Você está na página 1de 6

Apresentação do curso

O conteúdo do curso foi desenvolvido por Walderes Lima waldereslima@gmail.com para ser
apresentado de forma gradual, os conceitos de cada aula serão utilizados na medida em que cada
novo tópico for apresentado, para que o aluno saiba que ferramentas utilizar e desenvolva as
estratégias nos projetos sem a necessidade de consultar a apostilas ou anotações.
O curso consiste em um pacote de aulas, online ou presencial, as apostilas serão fornecidas
conforme a evolução dos tópicos trabalhados, o material para exercício sobre cada conteúdo será
fornecido em conjunto com os módulos das apostilas. As dúvidas do aluno que surgirem durante
os trabalhos, poderão ser inclusas no módulo final.
Os tópicos que serão trabalhados são:
Arquivos
Configurações
Ferramentas de Seleção
Camadas
Ferramentas de Criação
Ferramentas de Edição
Texto
Actions e Comando de Lote
Gifs Animados
Fotos e Filtros
O curso do Photoshop reúne conceitos básicos e avançados sobre os trabalhos com o programa,
O objetivo do curso é transmitir conhecimentos sobre todas as instâncias de trabalho com o
Photoshop, sobre o uso das ferramentas, atalhos, estratégias, sobre o entendimento dos
conceitos e se destina a qualquer pessoa que tenha o desejo de aprender a utilizar tais
ferramentas. Por ser um curso livre, não há fornecimento de diploma ou comprovante de
formação.

O Photoshop e as versões CS e CC

Photoshop CS – Versões atualizadas até 2013.


Photoshop CC – Versão iniciada em 2103. O Photoshop passou a ser vendido em modelo novo
de assinaturas, os arquivos podem ser salvos na nuvem, possui atualização de recursos e
lançamento de novas ferramentas.
Praticamente todos os trabalhos podem ser executados em qualquer versão do Photoshop, porém
nas versões mais antigas, alguns recursos exigem a necessidade de uso de mais recursos e
algumas adaptações criativas da ferramentas. As ferramentas existentes nas versões antigas,
continuam funcionando em todas as atualizações.
A versão utilizada para a elaboração deste material é o Photoshop CS5 Portable 2010 e
Photoshop CC 2015. Os recursos e ferramentas que serão apresentados nesta apostila são de
uso comum na maioria das versões do Photoshop.
Criar um arquivo Novo

Para iniciar qualquer trabalho no Photoshop, devemos criar uma área de trabalho em que se
insere as imagens ou se cria elementos para as edições.
Menu > Arquivo > Novo (Ctrl+N)

Informações principais:
Largura, Altura, Resolução

Resoluções ideais:
Arte Digital: 72 / 150 dpi
Arte Impressa: 300 dpi
DPI (dots per inch, Pixels por polegada)

Conteúdo do Plano de Fundo:


Branco ou Transparente. Pode ser alterado no processo de edição das camadas.

Cores RGB e CMYK

RGB é a abreviatura do sistema de cores aditivas formado por Vermelho (Red), Verde (Green) e
Azul (Blue). O propósito principal do sistema RGB é a reprodução de cores em dispositivos
eletrônicos como monitores de TV e computador, retroprojetores, scanners e câmeras digitais,
assim como na fotografia tradicional.

Do inglês, a sigla CMYK significa Cyan, Magenta, Yellow e Black, em português Ciano, Magenta,
Amarelo e Preto. Essa escala é utilizada quando a finalidade do material produzido é impressão.
Existem outros fatores a serem levados em conta na hora de escolher a tonalidade certa das
cores utilizadas em sua peça, como a tonalidade do papel, por exemplo, mas a principal delas é a
utilização de escala compatível com a impressão.
RGB – Usado em trabalhos para web, cores do monitor.
CMYK – Usado para impressões.
Caso haja a necessidade de alterar o modo de cores durante o trabalho, poderá ser acessado no
menu: Menu > Imagem > Modo
Bitmaps e Imagens Vetoriais

Imagens bitmap são construídas com a formação pixels, Imagens Vetoriais são formadas por
linhas e curvas definidas por objetos matemáticos chamados de vetores e possuem a capacidade
de serem ampliados indefinidamente sem perderem definição e detalhamento.

Rasterizar ou Transformar em objeto Inteligente


Não é possível usar as ferramentas de pintura ou os filtros em camadas que contenham dados de
vetor (como camadas de texto, camadas de forma, máscaras de vetor ou Objetos Inteligentes) e
dados gerados (como camadas de preenchimento). Entretanto, essas camadas podem ser
rasterizadas para converter seu conteúdo em uma imagem rasterizada achatada.
Rasterizar a imagem inserida com formato “Objeto inteligente” apenas depois de dimensionar,
para evitar perder resolução.
A imagem do tipo Objeto Inteligente garante o uso de filtros editáveis independente de
alterações definitivas na camada.

Opções pré definidas de dimensões


Web, Tamanho padrão do Photoshop, Área de Transferência, Capturar definições de outros
arquivos abertos.

Salvar Predefinição
Quando um modelo de arquivo novo é amplamente utilizado pelo usuário, pode ser salvo para
opção rápida de criação de arquivo novo.

Iniciando um arquivo novo a partir de elemento copiado para a área de transferência


Menu > Arquivo > Novo > Predefinição > Área de Transferência
Exemplo:
Escolher qualquer caixa Windows ou do Photoshop.
"Alt + Printscreen" (Faz print apenas na janela ativa)
Criar arquivo novo no Photoshop e escolher a predefinição "Área de Transferência"
Conferir a opção de DPI
Criar o arquivo novo
"Ctrl + V" para colar o conteúdo da área de transferência na tela de pintura
Opção mais prática para iniciar um trabalho

Selecionar imagem base na pasta do Windows e arrastar para a área vazia do Photoshop.
Se um arquivo estiver aberto no Photoshop, esta imagem será inserida como uma nova camada.
Se um arquivo estiver aberto, para criar um novo arquivo com a imagem selecionada, soltar a
nova imagem sobre a barra superior a tela de pintura do Photoshop.

Abrir

O Photoshop abre a maioria das extensões imagem, JPEG, GIF, PCX, BMP, Vetores do
Illustrator, arquivos 3D.
Os arquivos PDF com mais de uma página, pode-se definir qual página será aberta.

É possível criar um trabalho mesclando vários tipos de arquivos.

Inserir uma figura na área de trabalho criada / Área de trabalho vazia

Menu > Arquivo > Inserir...


A imagem nova é inserida como uma nova camada.
A maneira mais prática de inserir uma figura na área de trabalho é arrastar o arquivo da pasta
para o Photoshop. Assim se adapta as dimensões do novo trabalho para as dimensões da
imagem inserida.

Salvar

O Photoshop salva no formato padrão PSD, mas a opção "salvar como", permite diversos outros
formatos. É importante salvar o trabalho com todos os processos de edição em formato PSD.

Ao exportar o arquivo na opção "Salvar como...", se define o formato final que poderá ser JPG,
GIF, PNG...

Salvar para a Web

Otimizar a exportação do arquivo.


Permite alterar as principais opções na exportação do arquivo final.
Ideal para salvar Gifs animados ou figuras quando há necessidade de definir as dimensões finais.
Duplicar arquivo ou duplicar camada

Criar um segundo arquivo idêntico ao atual:


Menu > Imagem > Duplicar...
Cria outro arquivo com todos os elementos e camadas idênticos ao atual.

Criar uma segunda camada idêntica a atual:


Clicar no botão direito sobre a camada selecionada, Duplicar camada...

Alterar o tamanho da imagem ou da tela de pintura

Tamanho da imagem
Menu > Imagem > Tamanho da imagem
Altera as dimensões e formato da imagem, incluindo as dimensões de todos os elementos das
camadas.
A opção "Redimensionar Estilos" redimensiona os efeitos proporcionalmente. A opção "Restringir
Proporções" mantém proporção na imagem, nas relações de altura e largura.
Quando se trabalha com imagens de grande formato, é necessário adaptar as dimensões no início
dos trabalhos.
É possível redimensionar a área de trabalho com relação a uma imagem inserida, recortado
através do comando "Corte Demarcado".

Tamanho da tela de pintura (Canvas Size)


Menu > Imagem > Tamanho da tela de pintura
Altera as dimensões e formato da Tela, mantendo as dimensões de todos os elementos das
camadas.
Corte Demarcado (Crop)

Ferramenta relacionada a Tamanho da tela de pintura, porém se encontra na barra de


ferramentas. Seleciona o tamanho da tela na imagem e aplica Enter para finalizar a redefinição. A
nova definição de tamanho da imagem não descarta os elementos ausentes na visualização. Os
elementos da imagem continuam com o tamanho original.
É possível inserir dimensões de referência para o corte da imagem ao clicar na ferramenta Corte
demarcado, antes de clicar na imagem, inserindo os valores de largura e altura na Barra
Dinâmica. O botão “Imagem frontal” serve para capturar as dimensões atuais da tela, o botão
“Apagar” elimina as informações dos campos editáveis da barra dinâmica.
Além de diminuir a tela visual da imagem, esta ferramenta também pode ser útil para aumentá-la
em proporções visuais, para uma proporção matemática, deve-se utilizar a ferramenta “Tamanho
da tela de pintura”.

Camada rasterizada – É cortada nas margens após o crop.


Camada Obj Inteligente – Mantém as dimensões totais.