Você está na página 1de 53

OS NEUROBIOMECANISMOS DO APRENDER

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
™ rotina
™ ideologias
™ crenças
™ emoções

™ filosofia
™ ciência

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
REUNIR
REFLETIR
APRENDER

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
Passamos a vida tendo novas experiências,
emoções, aprendendo...

Como aprendemos ?
Múltiplas teorias

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
PIAGET – LURIA – NEUROCIÊNCIAS
COMO SAIR DESTE LABIRINTO?

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
ESTÁGIOS DO DESENVOLVIMENTO COGNITIVO
JEAN PIAGET

• Sensoriomotor

• Pré-operacional 2 - 7 anos = o mundo existe como


fruto da percepção imediata.

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
ESTÁGIOS DO DESENVOLVIMENTO COGNITIVO
JEAN PIAGET

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
LURIA
ATENÇÃO LURIA
E ALERTA

TRONCO ENCEFÁLICO

•LOCALIZAÇÃO
•FILTRAGEM DO RUÍDO
•RESOLUÇÃO TEMPORAL
•ALERTA
•ATENÇÃO
UNIDADES F LURIA
RECEPÇÃO URIA
SENSORIAL
LOBO OCCIPITAL
LOBO TEMPORAL
2/3 LOBO PARIETAL

•RECEPÇÃO DA INFORMAÇÃO
•ARMAZENAMENTO SENSORIAL
•IDENTIFICAÇÃO
•DISCRIMINAÇÃO
•CLASSIFICAÇÃO
ESTÁGIOS DO DESENVOLVIMENTO COGNITIVO
JEAN PIAGET

• Operações concretas 7- 12 anos = início da


verificação das operações mentais, revertando-as e
atendendo a mais de um aspecto.

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
Início da maturação do corpo caloso

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
ESTÁGIOS DO DESENVOLVIMENTO COGNITIVO
JEAN PIAGET

Operações formais - a partir dos 12 anos há a utilização


do pensamento abstrato – planejamento, imaginação,
projeção de hipóteses e raciocínio dedutivo sobre elas.

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
UNIDES LURIA
FUNCIONAIS
ORGANIZAÇÃO DA RESPOSTA
LURIA

LOBO FRONTAL
1/3 LOBO PARIETAL

•INTEGRAÇÃO
•MEMÓRIA DE TRABALHO
• MEMÓRIA DE LONGO PRAZO
•RESGATE VERBAL
•ATENÇÃO SUSTENTADA
ESTÁGIOS DO DESENVOLVIMENTO COGNITIVO
JEAN PIAGET

• Pré-operacional 2- 7 anos = o mundo existe como fruto da

percepção imediata.

• Operações concretas 7- 12 anos = início da verificação das


operações mentais, revertando-as e atendendo a mais de um aspecto.

• Operações formais - a partir dos 12 anos há a utilização do


pensamento abstrato – planejamento, imaginação, projeção de
hipóteses e raciocínio dedutivo sobre elas.

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
ÁREAS CORTICAIS

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
CONTRIBUIÇÕES DAS
NEUROCIÊNCIAS

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
NEUROCIÊNCIAS

Década 1990 – 2000 - década do cérebro.

Estudo integrado do cérebro e seu funcionamento


Debate nature – nurture
desenvolvimento de técnicas não invasivas que permitiram
monitorar:

• diferenciação de sistemas sensoriais

• cognição

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
PROCESSAMENTO
NEUROCOGNITIVO

DEBATE NATURE – NURTURE


Debate nature – nurture
• substrato neurobiológico imposto pelo genótipo

• informações externas

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
PROCESSAMENTO
NEUROCOGNITIVO

INTERFACE

Eventos genéticos pré -


determinados

Informações ambientais

Modificações no organismo

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
PROCESSAMENTO
NEUROCOGNITIVO

SISTEMAS NEUROCOGNITIVOS

Distintos períodos – timing neural - de sensitividade:

• para as informações do meio

• para o desenvolvimento da organização funcional do


cérebro.

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
PLASTICIDADE NEURAL
E NOVAS SINAPSES

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
PLASTICIDADE NEURAL
E NOVAS SINAPSES
™ Ao aprendermos, as conexões neurais se modificam.

™ PLASTICIDADE NEURAL - a capacidade que o próprio


sistema nervoso tem de se reconectar, de modificar as
conexões sinápticas entre os neurônios.

Conceito amplo - desde as respostas às lesões até as sutis


alterações trazidas pelos processos de aprendizagem.

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
PROCESSAMENTO
NEUROCOGNITIVO

NEURÔNIOS

™ no início - bilhões de neurônios que, com informções do


meio, criam numerosas sinapses;

™ processos de aprendizagem modelam o cérebro – caminhos


mais usados se tornam mais rápidos e os pouco usados se
dissolvem = poda

™ educação – deixar rápido grande número de circuitos.

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
ESTADO-DA-ARTE
NEUROCIÊNCIAS

• Os feixes que interligam as regiões do cérebro recebem


uma camada de mielina uma condução rápida e
eficiente dos impulsos nervosos;

•Há mudanças no cérebro que resultam em amadurecimento


funcional.

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
ESTADO-DA-ARTE
NEUROCIÊNCIAS

• O cérebro atinge seu tamanho adulto no início da


adolescência.

•Há o amadurecimento das regiões pré-frontais do


cérebro

(HERCULANO-HOUZEL,2005)

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
APRENDER

receber e reter novas informações associadas às mais antigas,


já armazenadas anteriormente;

™ requer interiorização de um mapa cognitivo que o indivíduo


faz em contato com o meio;

™ cada área do cérebro está melhor relacionada à cada


função.

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
NO DIA-A-DIA
CONSIDERAÇÕES

NÃO HÁ UM IGUAL AO OUTRO


A PRIMEIRA PRÁTICA
A ÚLTIMA IDÉIA
O MEU TODO

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
FUSÃO
EFICIÊNCIA LÚDICA

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
CONSIDERAÇÕES

• NO INÍCIO – INFORMAÇÃO SENSORIAL EM


SEQUÊNCIA, UMA DE CADA VEZ;
• AMADURECIMENTO – ATENÇÃO COMPARTILHADA –
ESTIMULAÇÃO MULTIMODAL;
• PENSAMENTO CONCLUSIVO COM USO DA
MEMÓRIA DE TRABALHO E PLANEJAMENTO, A
MEMÓRIA DO FUTURO.

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
ORGANIZAÇÃO
FUNCIONAL

™ FACILITAÇÃO E INIBIÇÃO;

™ EQUILÍBRIO HEMISFÉRICO;

™ POTENCIAL DE AÇÃO.

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
RECEBENDO AS
INFORMAÇÕES SENSORIAIS

Le ft
Rig ht
Audito ry
Audito ry
c orte x
c orte x

Co c hle a Me dial ge nic ulate nuc le us

Infe rior c ollic ulus

Auditory S upe rio r


ne rve fibe r Olivary
Ips ilate ral
Co c hle ar nuc le us
nuc le us

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
EXPECTATIVA

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
Lendo

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
ESPECIALIZAÇÃO
HEMISFÉRICA

™ SISTEMAS SENSORIAIS COM DOMINÂNCIA CRUZADA;

™ DOIS HEMISFÉRIOS COM DIFERENTES FUNÇÕES;

™ A TROCA DE DADOS ENTRE OS DOIS HEMISFÉRIOS.

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
IMPLICAÇÕES

™ ESTIMULAÇÕES FREQÜENTES E VARIADAS DE


TODOS OS SISTEMAS SENSORIAIS;

™ INFORMAÇÕES E TAREFAS – DUAS COISAS


MUITO DIFERENTES - PIAGET?

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
IMPLICAÇÕES

O DIA-A-DIA

™O PERIGO DO GRANDE NÚMERO DE


INFORMAÇÕES E DO PEQUENO NÚMERO DE
TAREFAS;

™ EQUILIBRAR INFORMAÇÕES VERBAIS E NÃO-


VERBAIS ... A EMOÇÃO.

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
IMPLICAÇÕES

O DIA-A-DIA

™ INFORMAÇÕES CARREGADAS DE EMOÇÃO VIAJAM MAIS


RÁPIDO PELO CÉREBRO ATÉ O LUGAR ONDE FICARÃO
GUARDADAS POR MUITO TEMPO;

™ BENEFÍCIOS DA TECNOLOGIA PARA DESENVOLVER


PROCESSAMENTOS SENSORIAIS: MOBILIDADE OCULAR
PARA A LEITURA – PROCESSAMENTO AUDITIVO.

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
SIGA A LETRA T

T T

T T

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
SIGA A LETRA T
T
T
T
T
T
T

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
SIGA A LETRA T
T

T
T

T
T

OUT/2006
T
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
SIGA A LETRA T

T T

T
T

T
T

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
SIGA A LETRA T

T T

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
SIGA A LETRA T

T T

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
SIGA A LETRA

D M M
U

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
CONCENTRE-SE NO SOL

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
OLHE PARA A LETRA T

A
E
C
T

I R U

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
Treinamento auditivo específico e diferenciado com estímulos mono
ou dicóticos gerados por softwares, onde a tarefa é imprevisível –
conceitual e dedutiva, muitas vezes com demarcações fonológicas e
juízo de valor;
Introdução de resistência a fatores interferentes que, a priori,
“esvaziariam” a memória de trabalho;

Desenvolvimento de estratégias de codificação na memória de


trabalho;

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
ESTRATÉGIAS
MATERIAL

Exercícios cronometrados para a verificação da eficiência;

Aprendizagem guiada - ou sem erro.


Jogos que desenvolvam estratégias que dependam de planejamento
seqüencial e antecipação de conseqüências – mental games na Internet;

Planejamento de ações inovadoras, sociais ou ambientais, frente ao


inusitado.

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
A VIDA SEGUE SEU CURSO DE MUDANÇAS.
EM CADA ETAPA,
COMO NESSA APRESENTAÇÃO,
PERCEBE-SE QUE DE TUDO, UM POUCO ACONTECEU.
CADA ATUAÇÃO,
CADA DÚVIDA
VALERAM A PENA EM SI,
COMO UMA BUSCA NUM LABIRINTO.

FORMAM JUNTAS UM TODO


INSTIGANTE E HARMONIOSO.

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
CONCLUSÃO

TODOS DESEJAMOS AJUDAR A DESENVOLVER ADULTOS

RESPONSÁVEIS E CONSEQÜENTES
EMPÁTICOS E RECÍPROCOS
COMPROMETIDOS

NATUREZA TRABALHO

MEIO SOCIAL

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA
www.anaalvarez.com.br

QUE CADA UM DE NÓS POSSA FAZER


DIFERENÇA !

OUT/2006
ANA ALVAREZ
CONSULTORIA E PESQUISA