Você está na página 1de 4

Leia o poema a seguir, de Roseana Murray, e responda às questões.

Noite de São João

Na noite de São João


as estrelas pensam
que são balões,
e a lua em chamas
se derrama na fogueira.
Uma a uma, as bandeirinhas
vão fugindo dos quadros
do Volpi
e enfeitando a cidade
de todas as cores
e assombros.
Tem forró e casamento
na roça,
tem documento assinado
pelo rei,
moça bonita de vestido de chita,
canjica, pé de moleque
e quentão.
Na noite de São João
ninguém fica triste,
ninguém fica sozinho,
e a festa só acaba
quando o sol volta
do Japão.

(Pera, uva ou maçã? São Paulo: Scipione. 2005. p.14.)

1. Identifique o sujeito e o predicado das seguintes orações do poema.

a) "e a lua em chamas se derrama na fogueira"


b) "Uma a uma, as bandeirinhas vão fugindo dos quadros do Volpi"
c) "Na noite de São João ninguém fica triste"
d) "o sol volta do Japão"
e) "as bandeirinhas vão enfeitando a cidade de todas as cores e assombros"

2. Nos versos de 12 a 18 do poema, foi empregado o verbo ter, em vez do verbo haver, que é
recomendado pela norma-padrão quando seu significado, na oração, é existir.

a) Substitua o verbo ter por haver. Como ficaram as orações?


b) Conclua: Por que a autora do poema preferiu empregar o verbo ter nesses versos?
1. Observe o poema abaixo, de José Paulo Paes.
Esse poema tem 2 orações, separe-as:
O homem olha o micróbio
Pelo microscópio.
O micróbio olha o homem
Pelo telescópio.

1ª: __________________________________________
2ª: ___________________________________________

a)Qual é o sujeito de cada oração? 1 ª.______________________ 2ª.________________________

b)Qual é a ideia principal do poema?

c) O que muda de uma oração para outra?


( ) apenas o sujeito ( ) sujeito, objeto e o instrumento ( ) só o instrumento

2. Leia a oração abaixo e sublinhe o verbo: “Na rua, ao sol de verão, envenenado morria um pobre cão.”
Qual é o sujeito? __________________

3. Identifique o verbo, sublinhe o sujeito (quando houver) e indique a classificação em cada frase.

Ex.:. Você e ele também são importantes. Sujeito composto

a. Fala-se muito.
b. Não existe essa possibilidade
c. Há muitas vagas
d. Chegaram ele e o irmão.
e. Apareceu no bairro um novo circo.
f. Faz muito calor nessa época.
g. Fui ao médico hoje pela manhã.
h. São felizes essas crianças..

4. Assinale a única oração que não possui sujeito:


a. ( ) Choveu tomate sobre ele. b. ( ) Queixou-se da prova.
c. ( ) Havia saído o aluno. d. ( ) Neva muito n Europa

5.Escreva nos parênteses:

OSS - para oração sem sujeito ( ) Pai e filho estão com dengue.
SC - para sujeito composto ( ) Falaram mal de você.
SS - para sujeito simples ( ) Júlia foi bem no ENEM.
SI - para sujeito indeterminado ( ) Os rapazes devem ser mais educados.
SO - para sujeito oculto ( ) Chovia muito.
( ) Amanheceu antes do horário previsto.
( ) Ontem fomos ao cinema
( ) Faz três anos ...
( ) São cinco horas.
( ) Vende-se casas.
1. Observe o poema abaixo, de José Paulo Paes. a. Fala-se muito. Sujeito indeterminado

Esse poema tem 2 orações, separe-as: b. Não existe essa possibilidade . Sujeito simples

c. Há muitas vagas Oração sem sujeito

O homem olha o micróbio d. Chegaram ele e o irmão. Sujeito composto

Pelo microscópio. e. Apareceu no bairro um novo circo. Sujeito simples

O micróbio olha o homem f. Faz muito calor nessa época. Inexistente ou Oração
sem sujeito
Pelo telescópio.
g. Fui ao médico hoje pela manhã. Sujeito oculto (eu)
1a: O homem olha o micróbio pelo microscópio.
h. São felizes essas crianças. Sujeito simples
2a O micróbio olha o homem pelo telescópio.

www. textoemmovimento.blogspot.com.br 2
a)Qual é o sujeito de cada oração?
i. Trovejou. Inexistente ou Oração sem sujeito.
1 a: O homem.
4. Assinale a única oração que não possui sujeito:
2a O micróbio.
a. ( ) Choveu tomate sobre ele. b. ( ) Queixou-se da
b)Qual é a ideia principal do poema? prova.
(a ideia é que tudo depende do ponto de vista, ou da
c. ( ) Havia saído o aluno. d. (X ) Neva muito na Europa
posição em que se encontra)

Sugestão:
5.Escreva nos parênteses:
Cada um vê de acordo com o seu ponto de vista.
OSS - para oração sem sujeito
c) O que muda de uma oração para outra?
SC - para sujeito composto
( ) apenas o sujeito ( X ) sujeito, objeto e o instrumento (
) só o instrumento SS - para sujeito simples

2. Leia a oração abaixo e sublinhe o verbo: “Na rua, ao SI - para sujeito indeterminado
sol de verão, envenenado
SO - para sujeito oculto
morria um pobre cão.”
( SO ) Ontem fomos ao cinema
Qual é o sujeito? Um pobre cão
(OSS) Faz três anos ...
3. Identifique o verbo, sublinhe o sujeito (quando
houver) e indique a (OSS) São cinco horas.

classificação em cada frase. (SI ) Vende-se casas.

Ex.:. Você e ele também são importantes. Sujeito (SC) Pai e filho estão com dengue.
composto (SI ) Falaram mal de você.
(SS ) Júlia foi bem no ENEM.

(SS ) Os rapazes devem ser mais educados.

(OSS) Chovia muito.

(OSS) Amanheceu antes do horário previsto.

02 – Complete as palavras
usando G ou J nos espaços:

A) CANJICA
B) LOJISTA
C) CEREJEIRA
D) GORJETA
E) VIAJAR
F) VIAGEM
G) AREJAR
H) ENFERRUJAR
I) CORAGEM
J) ESTIAGEM
K) VERTIGEM
L) FULIGEM
M) FERRUGEM
N) PENUGEM
O) JILÓ
P) BERINJELA
Q) ACARAJÉ
R) JECA
S) JERIMUM
T) ADÁGIO
U) PRIVILÉGIO
V) VESTÍGIO