Você está na página 1de 20

PUB

Quinta-feira • 16 de maio de 2019 • •1

PUB
1010
16 maio 2019
Ano 19
quinta-feira
 0.75 iva incluído
Diretor: Luís Baptista-Martins
semanário

Guarda lidera exportações


na região desde 2013
Segundo o INE, o município guardense foi também o concelho que mais importou mercadorias e produtos no
ano passado, o que resulta num saldo negativo de 27,5 milhões de euros Pág.4

Solução à vista para a Confama


Covilhã
Câmara quer
liquidar PAEL
com substituição
de dívida
Empréstimo de 3,6 milhões de
euros a dez anos» permitirá
liquidar uma dívida antiga à
EDP e o Programa de Apoio à
Economia Local _ __________ 5

Vinhos
Beira Interior
integra programa
de dinamização
do enoturismo da
região Centro
As regiões vitivinícolas da Beira
Interior, Dão, Bairrada, Lisboa e
Tejo juntaram-se para dinamizar
o enoturismo na região Centro e já
garantiram um apoio de 630 mil
euros do programa Valorizar __ 5

Desporto
Presidente da Câmara da Guarda revelou que há um empresário do setor interessado em
Vila Cortês
conquista lugar na reabrir a fábrica de confeções de Famalicão da Serra, que encerrou no final de fevereiro e
Taça de Portugal __ 17 deixou cerca de 70 trabalhadoras desempregadas Pág.5
PUB
Europeias Guarda
Pedro Marques e Nuno Espólio de Madeira Grilo
Melo passaram pelo revelado na Federação
distrito de Bombeiros
Candidato socialista veio à Guarda dizer Organismo que representa as 23 associa-
que «Álvaro Amaro disse muito bem» do ções de voluntários do distrito inaugurou
seu trabalho enquanto ministro das In- instalações «condignas» no centro históri-
fraestruturas e Nuno Melo esteve na Mêda co que incluem núcleo museológico dedi-
onde acusou o PS de ter o «património do cado ao histórico dirigente e que poderá
calote»_________________________________ 7 ser visitado pelo público________________ 6
2• • Quinta-feira • 16 de maio de 2019

Cara
Entrevista
no  fio  da  navalha

a P e r f i l
cara

«A matriz
Francisco Martins
Alunos da Guarda Presidente da direção do Guarda 2000

Inês Brites e João Roque, dois alunos Idade: 38 anos

do Guarda
do 9º ano do Agrupamento de Escolas da
Sé, na Guarda, participaram na sessão na- Naturalidade: Guarda
cional do Parlamento dos Jovens/ básico,
em representação da Secundária da Sé. Profissão: Fiel de armazém
Os estudantes desempenharam o papel de

2000 é o ser
jovens deputados, a 6 e 7 de maio, tendo Currículo: Licenciatura em Ciências do
sido acompanhados pelo aluno Rodrigo Desporto pela Universidade de Coimbra,
Cavaleiro como repórter parlamentar. Além presidente da APADCS Guarda 2000 e
do notável desempenho, pelo qual foram dirigente na Associação de Jogos Tradi-

humano, não
eleitos na sessão distrital realizada a 26 cionais da Guarda
de fevereiro, em Pinhel, em representação
do círculo eleitoral da Guarda, os alunos Livro preferido: “Profecia Celestina”
distinguiram-se também por terem tido a
Filme preferido: Suspense, vários

o resultado
possibilidade de colocar a primeira questão
a um deputado da Assembleia da República
pelo facto da sua questão ter sido a mais Hobbies: Desporto, passar tempo com
votada na sessão. as pessoas importantes.

Guarda
A Guarda mantém-se desde 2013 como
o município com o maior volume de exporta-
desportivo»
P - É o novo presidente da direção
ções das Beiras e Serra da Estrela, de acordo
do Guarda 2000. O que o levou a as-
com dados do INE. As empresas da Guarda
sumir este compromisso?
continuam a ser as mais exportadoras da
R - Para além do gosto pelo futebol
região, sendo também o concelho que mais
e por ajudar os outros, acima de tudo é
mercadorias e produtos importou no ano
a grande admiração, respeito e carinho
passado, o que resulta num saldo negativo
pelo nosso querido e eterno Prof. Segura
de 27,5 milhões de euros. Num tempo em
Fernandes. Esta associação tem uma for-
que tantos guardenses têm abandonado o
ma de operar muito própria, uma matriz
concelho por falta de opções de futuro, é
única, à imagem do seu fundador, que vai
muito bom verificar que o tecido empresarial
muito para além da vitória, do resultado
vai dando sinais de vitalidade e capacidade
desportivo. Aqui o ser humano estará
de produzir e exportar.
sempre em primeiro lugar, a transmissão
de valores e a formação integral das cri-
anças e dos jovens em adultos exemplares
é um ponto-chave e, obviamente, ensinar
Vila Cortês brincando ao futebol. Também, e muito
A Guarda terá este ano uma equipa na importante, porque acho que é um
primeira eliminatória da Taça de Portugal, legado que o professor Segura nos
o que já não acontecia há muitos anos. A deixa a que temos que dar continui-
proeza deve-se ao Vila Cortês do Mondego, dade, é, no fundo, um ensinamento
vencedor da Taça de Honra da AF Guarda. de vida que nos deixou. Esta é, sem
O troféu vem premiar uma época muito dúvida, a grande marca que ele nos
regular de uma equipa formada por atletas deixa.
maioritariamente da Guarda e dos concelhos
mais próximos e sem grandes recursos P - Como está o clube atualmente?
financeiros. Quais são as suas principais carências?
R - Atualmente, e porque este ano,
infelizmente, foi inevitavelmente dife-
rente, só contamos com uma equipa de
benjamins, o futsal sénior feminino e
uma nova direção com muita vontade
de trabalhar. As dificuldades que se nos
apresentam são a nível financeiro, de
PS transportes, de instalações desportivas Não esquecendo as entidades que nos R - Os objetivos passam sempre
e de recursos humanos, quer a nível de apoiam, vamos procurar angariar novos por tentar fazer melhor do que no
A Guarda parece ter sido despromovi- atletas, quer a nível de colaboradores patrocinadores. ano anterior e crescer com qualidade,
da no seio do PS. Nesta campanha para as visto que há cada vez menos disponibili- sustentabilidade e responsabilidade.
europeias a cidade já não consta do roteiro dade/ vontade por parte das pessoas em P - E quais são os seus projetos
dos grandes comícios, das arruadas e da desenvolver um trabalho voluntário de para este mandato? Vai manter a apos- P - O que falta ao futebol dis-
mobilização. A prova ficou demonstrada forma abnegada. ta no futsal feminino e de formação? trital para singrar nas competições
na recente passagem de Pedro Marques R - Os projetos para o mandato pas- nacionais?
pela cidade, na segunda-feira. O candidato P - Como pensa resolvê-las? sam por criar consistência, cimentar o R - Ao futebol distrital faltam
quase passava despercebido não fossem R - Há uma série de “démarches” trabalho que vinha sendo realizado. Não apoios financeiros, recursos humanos
os rasgados elogios de Marília Raimundo, que estão a ser equacionadas. Desde queremos dar passos maiores do que as e materiais (é diferente ter um ou dois
ex-dirigente do PSD, ao cabeça de lista já a angariação de sócios, pois acr- pernas, assim acreditamos que a consistên- treinos semanais ou ter condições
socialista. Nem sequer foi ao centro da editamos que serão uma força motriz cia é fundamental para a sustentabilidade para treinar diariamente), pois o que
cidade para falar com os cidadãos. muito importante para a associação. desta associação. Após isto, porque não, se verifica hoje em dia é a saída das
Iremos fazer também treinos de cap- pensar em incluir outras modalidades. pessoas do interior, o que a este nível
tação para podermos contar com mais nos afeta. Ou seja, o fator de interiori-
atletas e mais escalões de formação e P - E os objetivos para as próximas dade inibe-nos de poder fazer mais e
dar continuidade ao futsal feminino. épocas? melhor, de pensar em voos mais altos.
Quinta-feira • 16 de maio de 2019 • •3

editorial Luís Baptista-Martins


baptista-martins@ointerior.pt

Grotesco
Simplificando: a imagem de Joe Berardo
a rir-se na Assembleia da República foi o mais
grotesco que vimos em muito tempo!
Alguns dias antes, quando vimos os de-
putados a discutirem (a gatafunharem como
um grupo de miúdos na escola) a versão final
do diploma sobre a recuperação do tempo de
serviço dos professores e, depois, a imagem
de Rui Rio a desdizer o que o PSD tinha dito, já
era do mais grotesco que vira em política. Pelo
menos eu! Mas, naturalmente, a substância
do debate foi substituída pelas diferenças
ideológicas e partidárias. E aquilo que a
mim me pareceu hilariante, a outros pareceu
razoável ou lamentável, consoante o lado da
barricada. Como é evidente, querer ganhar
mais é legitimo. E todos queremos mais e
melhores condições de vida. Temos direito
a viver melhor, a ter melhor saúde, melhor
educação, melhor justiça, mais segurança…
menos horas de trabalho, mais férias. E um
largo etc., mas não é possível dar tudo a
todos. O salário médio em Portugal é baixo,
comparativamente com a Europa, e por isso
todos os que ganham abaixo da média (860
euros) defendem que os demais ganhem me-

Uma noite destas, nos. Devia ser ao contrário.


E assim voltamos ao grotesco: Joe Berar-
do a rir-se dos portugueses, a declarar que
opinião
Fidélia Pissarra passou por cá o futuro pessoalmente não tem dívidas, ainda que três
bancos lhe reclamem perto de mil milhões de
Ao acordar, nunca se sabe como é que o dia vai acabar. Estado de graça que nem a ingenuidade na expressão de euros de dívidas. Pior, Berardo representa o
Uma quinta-feira aqui atrás poderia ter sido apenas mais desânimo do pequeno violinista, importunado com o bzzz tempo da corrupção e amiguismo grandioso.
um dia de semana não fora o facto de, a meio da tarde, ter do atrevido drone que, sem pejo, invadira as ondas por Um tempo em que uns poucos tomaram conta
dado de caras com algo que, em boa hora, me despertou a onde a música se espraiava, conseguiu macular. “Coisas da de tudo. Por culpa desse “tempo” não há di-
atenção. Ia haver um concerto no castelo do Sabugal. O inu- interioridade”, segredei-lhe telepaticamente do meu lugar. nheiro para pagar mais aos professores ou a
sitado da coisa, por estes lados, impeliu-me a ir espreitar. Só que o catraio preferindo ostensivamente, pareceu-me, quem quer que seja. Não há, nem haverá nas
Pouco antes da hora marcada, ao contrário do que os movimentos do arco à minha despropositada snobeira próximas gerações. Porque os portugueses
costumo, já estava sentada no centro do maneirinho apenas me condenou a uns bons segundos de conflito inte- com mais de 45 e menos de 60 ficaram para-
castelo. Empenhada em não perder pitada, de costas para rior. Caso para me alhear de umas poucas de notas e vozes. dos no tempo, foram dez anos de regressão,
as famosas cinco quinas da torre, observava os músicos Mas também não há grande beleza sem algo de estranho, sem progressão na carreira (em qualquer
que, no ainda escuro fosso da orquestra, iam aquecendo pois não? E a beleza daquela noite, daquele concerto no carreira, no ensino ou em qualquer outra; no
os instrumentos. Pelo meio, ia apreciando as ameias ace- castelo, agigantou-se mais ainda perante a petulância. A público como no privado, porque de 2008 a
sas, o pontilhado do céu e a maneira como a sussurrante do objeto voador com seu bzzz e a minha. 2018, todos andámos para trás), as gerações
plateia adequava o comportamento à solenidade da espera. Um “Lisboa menina e moça” acastelhanado haveria de seguintes terão, doravante, de pagar o rega-
Protegido do vento leve da noite de Primavera, das ameaças fechar-me a grande noite no castelo que abandonei a pensar bofe de José Sócrates e de toda uma gera-
das novas guerras e vicissitudes, pelas velhas muralhas, para com os meus botões: “Se calhar as velhas e solitárias ção de políticos corruptos e de dirigismo
aquele anfiteatro transportara-me, inexplicavelmente, para terras deste Interior poderão, sem querer, ter encontrado irresponsável. Os profissionais da política
uma outra possível história. melhor remédio para os seus males demográficos que sacaram tudo o que havia e nada sobra para
Um a um, os restantes elementos da orquestra e os empresas de telemarkting, vacas e garraiadas”. Porque, as novas gerações. O domínio dos partidos
integrantes do coro preenchem o palco sob os pequenos para mim, o futuro passara inegavelmente por aqui. Se foi trouxe-nos até aqui, ao domínio do grotesco,
aplausos (só hão de mostrar verdadeiramente o que valem só o dos pequenos músicos, apoiado pelos velhos músicos, de um regime corrupto e de interesses, de
no fim da peça) evidenciando a genuína timidez de quem, é que já não consigo dizer. Se volta, ou fica, também não. silêncios em troca do emprego, do “tacho”,
pouco habituado a estas coisas, de ser presenteado com Que esteve ali, esteve. do lugar, da cunha, do facilitismo… Berar-
música de orquestras, não se acha ainda digno de mais afoi- E, nesse momento, até me entusiasmei com a candi- do ri-se de nós, porque durante anos foi
tos protagonismos. Ao primeiro erguer da batuta, abrem-se datura da Guarda a Capital Europeia da Cultura, achei-a um idolatrado. Ri-se de nós porque durante anos
alas de silêncio para a perfeita interpretação que graúdos pouco menos extravagante. De repente, lembro que só tinha nos calámos perante um regime de interesses
e miúdos, cerzindo o passado com o futuro à margem de ido ver a Orquestra da Universidade Autónoma de Madrid nefastos ao país!
vaidades ínvias, fizeram da “Carmina Burana” do Carl Orff. ao castelo do Sabugal e logo me passou.

PUB
4• • Quinta-feira • 16 de maio de 2019

Guarda continua Guarda


Alunos do Agrupamento de
Escolas da Sé na sessão nacional
a ser o município do Parlamento Jovem DR

mais exportador
da região DR

Inês Brites e João Roque, temática proposta “Alterações


dois alunos do 9º ano do Agru- Climáticas – Salvar os Oceanos”.
pamento de Escolas da Sé, na Além desta participação no Par-
Guarda, participaram na sessão lamento dos Jovens, os alunos
nacional do Parlamento dos Jo- destacaram-se por terem tido a
vens/ básico, em representação possibilidade de colocar a pri-
da Secundária da Sé. meira questão a um deputado
Os estudantes desempe- da Assembleia da República
nharam o papel de jovens de- pelo facto da sua questão ter
putados, a 6 e 7 de maio, tendo sido a mais votada na sessão.
sido acompanhados pelo aluno Inês Brites e João Roque foram
Rodrigo Cavaleiro como re- eleitos na sessão distrital re-
pórter parlamentar. Os jovens alizada a 26 de fevereiro, em
guardenses integraram a pri- Pinhel, em representação do cír-
meira Comissão de Trabalho e culo eleitoral da Guarda, e foram
participaram no plenário, onde acompanhados pela professora
ajudaram a elaborar um con- Conceição Aleixo, coordenadora
junto de medidas que constam de Projetos de Desenvolvimento
da Recomendação à Assembleia Educativo no Agrupamento de
da República, no âmbito da Escolas da Sé.

Tabela relativa ao valor dos bens importados e exportados pelas empresas da região em 2017 e 2018, feita com base Covilhã
nos dados do INE
Sofia Craveiro mais de 4,7 milhões de eur em Beiras e Serra da Estrela que
UBI apoia Guarda a Capital Europeia
2018. Como seria de esperar, o apresenta a maior diferença da Cultura
maior importador e exportador relativamente aos valores de Alunos da licenciaturas de dia 30 pelos alunos de Ciências
Segundo o INE, a de Portugal é o concelho de Lis- exportação e importação é a Ciências da Cultura e Ciências da da Comunicação e designa-se
Guarda foi também boa, que alcançou um valor de Covilhã, que totaliza um saldo Comunicação da Universidade “Dispers’ARTE”, tendo o cine-
o concelho que mais 18,2 mil milhões de euros em positivo de 116.390.236 euros, da Beira Interior agendaram ma como temática dominan-
importou mercadorias importações e 6,4 mil milhões sendo o segundo maior ex- dois eventos para apoiar a can- te. Nessa noite serão exibidas
e produtos no ano de euros em exportações em portador da região. Os valores didatura da Guarda a Capital curtas-metragens que remetem
passado, o que resulta 2018. apresentados mostram ainda Europeia da Cultura de 2027. para o tema da candidatura – a
num saldo negativo de Na lista dos maiores impor- o aumento das exportações e “17 Municípios do Alto da “Diáspora” –, nomeadamente
27,5 milhões de euros. tadores seguem-se os municí- importações deste município Cultura” é a primeira iniciativa “Os Salteadores”, de Abi Feijó;
pios de Oeiras (7,1 mil milhões relativamente a 2017. e terá lugar dia 24 na Parada “Água Mole”, de Laura Gonçalves
A Guarda foi o município de euros) e Sintra (919 milhões Na região, os municípios da UBI onde será realizada e Xá; “21 da Rua da Esperança”,
mais exportador na região das de euros). Já da lista dos que que apresentam um saldo posi- uma pintura coletiva por artis- de Luís Batista; e “Da Meia Noite
Beiras e Serra da Estrela em menos importam encontram- tivo, na balança de importações tas da Covilhã, uma instalação pró Dia”, de Vanessa Duarte.
2018, mantendo a liderança se os concelhos de Penedono, e exportações das empresas, de feltragem artística de Ana Após a sessão haverá um
neste indicador desde 2013. De com zero euros de importação; são, além da Covilhã, Almeida Gonçalo e uma performance de encontro com os realizadores
acordo com os dados revelados Sardoal (742 euros) e Freixo (2.093.032 euros de diferença), dança pela Academia de Música Laura Gonçalves e Luís Batista,
pelo Instituto Nacional de Es- de Espada à Cinta (742 euros). Belmonte (11.290.295 euros), e Dança do Fundão. A jornada antes do concerto do projeto
tatística (INE), o concelho foi Relativamente às exportações, Figueira de Castelo Rodrigo termina com uma dramatização musical “Homem em Catarse”.
também o que mais importou no a seguir a Lisboa, o pódio fica (64.751 euros) e Fornos de do poema “O Mito de Conceição” Ao longo da atividade também
ano passado, o que resulta num completo com Palmela (pouco Algodres (841.591 euros). Tam- e a atuação do “Coletivo Foice”. O será feita uma pintura ao vivo
saldo negativo de 27,5 milhões mais de 4 mil milhões de euros) bém Gouveia exporta mais do segundo evento é promovido no por Helénio Mendes.
de euros. e Vila Nova de Famalicão (cerca que importa, resultando num
No ano passado, as impor- de 2 mil milhões de euros). saldo positivo de 3.802.051
tações da Guarda totalizaram Inversamente, os que menos euros, tal como Manteigas, que Empresas
um valor de 261.228.558 euros exportaram no ano transato apresenta uma diferença de Três novos vinhos na Quinta dos Termos
e as exportações chegaram aos foram Vila do Porto, Santa Cruz 157.868 euros; e Seia, que regis-
233.694.716 euros (ver tabela). das Flores e Santa Cruz da Gra- ta 641.883 euros. Já Vila Nova de A Quinta dos Termos, de contando atualmente com sete
A Covilhã é o segundo concelho ciosa (todos nos Açores), Porto Foz Côa tem um balanço total de João Carvalho, lançou na sexta- medalhas de ouro», afirmou o
da região que mais exporta com Santo (Madeira) e Vila de Rei, 7.899.105 euros positivos. feira três novos vinhos (um empresário, segundo o qual
um total de 203.010.423 euros todos eles com zero euros de Com valores negativos, ou branco e dois tintos, um deles este reconhecimento deve-se
atingidos pelas empresas em exportação. seja, onde importa-se mais do um topo de gama batizado de ao facto de «só usarmos castas
2018. A seguir surge o municí- que se exporta, estão os muni- “Testemunho”). originárias da nossa região».
pio do Fundão, com um total de Covilhã é o concelho cípios da Guarda, Fundão, Celo- «A Quinta dos Termos é Na sessão foi assinado um
21.726.252 euros, registando-se com o maior saldo rico da Beira (-965.528 euros), reconhecida como um elemen- protocolo com a Caetano Star
um decréscimo das exportações positivo da região Mêda (-96.428 euros), Pinhel to diferenciador da região e os que prevê a cedência de uma
e um aumento das importações, (-3.091.001 euros), Sabugal seus vinhos têm recebido cada carrinha Toyota por um ano à
relativamente a 2017, do qual Os dados analisados reve- (-12.714.696 euros) e Trancoso vez mais prémios e medalhas produtora de vinhos do conce-
resulta um saldo negativo de lam ainda que o concelho das (-1.652.085 euros). de concursos internacionais, lho de Belmonte.
Quinta-feira • 16 de maio de 2019 • •5

Vinhos

Beira Interior integra Novo empresário


programa de dinamização
do enoturismo da região pode reabrir
Centro
As regiões vitivinícolas da
Beira Interior, Dão, Bairrada,
Lisboa e Tejo juntaram-se para
tes do setor, contribuir para a
estruturação e valorização de
destinos e rotas de enoturis-
Confama AR

dinamizar o enoturismo na mo e valorizar os territórios


região Centro e já garantiram vinhateiros, contribuindo para
um apoio de 630 mil euros do a coesão da atividade turística
programa Valorizar. O objetivo por todo o país e ao longo de
é criar riqueza e mais noto- todo o ano», refere o protocolo
riedade para estes territórios assinado na sexta-feira, na
vinhateiros. Anadia, pelos parceiros e pelo
O projeto consiste na es- Turismo de Portugal.
truturação e qualificação da Entre as ações previstas
oferta, nomeadamente através no Programa de Qualificação
da elaboração de um manual da Oferta Enoturística da Re-
de boas práticas das atividades gião Centro para os próximos
enoturísticas, um “kit” técnico- dois anos estão a participação
formativo e a conceção de pro- conjunta em feiras nacionais e
dutos enoturísticos persona- internacionais, visitas inver-
lizados. A iniciativa pretende sas de jornalistas e de outros
ainda promover a formação “players” do sector.
de mais de 200 técnicos na Esta iniciativa integra o
área do enoturismo nas cinco programa de ação para o eno-
regiões vitivinícolas. «Com turismo em Portugal 2019-
um investimento previsto, a 2021, que prevê um conjunto
três anos, de cinco milhões de de metas para posicionar Por-
euros para ações de promoção tugal «como um dos desti-
e formação, este referencial nos mais reconhecidos neste
estratégico visa potenciar o segmento» e o enoturismo
“cross-selling” [vendas cru- como «uma das prioridades»
zadas] entre vinho e turismo, do desenvolvimento turístico «Fiquei admirado com o pedido de insolvência da ACG e não gostaria que isso acontecesse porque é uma instituição
induzir boas práticas nos agen- nacional. essencial na comunidade», disse Carlos Chaves Monteiro

Luis Martins ressado irá investir», sublinhou disse Carlos Chaves Monteiro.
o edil, que também vai reunir De resto, o autarca referiu que
Covilhã com os empresários para «agi- o município guardense tem
Câmara quer liquidar PAEL Revelação foi
feita por Carlos
lizar procedimentos e ver que
apoios a Câmara poderá conce-
«sempre dado resposta positi-
va» aos pedidos da AICEP para
com substituição de dívida Chaves Monteiro
no final da última
der». Carlos Chaves Monteiro
garantiu que a autarquia «tudo
localização de empresas, mas
admitiu que, «infelizmente,
A Câmara da Covilhã 1,5 milhões de euros, valor reunião de Câmara. fará» para que a empresa reabra. ainda não “pescámos” nenhum
pretende fazer este ano uma que deverá ser liquidado ainda Presidente espera «Só não sabemos quando e com desses investimentos.
operação de substituição de «antes do outono», altura em agora que pedido de quantos funcionários», acres- O autarca também comen-
dívida, o que permitirá liquidar que o município prevê que insolvência da fábrica centou o presidente. Outra dú- tou a situação da Associação
uma dívida antiga à EDP e o estejam concluídos todos os de confeções de vida prende-se com o desfecho Comercial da Guarda, alvo de
Programa de Apoio à Econo- procedimentos necessários Famalicão da Serra «se do pedido de insolvência entre- um pedido de insolvência, con-
mia Local (PAEL). para concretizar a referida resolva em defesa dos tanto apresentado no Tribunal forme noticiou O INTERIOR na
A informação foi avançada operação de crédito. postos de trabalho». da Guarda pelo próprio dono semana passada. «A Câmara
pelo presidente a autarquia no Este financiamento per- Autarca está também da fábrica de confeções por não está preocupada com o futuro
final da reunião privada do exe- mitirá ainda pagar cerca de «preocupado» com o ter capacidade financeira para desta instituição centenária
cutivo, realizada na sexta-feira, dois milhões de euros à EDP futuro da Associação cumprir os seus compromissos que atualmente não tem órgãos
que deliberou, por maioria, referentes a uma dívida que Comercial. de dívida junto da Caixa Geral de diretivos e vive uma situação
dar início ao processo de con- remonta à década de 1970 e Depósitos e a Segurança Social. financeira muito complicada. Fi-
sulta às entidades bancárias. que seria da ordem dos 3,1 Há uma luz ao fundo do «A existir, espero que tudo se quei admirado com o pedido de
Com um valor global de 3,6 milhões de euros. Aos jorna- túnel para a Confama, a fábrica resolva em defesa dos postos de insolvência e não gostaria que
milhões de euros, esta é uma listas, Vítor Pereira explicou de confeções de Famalicão da trabalho», afirmou. isso acontecesse porque é uma
«operação a dez anos» que que foi estabelecido um acordo Serra que encerrou no final de Incerto continua o futuro da instituição essencial na comuni-
tem como principal objetivo de antecipação de pagamento fevereiro e deixou cerca de 70 Dura Automotive, a empresa de dade», afirmou o edil guardense.
reduzir o valor dos juros pagos que garantiu à Câmara uma trabalhadoras desempregadas. componentes para automóveis Carlos Chaves Monteiro espera
atualmente, além de permitir redução de «cerca de 40 por O presidente da Câmara da que no final de agosto vai perder agora que surjam associados
ao município «libertar-se» das cento», ou seja, mais de um Guarda revelou na segunda-fei- o seu principal cliente, atual- com uma solução diretiva – as
regras e condições impostas milhão de euros. Na sexta-feira ra, no final da reunião do execu- mente responsável por 50 por eleições estão marcadas para 7
pelo PAEL, disse Vítor Pereira. o município aprovou também a tivo, que há «a possibilidade» de cento da produção da fábrica de de junho – e garante que o mu-
Segundo o edil socialista, esta adjudicação da requalificação a empresa reabrir. «Há um inte- Vila Cortês do Mondego. «Está nicípio será «sempre parceiro
medida permitirá «libertar a da Escola Frei Heitor Pinto, num resse efetivo de um empresário tudo na mesma. A Câmara tem na resolução dos problemas».
Câmara de teias e de amarras investimento superior a três mi- do ramo em retomar a laboração estado em contacto com a AICEP «Estamos disponíveis a definir
para que possamos trabalhar lhões de euros, e a construção do e esta semana poderá haver e com a Secretaria de Estado projetos em conjunto para dar
com mais tranquilidade e com Centro de Incubação e Apoio ao desenvolvimentos», afirmou da Economia para que interce- maior dinâmica aos novos di-
mais recursos financeiros e Empreendedorismo. O espaço Carlos Chaves Monteiro, adian- dam junto da administração da rigentes. O plano de atividades
a pensar no futuro da autar- deverá surgir na antiga esqua- tando que está prevista uma multinacional para deslocalizar será fundamental para a Câmara
quia e dos covilhanenses». A dra da PSP, no centro da cidade, reunião do antigo proprietário alguma da produção do Carrega- cooperar e apoiar na medida das
adesão ao PAEL data de 2012 e implicará um investimento com as trabalhadoras. «Estamos do para Vila Cortês, onde há es- suas possibilidades», sublinhou
e implicou um empréstimo de de 783 mil euros. convictos que o empresário inte- paço e mão de obra qualificada», o presidente do município.
6• • Quinta-feira • 16 de maio de 2019

Espólio de Madeira
S Grilo patente na nova
Sociedade sede da Federação de
Vila Franca
das Naves
Bombeiros da Guarda
Bombeiros Instituição que representa as 23 associações de voluntários do distrito inaugurou
homenageiam instalações «condignas» no centro histórico da Guarda
Maria do Carmo Luis Martins
LM

Borges
Maria do Carmo Borges
vai ser homenageada pelos O espólio de Manuel Madeira
bombeiros voluntários de Vila Grilo, histórico dirigente dos vo-
Franca das Naves (Trancoso) luntários falecido em setembro
este sábado. de 2014, pode ser visto na nova
A cerimónia tem início sede da Federação de Bombeiros
pelas 15 horas e destina-se do Distrito da Guarda (FBDG),
a agradecer «o papel pre- inaugurada na sexta-feira na Rua
ponderante» que a antiga D. Dinis, no centro histórico da
Governadora Civil da Guarda cidade mais alta.
teve no processo de edificação «É um momento histórico
do quartel de voluntários da após 40 anos de espera por ins-
corporação vilafranquense, talações condignas», disse Paulo
«entre muitos outros atos que Amaral, presidente da FBDG,
dignificaram e ajudaram a cau- segundo o qual a sede vai dar
sa dos bombeiros». A homena- «nova dinâmica» à federação que
geada irá receber o Crachá de representa as 23 associações de
Espaço museológico dedicado ao antigo dirigente poderá ser visitado pelo público
Mérito e Cidadania, a terceira bombeiros existentes no distrito.
distinção mais importante da O dirigente agradeceu, por isso, Câmara afirmou que o centro movimento nacional dos “solda- «uma história que, com certeza,
Liga de Bombeiros Portugue- o «empenho» da autarquia na histórico da Guarda precisa «ser dos da paz” para afirmar que era ele gostaria de contar». O espólio
ses. A Associação Humanitária cedência do edifício por 30 anos, revitalizado com cada vez mais «um grande dirigente nacional e de Madeira Grilo, constituído por
vai ainda distinguir os sócios que acolhe um espaço museoló- instituições e pessoas para que internacional, cujo grande enfo- diplomas, distinções, medalhas,
José Santiago (benemérito), gico denominado “Sala Professor esta zona da cidade seja mais atra- que sempre foram os bombeiros, fotografias e publicações, está
João Ferreira e Joaquim Cae- Madeira Grilo - Bombeiros uma tiva e dinâmica». Carlos Chaves os homens e mulheres que andam patente no rés-do-chão da sede da
tano (honorários). paixão eterna” que estará aberto Monteiro reconheceu também no terreno». «Que todos saibamos Federação e poderá ser visitado
a todos os visitantes. Mas para tal que os bombeiros têm que ser personificar esse legado pelo em horário de expediente. Na ses-
será necessário que a Câmara da apoiados e que cabe aos muni- valor dos bombeiros», concluiu. são, Álvaro Amaro, ex-presidente
Seia Guarda «contribua mensalmen- cípios criarem «as condições ne- Em representação da família da Câmara da Guarda, foi distin-
Festival de Tunas te para haver um funcionário
a tempo inteiro», pediu Álvaro
cessárias para que desempenhem
bem as suas funções na ajuda e
de Madeira Grilo, o filho José Grilo
declarou que «estamos todos
guido pela Liga de Bombeiros
com o colar de Mérito e Cidadania,
Mistas arranca Guerreiro, presidente da Assem- socorro às populações». Presente muito orgulhosos e emocionados a terceira maior condecoração da
amanhã bleia-Geral da Federação, na sua na cerimónia, o presidente da Liga com estes momentos», tendo instituição. A sede da FBDG ocupa
Promovido pela Sena- intervenção. de Bombeiros Portugueses evo- acrescentado que todas as peças o edifício onde funcionou o Clube
tuna – Tuna Académica da Por sua vez, o presidente da cou o papel de Madeira Grilo no patentes na sala dedicada pai têm de Caça e Pesca da Guarda.
Escola Superior de Turismo
e Hotelaria de Seia, a décima
edição do FESTUS – Festival de
Fotolegenda Exames da Cambridge
Tunas Mistas da Cidade de Seia Cortejo académico do IPG fechou Semana Académica Assessment English na
começa esta sexta-feira. SC
Guarda
Até domingo estão pro- O Colégio de Línguas da Guar-
gramadas serenatas frente à da realizou pela primeira vez, no
Igreja da Misericórdia (sexta- passado fim de semana, exames
feira), o festival propriamente da Cambridge Assessment English
dito no sábado (20h30) no com a presença de representantes
salão nobre dos bombeiros. da International House de Coimbra
Participam as tunas Instituna e da Cambridge English.
- Tuna Mista do Instituto Po- Uma equipa de examinado-
litécnico de Leiria, ActuaTuna res deslocou-se à cidade mais alta
- Tuna Universitária ISPA-IU e durante dois dias para ajudar na
VETuna - Tuna Mista da Facul- execução dos exames em todos os
dade de Medicina Veterinária níveis: Young Learners (A1), Key
(ambas de Lisboa) e a Nauti- For Schools (A2), Pet For Schools
tuna - Tuna Mista da Escola (B1), First For Schools (B2), CAE
Superior Náutica Infante D. Os estudantes do IPG saíram Alguns recados, muitas men- para dar nas vistas. Depois desta (C1) e CPE (C2). A experiência foi
Henrique, de Paço de Arcos à rua na segunda-feira para se sagens, carros mais ou menos arruada bem regada, os finalistas realizada por todos os alunos do
(Oeiras). A entrada é livre. O despedirem da semana académi- alegóricos, álcool e animação têm encontro marcado para dia Colégio de Línguas com «grande
festival termina no domingo à ca com o tradicional cortejo pelas q.b. foram os ingredientes de um 26 na missa de bênção das pastas, entusiasmo e algum nervosismo
tarde com uma garraiada. principais ruas da Guarda. desfile em que cada curso tudo fez no campus do Politécnico. à mistura», refere a instituição.
Quinta-feira • 16 de maio de 2019 • •7

EUROPEIAS 2019
PS CDS-PP

Pedro Marques recorda Nuno Melo diz que PS tem


que «Álvaro Amaro o «património do calote»
disse muito bem do meu
DR

trabalho» SC

Nuno Melo, cabeça de lista do CDS eurodeputado ironizou ainda que «o verda-
às europeias, atacou o PS e o Governo, deiro cabeça-de-lista do PS às europeias é
afirmando na Mêda, no domingo, que, ao António Costa», remetendo Pedro Marques
contrário do que reclamam, os socialistas para um papel «formal» e lembrou que há,
não têm o «património das contas cer- no atual Governo, pelo menos cinco go-
Em resposta à «maledicência dos Federação da Guarda do PS, realçou esta tas», mas sim o «património do calote». vernantes do tempo de José Sócrates, que
adversários de campanha», Pedro Mar- e outras medidas executadas pelo Gover- A expressão foi usada num almoço os centristas têm acusado de levar o país à
ques, cabeça de lista do PS às europeias, no socialista que «colocaram a Guarda com militantes e simpatizantes a pro- bancarrota, em 2011.
afirmou na segunda-feira, durante um no mapa da Europa». A comitiva rumou pósito da notícia da ameaça da Altice Aos simpatizantes, o cabeça de lista
almoço-comício na Guarda, que «gostava depois à Fundação João Bento Raimun- de cortar o SIRESP (Sistema Integrado centrista afirmou que o CDS «é a única
de aconselhar Paulo Rangel a falar com as do, onde o candidato ouviu elogios de de Redes de Emergência e Segurança de escolha de quem é de direita», da «direita
pessoas que estão à sua volta». Marília Raimundo: «Pedro Marques foi o Portugal), sistema de redes de comuni- democrática», enquanto o PSD tem-se
A sugestão é «o quinto elemento da único secretário de Estado que atribuiu cação de emergência e segurança usado, reclamado do centro, o seu líder, Rui
lista», esclarecendo que «Álvaro Amaro uma verba para a compra do primeiro por exemplo, em incêndios, devido ao Rio, do «centro-esquerda» e já fez três
disse muito bem do meu trabalho aqui na autocarro da instituição. Não tivemos de uma dívida de 11 milhões de euros. Além acordos com o PS. Também presente na
Guarda», referindo-se às obras de requa- muitas outras pessoas a mesma atitude, o desse, os socialistas têm «o património Mêda, Assunção Cristas atacou Pedro
lificação e modernização das ferrovias da mesmo carinho», disse a antiga dirigente das intervenções do FMI, já lá vão três», Marques, a «má cara do candidato do PS»
Beira Alta e Beira Baixa – um investimen- do PSD guardense. acrescentou o candidato reclamando para às europeias e do «desinvestimento, da
to que estimou em mais de 70 milhões de A campanha do PS regressa à região a direita «o património das contas certas». má execução dos fundos», em resposta a
euros, que iniciou enquanto ministro do esta sexta-feira para um jantar-comício na Segundo Nuno Melo, «pede-se, contrata-se António Costa que criticou os «candida-
Planeamento e das Infraestruturas, em Covilhã, em que participará António Costa. e não se paga», apontando aos socialistas. O tos engraçadinhos» da direita.
2018. O candidato socialista sublinhou a
importância desta «obra estruturante», PUB

entre a Covilhã e a Guarda, e recordou que


«estava fechada há mais uma década»,
tendo acrescentado que é «essencial para
a competitividade da Beira Baixa, mas ESTAMOS A RECRUTAR
também para a competividade interna-
cional do distrito da Guarda».
Já sobre a acusação do cabeça de lista OBRA IP5 VILAR FORMOSO/FRONTEIRA
do PSD, de falta de ações de campanha de
rua e de contacto com o público por parte • Carpinteiros de Cofragem
do socialista, Pedro Marques afirmou
não ter «nenhum problema de falta de • Armadores de Ferro
empatia com os portugueses», pois «as
pessoas reconhecem que a situação do • Pedreiros
país está melhor e falam connosco». Por
sua vez, Pedro Fonseca, presidente da • Serventes
• Manobradores
• Vigilantes de Obra
Contactos:
candidaturas@conduril.pt
229 773 921
Contacte-nos!
Tel: 271212153
Tlm: 964246491
8• • Quinta-feira • 16 de maio de 2019

Guarda

Centro de Dia de Pousade vence


Prémio Solidário TBM
O Centro de Dia de Pousade,
DR
O Prémio Solidário Trans-
gerido pela Liga de Amigos de portes Bernardo Marques foi ins-
Pousade, no concelho da Guarda, tituído em 2014 para assinalar o
venceu o Prémio Solidário Trans- aniversário da Cápsula do Tempo
portes Bernardo Marques (TBM) Guarda 2050 e nesta edição con-
2019. O galardão foi entregue no tou com um número recorde de
passado dia 9. 19 candidaturas, algumas delas
A instituição recebeu um a revelar consideráveis carências
cheque de mil euros, verba com das instituições, e outras a ma-
a qual vai «colmatar os urgentes nifestar a criatividade de quem
arranjos elétricos na cozinha e gosta ir mais longe na prestação
realizar a remodelação do piso de cuidados e nas atividades
escorregadio» daquele espaço, dos seus utentes. Para Bernardo
anunciou o Clube Escape Livre, Marques, gerente da empresa pa-
parceiro do galardão. Atualmen- trocinadora do galardão, «é muito
te, o Centro de Dia de Pousade importante estarmos num projeto
presta apoio nas refeições a 15 de solidariedade. Penso que devia
pessoas, sobretudo idosas, onze haver mais e devíamos olhar me-
das quais com idade superior a nos para o umbigo e participar
85 anos. Na cerimónia, Maria em projetos de solidariedade.
José Pires, presidente de direção muito agradecida porque estas lembrados por outras empresas Este prémio veio mesmo na As IPSS, sobretudo em zonas do
da Liga de Amigos de Pousade, instituições muito pequeninas e associações muito maiores é hora certa, pois andava à pro- Interior, são instituições de muita
afirmou que «é uma grande hon- convivem todos os dias com um enorme incentivo para que cura de apoio junto de várias importância e muitas vezes não
ra receber este prémio e estou muitos obstáculos, e quando são possamos continuar a trabalhar. entidades». lhe damos o valor que merecem».

Empresas

Matos & Prata levou clientes ao limite


na Serra da Estrela
DR

LBM

X7, o “gigante” da BMW


Foi com estupefação que os participantes no Evento X assistiram
à entrada, silenciosa e majestosa, do novíssimo BMW X7 no salão da
concessão no Tortosendo.
O novo SUV é «a fusão elegante de presença e personalidade»,
adianta a marca alemã. «Ao mesmo tempo, o espaço considerável
do interior oferece uma interação pioneira de exclusividade, funcio-
nalidade e liberdade», além de evidenciar um conforto ímpar, com
três filas de assento, para uma confortável viagem de sete pessoas.
O X7 tem uma elegância notável, apesar das dimensões, tecnologia
Os modelos X da BMW vol- as aptidões dos modelos no A quarta edição do Evento
de vanguarda e charme irresistível. É o maior modelo da BMW, com
taram a rolar, no sábado, nos fora de estrada. Houve subidas X terminou com um jantar nas
5,15 metros de comprimento, 2 metros de largura e uma altura de
trilhos da Serra da Estrela em exigentes, entre as Cortes e os instalações da Matos & Prata no
1,85 metros. Estas dimensão permite-lhe levar até sete pessoas dis-
mais um passeio da Matos & Piornos (Covilhã), e depois entre Tortosendo, onde foram apre-
tribuídas por três filas de bancos, espaçosas, sem deixar de oferecer
Prata, concessionário da marca as Corgas e Vide, já no concelho sentados novos modelos BMW,
espaço para bagagem.
alemã para os distritos da Guar- de Seia. A jornada teve início na entre eles o X7. No final, José
Por dentro, o X7 conta de série com interior forrado a pele,
da e Castelo Branco que está a concessão do Tortosendo, inau- Prata, administrador da Matos &
controlo de temperatura de quatro zonas, teto panorâmico em vidro
celebrar o 50º aniversário. gurada em 2018, e incluiu visitas Prata, afirmou que «para a nos-
e ainda o BMW Live Cockpit Professional. Como já é apanágio da
Organizado pelo Clube Es- ao Centro de Limpeza de Neve, sa empresa é importante dar a
marca, este SUV tem diversos apoios à condução, da função Stop &
cape Livre, o evento proporcio- nos Piornos, onde as Infraestru- conhecer as potencialidades que
Go à proteção contra colisão ou o assistente de estacionamento, entre
nou convívio e aventura a cerca turas de Portugal explicaram o a marca BMW tem no fora de es-
outros equipamentos que pretendem tornar a condução mais segura
de uma centena de proprietários seu trabalho nas estradas da ser- trada. A proximidade aos clientes
e fácil. A viatura apresentada tem um PVP de aproximadamente 150
dos modelos SUV da BMW, do X1 ra, à cascata do Poço do Inferno, e a confiança que depositam em
mil euros, mas o X7 será vendido a partir de cerca de 112 mil euros,
ao X6. Todos ultrapassaram os perto de Manteigas, e ao Museu nós é sem duvidada demonstrada
dependendo do equipamento opcional. O BMW X7 é um carro para
vários desafios, com diferentes do Pão, em Seia, onde decorreu com a alegria e o convívio que foi
fazer parar o trânsito, ou os transeuntes.
tipos de trilhos, comprovando também o almoço. proporcionado».
Quinta-feira • 16 de maio de 2019 • •9

Marialva Guarda

Mercado Incêndio destruiu matéria-prima e camião numa serração de Pega


Um incêndio que deflagrou no exterior
Medieval na de uma serração de madeira na localidade
de Pega, no concelho da Guarda, destruiu
Aldeia Histórica matérias-primas e um veículo pesado du-
rante a noite de domingo.
A Aldeia Histórica de Marialva
O incêndio, que foi considerado extinto
(Mêda) recebe, entre sexta-feira e do-
pelas 5h30 de segunda-feira, mobilizou 44
mingo, mais uma edição do Mercado
bombeiros, apoiados por 16 viaturas das
Medieval, que reconstitui o ambiente
corporações da Guarda, Sabugal, Soito,
socioeconómico de finais do século XIII
Gonçalo e Trancoso, além de elementos
e do início do século XIV.
do Serviço Municipal de Proteção Civil da
A iniciativa é promovida pelo mu-
Guarda e da GNR. Segundo o Comando
nicípio da Mêda e pretende «relembrar
Distrital de Operações e Socorro da Guarda,
as vivências, usos e costumes medievais
os danos foram apenas materiais. DR
e, simultaneamente, reconstituir o am-
biente socioeconómico e de animação PUB
que se vivia à época do reinado de D.
Dinis» na então vila de Marialva.

Sabugal
Município promove
simpósio sobre
envelhecimento
ativo e Feira Social AR

O município do Sabugal, em parce-


ria com várias entidades, promove entre
sexta-feira e domingo o IIIº Simpósio
“Sabugal + Social” e a Feira Social no
pavilhão multiusos da cidade.
No primeiro dia vários especialis-
tas vão abordar temáticas relaciona-
das com a promoção do envelhecimen-
to ativo e saudável, nomeadamente no
que se refere ao apoio social, educação
sénior e saúde, numa estratégia de
capacitação das instituições, dos técni-
cos e da população em geral. Durante
o simpósio haverá espaços de debate,
em que os participantes vão ter a
oportunidade de esclarecer dúvidas e
partilhar informação, podendo tam-
bém assistir a representações sociais
das crianças sobre a velhice e a um
momento musical intergeracional. A
participação neste simpósio é gra-
tuita, mas sujeita a inscrição prévia
obrigatória.
No fim de semana, entre as 14 e as
20 horas, decorre também a Feira So-
cial, onde serão apresentados projetos
sociais, produtos e serviços de associa-
ções/ empresas ligadas à área. Haverá
igualmente rastreios e workshops, bem
como momentos lúdicos e de animação,
com demonstrações de dança e repre-
sentações teatrais.
Segundo a autarquia, a unidade de
missão “Sabugal + Social” pretende criar
«um conjunto de soluções e respostas
sociais inovadoras para problemas da
comunidade do Sabugal, com impacto
positivo superior e comprovado rela-
tivamente às soluções existentes». O
seu objetivo é «transformar o Sabugal
na capital do envelhecimento ativo e
saudável, em Portugal».
10 • • Quinta-feira • 16 de maio de 2019

PUB Fundão
Empresário paga 350 euros por 32 cerejas
em leilão solidário DR

O leilão solidário realizado terça- cada cereja deste lote ultrapassa os 10


feira, no Fundão, angariou 350 euros euros. A verba angariada reverte para a
pagos por 32 cerejas. Associação de Pais e Amigos do Cidadão
O lote de duas caixas de 16 unidades Deficiente Mental do Fundão e (APPCDM)
cada teve como base de licitação 100 e irá contribuir para a construção de uma
euros, que em menos de um minuto nova estrutura residencial.
se transformaram em 350 devido aos «É com muito gosto que estamos
vários lances dos licitadores presentes a apoiar uma causa solidária e depois
no arranque da campanha de 2019 deste estamos a falar de cerejas únicas, com
fruto emblemático da Cova da Beira. um calibre acima da média, que vão fazer
A iniciativa partiu da autarquia, tendo as delícias da minha família», afirmou o
as primeiras cerejas sido arrematadas empresário Carlos Alegria. Segundo o
por Carlos Alegria, empresário que está autarca Paulo Fernandes, as previsões
a investir na construção da Central de deste ano apontam para uma produção
Biomassa do Fundão. Tendo em conta de sete mil toneladas de cerejas no con-
o valor pago pelo licitador, o preço de celho do Fundão.

PUB

DUAS FORÇAS,
UM FUTURO.
NOVOS HÍBRIDOS PLUG-IN
BMW iPERFORMANCE.

O futuro está aí e vem cheio de vantagens para a sua Empresa, consulte-nos.

Matos & Prata, S.A.


Rua Vila de Manteigas, 1
6300-617 Guarda
Tel.: 271 208 608
14525 Fidelidade Anuncio Premio Comunidade_O interior 243x325_AF.pdf 1 08/05/2019 16:45

Quinta-feira • 16 de maio de 2019 • • 11

PUB
12 • • Quinta-feira • 16 de maio de 2019

PUB Trancoso
Escola Profissional vence fase regional
de concurso de empreendedorismo DR
A equipa da Escola Profissional de
Trancoso (EPT) venceu o concurso regio-
nal de empreendedorismo “A Empresa”
da Junior Achievment, que decorreu na
semana passada na Universidade de Trás-
os-Montes e Alto Douro, em Vila Real.
Os alunos do curso de Gestão de
Equipamentos Informáticos apresenta-
ram a mini empresa Horta à Porta, que
comercializa kits de produção de hortí-
colas por hidroponia para instalação em
habitações urbanas, assim como uma
aplicação informática que, mediante o
registo dos utilizadores, permite moni-
torizar os diferentes tipos de produção
em curso num determinado prédio ou Porto e seguem para a final nacional do
condomínio com vista à prática da troca concurso, que terá lugar em Cascais, na
de produtos entre vizinhos, adianta a Casa das Histórias – Paula Rego, a 28 de
escola em comunicado. maio. O vencedor fica apurado para a JA
Os alunos da EPT disputaram a Europe Company of the Year Competition,
final com mais 15 escolas dos distritos que se realizará na cidade francesa de
da Guarda, Viseu, Vila Real, Bragança e Lille, entre 3 e 5 de julho.

Vila Nova de Foz Côa


Festival do Vinho do Douro Superior começa amanhã
A oitava edição do evento realiza-se por jornalistas, “bloggers” e empresários,
durante o fim de semana na Expocôa – Cen- entre outros especialistas. Os resultados
tro de Exposições de Vila Nova de Foz Côa. serão divulgados no domingo. Este ano
Além da feira, o festival contempla participam 400 vinhos de 67 produto-
provas comentadas de vinhos, colóquios, res e terá também lugar uma feira de
Media Partner:
visitas a quintas do Douro Superior e ha- produtos regionais. O festival é organi-
bitual concurso reservado aos produtores zado pelo município, em parceria com a
desta sub-região vinícola cujos vinhos revista “Vinho Grandes Escolhas”, e tem
serão avaliados por um painel formado entrada livre.
PUB

Venha descobrir o novo Mercedes-Benz CLA Coupé, com design irreverente Viseu: de 16 a 19 de maio, estaremos no Fórum Viseu.
e um ecrã tátil de série, que pode ser controlado por gestos. Não fique Guarda: de 16 a 18 de maio, estaremos no Jardim José de Lemos.
indiferente a um automóvel programado para si

Consumo combinado (l/100km): 6,8 a 4,4. Emissões de CO2 (g/km): 154


a 117.Estes valores variam consoante os opcionais escolhidos.

Finiclasse, SA
Viseu: Edifício Finiclasse, E.N.231, Ranhados - 232 470 930
Guarda: Variante à A25, Cruz. Alvendre - 271 210 400
E-mail: viseu@finiclasse.pt; guarda@finiclasse.pt - www.finiclasse.pt
Quinta-feira • 16 de maio de 2019 • • 13

Pinhel Homenagem

Feira do Livro até domingo Vida e obra de Cargaleiro revisitadas


Está a decorrer, em Pi-
nhel, a 17ª Feira do Livro para
com o saxofonista Luís Serra.
Na sexta-feira é dia de visita numa «reunião de amigos»
incentivar o gosto pela leitura da comunidade escolar, que «Não gosto de homenagens.
DR

e proporcionar acesso a uma tem encontro marcado com Para mim isto é uma reunião
maior oferta de publicações. os autores Luísa Ducla Soares de amigos», disse Manuel Car-
A atividade começou ter- e Daniel Completo. À noite galeiro no tributo à sua vida e
ça-feira na Casa da Cultura atua a Banda Filarmónica obra realizado no sábado, no
e inclui momentos de mú- de Pinhel e da Universida- concelho da Covilhã.
sica, poesia, encontros com de Sénior. Para sábado está Organizada pela autarquia
autores e apresentações de agendado um serão de poesia e pela Casa da Cultura José
livros. Ontem na quarta- com o Movimento Poético de Marmelo e Silva (CCJMS), no
feira foi apresentado o livro Pinhel, a partir das 21h30. Paul, a homenagem contou com
infantojuvenil “A Casa dos Segue-se um recital de guitarra a presença da vereadora da Cul-
Afetos”, de Elisabete Marques de Beatriz Delgado Reis. A feira tura da autarquia, Regina Gou-
Baptista e para esta quinta- termina no domingo com uma veia, e incluiu intervenções dos
feira (21h30) está agendada tarde dedicada a atividades de jornalistas António Valdemar
animação do espaço da feira promoção da leitura. e António Melo, que afirmou
que «nem todos conseguem
Canto compreender a profundidade
da obra» de mestre Cargaleiro.
Aluna do Conservatório A sessão decorreu na CCJMS,
cujo curador Nelson Marmelo e
da Covilhã admitida Silva sublinhou que o ceramista
«inventou motivos inéditos», O evento prosseguiu nos desenho e pintura. Já recebeu
em Inglaterra DR
sendo um «criador que tem a ca-
pacidade de nos fazer sonhar».
Paços do Concelho da Covilhã,
onde interveio Fernando Pau-
vários prémios e homenagens.
Foi condecorado pelos Presi-
Maria Martins, aluna de Sempre sorridente, Manuel Car- louro Neves, curador da expo- dentes da República Ramalho
canto do Conservatório da galeiro agradeceu a homenagem sição de obras de Cargaleiro Eanes em 1983, Mário Soares
Covilhã, foi admitida na licen- afirmando que «não vou fazer “A Essência Da Cor”, patente em 1989 e Marcelo Rebelo de
ciatura em canto na Solent nenhum discurso, nem quero na Tinturaria, que também foi Sousa em 2017. Foi ainda dis-
University Southampton (In- falar da minha vida, apenas visitada pela comitiva. Manuel tinguido pelo Governo francês
glaterra), onde irá ingressar no quero agradecer toda a amizade Cargaleiro possui uma vasta com o grau de Oficial das Artes
próximo ano letivo. que aqui me foi demonstrada». obra nas áreas de cerâmica, e Letras em 1984.
Natural da Guarda, a es-
tudante está no Conservatório
covilhanense desde 2016, na Teatro
classe da professora Nélia
Gonçalves. «É mais um sucesso
Peça da ASTA e TeatrUBI distinguida em Espanha
de toda a comunidade escolar servatório», considera Carlos A peça “Cântico Negro” da que nos inquieta racional, emo- Helena Ribeiro, Mário Fonseca,
e que demonstra a qualidade Salazar, diretor pedagógico da ASTA e do TeatrUBI, recebeu o cional e visceralmente, partindo Nina Schneider e Sara Cruz, que
do ensino lecionado no Con- instituição de ensino. prémio do júri para o Melhor de um tipo de desafio teatral que também escreveram os textos,
Espetáculo da 24ª Mostra Inter- nos transporta através da ima- a partir de Fiódor Dostoiévski.
nacional de Teatro Universitário gem». Criada e dirigida por Rui Com este prémio, o TeatrUBI,
Poesia sonora de Ourense, um dos maiores Pires, a peça subiu ao palco no que está a comemorar 30 anos,

As vozes de Jaap Blonk festivais mundiais do género


que decorreu entre 25 de abril
passado dia 7 após ter estreado
em Granada, no mês de março,
e a ASTA passam a contar 21
distinções nacionais e interna-

no Calafrio e 11 de maio naquela cidade da


Galiza.
e sido apresentada no Ciclo de
Teatro Universitário da Beira
cionais. O festival de Ourense
contou este com a participação
O poeta sonoro holandês performance. Estudou física, O júri distinguiu a criação Interior (Covilhã) e em Lisboa. de 28 companhias de Espanha,
Jaap Blonk é o convidado da matemática e música. Come- das companhias covilhanenses O elenco é constituído pelos Portugal, Holanda, Costa Rica,
sessão 35 do ciclo “Contradi- çou a trabalhar com poesia por «apostar numa dramaturgia alunos da UBI Edmilson Gomes, México e Nicarágua.
zer”, agendado para sábado sonora na década de 70, ao
(21h30) na sede do Calafrio, descobrir a “Ursonate” (1922-
na Guarda. 32), de Kurt Schwitters (1887- Música
O também compositor e
performer é um dos nomes
1948). A sua performance
da famosa sonata fonética do TMG esgotado para ouvir Diogo Piçarra DR
mais conhecidos e importantes poeta dadaísta alemão tornou- A digressão “Abrigo”, de Dio-
da produção contemporânea se uma das mais conhecidas e go Piçarra, passa este sábado
em poesia sonora e poesia em respeitadas. (21h30) pelo TMG para um con-
certo que já está esgotado.
Manteigas O mote para esta tournée
exclusiva foi o lançamento de
Semana dedicada ao livro “Abrigo”, um EP com três músicas
inéditas que o cantor lançou de
A 20ª Feira do Livro de concurso literário “Prémio Dr.
Manteigas começa no sábado e João Isabel e do IVº Concurso surpresa, digitalmente, em maio
prolonga-se até dia 26 na sede de Ilustração “Bilhete Postal do ano passado. Entre elas, o
da Banda Boa União – Música de Manteigas – Nos Trilhos do single “Paraíso” tornou-se rapi-
Velha. Pastor”. No dia 24 destaque damente um dos seus maiores
Estão programadas apre- para um recital de poesia e sucessos. Neste concerto Diogo
sentações de livros, encon- música dedicado a Sophia de Piçarra apresenta-se de forma
tros de alunos com autores, Mello Breyner Andresen, por mais intimista, a solo, sendo
concertos, teatro, sessões de ocasião do centenário seu nas- acompanhado nalguns momentos
poesia e didáticas e a exibição cimento da poetisa, no Centro por Francisco Aragão (guitarras, sendo que o espetáculo terá de Platina e Ouro, bem como o
de filmes adaptados de roman- Recreativo e Cultural de Santa teclados e programações), que uma forte componente visual. Galardão de Platina para o álbum
ces homónimo de Umberto Maria (21h30). Participam a faz parte do seu habitual trio de Diogo Piçarra é, atualmente, um “Espelho” e de Ouro para “do=s”.
Eco. No primeiro dia serão soprano Ana Leonor Pereira músicos. Do repertório constarão dos nomes maiores da música No ano passado venceu o Prémio
entregues os prémios do 20º e o pianista António Ferreira. novas versões de músicas anti- portuguesa, contando já na sua José da Ponte, atribuído pela SPA
gas e canções de outros artistas, curta carreira com vários singles aos jovens compositores.
14 • • Quinta-feira • 16 de maio de 2019 Publicidade

PUB

Odontopediatria - Medicina dentária para crianças :)

MEDICINA DENTÁRIA | Drª. Rita Vilar | Dr. Alexis Oliveira | Drª. Soraia Rocha
ODONTOPEDIATRIA | Drª. Rita Vilar

GINECOLOGIA / OBSTETRÍCIA | Drª. Cremilda Sousa PODOLOGIA | Dr. Cristóvão Polónio


CIRURGIA GERAL | Dr. Pedro Caldes MEDICINA CHINESA | Drª. Celina Barreto
ENDOCRINOLOGIA | Drª. Daniela Guelho PSICOLOGIA CLÍNICA | Drª. Maggie Vaz
MEDICINA GERAL E FAMILIAR | Drª. Ana Isabel Santos EXAMES PSICOTÉCNICOS | Drª. Liliana Tavares
PNEUMOLOGIA | Drª. Rita Gomes TERAPIA DA FALA | Drª. Ana Rita Gonçalves
PSIQUIATRIA | Dr. João Campos Mendes ENFERMAGEM | Enf. David Centeio
UROLOGIA | Dr. Gustavo Gomes NUTRIÇÃO CLÍNICA | Drª. Inês Costa
PEDIATRIA | Drª. Rita S. Oliveira OSTEOPATIA | Dr. João Araújo
REUMATOLOGIA | Drª. Joana Ferreira MEDICINA INTEGRATIVA | Drª. Sandra Grilo
ORTOPEDIA | Dr. António Mendes | Dr. Eduardo Ferreira COACHING | Drª. Susana Menoita
ACORDOS - Consulte as especialidades abrangidas
ADVANCECARE, SAMS CENTRO, SAMS QUADROS, SS CGD, CHEQUE DENTISTA, ZURICH, POPULAR SEGUROS, SANTANDER TOTTA
SEGUROS, UNA SEGUROS, GENERALLI, TRANQUILIDADE, MGEN, AÇOREANA, LUSITÂNIA, ASSOCIAÇÃO MUTUALISTA MONTEPIO

Dr. José João Dra Assunção Vaz Patto Prof. Doutor


Garcia Pires L. Taborda Barata
Neurologista
Especialista pelos Hospitais da Universidade de Coimbra
Consultas de Neurologia
Imunoalergologista
ORTOPEDIA Exames: Electromiografia
e Potenciais Evocados
Asma e Doenças Alérgicas
Rua Comendador Campos Melo, nº 29 – 1º Esq, Covilhã;
Consultas: CLIFIG – Clínica Fisiátrica da Guarda
CLIFIG - Rua Pedro Álvares Cabral - Tel: 275334876
Rua Pedro Álvares Cabral, Edíficio Gulbenkian
Edifício Gulbenkian, s/n Cliniform, Rua Mouzinho da Silveira nº 15 R/C, Guarda;
Telef.: 271 231 397 6300-745 Guarda Tel: 271211905

UNIDADE DE OTORRINOLARINGOLOGIA
Prof. Celso Pereira DA BEIRA INTERIOR
Alameda Pêro da Covilhã,

Imuno-Alergologia 29, r/c Esq – COVILHÃ


Telf: 275 324 236 www.uobi.pt
(Doenças Alérgicas) 2ª a 6ª feira 10-13h e 14-19h
Ass Graduado HU Coimbra / Consultas de Otorrinolaringologia
Fac Medicina UC (Ouvidos, Nariz e Garganta)
- Dra. Rafaela Teles Consultas todos os dias
- Prof. Dr. Rui Cerejeira Atendimento URGENTE
Covilhã: Clínica Médica Serra da Estrela Consultas de Pneumologia/Doenças Alérgicas
Galerias de S. Silvestre - Piso 3 Telf: 960023455 - Dr. Nuno Sousa
Guarda: Clínica de Fisioterapia da Guarda Terapia da Fala/Voz
Av. Rainha D. Amélia, nº 6 - 271238581/96 - Terap. Ana Rita Fonseca
Fisioterapia Respiratória / Reabilitação Vestibular
Coimbra: 239802700; 968574777 e 918731560
- Terap. Tânia Churro
EXAMES: Audiograma; Timpanograma; Reflexos
ADVOGADOS ADVOGADOS Estapédicos; Estudo do Sono; Provas funcionais
respiratórias; Testes Cutâneos de Alergia

Vitor Nascimento António Ferreira, Paula Camilo


& Associados Médico
Bárbara Brigas Sociedade de Advogados, RL
Diogo Cabrita
Telefone: 271 086 518 Telefone: 271 213 346 • Fax: 271 082 765 Cirurgião geral
e_mails:
e_mails: antonio.ferreira.adv@gmail.com • paula.m.camilo@gmail.com tratamento de varizes e suas complicações, pequenas
cirurgias, hérnias, hidrocelos, vesícula Litiásica.
vitor.nascimento-5874c@adv.oa.pt Rua Alves Roçadas, nº 27 A, 1º CM2 Marcações : (Clínica Cembi)
barbarabrigas-4041c@adv.oa.pt (ao lado da loja MANGO) Telef.: 271213445
Rua do Encontro, nº 9 - 3º • 6300-704 Guarda 6300-663 Guarda Protocolo com a Médis

Diretor e Editor: Luís Baptista-Martins • Rua da Corredoura, 80 - R/C Dto - C • 6300-825 Guarda •
Redação: Luis Martins (Chefe de Redacção) e Ana Eugénia Inácio. • Conselho Editorial: António Ferreira, Nuno Amaral Jerónimo, Cláudia Quelhas, João Canavilhas, José Carlos Alexandre, Diogo Cabrita e Maurício Vieira.
Colunistas e Colaboradores: Acácio Pereira, Albino Bárbara, Ângela Guerra, António Costa, António Ferreira, António Godinho, Cláudia Quelhas, David Santiago, Diogo Cabrita, Eduardo Lourenço, Fernando Pereira, Fidélia Pissarra, Frederico Lucas, Hélder Sequeira, Honorato Robalo, João Canavilhas, Joana C. Pereira,
Joana Dente, João Mendes Rosa, João Morgado, João Santiago Correia, Joaquim Igreja, Jorge Noutel, José Carlos Alexandre, José Carlos Breia Lopes, José Pires Manso, Júlio Sarmento, Melanie Alves, Miguel Castelo Branco, Miguel Moreira, Miguel Sousa Tavares, Norberto Gonçalves, Nuno Jerónimo, Telma Madaleno e
Víctor Afonso. Desporto: António Silva, Arlindo Marques, Cristina Sofia, Daniel Soares, José Luís Costa, Miguel Machado e Rui Geraldes. • Cartoon: Maurício Vieira. • Paginação: Jorge Coragem • Projeto Gráfico: Maurício Vieira. • Departamento Comercial: Natalina Martins • Impressão:
FIG-Indústrias Gráficas, S.A. • Rua Adriano Lucas – 3020-265 Coimbra • Telefone 239 499 922 • Fax 239 499 981 • e-mail: fig@fig.pt • Sede, Redação e Publicidade: Rua da Corredoura, 80 - R/C Dto - C • 6300-825 Guarda N.I.P.C. – P-504847422. • Nº de registo na ERC: 123436 • Depósito
Legal:146398/00 • Tiragem desta edição: 7.200 exemplares • Periodicidade: Semanário • Edição Internet: O Interior • Propriedade: JORINTERIOR - Jornal • O Interior, Ldª. Detentores de mais de 10% do capital da empresa: José Luís Carrilho Agostinho de Almeida e Luís Baptista-Martins.
Estatuto Editorial: https://www.ointerior.pt/ficha-tecnica/ • Guarda - Redacção/Publicidade: 271212153 • www.ointerior.pt • publicidade@ointerior.pt

Classificados
Imobiliário Vende-se/Arrenda-se/Diversos Emprego Diversos
Férias. Praia da Oura - Albu- Sta Cruz, Guarda: 5,69 ha - Cul- Procuro trabalho como Oferece-se Senhora desem- Executam-se trabalhos de con- Se tem problemas com o divórcio,
feira. T2. A 200 metros da praia. tura - Água - Lameiro - Pastagem. limpezas, passar a ferro, con- pregada cuida de senhora idosa strução civil, pinturas, aplicação nós apoiamos-te. Acolher. Con-
Telef.289367024 Vendo. Tlm. 964278087 domínios, umas horas na res- e trabalhos domésticos. Zona da de pladur, azulejos/mosaicos, en- tacto: 919568551
tauração, cuidar de idosos ou Guarda ou Covilhã. Tlm. 911996779 tre outros. Contacto: 960136446
Vende-se Casa c/ terreno, água Arrendamento parcial, crianças, etc. Contacto móvel: Cavalheiro viúvo, com boa
e árvores de fruto. Mizarela. Bons Apartamento Mobilado na Guar- 969497622 Cavalheiro solteiro, reformado, Senhora procura cavalheiro, situação, procura senhora até aos
acessos. Tlm. 965199646 da-Gare. Tlm.: 968362728 sem filhos, deseja encontrar compa- dos 50 aos 50 anos. Assunto 65 anos. Assunto sério e respeito.
Senhora precisa urgente de tra- nheira dos 50 aos 55 anos. Escrever sério. Tlm.: 965210062 Informa tlm: 916497810
Vende-se Apart. Duplex c/ cobe- balho na Guarda. Tlm. 912216331 para Luís Duarte Rato, Travessa das
rtura, 4 quartos, 3 WC, terraço, Moitinhas nº8, 6200-684 Teixoso Cavalheiro reformado com Cavalheiro reformado, não
garagem, 230m2, acab. de luxo. boa situação e casa própria, fumador e respeitador, com boa
Centro de Viseu. Telm. 910491439 Banda Mega Star - Grandes assunto muito sério, procura se- situação, procura senhora hon-
Músicas - João Marques Almeida. nhora ate aos 70 anos. Informa esta entre os 60 e os 70 anos
Tlm. 914889442/919546447 (24h) telemóvel 911017067 para companheira. Relação séria.
Contacto: 926501732
Quinta-feira • 16 de maio de 2019 • • 15

Sp. Covilhã derrota


Ficha de Jogo
Árbitro: Gustavo Correia (AF Porto)
Árbitros assistentes: Jorge Brito e
Jorge Oliveira

Académica em Coimbra
E. Santos Pinto,
Covilhã
Académica................... 0
Júlio Neiva, Nélson Pedroso, Yuri
Matias, João Real, Jean Felipe
Superioridade serrana castigou “briosa” sem garra e que não perdia em casa (Brendon, 46’), Zé Castro, Reko,
Balogun (Traquina, 46’), Jonathan
desde 17 de dezembro Toro (Marinho, 62’), Romário Baldé e
DR Hugo Almeida
O Sp. Covilhã derrotou a Treinador: João Alves
Académica por 2-0, em Coimbra,
no domingo em jogo da 33ª e Sp. Covilhã................. 2
penúltima jornada da IIª Liga. Os Bruno Bolas, Tiago Moreira, Jaime,
João Cunha, Soares, Gilberto,
comandados de Filó não perdem
Semedo, Mica Silva, Diego Medeiros
há cinco jornadas e estão a pro- (Kisley, 66’), Bonani (Adriano, 59’) e
tagonizar uma excelente reta final Kukula (Rafael Vieira, 83’)
de campeonato, ocupando a sexta Treinador: Filó
posição com 48 pontos.
Golos: Mica (34’) e Kukula (45’+1’)
Os “estudantes” não perdiam
no Estádio Cidade de Coimbra Ação disciplinar: Cartão amarelo
desde 17 de dezembro, data da para Balogun (30’), Romário Baldé
derrota por 1-0 com o Famalicão, (46’), Reko (50’), Soares (64’) e Jaime
promovido com o Paços de Fer- (90’+3’).
reira ao primeiro escalão do fute-
bol. Gorado o objetivo de subida dio o jogador mais utilizado de
à Iª Liga, a “briosa” apresentou-se sempre do emblema serrano. O
sem garra e com os visitantes a vimaranense de 32 anos está há
dominarem o jogo a seu bel prazer. sete épocas na Covilhã e tem mais
Não foi por isso de estranhar que o um ano de vínculo com o clube.
Covilhã tenha inaugurado o marca- No domingo, o Sp. Covilhã
dor aos 34’. Kukula isolou-se e, per- recebe o Mafra no Santos Pinto.
Gilberto tornou-se o jogador mais utilizado de sempre do Sp. Covilhã ao realizar em Coimbra o seu 300º jogo pelos serranos
ante a saída do guarda-redes Júlio O 13º classificado continua sob a
Neiva, ofereceu o golo a Mica, que se undo golo em cima do intervalo, que, por sua vez, criaram sempre também para este ter sido o 300º ameaça da despromoção e precisa
limitou a encostar a bola para den- por Kukula, o melhor marcador bastante perigo na área dos “estu- jogo de Gilberto com a camisola de pontuar para se livrar da desc-
tro da baliza. Quatro minutos mais da equipa com onze golos, que dantes”. Além da vitória, destaque do Sp. Covilhã, o que faz do mé- ida ao Campeonato de Portugal.
tarde, Gilberto também escapou à voltou a surgir isolado na área da
Publicidade
defesa local e podia ter dilatado a Académica. Na segunda parte o PUB
vantagem, mas rematou rasteiro guarda-redes Júlio Neiva, que se
à saída do guardião academista estreou no campeonato, esteve
e a bola saiu, caprichosamente, a em grande destaque ao evitar que
rasar o poste. os locais sofressem mais golos,
Os serranos dominavam o com duas boas defesas, aos 53’ e
encontro, perante um adversário 89’. Bastante desconcentrada, a
incapaz de criar oportunidades “briosa” raramente incomodou o
para empatar, e marcaram o seg- último reduto dos covilhanenses,

Rampa
João Fonseca segundo na Falperra DR

O covilhanense João Fonseca e que condicionaram fortemente


reforçou a liderança do Nacional a sua prestação nas subidas
de Montanha ao terminar em finais. Contudo, João Fonseca
segundo na corrida que pontuou saiu da Falperra ainda mais líder
para o campeonato português na do Nacional e na categoria dos
Rampa Internacional da Falperra protótipos, uma vez que somou
(Braga), disputada no domingo. os pontos totais porque César
A luta pela vitória na 40ª Rodriguez não está inscrito no
edição da emblemática prova campeonato. A prova do Europeu
de montanha foi renhida entre foi ganha pelo italiano Christian
o espanhol Cesar Rodríguez Merli, que estabeleceu um novo
e João Fonseca, ambos ao vo- recorde da subida mais rápida na
lante de protótipos Silver Car Falperra. O tempo de 1m46s944’
EF 10. O piloto da Covilhã não registado corresponde a uma
deu tréguas ao galego, mas não média de 175,04 quilómetros por
conseguiu a vitória final devido hora. A Rampa de Santa Marta,
aos estragos que o seu carro em Penaguião, é a corrida que
sofreu num despiste na sessão se segue no Nacional e será dis-
de treinos da manhã de domingo putada a 15 e 16 de junho.
16 • • Quinta-feira • 16 de maio de 2019 Publicidade

Parakarate
António Pereira é campeão nacional
DR
Rua do Campo, 5 – 1º Dto - 6300-672 Guarda Lic. Nº 2890 – AMI
Rua do Campo,
Telefone: 5 – 1º Dto --6300-672
271211730 Guarda
967543140 Lic. Nº 2890 – AMI
www.predialdaguarda.pt
Telefone: 271211730 - 964126775 www.predialdaguarda.pt
VENDE
ID:1220 V3 Guarda Vivenda isolada, no centro de aldeia, arrumos….. ..27.000€
D:1143 Casa Rustica Bem localizada, toda em pedra c/ terrenos … .…35.000€
D:1258 Casa Rustica A necessitar algumas obras de remodelação...…40.000€
ID:1158BT4Centro Bem localizado, necessitar obras de remodelação...52.000€
ID:0790 T2 Centro Em bom estado de conservação, coz. remodelada. .55.000€
ID:1235 V2 Centro Sala e coz. comum,2 quartos, anexos, logradouro.. 55.000€
ID:1119 T3 Centro Boa localização,3 quartos, 2 wc, 2 varandas,sótão.. 60.000€
ID:0691 T2 Guarda Cozinha mobilada, lareira e despensa, 1wc, sótão. 60.000€
ID:1252 T2 Centro Lareira na sala, roupeiros, sótão,lugar de garagem. 70.000€
ID:1158 T4 Centro Todo remodelado, 2 wc´s, lavandaria, 4 quartos… ..80.000€
2
ID:1237 Lote Com 480 m ,p/ construção de uma moradia isolada ……..85.000€
ID:0971 T3 Centro Remodelado, roupeiros, sótão, lugar de garagem.. ..95.000€
ID:0829 T3 Duplex Com lareira, 3quartos, 2wc´s, lugar de garagem… ..95.000€
ID:1253 T3 Guarda Coz. mobilada, recuperador de calor, 2wc, sótão …95.000€
ID:1254 T3 Guarda Lareira na cozinha, despensa, sótão, garagem …..95.000€
2
ID:1105 Casas Rústicas Em pedra c/ 710m de terreno envolvente….100.000€
ID:0577 V3 Nova C/ roupeiros embutidos,3wc´s,varandas,logradouro. 107.500€
ID:1000 V4 Isolada C/4 quartos, 2 wc´s, adega, garagem, quintal…… 115.000€
ID:1239 T3 Guarda Aquec. central a lenha e a gás, sótão, garagem… 125.000€
ID:1022 V4 Guarda Coz. e sala comum, aquec. central, garagem… …145.000€
António Pereira (Centro de Artes Marciais da Guar-
ID:0956B V4 Guarda C/4 quartos, sótão habitável, garagem, quintal.. .150.000€ Filipe Pinto da) sagrou-se campeão nacional de Parakarate, cujo
ID:0000 V5 Guarda Coz. c/ lavandaria, garagem, sótão, logradouro… 150.000€
ID:1236 V5 Guarda Sala e coz. comum c/ lareira,garagem p/2 carros. 185.000€
Fotojornalista campeonato foi disputado no sábado, em Portimão.
ID:1230 V4 Guarda Painéis solares,3wc´s, garagem,sótão,logradouro240.000€ O karateca guardense venceu em kata no escalão de
ID:1251 V4 Quinta C/ 3ha, várias arvores de fruto, toda murada…… ..245.000€
deficiência cognitiva e termina em grande uma época
ARRENDA desportiva recheada de vitórias.
ID:0972C Escritório Guarda Centro Com 30m² e óptimas vistas………….150€
IID:1050 Loja Guarda Espaço amplo, 2 wc´s, e um armazém………… …...220€ Escadas do Quebra Costas, Nº 2 • 6200-170 COVILHÃ
ID:0489C T1 Centro Cozinha mobilada e equipada,quarto mobilado, 1 wc .225€ Telef. 275 336 805 • Telem. 919 487 978 • Telem. 964 196 950
IID:0972B Loja Guarda Com 2 salas, recepção,2 wc´s, bem localizada…...225€ E-mail: filipepintofoto@sapo.pt • fotoacademica@hotmail.com Montanha
ID:1238 T2 Pinhel Coz. c/ lareira, 2 quartos, 1wc, garagem, logradouro… .250€
ID:0653 Escritório Centro Todo remodelado, sala ampla c/varanda,1 wc. .275€
Diogo Fernandes venceu Estrela
Vende-se
ID:0982B V1+2 Guarda Coz. mobilada, 1 wc´s, logradouro, garagem..…....300€
ID:1005B T3 Guarda Coz. c/marquise, 3 quartos,2 wc´s, sótão e garagem. 330€
ID:1257 T2 Centro Lareira na sala, roupeiro,2wc´s, garagem individual…..340€
Grande Trail DR
2

Quinta com Casa, cerca de 12 ha


IID:1240C Loja Guarda Loja para comércio c/ 163 m , 2 wc´s, 2 salas …. ..350€
IID:1069 Loja Guarda Licença p/ comércio, 2 pisos, escritório,4 wc´s…. ....400€

à beira do rio Mondego, perto das rotundas


Empresa de transportes admite: da A25 e IP2 • Lageosa do Mondego
COMERCIAL Contactos: 966473371 • 271926638
Procuramos profissional com o seguinte perfil:
• Fluente na língua francesa (imprescindível);
• Conhecimentos de língua inglesa;
• Informática na ótica do utilizador;
Mêda
• Valorizam-se conhecimentos e relações comerciais
no setor de transportes;
Assembleia Municipal aprova
Oferecemos: moção sobre falta de serviços
• Formação;
• Disponibilização de computador portátil;
• Trabalho a partir de casa;
de saúde no concelho
“Não ao Brexit da Saúde no concelho de Mêda” é o
Enviar Curriculum Vitae para Apartado 196, 6300-909 GUARDA título da moção apresentada pelo PSD, CDS e presiden-
tes de Juntas de Freguesia e aprovada por unanimidade O calor foi o grande adversário dos participantes no
PUB
na Assembleia Municipal de 28 de fevereiro. Apenas os Estrela Grande Trail, que se realizou no fim de semana
eleitos do PS votaram contra. na Serra da Estrela.
No documento, os deputados manifestam a sua preo- Com partida e chegada em Manteigas, os mais de
cupação pela falta de médicos no centro de saúde local, o 1.800 atletas inscritos nesta corrida de montanha foram
que tem originado o seu encerramento «não raras vezes», postos à prova em quatro distâncias. Diogo Fernandes
e exigem à ULS da Guarda, ARS Centro e ao Governo a venceu a Estrela Grande Trail, de 80 quilómetros, em
contratação de mais médicos, bem como a reabertura 12h02m18s, enquanto Inês Jordão foi a primeira mu-
do Serviço de Atendimento Permanente (SAP) «24 horas lher ao terminar na 19ª posição da geral com o tempo
por dia». Os subscritores exigem ainda a criação de uma de 15h40m06s. O sub-23 Miguel Arsénio ganhou a
comissão municipal de Saúde, «proposta há vários meses Estrela Orion Belt, de 49 quilómetros, em 4h48m48s e
pelo grupo municipal do PSD», e pedem ao executivo so- João Lopes foi o primeiro na Estrela Taurus, de 26 qui-
cialista liderado por Anselmo Sousa «mais proatividade lómetros, em 2h16m45s. Já Hélder Franco completou
na defesa intransigente de um Centro de Saúde com bons os 15 quilómetros da Estrela Ursa Minor em 1h21m03,
equipamentos, com mais e melhores serviços, com mais enquanto Ricardo Silva ganhou a prova aberta de 49
António Gil Advogado profissionais de saúde e com um funcionamento que
dignifique todos os profissionais que nele já trabalham,
quilómetros com o tempo de 4h40m45s. Os trilhos
usados abrangeram os concelhos vizinhos de Seia,
Tel. / Fax 271 238 344 bem como todos os utentes». Gouveia e Covilhã, sempre na área do Parque Natural
R. Dr. Lopo de Carvalho, 30-2º • 6300-700 Guarda A moção apela ainda à mobilização da população da Serra da Estrela (PNSE). O Estrela Grande Trail foi
contra «qualquer diminuição dos serviços prestados» organizado pela Câmara de Manteigas e pela Armando
antonio.gil-5388C@adv.oa.pt no Centro de Saúde. Teixeira – Outdoor Events.

Cupão de Assinatura
Identificação: Nacional_ ____ Semestral.....(16€) Anual.. (30e)
Nome: _________________________________________________________________________________________________________
Estrangeiro_ Semestral.....(18€) Anual.. (35e)

Morada: ________________________________________________________________________________ Código Postal: _________ - ______ Localidade: _____________________________________________

NIF: ________________________ Telefone/Telemóvel: __________________________________________________ Email: ________________________________________________________________

Modo de Pagamento:
Enviar para: Rua da Corredoura 80, R/C Dto C • 6300-825 Guarda
Transferência Avulsa
IBAN: PT50 001000002256785000177
Data ___/___/______ Assinatura ________________________________________ Assinatura __________________________________________________ Data _____/_____/________
Transfira o valor da Assinatura para o NIB indicado e junte a este cupão o talão comprovativo da transferência.
O Jornal O Interior compromete-se a adoptar as medidas de segurança necessárias para garantir a salvaguarda dos dados
Cheque / Vale Postal nº _____________________ Banco _________________ pessoais / empresas dos assinantes contra a sua eventual utilização abusiva ou contra o acesso não autorizado.
O contrato de assinatura renovar-se-á por iguais e sucessivos períodos de tempo (seis/12 meses), até que qualquer das partes
Numerário denuncie a desistência por meio de comunicação escrita com antecedência mínima de 30 (trinta) dias.
Quinta-feira • 16 de maio de 2019 • • 17

Futebol distrital XCO

Vila Cortês do Mondego Ricardo Marinheiro e Raquel


Queirós vencem no Fundão
vence Taça de Honra
DR

DR

Ricardo Marinheiro (Brú- Roberto Ferreira (BTT Seia) e


jula Bike Racing Team) e Ra- o espanhol Jofre Cullell (Mega-
quel Queirós (Quinta das Ar- mo Factory Team), segundo e
cas/ Jetclass/ Xarão) venceram terceiro classificados, respeti-
no Fundão, no domingo, a vamente. A Taça é liderada por
terceira prova da Taça de Por- Mário Costa (AXPO/ First Bike
tugal de Cross Country Olím- Team/ Vila do Conde), oitavo
pico (XCO) em BTT, que teve no Fundão, seguido do senense
categoria C1 na União Ciclista Roberto Ferreira. A corrida fe-
Internacional. minina foi dominada do princí-
Equipa do concelho da Guarda apurou-se para a Taça de Portugal O campeão nacional es- pio ao fim por Raquel Queirós,
O Vila Cortês do Mondego tes campeonatos distritais, a as- lo Camurça, também do clube treou-se a ganhar na edição que obteve a segunda vitória
venceu, no sábado, a Taça de sociação presidida por Andrade da Guarda, o melhor dirigente. 2019 do troféu e terminou o nas três provas já disputadas.
Honra da AF Guarda cuja final Poço entregou pela primeira vez Joana Maia (Guarda 2000) é circuito do Parque do Con- A vencedora deixou a segunda
decorreu no estádio municipal prémios individuais e coletivos. a melhor jogadora sénior de vento, com 4,2 quilómetros classificada, a estoniana Maaris
de Figueira de Castelo Rodrigo. Estas distinções atribuídas no futsal, Cláudio Póvoas (Sp. Sa- e um desnível positivo de Meier (Maiatos), a quase três
A formação do concelho da futebol e futsal resultaram de bugal) o melhor jogador e João 195 metros a cada volta, em minutos. O manteiguense Tiago
Guarda, quinta classificada do uma votação realizada pelos clu- Carvalho (Manteigas) o melhor 1h40m27s, tendo cortado a Craveiro ganhou a corrida de
Distrital da Iª Divisão, derrotou bes na semana anterior, enquan- jovem. O árbitro de futsal do ano meta com uma vantagem de paraciclismo. A Taça de Portugal
o Aguiar da Beira, terceiro, por to os premiados da arbitragem é André Fonseca. mais de meio minuto sobre de XCO prossegue a 16 de junho.
4-1 e garantiu um lugar na Taça foram eleitos pelo Conselho de Os prémios “fair-play” no
de Portugal. Os golos do Vila Arbitragem da associação. Por futsal foram atribuídos aos
Basquetebol
Cortês foram marcados por Zezi- último, as categorias de “fair- infantis do CF Sabugal e do
to aos 6’, de livre – pouco depois
do Aguiar da Beira ter ficado
play” tiveram em conta o núme-
ro de cartões ao longo da época.
NDS, bem como às Lameiri-
nhas (seniores masculinos) e
Final do Nacional feminino da
reduzido a dez unidades por
expulsão com vermelho direto
Assim, a personalidade do
ano é Ana Borges (Sporting),
Penaverdense (seniores femi-
ninos). O Soito conquistou o
Iª Divisão joga-se na Guarda
A Guarda acolhe no sá- Guarda. Esta é uma das duas
de um defesa –, André Jesus, que João Pedro Abrantes (Figuei- galardão da equipa “fair-play”.
bado a final do Nacional de finais que a estrutura guar-
bisou, e Rui Santos. Pela equipa rense) é o melhor jogador da Iª Também os campeões distritais
basquetebol feminino da Iª dense vai organizar este ano,
cabicanca marcou Hélder. O Divisão, Jorge Cardoso (Figuei- foram distinguidos. No futsal
Divisão. uma vez que também a Taça
jogo foi um dos pontos altos do rense) o melhor treinador e os troféus foram entregues ao
O jogo do título vai opor Nacional de seniores femini-
encerramento da época despor- Jorge Morgado (Aguiar da Beira) Manteigas (infantis), ED Carlos
o CPN Basket (Ermesinde) ao nos será disputada no pavilhão
tiva da AF Guarda, que realizou o melhor dirigente do ano. O Franco (iniciados), CF Sabugal
Gueifões Sport Clube no pavi- de São Miguel a 8 de junho (17
em Figueira de Castelo Rodrigo melhor atleta do Distrital da IIª (juvenis e juniores), Guarda 2000
lhão de São Miguel a partir das horas). Segundo a associação,
a gala anual e comemorativa Divisão é Pedro Rodrigues (Vila (seniores femininos) e Sameiro
17 horas. As duas equipas já estas provas surgem «num
dos 79 anos da sua fundação. Franca das Naves), João Cabral (seniores masculinos). No futebol
garantiram a subida à Liga, o plano estratégico desenvolvido
Durante a manhã houve também (Pinhelenses) recebeu o troféu de onze venceram o Gaudella ED
escalão principal do basquete para a modalidade no distrito
um torneio distrital de petizes, do melhor jogador jovem e Fábio Gouveia (infantis), Guarda Unida
feminino. O encontro é orga- da Guarda, onde, entre outros
atividades realizadas com o Costa foi considerado o árbitro FC (iniciados), Sp. Vilar Formoso
nizado pela Federação Portu- objetivos, se pretende fazer
apoio do município. do ano de futebol. No futsal, (juvenis), Gouveia (juniores), Vila
guesa da modalidade e pela uma forte aposta na captação
Este ano, além dos troféus Tiago Torres (Lameirinhas) foi Franca das Naves (IIª Divisão) e
Associação de Basquetebol da de atletas do sexo feminino».
para os vencedores dos diferen- eleito o melhor treinador e Pau- Figueirense (Iª Divisão).

Futebol Formação
Seleção sub-16 com duas vitórias e uma derrota em torneio na Guarda Sabugal acolhe
Duas vitórias e uma derrota é
FPF
penáltis, enquanto os suecos
torneio distrital
o saldo da participação da seleção falharam todos. A seleção de de traquinas
nacional de sub-16 no Torneio de Portugal do escalão tinha perdido Cerca de 300 pequenos
Desenvolvimento da UEFA, que foi 2-1 com a Bélgica na sexta-feira, futebolistas vão marcar pre-
disputado no distrito da Guarda. em Figueira de Castelo Rodrigo, sença no Torneio Distrital de
Na terça-feira, em Gouveia, na primeira jornada e derrotado Traquinas, que vai decorrer
a equipa orientada por José Gui- o Paraguai por 2-0 no domingo no estádio municipal do Sabu-
lherme venceu a congénere da no municipal da Guarda. A com- gal este sábado, a partir das 9
Suécia nas grandes penalidades, petição foi organizada pela Fede- horas. A atividade é organizada
após o empate a uma bola no ração Portuguesa de Futebol, em pela Associação de Futebol da
tempo regulamentar. Os jovens colaboração com a AF Guarda e os Guarda e pelo município do
portugueses concretizaram três municípios envolvidos. Sabugal.
18 • • Quinta-feira • 16 de maio de 2019

agoradigoEU
opinião

Honorato Robalo *
crónicaPOLÍTICA Albino Bárbara

Que coesão? A gaiola dourada


Estamos em campanha eleitoral para o Parlamento Euro-
Muitos focam-se na dimensão da política teriormente encerrados, mas sem os serviços peu. Na próxima semana vamos votar. Sim, votar para eleger
assente nos atores e não nas opções políticas anteriormente oferecidos, o fecho e desqualifi- 21 dos 705 deputados europeus, dos 28 estados-membros
claudicando na matriz coletiva das decisões. cação de serviços públicos, a manutenção das desde julho de 2013, mesmo percebendo que os votos dos
Nesse sentido compromete a matriz das decisões portagens e o abandono das acessibilidades ro- abstencionistas europeus constituirão, (quase) de certeza, a
na organização supramunicipal e naturalmente doviárias, anteriormente da responsabilidade do maior força política do parlamento de Bruxelas.
não potenciam as sinergias regionais decorrente poder central passando para os municípios sem Depois de 26 de maio iremos ter um novo figurino em
do associativismo municipal que existe e deve a compensação financeira para a manutenção. que os convictos europeístas vão sistematicamente afirmar a
ser incentivado, mas nunca poderá substituir a Também ao nível da ferrovia encontrariam sua crença na União Europeia, defendendo todas as soluções
necessidade de implementação da regionalização. decerto contraponto na existência de regiões, para todos os nossos problemas, a salvação da Europa e dos
Há matérias que podem e devem ser resolvidas pois são medidas que são contrárias aos inte- seus estados-membros enquanto, do outro lado (segundo
através da cooperação intermunicipal. Mas há ma- resses regionais e que se baseiam em visões de rezam as sondagens, podem ser entre 150 a 200 eurodepu-
térias que exigem um outro escalão de poder, uma carácter centralista e economicista da sociedade. tados) ouviremos culpar a Europa por todos os males que
outra visão e ela só pode ser dada pelas regiões O Governo minoritário do PS está refém de vêm ao mundo, por todos os problemas, percebendo-se, em
administrativas.  acordos de “cavalheiros” entre PS e PSD, onde definitivo, que a Europa já não é bem o que era. Se para os
Por outro lado, entende-se e sublinha-se alguns atores políticos mudaram o foco de in- primeiros, Bruxelas é a mãe boazinha e protetora de todos os
que a regionalização em vez de apertar, diminuir tervenção. No entanto, não podemos deixar de Estados, para os segundos não passa da bruxa má, grande
ou menorizar o papel dos municípios será um reivindicar a concretização da aspiração demo- destruidora de identidades, de bons usos e costumes.
importante contributo para o reforço do poder crática de criação das regiões. Os deputados são eleitos e agrupados por famílias
local, para o reforço da capacidade de intervenção O PS prossegue as políticas de desconcen- políticas, participando nas reuniões plenárias e nas 20
das nossas freguesias e dos nossos municípios. tração e de simulação de uma pretensa descen- comissões, sessões adicionais, dedicando-se sobretudo
Todos estes anos têm tido por base a aplicação tralização de competências para as autarquias ao processo legislativo comunitário, produzindo relatórios
de uma política centralista e centralizadora, que locais, que mais não é, em termos práticos, do sobre os países da União Europeia. Há quem diga que vão
tem combinado o ataque à autonomia do poder que a sua desresponsabilização em áreas im- para a Europa aqueles que estão em final de carreira política.
local e o incumprimento constitucional da criação portantes para os setores mais desfavorecidos Esta forma de pensar é dos anos 80, hoje a coisa também
das regiões administrativas, constituído um factor (saúde, acção social e educação), defendendo já não é assim e se em fins do século passado havia cerca
condicionador do desenvolvimento local e regional.  um formato de transferência de competências, de 5 milhões de almas, por esse mundo fora, a viverem em
Aprofundaram-se as assimetrias e desequilí- associado ao encerramento de serviços, que oásis, presentemente o número aumentou e já passa muito
brios inter-regionais, com um peso cada vez maior criam o ambiente favorável ao incrementar de dos 15 milhões, que procuram esses destinos e espaços
do litoral no contexto do país, que implicou des- processos de privatização que distanciam ainda paradisíacos. E Bruxelas, neste deserto europeu, faz hoje
povoamento e desertificação. O garrote financeiro mais os cidadãos do acesso aos serviços que parte desse cardápio. É o oásis procurado e encontrado para
do poder local teve como consequência o fraco deviam ser para todos.  21 nossos compatriotas.
aproveitamento dos recursos de cada região e a A criação das regiões administrativas não O vencimento de qualquer dos tais 705 escolhidos é
falta de uma visão de nível regional, que, partindo resolve só por si os problemas do atraso e sub- mais de 8.000 euros/ brutos, a que se somam uma série
da avaliação dos recursos existentes, defina estra- desenvolvimento das regiões interiores, porque de alcavalas como seja 320 euros/ dia para despesas de
tégias de desenvolvimento adequadas, desde logo o desenvolvimento regional está também depen- alimentação e alojamento, mais 150 euros de reuniões fora
com utilizações erradas dos fundos comunitários. dente de uma justa política nacional e porque a da UE, direito a reembolsos de 2/3 de todas as despesas de
Para alterar esta situação torna-se necessá- sua eficácia dependerá das competências e meios saúde e no final do mandato subsídio de reintegração igual
rio uma efetiva política de descentralização, que que lhes forem atribuídos, do comportamento ao vencimento equivalente a um mês por ano de mandato
exige uma clara delimitação de responsabilidades e das orientações que os seus dirigentes lhes durante dois anos. Ah pois… Tudo somado são quase de
entre os diversos níveis da administração, a impuserem e da sua capacidade para interpretar 220.000/ ano, chegando o deputado no final do mandato com
dotação dos meios adequados para o exercício e resolver as aspirações populares.   mais de um milhão e 200 mil euros no fundo dos bolsilhos.
das suas competências, com autonomia adminis- As regiões serão um importante contributo Que inveja sentem os seus congéneres nacionais que só
trativa e financeira, conferindo-lhes legitimidade para aliviar a pressão sobre os municípios e levam para casa uns trocaditos de 5.000 euros por mês!!! E
política através de eleições. Torna-se necessária a freguesias, exercendo a sua acção com respeito isto sem contar com os vencimentos dos Juncker’s, Tusk’s,
criação das regiões administrativas cuja principal pelas atribuições e competências destes, criando Tajani’s, Moedas, e, os outros tais, etc. etc. etc., percebendo
tarefa será contribuir para o desenvolvimento condições para que uma perfeita complementa- que uma simples secretária recebe em média qualquer coisa
regional e para a correção das assimetrias. E ridade entre instrumentos de política regional e como 4.000 euros brutos/ mês, a que se somam 740 euros (se
também para a igualdade de oportunidades entre local se traduza na inversão da tendência natural estiver fora do país de origem) e quase 400 por filho e ainda
as regiões. do modelo económico dominante para acentuar o mais 250 por descendente em idade escolar. Uma secretária
As regiões administrativas são um instru- despovoamento e a desertificação. Regiões que no topo de carreira embolsa no fim do mês qualquer coisa
mento adequado para a execução de políticas devem ter como traço distintivo relativamente às como 6.000 euros brutos/ mês e um intérprete em início de
públicas de âmbito regional que influenciam atuais estruturas desconcentradas uma postura carreira 4.300 euros/mês.
positivamente o desenvolvimento do interior, de firme defesa dos interesses regionais e de Essa Bruxelas, fria, húmida, desinteressante, longe da
na defesa dos serviços públicos e no fomento promoção da coesão económica e social, pondo pátria cantada por Camões, é de facto o oásis de todos os
da participação popular na gestão democrática fim ao fenómeno da dupla penalização de quem oásis, de desertos findáveis onde o interesse nacional é
das instituições. Relativamente aos fundos vive no interior. sobejamente protegido, o projeto europeu convictamente
comunitários de âmbito regional, outra seria a O PCP sempre defendeu a necessidade da defendido, o euro aguerridamente preservado e as panças
realidade do país se os mesmos fossem geridos criação das regiões e não deixa de colocar o de Sªs Senhorias visivelmente arredondam naquilo que é
por estruturas com legitimidade política em cada assunto na ordem do dia. Sobretudo porque a indiscutivelmente a bem ambicionada gaiola dourada.
uma das regiões. Infelizmente há uma lógica luta pela regionalização e pela descentralização Votar no dia 26 de maio tem apenas e tão só uma primeira
centralista, quer a nível do modelo de gestão e é inseparável da luta pela construção de uma leitura das legislativas, as tais que realmente interessam e,
de decisão, sobre os programas operacionais. alternativa às políticas de direita e da batalha se calhar, é mesmo por toda esta cadeia de razões que a
Infelizmente o distrito da Guarda sofre do pela transformação da sociedade quando mais tal afirmação de Passos Coelho ganha forma, destaque e
encerramento de serviços públicos e de abandono, emergem ímpetos fascistas na Europa. Somos consistência: “Que se lixem as eleições”.
com encerramento de escolas, de estações de cor- solidários com os povos da Europa e contrários No entanto, prezado eleitor, e vistas bem as coisas, a
reios, da falta de investimento nos recursos huma- ao federalismo da UE que serve apenas os inte- democracia determina que devemos escolher os nossos
nos e infraestruturas para a melhoria de acesso a resses do capital e abandona os trabalhadores. A representantes e é necessário entender que temos de salvar
serviços de saúde com promessas sucessivamente coesão social só é efetiva com a justa distribuição a Europa, o euro e o refúgio dourado em Bruxelas de alguns
adiadas, nomeadamente no pavilhão 5 do Hospital da riqueza e o respeito pela soberania dos povos. dos nossos compatriotas. Por isso no dia 26 deste mês faça
Sousa Martins. um esforço (porque sinceramente é de um esforço que se
Com a reabertura de alguns serviços an- * Militante do PCP trata) e vá votar…
Quinta-feira • 16 de maio de 2019 • • 19

Observatório de Ornitorrincos
opinião
opinião
Pedro Narciso *
Nuno Amaral Jerónimo
extremo.acidental@gmail.com
Luiz Vaz de Camus
Para aludir à campanha eleitoral que já decorre, aqui se apresenta uma cantiga lírica de Luís de Camões:
Os salteadores Candidato* é mais formoso
Para mim, que a luz do dia;
Prometeu-me ontem de vir,
Nunca mais apareceu.
Governante* me mentiu
Muitas vezes, sem ter lei,
dos votos Mas mais formoso seria
Se não fosse mentiroso.
Creio que não prometeu
Senão só por me mentir.
E todas lhe perdoei,
Por uma só que cumpriu.

perdidos
Hoje o vejo piedoso, Faz-me, enfim, chorar e rir: Se, como me consentiu
Amanhã tão diferente; Rio quando me promete, Falar-lhe, o mais me consente,
Que sempre cuido que mente. Mas choro quando me mente. Nunca mais direi que mente.
Se, de imediato, um qualquer português * No original, “Catarina”, nome que o autor renascentista, por tara, chamava aos que se dedicavam à causa pública
tivesse de debitar o que sabe sobre a cidade da
Guarda, na melhor das hipóteses, diria que é
PUB
uma cidade do interior, a mais alta de Portugal
e conhecida pelos seus cinco efes. No entanto,
o passado recente pode alterar essas primeiras
impressões. Ninguém a reconhecerá ainda pelo
sabor dos seus D. Sanchos, ou pela peculiaridade
das suas rotundas, mas sim pela capacidade
que as pessoas ganham para cometer ou dizer
parvoíces sem influencia de álcool ou drogas.
Os efeitos nefastos da altitude não serão
suficientes para justificar tamanhas alarvidades,
mas, desde a condecoração de Zeinal Bava, num 10
de junho de vaga memória para Cavaco Silva, que há
uma certa originalidade non sense, particularmente
nas declarações de membros do Governo, consecu-
tivamente convidados para festas e inaugurações.
Recentemente, o secretário de Estado da
Energia, João Galamba, afirmou que os habitantes
do interior devem ajoelhar-se perante os avulta-
dos investimentos da EDP e agradecer-lhes a luz
que os livra do breu e do cheiro do petromax,
consumindo-a desenfreadamente, já que ela
é barata. Passadeiras LGBTI turbo pintadas e
iluminadas com luzes de halogéneo, com todos
os quartos de luz acesa para alimentar o papão,
é o mínimo que podemos fazer para agradecer.
Pedro Siza Vieira, ministro Adjunto e da Eco-
nomia, veio agora à Guarda inaugurar um certame
turístico e dizer que as portagens não desencorajam
o turismo. Não fosse o Canal Parlamento com as
suas comissões de inquérito uma fonte de pagode

colcha de algodao
inesgotável e estas afirmações assumiriam outra
relevância cómica. Pedro Siza Vieira foi uma espécie
de André Ventura, dizendo alto o que as pessoas di-
zem nos cafés… “queres ir à Guarda? Então paga!”
Numa altura em que o princípio do utilizador disponível em 5 cores
pagador é totalmente subvertido, particularmente
nas áreas metropolitanas, temos alguém que vem
a custo zero dizer-nos que se não temos mais
turistas é porque eles não querem vir. Porque ter
o preço por quilómetro mais caro do país, em au-
toestradas com troços que verdadeiramente não o
são, com alternativas destruídas para as construir,
ou demorando mais tempo que qualquer viagem
na década de 80, conhecendo as irregularidades
do piso de paralelos de dezenas de localidades,
claramente não afasta ninguém…
Só um novo 13 de maio ou uma reviravolta
ao estilo Liverpool e Tottenham nos pode exor-
cizar deste pesado fardo que claramente não oferta promocionAL
é de reversão prioritária para o poder central.
Enquanto vamos tendo a visita de ursos pardos,
que cobiçam os potes do mel cada vez mais
depauperados, o território será cada vez mais
dos lobos e javalis. Uma grande reserva de caça
que fará as delícias de poucos, que não sentirá dê uma nova cor ao seu quarto

i r d e
a falta da inoperância do satélite do SIRESP ou

p a
a 79€r t
da greve dos camionistas de matérias perigosas. colchas e almofadas de algodão
Não conseguindo estancar a sangria popu-
lacional, perdendo influência e massa crítica, não conjunto de cortinados
espanta que muitos olhem para estas eleições
europeias como algo distante, num discurso papel de parede
que vezes demais se confunde com umas pré-
legislativas. Com o nível de abstenção esperado, tapetes
o sentimento de muita gente é exatamente o
mesmo da música de um dos cabeças de cartaz
da semana académica, Deejay Télio: https://www.
youtube.com/watch?v=SwfgTQnxmaY&list=RDE
MLpkV6OuZSl33LclOgf9_ww&index=1
20 • • Quinta-feira • 16 de maio de 2019

À Beira da Mesa rua da corredoura, 80 - R/C Dto - C 6300-825 Guarda


Por: Luís Baptista-Martins abeiradamesa.home.blog Redacção/Publicidade: 271212153 • www.ointerior.pt • publicidade@ointerior.pt • ointerior@ointerior.pt

Por Entre Portas de modernidade e boa comida DR


Um restaurante tem de ser, de Concelho e espera “um novo Posta de Vitela sobre salteado de
em primeiro lugar, a comida! futuro”), o Entre Portas abriu há grelos e batata de forno (16€) ou
Mas um restaurante pode ser dois anos para encher o palato a Bochecha de Porco confitada e
boa comida e ser muito mais do dos amantes da boa gastrono- esmagada de favas com alheira
que isso: pode ser gastronomia, mia e da moderna restauração de caça (13,5€) estão entre os
sabores, ambiente, simpatia no na “cidade falcão”. Numa casa mais requisitados, mas também
atendimento e arquitetura – reconstruída a pensar nas pes- se recomendam os Secretos com
funcional, estética e bom gosto. soas, com muito granito e ma- batata doce e puré de maçã (a
A simbiose entre o espaço e a deira, mas também com muita maçã de Pinhel é especialmente
comida é o melhor de dois mun- luz natural e janelas com vistas fresca) (12,5€). Os vegetarianos
dos, o mundo da arquitetura e aprazíveis sobre a cidade. No não foram esquecidos no Entre
o mundo da gastronomia, do Entre Portas há espaço para Portas e o Risotto de cogumelos
saber servir, da satisfação do sentir a cidade, para respirar a é uma boa opção. Os preços prati-
cliente. Nem sempre é possível, tradição, mas essencialmente cados estão num patamar médio,
e mesmo assim um restaurante para sentir a modernidade e a o normal para a categoria, ainda
«é comida», porque degustar urbanidade na Beira Alta. que o preço do menu infantil (9€)
uma boa refeição, ter o prazer As bruschetas de queijo da esteja acima do habitual.
de comer, é a missão de uma boa serra salteado de cogumelos Para regar a boa comida há
cozinha e a ambição de qualquer e mel Encostas do Côa (7,5€) uma boa carta de vinhos, com
cliente. ou o Ovo escalfado com molho destaque para os vinhos da
É esta a sensação que se de cogumelos selvagens e foie Beira Interior, podendo optar-se
vive em Pinhel, no restaurante gras e estaladiço de pão de por um copo de Celebração 65º,
Entre Portas. Porque «os olhos centeio (7€) são as entradas da Adega de Pinhel, porventura
também comem» e a primeira recomendadas. Ou a sopa, um a melhor relação preço-quali-
impressão conta. E conta muito! creme de abóbora com laranja, dade dos vinhos portugueses, ou
No centro da cidade, entre o morcela de Pinhel e amêndoa aventurar-se por entre o Aforista
Município e o Posto de Turismo (3,8€). Entre os pratos de peixe, Reserva 2013 ou o Casas Altas
(dois edifícios exemplarmente recomenda-se o Bacalhau à 2016 – três tintos que combinam
recuperados e devidamente Lagareiro (15,5€) ou o Sashimi muito bem com os pratos referi-
enquadrados), paredes meias de Atum com crosta de amêndoa dos e que podem fechar um bom
com o Museu Municipal, junto à e sésamo (15€), uma agradável repasto fora de portas, no Entre
“Casa Grande” (que já foi Paços surpresa. Nos pratos de carne, a Portas, de Pinhel.
PUB
a 9,3 L/100kms. Emissões de CO2 entre 163gr/km e 205Gr/km. Imagem não contratual. Classe 1 nas portagens válida exclusivamente nas versões 4X2.
até ao dia 30 de Junho de 2019 e sujeita ao stock existente. Para mais informações contacte um concessionário Isuzu. Consumos combinados de 6,2 L/100km
*Preços de venda para versões em cabina simples. Acresce IVA, despesas de legalização, transporte e SGPU. Campanha válida na rede de distribuidores Isuzu

até 30 de Junho
a partir de a partir de

4x216.900 € 4x417.900 € * *

TRABALHA
DE SOL A SOL. A ÚNICA CLASSE 1 NAS PORTAGENS
Chegou a Primavera e com ela a oportunidade única de ter uma Isuzu D-Max por uns incríveis € 16.900*! Equipada com
o novo powertrain e um ágil motor Turbo VGS de 164 cv de potência, a D-Max oferece excelentes capacidades de carga,
incríveis performances e uma condução segura e confortável para qualquer tipo de terreno. Disponível em cabina
simples, longa ou dupla, a escolha é sempre a certa para quem gosta de misturar trabalho e lazer.
Visite já um Distribuidor Isuzu e aproveite oportunidades únicas para um grande negócio! ISUZUPORTUGAL ISUZUPT ISUZU.PT