Você está na página 1de 2

Estudo 8

A ORIGEM DOS CONFLITOS E OS


MEIOS PARA VENCÊ-LOS.
Tiago 4:1-10

INTRODUÇÃO.
1. A carta de Tiago é muito prática e aborda questões do dia-a-dia dos
crentes.
2. Na relação interpessoal é comum que surjam conflitos e Tiago trata
deste assunto, inclusive apontando soluções.

I-A ORIGEM DOS CONFLITOS. Tiago 4:1


1. Há uma tendência natural, fruto da fraqueza humana, para os
conflitos interpessoais.
2. A origem dos conflitos está no interior do homem, vem do coração do
homem, é o resultado das obras da carne. (Marcos 7:21-23).
3. Acerca desta questão, Paulo adverte os crentes de Colossos e de
Éfeso. (Efésios 4:31 e Colossenses 3:5, 8-9).

II-OS EFEITOS DOS CONFLITOS. Tiago 4:2-6.


1. Frustação espiritual (2-3).
a. Cobiça, inveja e violência – matam.
b. Contenda – guerra, luta.
c. Avareza- pedir mal para esbanjar.
d. Resultado: “nada tendes”, “nada podeis obter” “nada recebeis”.
2. Infidelidade espiritual – 4 a.
a. Influência da natureza pecaminosa.
b. Os conflitos expressam a concordância com o mundo e a rebeldia
contra a santidade de Deus.
3. Inimizade espiritual. 4b.
a. A inimizade com Deus é o resultado da infidelidade para com
Deus.
b. O mau relacionamento com as pessoas revelam ausência do
amor de Deus no coração.
c. Os conflitos interpessoais afetam a comunhão do crente com
Deus.
d. Viver conforme as regras do mundo significa tornar-se inimigo
de Deus.
4. Insensibilidade espiritual. 5-6.
a. Desobedecer a Deus significa ser insensível à sua voz.
b. Deus resiste aos soberbos, mas dá graça a quem se humilha.
(Provérbios) 3:34.
II-SOLUÇÃO PARA OS CONFLITOS. (4:7-10). 09 ordens.
1. Sujeição a Deus. 7 a
a. “Sujeitai-vos” – é uma ordem que significa submissão, estar
sujeito à autoridade de alguém.
b. O crente submisso a Deus evita conflitos.
2. Resistência a satanás. 7 b
a. “ Resisti “- Sujeitar-se a Deus implica fugir de satanás.
b. A resistência à satanás é o resultado da força no Senhor na vida
do crente.
3. Aproximação de Deus. 8 a
a. “Chegai-vos” – O verbo indica uma ação ativa do crente.
b. Essa atitude leva a uma reciprocidade da parte de Deus.
4. Purificação pessoal– 8b
a. “Purificai” – A purificação ocorre no ato da salvação.
b. A purificação é pessoal e constante.
c. A purificação exige o abandono de atitudes que geram conflito.
5. Limpeza interior. 8c
a. “Limpai” - Limpeza mental, de intenções.
b. Os que têm a mente dividida, cedem fácil aos conflitos.
6. Arrependimento verdadeiro- 9
a. “Afligi-vos – reconhecer a sua própria miséria.
b. “lamentai” – Expor-se em choro contigo.
c. “ chorai” – Dar gritos, chorar alto.
d. O arrependimento genuíno nasce no interior e se manifesta
externamente.
e. Arrependimento- mudança de atitude.
7. Humilhação perante Deus. 10
a. “Humilhai-vos” – Esta ordem exigi um comportamento
passivo.
b. O crente deve humilhar-se na presença de Deus, mesmo quando
houver injustiça da parte dos homens.
c. O resultado da humildade é a exaltação.

CONCLUSÃO.
1. A natureza humana tem a tendência de ver num conflito, sempre a
culpa do outro.
2. A bíblia fala que os conflitos se originam em nós e somente o amor,
a obediência e a santidade derrotam os conflitos.