Você está na página 1de 37

Seleção dos Materiais

Mapas de propriedades

Professor: Nilton Vieira


Preparado pelo Professor Mário Tasca
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais (de Ashby) – M. F. Ashby

Os processos de seleção de materiais são divididos em duas abordagens;


 Macroscópica;
 Microscópica;

• Requisito de Durabilidade;
• Considerações dimensionais;
• Número de Unidades;
• Considerações de forma;
• Disponibilidade do Material;
• Conhecimento das variáveis de
• Existência de especificações e
operação;
códigos;
• Facilidade de Fabricação;
• Etc;

2
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais (de Ashby) – M. F. Ashby

Os processos de seleção de materiais são divididos em duas abordagens;


 Macroscópica;
 Microscópica;

• Propriedades; • Microestrutura;
• Composição; • Morfologia;
• Tratamentos Térmico; • Processos de Fabricação;

3
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais (de Ashby) – M. F. Ashby

Mapas de Ashby – Criados por M. F. Ashby;

Possui o objetivo de agrupar as famílias de materiais


em gráficos cujas coordenadas compõem, sempre
que possível, índices de mérito utilizados em cálculo
de dimensionamento e seleção. Michael Farries Ashby é um
engenheiro britânico. Especialista
em ciência dos materiais, é
professor pesquisador da Royal
Society e um investigador principal
do Centro de Projetos de Engenharia
da Universidade de Cambridge.

4
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais (de Ashby) – M. F. Ashby

 A princípio, o conceito de mapas de propriedades foi desenvolvido por


correlacionar as propriedades de resistência e peso.

O “afunilamento” de um típico procedimento de seleção de materiais e alguns critérios de decisão ao longo do evento.
Fonte: Maurizio Ferrante, 2000.

5
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais (de Ashby) – M. F. Ashby

 As propriedades eram selecionadas através de tabelas, porém na busca


de tentar facilitar a visualização, Ashby adotou o método de diagrama
(coordenadas X e Y).

Tabelas Diagrama

6
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais (de Ashby) – M. F. Ashby

 A construção do diagrama,
de acordo com a
necessidade do momento,
primeiramente fez-se a
plotar a rigidez (Y) pela
densidade (X).

Um exemplo dos Mapas das Propriedades dos Materiais como inicialmente


desenvolvidos. O mapa módulo de Young versus densidade pode ser utilizado
em processos de seleção objetivando minimização de massa em projetos
regidos por elasticidade.
Fonte: Maurizio Ferrante, 2000.
7
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais (de Ashby) – M. F. Ashby

 Índice de Mérito - que é uma


fórmula algébrica que expressa
um compromisso entre duas
características ou propriedades.

 Tem por objetivo buscar


otimizar as propriedades,
maximizando o numerador e
minimizando o denominador.
𝐸𝑛
Í𝑛𝑑𝑖𝑐𝑒𝑑𝑒𝑀é𝑟𝑖𝑡𝑜 = 𝐼𝑀 = 𝑚
𝜌
8
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais (de Ashby) – M. F. Ashby

A metodologia de dedução do IM será utilizada nos seguintes critérios:

 Estabelecimento da função do produto ou componente;


 Estabelecimento do objetivo principal;
 Identificação da restrição.

9
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais (de Ashby) – M. F. Ashby

Estabelecimento da função do produto ou componente:

 A função é normalmente estabelecida por simples inspeção do objeto,


ou a partir do conhecimento de sua finalidade;
 Por exemplo, uma viga deve resistir a forças de flexão; um ímã exerce
uma força de atração ou repulsão; uma pá de ventilador produz um
fluxo de ar; um capacitor deve armazenar uma dada quantidade de
energia, etc..

10
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais (de Ashby) – M. F. Ashby

Estabelecimento do objetivo principal;

 O objetivo expressa o requisito imposto àquela etapa de seleção.


Assim, para os exemplos dados acima, podemos ter;
barra minimização de massa;
capacitor, imã minimização de volume;
ventilador maximização da vazão de ar;

 Cada um desses objetivos pode ser expresso por uma equação;

11
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais (de Ashby) – M. F. Ashby

Identificação da restrição:

 A restrição identifica-se com o


desempenho e com a propriedade que o
controla, no contexto do objetivo
desejado. Expressa-se por uma equação
cuja forma é determinada pela função do
produto em estudo.
 Exemplo: Índice de Mérito de uma barra
cilíndrica – Tensão x Densidade;

12
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais (de Ashby) – M. F. Ashby

Identificação da restrição;

 Exemplo: Índice de Mérito de uma barra


cilíndrica – Tensão x Densidade.

Dada a forma de densidade Susbst. a eq. (2) na eq. (1) temos Sabe-se que os termos, força (F),
comprimento (L) e massa (m) são
∴ (1) ∴ (3) independentes. Sendo assim,
Dada a forma de volume Dada a forma da tensão trata-se de uma constante.
(2) (4)
Susbst. a eq. (3) na eq. (4) temos
∴ 𝐹. 𝐿 𝜎 (5)
=
𝑚 𝜌
13
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais (de Ashby) – M. F. Ashby

Identificação da restrição:

 Exemplo: Índice de Mérito de uma barra cilíndrica –


Tensão x Densidade:
Sendo assim, o melhor material, a ser aplicado, será
aquele que possuir o maior valor para este índice.

14
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais (de Ashby) – M. F. Ashby

Outros exemplos de IM;

Otimização baseada na flexão do material Otimização baseada volume de um capacitor

IM =

15
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais

Módulo de Elasticidade x Densidade;

METAIS

Fonte: Página da Universidade de Cambridge: Departamento de Engenharia. Material selection and processing. 16
Acesso em mar. 2017.
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais

Módulo de Elasticidade x Densidade;

CERÂMICOS

Fonte: Página da Universidade de Cambridge: Departamento de Engenharia. Material selection and processing. 17
Acesso em mar. 2017.
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais

Módulo de Elasticidade x Densidade;

POLÍMEROS

Fonte: Página da Universidade de Cambridge: Departamento de Engenharia. Material selection and processing. 18
Acesso em mar. 2017.
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais

Módulo de Elasticidade x Densidade;

MADEIRAS

Fonte: Página da Universidade de Cambridge: Departamento de Engenharia. Material selection and processing. 19
Acesso em mar. 2017.
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais

Módulo de Elasticidade x Densidade;

COMPÓSITOS

Fonte: Página da Universidade de Cambridge: Departamento de Engenharia. Material selection and processing. 20
Acesso em mar. 2017.
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais

Módulo de Elasticidade x Densidade;

Fonte: Página da Universidade de Cambridge: Departamento de Engenharia. Material selection and processing. 21
Acesso em mar. 2017.
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais

Resistência Mecânica x Densidade;

Fonte: Página da Universidade de Cambridge: Departamento de Engenharia. Material selection and processing. 22
Acesso em mar. 2017.
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais

Módulo de Elasticidade x Custo;

Fonte: Página da Universidade de Cambridge: Departamento de Engenharia. Material selection and processing. 23
Acesso em mar. 2017.
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais

Resistência Mecânica x Tenacidade;

Fonte: Página da Universidade de Cambridge: Departamento de Engenharia. Material selection and processing. 24
Acesso em mar. 2017.
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais

Resistência Mecânica x Alongamento;

Fonte: Página da Universidade de Cambridge: Departamento de Engenharia. Material selection and processing. 25
Acesso em mar. 2017.
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais

Resistência Mecânica x Custo;

Fonte: Página da Universidade de Cambridge: Departamento de Engenharia. Material selection and processing. 26
Acesso em mar. 2017.
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais

Resistência Mecânica x Máxima de


Temperatura de Serviço;

Fonte: Página da Universidade de Cambridge: Departamento de Engenharia. Material selection and processing. 27
Acesso em mar. 2017.
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais

Rigidez Específica x Resistência


Mecânica Específica;

Fonte: Página da Universidade de Cambridge: Departamento de Engenharia. Material selection and processing. 28
Acesso em mar. 2017.
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais

Resistividade x Custo;

Fonte: Página da Universidade de Cambridge: Departamento de Engenharia. Material selection and processing. 29
Acesso em mar. 2017.
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais

Fração de Reciclagem x Custo;

Fonte: Página da Universidade de Cambridge: Departamento de Engenharia. Material selection and processing. 30
Acesso em mar. 2017.
Seleção dos Materiais
Mapas das Propriedades dos Materiais

Conteúdo Energético x Custo;

Fonte: Página da Universidade de Cambridge: Departamento de Engenharia. Material selection and processing. 31
Acesso em mar. 2017.
32
33
34
35
Sequencia passos em projeto de seleção
geral utilizando os mapas de Ashby

1.Traduzir os requisitos do projeto em uma especificação de material


2.Excluir os materiais que falham nas restrições;
3.Classificar por capacidade de atender aos objetivos (usando índices
apropriados)
4.Procurar informações que sustentem os candidatos promissores
Seleção dos Materiais
Referência bibliográfica:

 Ashby, M. F.. Seleção de materiais no projeto mecânico.[tradução de Arlete


Simille]. Rio de Janeiro-RJ, Elsevier, 2012. 673p.
 Ferrante, Maurizio. Seleção de materiais. 2ª Edição, São Carlos-SP, EdUFSCar,
2009. 286p.

37 37