Você está na página 1de 152

Sumário

CADASTROS .............................................................................................................................. 2
UNIDADES DE MEDIDAS ........................................................................................................ 2
GRUPOS E SUBGRUPOS ......................................................................................................... 4
CADASTRO DE PRODUTOS..................................................................................................... 7
CARACTERÍSTICAS ............................................................................................................... 12
MENU TOUCHSCREEN ......................................................................................................... 18
FAMÍLIA DE PREÇO .............................................................................................................. 30
CADASTRO DE PRODUTO TIPO COMBUSTÍVEL ..................................................................... 39
CADASTRO DE PROMOÇÕES................................................................................................ 44
FICHAS TÉCNICAS ................................................................................................................ 66
CADASTRO DE CLIENTES ...................................................................................................... 75
CADASTRO DE FORNECEDOR ............................................................................................... 76
CADASTRO DE FUNCIONÁRIO .............................................................................................. 77
CIDADES E REGIÕES ............................................................................................................. 80
CADASTRO DE USUÁRIOS..................................................................................................... 84
REMARCAR PREÇOS DOS BICOS........................................................................................... 89
MOVIMENTAÇÃO DE COMBUSTÍVEL ................................................................................... 91
MOVIMENTAÇÃO DE COMBUSTÍVEL – REINICÍO DE LEITURA ................................................ 95
MOVIMENTAÇÃO DE COMBUSTÍVEL – INTERVENÇÃO TÉCNICA ............................................ 99
L.M.C (LIVRO DE MOVIMENTAÇÃO DE COMBUSTÍVEL) ....................................................... 103
L.M.C (LIVRO DE MOVIMENTAÇÃO DE COMBUSTÍVEL) – CONSULTA E EXCUSÃO ................ 106
ESTOQUES ............................................................................................................................ 108
FAZER A PRODUÇÃO ......................................................................................................... 108
AJUSTE DE ESTOQUE ......................................................................................................... 112
COLETOR DE DADOS – REGISTRANDO O INVENTÁRIO........................................................ 114
REGISTRO DE INVENTÁRIO ................................................................................................ 118
FISCAL................................................................................................................................... 122
FAZER PREÇOS .................................................................................................................. 122
LANÇAMENTO DE NOTA FISCAL DE ENTRADA.................................................................... 126
EMISSÃO DE NOTA FISCAL DE SAÍDA ................................................................................. 140
SPED ICMS-IPI. .................................................................................................................. 146
SPED CONTRIBUIÇÕES. ...................................................................................................... 148
RELATÓRIOS.......................................................................................................................... 150
VENDAS ............................................................................................................................ 150
CADASTROS 2

CADASTROS

UNIDADES DE MEDIDAS

1. Na aba “Cadastro”, clique no botão “Produtos”, depois clique em “Unidades de


Medidas”.
CADASTROS 3

2. Aqui temos as “Unidades de Medidas” pré-cadastradas. Para adicionar uma


nova basta clicar no botão “Adicionar”.

3. Será necessário informar a “Unidade”. No exemplo a seguir, irei cadastrar a


unidade “ML” de “Metro Linear”.
CADASTROS 4

4. Note que foi cadastrado a nova “Unidade de Medida”, basta “Gravar” para
salvar a alteração. Caso deseje é possível também “Remover”

GRUPOS E SUBGRUPOS

1. Na aba “Cadastro”, clique no botão “Produtos”, depois clique em “Grupo e


Subgrupo”
CADASTROS 5

2. Clique em “Novo Grupo” para inserir um novo grupo. Após isso será solicitado
informar o nome do mesmo.

3. Perceba que o grupo agora se localiza na tela de cadastro. Devemos agora


adicionar um “Novo Subgrupo” no nosso grupo “BEBIDAS”. O Subgrupo seria
para filtrar produtos pertencentes todos a um único grupo.
CADASTROS 6

4. Note que foi cadastrado “Subgrupos” pertencentes a “BEBIDAS”, como por


exemplo “REFRIGERANTE”,”SUCO” e ”ÁGUA”. Caso nosso grupo não tiver a
necessidade de divisões de subgrupo, basta criarmos um subgrupo de
mesmo nome do grupo.

5. Temos também funções para “Excluir” (selecionando um grupo ou subgrupo


pode-se excluí-lo), “Pesquisar” (pode-se pesquisar o nome de um grupo ou
subgrupo em específico), “Editar” (selecionando um grupo ou subgrupo é
possível editar o nome do mesmo) e “Realocar” (é possível realocar os
produtos de um grupo para outro).
CADASTROS 7

CADASTRO DE PRODUTOS

1. Na aba “Cadastro”, clique no botão “Produto”, depois clique em “Cadastrar


Produto”

2. Clique em “Novo” para inserir um novo produto. Perceba que o sistema


automaticamente gerará um código EAN, que pode ser substituído pelo código
de barras que vem no produto, caso haja.
CADASTROS 8

3. Perceba que na tela inicial do cadastro, há várias informações a serem


preenchidas, porém, nem todas têm o seu preenchimento obrigatório. Os
requisitos mínimos para o cadastro são os seguintes campos: Descrição
completa do produto ou serviço, Descrição abreviada, Tipo, Unidade,
Agrupamento, NCM (Nomenclatura Comum do Mercosul). Para selecionar o
grupo do produto, clique na lupa destacada em vermelho na imagem abaixo:

4. Selecionando o Grupo do produto, vamos selecionar diretamente o subgrupo


clicando em “+” e marcando diretamente o subgrupo:
CADASTROS 9

5. Note que o Grupo e o Subgrupo ficaram marcados a seguir. Importante lembrar


que o campo “Compra: (Embalagem)” é utilizado como fator de conversão no
lançamento das notas de entrada. No exemplo, a COCA vem na nota do
fornecedor com o preço de UNIDADE. Caso viesse como FARDO,
automaticamente o sistema dividirá o custo do fardo, e aplicará o custo unitário
correto ao produto.

6. Após preencher todos os campos obrigatórios e demais desejados, clique no


botão “Gravar”. Após isso iremos automaticamente para a parte de “Tributação”
localizada no rodapé da tela de cadastro do produto.
CADASTROS 10

7. O produto está salvo, porém, para que o produto esteja apto a ser
comercializado, é necessário informar a tributação e o preço do mesmo. Clique
na seta preta para baixo marcado em vermelho conforme indicação para
escolher o Departamento Fiscal de ICMS. Repita os mesmos passos para
ajustar Departamentos do PIS e COFINS. Após isso, clique em “Gravar”.

8. Clique na aba “Preços” para informar o preço de venda do produto e demais


valores conforme sua necessidade. No campo “Preço Venda”, informe o valor
e clique em “Gravar”.
CADASTROS 11

9. Parabéns, produto está definitivamente cadastrado.


CADASTROS 12

CARACTERÍSTICAS

1. Na aba “Cadastro”, clique no botão “Produtos”, depois clique em “Cadastrar


Características”. A opção “Vincular Produtos a Características” será voltada ao
final deste guia.

2. Clique em “Adicionar” para inserir uma nova característica. Após isso será
solicitado informar a descrição do mesmo.
CADASTROS 13

3. Após apertar “Ok”, perceba que a característica ficará pré-gravada no campo


até então em branco. O “Código” irá vir automático seguindo uma ordem
sequencial. O “Vr. Acréscimo” é possível introduzir um valor ao selecionar a
característica no produto, como por exemplo um adicional de “Mais Catupiry”.
CADASTROS 14

4. Note que foi cadastrada uma característica “Sem cebola” sem custo algum, por ser
uma remoção no pedido feito e uma característica adicional de “Mais Catupiry” com
valor de R$3,00. O botão “Produto x Característica” será usado ao finalizar a parte
de cadastro, ao clicar nesse botão iremos fazer o “Vínculo de Produto x
Característica”. Esse botão é a mesma opção que foi comentada no início do guia
abaixo do “Cadastrar Características”.

5. Nessa tela de “Produtos x Características” irão ser vinculadas as características


cadastradas aos produtos cadastrados. Primeiramente, clique nos “Grupos”
cadastrados para localizar os produtos.
CADASTROS 15

6. Selecione o “Grupo”, clique no “+” e dê um duplo clique no “Subgrupo” desejado


para aparecer os produtos vinculados.

7. Selecione o produto e a característica a ser atribuída ao mesmo e clique em


“Adicionar”, no exemplo é selecionado o produto “File Mignon” e atribuído a
característica “Sem Cebola”.
CADASTROS 16

8. Agora vamos adicionar a característica “Mais Catupiry” em outro produto. Basta


seguir o mesmo procedimento.
CADASTROS 17

9. Note que este produto possuí um “Valor Acréscimo” que consta na frente da
característica atribuída.

É possível cadastrar várias características em um só produto ou então


selecionar mais de um produto e adicionar característica em comum para todos.
Basta seguir o passo a passo que foi apresentado. Também podemos remover
uma característica atribuída, basta clicar em cima da característica e clicar no
botão “Remover”.
CADASTROS 18

MENU TOUCHSCREEN

1. Na aba “Cadastro”, clique no botão “Produtos”, depois clique em “Definir menu


touchscreen”.
CADASTROS 19

2. Clique em “Novo Layout” para desenvolver o “Menu Touch”. Após isso informe o
nome do layout a ser criado.
CADASTROS 20

3. Note que o Layout está ativo em “Layout Disponíveis”, agora vamos clicar no
primeiro botão a ser desenvolvido, o “Botão 1”, em seguida temos como vincular a
esse botão um “Grupo” ou um “Produto” em específico. Vamos primeiramente
selecionar “Grupo”.

4. Ao clicar em “Grupo”, vamos vincular o grupo ao “Botão 1”. Aqui podemos vincular
direto o “Subgrupo” ou apenas o “Grupo”. Se vinculado direto ao “Subgrupo”, o
botão irá trazer os produtos vinculados em que nele existe. Caso vinculado apenas
o “Grupo”, o botão irá trazer outros botões com os “Subgrupos” onde neles estarão
os produtos. Vamos vincular apenas o “Grupo”.
CADASTROS 21

5. Note que na frente de “Grupo” temos o número 1 (Referente ao número do grupo


Bebidas) e 0 (pois não selecionamos subgrupo). A Descrição vem
automaticamente pelo nome do grupo, no nosso caso, “Bebidas”, mas podemos
alterar esse nome. Importante observar que na direita temos uma prévia de com o
está o nosso botão. Clicamos em “Gravar” para atribuir esse botão no nosso
“Botão 1”.
CADASTROS 22

6. Realizamos agora o mesmo procedimento, mas dessa vez escolhendo um


subgrupo no “Botão 2”.

7. Note que agora temos grupo e subgrupo especificado. A descrição veio “Pratos
Pratos” por vir nome do grupo seguido do nome de subgrupo. E vemos novamente
a prévia de como está nosso botão. Podemos alterar a descrição do “Botão 2” para
“Pratos”.
CADASTROS 23

8. No momento temos dois botões criados.

9. No “Botão 3”, vamos criar um com o “Tipo” Produto. Ao clicar no “Botão 3” e clicar
em “Produto” ele irá abrir uma tela de pesquisa para encontrar o produto desejado.
CADASTROS 24

10. No exemplo, vamos pesquisar o produto “agua” e pressionar a tecla Enter para
pesquisar, localizado o produto selecionamos e pressionamos a tecla Enter
novamente para confirmar meu produto.

11. Voltamos para a tela de configuração do “Menu Touch”. Note que no “Botão 3”
temos agora o produto “Água Mineral”, sendo assim, ao ser pressionado o botão
irá trazer diretamente o produto “Água Mineral”.
CADASTROS 25

12. Na “Aparência dos Botões” é possível editar seu botão da forma que melhor
desejar alterando a “Cor de fundo”, “Cor da fonte”, colocar um “Ícone” de imagem
no fundo do botão, alterar a fonte para “Negrito” ou “Itálico” e o “Tamanho da
Fonte”.

13. Ao clicar em “Cor de fundo” ou “Cor da fonte” é possível selecionar as cores


desejadas para seu botão. No exemplo, editaremos nosso primeiro botão
“Bebidas” primeiramente clicando em “Cor de fundo” e selecionando a cor
vermelha.
CADASTROS 26

14. Note que o botão já irá ser alterado na nossa prévia de edição.

15. Vamos realizar o mesmo procedimento para “Cor da fonte” colocando a cor preta.
CADASTROS 27

16. Clicaremos em “Ícone” para adicionar uma imagem no fundo do nosso botão. Essa
imagem deve estar no computador e selecionada ao abrir a busca pelo
computador. Importante ressaltar que apenas imagens de tamanho ícone ficarão
enquadradas no botão. De preferência com tamanho 48x48 pixels.

17. Clicamos também em “Negrito” para negritar a fonte e em “Tamanho da fonte”


colocamos em 11. Note que na prévia do botão a descrição está em cima da
imagem, mas ao colocar no botão ele irá se alinhar. Depois de finalizado
clicaremos no botão “Gravar”.
CADASTROS 28

18. Feito isso, devemos colocar nosso layout no botão que sofrerá a alteração. Vamos
clicar no layout e arrastar até a posição do botão “Bebidas” no nosso “Menu
Touch”. Perceba que o ícone e a descrição irão ser ajustados.
CADASTROS 29

19. Caso desejar remover um botão criado, basta seleciona-lo e clicar em “Resetar
Botão (Limpar)”. É possível também criar mais de um menu Touch, basta clicar
novamente em “Novo Layout” e realizar o mesmo procedimento.
CADASTROS 30

FAMÍLIA DE PREÇO
1. Na aba “Cadastro”, clique no botão “Tabela de Preços”, depois clique em “Família
de Preços Produtos”.

2. Clique em “Adicionar” para inserir uma nova “Família de Preço”. Após isso, será
solicitado o nome da família, no nosso exemplo usaremos “Sucos Tangs”.
CADASTROS 31

3. Após apertar “Ok”, perceba que a família de preço ficará pré-gravada no campo até
então em branco. Clique em “Gravar” para confirmar a ação.
CADASTROS 32

4. Note que surgiu a lupa para inserir os produtos e um X para remover a nossa família
criada. Clique na lupa para inserir os produtos.

5. Nessa tela iremos clicar em “Adicionar vínculo” para adicionar os produtos.


CADASTROS 33

6. Na tela aberta de consulta de produtos, iremos pesquisar o nome “tang” para trazer
os produtos cadastrados. Temos 3 produtos que serão incluídos em uma só
“Família de Preço”. Note também que os produtos estão até então sem preços de
venda.

7. Vamos adicionar produto a produto e confirmar a inclusão como mostra na imagem


abaixo.
CADASTROS 34

8. Com os produtos inseridos, vamos clicar em “Sair” para sair dessa tela.

9. Agora vamos colocar o preço na nossa “Família de Preços”. Para isso, clique na
aba “Cadastros”, no botão “Produtos” e na primeira opção “Cadastrar o Produto”.
CADASTROS 35

10. Vamos clicar em “Localizar” e identificar um produto que foi inserido na nossa
“Família de Preço”.

11. Localizado nosso produto, iremos clicar na aba “Preços”.


CADASTROS 36

12. Na aba “Preços”, vamos clicar em “Remarcar Preço”.

13. Note que ele acusa que o produto pertence a uma família e que será alterado para
todos os produtos dessa família.
CADASTROS 37

14. Após isso, iremos informar o preço que será atribuído nos produtos pertencentes
à família e clicar em “Confirma”.

15. Note que foram carregados todos os produtos que vinculamos e todos eles estão
com o preço digitado de “R$0.99”. Após isso clique em “Gravar” para remarcar os
preços.
CADASTROS 38

16. Clique em “Sim” para confirmar a operação. Pronto, produtos da família “Sucos
Tang” estão todos com o mesmo preço de “R$0.99”.
CADASTROS 39

CADASTRO DE PRODUTO TIPO COMBUSTÍVEL

1. Na aba “Cadastro”, clique no botão “Produto”, depois clique em “Cadastrar Produto”

2. Clique em “Novo” para inserir um novo produto. Perceba que o sistema


automaticamente gerará um código EAN.
CADASTROS 40

3. Perceba que na tela inicial do cadastro, há várias informações a serem preenchidas,


porém, nem todas têm o seu preenchimento obrigatório. Os requisitos mínimos para
o cadastro de um combustível são os seguintes campos: Descrição completa do
produto, Descrição abreviada, Tipo, Unidade, Agrupamento, NCM (Nomenclatura
Comum do Mercosul) e Classificação Espécie. A Unidade de venda será alterada
para LT (Litro). Para selecionar o grupo do produto, clique na lupa destacada em
vermelho na imagem abaixo.

4. Selecionando o Grupo do produto, vamos selecionar diretamente o subgrupo


clicando em “+” e marcando diretamente o subgrupo:
CADASTROS 41

Note que o Grupo e Subgrupo ficaram marcados a seguir. Importante lembrar que o
campo “Compra: (Embalagem)” é utilizado como fator de conversão no lançamento
das notas de entrada. No exemplo, a GASOLINA COMUM vem na nota do
fornecedor com o preço de LITRO. Agora iremos marcar na “Classificação Espécie”
que o produto é do tipo “Combustível”.

5. Após marcar a “Classificação Espécie”, note que surgirá um novo campo


“Código ANP”, onde deverá ser marcado o código ANP do nosso produto em
questão. Para isso, basta clicar na lupa e selecionar o que se aplica.
CADASTROS 42

6. Agora vamos remarcar nosso produto para “Permitir Venda Fracionada”, por
ser um combustível. Note também que o código ANP já foi marcado no nosso
produto. Feito isso basta clicar em “Gravar”.
CADASTROS 43

7. Parabéns, produto está definitivamente cadastrado.


CADASTROS 44

CADASTRO DE PROMOÇÕES

1. Na aba “Cadastro”, clique no botão “Produto”, depois clique em “Cadastro de


Promoções”

2. Clique em “Nova Promoção” para cadastrar uma nova promoção.


CADASTROS 45

3. Informe um nome para a Promoção, o Tipo/Fonte - (Obs. esse é um campo


informativo, não tem influência sobre o cadastro de promoção, somente
destacar o tipo da promoção), antes de informar a modalidade e a
periodicidade, clique nos pontos de interrogação destacados em vermelho
para compreender o funcionamento de cada um, ou informe-se nos dois
próximos tópicos, a Modalidade e Periodicidade, respectivamente.
CADASTROS 46

4. Entenda abaixo os Funcionamentos de cada tipo de Modalidade. Deixando


claro que a disponibilidade desses tipos de promoções que serão citadas, irá
depender do aplicativo de vendas que está sendo utilizado, ou seja, alguns
tipos de promoções funcionam para um determinado aplicativo e para outro
não. Abaixo contém as informações de funcionamento e uma tabela
informando a disponibilidade para cada aplicativo de vendas:
*Obs. Importante: Se o seu aplicativo de vendas for o Waiter (Restaurante) é
necessário definir quais módulos terão o funcionamento da promoção.
CADASTROS 47

• Modalidade: 'Preço Fixo (Unidade)'


Define uma promoção para uma lista de itens com um preço fixo.
Exemplo: Comprando um Macarrão 500g de R$ 30,00 por R$ 24,90

Preencha o Preço promocional diretamente no pacote de itens.


CADASTROS 48

• Modalidade: 'Preço Fixo (Pacote)'


Define uma promoção para uma lista de itens com um preço fixo. Exemplo: O
Preço da unidade do Shampoo é de R$ 12,00, Comprando 3 unidades paga o preço
de R$ 29,70, ou seja, R$9,90 por unidade. Preencha o campo 'Compre Qtde.' com
3 e o campo 'Vr. Pacote itens' com R$ 29,70.
Atenção: Para o cálculo é considerado todos os produtos adicionados à lista de
itens.
Obs. O campo de Qtde.máxima define um teto para a promoção, ou seja, acima da
quantidade máxima a promoção não valerá, isso serve para todo o tipo de promoção
em que esse campo esteja disponível.

• Modalidade: 'Desconto variável (% Pacote)'


CADASTROS 49

Pacote (combo) de itens em que se aplica um desconto em percentual fixo.


Exemplo: O Preço da unidade do Shampoo é de R$ 12,00.
Comprando 3 unidades tem um desconto em percentual de 10%, ou seja,
R$10,80 por unidade.
Preencha o campo 'Compre Qtde.' com 3 e o campo '% Desconto' com 10.00%.
Atenção: Para o cálculo é considerado todos os produtos adicionados à lista de
itens.

• Modalidade: 'Compre Pague'


CADASTROS 50

Define uma promoção onde o cliente comprando uma quantidade X do produto


paga por Y.
Exemplo: 'Compre 3 Pague 2' O cliente comprando três sabonetes o terceiro é
grátis. Havendo produtos com preços diferentes, será considerado grátis o produto
de menor valor
Atenção: Para o cálculo é considerado todos os produtos adicionados a lista de
itens.

*Tabela de Disponibilidade das Modalidades: Clique no primeiro ponto de interrogação na


tela de cadastro de promoções para ter acesso à tabela abaixo:

5. Agora entenda abaixo os funcionamentos de cada tipo de Periodicidade. Lembrando


que assim como nas modalidades, a periodicidade também tem restrição de
funcionamento por aplicativo de venda, como dito anteriormente nas modalidades.
CADASTROS 51

• Periodicidade: 'Período de Data'


Define uma promoção cujo produtos ficarão com o Preço promocional durante todo
o período informado;

*Obs. Período de vigência, é o período em que a promoção ficará em funcionamento


no sistema, ou seja, é o período de validade da promoção.

• Periodicidade: 'Relâmpago'
Define uma promoção cujo período de validade é muito curto, no geral não
passando de 1 (uma) hora;
CADASTROS 52

• Periodicidade: 'Happy Hour'


CADASTROS 53

Define uma promoção do tipo Happy Hour, usado normalmente em Bares e


Restaurantes na qual só será aplicada a promoção entre o horário definido para início
e término.

• Periodicidade: 'Semanal'
CADASTROS 54

Define uma promoção para produtos que semanalmente e no mesmo dia da


semana entram em promoção;
Exemplo: Quarta-feira da Carne, Quinta-feira dos Hortifrútis, etc...

*Tabela de Disponibilidade da Periodicidade: Clique no segundo ponto de interrogação na


tela de cadastro de promoções para ter acesso à tabela abaixo:

6. Clique em “Pacotes de itens da Promoção”, para definir e vincular quais produtos


estarão participando da promoção.
CADASTROS 55

7. Clique em “Adicionar Produto/Família” ou pressione F2, para adicionar um produto


ou uma família toda de produtos à promoção.

8. No campo de Busca, informe o nome do produto ou da família para que possa ser
adicionado, clique em cima do que se deseja adicionar e pressione “Enter” para
CADASTROS 56

confirmar, atente-se para a área destacada em vermelho para acionar por qual filtro
se quer buscar o produto.

9. No campo “Pç.Promoção”, informe o preço promocional do item que será


considerado no momento da venda (área em vermelho). Note que na área
destacada em azul, é mostrado o valor real do produto que está no cadastro de
Produtos.

10.Se desejar adicionar todo um grupo de produtos, clique no botão “Adicionar Grupo
de Produtos”.
CADASTROS 57

11.Selecione qual Grupo/Subgrupo adicionar na promoção e confirme no botão


“Selecionar”.

*Note abaixo que ao confirmar o grupo de produtos, todos os produtos que pertencem
a ele foram importados para o cadastro de uma só vez.

Ex: Grupo Bebidas – Subgrupo Refrigerantes


CADASTROS 58

12. Se a promoção tiver o desconto aplicado a todos os itens por um percentual, clique
no botão “Aplicar Desconto”, e informe o valor do percentual a ser aplicado.
Importante lembrar que esse percentual será aplicado sobre o preço que está no
cadastro de cada produto.
CADASTROS 59

13.Note que serão apresentadas duas opções de aplicação do percentual, a primeira


opção fará com que o percentual seja aplicado somente nos itens que se está
incluindo nesse momento (Isso no caso de a promoção ter sido cadastrada
anteriormente). A segunda opção fará com que o percentual seja aplicado em todos
os produtos pertencentes a esta promoção.
CADASTROS 60

14.Observe abaixo que foi feita a replicação do valor conforme o percentual informado.

15.Caso necessário realizar uma busca por um produto dentro da promoção, clique em
“Localizar item na lista” e informe a descrição do produto para buscá-lo diretamente.
CADASTROS 61

16. O botão de “Listagem” tem a função de gerar um relatório (lista) com todos os itens
participantes da promoção. Abaixo segue exemplo:

*Será gerado o relatório/lista abaixo.

17.O botão “Cartazes” tem a função de gerar um Cartaz digital contendo os itens
participantes da promoção, podendo usá-lo como anuncio/propaganda da
promoção. Abaixo segue exemplo:
CADASTROS 62

*Será gerado o Cartaz abaixo.

18.No caso de controle de mais de uma loja no mesmo sistema (controle Multiloja),
através do botão “Lojas Participantes” é possível definir quais lojas adotarão o uso
dessa promoção.
CADASTROS 63

19.Selecione e confirme as lojas participantes, caso gerencie mais de uma no sistema.


CADASTROS 64

20.O botão “Cancelar” tem a função de inativar (suspender) a promoção selecionada


somente, ou seja, o seu funcionamento será interrompido, até mesmo se ainda
estiver dentro do período de vigência. Caso tenha mais lojas na mesma promoção,
ela será suspensa para todas as lojas.

*Note que quando suspendemos a promoção, o nome dela no canto esquerdo da tela
ficou com um aspecto mais apagado, significando que está suspensa no momento
.
CADASTROS 65

*Observe também que o check-box “suspensa” também ficará marcado. Caso for necessário
reativar a promoção, desmarque o check-box e aperte o botão “Gravar” e a promoção será
ativada novamente.

21.O botão “Cancelar Loja” tem a função de inativar (suspender) a promoção


selecionada somente para a loja ativa.

22.Por fim, clique em “Gravar”. Parabéns, a promoção está cadastrada com sucesso.
CADASTROS 66

FICHAS TÉCNICAS

• COMBO:

Usado para montar combos de venda, Exemplo: 1 Refrigerante + 1 Salgado.


É semelhante a CESTA, porém os componentes podem ser alterados no momento
da venda conforme o gosto do Cliente.
As somas dos componentes definem o preço de venda do produto.
CADASTROS 67

 Tipo = Produto Fabricação Própria;


 Ficha Técnica = Combo;
 Gravar = Gravar sempre que realizar alguma alteração.

Alterando os dois campos acima, clicar na opção “Ficha Técnica” localizado próximo
ao gravar.

 Clicar em “Editar”

Clicando em Editar, ele habilitará os campos de seleção.


CADASTROS 68

 Excluir: Exclui a ficha técnica do produto;


 Imprimir: Imprimi um relatório com os componentes que compõem a ficha técnica;
 Adicionar Menu de opções: ao adicionar o menu, ele pedirá o nome e o preço de
venda. O nome do menu aparecerá na tela de vendas do sistema;

 Adicionar Componente: Irá abrir para localizar o produto;

 Remover Componente: Remove o menu ou os componentes do menu;


Na imagem abaixo segue um exemplo do produto combo finalizado.
CADASTROS 69

Os campos Qtde. e Preço total podem ser alterados a qualquer momento.


Ao alterar a quantidade do menu, ele rateia o preço dos produtos. Segue exemplo:

No campo de seleção que está em verde na imagem, ele mostra o preço total do produto
Combo e a quantidade total de itens que poderá ser vendido. Após realizar todas alterações
clicar em Gravar.

• RECEITA FIXA:
Os insumos utilizados possuem quantidades fixas em relação ao total produzido.
1- Alterar os campos TIPO e FICHA TÉCNICA no cadastro do produto.
 Tipo: Produto Fabricação Própria;
 Ficha Técnica: Receita Fixa;
 Estocado: Desmarque essa opção para dar baixa no estoque das matérias primas;
 Gravar: Salvar informações alteradas;
 Ficha Técnica: Ao clicar abrirá outra página.
CADASTROS 70

2- Nesta página clique em Editar;


CADASTROS 71
CADASTROS 72

3- Clique em Editar para habilitar todos os campos.

4 5

1 2 3

7 6
8

 Adicionar Componente: Ao clicar ele irá pedir para localizar o produto, segue imagem:
CADASTROS 73

 Ao inserir o produto, coloque a quantidade em KG ou UN que sairá do estoque ao fazer


a produção do produto. Também verificar a unidade de medida do produto.
Na Imagem abaixo os produtos estão como unidade, porém em seu cadastro está
habilitado a opção “permite venda fracionada”. Selecionando essa opção faz com que a
unidade de medida dentro do cadastro da Receita Fixa se torna apenas um informativo.
Observação: Essa quantidade depende de como o produto está sendo alimentado ao
dar entrada no estoque.

 Remover Componente: Selecione o item e clique no botão para remove-lo;

 Atualizar Preços: Essa tecla apenas irá funcionar se no cadastro do produto da matéria
prima estiver com o preço de custo. Esse preço de custo é dividido pela quantidade que
compõem cada item, segue imagem:

Item 14 – Arroz PCT 5KG = R$9,00; Item 13 – SAL 1KG = R$3,00; Item 12 – OLEO 1 LT = R$4,00; Item 4 – PICANHA =
4,00.

 Excluir: Esse botão exclui a ficha técnica. Atenção, após feito isso não há como recuperar
as informações;

 Imprimir: Imprimi um relatório da ficha técnica com seus componentes;

 Gravar: Sempre ao alterar qualquer informação, utilize a tecla Gravar;


CADASTROS 74

• Informações: Neste campo apenas conseguimos editar a opção de Rendimento da


Receita. Nas outras opções:
• Preço Total: Somatória do preço Total para saber o preço de custo do produto;
• Preço Unidade: Alterando o total do rendimento da receita ele divide o custo;
• Quantidade Total: Quantidade total de produtos em KG/UN que sai da receita;

 Modo de preparo e Ingredientes: Apenas informações adicionais, ou para clientes que


utilizam balança de carga;
CADASTROS 75

CADASTRO DE CLIENTES
1. Vá até a aba “Cadastro”, clique na opção “Clientes”, “Cadastrar o cliente”.

2. Será aberta uma tela de cadastro, para iniciá-lo, clique em “NOVO” e preencha os
campos obrigatórios destacados na imagem abaixo.PS: O e-mail do cliente será
de importância caso haja necessidade de envio de arquivos pelo sistema.

No campo “Pessoa” você identificará seu cliente como uma pessoa Física ou
Jurídica, de acordo com sua escolha o sistema habilitará os campos CPF e RG
para Física ou CNPJ e IE para Jurídica. Após conclusão clique em “GRAVAR” e o
cadastro será finalizado.
CADASTROS 76

CADASTRO DE FORNECEDOR

1. Vá até a aba “Cadastro”, clique em “Fornecedor”, em seguida, “Cadastro de


Fornecedores”.

2. Na janela aberta, clique em “NOVO” para iniciar o cadastro. Note que a tela de
cadastro de Fornecedor é parecida com a de Clientes, porém em seu perfil está
indicado ser um “fornecedor”.
Preencha todos os campos destacados com as informações do mesmo e se
desejar os campos opcionais.

3. Ao término, aperte o botão “GRAVAR” para a conclusão do cadastro.


CADASTROS 77

CADASTRO DE FUNCIONÁRIO

1. Acesse a aba “Cadastro” e selecione a opção “Funcionários”.

2. Clique em “NOVO” e efetue o preenchimento dos campos obrigatórios, se


necessário preencha também os campos opcionais.
CADASTROS 78

3. Após realizar o preenchimento, aperte em “GRAVAR”. Note que a Aba


“funcionário” estará disponível para acesso. Vá até a aba “Funcionário”.

4. No registro de matrícula do funcionário, clique na coluna “Registro”.


CADASTROS 79

5. Na tela que será aberta (Cargo/Função), será definido algumas informações sobre
a rotina do funcionário. No campo “Cod. Funcionário”, informe um número para o
mesmo, no exemplo utilizamos o mesmo número de matrícula e é recomendado
que siga este mesmo padrão; Informe a função habilitando a flag abaixo de
acordo com o mesmo. No caso do seu funcionário ser um vendedor, será
disponibilizado as informações de Comissão para o mesmo.

8. Na “Forma de cálculo da Comissão” utilize a forma que será calculada e ao lado


direito marque o valor desta.

9. Clique em Gravar. O cadastro foi finalizado.


CADASTROS 80

CIDADES E REGIÕES

1. Acesse a aba “Cadastros” em seguida “Cidades e Regiões”;

 Tabela de Municípios (IBGE): Abriga informações de todos os municípios de


cada UF.
CADASTROS 81

 Cidades (Custo) : Aqui você poderá cadastrar destinos de viagens ou entregas


para calcular o custo da mesma.

 Unidades de Federação: Utilizado para informações sobre cálculos de impostos


e partilhas de cada estado. Configurações serão feitas apenas em caso de
lançamento de notas com cálculo de DIFAL.
CADASTROS 82

 Regiões: Nesta será possível cadastrar as Taxas de entrega (Delivery).

 Clique em “Incluir”, informe a “Descrição/Nome da Região”, “Vr.Taxa de Entrega”,


“Tipo do Valor” e clique em “GRAVAR”
CADASTROS 83

Desta forma será concluído o seu cadastro de Taxa e a mesma poderá ser
informado no lançamento do Delivery. Caso seja necessária, você poderá definir uma
ordem de entrega em regiões para o motoboy, dessa forma poderá agilizar a entrega
e reduzir o gasto de combustível. Segue o exemplo:
1. Clique em “Definir Itinerário”, localizado no canto superior da tela de Cadastro de
Regiões;

2. Na tela que abrirá, selecione na coluna da esquerda a Região, clique em


“Adicionar” e informe o número da ordem que esta se encaixará no “Itinerário”.

3. Clique em “GRAVAR” para encerrar seu “Itinerário”.


CADASTROS 84

CADASTRO DE USUÁRIOS

Essa função permitirá criar, editar e conceder permissões aos usuários do


sistema.

• Grupo de Usuários: É recomendado que seja criado um grupo para cada tipo de
usuários do sistema, nesse será informado um cadastro de permissões fixos para
todos os usuários vinculado a cada tipo, dessa forma, quando for realizado uma
edição nas permissões do grupo, todos os usuários vinculados serão alterados
igualmente. Segue o exemplo abaixo:
1. Vá até a aba “Cadastro”, “Usuários” e clique em “Grupo de Usuários”;

2. Clique em “NOVO” e informe o “Nome” do Grupo;


CADASTROS 85

3. Selecione o “Perfil” do grupo e clique em “GRAVAR”;

4. Será aberta a aba de “Permissões” no canto inferior esquerdo. Acessando


essa aba será possível informar as permissões que o grupo de usuários
cadastrado terá para realizar as operações no sistema;
CADASTROS 86

5. Na coluna da esquerda está o “MENU” de permissões, e logo a direita as


permissões a serem concedidas. Marque as flags desejadas e clique em “GRAVAR”
para finalizar o cadastro.

 Usuários: Após ter realizado o cadastro do “Grupo de Usuários”, apresentado no


tutorial a cima, será feito o cadastro do “Usuário” que será vinculado ao grupo. O
sistema por padrão cria automaticamente 3 tipos de usuários para uso; Caixa (100)
senha 123, Supervisor (300) senha 123 e Administrador (Admin) no qual a senha é
de uso do consultor da central de atendimento.

1. Entre na aba “Cadastro”, “Usuários” e clique em “Usuários do Sistema”;


CADASTROS 87

2. Para cadastrar um novo usuário, aperto no botão “NOVO”, preencha o “Nome do


Usuário”, vincule este usuário a um “Grupo” cadastrado e em seguida, se desejar,
clique na 'lupa” a frente do “Código de Funcionário”.

3. Caso deseje vincular um funcionário a este usuário, desta forma o mesmo estaria
como por exemplo, o vendedor padrão para efetuar vendas, clique na lupa, em
seguida de um clique no nome do funcionário que desejar e tecle “ENTER”;
CADASTROS 88

4. Informe o “login” e “senha” de acesso ao usuário;

5. Tecle Enter após digitar a senha, para que seja aberto o campo de confirmação.
Digite a senha novamente;

6. Clique em “GRAVAR” para finalizar o cadastro.


OBS: Caso o usuário não pertença a nenhum grupo e tenha as permissões únicas,
não deve ser vinculado a um cadastro de Grupo. Dessa forma será habilitado para
edição a aba de “Permissões”.
CADASTROS 89

REMARCAR PREÇOS DOS BICOS

1. Na aba “Cadastro”, clique no botão “Postos Combustíveis”, depois clique em


“Remarcar Preços dos Bicos”

2. Preencha o valor de venda no campo “Preço R$”, depois clique em gravar.


CADASTROS 90

3. Os preços dos bicos foram reajustados no Retaguarda.

4. Agora entre no GerBombas e clique no botão “Remarcar Preço”, que enviará aos
bicos o preço ajustado no ERP Retaguarda.
CADASTROS 91

MOVIMENTAÇÃO DE COMBUSTÍVEL

1. Para acessar a “Movimentação de Combustível” vá na aba cadastro, clique no botão


“Postos de Combustíveis”, depois clique em “Movimentação de Combustível”.

2. Para editarmos a movimentação de combustível primeiro coloque a data e clique


na lupa para pesquisar os turnos do dia.
CADASTROS 92

3. Selecione o turno desejado clicando em cima do mesmo e depois clique em


“selecionar e Fechar”.

4. Clique no botão editar para aparecer a movimentação do turno.


CADASTROS 93

5. Preencha a campo “Leitura Final” com o valor do encerrante do bico no momento


do fechamento do caixa, coloque na “Medição Física dos Tanques” a litragem dos
tanques no momento do fechamento do caixa, depois clique em “Gravar”.

6. Pronto a movimentação de combustível foi gravada com sucesso.

7. Para checar se tem algum problema na movimentação podemos clicar no botão


“Exibir diferenças no Turno da Leitura dos Bicos X Vendas”.
CADASTROS 94

8. Caso o campo “Diferença # (Lts)” apareça zerada a movimentação está correta.


Obs. Caso tenha automação de bombas esse campo irá retornar uma diferença
pequena referente a terceira casa decimal, nesse caso a movimentação está
correta do mesmo jeito.
CADASTROS 95

MOVIMENTAÇÃO DE COMBUSTÍVEL – REINICÍO DE LEITURA

1. Para acessar a “Movimentação de Combustível” vá na aba cadastro, clique no botão


“Postos de Combustíveis”, depois clique em “Movimentação de Combustível”.

2. Para editarmos a movimentação de combustível primeiro coloque a data e clique


na lupa para pesquisar os turnos do dia.
CADASTROS 96

3. Selecione o turno desejado clicando em cima do mesmo e depois clique em


“selecionar e Fechar”.

4. Clique no botão editar para aparecer a movimentação do turno.


CADASTROS 97

5. Clique em cima do bico, depois em “Lançar Reinicio de Leitura”.

6. Clique no botão “Sim” para confirmar o reinicio do encerrante do bico.


CADASTROS 98

7. O sistema irá duplicar o bico, nesse novo bico o sistema irá começar com o novo
encerrante do bico, depois de confirmar o valo clique no botão “Gravar”.

8. Feito isso o sistema já irá trabalhar com a leitura nova do bico.


CADASTROS 99

MOVIMENTAÇÃO DE COMBUSTÍVEL – INTERVENÇÃO TÉCNICA

1. Para acessar a “Movimentação de Combustível” vá na aba cadastro, clique no botão


“Postos de Combustíveis”, depois clique em “Movimentação de Combustível”.

2. Para editarmos a movimentação de combustível primeiro coloque a data e clique


na lupa para pesquisar os turnos do dia.
CADASTROS 100

3. Selecione o turno desejado clicando em cima do mesmo e depois clique em


“selecionar e Fechar”.

4. Clique no botão editar para aparecer a movimentação do turno.


CADASTROS 101

5. Clique em cima do bico que será lançada a intervenção, depois clique em “Lançar
Intervenção Técnica”.

6. Preencha os campos com os dados que constam no laudo técnico emitido pelo
mecânico, depois clique em “Confirmar”.
CADASTROS 102

7. O sistema irá gerar um bico duplicado, coloque o novo encerrante do bico e clique
no botão gravar.

8. Pronto a intervenção já está registrada no sistema e o bico irá começar a utilizar o


novo encerrante.
CADASTROS 103

L.M.C (LIVRO DE MOVIMENTAÇÃO DE COMBUSTÍVEL)

1. Para acessar a “LMC” vá na aba cadastro, clique no botão “Postos de


Combustíveis”, depois clique em “L.M.C. – Livro de Movimentação de Combustível”.

2. Clique no botão “Editar”.


CADASTROS 104

3. Selecione o combustível e coloque a data.

4. Os dados estarão todos preenchidos já pois o sistema busca as informações da


“Movimentação de Combustível”.
CADASTROS 105

5. Clicando no botão “Gravar” podemos conferir se o “L.M.C.” está correto imprimindo


a página que acabamos de fazer clicando no botão “Imprimir”.

6. Coloque o número da página do livro ou caso for somente para conferência deixe o
número que estiver, clique no botão “OK”.
CADASTROS 106

7. Caso o “L.M.C.” não contenha diferenças no campo “Perdas e Sobras” o valor


estará em branco como na imagem. Obs. Caso a litragem do tanque seja controlada
por régua ou algum medidor que não considere a expansão do combustível, esse
campo pode estar por volta de 150 litros positivos ou negativos, nesse caso será
aceito a diferença no dia mais a média do volume mensal tem que bater.

L.M.C (LIVRO DE MOVIMENTAÇÃO DE COMBUSTÍVEL) – CONSULTA E EXCUSÃO

1. Para acessar a “LMC” vá na aba cadastro, clique no botão “Postos de


Combustíveis”, depois clique em “L.M.C. – Livro de Movimentação de Combustível”.
CADASTROS 107

2. Clique no botão “Consultar”, depois informe a data e clique no botão “Confirma”.

3. Temos 4 ferramentas nesse caso:

 Excluir: Exclui totalmente o registro do LMC que está na tela.


 Imprimir: Imprime a página do livro referente ao LMC que está na tela.
108

 Anterior e Próximo: Troca o registro que está na tela para outro combustível no mesmo
dia.

ESTOQUES

FAZER A PRODUÇÃO
ESTOQUES 109

Para realizar a produção de um produto devemos ir em ESTOQUE – “FAZER A


PRODUÇÃO”

1. Antes que a produção seja feita é necessário que o cadastro de produto que for
ser produzido pelo estabelecimento já esteja com a sua ficha técnica completa.
No exemplo abaixo vamos realizar a produção do produto Bolo de Cenoura, no
cadastro os itens destacados devem estar preenchidos.

2. Nesse exemplo temos um produto que é utilizado como matéria prima, esse mesmo
produto vai constar na ficha técnica do produto que vimos acima.
ESTOQUES 110

3. Agora vamos seguir com a produção do produto. Clique em “FAZER PRODUÇÃO”


localizado em Estoque.
Vamos proceder da seguinte maneira:
 CÓDIGO DO PRODUTO – informar o produto que vai ser fabricado.
 QTDE A PRODUZIR – quantidade que vai ser fabricada do produto
 DATA – um campo importante pois é nessa data em que vai ser dado baixa
nos produtos da matéria prima, que são aqueles que foram utilizados para
fabricar o produto.
 CALCULAR RECEITA – com os dados informados devemos clicar em
“calcular receita”.

4. Agora devemos somente “GRAVAR” a produção do produto e o processo está


finalizado.
ESTOQUES 111
ESTOQUES 112

AJUSTE DE ESTOQUE

1. Para realizar o ajuste de estoque devemos ir no seguinte caminho

 Estoque
 Fazer ajuste
 Ajustar
estoque
s

2. Na tela de ajuste de estoque vamos proceder da seguinte forma


 Motivo - Selecionar o campo E/S MANUAL ACERTO
 Conferente - Deve ser informado o nome de quem está realizando o
ajuste de estoque
 Produto - Selecionar o produto para que seja informado a sua quantidade
 Quantidade - Informar a quantidade total do produto no estabelecimento
 E/S – A letra E para entrada e S para saída
 Posteriormente clicar em “ADICIONAR”
ESTOQUES 113

3. Na tela abaixo visualizamos vários itens lançados conforme a necessidade


do cliente. Após realizar o lançamento de todos os itens devemos clicar no
botão “GRAVAR”

4. Após realizar a gravação, deve ser feito a confirmação clicando em SIM,


posteriormente as quantidades informadas já estaram atualizadas no
cadastro do cliente.
ESTOQUES 114

COLETOR DE DADOS – REGISTRANDO O INVENTÁRIO

Em OUTROS na opção de coletor de dados vamos trabalhar com o “LÊR DADOS


COLETOR”
1. Vamos clicar em “COLETOR DE DADOS (ESTOQUE)

2. Na tela abaixo vamos realizar o seguinte procedimento

 SELECIONE O MODELO DO COLETOR: informar o modelo de coletor


utilizado, nesse exemplo vamos utilizar o coletor da Sifat
 REGISTRO INVENTÁRIO – Essa opção tem que ser marcada para que possa
ser Registrado o Inventário através do coletor de dados.
 DATA – É um campo obrigatório a ser informado, pois é através da Data
informada que vai ser colocado os produtos registrados no coletor
 Após isso deve-se clicar em “LER ARQUIVO”
ESTOQUES 115

3. Agora deve ser selecionado o arquivo que foi feito a coletagem do estoque

4. Com a seleção do arquivo, o sistema vai solicitar que seja confirmada a importação,
devemos clicar em “SIM”
ESTOQUES 116

5. Agora vamos colocar “SIM” para que os produtos venham com o ICMS
recuperável

6. Ao fim da importação o sistema vai informar a quantidade de itens importados


e o número do inventário.

7. Após esse processo, no REGISTRO DO INVENTÁRIO já vai constar a


informação que foi feito a importação, para visualizar os produtos devemos
clicar em “REGISTRAR ITENS”
ESTOQUES 117

8. Com o processo finalizado os itens importados estão constando no inventário


normalmente.
ESTOQUES 118

REGISTRO DE INVENTÁRIO

No Registro de inventário são registradas todas as mercadorias em estoque presentes


no momento do levantamento do balanço.

1. Clicar em “ESTOQUES” posteriormente em Registrar Inventário confome a imagem


abaixo.

2. O sistema vai abrir a tela de Registrode inventário, Clicar em “NOVO”

3. Devemos informar a data em que desejamos registrar o inventário e clicar em


‘CONFIRMA”
ESTOQUES 119

4. Com a informação da data automaticamente o sistema já vai preencher o campo


“OBSERVAÇÃO” e “MOTIVO” posteriormente devemos clicar em “GRAVAR”

5. Na tela abaixo, vamos clicar em “IMPORTAR”


ESTOQUES 120

6. O sistema apresentará uma tela perguntando se deseja RETROAGIR até a data do


dia 31/03/2017, caso afirmativo devemos clicar em “SIM”. Com isso por exemplo
hoje é dia 01/05/2017 o sistema vai inserir no Registro do Inventário as informações
que estavam no estoque do dia 31/03.

7. Vai ser apresentado um filtro, se deseja ser feito a importação de “TODOS


PRODUTOS” ou somente de um “GRUPO ESPECÍFICO DE PRODUTOS”. Nesse
exemplo vamos importar “TODOS PRODUTOS”

8. Na tela abaixo, vamos clicar em “SIM” para que o sistema realize a importação.
ESTOQUES 121

9. Clicar em sim para deixar o ICMS com recuperável no registro do inventário

10. Após realizar as confirmações devidas, o sistema vai mostrar os produtos que
foram importados.
FISCAL 122

FISCAL
FAZER PREÇOS

1. Para fazer preços podemos clicar no botão “Fazer Preços” ao gravar a nota fiscal
de entrada. Ou clicando no menu “Fiscal”, “Fazer os Preços”.
FISCAL 123

2. Seguindo pelo menu “Fiscal”, “Fazer os preços”, irá aparecer a janela de consulta
da nota fiscal de entrada.

3. Clicamos com o botão direito do mouse em cima da nota e depois em fazer preços
FISCAL 124

4. Na coluna de preço venda 1, podemos informar o preço de venda do produto


FISCAL 125

5. Depois de informado os valores dos produtos, clique em gravar e confirme a


alteração do preço dos produtos.
FISCAL 126

LANÇAMENTO DE NOTA FISCAL DE ENTRADA

1. Na aba “Fiscal”, clique no botão “Lançar N.F. Entradas”.

2. Clique em “Nova” para começar o lançamento da nota fiscal de entrada


FISCAL 127

3. Ao clicar em novo, vai habilitar a opção para selecionar a natureza de operação ou


CFOP, precisa-se confirmar com o contador o CFOP pois através dele calcula
impostos sobre a operação

4. Depois de selecionado o CFOP precisamos selecionar o modelo/espécie da nota


fiscal que está sendo lançada. Por padrão o sistema já traz o modelo 55, nota fiscal
eletrônica.
FISCAL 128

5. Com a DANFE em mãos, vamos agora informar a chave de acesso da nota no Sifat,
que é encontrado perto do código de barras da DANFE.
FISCAL 129

6. Note que ao preencher a chave de acesso da nota fiscal, o Sifat automaticamente


irá completar as informações com os dados do fornecedor e número da nota. Vamos
informar agora a emissão da nota que data que a nota foi emitida e depois a data
de entrada que á data que os produtos chegaram ao estabelecimento.

7. Vamos informar agora o valor total dos produtos. Note que na DANFE tem o campo
com valor total dos produtos/serviços e o valor total da nota fiscal. Vamos informar
os valores nos seus respectivos campos. Valor total da nota fiscal, desconto se tiver,
frete, despe. Acessórias.
FISCAL 130

8. Clique agora em finalizar cabeçalho e confirma o lançamento do cabeçalho do


documento clicando em “Sim”.
FISCAL 131

9. Vamos informar o código do produto, sem não souber o código, podemos clicar na
lupa para pesquisarmos o produto.
FISCAL 132

10. Depois de informado o produto digitamos o código do produto do fornecedor, que


está na nota fiscal de compra.

11. Vamos informar a quantidade de compra do produto.


FISCAL 133

12. Agora vamos informar o valor total do produto na nota fiscal de compra.

13. CST e CFOP precisa ser confirmado com o contador, apesar de ter selecionarmos
o CFOP principal no começo do lançamento cada produto ser ter CFOP diferente.
FISCAL 134

14. Se tiver informações de alíquota, valor de base de cálculo, valor ICMS, vamos
informar nos seus campos respectivos.

15. Com os valores informados vamos clicar em adicionar.


FISCAL 135

16. Note que que o valor total dos produtos informados em cima no cabeçalho da nota
ficou igual ao dos produtos que lançamos.

17. Agora clicamos em próximo.


FISCAL 136

18. Esta tela traz as informações da nota, e caso de termos algum custo que não está
relacionado na nota como por ex. o frete e em alguns casos que cobra geração
de boleto vamos informar esta despesa no campo “frete / outras despesas e
clicamos em próximo.

19. Vamos informar agora o faturamento.


FISCAL 137

20. A espécie de título. Se for em boleto devemos selecionar no campo de baixo o


banco que emitiu o boleto.

21. O plano de contas é para informar o tipo de despesa da nota. Vamos selecionar o
plano de contas clicando no “+” verde.
FISCAL 138

22. Podemos alterar a data de vencimento se quisermos, o valor da parcela e o


número de título.
FISCAL 139

23. Com todos os campos informados é só clicar em gravar e o lançamento da nota


já foi feita com sucesso.
FISCAL 140

EMISSÃO DE NOTA FISCAL DE SAÍDA

1. Na aba “Fiscal”, clique no botão “Emitir nota Fiscal”, “Nota Fiscal de Saída”.

2. Selecionamos o CFOP, para saber o CFOP que será utilizado, confirme com o
escritório contábil. Note que quando selecionar o CFOP irá aparecer uma
mensagem avisando que irá movimentar o estoque do produto. Pode dar OK e
prosseguir com a emissão da nota.
FISCAL 141

3. Informamos o cliente, se não souber o código do cliente clique na lupa para


pesquisar.

4. Informamos agora o produto, se não souber o código do produto clique na lupa para
pesquisar.
FISCAL 142

5. Informamos agora a quantidade do produto.

6. O valor unitário do produto e clicamos em adicionar. Note que quando clicarmos em


adicionar irá aparecer mensagem informando que o código CEST do produto não
está informado, pode clicar em OK e prosseguir com a emissão da nota.
FISCAL 143

7. Depois de lançados o produto clique em próximo.


FISCAL 144

8. Nesta tela podemos informar se preciso(opcional) o valor de desconto, acréscimo


de despesas acessórias, frete e as informações do frete como será pago pelo emite
ou destinatário, transportador, placa do veículo e unidade de federação do veículo.
Podemos agora clicar em gravar.

9. Depois de gravado irá aparecer a janela para execução da nota fiscal de saída. E
aguardar o retorno da receita autorizando ou não o uso da nota fiscal eletrônica.
FISCAL 145
FISCAL 146

SPED ICMS-IPI.

1. Na aba “Fiscal”, clique no botão “Gerar Arq. Fiscais”, depois cliente em “EFD-ICMS\IPI”.

2. Preencha os seguintes campos: “Período” deve ser informado à data inicial e a data final do
período. Lembrando que o padrão da geração é do primeiro dia do mês até o último dia do
mês. E depois clique em “EFD-ICMS\IPI”.
FISCAL 147

3. Após ter clicado em “EFD-ICMS\IPI”, vamos escolher a pasta onde salvaremos o arquivo do
SPED e clicamos em OK. (Neste caso escolheremos Área de trabalho)

4. Será iniciada a geração do arquivo e quando finalizar aparecerá à mensagem abaixo e


pronto o SPED está gerado no local que definimos (Área de Trabalho).
FISCAL 148

SPED CONTRIBUIÇÕES.
1. Na aba “Fiscal”, clique no botão “Gerar Arq. Fiscais”, depois clique em “EFD-
Contribuições (SPED Pis/Cofins)”.

2. Preencha os seguintes campos: “Período” deve ser informado à data inicial e a data
final do período. Lembrando que o padrão da geração é do primeiro dia do mês até o
último dia do mês. E depois clique em “Gerar Efd-Contribuições”.
FISCAL 149

3. Após ter clicado em “Gerar Efd-Contribuições”, vamos escolher a pasta onde salvaremos o
arquivo do SPED e clicamos em OK. (Neste caso escolheremos Área de trabalho)

4. Será iniciada a geração do arquivo e quando finalizar aparecerá à mensagem abaixo e


pronto o SPED está gerado no local que definimos (Área de Trabalho).
RELATÓRIOS 150

RELATÓRIOS
VENDAS

1. Na aba “Relatórios” clique no botão “Vendas” e escolha a opção “Vendas”


novamente.

2. Na janela que é aberta informe o período desejado, campos em brancos são


opcionais para uma melhor filtragem de vendas, escolha a opção “detalhar” para
mostrar todas as vendas ou “sumarizar” para mostrar apenas os valores totais
agrupados por “cliente” ou por “ data de emissão”.
RELATÓRIOS 151

3. Escolha por qual agrupamento de vendas deseja gerar o relatório e clique em


“Confirmar” para exibir o mesmo.