Você está na página 1de 22

Estimativa da capacidade de carga

Teoria de Terzaghi (1943): Fundação superficial ⇒ B ≥ D

Q Despreza resistência neste trecho,


substituindo por sobrecarga,q.
Fundações e Empuxos de Terra

D q = γ .D
w α
φ ≤ w ≤ 45o + φ 2
α = 45o − φ 2 B

Hipóteses:
• Sapata corrida
• Sapata de base rugosa (w)
• Ruptura generalizada
• Solo acima da base é substituído por sobrecarga sem resistência ao
cisalhamento
Equação de Terzaghi (1943):
A capacidade de carga de uma sapata corrida de largura B, cuja base se situa a
uma profundidade D abaixo da superfície do terreno é dada por:

1
qult = c.N c + q.N q + B.γ .N γ
Fundações e Empuxos de Terra

Nc , Nq e Nγ são fatores de capacidade de carga, função apenas do ângulo


de atrito do solo.

N c = (N q − 1)cotg φ (Prandtl & Reissner, 1924)

N q = eπ tg φ tg 2  π + φ  (Prandtl & Reissner, 1924)


 4 2
N γ = 1,5(N q − 1) tg φ (Hansen, 1970)
Fatores de Capacidade de Carga (Terzaghi & Peck, 1967)
Fundações e Empuxos de Terra
Fatores de Capacidade de Carga – Após Vesic’
Fundações e Empuxos de Terra
Fatores corretivos:
Muitas das hipóteses da equação geral da capacidade de carga não
correspondem a realidade. Diante disto, diversos autores propuseram
fatores corretivos para a fórmula de capacidade de carga.

1
qult = c.N c .S c + q.N q .S q + B.γ .N γ .Sγ
Fundações e Empuxos de Terra

Sc , Sq , Sγ.→ fatores corretivos

i) Efeito da forma da sapata (Terzaghi & Peck, 1967):

Forma da sapata Sc Sq Sγ.


Quadrada (lado B) 1,2 1,0 0,8
Circular (diâmetro B) 1,2 1,0 0,6
ii) Efeito da compressibilidade do solo (ruptura local e puncionamento):

Terzaghi (1943): redução empírica dos parâmetros de resistência do solo


(c, φ).
Fundações e Empuxos de Terra

2
c′ = c
3
N’c , N’q , N’γ.
2 
tgφ ′ =  tgφ 
3 

1
qult = c′.N c′ + q.N q′ + B.γ .N γ′
2
Proposição de Vesic’:
Sugere que na equação geral de Terzaghi

1
qult = c.N c .S c + q.N q .S q + B.γ .N γ .Sγ
2
Fundações e Empuxos de Terra

Seja utilizado: N γ ≅ 2(N q + 1) tg φ

i) Efeito da forma da sapata (Vesic’, 1970):

Forma da sapata Sc Sq Sγ.


Retangular 1 + (B L )(N q N c ) 1 + (B L )tgφ 1− 0,4(B L )
Circular ou quadrada 1 + (N q N c ) 1 + tgφ 0,60
ii) Efeito da compressibilidade do solo (ruptura local e puncionamento):

• Cálculo do índice de rigidez do solo (Ir):


(função de parâmetros de resistência e compressibilidade)
Fundações e Empuxos de Terra

G G ′ / 2 → profundidade(D + B 2 )
σ vB
Ir = =
′ / 2tgφ
τ f c + σ vB E
G=
2(1 + µ )

• Cálculo do índice de rigidez crítico (Icrit):


(função do ângulo de atrito do solo e geometria da sapata)

Icrit = exp{[3,3 − 0,45(B L )]cotg(45 − φ 2 )}


1
2
• Se Ir ≥ Icrit ⇒ hipótese satisfeita ⇒ cc = cq = cγ.=1,0

• Se Ir < Icrit ⇒ fatores corretivos


Fundações e Empuxos de Terra

cc = 0,32 + 0,12(B L ) + 0,6 log Ir


cq = exp[(− 4,4 + 0,6 B L )tgφ ] +
[3,07 sen φ . log(2 Ir )]

 1 + sen φ 
cγ = cq
Método de Brinch Hansen:

• Fatores de profundidade da fundação (dc, dq e dγ)

• Fatores de inclinação de carga (ic, iq e iγ)


Fundações e Empuxos de Terra

1
qult = c.N c .S c .d c .ic + q.N q .S q .d q .iq + B.γ .N γ .Sγ .d γ .iγ
2

Posteriormente, Hansen introduziu:


Fatores de inclinação do terreno (gc, gq e gγ) e
Fatores de inclinação da base da fundação (bc, bq e bγ).

1
qult = c.N c .S c .d c .ic .bc .g c + q.N q .S q .d q .iq .bq .g q + B.γ .N γ .Sγ .d γ .iγ .bγ .g γ
2
Fatores de correção de forma (Sc, Sq, Sγ)

Nq B para sapata corrida: Sc = 1


S c = 1,0 +
Nc L
Fundações e Empuxos de Terra

B
S q = 1,0 + senφ
L

B
Sγ = 1,0 − 0 ,4 ≥ 0,6
L
Fatores de correção de profundidade da fundação (dc, dq e dγ)

• Se D B ≤ 1
D
d c = 1+ 0,4
B
d q = 1 + 2tgφ (1 − sen φ ) (D B )
2
Fundações e Empuxos de Terra

dγ = 1

• Se D B > 1

d c = 1+ 0,4arctg (D B ) D/B em radianos

d q = 1 + 2tgφ (1 − sen φ ) arctg (D B )


2
D/B em radianos

dγ = 1
Fatores de inclinação de carga
mH
ic = 1 − (para φ = 0)
BLcN c
H V
m
 H 
iq = 1 − 
 V + BLc cotgφ 
Fundações e Empuxos de Terra

θ
m +1
L  H 
iγ = 1 − 
H  V + BLc cotgφ 

B m = mL cos 2 θ + mB sen 2 θ
H = componente horizontal da carga  2+ L B
m =
 L 1 + L B
V = componente vertical da carga
 2+ B L
 mb =
 1+ B L
Efeito da excentricidade da carga
A excentricidade gera momento em relação ao centro de gravidade da
sapata, reduzindo a sua capacidade de carga pois o solo não apresenta
resistência à tração.
Neste caso a área comprimida deve ser no mínimo 2/3 da área total.

Hansen (1961) propôs que nesta situação seja utilizado o artifício de área
Fundações e Empuxos de Terra

efetiva equivalente. Para sapata retangular, tem-se:


eB B/2 – eB

B’= 2(B/2 – eB)


R L/2 – eL
x L’= 2(L/2 – eL)
eL
L
CG
B’= B – 2eB

L’= L – 2eL
B
O dimensionamento geotécnico de uma fundação solicitada por carga excêntrica
deve considerar que o solo não apresenta resistência à tração. Neste caso a área
comprimida deve ser no mínimo 2/3 da área total, e a tensão máxima de borda
deve ser menor ou igual à tensão admissível do solo.
Fundações e Empuxos de Terra
Influência do nível d’água

• Caso 1:

z q = γ nat z + γ sub (D − z )
NA
D
1 γ = γ sub
no termo B.γ .N γ
Fundações e Empuxos de Terra

• Caso 2:

q = γ nat D
D

γ = γ sub + (γ nat − γ sub )


a
NA a B
~B
Solo não homogêneo
• Camada resistente sobre camada fraca
Q

B solo 1
1
Z 2
Fundações e Empuxos de Terra

∆σz

B+Z solo 2

Solução prática:
Determinar qult1 e comparar a parcela dessa tensão propagada até o topo da segunda camada
(∆σz) com a capacidade de carga de uma sapata fictícia apoiada no topo dessa camada qult2.

qult1 BL
Se ∆σ z ≅ ≤ qult 2 ⇒ qult = qult1
(B + Z )(L + Z )
Se a verificação não for satisfeita reduzir o valor de qult1 de modo que o valor propagado, ∆σz,
não ultrapasse qult2.
qult 2
Assim, se ∆σ z > qult 2 ⇒ qult = qult1
∆σ z
Método de Meyerhof:
Representa um aperfeiçoamento da teoria de Terzaghi. Não despreza a
resistência ao cisalham ento do solo acim a da base da fundação .
Fundações e Empuxos de Terra

Plano BE:
superfície livre
equivalente
(inclinação β)

A resultante da forças em BF e o peso da cunha de solo BEF são substituídos


pelas tensões equivalentes, po e so.

1
qult = c.N c S c d c + po .N q S q d q + B.γ .N γ Sγ d γ
2
Fatores de Capacidade de Carga pela teoria de Meyerhof
Fundações e Empuxos de Terra

so
m=
c + potgφ

m exprime o grau de mobilização da resistência ao cisalhamento ao longo da superfície livre


equivalente.
Fundações e Empuxos de Terra
Fundações e Empuxos de Terra
Fatores de Capacidade de carga: Meyerhof, Hansen e Vesic
Fundações e Empuxos de Terra