Você está na página 1de 1

Como saber a inclinação da rampa?

4 de maio de 2009 Acessibilidade Desenho Universal Rampa 133 Comentários


Acessibilidade, arquitetura inclusiva, Desenho Universal, inclinação, laudo, Rampa, visita técnica, vistoria
Muitas vezes arquitetos e engenheiros são chamados para analisar as características
de acessibilidade de uma edificação. Tudo se desenrola bem até o momento de medir
a inclinação da rampa. Muitas vezes não se tem condição prática para medir o desnível
e o comprimento da rampa, e assim calcular a inclinação. O Oswaldo, colega
engenheiro da Secretaria, “inventou” uma maneira simples de resolver isso. Basta ter
em mãos uma régua com nível de 50cm (que é um tamanho prático, para cálculo e
transporte, mas pode ser qualquer medida, uma vez que é só calcular) e uma trena
comum. Digo que “inventou” entre aspas, porque depois ele mesmo descobriu que nos
manuais da ADA (Americans with Disabilities Act) essa solução já estava lá. Bom, com
a imagem abaixo podemos entender melhor como medir:

Posicionando a régua com nível de forma a deixá-

la reta, utilizamos a trena ou alguma outra régua, para medir o desnível. E assim
podemos aplicar a fórmula já conhecida de cálculo de inclinação de rampa: sendo:
i=inclinação ; h=desnível ; c=comprimento Se por exemplo
descobrirmos que em 50 cm (tamanho da régua) temos 6 cm de
desnível, quer dizer que temos uma inclinação de 12%, ou seja, acima
do permitido pela NBR 9050/04 para ser acessível. Se ao invés, temos
4 cm de desnível em 50 cm de comprimento atingimos a inclinação de
8%, adequada para acessibilidade, pois está abaixo de 8,33% (máximo permitido).
Bom, espero que essa dica seja útil. Sei que para mim foi! obrigada, Oswaldo!