Você está na página 1de 1

Universidade Federal do Espirito Santo

Centro de Ciências Exatas


Departamento de Fı́sica

Fı́sica I (FIS05819) 2019/1


Teste I - Valor 5,0 pts
Professor: Wendel S. Paz Data: 05/04/2019
Aluno: Matrı́cula:

1. (1,5 pts) O estudo de movimentos passa por uma série de definições importantes que visam uni-
formizar a linguagem deste campo de conhecimento e delimitar claramente a abrangência da
mecânica clássica. Neste problema você irá definir estas grandezas e construir algumas das equações
que serão utilizadas ao longo desta avaliação. (a) Inicie o estudo considerando uma partı́cula pontual
que se locomove ao longo de uma linha reta (considere que esta reta seja o eixo x) com aceleração
constante. Se a partı́cula inicia o movimento no instante de tempo t0 com uma velocidade igual
a v0 na posição x0 , deduza as equações de movimento para esta partı́cula. (b) Considere que esta
mesma partı́cula comece a se movimentar com velocidade constante em um plano de modo que
no instante t0 = 0 a partı́cula esteja na origem do sistema de coordenadas; se após t segundos a
partı́cula percorra uma distância d de modo que se encontre no ponto do espaço cujas coordenadas
são (a, b), determine o módulo da velocidade média e da velocidade escalar média do objeto sob
estas condições. (c) Considere agora que a partı́cula inicia o movimento no ponto do espaço cujas
coordenadas são (a,b) e termina o movimento no ponto do espaço cujas coordenadas são (c,d) e que
este trajeto é performado em ta segundos. Se este movimento é descrito de modo que a componente
x da aceleração ax é constante, determine a componente x da velocidade inicial da partı́cula.
2. (1,5 pts) A matemática é a linguagem eleita pela fı́sica. Esta escolha resulta em uma série de
vantagens tais como a objetividade no diálogo entre cientistas, facilitando a disseminação do con-
hecimento; porém a matemática também incorpora na fı́sica algumas generalizações incompatı́veis
com a realidade experimentada. Por exemplo, um vetor que represente uma posição de um objeto
não pode ter mais que três coordenadas, porém, um vetor matemático pode ter infinitas coorde-
nadas. Cabe ao fı́sico entender que este vetor não pode representar uma posição de um objeto
macroscópico. Sejam os vetores,

r~1 = (at2 − bt)î + (ct3 − dt)ĵ + (et5 − f t2 )k̂ (1)


r~2 = (gt2 − ht)î + (mt3 − nt)ĵ + (ot5 − pt2 )k̂ + (qt5 − ut2 )ˆl (2)

em que; a, b, c, d, e, f , g, h, m, n, o, p, q e u são constantes. (a) Determine os “vetores velocidade”


~v1 e ~v2 para estes dois “vetores posição” ~r1 e ~r2 . (b) Determine os vetores aceleração a1 e a2
correspondentes aos “vetores posição” ~r1 e ~r2 . (c) Algum dentre estes “vetores posição” pode
representar um vetor que de fato descreva o movimento de um objeto macroscópico real? Justifique
sua resposta.
3. (1,0 pts) Um elevador sobe com uma aceleração, para cima, de 2,0 m/s2 . No instante em que sua
velocidade é de 4,0 m/s, um parafuso solto cai do teto do elevador, que está a 2,5 m do seu piso.
Calcule:
(a) O tempo que o parafuso gasta para atingir o piso.
(b) O seu deslocamento em relação ao poço do elevador.
4. (1,0 pts) Um rifle cuja velocidade de disparo é de 550 m/s é usado para atirar em um alvo distante
de 45 m. Para que altura acima do centro do alvo o rifle deverá ser apontado, de modo que a bala
atinja o alvo?