Você está na página 1de 85

Introdução à termodinâmica

Jonas Oliveira da Silva

2019
Em fundições, o ferro fundido é aquecido a 1500 ◦C para remover impurezas.
É mais preciso dizer que o ferro fundido contém uma grande quantidade de:
(a) temperatura; (b) calor; (c) energia; (d) dois desses; (e) todos esses.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 1


Temperatura e equilı́brio térmico

Definições gerais

Variáveis de estado - a descrição macroscópica de um sis-


tema termodinâmico é dada pelas três variáveis macroscópicas:
a pressão p, o volume V e a temperatura T .

Sistema termodinâmico - certa quantidade de matéria geral-


mente contida dentro de um recipiente. As paredes do recipiente
podem ser fixas ou móveis.

Parede adiabática - permite um isolamento térmico perfeito,


em que o estado do sistema contido no recipiente não é afetado
pelo ambiente externo.

Parede diatérmica - é uma parede não adiabática. Quando dois


sistemas estão separados por uma parede diatérmica, diz-se que
estão em contato térmico.
Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 2
Temperatura e equilı́brio térmico

Equilı́brio térmico

Equilı́brio térmico - estado alcançado por um sis-


tema isolado em que nenhuma das variáveis macroscópi-
cas que o caracterizam muda mais com o tempo.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 3


Temperatura e equilı́brio térmico

Equilı́brio térmico

Equilı́brio térmico - estado alcançado por um sis-


tema isolado em que nenhuma das variáveis macroscópi-
cas que o caracterizam muda mais com o tempo.

A termodinâmica clássica trata de sistemas em


equilı́brio térmico.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 3


Temperatura e equilı́brio térmico

Equilı́brio térmico

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 4


Temperatura e equilı́brio térmico

Equilı́brio térmico

Lei zero da termodinâmica

dois sistemas em equilı́brio térmico com um terceiro


estão em equilı́brio térmico entre si.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 5


Temperatura e equilı́brio térmico

Temperatura

O conceito de temperatura tem origem nas ideias qualitativas


baseadas em nosso sentido de tato.

A temperatura influencia propriedades da matéria que podemos


medir, por exemplo, o comprimento de uma lâmina metálica, a
pressão de vapor em uma caldeira e a cor de um objeto incan-
descente muito quente.

Essas propriedades podem ser usadas como princı́pio de um ins-


trumento usado para medir indiretamente a temperatura - o
termômetro.

A variação do valor de determinadas propriedades da matéria


com a variação de temperatura permite a medição indireta da
temperatura.
Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 6
Temperatura e equilı́brio térmico

Temperatura

A definição macroscópica de temperatura está asso-


ciada com o conceito de equilı́brio térmico; assim,
afirma-se que

dois sistemas estão em equilı́brio térmico se


e somente se eles possuı́rem a mesma tem-
peratura.

A temperatura é uma das 7 grandezas fundamentais


do SI.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 7


Temperatura e equilı́brio térmico

Termômetro comum

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 8


Temperatura e equilı́brio térmico

Termômetros e a escala Celsius de temperatura

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 9


Temperatura e equilı́brio térmico

O Termômetro de Gás a Volume constante

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 10


Temperatura e equilı́brio térmico

O Termômetro de Gás a Volume constante

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 11


Temperatura e equilı́brio térmico

O Termômetro de Gás a Volume constante

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 12


Temperatura e equilı́brio térmico

Alguns valores de temperatura em K

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 13


Temperatura e equilı́brio térmico

Comparação entre as escalas

Ponto fixo padrão - é o ponto triplo da água, em que vapor d’água


coexiste em equilı́brio com água lı́quida e gelo à pressão de 4,58 mmHg.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 14


Temperatura e equilı́brio térmico

Comparação entre as escalas

TC = T − 273,15
5
TC = (TF − 32)
9
5
∆T = ∆TC = ∆TF
9
Em que TC é a temperatura na escala Celsius; T é a temperatura na
escala Kelvin e TF é a temperatura na escala Fahrenheit.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 15


Temperatura e equilı́brio térmico

Pense rápido

Você coloca um pedaço de gelo em sua boca. Even-


tualmente, o gelo a uma temperatura T1 = 32,00 ◦ F
é derretido e a temperatura final é a temperatura do
corpo T2 = 98,60 ◦ F.

(a) Expresse estas temperaturas em graus Celsius e


em kelvins.

(b) Calcule ∆T = T2 − T1 nas três escalas.

Considere que todo o processo ocorre à pressão at-


mosférica.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 16


Dilatação térmica

Importância da dilatação térmica

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 17


Dilatação térmica

Modelo microscópico

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 18


Dilatação térmica

Dilatação linear dos sólidos

∆L = Li α∆T
L = Li (1 + α∆T )

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 19


Dilatação térmica

Dilatação linear dos sólidos

∆L = Li α∆T
L = Li (1 + α∆T )
Em que α é o coeficiente de dilatação térmica linear do
material.

[α] = (◦C)−1 ou K−1


Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 19
Dilatação térmica

Coeficientes de dilatação (20 ◦C, 1 atm)

Material α Material β
(sólidos) (◦C−1 ) (lı́quidos e gases) (◦C−1 )
Alumı́nio 24,0 × 10−6 Acetona 1,500 × 10−4
Latão e bronze 19,0 × 10−6 Álcool etı́lico 1,120 × 10−4
Concreto 12,0 × 10−6 Benzeno 1,240 × 10−4
Cobre 17,0 × 10−6 Gasolina 9,600 × 10−4
Vidro comum 9,0 × 10−6 Glicerina 4,850 × 10−4
Vidro Pyrex 3,2 × 10−6 Mercúrio 1,820 × 10−4
Liga Ni-Fe 0,9 × 10−6 Terebintina 9,000 × 10−4
Chumbo 29,0 × 10−6 Ar a 0 ◦C 3,670 × 10−3
Aço 11,0 × 10−6 Hélio 3,665 × 10−3

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 20


Dilatação térmica

Dilatação superficial dos sólidos

∆A = Ai γ∆T
A = Ai (1 + γ∆T )
γ = 2α
Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 21
Dilatação térmica

Pense rápido

A figura mostra quatro placas metálicas retangulares cujos lados


tem comprimento L, 2L ou 3L. São todas feitas do mesmo
material e sua temperatura aumenta do mesmo valor. Ordene
as placas de acordo com o aumento esperado (a) na dimensão
vertical e (b) da área, em ordem decrescente.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 22


Dilatação térmica

Dilatação térmica de objetos com furos

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 23


Dilatação térmica

Dilatação volumétrica

∆V = Vi β∆T
V = Vi (1 + β∆T )
β = 3α
Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 24
Dilatação térmica

Pense rápido

Um frasco de vidro com volume de 200 cm3 é en-


chido a 20 ◦C com mercúrio até a borda. Qual o
volume de mercúrio que transborda quando a tempe-
ratura do sistema se eleva para 100 ◦C? Considere
αvidro = 0,40 × 10−5 K−1 e βHg = 18 × 10−5 K−1 .

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 25


Dilatação térmica

Comportamento anômalo da água

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 26


Dilatação térmica

Comportamento anômalo da água

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 27


Calorimetria

Calor

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 28


Calorimetria

Calor – Definição

É a energia transferida de um sistema


para o ambiente ou vice-versa devido a
uma diferença de temperatura entre eles.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 29


Calorimetria

A caloria

É a quantidade de calor necessária para elevar de 14,5 ◦C


a 15,5 ◦C, à pressão de 1 atm, a temperatura de 1 g de
água.

Para que 1,0 kg de água sofra essa mesma elevação de


temperatura, é necessário fornecer-lhe 1 kcal, pois a
quantidade de calor necessária, se os outros fatores fo-
rem os mesmos, é proporcional à massa da susbstância.

A “caloria” empregada na nutrição corresponde a 1 kcal.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 30


Calorimetria

O calor especı́fico

É a quantidade de calor necessária para elevar de 1 ◦C,


a temperatura de 1 g de certa substância. Para a água,
c = 1 cal/g · ◦C entre 14,5 ◦C e 15,5 ◦C, a 1 atm.

O calor especı́fico varia com a temperatura, mas em


algumas situações práticas essa variação pode ser des-
prezada. Por exemplo, para a água c = 1,008 cal/g · ◦C
no intervalo entre 0 ◦C e 1 ◦C.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 31


Calorimetria

Calor e temperatura

Q = mc∆T , [Q] = J

cal J J
[c] = ou [c] = ou [c] =
g · ◦C kg · ◦C kg · K

1 cal = 4,186 J

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 32


Calorimetria

Calor especı́fico (25 ◦C, 1 atm)

c c
Substância (J/kg·◦C) Substância (J/kg·◦C)
Sólidos elementares Outros sólidos
Alumı́nio 900 Latão 380
Berı́lio 1830 Vidro 837
Cádmio 230 Gelo (−5 ◦C) 2090
Cobre 387 Mármore 860
Germânio 322 Madeira 1700
Ouro 129 Lı́quidos
Ferro 448 Álcool etı́lico 2400
Chumbo 128 Mercúrio 140
Silı́cio 703 Água (15 ◦C) 4186
Prata 234 Gases
Vapor (100 ◦C) 2010
Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 33
Calorimetria

Pense rápido

Quanto calor deve ser retirado de uma barra de ouro


de 709 g para que sua temperatura vá de 30 ◦C para
−10 ◦C? O calor especı́fico do ouro é 129 J/kg · ◦C.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 34


Calorimetria

Calor de transformação

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 35


Calorimetria

Calor de transformação

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 36


Calorimetria

Calor de transformação - diagrama de fases

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 37


Calorimetria

Calor de transformação

Q = mL
cal J
[L] = ou [L] =
g kg

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 38


Calorimetria

Calor de transformação (a 1 atm)

Ponto de LF Ponto de LV
Substância fusão (◦C) (J/kg) vaporização (◦C) (J/kg)
Hidrogênio −259,31 58,6 × 103 −252,89 452 × 103
Nitrogênio −209,97 25,5 × 103 −195,8 201 × 103
Oxigênio −218,79 13,8 × 103 −183,0 213 × 103
Etanol −114 104,2 × 103 78 854 × 103
Mercúrio −39 11,8 × 103 357 272 × 103
Água 0,0 334,0 × 103 100,0 2256 × 103
Enxofre 119 38,1 × 103 444,60 326 × 103
Chumbo 327,3 24,5 × 103 1750 871 × 103
Antimônio 630,50 165,0 × 103 1440 561 × 103
Prata 960,80 88,3 × 103 2193 2336 × 103
Ouro 1063,0 64,5 × 103 2660 1578 × 103
Cobre 1083 134,0 × 103 1187 5069 × 103

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 39


Calorimetria

Pense rápido

Quanta energia, em joules, é necessária para transfor-


mar 200 g de gelo a −10 ◦C em água lı́quida a 20 ◦C?
Dados: cágua = 4186 J/kg · ◦C, cgelo = 2090 J/kg · ◦C
e LF = 3,33 × 105 J/kg.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 40


Transferência de calor Convecção

Transferência de calor por convecção

É a transferência de calor ocorrida pelo movimento de


massa de fluido de uma região para outra. Ocorre apenas
em meios materiais.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 41


Transferência de calor Convecção

Transferência de calor por convecção

É a transferência de calor ocorrida pelo movimento de


massa de fluido de uma região para outra. Ocorre apenas
em meios materiais.

(a) Convecção forçada: quando o escoamento é


forçado pela ação de um ventilador ou uma bomba.

(b) Convecção natural: quando o escoamento se dá


pela diferença de densidade entre massas de fluido
provocada pela expansão térmica.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 41


Transferência de calor Convecção

Transferência de calor por convecção

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 42


Transferência de calor Condução

Transferência de calor por condução

Ocorre no interior de um corpo ou entre corpos em con-


tato, assim, necessita de um meio material para acontecer.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 43


Transferência de calor Condução

Transferência de calor por condução

Ocorre no interior de um corpo ou entre corpos em con-


tato, assim, necessita de um meio material para acontecer.

Os átomos de uma região quente de um objeto pos-


suem maior energia cinética que seus vizinhos.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 43


Transferência de calor Condução

Transferência de calor por condução

Ocorre no interior de um corpo ou entre corpos em con-


tato, assim, necessita de um meio material para acontecer.

Os átomos de uma região quente de um objeto pos-


suem maior energia cinética que seus vizinhos.
Eles fornecem uma parte desta energia para os átomos
vizinhos que fornecem para os outros átomos.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 43


Transferência de calor Condução

Transferência de calor por condução

Ocorre no interior de um corpo ou entre corpos em con-


tato, assim, necessita de um meio material para acontecer.

Os átomos de uma região quente de um objeto pos-


suem maior energia cinética que seus vizinhos.
Eles fornecem uma parte desta energia para os átomos
vizinhos que fornecem para os outros átomos.
A energia cinética é transferida de uma região para
outra no objeto.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 43


Transferência de calor Condução

Transferência de calor por condução

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 44


Transferência de calor Condução

Potência transferida na condução

TQ − TF
Pcond = kA
l

l
R= k
Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 45
Transferência de calor Condução

Condutividade térmica de algumas substâncias

k k
Substância (W/m·K) Substância (W/m·K)
Diversos sólidos Gases (a 20 ◦C)
Tijolo (isolante) 0,15 Ar 0,024
Tijolo vermelho 0,6 Argônio 0,016
Concreto 0,8 Hélio 0,138
Cortiça 0,04 Hidrogênio 0,14
Feltro 0,04 Oxigênio 0,023
Fibra de vidro 0,04 Metais (a 25 ◦C)
Vidro 0,8 Alumı́nio 205,0
Gelo 1,6 Latão 109,0
Lã mineral 0,04 Cobre 385,0
Isopor 0,027 Chumbo 34,7
Madeira 0,08 Mercúrio 8,3

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 46


Transferência de calor Condução

Pense rápido

Isolando com vidro


Uma lâmina de isolamento de vidro de dimensões 6,0 m × 9,0 m
tem uma resistência térmica R = 5,0 × 10−3 m2 · ◦C/W. A que
taxa o calor é conduzido através da lâmina, se a temperatura em
um lado é constante e igual a 95 ◦ F e, no outro lado, é constante
e igual a 68 ◦ F?

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 47


Transferência de calor Radiação térmica

Transferência de calor por radiação térmica

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 48


Transferência de calor Radiação térmica

Transferência de calor por radiação térmica

A transferência de calor por radiação


ocorre em virtude da existência de
ondas eletromagnéticas.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 48


Transferência de calor Radiação térmica

Transferência de calor por radiação térmica

A transferência de calor por radiação


ocorre em virtude da existência de
ondas eletromagnéticas.
As ondas eletromagnéticas que
transferem calor são chamadas de
radiação térmica.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 48


Transferência de calor Radiação térmica

Transferência de calor por radiação térmica

A transferência de calor por radiação


ocorre em virtude da existência de
ondas eletromagnéticas.
As ondas eletromagnéticas que
transferem calor são chamadas de
radiação térmica.
Todo objeto com temperatura
acima de 0 K emite radiação
térmica devido a agitação molecu-
lar.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 48


Transferência de calor Radiação térmica

Transferência de calor por radiação térmica

A transferência de calor por radiação


ocorre em virtude da existência de
ondas eletromagnéticas.
As ondas eletromagnéticas que
transferem calor são chamadas de
radiação térmica.
Todo objeto com temperatura
acima de 0 K emite radiação
térmica devido a agitação molecu-
lar.
Esse mecanismo de transferência de
calor pode ocorrer em meios mate-
riais ou não.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 48


Transferência de calor Radiação térmica

Potência radiada por uma superfı́cie

É a taxa com a qual um objeto emite energia através da


radiação térmica.

Prad = σAT 4
Onde σ = 5,6704 × 10−8 W/m2 · K4 ,  é a emissividade
da superfı́cie (0 <  < 1), A é a área da superfı́cie do
objeto e T é a temperatura em K.
Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 49
Transferência de calor Radiação térmica

Potência absorvida por uma superfı́cie

É a taxa com a qual um objeto absorve energia através da


radiação térmica do ambiente.

4
Pabs = σATamb
Onde  às vezes é chamada de absorvidade da superfı́cie
neste caso.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 50


Transferência de calor Radiação térmica

Potência lı́quida

4
Plı́q = σA(Tamb − T 4)
Plı́q > 0 se o objeto absorve energia e Plı́q < 0 se o corpo
emite energia por radiação.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 51


Transferência de calor Radiação térmica

Pense rápido

Radiação térmica do corpo humano


Sabendo que a área total do corpo humano é 1,20 m2 ,
e que a temperatura da superfı́cie da pele é 30 ◦C,
calcule a potência transferida de calor do corpo por
radiação se o ambiente está a 20 ◦C. Considere  = 1
e σ = 5,6704 × 10−8 W/m2 · K4 .

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 52


Transferência de calor Radiação térmica

Termografia

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 53


Transferência de calor Radiação térmica

Na natureza...

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 54


Transferência de calor Radiação térmica

Na natureza...

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 55


Transferência de calor Radiação térmica

Garrafa térmica

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 56


A primeira lei da termodinâmica explica o funcionamento de uma locomotiva
a vapor. A água é aquecida e ferve, e o vapor em expansão realiza o trabalho
que impulsiona a locomotiva para a frente. Seria possı́vel o vapor impulsionar
a locomotiva realizando trabalho ao condensar? (a) Sim; (b) não; (c) a
resposta depende dos detalhes de como o vapor é condensado.
Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 57
A 1a lei da termodinâmica

Modelo quase estático - processo reversı́vel

Sistema: será o gás confinado em um cilindro com êmbolo.


Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 58
A 1a lei da termodinâmica

Modelo quase estático - processo reversı́vel

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 59


A 1a lei da termodinâmica

Diagrama p–V

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 60


A 1a lei da termodinâmica

Diagrama p–V

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 61


A 1a lei da termodinâmica

Expressão matemática

∆Eint = Q − W
Convenções:
Se o trabalho é realizado sobre o sistema, então W <
0.
Se o calor é fornecido ao sistema, então Q > 0.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 62


A 1a lei da termodinâmica

Definição termodinâmica de calor

O calor Q representa a energia transferida entre o sis-


tema e sua vizinhança através de uma parede diatérmica,
em virtude de diferenças de temperaturas, descontando-
se a eventual transferência de trabalho.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 63


A 1a lei da termodinâmica

Definição termodinâmica de calor

O calor Q representa a energia transferida entre o sis-


tema e sua vizinhança através de uma parede diatérmica,
em virtude de diferenças de temperaturas, descontando-
se a eventual transferência de trabalho.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 63


A 1a lei da termodinâmica

Definição termodinâmica de calor

O calor Q representa a energia transferida entre o sis-


tema e sua vizinhança através de uma parede diatérmica,
em virtude de diferenças de temperaturas, descontando-
se a eventual transferência de trabalho.

WA = WB = 0
∆Eint,A = QA , ∆Eint,B = QB

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 63


A 1a lei da termodinâmica

Definição termodinâmica de calor

O calor Q representa a energia transferida entre o sis-


tema e sua vizinhança através de uma parede diatérmica,
em virtude de diferenças de temperaturas, descontando-
se a eventual transferência de trabalho.

WA = WB = 0
∆Eint,A = QA , ∆Eint,B = QB
Para o sistema total, como o calorı́metro
tem paredes adiabáticas (Q = 0) e W = 0:

∆Eint = ∆Eint,A + ∆Eint,B = 0


QB = −QA
Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 63
A 1a lei da termodinâmica

Pense rápido

Um sistema termodinâmico recebe 230 J de uma fonte


térmica e sofre uma variação na sua energia interna
de 190 J. Calcule o trabalho e diga se ele foi realizado
pelo sistema ou sobre o sistema.

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 64


A 1a lei da termodinâmica

Trabalho numa transformação isobárica

W = p(Vf − Vi )

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 65


A 1a lei da termodinâmica

Pense rápido

Um sistema termodinâmico sofre uma transformação isobárica


conforme descrito no gráfico abaixo. Calcule o trabalho durante
esse processo considerando p = 5,0 × 104 N/m2 . Esse trabalho
foi realizado pelo sistema ou sobre o sistema?

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 66


A 1a lei da termodinâmica Casos especiais

1. Processos adiabáticos

Q=0

∆Eint = −W

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 67


A 1a lei da termodinâmica Casos especiais

2. Processos isocóricos

W =0
∆Eint = Q

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 68


A 1a lei da termodinâmica Casos especiais

3. Processos cı́clicos

∆Eint = 0

Q=W

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 69


A 1a lei da termodinâmica Casos especiais

4. Expansão livre

Q=W =0

∆Eint = 0

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 70


A 1a lei da termodinâmica Casos especiais

Quatro casos especiais

∆Eint = Q − W
Processo Restrição Consequência
Adiabático Q=0 ∆Eint = −W
Isocórico W =0 ∆Eint = Q
Cı́clico ∆Eint = 0 Q=W
Expansão livre Q = W = 0 ∆Eint = 0

Jonas Oliveira da Silva FÍSICA APLICADA À BIOLOGIA 1o semestre de 2019 71