Você está na página 1de 3

ALINHANDO A IGREJA: MINISTÉRIO

A vida cristã é muito mais do que simplesmente trazer mais pessoas para participar dos cultos de fim de semana
e que estas façam alguma contribuição financeira.

Uma das maiores necessidades do cristianismo evangélico hoje em dia é envolver, capacitar e liberar pessoas
para o ministério dentro do corpo de Cristo. Ativando os dons no povo de Deus, é desta forma que
desenvolvemos a unidade e crescemos juntos.

Paulo escreveu aos Coríntios: “O Espírito Santo manifesta o poder de Deus através de cada um de nós visando
o bem comum de toda a igreja” (1 Coríntios 12:7, NBV).

Imagine, por um momento, o impacto que poderíamos fazer em nossa cultura para o Reino de Deus, se milhões
de crentes fossem verdadeiramente equipados para ministrar para outras pessoas. Nós podemos mostrar ao resto
do mundo que os discípulos de Jesus são definidos por seu amor uns pelos outros.

A igreja precisa desse tipo de movimento. Igrejas que levantam e capacitam seus líderes têm maior
possibilidades de crescer, alcançando novas pessoas. É como nós verdadeiramente tornamos a igreja num
hospital para os doentes, em vez de um abrigo para santos.

E os crentes precisam desse tipo de fortalecimento, desesperadamente. Uma das melhores maneiras de levar as
pessoas a viverem uma vida abundante, uma vida de alegria transbordante é ajudá-las a estar em sintonia com a
forma com Deus as criou e ajudá-las a ver seu papel em Sua família como algo muito significativo.

Deus intencionalmente moldou e formou cada pessoa para servir a Ele de uma maneira que torne o seu
ministério único. Ele sabia as experiências de vida que cada indivíduo teria e que isso poderia ser resgatado
para seus propósitos. Davi louvou a Deus por esta incrível atenção pessoal aos detalhes que Deus deu em
projetar cada um de nós:

“O Senhor criou todas as partes internas do meu corpo; uniu todas essas partes para formar o meu corpo,
enquanto eu ainda estava no ventre de minha mãe. Agradeço ao Senhor por me ter criado de maneira tão
perfeita e maravilhosa! Suas obras são maravilhosas; e eu sei disso muito bem.” (Salmos 139:13-14, NBV).

Ethel Waters disse: "Deus não faz lixo".

Existem três componentes-chave envolvidos na construção de uma igreja que capacita os crentes para o
ministério ativo.

LÍDERES QUE ESTÃO COMPROMETIDOS


COM A CAPACITAÇÃO DE OUTROS

Líderes falam sobre a ‘delegar’ como um atributo de uma liderança efetiva. A “delegação” é muitas vezes
praticada apenas como uma forma de fazer menos, entregando tarefas a outras pessoas, mas quando vemos isso
como uma chance de capacitar outras pessoas para tarefas que as desenvolvem, delegar se torna uma
oportunidade de liderança.

Há sempre uma troca entre controle e crescimento. Líderes que capacitam pessoas, superam o medo de perder o
controle e de olhar além de sua tendência ao perfeccionismo. Para fazer isso, temos que valorizar as pessoas
mais do que as tarefas. Nós temos que nos tornar seguros de si e confiantes de que sempre há espaço para mais
pessoas crescerem em eficiência.
A verdade é que, os membros que servem no ministério em sua igreja podem alcançar e cuidar de muito mais
pessoas, de muitas outras maneiras do que você poderia apenas com seus dons pessoais, seu tempo e suas
experiências.

UM CULTURA DE SERVIDÃO
E O ESTILO DE LIDERANÇA
LÍDER SERVO

Jesus foi muito claro sobre isso. O caminho para a grandeza nunca é exercer poder sobre outras pessoas, mas
sim exercer poder sob eles para levantá-los e elevá-los.

A maioria das estruturas organizacionais em nossa cultura – governo, negócios, educação, militar, etc. - são
construídos em torno das estruturas de autoridade, onde o poder flui de cima para baixo. Mas o a igreja é
singularmente diferente.

Jesus começou uma organização na qual o poder flui para cima. Dito isto, aqueles que detêm mais influência
acabam por se decidir se vão manter nesse exemplo ou não. Quando as pessoas olham para seus líderes e veem
a servidão em ação, todos sentem a liberdade de seguir nesse caminho, em vez de perpetuando uma cultura de
competição e comparação.

Em última análise, quando damos exemplo de servos como líderes, nós capacitamos as pessoas a fazer uma
contribuição real – a de passar de consumidores a contribuintes em seus círculos de influência.

SISTEMAS QUE CONVIDAM


E EQUIPAM AS PESSOAS
A COMEÇAR

Um pastor saudável nutre uma igreja saudável criando um sistema intencional e bem planejado para descobrir,
mobilizar, e apoiar a desenvolvimento pleno dos dons de seus membros. Devemos dar as pessoas um processo
simples a seguir que os levará a um aprofundamento do compromisso e maior serviço para Cristo. Eles
precisam de um objetivo em qual eles possam avançar.

Por muitos anos, Saddleback Church vem utilizando uma seqüência de quatro classes destinadas a conduzir as
pessoas adiante em sua fé. Isto foi adaptado e utilizado por conhecidas e influentes organizações de plantação
de igrejas, denominações e igrejas de todos os tamanhos ao redor do mundo.

A primeira classe, muitas vezes referida como Classe 101, foi desenvolvida para mover pessoas da multidão
para a congregação - para compartilhar a visão e os valores da igreja, falar sobre os próximos passos, e chamar
as pessoas para uma decisão e um compromisso com o corpo.

A segunda classe, Classe 201, trata dos principais hábitos da maturidade espiritual, como doação, comunhão,
estudo da Bíblia e oração.

É incrivelmente importante, que durante essas duas primeiras classes, que as pessoas sejam conectadas a um
pequeno grupo. É aí que começa uma mudança real na vida das pessoas. É onde as pessoas começam a
aprender como elas foram formadas para servir outros crentes. E os pequenos grupos são o último estágio de
lançamento para enviar as pessoas para seu ministério e missão.

A terceira classe, Classe 301, vai a fundo em assuntos como dons espirituais, liderança servil e a natureza do
ministério. Uma grande parte desta classe é conhecida como "entrevista da FORMA", onde um líder do
ministério se senta com cada participante e fala através dos cinco aspectos que nos fazem quem somos:
• Dons Espirituais
• Coração
• Habilidades
 Personalidade
• Experiências
Os membros geralmente ficam surpresos ao saber que tudo que eles são, incluindo sua personalidade e as partes
difíceis de sua história, podem ser parte de como eles foram formados para ajudar os outros. As vezes, nosso
maior ministério surge realmente de nossas experiências dolorosas, quando Deus nos mostra como andar ao
lado de outros que estão sofrendo da mesma maneira que nós.

A quarta classe, Classe 401, ajuda as pessoas a entenderem a visão além das paredes da igreja - para entender
sua missão de vida no mundo.

Há pessoas em sua igreja com todos os tipos de talentos que não estão sendo usados: recrutadores,
pesquisadores escritores, paisagistas, entrevistadores, promotores, decoradores, planejadores, entretenimento,
consertadores, desenhistas e até aqueles que alimentam. Estas habilidades não devem ser desperdiçadas.

Independentemente do sistema exato que você implementa, é vital que as pessoas sejam levadas a descobrir
seus dons e que cada membro esteja conectado a um grupo.

Sem um pequeno grupo, indivíduos que tentam se conectar ao ministério na igreja de porte médio, acabam
frustrados e intimidados. Mas um pequeno grupo é um lugar onde as pessoas se animam a dar os próximos
passos juntos. Pequenos grupos fornecem apoio moral e amizade quando as pessoas estão dando passos para
tentar coisas novas.

O segredo mais bem guardado na igreja é que as pessoas estão morrendo de vontade de
fazer uma contribuição com suas vidas. Somos feitos para o ministério!
A igreja que entende isso e torna possível cada membro expressar sua FORMA no ministério,
experimenta uma incrível vitalidade, saúde e crescimento.

Muitas pessoas vivem no nível da sobrevivência. Elas não conseguem ir além do pensar no hoje e em existir.
Sua vida é pensar em pagar contas!

Muitos outros, particularmente nos países desenvolvidos, vivem no nível de sucesso. Dinheiro não é problema,
sempre tem. Eles têm casas e carros e posses. Eles estão alcançando e adquirindo.

Mas Deus quer que vivamos no nível da significância. Ele quer que cada crente cause impacto – que faça uma
contribuição.
Se você é um líder de igreja, você ajuda as pessoas a viverem além si mesmos.

Quando equipamos pessoas para o ministério e as liberamos para servir uns aos outros, o gigante adormecido
será despertado, e não será possível pará-lo.

Na Purpose Driven Church, queremos ser parceiros com você e sua igreja para estabelecer uma estrutura e
processo para a adoração de sua igreja, companheirismo, discipulado, ministério e evangelismo. Entre em
contato abaixo para começar sua jornada para uma igreja saudável e um homem saudável:

PD.CHURCH/START