Você está na página 1de 10

• De acordo com o comando a que cada um dos itens de 1 a 50 se refira, marque, na folha de respostas, para cada item: o campo

designado com o código C, caso julgue o item CERTO; ou o campo designado com o código E, caso julgue o item ERRADO.
A ausência de marcação ou a marcação de ambos os campos não serão apenadas, ou seja, não receberão pontuação negativa. Para
as devidas marcações, use a folha de respostas, único documento válido para a correção das suas provas.
• Sempre que utilizadas, as siglas subseqüentes devem ser interpretadas com a significação associada a cada uma delas, da seguinte
forma: CF = Constituição Federal; DF = Distrito Federal; DST = doenças sexualmente transmissíveis; FNS = Fundo Nacional
de Saúde; MS = Ministério da Saúde; RENAST = Rede Nacional de Atenção Integrada à Saúde dos Trabalhadores;
SUS = Sistema Único de Saúde.

CONHECIMENTOS BÁSICOS
Com relação ao que dispõe a CF acerca da assistência à saúde, A Vigilância em Saúde do Trabalhador no âmbito do SUS
julgue os seguintes itens. (VISAT/SUS) vem atendendo a preceito constitucional que
 Conforme o texto constitucional, as ações e os serviços estabelece como uma das competências do SUS executar as ações
públicos de saúde integram uma rede regionalizada e de saúde do trabalhador. Acerca desse campo de atuação do SUS,
hierarquizada que constitui um sistema único, organizado
julgue os próximos itens.
de acordo com as seguintes diretrizes: atendimento
integral, priorizando-se as atividades assistenciais;
 Um dos objetivos da VISAT/SUS é conhecer a realidade de
descentralização, com dupla direção na esfera municipal,
a partir de parcerias estabelecidas entre estados e saúde da população trabalhadora, independentemente da forma
municípios; participação da comunidade. de inserção desta no mercado de trabalho e do vínculo
 É vedado às instituições privadas, incluindo-se as trabalhista estabelecido.
filantrópicas e as entidades sem fins lucrativos, o
 Apesar de a intervenção nos fatores determinantes de agravos
estabelecimento de convênios ou de contratos de direito
público para participarem do SUS. à saúde da população trabalhadora não ser alvo de ação do
 É vedada a destinação de recursos públicos para auxílios setor saúde, estudar esses fatores e avaliar as intervenções de
ou subvenções às instituições privadas com fins lucrativos. setores afins são objetivos centrais da VISAT/SUS.
 É vedado todo tipo de comercialização, no que concerne às  A divulgação sistemática de informações analisadas e
condições e aos requisitos para a remoção de substâncias,
órgãos e tecidos humanos, para fins de transplante, consolidadas sobre a saúde do trabalhador no Brasil constitui
pesquisa e tratamento. objetivo da VISAT/SUS, em anos recentes.
 É permitida a participação direta de capitais estrangeiros  A RENAST tem como objetivo integrar a rede de serviços do
na assistência à saúde no Brasil.
SUS voltados à assistência e à vigilância, para o
Julgue os itens a seguir, acerca da Lei n.º 8.142/1990, que desenvolvimento das ações de saúde do trabalhador.
dispõe sobre a participação da comunidade na gestão do SUS
e sobre as transferências intergovernamentais de recursos  São estratégias para a expansão da RENAST: a inclusão das
financeiros na área da saúde. ações de saúde do trabalhador na atenção básica; a
 As instâncias colegiadas do SUS são as seguintes: implementação das ações de vigilância e promoção em saúde
conferência de saúde e conselhos de saúde. do trabalhador; a instituição e indicação, com relação à saúde
 Cabe à conferência de saúde avaliar, na esfera de governo do trabalhador, de serviços de retaguarda, de média e alta
de sua competência, a situação de saúde e propor as complexidade, já instalados, denominados Rede de Serviços
diretrizes para a formulação da política de saúde nos níveis
Sentinela.
correspondentes.
 A conferência de saúde deve ser convocada, anualmente, O MS vem empenhando esforços no sentido de implantar a Política
por determinação conjunta dos Poderes Legislativo e Nacional para Prevenção, Diagnóstico e Tratamento de DST, HIV
Executivo.
e AIDS e de incentivar ações sustentáveis nessa área. A respeito de
 Para o recebimento dos recursos do FNS alocados para
tal política, julgue os itens seguintes.
cobertura de ações e serviços de saúde, os municípios, os
estados e o DF devem apresentar, no respectivo orçamento,
 O objetivo dessa política é reduzir a incidência de HIV e
contrapartida de recursos para a saúde.
melhorar a qualidade de vida dos portadores do vírus HIV e
 Essa lei estabelece que o não-atendimento pelos
municípios dos requisitos estabelecidos para o recebimento dos que contraíram AIDS.
dos recursos do FNS destinados à cobertura de ações e  No que se refere ao tratamento de DST/AIDS, constitui meta
serviços de saúde implica a retenção e inativação imediata
dos recursos na esfera federal até a apresentação de para os próximos cinco anos a instituição de obrigatoriedade
justificativas e julgamento do caso pelas instâncias de acesso universal e gratuito aos medicamentos anti-
colegiadas. retrovirais no sistema público de saúde do Brasil.

UnB/CESPE – MS/PS III e IV


Prova objetiva de Conhecimentos Básicos para todas as áreas de atuação –1–

www.arqconcursos.com.br
 Inclui-se, entre as estratégias do Programa Nacional de  O direito à saúde, além de qualificar-se como direito
Combate a DST/AIDS, no que concerne à política de fundamental que assiste a todas as pessoas, representa
diagnóstico, a promoção, nos centros de testagem e conseqüência constitucional indissociável do direito à vida. O
aconselhamento, do aconselhamento, pré e pós-teste, a poder público, qualquer que seja a esfera institucional de sua
pessoas que desejem fazer a testagem anti-HIV. atuação no plano da organização federativa brasileira, não
pode mostrar-se indiferente ao problema da saúde da
 De acordo com dados do Programa Nacional de Combate
população, sob pena de incidir, ainda que por censurável
a DST/AIDS, até 1995, as taxas de incidência de AIDS no
omissão, em grave comportamento inconstitucional.
Brasil — número de casos novos da doença dividido pelo
 Segundo o Supremo Tribunal Federal, o direito à busca da
número de habitantes — foram crescentes, mas, em anos
felicidade é um consectário do princípio da dignidade da
recentes, vem-se registrando, em todas as regiões do país,
pessoa humana.
tendência à estabilização das taxas de incidência dessa
 Na hipótese de um estado vincular a receita de uma taxa a
síndrome.
determinado órgão, fundo ou despesa, haverá violação da
 Entre as estratégias dessa política, destaca-se a criação de cláusula constitucional da não-afetação da receita oriunda de
incentivos financeiros no âmbito do programa nacional de impostos.
combate ao HIV, à AIDS e a outras doenças sexualmente
 Caso determinado estado da federação tentasse se separar do
transmissíveis, uma modalidade de financiamento pelos
Brasil, tal ato não ensejaria a decretação da intervenção federal
mecanismos regulares do SUS, com repasse automático do naquele estado, porque a própria CF estabeleceu núcleos de
FNS aos fundos estaduais e municipais de saúde. poder político, conferindo autonomia ao referido ente.

Acerca do direito constitucional, julgue os seguintes itens.  Quanto à competência legislativa concorrente, em caso de
inércia da União, inexistindo lei federal sobre normas gerais,
 A administração pública, por força de sua natureza e
os estados não poderão suplementar a competência da União
função, observado o due process of law, tem o dever-poder e legislar a respeito dessas normas, pois aos estados só cabe
de anular seus próprios atos, quando ilegítimos ou ilegais. legislar sobre normas específicas.
 Cabe ao Poder Judiciário, no estado democrático de  Caso uma lei distrital divida o DF em municípios, a exemplo
direito, zelar, quando provocado, para que o administrador do que acontece com os estados-membros, tal lei não será
atue nos limites da juridicidade, competência que não se inconstitucional, pois o DF é uma unidade federativa
resume ao exame dos aspectos formais do ato, mas abrange autônoma, visto que possui capacidade de auto-organização,
a aferição da compatibilidade de seu conteúdo com os autogoverno, auto-administração e autolegislação.
princípios constitucionais, como os da proporcionalidade  O direito de permanecer em silêncio corresponde à garantia
e da razoabilidade. fundamental intrínseca do direito constitucional de defesa.

 A proibição do preenchimento de cargos em comissão por  Se alguém permanecer preso cautelarmente, por período
cônjuges e parentes de servidores públicos é medida que prolongado, de forma abusiva e irrazoável, haverá ofensa
concretiza o princípio da moralidade administrativa, o qual frontal ao princípio da dignidade da pessoa humana.
deve nortear toda a administração pública, em qualquer  Os direitos de caráter penal, processual e processual penal
esfera de poder. cumprem papel fundamental na concretização do moderno
estado democrático de direito. A aplicação escorreita ou não
 A CF, em norma revestida de conteúdo vedatório,
dessas garantias é que permite avaliar a real observância dos
desautoriza, por ser incompatível com os postulados que
elementos materiais do estado de direito.
regem uma sociedade fundada em bases democráticas,
qualquer prova cuja obtenção, pelo poder público, derive  A idéia do estado de direito também imputa ao Poder

de transgressão a cláusulas de ordem constitucional, Judiciário o papel de garantidor dos direitos fundamentais.

repelindo quaisquer elementos probatórios que resultem de  A CF não permite participação de capital estrangeiro nas
violação do direito material ou processual. instituições que integram o Sistema Financeiro Nacional.

UnB/CESPE – MS/PS III e IV


Prova objetiva de Conhecimentos Básicos para todas as áreas de atuação –2–

www.arqconcursos.com.br
Julgue os itens a seguir, acerca da Lei n.º 9.784/1999, que Julgue os itens que se seguem, a respeito dos poderes da
regula o processo administrativo no âmbito da administração administração, dos atos administrativos, da discricionariedade, da
pública Federal; da Lei n.º 8.112/1990, que dispõe sobre o
vinculação e do Código de Ética Profissional do Servidor Público
regime jurídico dos servidores públicos civis da União, das
Civil do Poder Executivo Federal.
autarquias e das fundações públicas federais; e da Lei n.º
8.666/1993, que institui normas para licitações e contratos da
 Caso a administração pretenda aplicar, de modo legítimo,
administração pública.
sanções administrativas decorrentes do exercício do poder de
 A Lei n.º 9.784/1999, sem estabelecer distinção entre atos polícia, o ato praticado pelo administrado deverá estar
nulos e anuláveis, estabelece que o direito da administração previamente definido pela lei como infração administrativa.
de anular atos administrativos de que decorram efeitos
favoráveis aos administrados decai em cinco anos,  Se um servidor público tiver requerido suas férias para o mês
contados da data em que foram praticados, salvo de fevereiro de 2009, o chefe da repartição poderá indeferi-las
comprovada má-fé. sem deixar expresso no ato o motivo do indeferimento. Se,
 De acordo com a Lei n.º 8.112/1990, no procedimento todavia, o indeferimento se der sob a alegação de que há falta
administrativo disciplinar, quando o relatório da comissão de pessoal na repartição e o servidor público provar que, ao
contrariar as provas dos autos, a autoridade julgadora
contrário, há excesso de pessoal, o ato estará viciado
poderá, motivadamente, agravar a penalidade proposta,
no motivo.
abrandá-la ou isentar o servidor de responsabilidade.

 Caso um administrador pretenda alienar bens imóveis da  Caso a administração pretenda demolir uma obra que
administração pública, tal alienação deverá estar apresenta risco iminente de desabamento, deverá antes,
subordinada à existência de interesse público devidamente recorrer ao Poder Judiciário.
justificado, e, em regra, será precedida de avaliação e
 Caso a administração autorize o estacionamento de veículos
licitação na modalidade de concorrência. Por se tratar de
bens imóveis, não será necessária autorização legislativa. particulares em terreno público, tal autorização pode ser

 Na hipótese de a União necessitar intervir no domínio classificada, quanto ao seu efeito, como ato enunciativo.

econômico para regular preços ou normalizar o  Os fatos e atos verificados na conduta do dia-a-dia do servidor
abastecimento, a licitação será inexigível.
público em sua vida privada não poderão acrescer ou diminuir
 De acordo com a Lei n.º 9.784/1999, o órgão competente o seu bom conceito na vida funcional.
perante o qual tramita o processo administrativo
determinará a intimação do interessado para ciência de  Caso um servidor público deixe os administrados à espera de
decisão ou a efetivação de diligências. Caso tal intimação solução que compita ao setor em que exerce suas funções,
não seja atendida pelo administrado, estarão configurados permitindo a formação de longas filas, tal atitude caracterizar-
o reconhecimento da verdade dos fatos e a renúncia ao
se-á contrária à ética ou como ato de desumanidade, mas não
direito por parte deste.
se poderá falar em grave dano moral aos usuários dos serviços
 De acordo com a Lei n.º 9.784/1999, na instrução do
públicos.
processo administrativo, em caso de risco iminente, a
administração pública poderá, motivadamente, adotar  O atributo da imperatividade existe em relação a todos os atos
providências acauteladoras, desde que haja prévia administrativos, venham eles a impor obrigações (como nos
manifestação do interessado. atos ordenatórios e punitivos) ou a conferir direitos ao
 O servidor público que sofrer limitação em sua capacidade administrado (como na permissão, licença e autorização).
mental, conforme verificado em inspeção médica, deverá
 Caso a administração consinta que determinados moradores
ser reconduzido para cargo de atribuições afins, respeitada
a habilitação exigida, o nível de escolaridade e a fechem temporariamente uma rua com vistas à realização de
equivalência de vencimentos. festa popular, tal ato de consentimento constituirá uma licença.

UnB/CESPE – MS/PS III e IV


Prova objetiva de Conhecimentos Básicos para todas as áreas de atuação –3–

www.arqconcursos.com.br
De acordo com o comando a que cada um dos itens de 51 a 120 se refira, marque, na folha de respostas, para cada item: o campo
designado com o código C, caso julgue o item CERTO; ou o campo designado com o código E, caso julgue o item ERRADO.
A ausência de marcação ou a marcação de ambos os campos não serão apenadas, ou seja, não receberão pontuação negativa. Para as
devidas marcações, use a folha de respostas, único documento válido para a correção das suas provas.

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS
Considerar os equipamentos e o mobiliário é Os projetos de estabelecimentos assistenciais de saúde (EASs)
fundamental para a configuração definitiva dos ambientes, o que resultam de um programa complexo, pois
normalmente se faz após a aprovação do estudo preliminar.  deve-se evitar a paralisação das atividades de saúde para
O dimensionamento final dos ambientes depende dos fazer modificações nos edifícios, procurando não restringir
equipamentos e do mobiliário de cada um. Não se deve o fluxo de pessoas. Sendo assim, a previsibilidade do
dimensionar um ambiente nem a mais, nem a menos. O ideal é arquiteto é mais importante do que a flexibilidade do
que ele tenha o tamanho necessário, considerando uma certa edifício.
folga, porque os equipamentos estão sempre mudando. O  tal programa requer uma coordenação modular que
posicionamento dos equipamentos e do mobiliário orienta os compatibilize todos os elementos da construção.
projetos de instalações, pois, caso eles não estejam no lugar, não  este deve prever um sistema de circulação diferenciada e
será possível definir adequadamente o leiaute que vai condicionar hierarquizada.
a colocação de tomadas, dos pontos de luz, de água e de esgoto.  aos edifícios hospitalares são incorporados constantemente
A definição de tal posicionamento serve também para orientar equipamentos tecnológicos mais avançados.
projetos complementares mais específicos, como a instalação de  os EASs funcionam como uma escola para alunos de
ar condicionado e a localização das centrais de serviços. residência médica.

Roberto Nadalutt (com adaptações). Quanto às técnicas de desenho e projeto de arquitetura, julgue o
item abaixo.
Tendo como referência inicial o texto acima, e considerando que,
 A planta humanizada, voltada para a compreensão do projeto
ao projetar um centro cirúrgico ou um simples posto de pelo leigo, faz parte do estudo preliminar. É interessante
enfermagem, o arquiteto deverá ter uma perfeita noção dos apresentar um desenho com cores, sombras, texturas e
objetivos e do funcionamento da unidade ou do ambiente e, indicações de equipamentos e mobiliário que permitem a
ainda, das relações desses espaços funcionais com os demais, dedução da escala.
julgue os itens subseqüentes. As áreas hospitalares são classificadas, segundo o risco
potencial de infecções, em críticas: aquelas que oferecem risco
 Ao projetar as instalações prediais e especiais onde será potencial para o paciente adquirir uma infecção, seja devido aos
colocado um estabelecimento assistencial de saúde é procedimentos realizados, seja pela imunodepressão do paciente
fundamental que o profissional esteja ciente do conjunto de que as ocupa, seja devido à manipulação de materiais infectantes,
informações que levaram ao leiaute. seja devido às particularidades que nelas se desenvolvem; semi-
críticas: aquelas ocupadas por pacientes acometidos de doenças
 O leiaute definitivo do ambiente resulta do posicionamento não-infecciosas e doenças infecciosas não-transmissíveis; não-
dos equipamentos e do mobiliário, após a aprovação do críticas: todas as áreas hospitalares que teoricamente não
estudo preliminar. apresentam risco de transmissão de infecção.
Internet: <www.eps.ufsc.br> (com adaptações).
 É importante considerar a existência de folgas de área para
atender as mudanças, pois o dimensionamento do ambiente Com base na classificação acima descrita, que é adotada pelo MS,
depende dos equipamentos, que, a cada dia, se tornam mais julgue os próximos itens.
eficientes e menores.
 São consideradas áreas críticas o centro cirúrgico, as salas de
 Projetos complementares como a utilização de ar recuperação pós-anestésica, a unidade de terapia intensiva,
condicionado, ar comprimido e oxigênio, e a localização de o pronto-socorro, o berçário e o expurgo das unidades de
suas respectivas centrais, decorrem do posicionamento dos atendimento e internação.
equipamentos e do mobiliário.  A anatomia patológica, destinada à realização de análises
clínicas necessárias ao diagnóstico e à orientação terapêutica
 A relação de espaços específicos, como um centro cirúrgico
de pacientes, é considerada uma área não-crítica, já que não
ou um simples posto de enfermagem, com o fluxograma possui restrição quanto ao acesso de pacientes e
geral do hospital independe do leiaute. funcionários.

UnB/CESPE – MS/PS Nível IV


Área de Atuação 3: Elaboração de Projetos em Saúde (Arquiteto) –1–

www.arqconcursos.com.br
De acordo com a NBR 9.077/1993, que trata da saída de Quanto aos estilos arquitetônicos, julgue os itens que se seguem.
emergência em edifícios, as escadas devem atender a todos os  Arco botante, abóbada de nervuras, vitral e rosácea são
pavimentos acima e abaixo da descarga, mas devem terminar alguns dos elementos que caracterizam a arquitetura gótica.
obrigatoriamente no primeiro piso, não podendo ter comunicação  A ordem dórica é a mais ornamentada das três ordens
direta com outro lanço na mesma prumada. A figura I a seguir arquitetônicas gregas e romanas.
ilustra esse caso.  Produzir uma arquitetura sem ornamentos tornou-se uma
bandeira para os arquitetos pós-modernos.
lanços dos andares altos ao piso da descarga
 As frases “menos é mais” e “a forma segue a função” foram
consideradas sínteses do ideário renascentista.
terminação da escada
no piso da descarga,  A arquitetura moderna foi caracterizada por um discurso
sem comunicação direta
com outro lanço da
social e estético de renovação do ambiente de vida do
mesma prumada homem contemporâneo, baseado na crença em uma
piso da sociedade regulada pela produção industrial.
descarga
 Entre as estratégias da arquitetura pós-moderna está a
reavaliação do papel da história na composição
lanços dos andares inferiores ao piso da descarga arquitetônica, principalmente como meio de crítica ao
Figura I – segmentação das escadas no piso da descarga Modernismo.
 Planta livre, fachada livre, pilotis, terraço-jardim e janelas
Segundo a NBR 9.050/2004, que trata da acessibilidade, as rotas em fita constituem os cinco pontos que resumem o ideário
de fuga devem atender ao disposto na ABNT NBR 9.077/1993. estético dos arquitetos modernistas brasileiros.
Quando tais rotas incorporarem escadas de emergência, devem  As imagens mostradas abaixo referem-se a exemplos de
arquitetura desconstrutivista.
ser previstas áreas de resgate com espaço reservado e demarcado
para o posicionamento de pessoas em cadeiras de rodas,
dimensionadas de acordo com o M.R., ou seja, a área deve ser
ventilada e fora do fluxo principal de circulação, conforme
exemplificado na figura II abaixo.

Entre o ontem e o hoje, registram-se mudanças,


transformações estruturais nas práticas intervencionistas em sítios
históricos: evolui-se do monumento isolado e seu entorno
imediato à monumentalidade dos conjuntos urbanos,
compreendidos como um todo único constituído não apenas por
Figura II – áreas reservadas Figura III – área de resgate monumentos isolados, mas também pelo traçado urbano e outras
para cadeiras de rodas em áreas para pessoas com deficiência edificações; passa-se da integração por contraste e preservação de
de resgate perspectivas e gabaritos à integração contextual mediante a busca
pelo diálogo estético/formal, morfológico/tipológico; e avança-se
Tendo em vista as normas acima citadas e as figuras ilustrativas, no sentido da noção de patrimônio como bem econômico/cultural,
ampliando-se a idéia de patrimônio associada, exclusivamente, à
julgue os seguintes itens. identidade da Nação. Entre outras transformações, a idéia de
preservação, sob a perspectiva econômico-cultural, passa,
 A parede entre os lances da escada (figura I) foi colocada obrigatoriamente, pela noção de readequação do antigo edifício
para forçar a fuga para fora do edifício. às novas demandas programáticas, de uso, da sociedade.
Medeiros. Intervenções modernistas e pós-modernistas
 A figura II (NBR 9.050) não está de acordo com a figura I em sítios históricos, 2004 (com adaptações).

(NBR 9.077), pois nesta última não foi previsto o espaço


Tendo o texto acima como referência, julgue os próximos itens
(M.R.) para duas cadeiras de rodas. acerca dos aspectos por ele abordados.
 No início e no fim dos lanços de escada (figura II), está  Atualmente o monumento histórico isolado não é mais alvo
prevista a colocação de sinalização tátil de alerta para das políticas públicas de preservação.
pessoas com deficiência visual.  Cada vez mais, o patrimônio histórico vem sendo associado
à noção de valor econômico-cultural.
 A figura III demonstra a necessidade da sinalização da rota
 A perspectiva econômico-cultural implica a revitalização dos
de fuga, destacando o símbolo universal de pessoas com
edifícios históricos, inclusive com a readequação de
deficiência visual e o símbolo de área de resgate. programas e de usos.

UnB/CESPE – MS/PS Nível IV


Área de Atuação 3: Elaboração de Projetos em Saúde (Arquiteto) –2–

www.arqconcursos.com.br
Quanto aos elementos da construção, julgue os itens a seguir. Considerando que os tubos e conexões plásticas dominam o

 As fundações distribuem as cargas no terreno, sendo que as mais mercado de instalações hidráulicas prediais, julgue os
profundas são os tubulões, as médias, os baldrames e as estacas.
seguintes itens.
As sapatas, pouco profundas, são indicadas para cargas pequenas
como as de edifícios térreos.
 O CPVC (policloreto de vinil clorado) é um derivado do
 Ao se usar o concreto armado em uma construção pode-se, para
diminuir o peso da estrutura, substituir a brita por areia grossa. PVC que, por suportar altas temperaturas, vem
 Na cobertura em arco de um galpão metálico, o acréscimo de substituindo o cobre nas instalações de água quente.
barras no sentido diagonal, também denominadas tirantes, com
a finalidade de estabilizar a estrutura contra forças horizontais,  O polietileno reticulado é adequado para as instalações
é um referido procedimento conhecido como contraventamento.
de água quente, de água fria e instalações a gás.
 Tendo em vista a flexibilidade da edificação, deve-se projetar
paredes independentes da estrutura.
 Os tubos brancos usados para esgoto têm espessura
A respeito de conforto ambiental, julgue os itens seguintes.
menor do que a dos tubos marrons específicos para água.
 Uma maneira correta de se promover a ventilação natural em
Essa diferença se deve à natureza dos sistemas de água
uma edificação é usar duas aberturas em paredes opostas: uma,
localizada na posição mais alta possível, para a entrada de ar; que, em geral, a pressão é menor do que a dos sistemas
outra, na posição mais baixa possível, para a saída do ar.
de esgoto.
 Considerando janelas de mesmas dimensões, a área útil máxima
de ventilação de uma janela do tipo guilhotina é igual à área útil
máxima de ventilação de uma janela de correr.
Perfil/planta topográfica planta topográfica
 O efeito chaminé depende da diferença de altura entre as
aberturas de entrada e saída do ar e da diferença entre as
temperaturas do ar externo e interno ao ambiente.
 Entre as desvantagens da iluminação e ventilação zenital estão
o custo inicial, a limitação das áreas iluminadas e a dificuldade II
de limpeza e manutenção. Em compensação, a solução zenital
permite maior flexibilidade de planta e iluminação mais I
homogênea.

IV
III

A partir das imagens acima, referentes à leitura de perfis e


plantas topográficas, julgue os itens a seguir.

 No quadro I, a planta não corresponde à projeção do


terreno.

 No quadro II, a planta indica que o cume do lado


esquerdo é mais alto que o cume do lado direito.

Considerando a planta da parte elétrica de uma casa, mostrada na  No quadro III, o perfil do terreno corresponde à
figura acima, julgue os itens que se seguem.
planta dada.
 Todos os cômodos da casa possuem pontos de luz no teto.
 O quadro IV corresponde à planta de um terreno com
 Na casa existem somente tomadas médias e interruptores de uma
seção. dois cumes de mesma altura.

UnB/CESPE – MS/PS Nível IV


Área de Atuação 3: Elaboração de Projetos em Saúde (Arquiteto) –3–

www.arqconcursos.com.br
Na Constituição Federal de 1988 (CF), há vários artigos que
versam diretamente sobre o direito dos cidadãos à saúde e sobre
as responsabilidades do poder público quanto a ações e serviços
de saúde. Acerca desse tema, julgue os itens a seguir.

 A CF dispõe que a saúde é direito de todos e dever do

Estado, o qual, por meio de políticas sociais e econômicas,


deve assegurar tal direito.

 Na CF, as ações e os serviços de saúde são considerados

como de relevância pública, devendo ser executados


DN diretamente e exclusivamente pelo poder público.
d(%) = x 100
DH
 De acordo com a CF, cabe ao poder público dispor, nos
d = declividade
DN = distância vertical termos da lei, sobre a regulamentação, a fiscalização e o
DH = distância horizontal controle das ações e serviços de saúde.

Considerando a figura e a equação acima e supondo que, na  O acesso universal e igualitário às ações e aos serviços de
figura, a distância horizontal ente C e D seja de 1.000 m, julgue
os itens seguintes. promoção, proteção e recuperação da saúde deve ser alvo de

 Cada curva de nível corresponde a uma distância vertical de políticas do Estado, segundo a CF.
10 m.
 Entre a região C e a D existe um declive médio de 20%.  O Sistema Único de Saúde (SUS) deve ser financiado, nos
 A região A está mais alta do que a região C. termos da CF, com recursos do orçamento dos estados, do
Distrito Federal e dos municípios, cabendo à União a
complementação de recursos exclusivamente em caráter
eventual, a exemplo das situações de calamidade pública.

Com as normas operacionais da assistência à saúde


(NOAS/SUS/01 e sua adequação, NOAS/SUS/01/02), editadas,
em 2001, por portaria do Ministério da Saúde, instituiu-se a
regionalização em saúde como estratégia fundamental para o
aprimoramento e a consolidação dos princípios do SUS. A
respeito do processo de regionalização em saúde, como estratégia

de organização da assistência à saúde, julgue os itens de 106 a


110.

Com base na imagem acima, julgue os itens que se seguem.  O Plano Diretor de Regionalização (PDR), proposto na

NOAS/SUS/01, prevê a reorganização dos distritos


 O edifício localizado no ponto B está, aproximadamente,
10 m acima do edifício situado no ponto C. sanitários, no âmbito do espaço territorial dos municípios

 O edifício situado no ponto C foi construído em uma porção habilitados, no mínimo, na modalidade de gestão plena do
plana do terreno. sistema municipal de saúde.

UnB/CESPE – MS/PS Nível IV


Área de Atuação 3: Elaboração de Projetos em Saúde (Arquiteto) –4–

www.arqconcursos.com.br
 A edição das NOAS/SUS/01/02 é fruto de processo de  A bioética mostra que a melhoria do atendimento sanitário e
negociação estabelecido entre diferentes setores da gestão do desenvolvimento científico e tecnológico merecem
federal do SUS — Ministério da Saúde — e as secretarias
de estado de saúde, por meio do Conselho de Secretários dedicação especial. O impacto do trabalho bioético, por ser
Estaduais de Saúde (CONASS), as secretarias municipais de substancialmente qualitativo, é difícil de calibrar. As
saúde, por meio do Conselho Nacional dos Secretários
avaliações de gestores de sistemas sanitários, profissionais da
Municipais de Saúde (CONASEMS), e o Conselho
Nacional de Saúde. saúde e responsáveis pela formulação das políticas revelam
 Constitui objetivo central da NOAS/SUS/01 promover a que a inclusão da bioética na área político-técnico das
eqüidade na alocação de recursos e no acesso da população
organizações internacionais é fundamental.
às ações e aos serviços de saúde em todos os níveis de
atenção.  Tomando-se como referência o Programa Saúde da Família,
 Compete aos municípios, em parceria com as secretarias articulando as recentes alterações na política nacional de
estaduais de saúde, a programação das ações de saúde de
baixa e média complexidade; ao gestor federal compete a saúde com a literatura que trata as questões de eqüidade e
responsabilidade pela gestão da política de alta justiça social, um dos aspectos centrais nesse contexto reside
complexidade, incluindo-se a definição de prioridades
no debate que polariza, de um lado, noções como o caráter
assistenciais e programação de ações de alta complexidade,
visto que a maioria dos municípios brasileiros não conta regressivo e iníquo de ações e programas focais e, de outro
com tais serviços. lado, a perspectiva de ampliação do acesso de setores sociais
 A NOAS/SUS/01 estabelece que o gestor estadual deve
tradicionalmente excluídos.
desempenhar papel fundamental na garantia do acesso da
população aos serviços não disponíveis em seu município  A PNID visa principalmente diminuir o impacto financeiro na
de residência, mediante a coordenação da organização de
um sistema de referência que utilize os mecanismos gestão do SUS.
compatíveis com a condição dos municípios partícipes,
 Uma análise do perfil dos nativivos segundo a raça ou a cor
observado o teto financeiro da assistência do Estado.
não apresentará diferenças significativas nas seguintes
Nas últimas décadas, o sistema de saúde brasileiro
passou por profundas transformações em suas constituições características: serem filhos de mães adolescentes; serem
política, jurídica e organizacional, com expressiva expansão da filhos de mães que não efetuaram nenhuma consulta pré-
assistência à saúde oferecida à população.
Como iniciativa de implementação de uma nova lógica natal; maior probabilidade de nascerem prematuros.
assistencial, com enfoque em promoção e prevenção à saúde, no
Julgue os itens a seguir, considerando a Portaria n.º 1.885/2008,
intuito de superar o modelo hospitalocêntrico, e defendendo a
autonomia, surge a Política Nacional de Internação Domiciliar que instituiu incentivo financeiro para o Sistema de Planejamento
(PNID). do SUS.
Assim, os conceitos de arte, criatividade e tecnologias
foram inter-relacionados com o cuidado a usuários em internação
 O referido incentivo será transferido anualmente, de forma
domiciliar, buscando explorar interfaces dessa complexa
realidade de assistência à saúde, com ênfase na integralidade. automática, aos fundos de saúde, em parcela única.
Percebe-se que a articulação desses conceitos à PNID
e, portanto, ao cuidado aos usuários em domicílio, se constitui  Os recursos do incentivo financeiro não poderão ser
em possibilidade de ampliação da compreensão de assistência à destinados a despesas de custeio, tais como treinamentos,
saúde, na busca de articulação de saberes e práticas
capacitações, seminários e(ou) reuniões técnico-operacionais.
multiprofissionais e da interação com os usuários.
J. M. Blois, M. F. Cartana, G. M. Dal Sasso 2, C. R. Martins. A internação
domiciliar como possibilidade de expressão da arte, criatividade e  O Fundo Nacional de Saúde adotará as medidas necessárias
acesso à tecnologia: uma análise sobre o tema. In: Online
Brazilian Journal of Nursing, vol. 7, n.º 1, 2008 (com adaptações). com vistas ao repasse desse incentivo.

Tendo como referência inicial o texto acima, julgue os itens de  O incentivo será repassado na conformidade dos valores
111 a 115, com relação a política de saúde e organização da definidos no anexo à referida portaria, adotando-se como
assistência e de serviço de saúde.
critério a busca da redução das desigualdades sociais como
 Trabalhos na área de saúde têm demonstrado que
um todo e não, regionalmente.
determinadas características ambientais podem exercer
efeitos nocivos sobre doenças respiratórias,  O repasse dos recursos relativos ao incentivo para apoiar a
cardiovasculares, infecciosas, entre outras. Por outro lado,
não é correto atribuir a interação de outros fatores para tais implementação do Sistema de Planejamento do SUS não está
agravos, tais como sociais e culturais. vinculado ao critério de adesão ao Pacto pela Saúde.

UnB/CESPE – MS/PS Nível IV


Área de Atuação 3: Elaboração de Projetos em Saúde (Arquiteto) –5–

www.arqconcursos.com.br
MINISTÉRIO DA SAÚDE (MS)
PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA
DE TÉCNICOS DE NÍVEL SUPERIOR (NÍVEIS III E IV)
EDITAL N.º 2 – MS – PS, DE 9 DE SETEMBRO DE 2008

APLICAÇÃO: 15/11/2008
A a genda de outras fases desse evento encontra-se na CAPA da parte II do seu caderno de provas.

GABARITOS OFICIAIS PRELIMINARES DA PROVA OBJETIVA DE CONHECIMENTOS BÁSICOS


(PARA TODAS AS ÁREAS DE ATUAÇÃO)

Item 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20
Gabarito E E C C E C C E C E C E C C C C E C E C

Item 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40
Gabarito C C C C C C E E E E C C C C E C C E E E

Item 41 42 43 44 45 46 47 48 49 50
Gabarito E E C C E E E E E E 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

www.arqconcursos.com.br
MINISTÉRIO DA SAÚDE (MS)
PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA
DE TÉCNICOS DE NÍVEL SUPERIOR (NÍVEIS III E IV)
EDITAL N.º 2 – MS – PS, DE 9 DE SETEMBRO DE 2008

APLICAÇÃO: 15/11/2008

ÁREA DE ATUAÇÃO 3: ELABORAÇÃO DE PROJETOS EM SAÚDE; ANÁLISE, AVALIAÇÃO, MONITORAMENTO DE


PROJETOS, CONVÊNIOS E CONTRATOS DE INVESTIMENTOS EM SAÚDE (ARQUITETO)

A agenda de outras fases desse evento encontra-se na CAPA da parte II do seu caderno de provas.

0
GABARITOS OFICIAIS PRELIMINARES DA PROVA OBJETIVA DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

Item 51 52 53 54 55 56 57 58 59 60 61 62 63 64 65 66 67 68 69 70
Gabarito E C E C E E E C E E C C E C E C E C E E

Item 71 72 73 74 75 76 77 78 79 80 81 82 83 84 85 86 87 88 89 90
Gabarito E C C E C E C C E E C C E C C C C E C C

Item 91 92 93 94 95 96 97 98 99 100 101 102 103 104 105 106 107 108 109 110
Gabarito E C E E C E C E E C C E C C E E C C E C

Item 111 112 113 114 115 116 117 118 119 120
Gabarito E C C E E C E C E C 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

www.arqconcursos.com.br