QUE PODEREI CONSERTAR?

1 • guarda-chuvas

2 • eletrodomésticos

3 • máquinas de costura

4 • canetas

5 • instrumentos musicais

6

• automóveis

7 • geladeiras

8 • persianas

9 • móveis

10 • brinquedos, etc.

Outro exemplo:

O QUE PODEREI DATILOGRAFAR?

1

• Trabalhos escolares

2

• Textos científicos

3

• Livros

4

• Tabelas

5

• Currículos

6

• Relatórios técnicos

7

• Cartas comerciais

8

• Preenchimento de formulários

9

• Endereços em correspondências

10 • Documentos jurídicos, etc.

Quando desejar uma atividade lucrativa, experimente usar a tabela dos VERBOS, eles lhe ajudarão a definir uma forma de iniciar ou continuar ganhando mais dinheiro.

A Teia de Aranha dos Ricos

Seja qual for o seu ramo de negócio, você só ficará rico com ele, se tiver muitos clientes. Lembre-se que uma aranha tece uma rede com muitos fios quando deseja apanhar seu alimento para o jantar. Quanto maior for a rede, maiores são as chances de jantar cedo.

Cientificamente, uma pessoa rica, só o consegue ser, porque envolveu muitas pessoas em seus negócios. Você deverá construir uma verdadeira teia de aranha nos seus negócios.

E como construir esta teia de aranha? Simples: faça muitos amigos em toda a parte. Principalmente nos seus negócios. Trate a todos com respeito, educação e verdadeira amizade. Procure ampliar dia após dia o seu contato com outras pessoas. Isto são os fios da sua teia de aranha financeira. Milhões de cruzados cairão nela através das suas ligações múltiplas.

Um negócio só poderá prosperar se for um bom negócio ou, ao menos, muitas pessoas dizerem que é um bom negócio. É melhor que seja de fato muito bom, pois se for falso, logo virão os prejuízos e a falência, características dos maus negócios.

Uma boa teia de aranha é feita também por propaganda contínua. Divulgue seu negócio através dos mais variados meios de comunicação. Rádio, televisão, folhetos, brindes, etc. Quanto mais pessoas souberem dos seus serviços ou negócios, mais chances você terá de ganhar mais dinheiro em menos tempo.

Repare como os ricos têm amigos por toda parte. Não pense que conseguiram tantos amigos depois que enriqueceram, mas sim, enquanto enriqueciam.

Lembre-se de que a aranha tece uma rede com muitos fios, quando deseja apanhar seu

Lembre-se de que a aranha tece uma rede com muitos fios, quando deseja apanhar seu alimento. Assim deve ser você.

Como Evitar os Prejuízos

Quando você começar a ganhar dinheiro, terá tendência a fazer investimentos desordenados. Os prejuízos virão atrás destes investimentos mal planejados.

Mantenha-se num negócio, quando as coisas forem bem, e só mude quando for realmente insuportável continuar. Mudar de ramo, nem sempre é uma alternativa inteligente.

Para você adquirir solidez em um negócio, terá que dedicar-se continuamente em aperfeiçoá-lo. Faça-o lentamente, mas faça-o. Modernize-se de modo a prestar um melhor atendimento aos seus clientes. Caso não o faça, perderá bons fregueses para seus concorrentes.

Precavenha-se contra os falsos investimentos. Nem sempre todos podem ganhar muito durante todo o tempo. Não invista todo o seu capital em negócios que não conheça com profundidade, esta é a forma mais inteligente para prevenir prejuízos.

Enquanto você estiver ganhando dinheiro mantenha-se atento aos gastos desordenados. De nada adianta ganhar muito e perder mais. A relação deve ser sempre: ganhar muito e perder muito pouco.

Os prejuízos esporádicos devem ser amortizados por uma reserva de capital. Os maiores empresários do mundo sabem superar as crises e os prejuízos, mantendo uma reserva de capital para isto. Não se trata de ser pessimista ao extremo, mas apenas precavido. Os prejuízos são às vezes inevitáveis, porém perfeitamente superáveis por um plano de precaução. Esteja atento às suas despesas. Fique de olho grudado nelas. Se perceber um aumento, faça cortes imediatos.

Você deve ter a nítida consciência do quanto está ganhando e quanto está gastando. Todas as vezes que uma pessoa está no processo de enriquecimento, fica ofuscado pelo volume de dinheiro que acumula e quer comprar tudo que vê e deseja. Pare com todos os seus desejos imediatamente. Você precisa primeiro enriquecer, este deve ser o seu principal objetivo. E ninguém pode conseguir este feito, se não souber controlar os seus desejos imediatos. Ter prejuízo nem sempre é apenas fracassar em um negócio, é quase sempre gastar o que não precisava ser gasto. Adquirir coisas que não eram tão necessárias. Ao fazer compras

precipitadas,

prejuízos.

você

estará

prejudicando

suas

finanças,

estará

tendo

Como Fazer Investimentos Certos

Apostar em corridas de cavalo? Comprar uma frota de táxi? Comprar ações desta ou daquela companhia? Como aplicar melhor o capital adquirido?

Todo rico sofre deste mal: incerteza. E só os ricos se dão o luxo de duvidar de qualquer novo investimento. Os pobres acreditam que tudo quanto fizerem dará certo, os ricos nunca. Eles, ao contrário do que parece, estão sempre preocupados com o insucesso, ou o fracasso; não querem ver diminuída a sua riqueza, portanto são muito mais cautelosos que os pobres.

Ao fazerem um novo investimento, os ricos acautelam-se contra os possíveis contratempos ou prejuízos. Fazem seguros, exigências,

contratos de risco e tudo mais. Mesmo que o investimento não dê certo, não perderão muito ou tudo que tinham. Quando você tiver que fazer um

investimento, não seja precipitado. Pense uma, duas

mil vezes. Reflita,

consulte, indague, e na absoluta certeza que ainda assim você não está totalmente certo de lucro, arrisque um pouco. Faça-o gradualmente. Se perceber que o risco de prejuízo existe, não seja estúpido, nem queira jo- gar com a sorte, não invista um centavo do seu rico dinheirinho.

Se você quiser dicas sobre em que investir, como e quando, eu jamais poderia lhe dizer ou ensinar isto. Ninguém pode, só você mesmo concluirá o momento certo, o investimento certo.

Tenho conversado com amigos ricos e milionários que começaram com carrinhos de pipoca. Surpreso? Outros estão no negócio de seguro de automóveis, que me diz disso? E batatas-inglesas, não lhe parece um ótimo negócio? Quem sabe papel-higiênico? Tudo isto são investimentos, ou melhor formas de se multiplicar riquezas. Você deve investir naquilo que for conveniente à sua riqueza.

Quando muita gente estiver entrando num negócio, parece que é o momento de você sair dele. Perceba que bons investimentos dependem do lugar onde você vive. Depende da quantidade de capital que você

tem para investir. Os fatores são inúmeros. Não posso decidir por você. Um bom investimento é sem dúvida aquele que permite ao investidor ganhar sempre e continuamente. Vender sorvetes em uma cidade de clima quente é um ótimo investimento. Este, não seria um bom negócio em cidades de clima frio e chuvoso durante seis meses do ano. Talvez em cidades assim, um ótimo investimento seria consertar sombrinhas,

vender

vender roupas de frio, ou, se preferir no ramo de alimentos chocolate quente.

,

Seja Pessimista

Sempre

Estou certo de que todos os livros que trazem receita para vencer na vida, dizem: seja otimista, seja otimista! Eu porém quero lhe ensinar algo bem diferente e vou lhe dar grandes razões para isto. SEJA PESSIMISTA, MUITO PESSIMISTA, SEMPRE!

Num mundo cheio de contradições, insegurança, trapaças, espertezas, falcatruas, ladrões e vigaristas, você não pode ser otimista. Todo pobre é muito otimista. A maioria dos ricos que eu e você conhecemos podem não parecer, mas são todos eles pessimistas. Isto não atrapalha a riqueza, ao contrário, é uma forma de conservá-la.

Um otimista pensa sempre no hoje, no agora. Pensa que amanhã ganhará rios de dinheiro, terá sucesso e conseguirá realizar todos os

coitado, nunca chegará a lugar algum. O otimista dá gorjetas

generosas, compra presentes caros, faz apostas vultosas, empresta

dinheiro aos amigos, com todo o seu otimismo, espera receber de volta tudo quanto investiu. O otimista não pensa duas vezes ao pagar uma conta. Confia na honestidade dos homens e paga sem discutir. O otimista confia no futuro tanto quanto no presente. Sabe que Deus está com ele e nada de ruim lhe acontecerá, inclusive nos negócios arriscados, ou nas aventuras perigosas em que se envolver. Será tão otimista que acreditará que Deus o amparará se saltar de um avião a dez

mil metros de altura

sem paraquedas. Você percebeu claramente o

sonhos

quanto vem sendo otimista? Talvez nunca tenha feito nenhuma destas coisas que mencionei, mas quem sabe tenha relaxado em suas finanças,

com excesso de otimismo? Faça uma autocrítica e conclua você mesmo.

E quem é o pessimista? Aquele que acha sempre que alguma coisa não está certa, e vai devagar, com muita cautela. Aquele que não confia em ninguém porque pensa que será roubado. O pessimista nunca se aventura, pensa que acabará mal e deixa para outro realizar a proeza. O pessimista pensa que o futuro não será tão bom, e luta para melhorá-lo. Consciente de que poderá ser infeliz e derrotado, o pessimista luta com afinco para acumular riqueza hoje e continuamente. Quando ganha um centavo, valoriza-o como se fosse o único e último, temendo perdê-lo. O pessimista guarda em segurança sua vida, seus bens e sua família. Confia e desconfia até de Deus. Você não precisa chegar também a este extremo. Eu só disse estas coisas para levá-lo a perceber que tudo extremado é irracional. Necessitamos de uma dose de otimismo, porém, muito mais de pessimismo. Quando você se tomar rico, saberá o que isto significa. Por ora, quero que você aja como se nada fosse dar certo.

Em termos financeiros, acautele-se sempre. Nunca gaste seu dinheiro hoje, pensando que amanhã terá mais. Muita coisa pode acontecer e você nunca chegar a ter a metade do que gastou. Nem sempre o futuro é risonho para os otimistas. O futuro será sorridente para quem se previne. Ora, se o futuro for bom, será ainda melhor se você estiver remediado. Mas, se for ruim, você estará bem, pois preveniu-se convenientemente.

Veja, por exempla as mudanças políticas e sociais ocorridas no mundo nos últimos 40 anos. Aqueles que acreditavam no futuro, perderam tudo, todavia aqueles pessimistas hoje vivem folgadamente. Ser pessimista não é uma coisa ruim. Ruim é ser otimista, principalmente quando se relacionar com dinheiro e riquezas.

Não confie em qualquer pessoa que lhe apareça com um sorriso nos lábios, a menos que você tenha o poder de ler os seus pensamentos. Como eu sei que você não tem este poder, seja pessimista, não lhe dê toda e total confiança, seja pessimista. Ninguém precisa sair por aí mostrando desconfiança em tudo e em todos, apenas precisa ser precavido, só isto.

A Riqueza e os Bons Modos

Você sabe por que todo rico parece ser mal-educado? Perguntei a muitos deles e algumas das respostas foram: "o que é que você tem com a minha vida?" ou "Não tenho nenhuma satisfação a lhe dar da minha vida e dos meus modos" ou, ainda "por que você não vai cuidar da sua vida?" Dá para sentir a firmeza da personalidade destas pessoas?

Isto mesmo. Cada rico tem uma personalidade individualista e exclusivista. Não estão preocupados em mostrar aparência. Quando estão com raiva, estão mesmo. Quando sorriem, sorriem mesmo. São autênticos em tudo. Esta aparência de maus modos, relaciona-se a um fato muito simples: se você não deve satisfação de sua vida a ninguém, então, não deve ser obrigado a tratar as pessoas do jeito que elas querem ou exigem; você as tratará como se sentir melhor.

Os

ricos

não

estão

preocupados

com

os

pobres.

Ou

melhor,

preocupam-se com o mal que estes podem lhe provocar: assaltos, sequestros, assassinatos, etc.

Quando você se tornar rico, descobrirá que sente uma vontade enorme de mandar todos que lhe aborrecem para as profundezas do inferno. Hoje você pode se dar a este luxo? Estou certo que não. Você perderia muitos amigos, e isto não seria nada muito inteligente da sua parte. Portanto, se você quer ficar rico, tenha muito cuidado com os seus modos e suas boas maneiras. Mas não fique querendo satisfazer a todos. Seja você mesmo sempre. Não finja contentamento, se o que você sente é raiva. Apenas procure controlar estes instintos baixos e animais. Domine-se, dentro em pouco, você poderá extravasar todos aqueles sentimentos reprimidos. Mas lembre-se deste conselho importante: viva a sua vida, sem dar muito ouvido à opinião dos outros, principalmente quanto a sua aparência ou seus gostos e sobretudo à sua sordidez. Todos que estejam ao seu redor quando você começar a enriquecer, lhe colocarão os seguintes apelidos: Tio Patinhas, pão-duro, unha de fome, ganancioso, usurário, egoísta, ambiciosa miserável, etc. Você gosta destes adjetivos qualificativos? Pois deve adorar ouvi-los, pois esta é a prova de que realmente está enriquecendo Quando você é mão-aberta, todos gostam de você e se aproveitam da sua generosidade. Pior para seus planos.

Não se ofenda quando lhe picharem, ou lhe insultarem. Olhe-os com desprezo. Nem merecem seu olhar de piedade. Não tenha piedade dessas pessoas que são incapazes de lutar por si mesmas e querem a todo custo receber ajuda e dinheiro dos outros. Não pense que é anticristão desprezar os pobres e miseráveis. A Bíblia diz que não se deve dar pérolas a porcos. Não será o seu dinheiro ou sua esmola ou olhar de piedade que os ajudará. Você só terá condições de ajudar quando for rico, nunca antes. A melhor forma de ajudar a pobreza é enriquecer. Você deixará de ser um deles, já é uma melhora para o mundo. Tratar bem qualquer ser humano é algo que deve ser encarado com muito critério. Se você for sair da sua limusine para ir apertar a mão de mendigos, você não apenas correrá o risco de ser assaltado, como até rasgado em plena rua, por eles. Não gostam de você, pois pensam que por sua causa são tão miseráveis. Você se acha culpado de alguma coisa? Foi você quem os colocou na rua da amargura? As suas chances também não eram de se tornar iguais ou pior que eles? É uma pena que pessoas num estado total de miséria Jamais leiam um livro como este. Mesmo o título sendo: SÓ É POBRE QUEM QUER, reconheço que há um limite para que tal fato ocorra. Estou certo também que, se um mendigo que soubesse ler, visse numa banca de jornal ou livraria este livro, decidisse pedir um exemplar ao dono ou mesmo a um leitor, com certeza ganharia um exemplar. Teria condições de modificar a sua vida. Mas quantos farão isto? Não me culpe se, amanhã, ao sair na sua avenida, encontrar homens e mulheres com crianças esqueléticas pedindo esmolas. Se você fizer o que eu fiz, descobrirá que o título deste livro é uma realidade. Abordei centenas de mendigos nas ruas, debaixo de viadutos, em albergues, e lhes perguntei: Vocês querem ser ricos? Veja as respostas que colhi deles em sua maioria absoluta:

1 "Eu não. Prefiro ser pobre mesmo. Todo rico é miserável e não presta"

mas quem é que uai me dar dinheiro para

2 "Quero, sim, senhor

eu ficar rico

eu mesmo nunca vou sair da miséria."

3 "Há, há, há

o senhor ficou doido moço? Quem nasceu para ser

pobre, só morre na miséria mesmo."

4 "Ficar rico? Como?! Não entendi direito. Querer eu quero, mas eu nunca vou sair dessa vida aqui. É daqui para pior."

5 "Quero, sim

mas, para eu ficar rico, só se for roubando

"

Você quer repetir a minha experiência? Não perca seu tempo. Cuide de sua vida, lembra-se do conselho dos meus amigos ricos? É exatamente isto que você deve fazer. Cuidar da sua vida, nada mais. Esqueça os pobres, suas dificuldades e suas opiniões. Nada podem fazer por você ou por ninguém.

bem, pelo menos enquanto estiver

enriquecendo, seja gentil com os outros, principalmente com aqueles que podem lhe proporcionar mais riqueza. Entre eles estão patrões, funcionários, clientes, fornecedores, etc. Trate-os com urbanidade e cordialidade, e o caminho da riqueza estará aberto.

Quanto

aos

bons

modos

Trabalhe Para Enriquecer

Todo pobre costuma acreditar que só enriquecerá através de negócios desonestos. Nada pode ser mais absurdo. Não creio também que uma pessoa que acorda às 5 horas da manhã para ir trabalhar e o faz durante todo o dia, retornando a casa à noite, recebendo ao final de um mês soma insuficiente para o próprio sustento, conseguirá enriquecer. Jamais tal fato sucederá. Não há a menor chance disto acontecer. Acertar na loteria? Nem dinheiro para jogar regularmente alguns têm. Não há escapatória. Algumas pessoas, mesmo desejando mudar de vida, jamais conseguirão com um tipo de trabalho pesado e de má remuneração.

O trabalho que enriquece é o que remunera bem. Você lava vasos sanitários para viver? Não? E que tal se lhe pagassem durante 6 meses para lavar sanitários a quantia de 1 milhão de cruzados? Bem, aí você pensaria duas vezes, não é mesmo? Diria a si próprio: "Com este dinheiro eu mudaria de vida completamente; montaria um negócio " Você está certo em pensar assim. Só um completo idiota não o faria.

Desejo fazer você refletir que trabalho duro bem remunerado enriquece de verdade. Não tenha medo de enfrentá-los. Procure-os e você os achará. Talvez queira tentar um garimpo, ou trabalhar no fundo do mar. São trabalho difíceis, porém remuneram bem. Em pouco tempo você organizará seu próprio negócio. Só deste modo a riqueza e prosperidade se aproximará de você: quando você for ao seu encontro.

Trabalhe duro. Trabalhe muito. Trabalhe certo. Você enriquecerá. Todos os ricos que conheço continuam trabalhando duro. Você mesmo deve conhecer homens de avançada idade que continuam dentro dos seus negócios xeretando, ou melhor, trabalhando. São os chamados miseráveis e avarentos. Lembra-se do que falei sobre desconfiança? Pois são estes homens que desconfiam que se não estiverem de olho nos seus negócios, eles acabarão falindo.

Não tenha preguiça de acordar de madrugada para enfrentar o trabalho, seja lá o que for. Não estou dizendo que você deve ficar o tempo todo acordado para conseguir dinheiro, isto é imprudência. Acordar cedo pode significar ir à luta cedo. Você não precisa acordar cedo se for dormir tarde. Não durma mais que 8 horas por dia. E aproveite cada hora que estiver acordado para produzir riquezas. Não para gastá-las.

O trabalho é a chave mais poderosa para acumular riquezas. Através dele você se sente útil, autoconfiante e vivo. Não pense que trabalhar pouco é sinônimo de riqueza. Esteja preparado para trabalhar muito, durante muito tempo. As recompensas são infalíveis.

Conheço pessoas que se limitam a ir para o trabalho, retornar para as suas casas e, nos finais de semana, se atiram na rede ou vão para os bares da vida, tomar bebidas alcoólicas, como se quisessem esquecer das próprias vidas. Estes nunca enriquecerão, ao contrário empobrecerão e arranjarão incontáveis problemas.

Esqueça sua pobreza quando estiver trabalhando e quando não

procure trabalho. Você quer enriquecer ou

estiver fazendo outra coisa

não. Não há muito tempo para isto. Use todo o tempo que tiver livre para divertir-se com algum tipo de trabalho. Dizem que trabalho demais mata. Você também pensa assim? Tem visto muita gente morrer de

trabalhar? Tem visto muita gente rica descansando em confortáveis redes na frente das mansões? Pois saiba que estes últimos não estariam assim se não tivessem trabalhado duro e por muito tempo.

Procure trabalhar em algo que produza resultados positivos. Se seu atual emprego não lhe satisfaz financeiramente, procure outro, ou faça bicos nos fins de semana. Trabalhe para enriquecer sempre.

O trabalho é a chave mais poderosa para lhe abrir os caminhos da riqueza. Insista

O trabalho é a chave mais poderosa para lhe abrir os caminhos da riqueza.

Insista e Persista, Você Enriquecerá

Mais tarde ou mais cedo, você enriquecerá, pode apostar nisto. Para tanto, deve tomar consciência de que a persistência e a insistência são armas poderosas nesta conquista.

Mesmo quando as coisas parecerem impossíveis de alcançar e resolver, insista em resolvê-las. Se você não consegue pagar as suas contas hoje, foi porque não as planejou como um rico o faz. Não deveria ter assumido compromissos precipitadamente, antes mesmo de ganhar algum dinheiro.

Não se aflija excessivamente. Você está aprendendo ainda. Olhe a sua volta. O que vê? Tem certeza de que todas as coisas que o rodeiam dentro do lar são indispensáveis?

Quando eu falei sobre suas metas, seu planejamento para o futuro, estava dando a você uma ideia definida: um alvo financeiro. Este deve ser o seu objetivo diário. Nunca deixe passar um dia sequer no qual você não tenha ganho algum dinheiro. Você dirá, como? Como, eu não sei, você é quem sabe do seu potencial, as coisas que poderá fazer. Já lhe dei sugestões diversas, depois disso é você quem terá que encontrar o próprio caminho.

Veja o meu exemplo: enquanto estava escrevendo estas páginas para elaborar este livro, tenho dezenas de outros espalhados pelo Brasil inteiro e pelo mundo, que estão sendo comprados. Indiretamente estou ganhando dinheiro diariamente ou mesmo a cada hora que passa. O mesmo pode se dar com uma pessoa que faça pastéis para o comércio. Mesmo enquanto estiver dormindo, alguém estará consumindo e pagando por algo que ela produziu. Você enriquecerá quando puder fazer algo semelhante.

A persistência é aquela disposição para produzir mais e mais. Trabalhar mais e mais, mesmo enfrentando dificuldades. Um dia elas deixarão de ser dificuldades e passarão a ser estímulos para sua capacidade.

Não desista nunca! Quanto mais você se determinar a enriquecer, mais rico você ficará. Algumas vezes lhe dirão que você enlouquecerá ou morrerá de tanto trabalho, diga-lhe que você realmente espera que isto ocorra, mas terá um caixão maravilhoso ou uma loucura confortável, talvez na melhor clínica do mundo. Ninguém nunca morreu de riqueza ou enlouqueceu por ser rica. Tenho visto pobres morrendo de fome e suicidando-se por não poder viver com dignidade. E mesmo que você viesse a enlouquecer ou morrer pelo excesso de trabalho, fique sossegado, você nem teria consciência disso. Portanto siga meu con- selho de amigo e futuro colega. Desejo que você enriqueça de verdade, pois quero encontrá-lo num coquetel de lançamento de meus livros, no apartamento de cobertura do meu ou do seu edifício, em breve.

O Medo de não Enriquecer

Todas as vezes que os noticiários de rádio e televisão anunciam que uma ou mais pessoas acertaram a quina da loto, ganhando muitos milhões de cruzados, percebo o ar de infelicidade e tristeza de muitos pobres. Ficam apavorados pensando que o dinheiro do mundo está se esgotando, e que nunca terão as mesmas chances de ganhar fortunas. Outros pensam, ainda, que jamais terão oportunidades de enriquecer, pois as demais pessoas já ganharam tudo. Nada pode ser mais absurdo.

Quando você vir pelas ruas carros do último tipo, mansões superconfortáveis, iates deslizando sobre as águas, jatinhos particulares rasgando os céus, gente bonita e bem vestida, dê graças a Deus! Você deve perceber que a riqueza e o luxo ainda existem. Ainda haverá chances para você.

Há tanto dinheiro e riquezas no mundo que, se todas as pessoas deste planeta, incluindo as crianças, recebessem 10 milhões de dólares em dinheiro e riquezas de quaisquer espécies, ainda sobrariam bilhões de dólares para você. Então, relaxe. Sinta-se feliz pelos outros ricos. Você está começando a enriquecer agora. Há muito dinheiro esperando por você. Não tenha medo que falte riqueza para sua vida e seu conforto pessoal. Você nunca conseguiria gastar 1% de todas as riquezas que poderá obter com os ensinamentos deste livro. Acredite nisto.

Quando alguém ganhar na loteria, sinta-se feliz por aquela pessoa. No futuro próximo será seu amigo de negócios. Quando vir pessoas desfilando com suas limusines de luxo, fique feliz também, pois logo você terá a sua limusine com seu motorista particular. Você terá um grupo de amigos muito parecidos com você. Seria muito ruim viver num mundo onde apenas você pudesse desfrutar de boas coisas. Você não teria liberdade de circular pelas ruas, ir a qualquer parte que desejasse. Ficaria isolado por guarda-costas e vidros a prova de bala, quase incomunicável. Teria que viver escondido e disfarçado. Os milionários famosos vivem assim. Não podem jamais desfrutar de uma vida despreocupada. Você, ao se tornar muito rico, passará por tudo isto. Acha que tem resistência para enfrentar todas estas coisas? É bom ser rico, muito rico, você pode estar certo disso. Todavia deve saber que existem cuidados, precauções e atitudes a tomar, para proteger-se de sequestros, roubos e assassinatos, tanto seu quanto de seus familiares.

No capítulo dedicado a conselhos aos ricos, você saberá antecipadamente as precauções a tomar, para evitar graves problemas.

Não tenha receio de que todos os bons negócios já têm donos. Isto é uma grande tolice. Os bons negócios mal foram explorados. Existe tanta riqueza e oportunidade de fazer fortunas esperando por você, que ficaria espantado se soubesse. É com este pensamento que você enriquecerá sempre.

Lembro-me ter dito em um outro capítulo que você deve sentir inveja dos outros ricos. Isto pode parecer um contrassenso, mas é assim que deve ser. Deixe que o sentimento de inveja domine você. Não lute contra ele. Saiba porém que todas aquelas coisas que você está admirando, mais tarde ou mais cedo chegarão às suas mãos. Com esta convicção, você estará despertando em seu interior a chama da luta e da conquista. Seus músculos obedecerão ao seu pensamento. Seu cérebro disparará ideias e pensamentos que o levarão aos seus desejos. É assim que funciona. Não se sinta deprimido nem por um segundo ao ver pes- soas gastando dinheiro, ganhando dinheiro ou com aparência de terem muito dinheiro. Sinta-se feliz por elas e por você. Aquilo é um sinal claro que, se elas ganharam, imagine você.

O Poder da Mente Sobre as Riquezas

Milhões de livros foram escritos ensinando como usar as forças mentais para atrair fortunas. Este livro foge totalmente àqueles ensinamentos. Não vou lhe dizer para reservar momento algum para fazer concentrações, acender velas, recitar mantras, fazer simpatias ou qualquer outra coisa mística. Conheço pessoas riquíssimas que nunca perderam um minuto sequer de suas vidas com estas práticas. São poucos ricos que eu conheço que fizeram fortunas, lendo livros sobre mentalizações, artes mágicas e outras ciências ocultas. Ou ainda, se enriqueceram através destas práticas, eles próprios não têm consciência disto.

Vejo que um bando de pobres preguiçosos acha que é muito mais fácil ficar sentado sobre um tapete vermelho com uma pirâmide na cabeça, dizendo ÓUM, ÓUM, ÓUM, que encarar um trabalho dinâmico, onde terão que fazer UUF, UUF, UUF. Achou graça? Pois saiba que fazer UUF é um mantra poderoso para enriquecer-se. Os ricos que eu

conheço fazem UUF todos os dias enquanto trabalham duro. Você pode aprender muita magia com eles.

Enquanto você fica lá sentado em posição de lótus, com os olhos fechados, desejando ideias luminosas para ganhar dinheiro, os ricos em desenvolvimento estão testando as teorias, as velhas teorias pregadas pelos outros ricos.

Você quer saber sobre as forças mentais? Não há muitos segredos sobre elas, a não ser que quanto mais você deseja algo com intensidade e luta para consegui-lo, você infalivelmente conseguirá. Esta é a prova maior das nossas forças mentais. Mas é preciso tomar algumas precauções quanto às suas forças mentais. Uma delas é que nunca deve deixar sua mente resolver tudo sozinha. Isto mesmo. Pense nos seus desejos, mas saia em busca deles. Nada de ficar esperando que as forças ocultas lhe tragam o desejado. Seja prudente. Vá ao encontro das coisas que você deseja. Você quer ser rico? Vá procurar riqueza onde ela exista. Se não encontrar no lugar onde foi, descobrirá em outra parte, mas insista nos seus desejos. Suas forças mentais lhe darão apoio total.

Conheço pessoas que fazem mil promessas a santos, a Deus, aos anjos de guarda e até a demônios. Prometem dar dinheiro aos pobres, andar de joelhos, acender mil velas, dar a alma quando morrerem. Será que estes seres tão poderosos e inteligentes estão realmente interessados em fumaça de vela, ou míseras almas humanas? Estarão dispostos a fazer barganhas tão ridículas? Bem, não quero discutir com você religiosidade; qualquer pessoa tem o direito de fazer as coisas que deseje ou acredite, mas, em se tratando de fazer riquezas, acho imprudente esperar por santos, anjos ou demônios.

Em cada ser humano existe uma coisa denominada inteligência. Além desta capacidade, percebemos outras tais como: audição, visão, memória, capacidade de locomoção, criatividade, etc. São estes os verdadeiros poderes da mente. Quando você usá-los em todo o seu potencial, você ficará riquíssimo. Depois que você tiver desenvolvido plenamente estes poderes da sua mente, ficará espantado com a quantidade de riqueza que conseguiu acumular através deles.

Telepatia? Intuição? Precognição? Bem, se estes poderes realmente existem, eles são uma continuação dos poderes de raciocínio, dedução, motivação e ação. Se você acredita que possui estes poderes mágicos, que tal começar a desenvolver seus poderes não-mágicos primeiro? Que tal usar toda a sua inteligência para produzir coisa interessantemente lucrativas? E o que me diz de usar seu poder muscular para produzir um

novo trabalho? Acho que você compreende exatamente o que desejo lhe transmitir sobre os poderes da mente.

Se você tivesse a oportunidade que eu tenho em conviver com pessoas muito ricas, você ficaria espantado com o poder de decisão destas pessoas. Ficaria impressionado com as suas personalidades. Parecem adivinhar as coisas. São capazes de fazer uma previsão quase que infalível acerca de muitos assuntos. Porém você ficaria ainda mais espantado ainda se soubesse que aquelas pessoas nem têm tempo para rezar um pai nosso antes de levantar-se da cama, quanto mais para dedicar parte do tempo para fazer mentalizações ou quaisquer outras práticas espiritualistas. Os poderes da mente dos ricos são enormes e maravilhosos. Quando você for um rico, saberá o quanto.

Como Começar do Ponto Zero

Esta talvez seja a página do livro mais lida. Todos desejam saber como começar do nada, do ponto zero. Parece que todos desejariam receber uma chance para começar fazendo tudo certinho. Começar do nada é algo difícil e extremamente impossível de ser feito. Você não pode simplesmente começar do nada literalmente. Terá que iniciar sempre de uma outra coisa anterior.

Um mendigo, ao sair da rua para procurar um trabalho, estará começando apenas uma nova vida, e não iniciando do ponto zero. Estará

com roupas estragadas, saúde estragada, sapatos furados e sem dinheiro,

mas não estará começando do ponto zero

É assim que muitas pessoas se encontram agora: abaixo de zero. O seu caso pode ser muito semelhante. E daí? O que fazer para sair deste ponto negativo? Eu já vou lhe dizer como.

Já pensou se todos os seres humanos decidissem ao mesmo tempo tomar as rédeas de suas vidas. Ao invés de deixar as coisas simplesmente acontecerem, decidissem fazê-las acontecer? Que acha aconteceria com o mundo? Haveria uma guerra mundial outra vez? Ninguém mais se entenderia? As pessoas estariam em conflito

estará abaixo de zero.

permanente? Olhe à sua volta. O que vê é diferente? Embora não estejamos em uma grande guerra mundial, estamos num clima de guerra constante. Todos lutam por bens escassos. Todos desejam uma melhor posição social e econômica. Esta competição gera conflito. O conflito gera guerra, morte, assassinatos etc. Você pode não se dar conta, mas quando o cobrador ameaçar tomar seus bens, você reagirá contra ele, ou entregará os bens que não conseguiu pagar. Ele não ficará conformado, quererá tomar outros bens que lhe pertencem, para cobrir os famosos honorários advocatícios, juros e correção monetária e outros encargos legais. Você reagirá, e então poderá resultar numa guerra particular. De um lado você, o cliente devedor, do outro lado, a firma credora. Pode ser também o inverso, tudo será apenas uma questão de lado. Quando você for rico, verá com nitidez que as medidas que alguma vez tomaram con- tra você foram justas e corretas. Hoje talvez sua visão não seja esta, pois o lado em que você está é o outro, o do devedor.

Voltamos ao ponto de partida. Começar abaixo do nada, é possível?

A resposta é sim. Subir na vida não é tão difícil quanto cair. Quantas

vezes você foi derrubado hoje enquanto caminhava pela rua? Duas vezes? Então você está muito velho para andar nas ruas. Estou certo de que se andar com cuidado e atenção, jamais cairá à toa. Vencer na vida principia por saber conduzir-se na vida. Um mendigo pode ter nascido numa família pobre e miserável, mas, quando estiver adulto, saberá que existe trabalho, que existem oportunidades para melhorar de vida. Dependerá dele começar do ponto abaixo de zero, ou não. Quantos mendigos você conhece procurando trabalho? Talvez tenha ouvido muitos deles dizendo que estão desempregados e morrendo de fome, mas nunca os ouvirá dizendo que ninguém lhes dá trabalho ou uma atividade para ganhar dinheiro. Quando muitos são convidados para executar um trabalho pesado, correm as léguas, como o demônio corre de Cristo. Acham-se muito bons para realizarem trabalhos pesados e difíceis, tais como quebrar pedras, lavar sanitários, pintar paredes, limpar janelas, etc.

Todos podem começar fazendo alguma coisa, basta procurar. Não há desculpa para as pessoas que vivem na miséria. Não estou dizendo que um mendigo, sem instrução, especialização, conseguirá um emprego de gerente de marketing numa empresa de propaganda, mas estou certo de que conseguirá lavar o carro de todos os funcionários da empresa e,

se fizer o trabalho com dedicação e presteza, arrecadará muitos trocados. Quem sabe atrairá a atenção de alguém e receberá uma proposta de trabalho? Nunca se sabe de onde virá a chance, o importante é procurá-

la por toda parte, insistentemente. Será que você conhece mendigos com esta visão? Ou você mesmo, tem esta visão de oportunidade?

Pergunte então a si mesmo? Como posso começar do ponto zero ou abaixo dele? Poderei fazer alguma coisa para ganhar dinheiro? Eu não tenho a resposta para você. Tenho a orientação. Procure alguma coisa para fazer e você começará a sair do ponto zero ou abaixo dele. Se pensar que apenas com este conselho, ficará rico, engana-se completamente. Eu poderia dar para você milhares de ideias, mas são minhas ideias, servirão para mim se colocá-las em prática. Você deve ter muitas ideias, não? Se não tem, dê uma passada outra vez na lista dos verbos CONSERTAR, COMPRAR, VENDER, TRANSPORTAR, LIMPAR etc

Talvez você esteja com mil contas para pagar, endividado até a alma. Não se desespere, não se apavore. Fazer isto não resolverá o problema, e apenas lhe trará dores de cabeça e outros problemas. Faça o

seguinte: trabalhe, trabalhe, trabalhe, trabalhe

trabalhe mais, mais, mais e mais. Se ainda assim não conseguir pagar as suas contas ou principiar a enriquecer, então alguma coisa está errado com a sua vida e com as suas contas. Talvez você esteja gastando mais do que ganha. Morando num lugar incompatível com seus ganhos. Tendo despesas além das suas rendas. Será isto? Então você estava tendo uma vida de aparências? Vivendo como se fosse rico? Nada pode ser mais ridículo. Lembra-se quando lhe falei no início deste livro que você tinha que se conscientizar de que era pobre? Lembra-se dos meus conselhos para que se sentisse realmente pobre e lutasse para sair da pobreza? Começa agora a ver sentido em minhas palavras?

A pobreza virá mais rápido para aqueles que antes mesmo de se tomarem ricos, vivem como se o fossem. Não é prudente e inteligente agir deste modo. Procure se ajustar um pouco abaixo das suas rendas. O rico é aquele que consegue juntar mais do que gasta. O rico é aquele que junta dia a após dia, e nunca está apertado financeiramente. O rico sempre tem e parece que não tem, porque, se mostrar que tem, nunca enriquecerá o suficiente para realmente mostrar. Na verdade o rico autêntico nunca quererá mostrar nada a ninguém. Dirá sempre que não pode e não quer. Você está aprendendo a ser rico, não é mesmo?

De nada valerá ganhar 100 milhões por mês, se você gastar 105. Você continuará pobre e paupérrimo. Será um pobre em alto nível. Existem muitos falsos ricos vivendo esta situação. São eles que aparecem nos noticiários policiais envolvidos em desfalques, suicídios

Se

não der certo

ou contrabandos. Gastam mais do que ganham, são pobres coitados, iludidos com a aparência.

O verdadeiro rico sabe que tem o suficiente, mas continua lutando para ganhar mais. Parece ganancioso, mais é só a aparência. No fundo são pessoas inteligentíssimas e extremamente capazes. Os que os julgam gananciosos, só o dizem por estar do outro lado, apenas isto. Nós, ricos, valorizamos o dinheiro, as riquezas e não escondemos isto de ninguém. Os pobres, ao contrário, sentem vergonha de lutar pelo dinheiro e pela riqueza, ou ainda são incapazes de fazê-lo.

Para começar do ponto zero, ou abaixo dele, você só tem uma coisa a fazer: trabalhe, trabalhe, trabalhe muito para enriquecer, apenas isto. Se não enriquecer com o seu trabalho, ajuste-se aos seus rendimentos, e então você enriquecerá infalivelmente, não há outro atalho conhecido.

Enriquecer com Jogos e Loterias

Não gastarei o seu precioso tempo com este assunto. Apenas vou comentá-lo para satisfazer meu ego. Nada mais que isto.

Entre os milionários que conheci, nenhum deles gastava muito dinheiro em jogos ou loterias. Só os desesperados ou viciados o faziam. Havia aqueles que gostavam de gastar dinheiro com grandes apostas, e quase sempre perdiam tudo. Seriam ricos de verdade, ou pobres coitados aventureiros? Não, são os ricos de verdade. Aqueles que têm tanto dinheiro que, por mais que percam, jamais empobrecerão demasiadamente. Estes podem e devem jogar um pouco do seu dinheiro fora. Faz bem uma sangria de vez em quando. Mas você, enquanto não enriquecer de verdade, deve fugir das casas lotéricas, dos cassinos e dos jogos de azar. Ricos de verdade podem se dar a este luxo. Mas não jogam pelo dinheiro apenas. Jogam para se divertir. Não fará diferença para eles ganhar ou perder. Querem a emoção de jogar, apenas isto. É uma mania dos ricos. Você um dia a terá também.

Nunca espere ficar rico ganhando na loteria. Reserve isto para quando já for suficientemente rico.

Nunca espere ficar rico ganhando na loteria. Reserve isto para quando já for suficientemente rico. Aí já não importa perder ou ganhar, o que vale é a emoção.

Como Ter Apenas Domingos e Feriados

Dê uma olhada para a rua agora. O que vê? Pessoas correndo de um lado para o outro na luta pelo pão de cada dia? Ônibus superlotados de pessoas que penduradas no teto, vão sendo jogadas de um lado para o outro? Ou será que vê pessoas nervosas correndo pelas avenidas na esperança de chegarem cedo ao trabalho? Você talvez seja uma daquelas pessoas. Será que é mesmo?

Você gostaria muito de continuar lendo este livro, sem se preocupar com as contas, o dia de amanhã, se é segunda ou sexta-feira. Você gostaria de acordar a qualquer hora desejada, tomar uma chuveirada morna ou atirar-se na piscina. Que tal isso, heim? Ou quem sabe depois de tomar o café ou melhor, desjejum, servido por mordomos bem vestidos, sair para a quadra de tênis para exercitar-se com sua mulher, seu esposo ou quem sabe seus amigos vizinhos. Talvez você não queira nada disso, mas somente ficar deitado no macio tapete do seu liuing, ouvindo aquelas canções deliciosas, que jorram pelo som estéreo de seu sofisticado som laser. Que tal dar uma voltinha de iate, colocar uns óculos escuros e curtir o sol em pleno oceano atlântico? Não é maravilhoso curtir todas estas coisas quando der vontade? Não acha ótimo ser dono do tempo, sem se perguntar se é domingo ou feriado? Você só poderá desfrutar disso dentro de alguns anos, se decidir ficar rico hoje. Não há outra escolha.

Todos os conselhos que tenho lhe dado até aqui são para despertar em você o desejo de modificar a sua vida. Ninguém poderá fazê-lo por você. Mesmo que alguém lhe oferecesse muitos milhões para gastar e você não desejasse aquele dinheiro, você não seria uma pessoa rica, seria apenas um tolo, um debilóide total. Mas não sonhe que aparecerá alguém tão idiota a ponto de fazer tal coisa. Não fique à espera de heranças, elas nunca serão suficientes para você. Tenho visto herdeiros morrerem primeiro que os donos da fortuna. E você, tem esperado que alguém morra para lhe deixar algum bem? Acho melhor desistir antes que seja tarde demais para enriquecer. Não que pense que existe um tempo certo para começar a fazer isto, mas acredito que quanto mais cedo você buscar sua própria riqueza mais cedo poderá desfrutá-la. Esperar por herança é algo muito mesquinho.

Seu dia de amanhã será feliz e repleto de sucesso, se você estiver plantando hoje as sementes certas. Aquilo que você plantar, você ou alguém colherá. É bom que seja você mesmo. Mas, mesmo que não seja, você não se sentirá infeliz por isto, nem terá consciência de coisa alguma. Penso que ao morrer, as coisas deste mundo perdem o sentido, e deste modo, não há do que lamentar se não puder colher o que plantou em termos financeiros. Melhor será se você puder colher os frutos do seu trabalho.

Todos querem ter uma vida plena e abundante, mas nem todos querem fazer alguma coisa concreta por isto. Quando você vir pessoas espalhadas pelas praias tomando sol, ou nos bares bebendo cerveja até caírem bêbados, você saberá do que estou falando. Ficar esticado numa praia pode ser saudável, mas apenas se as contas estiverem pagas, e mais do que isto, se além da praia puder desfrutar de uma casa com piscina térmica, ou o motorista estiver na calçada próxima, aguardando pelo interfone sem fio o chamado para apanhar as coisas e ir para casa.

Você não pode sair de férias quando deseja? Então você não é rico o suficiente. Mesmo estando em Monte Carlo ou em Miami Beach, você poderá controlar seus negócios e sentirá prazer em fazê-lo. Algumas pessoas pensam que os ricos não desfrutam de momentos de felicidade ou de descontração. Claro que sentem tudo isto e muito mais. Os pobres observadores, quando os veem berrando ao telefone, dando ordens, julgam que os magnatas são infelizes, mal sabem que eles sentem um enorme prazer em ter alguém para quem berrar ordens, ou dizer palavrões. Os ricos estão ótimos em toda parte. Divertem-se assustando os outros. Gostam às vezes de dizer coisas idiotas, só para ver a reação das pessoas. Não é regra geral, mas você pode apostar que só os ricos podem ser dar a esse luxo.

Tenho ouvido algumas pessoas falarem que os ricos não usufruem das suas riquezas. Você também pensa assim? Pensa que por terem muitas atividades no mundo financeiro, eles não se divertem? Pois você está enganado. Os negócios são uma ótima fonte de diversão. É às vezes um jogo altamente excitante. Nada pode ser mais gostoso para um rico que fechar um grande negócio na ordem de milhões de dólares. Pense por exemplo você, enquanto está pobre; sente-se contente quando faz um bom negócio? Fica feliz quando compra uma coisa de valor? Pois

para sentir o quanto isto é divertido? Você não pensa assim? Pois

imagine-se comprando uma fazenda com 10 mil cabeças de gado

deveria.

Todos os dias da semana, do mês ou do ano, podem ser domingos e feriados para você. Mas não pense que isto significa apenas ficar o tempo todo dormindo ou se balançando numa rede à sombra de duas árvores. Nem sempre deve ser assim. Você só deve aproveitar o tempo de folga para se divertir quando tiver dinheiro suficiente para não se preocupar com o dia da semana. Quando você estiver tendo necessidade de trabalhar dia e noite, domingos e feriados para pagar as suas contas, por favor, divirta-se em sonhos. Pobres não deviam se dar o luxo de gastar dinheiro com pipocas, cinemas ou outras tolices. Tudo isto apenas empobrece mais e mais a tão desprivilegiada classe. Guarde o dinheiro da pipoca, ou do cinema ou do refrigerante. Se tem algum tempo livre, que tal ir vender pipocas, ou ir para a porta de um cinema revender ingressos? Você não acha engraçado? Eu também não acho e talvez nunca precisei fazer isto, mas tenho certeza de que se fizesse tal coisa, teria enriquecido muito mais depressa. Percebe agora o que quero dizer?

Neuroses? Colapso cardíaco? Sim, existem muitas probabilidades de você ter estas coisas. Quer ver uma delas? Por exemplo: você perder a sua casa, seus móveis e tudo mais para os credores. Ou ainda, você passar o mês inteiro para ganhar um mísero salário e no fim do mês ao voltar para casa subindo o morro, ser assaltado por um marginal. Será que não dá para ficar neurótico ou ter um colapso cardíaco? Os ricos também sofrem destes males, mas em contrapartida dispõem de médicos e assistência internacional se precisarem. Os pobres, nunca. Ainda acha que precisa de diversão? Pois procure um trabalho manual para fazer, além de diversão você ganhará muito dinheiro, a escolha é sua, não é minha. Eu já fiz o que prometi: ensinei tudo que aprendi para torná-lo rico. Você não é obrigado a fazer nada do que digo, todavia se não enriquecer, não diga que sou um mentiroso, ou que a vida não lhe deu chances.

Como Evitar Endividar-se

Você está endividado agora? Já esteve alguma vez? Se já passou por isto, sabe como é horrível. Comprar a crédito é a porta para o endividamento. Dê uma olhada para a dívida externa do Brasil. Aliás, nós somos os mestres em comprar a crédito. Esta tendência parece vir do sangue. Você pode evitar endividar-se. Leia com atenção este texto

Qual a causa dos seus débitos? Já fez uma análise completa do porquê de tantos débitos? Pois vou lhe sintetizar estas razões: você comprou ou está pagando por coisas supérfluas para sua vida agora. E como eu posso ter esta certeza? Suas contas dizem por mim. Ora, se você estivesse vivendo com o mínimo necessário; dificilmente acumularia tantas contas. Repare se um mendigo tem contas a pagar. Ah! eles não têm crédito? Pois é Isto que está afundando muita gente que nunca enriquecerá, ou melhor, só enriquecerá aos credores, lojas e magazines.

O crédito é uma verdadeira armadilha. Quanto mais crédito você tem e usa-o, mais você se endivida. Jogue fora agora mesmo os seus cartões de crédito. Rasgue o seu talonário de cheque especial, devolva os aparelhos que você comprou a crédito e peça até pelo amor a Deus que nunca lhe vendam a crédito. Se aparecer alguém para lhe vender alguma coisa, qualquer coisa que seja, dê sempre a resposta: "acabei de comprar, moço”.

Fuja de todos os vendedores, das lojas suntuosas, dos shoppings centers. Eles hipnotizam você e lhe obrigam comprar a crédito. Se deseja enriquecer, fuja deles.

Quer empobrecer rapidamente? Pois quando receber o seu rico dinheirinho no fim do mês, ou depois de um bom negócio, leve a família para fazer compras no shopping da esquina, você vai acabar num manicômio ou numa delegacia de polícia, antes de completar 40 anos de idade. Se é que nunca esteve em uma, para prestar esclarecimentos. Deixe os shoppings centers para os ricos. Deixe-os gastar suas fortunas em paz. Saia do caminho deles, e um dia você poderá ser um deles. Não banque o rico sem o ser ou você pagará dez vezes mais por algo que valia bem menos. É isto que as grandes lojas cobram. Elas foram feitas para ricos, não para você. Digo você, porque ainda não acabei de lhe dizer tudo, e acredito que antes de concluir a leitura deste livro você

ainda estará pobre. Só começará a pensar como um rico em desenvolvimento, quando estiver colocando em prática as orientações ensinadas. Siga meu bom conselho amigo, e você vai se dar bem.

Nada de emprestar dinheiro (só se for com juros altos e garantias totais), ou de pedir dinheiro emprestado. As financeiras foram feitas

para liquidarem com os pobres, reduzi-los a penúria e miséria totais.

Nem os ricos vão a financeiras

Quando tiver que comprar alguma coisa essencial, pense duas vezes,

eles são os donos.

ou melhor, dez vezes

Coloque em uma caderneta de poupança ou invista em um negócio que tem certeza lhe dará retorno. Dentro de algum tempo você estará em condições de comprar dois ou três objetos daquele que necessitava. Compre apenas um, o mais útil e conveniente, nunca o mais caro e que dê melhor aparência. Estas coisas são feitas por pobres ingênuos. Apenas querem disfarçar a pobreza que vivem, e ostentam aparência de riqueza. Não caia nesta armadilha.

Se não pode ter dinheiro para comprar três videocassetes, não compre nenhum. Se não pode comprar três televisores a cores, não

compre nenhum. Um objeto só será indispensável quando sua vida depender dele, esta deve ser a regra básica para comprar alguma coisa,

pelo menos enquanto você for pobre. Depois

dono de uma indústria de aparelhos diversos e terá todos eles.

Tenha um pouco de paciência, ou melhor, tenha muita paciência. O mundo não vai desabar se você não tiver aquele carro do ano, ou aquele equipamento de som moderno que viu na casa do vizinho ou na loja (já lhe disse, fuja das lojas). Você não morrerá se não puder ter o último tipo de refrigerador, ou conjunto de estofado para sua sala. Nada disso será imprescindível para a sua vida. Seu dinheiro vale muito mais que estas coisas, aprenda a tê-lo. Você dirá, "mas para quê eu quero dinheiro, não é para gastar mesmo?" Sim, eu respondo com consciência. Mas você acha mesmo que enriquecerá agindo deste modo?

bem, depois você será

mil vezes. Não compre ainda. Guarde o dinheiro.

Seus Filhos e Sua Riqueza

Pergunte a um pobre quantos filhos ele quer ter e ouvirá uma grande tolice. Atualmente, com o crescente custo de vida, os pobres já estão refletindo sobre esta questão, e são poucos os que desejam ter 5 ou 6 filhos. Mas, por favor, não saia dizendo por aí que eu estou pregando o aborto ou a anticoncepção. Não é nada disso. Estou pregando a riqueza, e o modo como alcançá-la. Ter muitos filhos não é o melhor caminho.

Os filhos representam a continuação do mundo, a esperança do amanhã. As crianças são a prova de que Deus ainda tem fé nos homens, mas não se iluda com estas frases feitas. Repare, por exemplo, debaixo dos viadutos da vida, quantos futuros estão morrendo à míngua. São milhões de serezinhos humanos, jogados ao abandono, tudo culpa dos pais irresponsáveis.

Bom seria se você tivesse filhos, e alguém os provesse de alimento, roupas, educação e atenção. Nos dias de hoje, com a luta desenfreada pela sobrevivência, nem tempo sobra para se dar às crianças. Você ainda quer ter muitos filhos? Pois se quer enriquecer, pode esquecê-los por ora.

Seja consciente de seus deveres para consigo mesmo. Precisa vestir- se bem, ter luxo, casa confortável e muito dinheiro. Filhos virão por gravidade, ou melhor, por gravidez, e Deus queira, desejada.

Não pense que desejar ter filhos é errado, não é bem assim. Ter filhos é ótimo e maravilhoso, principalmente quando você puder vê-los felizes, com todo conforto possível, aquele conforto que só os filhos dos ricos têm. Brinquedos de todo o tipo, quartos amplos e bem decorados, babás para assisti-los o tempo inteiro. É deste jeito que você deve desejar ter filhos, muitos filhos. Antes de poder proporcionar-lhe tudo isto, ter filhos é um verdadeiro suicídio, não o cometa.

Você percebe que na vida é preciso ter paciência. Precipitação só leva a confusões e prejuízos. Seja sensato e inteligente. Programe seus filhos para alguns anos depois.

Conheço inúmeros jovens, rapazes e moças, que inadvertidamente engravidaram ou se deixaram engravidar, acabando com as chances de uma vida equilibrada e bem estruturada em termos financeiros. Muitos abandonam seus cursos colegiais ou universitários para se dedicarem

aos seus bebês. Nada mais justo. Nada mais fatal para o empobrecimento precoce. Os raros casais que iniciam a vida com um bebê e têm sucesso financeiro podem lhe dizer se acharam fácil

melhorar de vida tendo um bebê berrando o tempo todo

eu quelo, eu quelo". E aquele brinquedinho

era um robô movido a bateria importada, controle remoto e duas anteninhas

Quem tem filhos, sabe o quanto é gostoso e divertido ver os pequeninos inocentes engantinhando pela sala, agarrando-se em nossas calças, sorrindo com aqueles dois dentinhos maravilhosos. Tudo isto é muito bom e dá autêntica felicidade aos pais. Todavia, não é de sorrisos, beijinhos e carinhos que as crianças necessitam apenas. Você pode ter carinho por eles, é o seu dever, como também o é dar-lhe conforto, proteção e satisfazer parte dos seus desejos. Uma criança não precisa ter tudo quanto de seja, apenas o essencial para torná-la feliz. E isto pode ser uma bicicleta, uma boneca que anda, ou qualquer outra fantasia in- fantil. Além delas, você terá que dar-lhe boa alimentação, ter acompanhamento de bons pediatras, dispor de assistência médica de urgência para os pequeninos tropeções e doenças. Você terá que agasalhá-los no inverno; provê-los de material escolar, uniformes, escolinha de inglês, piano, judô, clube infantil, etc. etc., etc. Se você não for capaz de bancar todas estas pequeninas mordomias, então penso que é tolice desejar ter filhos agora.

quelo aquele blinquedinho

"Buááá eu

Mas, e o que fazer quando já se têm filhos? Devemos trocá-los por um carro do ano? Vendê-los para uma família de estrangeiros? Você pode achar ridículas as minhas perguntas, mas, dê uma olhada no noticiário policial. Hoje ou amanhã aparecerão manchetes do tipo: "Mãe vende filho para estrangeiro". É o desespero de vida. É a pobreza assolando o planeta. Com tantos meios anticoncepcionais existentes e disponíveis, só tem filho quem quer, você não acha? Crime é depois de colocar no mundo uma criança, relegá-la à miséria e aos maus-tratos. Ninguém merece tal coisa, uma criança jamais deve passar privações. São indefesas e incapazes de proverem seu sustento. Deixadas ao abandono morrerão de frio, fome e sede. Abandonadas elas padecerão horrores. Então para que ter filhos, se não se dispõe de condições satisfatórias para sustentá-los? Penso que deveria haver punição para os pais que fizessem tal coisa. Ou, na melhor das hipóteses, deveria o Estado tomar estas crianças para educá-las e ampará-las até a idade adulta.

Quando você já tem filhos, e continua pobre, então percebo que o seu grau de dificuldade será maior. Mas, não vá fazer nenhuma bobagem. Não entre em desespero, isto não adiantará em nada.

Talvez seja melhor vender o seu televisor. Para quê? Talvez para evitar que gastem mais energia elétrica, ou ainda para evitar que os seus filhos sejam influenciados pelas novelas, pelos filmes e pelas propagandas de comerciais. Tudo que os seus filhos veem na televisão, querem obrigá-lo a comprar ou fazer. Se sair a moda da saia rodada, as suas filhas quererão vestir a tal saia rodada. Se você negar-se a comprar as roupas da moda, elas farão greve de fome, dormirão fora,

desobedecerão a suas ordens mais banais

até conseguirem a saia

rodada. A televisão ajuda muito ao empobrecimento de pobres. Ou você trabalha como um louco para ter tudo que seus filhos desejam ou terá

uma rebelião a cada novo lançamento de roupas da moda.

A televisão, além de contribuir para a alienação mental, ajuda muito a empobrecer ainda mais

A televisão, além de contribuir para a alienação mental, ajuda muito a empobrecer ainda mais os pobres.

Existem meios pouco civilizados para conter o desejo infantil de terem tudo e fazerem tudo que veem os outros fazendo: trancá-los

permanentemente em casa. Acha terrível? Pois tente outra coisa, e talvez dê certo. Particularmente eu não acho que trancar crianças em casa resolverá o seu problema. Elas ficarão violentas, arrebentarão com sua casa e você poderá ir para o juizado de menores muito cedo. O mesmo acontecerá se agredi-las com socos, beliscões e bofetadas. Você criará lutadores de kung fu dentro de sua própria casa, até eles lhe apanharem

aí você pagará todos os seus pecados, inclusive de os ter

colocado neste mundo de pobreza e miséria.

Uma boa conversa pode ajudar. Seria bom conversar pouco e trabalhar mais e mais. Conscientize os seus filhos das dificuldades da vida. Fale com eles sobre as contas, sobre a economia do país. Talvez possam entendê-lo. Diga para os seus filhos que vocês são pobres e que estão enriquecendo, e isto vai levar algum tempo. Para realizar esta mudança, você precisa da colaboração de todos. Nada de ficar o dia inteiro debaixo do chuveiro quente. Nada de luz acesa até altas horas da madrugada desnecessariamente. Nada de ligar simultaneamente, rádio,

de jeito

tv ou toca-disco. Abaixo o desperdício de alimento. Nada de lanches fora de casa. Abaixo diversões caras. Viva a economia permanente.

Só há esta fórmula realmente eficiente para você usar. Talvez existam outras. Experimente-as também, se o resultado for bom, continue colocando em prática. Faça seus filhos compreenderem que se não ajudarem você a economizar, eles perderão tudo que possuem e ficarão reduzidos à miséria absoluta. Pergunte se preferem isto. Nunca deixe seus filhos perceber o quanto rico são. Quando eles forem suficientemente ricos, saberão conservar com amor e dedicação o patrimônio adquirido por você. Ensine pelo exemplo. Caso tenha que ir a alguma parte próximo à sua casa, não vá de automóvel, faça o percurso a pé e convide o seu filho para ir com você. Ele estará aprendendo com seu exemplo. Não seja um péssimo modelo.

As crianças tendem a copiar os exemplos dos pais. Se são organizados e econômicos, os filhos também o serão. Riqueza gera riqueza. Economia é a base da prosperidade, esta é uma outra frase feita para ratificar minhas instruções.

Cuidado com os Comerciais

Quer empobrecer? Dê ouvido aos comerciais de rádio e tv. Foram feitos para seduzir você a comprar isto ou aquilo. Não acredite neles. Acredite em você mesmo ou, se for mais inteligente, nem em si próprio deverá acreditar. Talvez suas razões não sejam exatamente aquelas que você está dando

Se você sair agora por aí, bisbilhotando a casa de 100 pessoas muito ricas, que pensa que elas estarão fazendo? Dormindo? Vendo programas de tv? Ouvindo música? Jogando cartas? Lendo revistas ou livros? Trabalhando? Telefonando? Bem, eu não sei a que horas você está lendo este livro, agora, mas posso fazer uma precisão aproximada em certos horários.

Entre 5 e 7 da manhã os ricos estarão saindo da cama, espreguiçando-se longamente e começando o dia, com excelentes ideias para ganhar mais dinheiro. Posso apostar que nenhum deles ficará mais que 10 minutos diante de um televisor assistindo a qualquer programa.

Talvez ouçam algumas notícias sobre matérias econômicas (assuntos que lhes interessam permanentemente), ouvirão alguma música predileta

e tomarão rumo aos seus afazeres de trabalho. Lembrando a você que,

para eles, TRABALHO não tem o mesmo significado que tem para você. O trabalho que os ricos fazem é uma extensão do prazer, é algo gostoso que gostam de realizar. É uma espécie de jogo, de entretenimento autêntico, no qual se deixam absorver. Rico não faz esforço algum, para coisa alguma. Mesmo que você pense que o que fazem parece doloroso

ou estafante, para o rico, é apenas uma brincadeira, realizando tudo com

o maior prazer do mundo, pode apostar nisto. Só pobre se lamenta do trabalho que, aliás, nem é trabalho, é tortura.

Entre 7 e 12 horas, os ricos estão a todo vapor em suas atividades. Mesmo que estejam jogando golfe, estão falando em negócios, estão planejando novos encontros sociais importantes. Quando estão viajando, também resolvem seus problemas financeiros, encontram soluções quase mágicas para ganhar um pouco mais de dinheiro. Se você me perguntar

o que come um rico, eu lhe diria: o suficiente para sentir-se bem. Alguns comem muito, outros nem comem direito. O problema não é meu, é deles. Comer pouco para uns é algo que os deixa felizes e satisfeitos. Que tenho eu com a vida deles, ou com a sua?

Entre 12 e 18 horas, parece que a rotina dos ricos não muda muito. Você poderá encontrar todos eles, praticamente, nos mesmos lugares luxuosos, dando as mesmas sonoras gargalhadas, tomando os mesmos uísques importados. Alguns se excedem, mas está tudo bem, está tudo sob controle. Rico não dá vexame em público, apenas tomou uma dose a mais. Alguns estarão trabalhando como sempre, sentados em suas ultraconfortávels poltronas giratórias, berrando ordens pelo interfone ou ern ligações telefônicas internacionais. Não mudam muito quando estão trabalhando. São temperamentais e não suportam ouvir a palavra NÃO. Quanto a isto, ninguém gosta, mas apenas os pobres suportam ouvi-la, por não poder fazer outra coisa.

Após as 18 horas, você pode encontrar ricos em todas as partes, porém dificilmente diante de um televisor, assistindo às novelas ou aos seriados pachorrentos feitos por americanos. Dificilmente você encontrará ricos de verdade, engolindo toneladas de comerciais de televisão. Afinal, para que desejariam perder todo este tempo com tais coisas? Tudo quanto os comerciais anunciam eles já têm. Alguns dos comerciais foram produzidos por empresas deles, são de suas empresas,

ou usaram equipamentos produzidos por elas

não é uma repetição

desnecessária? Quando desejam assistir a algum programa especial, dão ordens ao mordomo ou à governanta para programar o videocassete. Assistirão ao programa no telão do jatinho quando estiverem indo para Nova Iorque, ou na volta, quem sabe? Bem, isto não tem a menor importância. Só pobre não pode perder um capítulo da novela das oito, aí então será o fim do mundo. Entrarão em parafuso, não dormirão à noite e terão horríveis pesadelos. A televisão hipnotiza, seduz e conduz à inércia. Os ricos sabem disso e por este motivo não são viciados em televisão

Os comerciais ficam bombardeando todos os dias a mesma coisa:

"compre repolhos, compre repolhos, compre repolhos. Repolhos fazem bem ao seu organismo. Mesmo que lhe digam o contrário, compre

Todo mundo está comprando repolhos, compre repolhos." E

enquanto um locutor fala com voz grave e empastada, aparece um montão de repolhos e uma multidão de pessoas agarrando-os freneticamente. Outros comem repolho cru, outros fazem refresco de repolho, há ainda os que fazem do repolho uma peça decorativa para sua casa. Ora, será que depois de ouvir tanta coisa sobre o maldito repolho, você não ficará inclinado a comprar um ao menos para experimentar? Claro que sim. Isto se você nunca gostou de repolhos, imagine se é apaixonado por esta verdura.

repolhos

Rádios, televisores com controle remoto, toca-disco laser, vi- deocassetes, câmaras de filmar, lunetas, máquinas fotográficas, fornos de microondas, head-fones, microgravadores, colchões ultra-anatômicos

e mil e uma outras coisas, estão sendo lançadas diariamente através de

seu televisor dentro de sua casa. Você acabará comprando coisas de que nunca teve necessidade. Tudo que dizem para você não espelha a verdade. Não vá na conversa da sua vizinha. Ela está hipnotizada. Conserve suas coisas antigas, ainda são as melhores. Tudo quanto as indústrias estão fabricando atualmente tem pouca durabilidade, pense sobre isto. Não estou dizendo que inexistem fábricas honestas e conscienciosas, mas você nunca saberá distingui-las pelos comerciais de rádio e tv. Há também o fato de que se uma indústria fabricasse produtos que nunca acabassem, dificilmente conseguiriam vender novos produtos

aos mesmos clientes. Adquira apenas o que for indispensável. E quando

o fizer, não siga a indicação dos comerciais bem elaborados.

Já reparou que grande parte dos comerciais de tv, revistas, out-doors possuem sempre mulheres seminuas, mostrando suas qualidades físicas? Já pensou sobre isto alguma vez? Ora, tudo isto não passa de uma manobra feita pelas empresas de publicidade para chamar sua atenção sobre determinados produtos. Este é um golpe baixo mas aceito por todos. "Põe mulher nua perto de um produto que ele vende bem'". É o que dizem nos bastidores. Esqueça as mulheres (dos comerciais) ou os homens charmosos, você nunca os encontrará de verdade enquanto for pobre e gastar todo o seu dinheiro em produtos sem qualidade e supérfluos. Pense nisto quando vir ou ouvir comerciais.

Faça Você Mesmo e Economize

Nem preciso ir muito fundo na questão do faça você mesmo. Todos nós sabemos que pagar para outros fazerem determinados serviços é um grande desperdício de dinheiro.

Ao invés de contratar uma empregada doméstica para serviços de limpeza, faça você mesmo. Evite desarrumar a sua casa e ela terá menos trabalho a ser feito. Se a grama está alta, a casa precisa de uma nova pintura, faça você mesmo.

Seu carro está com o carburador sujo? Lave-o e limpe-o você mesmo. Não sabe fazer isto? Pois aprenda. Pague a um bom mecânico para lhe ensinar, mas pague pela última vez. Você economizará fortunas ao aprender fazer estes pequenos e interessantes servicinhos. Sem levar em consideração que estão sendo feitos por você, portanto, a perfeição e o cuidado serão maximizados, fato que nem sempre sucede com consertadores profissionais.

Trocar fechaduras, mudar descargas de vaso sanitário, consertar torradeiras, chuveiros ou canos furados, todas estas coisas podem ser perfeitamente realizadas por você. Basta que tenha interesse em aprender consertá-las. Nem sempre você conseguirá consertar um televisor pifado dando-lhe um soco, mas leve-o ao primeiro radio técnico que encontrar, e cairá de costas como se tivesse levado um soco quando ouvir o preço do reparo. Vá a outro técnico; outro mais e mais outro, até estar seguro de um preço justo.

Faça você mesmo o reparo nas suas roupas, guarda-chuva, móvel, muro caído ou qualquer outra coisa que não exija grandes conhecimentos técnicos. Tenha apenas cuidado quando for mexer com instalações elétricas. É sempre bom desligar a chave geral quando se aventurar a fazer novas instalações e ter certeza de que a mesma é automática, ou seja, desligar-se-á sozinha se ocorrer um curto-circuito. Fazer uma tomada extra ou extensão telefônica é tão simples quanto descascar uma banana. Aprenda a fazer pequenas coisas e economizará grandes somas. Ensine aos seus familiares a colaborar com certas atividades domésticas. Lavar roupa, passar roupa, encerar piso, aspirar, escovar cortinas ou carpetes, pintar paredes, tudo isto são pequeninos passatempos que resultarão em considerável economia para o seu bolso.

Você não acredita que poderá enriquecer, jogando o seu rico dinheirinho pelo ralo, não é mesmo?

Quando tiver algo muito importante para realizar, seja fechar um negócio, comprar algo de valor, nunca mande ou peça alguém para fazer isto por você ou se arrependerá amargamente. Faça-o você mesmo e evitará prejuízos desnecessários. Ninguém pode fazer nada melhor que você, quando se tratar de algo da sua exclusiva competência. Delegar competência é algo muito arriscado. Os ricos preferem tomar a frente dos seus negócios a permitir que parentes ou estranhos o façam. Siga a lição dos ricos: faça você mesmo. Você é o líder, o chefe, o guia, sem- pre. Se algo sair errado, só terá que culpar a si mesmo, ninguém mais, o que já é um alívio. Você tomará mais cuidado com as suas coisas, seu dinheiro, seus bens, pois sabe o quanto foi difícil lutar para acumulá-los.

Não se deixe explorar por ninguém. Conversa bonita é perigosa. Fuja dos espertalhões, mesmo que não tenha certeza de que o são. E se desconfiar que está sendo roubado em algum serviço, ou negócio, aja com cautela e saia de fininho, de nada vale criar tumultos que descambarão para agressões e violência. Não entre nessa nunca, pense em sua vida, sua riqueza, elas valem mais que uma discussão idiota.

Muita gente vê ricos dando gorjetas e pensam que isto é uma coisa boa. Alguns ricos sabem que não é boa coisa dar dinheiro à toa. Eles só dão, porque sabem que terão alguns privilégios, apenas isto Generosidade não é sinônimo de idiotice. Ser generoso é pagar em dia as suas contas, remunerar com justiça aos serviços que lhe prestam. Isto é ser generoso. Dar gorjetas apenas para mostrar que tem dinheiro é desejar ser explorado gratuitamente. Quando der suas gorjetas, certifique-se de que o faz ao garçom que lhe reserva a melhor mesa, ou lhe traz o melhor vinho da casa. Dê vantagem a quem lhe der vantagem. Você está em situação de privilégio.

Sempre que alguém lhe der um orçamento de qualquer serviço, dê um grito de espanto (mesmo que ache pouco) e reclame até obter uma redução. Todos os orçamentos são acrescidos de 30 ou 40% do valor real, pois sabem que alguns clientes irão protestar, daí retiram 10 ou

20% e deixam o freguês satisfeito. Lute por reduções maiores, e quando

não fizerem reduções no preço, faça você mesmo

Creio que este assunto é bastante curioso, pois estou certo que sua impressão era de que os ricos pagavam tudo, eram tolos em matéria financeira. Você nunca esteve tão enganado. Mesmo aqueles

o serviço.

arquimilionários nunca esbanjaram suas fortunas ou, quando o fizeram, esperavam algo mil vezes maior em troca. Acredite nisto.

Como Esquecer a Pobreza

Antes de mais nada, é preciso que você aceite a ideia de que a maior espécie de pobreza é a de espírito, de alma e de imaginação. A Bíblia diz que bem-aventurados são os pobres de espírito, mas tenho certeza de que não significa a mesma coisa que ter pobreza na alma. Jesus queria que todos tivessem um espírito pobre de ganância, de maldades, inclusive de desejos. Parece contraditório eu dizer isto e estar pregando a riqueza. Parece contraditório eu incentivá-lo a desejar bens e muito dinheiro. Todavia reflita que ser pobre é manter-se num equilíbrio satis- fatório, nunca o contrário. Deixe explicar melhor. Se você tem desejo de tornar-se uma pessoa rica, muito rica, lutará com todas as suas forças para conseguir tal coisa. Você não pode desejar ter tudo de uma só vez. Primeiro a estabilidade financeira. Depois os bens de primeira necessidade, depois os de segunda e assim sucessivamente. Seja pobre o suficiente para se manter com o sempre pouco que você tem. Quando você pensar que tem muito, verá que nada conseguiu ainda. Considere- se e seja realmente pobre todos os dias, nunca rico, e você enriquecerá. Aprenda o significado oculto da pobreza. Não estamos falando de pri- vação, de miséria e penúria, mas sim, de um sentimento de ainda não estarmos inteiramente realizados. Aja todos os dias como se você estivesse pobre e você encontrará dentro de si renovadas forças para superar-se.

Quando você sobe uma escadaria enorme, quanto mais você pensa que já chegou no último degrau, mas na realidade vê que ainda faltam muitos, você se cansa e se desanima. Ao passo que se subir degrau por degrau, como se fosse sempre o primeiro, você não se sentirá cansado. Experimente a experiência.

Mas eu disse no início deste texto que você esqueceria a pobreza, mas estou pedindo para conscientizar-se dela diariamente. Isto pode parecer incoerência, mas desejo levar você à compreensão de que a verdadeira riqueza é pobreza, nunca o contrário. Pense que você já tem dinheiro suficiente para realizar todos os seus sonhos e aja como pensa e

empobrecerá antes do pôr do sol. Ao passo que, você agindo como se ainda fosse pobre, economizará os décimos de centavos, e consequentemente estará fazendo diariamente uma parte de sua fortuna.

Esqueça-se da sua pobreza diariamente. Todos os dias diga para si mesmo: "vou esquecer que sou pobre, hoje vou acabar definitivamente com a minha pobreza para esquecê-la por completo." Pense diariamente deste modo e você acabará esquecendo completamente a pobreza, ou melhor, mesmo que você não consiga esquecê-la, ao menos se sentirá mais confortável todos os dias, até que ocorra o milagre de esquecê-la por completo. Faça o exercício do esquecimento todos os dias.

Nadando em Dinheiro

Quem já leu a revista em quadrinhos de Walt Disney, Tio Patinhas, ao menos uma vez, deve ter se divertido com o quacmilionário pato, nadando em uma piscina cheia de dinheiro. Você pode ter a sua piscina cheia de dinheiro. Não precisa ser dinheiro de verdade. Pode ser de pessoas milionárias que representem muitos milhões de dólares. Ao invés de nadar apenas no meio d’água, você deverá nadar no meio deles.

Mas, primeiro você deverá ter uma casa confortável com uma ampla piscina térmica, do contrário poucas chances terá de convidar estrelas do cinema e a turma do clube dos milionários para uma tarde festiva em sua casa de campo.

Para nadar em dinheiro, você precisa aprender a represá-lo. Jamais você conseguiria nadar em uma pequenina bacia d’água. Mas se juntar muitas bacias com água, terá suficiente para encher dez piscinas. Você precisa apenas de uma para começar. Bem, mas não se esqueça que antes mesmo de começar a juntar a água, você precisa cavar um buraco bem amplo e espaçoso onde será instalada a sua piscina. Você deve começar a escavar o seu buraco logo. Leve a sério o seu projeto. A piscina pode não ficar pronta em uma semana, um mês ou um ano, não importa, comece a escavar hoje mesmo. Dentro de algum tempo, faltará pouco.

Algumas pessoas não nadam em dinheiro porque não se predispõem a fazê-lo. Ao invés de nadar na piscina dos outros, procure fazer a sua.

O que quero dizer é que algumas pessoas, por terem amigos ricos, alugam a emoção de estar ao lado deles, conversar com eles, mas nunca fazem coisa alguma para ser como um deles. Isto é nadar na piscina alheia. A sua pode ser ainda melhor que a de muitos, depende do seu grau de desejo.

Sobre a piscina de verdade, com água cristalina e tudo, recomendo você construí-la apenas quando tiver dinheiro suficiente para construir meia dúzia delas, antes nunca. Você correria o risco de ter que desfazer- se dela com grandes prejuízos. Esta lição já foi dada em outros capítulos. Aprenda a esperar um pouco. Roma não se fez num dia.

Se você não aprender a nadar antes de construir sua piscina financeira, você levará muito mais tempo para realizar seu sonho. Nadar aqui significa você usufruir do seu tempo em uma atividade em detrimento de outra mais importante. Embora nadar seja muito importante na vida de qualquer pessoa, melhor ainda é aprender a nadar numa piscina no fundo da casa, onde se possa aperfeiçoar a natação. Tendo água e disposição, você aprenderá a nadar com rapidez, principalmente acordando todos os dias com o cheirinho gostoso da água clorificada e azulzinha a 20 metros da sua suíte. Pense por exemplo no homem que tinha paixão para dirigir automóveis, entrou para a autoescola, conseguiu num tempo recorde sua carteira de habilitação, mas nunca pode comprar um automóvel. Você acha isto sensato? Claro que algumas pessoas conseguem ganhar a vida dirigindo automóveis, ônibus e caminhões, neste caso o propósito é outro. Aprender a dirigir veículos para conseguir um emprego melhor é uma alternativa válida e louvável, porém aprender a guiar automóveis apenas por diversão é uma tolice, como o é tantas outras coisas.

Você poderá um dia nadar em muito dinheiro, mas é preciso hoje mesmo fazer uma parte da escavação da sua piscina.

Como não Fracassar Nunca

Quem nunca fracassou uma vez na vida? Creio que todos nós. Será que a minha proposta tem fundamento? Vamos analisar o fracasso.

Suponhamos que você esteja cursando uma faculdade e algumas disciplinas são extremamente difíceis, levando-o a repetir um ou outro período. Você acha que fracassou naquelas disciplinas? Está claro que sim. Poderia fazer uma análise do por quê?

1 • Você estudou o suficiente?

2 • Você assistiu a todas as aulas com interesse em aprender?

3 • Você anotou matéria suficiente para lograr êxito ao estudar?

4 • Você tinha base de outros assuntos para dominar as disciplinas?

5 • Você fez pesquisas em livros, discutiu com outros colegas?

6 • Você sabia que poderia fracassar?

Depois de fazer esta análise, você concluirá que fracassou porque deixou de fazer algo muito importante. Da próxima vez, procure agir de modo diferente, assim não fracassará outra vez.

Talvez você tenha que de hoje em diante dedicar um pouco de tempo aos seus fracassos, até que eles fiquem reduzidos ao zero. Erros todos nós cometeremos sempre por toda a nossa vida, mas fracassos só ocorrerão se não nos cercarmos de prevenções adequadas.

No terreno das finanças, qualquer um pode evitar o fracasso. Para tanto deverá reavaliar diariamente suas chances de fracassar. Lembre-se de que eu falei acerca do excesso de otimismo. Quando você se torna excessivamente otimista, costuma abrir a guarda ao fracasso. É bom prevenir-se, tendo um pouco de pessimismo. Quando for fechar algum negócio, certifique-se de que todos os itens indispensáveis foram discutidos, principalmente sobre danos, perdas, devoluções, reparos, etc. Ao iniciar uma atividade, certifique-se de que poderá manter-se por algum tempo, mesmo que o negócio não prospere imediatamente. Prevenir-se contra o fracasso é a melhor forma de evitá-lo.

Nem sempre uma derrota é um fracasso. Você deve aprender a capitalizar as suas pequenas derrotas em sucessos. De que modo? Analisando conforme exemplifiquei no início deste capítulo. Corrija-se sempre e nunca fracassará em algo que se proponha ter sucesso.

Capitalizar o Tempo

Não há maior riqueza que o tempo. Todos os dias você recebe um dia inteiro para viver e realizar seus planos. Mas nem todos sabem como gastar de modo inteligente e produtivo esta riqueza divina. Imagine se você tivesse apenas 5 horas por dia. Acha que conseguiria organizar sua vida com este pequenino lapso de tempo? Fique tranquilo porém, você receberá amanhã outra vez um estoque de 24 horas para gastar do melhor modo possível.

Algumas pessoas dormem apenas 5 horas por noite. Os médicos afirmam que a quantidade de sono não é o mais importante e sim a qualidade. Se o seu sono for de boa qualidade, ou seja, tranquilo, sem interrupções, não há com o que se preocupar com as tão famosas 8 horas pregadas pelos ortodoxos. Você deve dormir apenas o suficiente para que o seu corpo e a sua mente recarreguem as baterias. Caso durma 6 ou 7 horas, e se sinta sonolento durante o dia, talvez possa dar um cochilo após o almoço, tal prática porém não deve constituir um vício. Você deve se sentir desperto durante todo o tempo, exceto na hora que determinou para dormir. Naquele momento não faça outra coisa, apenas durma, durma, durma confortavelmente.

O importante no sono é a qualidade e não a quantidade. Por isso fique na

O importante no sono é a qualidade e não a quantidade. Por isso fique na cama o mínimo necessário.

Muitos são os que passam um dia inteiro de folga, andando de um lado para o outro à procura de algo para realizar, mas não realizam nada produtivo. Quando se dão conta, o dia já acabou e só resta fazer uma coisa: dormir.

Aprenda a capitalizar seu tempo de modo inteligente. Transforme cada segundo, minuto ou hora em centavos, cruzados, milhões de cruzados. Você não sabe como? Eu sei como. Mas as coisas que eu faço serão diferentes das suas. Eu, por exemplo, posso sentar-me à máquina de escrever e produzir artigos para jornais, revistas, escrever contos, poesias, livros, trabalhos científicos, músicas; posso pintar quadros, fazer inventos, enfim, posso fazer um monte de coisas partindo do nada. Dia a dia estou aperfeiçoando o meu talento em vários setores, um dia tenho certeza, ficarei ainda mais famoso, isto depende de como uso o meu tempo hoje. Se eu o emprego mal, nada conseguirei.

No mundo dos negócios, você terá igualmente chances de produzir alguma coisa que se converta em dinheiro. Olhe à sua volta. Existem milhares de coisas precisando de conserto, reformas. Existem milhões

de pessoas procurando uma pessoa capaz de resolver seus problemas. Você pode se tomar um especialista em resolver problemas dos outros.

O seu tempo estará sendo bem empregado. Conheço um bancário que

nos fins de semana vende cachorro quente em Copacabana. E sou amigo

de uma moça que, nos domingos e feriados, faz cortes de cabelo a domicílio. Segundo ela, chega a faturar o dobro do que recebe como balconista no magazine onde trabalha como vendedora. Tenho um vizinho que desenha modelos de moda, é colunista de um jornal e faz massagem Shiatsu em seu próprio apartamento. Estas pessoas estão capitalizando muito bem o tempo que possuem. Você deve aprender a fazer o mesmo.

Quando estiver indo para o trabalho, dê uma olhadinha nas pessoas

que ficam sentadas horas e horas nos bancos de jardins, à espera de que

o governo lhes dê emprego, aumente o salário-desemprego, para

viverem bem e felizes. Acho que nem mereciam piedade. Gastam abusivamente do tempo que recebem diariamente, e reclama de tudo.

Tudo que você foi, é e será depende do tempo. Sem ele nem eu nem você teríamos aprendido a ler, escrever e falar. Gastamos muito tempo nestes processos de aprendizagem. Uns leem melhor que outros, falam e escrevem de modo mais perfeito que os demais. Alguns aprendem a ganhar mais dinheiro que você, eis a diferença entre o rico e o pobre.

Use todo o tempo que puder para ganhar dinheiro, é uma coisa boa e muito importante. Você não morrerá por isto, ao contrário você viverá mais e de modo melhor. Deixe de lado qualquer preconceito com relação ao dinheiro e às riquezas. Você quer e precisa ser rico, é uma necessidade natural e válida neste mundo. Gaste todo o seu tempo em encontrar fórmulas, meios, modos de enriquecer. Não se lamente tanto ou deixe que o sol se ponha sem que você não tenha enriquecido um pouco mais. Não há ninguém tentando impedir você de ganhar dinheiro. Mesmo aqueles que estão encarcerados podem ganhar algum dinheiro em atividades manuais ou literárias, depende apenas da disposição deles.

Você está livre? Nada o impede de ir ou vir? Você recebe todos os dias 24 horas para viver? Então deve usá-las em proveito de si mesmo, não contra. Ao jogar fora o seu tempo com conversas inúteis, programas de tv imbecis, revistas ou filmes desprezíveis, você está empobrecendo sem se dar conta. Não há glória e honra em ser pobre. Só a riqueza é vida e felicidade. Nem sempre o rico é feliz, mas você não precisa buscar a riqueza para se sentir feliz. A felicidade é algo diferente da riqueza. Use seu tempo para buscar o conforto e você verá que a felicidade caminha paralela aos seus desejos. Você se sentirá feliz ao saber que pode comprar as coisas com que sempre sonhou. Ficará feliz quando puder ajudar a alguém a melhorar de vida. Quando puder criar empregos, condições de melhoria de vida. A felicidade está em viver bem em todos os sentidos. Chegará um dia em que as pessoas não se preocuparão com a felicidade, apenas viverão pelo hoje, e assim aprenderão a valorizar cada segundo da sua vida, como se fosse o último.

Cuide do seu tempo como você cuida do seu dinheiro. O tempo é a sua vida. Se deixar que ela passe sem ter construído algo de valor, de nada valerá ter vivido. Você não pode fugir ao apelo da vida. Foi dado a você o poder de viver. Seu livre-arbítrio poderá conduzi-lo a uma vida plena de sucesso e riqueza, não escolha o inverso.

A Moedinha da Sorte

Certa vez eu escrevi um livro com o título: Como Atrair a Boa Sorte, foi um sucesso de vendas. E por quê? Porque todas as pessoas desejam enriquecer através da sorte. São milhões de pessoas comprando pés de coelho, ferraduras e patuás, todas desejam atrair a boa sorte. Naquele livro, eu fiz uma pesquisa para determinar as qualidades comuns em pessoas de boa sorte. Concluí que não havia nada de misterioso ou mágico nelas, apenas uma fé muito grande em si mesmas.

Todos os rituais conhecidos para produzir uma boa sorte são de certo modo ações que provocam reações. Não posso afirmar que acender uma vela todas as noites para S. Apolônio fará com que você acerte na loteria. Mas posso afirmar que, se acender uma vela para qualquer santo ou entidade e trabalhar todas as noites ou dias com determinação, você atrairá infalivelmente a boa sorte.

Nas histórias de Walt Disney, o Tio Patinhas possui uma moedinha da sorte. O pato é tão apegado a esta moedinha que fica completamente louco se alguém a roubar. Parece que há uma pata chamada Maga Patalógica desejando se apropriar da tal moedinha. Enquanto o Tio Patinhas continuar com tanto amor a sua moedinha e a todas as outras que possui, ele nunca empobrece-rá. Bem, isto, a nível real, quer dizer que se você for capaz de amar uma moedinha da sorte, será capaz de amar um bilhão de moedinhas, todas elas serão da sorte para você.

Não estou dizendo para você transformar uma moedinha qualquer em um amuleto, mas se você achar que isto lhe dará um reforço, eu não tenho nada contra. Sei do efeito psicológico dos amuletos. Raciocine que o amuleto é apenas um símbolo, não uma fonte de riquezas. Você é quem terá de ir às fontes diariamente. Se ficar olhando para a moedinha o dia inteiro, acabará dormindo de tédio e quando acordar, estará visivelmente mais pobre que antes.

Sua maior moedinha de sorte deve se chamar: trabalho. Isto mesmo, coloque esta moedinha em todos os seus afazeres e veja no final de algum tempo o poder de sorte que ela tem para a sua vida. Todos que sabem usar esta moedinha da sorte acabam por enriquecer. Acredite nisto. Corre um boato que trabalho não enriquece ninguém. Mas, o que enriquece então? Bem, eu não estou dizendo que quebrar pedras a vida inteira significa trabalhar para enriquecer, a menos que a pedreira seja

uma mina de diamantes, você entende a diferença? Trabalhar duro nem sempre significa ganhar muito dinheiro. O contrário também é falso. Há empregos muito fáceis que jamais enriquecerão pessoa alguma. Quer um exemplo? Emprego público. Você conhece funcionários públicos ricos? Eu já fui um deles, e se estivesse num emprego federal hoje, estaria obeso, preguiçoso e achando que tudo estava bom, contanto que meu salário fosse aumentado e meu trabalho reduzido. Pode alguém enriquecer assim?

Se um amuleto lhe traz sorte, não hesite em usá-lo. Em todo o caso, o

Se um amuleto lhe traz sorte, não hesite em usá-lo. Em todo o caso, o melhor amuleto de todos é este: trabalho.

O Segredo dos Segredos

Quando se ouve falar na palavra segredo, pensa-se logo em algo secreto e misterioso. De certo modo, um segredo é algo apenas conhecido de um ou de poucos. Em contradição a tudo que pode significar segredo, este segredo dos segredos não é nada disso. Ao contrário até, trata-se de algo conhecido por milhões de pessoas. É algo tão simples e comum, que nem se acredita que seja verdadeiro.

Talvez você tenha pensado até hoje que os ricos possuem segredos fantásticos, fizeram pacto com demônios, usam amuletos especiais, ou coisa deste tipo. Nada é mais falso. Os ricos não possuem nada de mágico e misterioso, ou se o possuem é algo que você também pode adquirir se desejar. A diferença é que os ricos acreditam naquilo que estão fazendo, e as outras pessoas (pobres) nunca.

O maior segredo do mundo e dos ricos é que para enriquecer basta seguir um rumo ou vários rumos. Fazer tudo que dizem e tudo que não dizem. É ter coragem de repetir e inovar. É acreditar em tudo e não acreditar em nada. É seguir uma trilha até onde esta for boa e ter coragem de procurar outra ainda melhor sempre. Isto é segredo para você? Creio que não. Os ricos não pensam nestas coisas como se fossem segredos. Qualquer coisa que pareça mágico e misterioso chama muito a atenção das pessoas, mal sabem elas que as coisas realmente mágicas são simples e sem aparência alguma.

Você já deve ter lido em dezenas de livros coisas muito semelhantes ao que escrevi aqui, mas estou certo de que não se dará por satisfeito, indo buscar em outros livros novas fórmulas mágicas para enriquecer. Será que você é descrente de tudo? Talvez já tenha lido um outro livro

Como Ganhar Rapidamente. Milhares de

de minha autoria: Dinheiro

pessoas me escrevem diariamente pedindo conselhos sobre como ganhar mais dinheiro. Respondo para elas: façam tudo que digo nos meus livros, e mais ainda: escreva um bom livro sobre como ganhar dinheiro e talvez você ganhe algum. Não é interessante isto? Meu começo de carreira como escritor não acabará nunca. Todos os dias estou convencido de que devo escrever um livro ainda melhor. Se dentro de algum tempo eu não estiver mais rico, então sou um completo idiota. Tenho colocado em prática tudo quanto digo em meus livros e tenho visto os resultados. Recebo milhares de cartas de meus leitores, e eles

dizem: "consegui tudo que desejava, o sr. é o máximo" ou ainda "encontrei o caminho da fortuna, sou uma mulher de sorte, graças às suas orientações." Também recebo cartas, do tipo: "não entendi nada "

do que o sr. disse, talvez fosse bom escrever um outro livro

"acho tudo bobagem as coisas que o sr. disse, ninguém vai enriquecer

tão depressa quanto o sr. afirma "

Mas, tudo isto que me dizem é apenas uma diminuta parcela das agressões e agradecimentos que me enviam por carta. Pessoalmente ninguém me fez críticas contundentes. Acho que ficam intimidados com meus 1.80 de altura e 76 kg de peso, ou do meu olhar direto e destemido. Sei que nem todos conseguirão dar um passo na busca de algo que lhes seja realmente útil. Poucos sairão da miséria em que se encontram e colocarão a culpa em meus livros, ou no governo do país. É uma pena que tenham gasto alguns cruzados para adquirir os meus livros ou tenha perdido tanto tempo em sua leitura. Melhor seria se descobrissem por si próprios estes segredos que não são mais segredos para ninguém. Melhor seria que tivessem coragem de abandonar a vida mesquinha que levam e decidissem conquistar o que de fato lhes pertence. Eu gostaria apenas de saber daqueles que tiveram sucesso, os fracassados não me interessam. Não respondo a cartas de pessoas fracassadas, acho um desperdício do meu tempo. Se você for um fracassado, não me escreva. Economize seu dinheiro, pare de bancar o perdulário. Quero saber dos sucessos e das conquistas, nunca das derrotas e fracassos! Meu livro não está lhe dizendo muita novidade. Tudo quanto digo aqui foi recolhido da realidade da vida. Não são meras teorias sem nexo. São resultados reais de experiências vividas, você precisa acreditar nisto. E mais do que isto, precisa agir imediatamente e sempre.

ou ainda,

Começar Todos os Dias

Estes últimos assuntos que venho abordando diz respeito ao tempo,

à capacidade de acreditar, ao poder de recomeçar sempre. Não pense

que é uma tarefa fácil no início. Nada é fácil, sobretudo no começo. Mas, quando você desenvolver a capacidade de ver todos os dias como

se nada houvesse feito, você ficará espantado com as coisas que conseguirá realizar no período de um dia, uma semana ou um mês. Você produzirá tanto, que achará que nunca tinha produzido algo de valor antes.

Comece todos os dias. Esqueça sua fortuna acumulada ontem. Sinta- se começando hoje outra vez. Partindo do ponto zero. Lembra do exemplo da escadaria muito alta? Quanto mais você pensar que já subiu, mais se sentirá cansado para dar o passo seguinte. Você nunca estará cansado de lutar, se acreditar que mal começou a luta. A vida é mesmo assim. Só os ricos o sabem.

Não queira provar nada a ninguém. Prove a si mesmo que é capaz de crescer em todas as direções. Prove a si mesmo que tem capacidade de construir uma vida digna e repleta de opulência. Mostre a si mesmo que tem coragem de começar diariamente na conquista do seu objetivo maior ser rico em todos os sentidos.

Alguns filósofos pregam que a riqueza começa de dentro para fora,

e nada é mais verdadeiro. Quando você deseja ser rico, cria em seu

espírito e mente a riqueza ainda no estado invisível. Seus centros nervosos o estimularão a produzir, trabalhar e agir conforme estes desejos. Ninguém pode ser rico, se não tiver dentro de si uma grande riqueza e largueza de pensamento.

Cultura e Educação x Riqueza

Passamos a vida inteira acreditando em falsos conceitos acerca da vida ou ainda especificamente sobre a riqueza. Muitos pensam que somente os intelectuais enriquecem ou, ainda, que pessoas com grande formação acadêmica têm mais chances. Não é de todo verdade esta teoria. Você mesmo deve saber de inúmeras pessoas que, com um anel de advogado ou de médico no dedo, vivem em condições precárias, não são ricos e não esperam muito da vida que levam. Como isto é possível? Como é possível também que pessoas semianalfabetas tenham casas luxuosas, carros importados e muito dinheiro para gastar? Pensa que tal coisa não existe? Pois deveria conhecer melhor os ricos.

Tenho certeza que na mesma rua onde você mora, existe pelo menos uma pessoa muito rica que não teve instrução primária completa. Como então explicar este fenômeno?

Não posso lhe dizer que a educação formal, os cursos secundários e universitários são obstáculos à riqueza, mas posso lhe garantir que nem sempre são essenciais. É preciso ir mais longe na ciência de enriquecer. É necessário ir mais fundo no saber autêntico. Você pode enriquecer se for um bom advogado e executar todos os princípios descritos neste livro, ou pode enriquecer de igual modo começando a vender pipocas na porta do circo. Você escolhe como pretende enriquecer. É fundamental ter conhecimentos mínimos de valores. Viver no mundo dos ricos não é uma tarefa para doutores diplomados em faculdades, mas torna-se necessário ter alguém que saiba o que está comprando ou vendendo. São necessários conhecimentos mínimos. Algumas pessoas não sabem ler um contrato e por isto podem ser passados para trás. Se você precisa de alguém que leia para você os documentos que assina, é bom que tal pessoa seja de extrema confiança, e você peça depois a outra que o leia também para conferir. Existem muitos ricos que mal assinam o nome, mas estão comprando e vendendo ações, fazendo aplicações vultuosas no mercado de capitais e viajando para o exterior para fechar negócios. Seus assessores leem tudo, vistoriam tudo, mas não decidem nada. Aguardam o sinal decisivo do chefão. A habilidade de fazer bons negócios não depende exclusivamente de saber fazer uma equação ou escrever a fórmula química de um composto orgânico. Há muita coisa supérflua no ensino acadêmico, principalmente no que tange ao curso de Enriquecimento.

Quando falei no início deste capítulo sobre educação, referia-me àquela adquirida em escolas e faculdades. Boas maneiras é uma outra coisa. Não se aprendem boas maneiras em escolas. Em um outro capítulo eu falei acerca da importância em cultivar boas maneiras. Um homem rico pode não ter boas maneiras, mas um homem que queira enriquecer saberá conduzir-se da melhor maneira para conquistar e conservar amigos em toda parte.

Conselhos aos Aspirantes à Riqueza

Dar conselhos foi, até o momento, o que eu fiz neste livro. Dizem que, se conselhos fossem bons, não se davam, se vendiam. Acho que você pagou alguma coisa por estes conselhos, não foi mesmo? Por este único motivo, faça-os valer alguma coisa. Ao menos pelo amor ao seu tempo e seu dinheiro.

Poderia encher páginas e mais páginas de conselhos, mas preferi resumir para você os mais importantes e valiosos. Já passei por quase todos eles, meus amigos também. Aprendi muito, mas falta-me muito ainda para aprender. Talvez no futuro eu escreva outro livro sobre conselhos aos aspirantes à riqueza, mas, por favor, você não precisará lê-lo, e se o fizer, procure colocar em prática ao menos desta vez, pois o primeiro grande conselho que lhe dou é:

1 • Ponha em prática todos os conselhos bons que você conhece

para enriquecer. Não fique discutindo se é certo ou errado. Quando alguém lhe der um mapa de um tesouro real, não perca muito tempo discutindo do por que deve seguir este e não aquele caminho. Lance-se ao trabalho de encontrar o seu tesouro. Enquanto alguns ficarão discutindo esta ou aquela teoria, você estará conquistando e acumulando fortunas. A palavra de ordem aqui é: ação já!

2 Nunca pense que você Já ganhou dinheiro o suficiente para

parar de trabalhar. Você nunca se dará por satisfeito, portanto nunca pare de ganhar dinheiro. Desejar ser feliz, muito feliz, não é

crime algum. Assim sendo, saiba que desejar ganhar muito dinheiro também não é pecado. Trabalhe e lute para tê-lo cada vez mais. A

palavra de ordem é: não se contente com pouco, mesmo que pareça muito para alguém.

3 Não diga a pessoas estranhas ou mesmo a parentes invejosos o

quanto em dinheiro ou bens você possui. Não permita ser explorado por ninguém. Falar de seus bens é o mesmo que deixar que macacos sintam o cheiro de bananas. Eles quererão parte daquilo que você tem, de qualquer maneira. A palavra de ordem aqui é: guarde segredo dos seus bens, sejam eles uma agulha ou um transatlântico.

4 Não seja generoso em excesso. Este conselho foi dado ao longo

deste livro, e eu preciso reforçar uma teoria antiga: "quem dá o que tem, a pedir vem." Pare de bancar o bonzinho. Ninguém gosta de amigos pobres e você não precisa parecer bom, dando dinheiro ou

fazendo generosos favores para quem quer que seja. Se o seu filho precisa de uma mesada maior que a estipulada, pague-lhe mais dinheiro em troca de algum serviço. Ensine-o a valorizar o trabalho. Aja do mesmo modo com as demais pessoas que circulam em torno de sua riqueza, como as mariposas vivem em volta da luz.

A palavra de ordem aqui é: Não banque o generoso todo o tempo, saiba como ajudar as pessoas.

5 Não compre de uma só vez todas as coisas que você deseja.

Aprenda a economizar primeiro o suficiente para comprar duas ou três coisas idênticas ao que você sonha possuir. Nada de precipitação ao comprar qualquer coisa que não venha resultar em benefício à sua riqueza, investir será sempre o melhor negócio. Gastar será o pior. A palavra de ordem aqui é: ao invés de gastar, poupe mais.

6 Proteja os seus bens, sejam eles pessoais, empresariais ou mesmo sua família. De certo modo, você é o responsável ou também corresponsável pelo bem-estar de seus familiares. Mantenha-os a salvo de exploradores, sequestradores e vigaristas. Esteja atento a todas as pessoas que se aproximam de você com intenções duvidosas. Quando tiver dinheiro suficiente para ser roubado, contrate serviço de vigilância e guarda-costas. Um bom cão ainda é

o melhor amigo do homem, é bom ter um no fundo do seu quintal.

Faça seguro contra sinistros de qualquer espécie. Nunca se sabe de

onde virá o prejuízo. Mas não crie obsessão acerca de segurança.

Previna-se apenas. A palavra de ordem é uma frase feita: um homem prevenido vale por dez.

7 Aprenda a diversificar seus investimentos. Não deixe concentrar

excessivamente todos os seus rendimentos numa só fonte. Abra novos poços de exploração. Se está no ramo de confecções, estude a

possibilidade de ter uma lanchonete. Você nunca será reduzido a falência se aprender a diversificar seus negócios. É como no mercado de ações: quem aplica em várias empresas, corre um risco menor de perder tudo de uma só vez. A palavra de ordem aqui é:

diversificar os investimentos e negócios.

8 Não trabalhe sozinho. Se quer enriquecer, aprenda a ter muitas

pessoas trabalhando para você. Pague bem, mas pague pelo que produzirem. Deixe que cada um desenvolva o próprio potencial. Aqueles que trabalham e produzem mais, ganharão mais. Organize seu negócio de modo a poder espalhá-lo por vários bairros, cidades, estados e até países diferentes. Os homens mais ricos do mundo são os que têm, sob seu comando, milhares de empregados diretos ou indiretos. Trabalhe muito, mas não trabalhe sozinho, esta é a palavra de ordem deste conselho.

9 Fuja dos negócios maravilhosos. Não existe um negócio que possa enriquecê-lo da noite para o dia. Quando alguém vier com esta conversa, lembre-se deste conselho. Quem lhe oferecer proposta de investimento com retomo rápido e cem vezes maior, não vá nesta conversa. Analise com frieza a proposta e pergunte a si mesmo: será?! Todos os bons negócios levam algum tempo para dar lucro. Qualquer coisa que dê grandes lucros rapidamente não é um negócio confiável Não será duradouro e garantido. A palavra de ordem aqui é: cuidado com falsas promessas de enriquecimento fácil e rápido, tais coisas inexistem.

10 Aprenda a valorizar os centavos das suas contas. Um milhão de cruzados não será um milhão se faltar 1 centavo e você sabe disso. As pessoas costumam dizer que não ficarão mais pobres deixando um centavo de lado. De fato acho tolice brigar por um centavo. Mas se trata aqui de uma conscientização do valor das coisas. Quem deixa um centavo para trás, deixará muitos milhões de centavos para trás. Se descuidará das contas e, sem perceber,

gastará o suficiente para nunca enriquecer. A palavra de ordem aqui é: valorize cada centavo do seu dinheiro.

11 Evite negócios ilegais e escusos. Quando falei em evitar maus

negócios, não me referi a negócios ilegais. Existem bons modos de se ganhar dinheiro, honestamente, mas, ilegais. Vivemos num país com regime capitalista. Você pode comprar qualquer coisa que desejar e vendê-la pelo preço que achar conveniente. Pagará o preço quem for idiota o suficiente para confiar em você. Todavia, existem órgãos de controle de preços que fiscalizam alguns produtos. Evite exceder os valores fixados pela lei, ou você terá sérias dores de cabeça, e certamente pagará muito caro pela ilegalidade. O mundo do contrabando também é perigoso e desaconselhável, tanto quanto negócios arriscados e mal planejados. Se você sabe que um determinado negócio ou esquema é ilegal, não entre nele. A palavra de ordem é: de nada vale ser um rico enjaulado pela lei. (Não caia na tolice de pensar que os ricos nunca são presos; mesmo que seja verdadeiro, enriqueça primeiro para depois testar esta teoria).

12 Aprenda a gostar de ganhar dinheiro. Varra de uma vez por todas a ideia absurda de que ser muito rico não é bom. Aprenda a gostar de ser rico, lute para isto. Não precisa sair dizendo tal coisa por aí, quererão impedi-lo deste intento. Faça as coisas corretas e aprenda a gostar delas. Você não se sentirá cansado quando estiver envolvido em atividades que goste de fazer. Um amigo meu, famoso tenista norte-americano, disse-me que pratica 14 horas por dia o seu esporte predileto. Não é por outro motivo que se encontra entre os três melhores do mundo. Quantos tenistas dedicam tanto tempo a praticar tênis? A palavra de ordem aqui é: apaixone-se pelo trabalho que lhe dá dinheiro.

13 Discipline a sua vida se quer enriquecer. Principalmente em

relação aos seus gastos. Se você não sabe quanto vai ganhar, então não gaste, antes de ganhar. Telefonemas desnecessários, compra de produtos supérfluos, viagens improdutivas, etc. Discipline-se a gastar apenas o estritamente necessário. Crie também uma disciplina militar em seus hábitos de vida. Se precisa acordar cedo, então obrigue-se a fazê-lo. Ame o nascer do sol. Se precisa dormir tarde da noite, ame a madrugada. Faça o que precisa ser feito com disciplina. Se pretende acabar de construir o muro do fundo da

casa, obrigue-se a trabalhar nele todos os dias ao menos meia hora. Encontre um bom motivo para isto: enriquecer com a economia de mão de obra. A palavra de ordem agora é: discipline-se!

14 Seja organizado. Conheço muitos comerciantes totalmente desorganizados, mas são poucos. Todo bom empresário sabe onde encontrar o recibo certo, na hora certa. Sabe onde estão seus talonários de cheques e sabe quando utilizá-los. Você precisa saber organizar a sua vida financeira. Talvez tenha que improvisar no início, mas à medida que for crescendo financeiramente, aprenda com pessoas experientes, como manter organizada sua vida financeira. As multas, as apreensões e outros problemas fiscais são originários da desorganização. A palavra de ordem é a primeira frase deste conselho.

15 Não tenha pressa de enriquecer. Dizendo deste modo, parece

que eu estou dizendo que você deve viver despreocupadamente e esperar ficar rico, apenas trabalhando por dois salários mínimos, ou acomodado num emprego estável. Você nunca enriquecerá deste modo. Contam que uma lebre e uma tartaruga iniciaram uma corrida. A lebre saiu em disparada, mas, depois, raciocinou que se corria tão rápido e a tartaruga tão lenta, poderia dormir um pouco à beira da estrada e quando acordasse, voltaria a correr pela vitória. Pior para ela. Dormiu demais e, ao chegar no ponto de chegada, encontrou a tartaruga feliz com seu prêmio. Nem sempre

correr demais significa muito. O importante é você andar sempre para frente e não parar nunca para dormir. Não estou falando do descanso do corpo. Este é indispensável. Nós não ficamos pobres porque dormimos 7 ou 8 horas de sono por dia; empobrecemos se corrermos alucinadamente, nos cansando em excesso, sendo obrigados a parar um pouco para dormir. Neste momento estamos nos atrasando para a consecução de nossos objetivos. O importante é andar lenta e gradualmente até chegar ao objetivo desejado. A palavra de ordem é: você enriquecerá se fizer as coisas certas, nunca as coisas muito rápidas.

16 Não queira imitar as outras pessoas ricas. Você não sabe por

que eu tenho um avião, sabe? Será que comprei um pequeno avião, apenas porque vi outras pessoas comprando aviões? Meus negócios, conferências e reuniões feitas em várias partes do país me levaram a calcular que seria mais econômico ter meu próprio avião

que gastar fortunas com empresas aéreas. Este é apenas um exemplo simbólico, pois eu não tenho avião. Mesmo que eu o tivesse não revelaria ao público, (sigo meus próprios conselhos). Assim sendo, não queira comprar um Rolls-Royce, apenas porque o seu vizinho da esquina tem um. Aprenda a viver a sua vida, dentro das suas reais necessidades, não pela aparência que pode dar às outras pessoas. A palavra de ordem neste momento é: seja você mesmo

17 Dê o máximo de si mesmo sempre. Toda e qualquer coisa que você faça deverá colocar sua alma e total devoção. Não faça nada por fazer, qualquer coisa que seja. Mesmo suas relações sexuais, faça-as com vontade ou não faça. Você será o máximo em tudo, quando dedicar-se total e completamente em tudo que faça. Se está no ramo de conserto de sombrinhas, seja portanto o melhor consertador de sombrinhas do país. Não se contente em ser apenas um consertador de sombrinhas do seu bairro. Procure ser bom, melhor que isto, procure ser o máximo em tudo que se propuser fa- zer, pois valerá a pena. E como palavra de ordem para este conselho: faça qualquer coisa da melhor maneira que puder.

Bem-Vindo ao Clube dos Ricos

Seja bem-vindo ao nosso clube. Embora você ainda não tenha o direito de permanecer neste clube, por enquanto, mas seja bem-vindo assim mesmo. Venha dar uma olhada por dentro para descobrir se de fato deseja pertencer a esta elite. Talvez você não aprecie algumas coisas, então é bom ter conhecimento de que terá que conviver com elas de qualquer modo.

O nosso clube, do qual você só fará parte daqui a algum tempo, é composto por homens, mulheres, pessoas de grande poder no mundo dos negócios, artes, etc. Nem todos são adultos, existe grande número de crianças também. Elas estão aprendendo com os mais velhos. Você, ao entrar para o clube dos ricos, será como uma delas. Andará de um lado para o outro, indagando sobre o que é isto ou aquilo. Nem sempre terá as respostas que tanto deseja. Descobrirá que algumas pessoas estão tão concentradas em suas atividades que nem tempo terão para ensinar-lhe onde fica o toalete. Você terá que usar sua capacidade de aprender continuamente. Nós, ricos, somos às vezes excêntricos, mas não se preocupe muito com isto. Você verá e saberá de coisas com que nunca sonhou. Ficará inicialmente inibido diante de algumas pessoas, mas com o tempo descobrirá que não há nenhuma razão para isto. Quando você era pobre, esta sensação era ainda maior. Agora você pode falar de igual para igual. Mas não pense que todos do clube aceitarão você de ime- diato. Haverá muitos que nunca aceitarão você. Dirão horrores a seu respeito, mas você não deve se preocupar com eles. São os sócios mais velhos do nosso clube, e antiguidade neste clube é posto de honra. Talvez um dia você se torne um deles, com suas birras e implicações gratuitas a alguns membros.

Neste clube ninguém ajuda ninguém. Você vai ter que se virar sozinho. Todos são autossuficientes. Embora isto não pareça à primeira vista, mas é pura realidade. Se você estiver morrendo afogado e pedir pelo amor a Deus, para salvá-lo, verá espantado que alguns tapam os ouvidos para não ouvir, outros viram as costas, e há ainda alguns que

para empurrá-lo ainda mais para o fundo. Mas não tenha

medo, você não se afogará com facilidade. Todos que entram para o

clube dos ricos já estão calejados de perigos e aventuras.

dão a mão

Não precisa ficar de olho nos seus bens, nenhum membro do clube tentará tomar alguma coisa de você, mas se você os perder por descuido, jamais os encontrará. Neste clube existe uma lei muito conhecida em determinados lugares: "ninguém sabe. ninguém viu". Você inclusive deve seguir à risca esta lei, se quiser pertencer ao clube.

Não pague nada para ninguém, pois isto é uma ofensa grave. Se lhe oferecerem, recuse decididamente, ou lhe cobrarão depois com juros. Seja inteligente. Pague suas contas e não dê satisfação a ninguém.

Vista-se adequadamente para as diversas ocasiões. Os ricos costumam ser conservadores, você não precisa ser diferente. Nem precisa chamar muita atenção sobre você. A discrição entre os novos e os velhos do clube será uma forma de você permanecer benquisto na fraternidade.

Não converse demais sobre sua vida. Ninguém estará interessado. Aliás ninguém está interessado em nada a não ser no dinheiro. Não seja a exceção à regra. Guarde suas piadas para si mesmo e apenas ouça as piadas sem graça dos outros membros, um dia você as contará aos mais novos.

Talvez você seja o mais rico do clube, é pouco provável, mas ninguém lhe dirá quem é o mais rico. Nem se interesse por isto. Se alguém lhe disser que é o mais rico do clube, não acredite, ele é um mentiroso, tentando se passar por rico. Os verdadeiros ricos nunca dizem o quanto são, nem admitirão jamais que são os mais ricos.

Não confie em nenhum membro do clube, mas não deixe que ninguém perceba isto. Aja com naturalidade, precaução, pois só assim você viverá em paz no clube dos ricos e poderá, quem sabe, ser eleito um dia para a diretoria. Quando for convidado, recuse-se com veemência; se fosse tão bom, não chegaria para você. Aponte outro para ser o presidente, ocupe-se em outras coisas, não em dirigir um clube de ricos, a menos que lhe paguem um salário astronômico; como tal coisa não existe, recuse-se pelo amor à vida e às suas riquezas.