Você está na página 1de 6

O PRINCÍPIO DA HONRA

Texto: Amós 8.11. Eis que vêm os dias, diz o Senhor Deus, em que enviarei fome sobre a
terra; não fome de pão, nem sede de água, mas de ouvir as palavras do Senhor.

Introdução: O resgate dos princípios Bíblicos nos leva, forçosamente, a um confronto


com a verdade, que irá gerar mudança de atitudes e retidão nas nossas ações em geral.

“Ninguém vos engane, quem pratica a justiça é justo, como Ele é Justo. Aquele que
vive na pratica do pecado é do Diabo”. (1Jo. 3.8).

VERDADE: “Os princípios são aprendidos primeiro para serem vividos e depois para
serem ensinados”.

2 - CONCEITO DA PALAVRA PRINCIPIO

Principio vem da palavra arke no grego, onde se originam as palavras arqueólogo (o que
estudo a origem busca o principio); e arquiteto (o que constrói desde o principio). Na
septuaginta, que é tradução da Bíblia para o grego, lemos em João 1.1 “Em arke em o
logos...”, “ no principio era o verbo”, ou seja, no principio era a palavra, a origem.

Princípios representam voltar à base. Voltar ao mover do Espírito Santo.

Por que entraremos em um mover. Porque o principio está no mover do Espírito.

3 - O MOVER DO ESPIRITO É O PRINCIPIO.

“No principio criou Deus os céus e a terra. A terra era sem forma e vazia; e havia trevas
sobre a face do abismo; e o Espírito de Deus se movia sobre as faces das águas”. (Gn.
1,1,2)..

- O mover não aproveitado vira MOVIMENTO, que é esfriamento que estanca o


crescimento.

- Um MOVIMENTO sem o mover de Deus. (barulho, rétété, movimentação em circulo,


como aconteceu com Israel no deserto).

- O MOVIMENTO quando parar vai virar um monumento. Ali houve um grande


avivamento, ou seja, um monumento de um movimento que já foi um mover.

- Depois do monumento, vem a morte, pois já não há mais aspirações maiores.

- Esse é o destino de todo e qualquer ministério ou igreja que não vive os princípios
bíblicos.

- Quando a morte vem, nem o monumento fica de pé, tudo cai e tem que ser enterrado.

Nesta fase, resta apenas a sepultura, o mausoléu. Apenas lembram que ali jaz um
ministério ou igreja onde o fogo de Deus descia, onde havia alegria, jubilo e milagres,
mas agora é apenas um passado sepultado, lembrado pelo mausoléu que foi construído.
Os princípios bíblicos praticados na nossa vida, permitirão que o mover de Deus
através das células nunca se torne um movimento, e vire um monumento, que morre e se
torna um mausoléu.

2 CONHECENDO O PRINCIPIO DA HONRA

TEXTO: Gn3. 1 Ora, a serpente era o mais astuto de todos os animais do campo, que o
Senhor Deus tinha feito. E esta disse à mulher: É assim que Deus disse: Não comereis de
toda árvore do jardim? 2 Respondeu a mulher à serpente: Do fruto das árvores do jardim
podemos comer, 3 mas do fruto da árvore que está no meio do jardim, disse Deus: Não
comereis dele, nem nele tocareis, para que não morrais. 4 Disse a serpente à mulher:
Certamente não morrereis. 5 Porque Deus sabe que no dia em que comerdes desse fruto,
vossos olhos se abrirão, e sereis como Deus, conhecendo o bem e o mal. 6 Então, vendo
a mulher que aquela árvore era boa para se comer, e agradável aos olhos, e árvore
desejável para dar entendimento, tomou do seu fruto, comeu, e deu a seu marido, e ele
também comeu. 7 Então foram abertos os olhos de ambos, e conheceram que estavam
nus; pelo que coseram folhas de figueira, e fizeram para si aventais. 8 E, ouvindo a voz do
Senhor Deus, que passeava no jardim à tardinha, esconderam-se o homem e sua mulher
da presença do Senhor Deus, entre as árvores do jardim. 9 Mas chamou o Senhor Deus
ao homem, e perguntou-lhe: Onde estás? 10 Respondeu-lhe o homem: Ouvi a tua voz no
jardim e tive medo, porque estava nu; e escondi-me. 11 Deus perguntou-lhe mais: Quem
te mostrou que estavas nu? Comeste da árvore de que te ordenei que não comesses? 12
Ao que respondeu o homem: A mulher que me deste por companheira deu-me a árvore, e
eu comi

Introdução: A HONRA É UMA SEMENTE DE ALEGRIA QUE TRAZ PROSPERIDADE.

Por outro lado, a DESONRA promove perda da presença de Deus, perda do Território
conquistado, a perda da liberdade da alma.

Iremos descobrir a partir dessa ministração a origem da honra e como preservá-la a fim
de alcançar bênçãos sem limites.

I - COMO COMEÇA A PROSPERIDADE

a) CREIA: a prosperidade é para você, não se exclua dela.

A prosperidade não é apenas para alguns. Quem limita os caminhos e as vias da


prosperidade são as próprias pessoas.

Jesus foi moído para que a prosperidade corresse em suas mãos. (Is. 53. 10 Todavia,
foi da vontade do Senhor esmagá-lo, fazendo-o enfermar; quando ele se puser como oferta pelo
pecado, verá a sua posteridade, prolongará os seus dias, e a vontade do Senhor prosperará nas
suas mãos.)

A prosperidade não se move sem princípios. O problema acontece quando alguém


quer prosperar sem guardar os princípios.

Diga - QUEM GUARDA PRINCÍPIOS É GUARDADO POR DEUS.


Se você está guardando princípios e não está vendo nada acontecer, não se preocupe.
Você está sendo moído, mas Deus vê o fruto do seu penoso trabalho.

b) Nada de atalhos!

A prosperidade tem um caminho construído sob os trilhos dos princípios. Caminhos


improvisados desviam da rota. Ex> não se pode usar o dizimo para comprar material
escolar ou pagar o IPVA, isso é atalho, quebra de princípios, leva a maldição.

c) Os três princípios que levam Israel a prosperar:


 Honrar á palavra e aos sacerdotes.
 Honrar à família.
 Honrar á organização em sua hierarquia.
 Israel aprendeu que honrar pais, obedecer a autoridades e servir a nação é plantar
honra. Pois prosperidade e honra são gêmeas, não se separam.

d) Veja como é a prosperidade do ímpio.

Alguém prosperou e não guarda o principio da honra. Isso não é prosperidade

Não é porque o traficante de drogas enriqueceu da noite para o dia que isso signifique
que ele prosperou.

(Sl. 37.16-18. 6 Mais vale o pouco que o justo tem, do que as riquezas de muitos ímpios. Pois
os braços dos ímpios serão quebrados, mas o Senhor sustém os justos. O Senhor conhece os
dias dos íntegros, e a herança deles permanecerá para sempre.).

II CRIAR HABITOS HIERARQUICOS DE HONRA. (I Tm. 2.1-3).

Crie o habito de orar pelos que são autoridade sobre a sua vida: Governantes, pais,
dissimuladores, pastores, etc.

a) Honrar com honestidade. Honrar é ser honesto. Há pessoas que honram por
fora, mas por dentro são víboras.

b) Você acha honesto um líder ou discípulo dizer que faz parte da Visão Celular
no e não ser da visão. Querendo apenas participar dos benefícios. Eles não
são da visão, mas comem da visão, são supridos pela visão. Como alguém diz faz
parte da visão, e não é um líder e não tem discípulos! Para comer e beber da
visão temos que ter pelo menos gerado 3 discípulos!

c) Apresentar-se com honra: os frutos da visão. A honra é o fruto do trabalho. O


fruto respalda o ministério e nos faz entrar na prosperidade.
d) Comportar-se decentemente. Saber honrar com decência, não sob as bases do
orgulho como Himeneu e Fileto. Onde há o orgulho há a dissidência da honra. Pois
a humildade precede a honra.

e) Ser decoroso. Sabe entrar pedindo licença, dar lugar aos mais velhos, estar
disposto a servir. Respeito é principio de honra.

f) Importar-se com os outros. A honra nos faz sensíveis à dor do outro.

g) Ser ético e justo. Vida correta, com julgamento correto e justo. A honra não é
discurso, é pratica!

Entrega as coroas de desonra

O PRINCÍPIO DA HONRA.

Introdução: A honra tem um caminho construído, não aceita atalhos. A partir de agora,
nada de atalhos, pois caminhos improvisados desviam a rota.

A introdução da honra na nossa vida não é fácil, mas precisamos abrir o entendimento e
colocar em pratica esses princípios.

alguns aspectos da Honra:

 Honrar é ser honesto. Há pessoas que honram por fora, mas por dentro são
víboras.
 Honrar é apresentar-se com frutos.
 Honrar é comportar-se decentemente.
 Honrar é importar-se com os outros.
 Honrar é ser ético e justo.
 Honrar não é ato de discurso, é pratica.

Não se nasce com honra, honra é conquistada e nela se caminha todos os dias. Quem
entende o que é honra tem facilidade para honrar, quem não entende acha que é puxa-
saquismo, vive cego, perdeu a benção, é mesquinho, não reconhece o trabalho de
ninguém e jamais será reconhecido.

A pobreza é falta de principio da honra. Deus vai nos inserir em novos planos e
patamares, vestiremos vestes novas, e deixaremos os trapos velhos para sempre!

O principio da honra é a volta a origem. É ser confrontado com os princípios bíblicos


em contraste com os maus hábitos e costumes que são ensinados em nossos tempos
pelos infiéis.

Deus é um restaurador de honra! “A figueira já deu os seus figos, e as vides em flor


exalam o seu aroma..”. (Ct. 2.13). É honroso ser frutífero e fiel!

I O CONFRONTO QUE PRODUZ HONRA.

Para aprendermos os princípios da honra precisaremos ser confrontados pela palavra:


“Todo mundo que vai prosperar, vai passar pelo confronto”.

 O confronto é a semente para a cura.


 O confronto é necessário porque as pessoas estão acostumadas a fazerem o que
elas querem.
 Enquanto não aprendermos a confrontar individualmente pelo discipulado, não
alcançaremos o entendimento da verdade.
 Não se confronta no coletivo, se exorta no coletivo.
 Deus foi o sacerdote, todos os dias de Adão, mas no dia que entrou desonra,
Deus foi Juiz implacável, nominou pecado e individualizou tratamento. Deus
chamou o homem, depois a mulher e por fim a serpente. E os disciplinou
individualmente.
 “Não é que eu não queria a semente da honra, era porque eu não era desatado”.
 Pastor é aquele que faz encaminhamentos corretos.
 Tratamento de caráter não pode ser no coletivo, tem que ser individualizado. As
pessoas nunca vão aprender a rota da honra se tivermos medo de perder
membros.

Verdade: “Quando a igreja não tem confronto ela é formada de conhecimento humano de
membros, quando a igreja é confrontada na hora certa, em razoes corretas, por
motivos corretos, ela se torna uma comunidade de discípulos”. (exemplo: dizimistas).

Sem confronto, você vai gerar rebelde na equipe!

Não é fácil transacionar mentes, porque as pessoas estão acostumadas com a desonra
e desacostumadas com a honra.

Fazer a entrega das coroas de desonra diante do trono

A FALTA DE RESPEITO PARA COM UM LIDER É MALDIÇAO!

“Então subiu dali a Betel. Indo ele pelo caminho, uns rapazinhos pequenos saíram da
cidade, e zombaram dele, dizendo: Sobe calvo! Sobe calvo! Virando-se ele para trás, viu-
os e os amaldiçoou em nome do Senhor. Então duas ursas saíram do bosque, e
despedaçaram quarenta e dois daqueles rapazes!”. 2 Rs. 2. 23,24.

O termo “calvo”, não se referia apenas á perda de cabelo, mas significava também
“companheiro (discipulo) inútil”.

Entender os princípios de hierarquia, respeitar autoridades é muito importante para que


prosperemos. Precisamos ter referencial honrar autoridade. Assim colocamos a coisa em
ordem.

A HONRA E A CONSOLIDAÇAO DO EXITO.


Construir os relacionamentos de liderança dentro de um modelo que possibilite cura e
fidelidade dentro da igreja.

Os DISCIPILOS têm que honrar aquele que os investiu de autoridade. Pois aquele que
cumpre princípios se tornara LIDER de um grande avivamento.

Os LIDER têm que ser honrados pelos discípulos, na mesma medida de honra que
semeiam na vida de outro.

Os DISCIPULOS têm que ser honrados como filhos, e confrontados como filhos e
disciplinados como filhos.

Deus nesta noite vai libera uma unção de libertação e cura

na presença do espírito santo

1 - Ato Profético:
Monta um trono, ter um mato real e uma coro, fazer umas coroa de papelão e dar a cada um,
simbolizando os nossos argumentos ( estamos coroados com os nossos argumentos e não
queremos abrir mão deles) elas devem ser depositadas diante do trono enquanto isto o líder
espiritual ministra honra a Deus e entrega as coroas dos nossos argumentos ministra honra e
desonra, depois pede para cada um tocar no trono.