Você está na página 1de 5

Como gerar energia elétrica usando calor de combustão

 Compartilhar por E-mail




 Compartailhar no Orkut

16/05/2012
Autor e Coautor(es)

AutorJosé Ângelo de Faria


VICOSA - MG COL DE APLICACAO DA UFV - COLUNI

Coautor(es)
Daniel Rodrigues Ventura, Edson Luís Nunes, Emerich Michel de Sousa, José Higino Dias Filho.

Estrutura Curricular

Modalidade / Nível de Ensino Componente Curricular Tema

Educação Profissional Recursos Naturais Técnico em

Educação de Jovens e Adultos - 2º ciclo Ciências Naturais Visões de m

Ensino Médio Física Calor, amb


Dados da Aula
O que o aluno poderá aprender com esta aula
 Verificar a transformação de energia térmica obtida de um combustível qualquer em energia elétrica.
 Identificar as etapas ocorridas durante o funcionamento de uma usina termoelétrica.
 Analisar as transformações de energia ocorrida em cada etapa do processo.
Duração das atividades
50 minutos (uma aula)
Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno
Princípios básicos de: eletrodinâmica, eletromagnetismo, termodinâmica, mecânica e transformação de energia.

Estratégias e recursos da aula


Sugerimos que o(a) professor(a) prepare um dispositivo com o objetivo de fazer uma demonstração
experimental para comprovar que é possível utilizar a energia proveniente da combustão e transformá-la em energia
elétrica.

Deverá preparar antecipadamente o material, montar e testar o sistema previamente, e então, executar a
demonstração no laboratório de Física ou na própria sala de aulas assim que iniciar a aula.

Material necessário:

1. Uma latinha de refrigerante pequena, cerca de 250 ml.

2. Um prego fino para fazer um furo na latinha.

3. Dois blocos de madeira cerca de (10 cmX20 cm) e qualquer espessura.

4. Uma lamparina ou material para fabricar um dispositivo para substituir a lamparina a álcool.
5. Um mini-ventilador que funciona a pilhas, pode ser usado um daqueles em miniaturas
utilizados para dissipar calor nos circuitos eletrônicos e que funcionam com pequena voltagem.

6. Uma seringa comum de plástico de qualquer tamanho.

7. Um galvanômetro ou um multímetro.

Procedimento:

· Com o prego faça um furo na tampa da latinha de refrigerante, próximo à lateral


da latinha, veja esquema na Figura 01.
· Retire o líquido deixando escoar em um recipiente qualquer, em um copo como
na Figura 01.
· Encha a seringa com água e injete pelo furo da latinha, cerca de 80 ml de água,
veja a Figura 02.
· Fixe a latinha prendendo-a em um suporte não inflamável de modo que ela fique
um pouco, 1 cm, por exemplo, acima da chama da lamparina, Figura 03.
· Fixe o mini-ventilador no bloco de madeira e o posicione de modo que o vapor
saindo do orifício da latinha incida diretamente nas hélices forçando-as a girar.

· Conecte os terminais do motorzinho, pontos que seriam ligados à bateria ou pilhas,


aos terminais do galvanômetro ou multímetro, Figura 03.
· Se for usar um multímetro utilize sua escala que mede décimos ou centésimos de
volts.

· Coloque a lamparina sob a latinha. Certifique que a montagem está correta e


acenda a lamparina.

Obs. Ao fazer o teste, antes do horário da aula, certifique se uma lamparina é suficiente para girar o motor
satisfatoriamente. Caso necessário utilize duas lamparinas ou um recipiente que possa queimar o álcool diretamente
como uma latinha de sardinha tampada parcialmente com uma lâmina metálica.
Divida os alunos em grupos de 6 a 8 pessoas e chame um grupo por vez para observar o experimento. Durante
a apresentação pergunte para que respondam oralmente.

Quais as transformações de energia observada desde o calor fornecido a partir da combustão do álcool até a
geração da energia elétrica nessa demonstração experimental?
Após a manifestação de todos os grupos, discuta com toda turma e comente cada transformação de energia
ocorrida.

 Basicamente energia química de combustão em térmica usada para evaporar a água na latinha,
essa é transformada em energia mecânica na ventoinha, finalmente ao girar o motor a energia
mecânica é transformada em elétrica.
Nota: Legenda referente ao esquema da Figura 03;
 LR = Latinha de refrigerante
 SM = suporte de madeira
 SL = Suporte metálico para a latinha
 LA = Lamparina a álcool
 VA = Ventoinha
 M =motorzinho
 G = galvanômetro
Obs. O conjunto VA e M normalmente já se encontram acoplados, a representação esquemática é um intuito
unicamente didático.

Parte II

Em seguida poderá apresentar a Figura 04 que ilustra o esquema de uma usina termoelétrica. Usando este
esquema explique resumidamente, as partes e funcionamento básico de uma usina termoelétrica.
1. Fornalha: Geralmente é usado algum tipo de combustível fóssil, petróleo, gás natural ou carvão, podendo também ser
usado combustíveis alternativos. Este é queimado na fornalha (câmara de combustão), fornecendo calor para aquecer a
água na caldeira.
2. Caldeira: Na caldeira a água é aquecida até formar vapores à alta pressão. Ao atingir alta pressão, o vapor escapa
através de uma válvula e é conduzida para a turbina através de um tubo.
3. Turbina: O vapor a alta pressão força a turbina a girar, nela a energia do vapor é transformada em energia mecânica.
4. Gerador: O eixo da turbina é acoplado ao eixo do gerador. À medida que a turbina gira, o eixo do gerador gira junto,
fazendo com que a energia mecânica seja transformada em energia elétrica.
5. Subestação: A energia gerada pelo gerador é conduzida por cabos condutores de eletricidade até a subestação da
usina onde em um transformador elevador, a tensão é elevada de maneira adequada à condução de eletricidade.
Após explicar o funcionamento de uma usina termelétrica, divida a turma em duplas e peça que resolvam um
breve exercício a seguir, para fixação do conteúdo da aula até aqui ministrado.

Para que serve o condensador representado no fluxo de vapores após a turbina ilustrada no esquema da Figura
04?
Compare os esquemas: Figura 03 e Figura 04 e associe cada parte relacionada nela, numerando a segunda
coluna de acordo com a primeira:
1. Fornalha.............................................. ( ) Motorzinho
2. Caldeira.............................................. ( ) Latinha de refrigerante
3. Turbina................................................ ( ) Lamparina
4. Gerador............................................... ( ) Ventoinha.
 O condensador é utilizado para condensar os vapores e reaproveitamento da água na caldeira.
 A seqüência descendente na coluna será: 4-2-1-3.

http://t1.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcSlyNfgJd0tgZmI6557xgzapwi8oEqotgdggkhOziNY60RPwTwC

Parte III

Depois poderá exibir o seguinte filme, link abaixo, e utilizar essa animação. Se dispuser de recursos para os
alunos peça que, individualmente ou em duplas, acessem o endereço correspondente a essa animação; instrua-os para
que acompanhe cada passo da animação na ordem nela apresentada.

Antes de iniciar a apresentação peça aos alunos que individualmente ou em duplas copiem as seguintes
questões numa folha de papel ou caderno, e após ler com atenção as instruções esquematizadas na animação,
responda por escrito, a serem conferidas posteriormente.

1. Que tipo de combustível normalmente é usado em uma usina termoelétrica?


2. Qual a vantagem do condutor do combustível ser distribuído por vários tubos forrando a
superfície interna da fornalha ao invés de ser um, ou poucos tubos, no cento da fornalha?
3. O conjunto: câmara de combustão e fornalha, caldeira e turbina constituem uma máquina
térmica. O que você pode concluir do seu rendimento em relação ao calor fornecido à fornalha?
 Normalmente combustíveis fósseis: derivados do petróleo, carvão mineral, gás natural.
 Maior área exposta ao calor, portanto maior absorção de calor.
 Sendo uma máquina térmica seu rendimento será menor que 1 e muito provável bem
inferior a 100%.
Depois pergunte também:

4. Porque a tensão gerada deve ser elevada para um valor bem alto, para depois ser
transmitido à região de consumo?
 Para diminuir as perdas pelo efeito Joule; para a mesma potência, quanto maior a voltagem menor
a corrente, e a energia dissipada no condutor é proporcional ao quadrado da intensidade de
corrente elétrica, a resistência elétrica do condutor praticamente não varia.

Usinas termoelétricas
Recursos Educacionais
Nome Tipo

Usinas termoelétricas Animação/simulação


Recursos Complementares
Acesse os link abaixo, repassando para os alunos aqueles que julgarem convenientes, sugerimos os primeiros da
lista:

Termelétrica

http://www.scgas.com.br/info/termeletricacomum/idse/320

Energia Termoelétrica: Desvantagens e Vantagens

http://energiatermoeletrica.blogspot.com.br/2007/07/usinas-termoeltricas-desvantagens.html

Pantanal Energia

http://www.pantanalenergia.com.br/framestructure.asp?operation.asp

Usina Termelétrica

http://www.fcmc.es.gov.br/download/Usina_termeletrica.pdf

Usina termelétrica

http://www.feiradeciencias.com.br/sala12/12_T08.asp

Geração de energia elétrica

http://m.albernaz.sites.uol.com.br/geracao_de_energia_eletrica.htm
Avaliação
Sugerimos que divida a turma em grupos de 4 a 6 componentes, para fazerem uma consulta, via internet ou na
biblioteca, posteriormente apresentar e discutir, na sala de aulas, o seguinte tema: “Usinas termelétricas: vantagens e
desvantagens”.

Seria interessante e proveitoso fazer uma interação de atividades com outras disciplinas para debater o assunto,
com participação de outros professores, principalmente de áreas afins; além de ampliar as informações do assunto,
servirá também para ampliar o grau de conscientização aos alunos, muito importante principalmente nos dias de hoje.