Você está na página 1de 27

a) (...) mas era menino e sem condições de avaliar-te, ou vieras em código, e eu (...).

Assinale a alternativa em que as palavras são acentuadas por serem oxítonas com
ACENTUAÇÃO GRÁFICA b) As dádivas que devias trazer-me, quais seriam? ditongos abertos. a) órgão – órfão b) anéis – heróis
c) Era o equívoco mais consolador, afinal não se perderia a mensagem. c) Piauí – teiú d) papéis – tuiuiú e) pontapés – carijós
Questão 25: EEAer2017 Sargento CTA (banca Aeronáutica) d) (...) sem possuir a chave, me quedava mirando-te e remirando-te como à estrela Gabarito: B
As palavras abaixo estão corretamente acentuadas em intocável.
a) ruína, aínda, xiíta, raínha. e) Estavas entre inúmeras companheiras, jogadas em sacos espessos (...). Questão 40: EsFCEx 2012 Oficial (banca Exército)
b) feiúra, saúde, paúl, saúdam. Gabarito: D Assinale a alternativa em que as palavras estão corretamente acentuadas.
c) ânsia, bênção, bônus, cônsul. a) ímã / órgão / bênção b) abdomen / hífen / fregueses
d) paranóia, herói, alcatéia, destrói. Questão 33: EFOMM 2011 Oficial (banca Marinha) c) tótem / elixir / inexequível d) polen / cicatriz / dóns
Gabarito: C Assinale a alternativa em que a palavra sublinhada se acentua por uma regra que se e) albuns / abênçoe / exíguo
distingue das demais. Gabarito: A
Questão 26: Colégio Naval 2017 Aluno (banca Marinha) a) O famoso pediatra, com um esgar colérico, recusa a formidável droga.
Assinale a opção na qual a palavra em destaque está acentuada conforme a regra b) O copo é levado com energia aos seus lábios (...). Questão 41: EsFCEx 2012 Oficial (banca Exército)
ortográfica vigente. c) A mãe recolhe o copo vazio com a alegria da vitória (...). Assinale a alternativa em que todas as palavras obedecem à mesma regra de acentuação.
a) O marido estava com os pêlos do braço emaranhados por esfregá-los na toalha. d) A terrível mistura é sorvida com dificuldade e repugnância (...). a) álbum – também - fuligem
b) Alegando estar com cefaléia, a mulher continuou em silêncio até o final do jantar. e) (...) e desfaz com uma espadeirada todo o consultório (...). b) ninguém – vinténs – armazém c) médiuns – alguém – álbuns
c) O marido pediu ao garçom uma pêra flambada com calda de chocolate para dois. Gabarito: A d) éden – hifens – também e) pontapés – tuiuiú – Aracaju
d) A mulher não prestou atenção ao escarcéu que o marido fez por causa da Internet. Gabarito: B
e) De um pólo a outro, muitos abdicam de uma conversa ao vivo para usar o whatsApp. Questão 34: EFOMM 2010 Oficial (banca Marinha)
Gabarito: D Assinale a opção em que a acentuação da palavra sublinhada no período se justifica por Questão 42: EsFCEx 2011 Oficial (banca Exército)
uma regra diferente das outras. Assinale a opção em que os vocábulos são acentuados seguindo a mesma regra, de
Questão 27: EEAer 2017 Sargento CTA (banca Aeronáutica) a) “(.. .) curvo a cabeça e tomo meu café (...)“. acordo com a gramática normativa. a) éden – pólen – vinténs
Assinale a alternativa cujos nomes apresentam acentuação gráfica incorreta. (Obs.: a b) “Vejo, porém, que se preparam para algo (. . .) “. b) abará – Grajaú – carijó c) açúcar – éter – revólver
sílaba tônica está em destaque.) a) Capitú / Macabéa c) “(.. .) e depois se afasta para atendê-lo”. ., d) amável – ágil – límpido e) também – médium – vírus
b) Marília / Desdêmona c) Hércules / Petrúquio d) Crusoé / Macunaíma d) “A mãe limita-se a ficar imóvel (...)”. Gabarito: C
Gabarito: A e) “O homem atrás do balcão (...)”.
Gabarito: D Questão 43: EsFCEx 2011 Oficial (banca Exército)
Questão 28: EEAer 2017 Sargento CTA (banca Aeronáutica) Assinale a alternativa em que os vocábulos são acentuados seguindo a mesma regra, de
Leia: Questão 35: EFOMM 2009 Oficial (banca Marinha) acordo com a gramática normativa. a) cajá – ímãs – avó
Transforma-se o amador na cousa amada, Por virtude do muito imaginar; Na sequência de palavras sublinhadas abaixo, uma delas se acentua por uma regra b) viúva – útil – júri c) vênus – você – Irecê
Não tenho mais que desejar, diferente das demais. Assinale a opção em que essa palavra aparece. d) saúde – viúva – Grajaú e) cátedra – cálido – fórceps
Pois tenho em mim a parte desejada. (Luís de Camões) a) "Também com certeza nunca lhe explicaram (...)". Gabarito: D
Quanto à sílaba tônica, as palavras em destaque são: a) oxítonas. b) "Tu és um homem, Bruno Lichtenstein (...)" .
b) paroxítonas. c) oxítonas e paroxítonas. d) paroxítonas e proparoxítonas. c) "Não pagará a licença de seu amigo". Questão 44: Aeronáutica CIAAR 2016 Tenente (banca Aeronáutica)
Gabarito: C d) "Andando pelas salas desertas, foi até onde estava o seu amigo". “Os astrônomos eram formidáveis. Eu, pobre de mim, não desvendaria os segredos do
e) "( ••• ) lhe haviam carregado o cachorro e que iam matá-lo". céu. Preso à terra, sensibilizar-me-ia com histórias tristes [...]” (6º§). Nas alternativas a
Questão 29: EEAer 2017 Sargento EAGS (banca Aeronáutica) Gabarito: B seguir, os vocábulos acentuados do trecho anterior foram colocados em pares com
Assinale a alternativa em que a palavra destacada deveria ter sido acentuada. palavras também acentuadas graficamente. Dentre os pares formados, indique o que
a) Colmeia é o nome dado à habitação das abelhas. Questão 36: EsFCEx 2015 Oficial (banca Exército) apresenta igual justificativa para tal evento. a) céu / avô b) astrônomos / álibi
b) Halux é o nome dado ao primeiro dedo das patas traseiras dos animais. Assinale a alternativa em que todas as palavras devem ser acentuadas. c) histórias / balaústre d) formidáveis / ínterim
c) Androide é o autômato que tem figura de homem e imita os movimentos humanos. a) caroço - miudo – feiura b) caju - poti – guarani Gabarito: B
d) Hifens são pequenos traços horizontais usados para unir os elementos de palavras c) textil - moinho – aguentar d) teiu - Grajau -virus
compostas, separar sílabas em final de linha e marcar ligações enclíticas e mesoclíticas. e) aldeia - taoismo - ruim Questão 45: Aeronáutica CIAAR 2015 Tenente (banca Aeronáutica)
Gabarito: B Gabarito: D Dentre os vocábulos a seguir, indique o grupo que apresenta mesma regra que justifique a
acentuação de todos os vocábulos.
Questão 30: Marinha 2017 Oficial CMV (banca Marinha) Questão 37: EsFCEx 2013 Oficial (banca Exército) a) níveis, próprios, também b) inteligência, política, está
Assinale a opção em que a palavra destacada foi corretamente acentuada. Assinale a alternativa em que todas as palavras c) provável, nível, dogmático d) democrático, vítimas, prática
a) Devemos procurar apôio uns com os outros. foram acentuadas adequadamente. Gabarito: D
b) Manteve o braço na tipóia durante toda a manobra. a) O cajú já era alimento básico das populações autoctônes antes do
c) Nem todos os heróis de guerra foram condecorados. descobrimento do Brasil e da chegada dos portugueses. Questão 46: Aeronáutica AFA 2015 Cadetes (banca Aeronáutica)
d) Não convêm levar as crianças para a festa na praia. b) O taoísmo é uma doutrina mística e filosófica formulada no século VI a.C. por Lao Tse. Pode-se afirmar que um recorrente problema encontrado no texto, no que se refere ao uso
e) Os meninos abandonados foram conduzidos ao Juízado. c) O júri condenou o réu a oito anos de prisão pelo homicidio do casal. da língua padrão, está relacionado à acentuação gráfica.
Gabarito: C d) A palavra bem-te-vi possui três hifens. Assinale a alternativa em que esse fato NÃO ocorre.
e) Aquí no trabalho, sua austeridáde é percebida na rigidez de opiniões e habitos. a) “...as pessoas tem mais possibilidades de delinquir...”
Questão 31: EFOMM 2014 Oficial (banca Marinha) Gabarito: D b) “Pretendia comprar um pouco de farinha para fazer um virado.”
Assinale a opção em que a acentuação da palavra sublinhada se justifica por uma regra c) “Nas prisões os negros eram os bodes expiatorios.”
DIFERENTE das demais. Questão 38: EsFCEx 2013 Oficial (banca Exército) d) ...os meus pés doiam tanto que eu não podia andar.”
a) Abro as venezianas na alegria do sol desta manhã e só não ponho a mão na cabeça Assinale a alternativa correta. Gabarito: B
(...) a) As palavras “papéis” e “herói” são acentuadas por serem oxítonas com
b) (...) porque, afinal das contas, o correr dos anos nos dá uma certa filosofia. hiato.
c) Essa rapaziada parece que é mesmo toda assim. b) As palavras “faísca” e “caído” são acentuadas por representarem a Questão 47: Aeronáutica 2016 Tenente (banca Aeronáutica)
d) (...) provido de cabides, que não têm outro destino senão abrigar as suas calças? segunda vogal tônica de um hiato. Em “hegêmonica” há um erro de acentuação. Considerando o necessário para que
e) (...) ele já pôs o Billy Eckstine, a Sarah Vaughan, a Ava Gardner de biquíni e duas c) As palavras “lírio” e “régua” são acentuadas porque terminam com ditongo oral tônico. haja nela correção gramatical, aponte a alternativa que apresenta outro léxico com a
namoradas ora descartadas! d) As palavras “bíceps” e “fórceps” são acentuadas por serem proparoxítonas. mesma regra de acentuação, mas que esteja acentuado de maneira correta dentro de seu
Gabarito: D e) As palavras “Piauí” e “teiú” são acentuadas por serem oxítonas com ditongos abertos. contexto discursivo.
Gabarito: B a) A indústria têxtil é rentável. b) A lâmpada da sala quebrou.
Questão 32: EFOMM 2012 Oficial (banca Marinha) c) O cristal âmbar é muito raro. d) Eu trânsito muito pelo Centro
Assinale a alternativa em que a palavra sublinhada se acentua por uma regra que se Questão 39: EsFCEx 2013 Oficial (banca Exército) Gabarito: B
DISTINGUE das demais.
Questão 48: EEAer2016 Sargento Topografia (banca Aeronáutica) Assinale a alternativa cujos vocábulos exigem acento gráfico pelo mesmo motivo dos 3. prefixação e sufixação ( ) infinitamente
Quantas palavras do texto abaixo apresentam erro no que diz respeito ao emprego ou não existentes, respectivamente, nas palavras cosméticos, laboratórios e países, (Os 4. sufixação ( ) o voar
do acento gráfico? acentos gráficos das palavras abaixo estão omitidos.) 5. composição por justaposição ( ) pão de mel
Bons argumentos têm aquele rapaz! O conteudo de sua fala revela bem a pessoa A) ilusorio, melancia, raiz B) parafrase, arrogancia, saude Identifique a alternativa que apresenta a numeração em sequência correta: a) 3, 4, 2, 5, 1
observadora que sempre demonstrou ser. Da importância a detalhes que muitos nem C) rubrica, barbarie, juízes D) catastrofe, metonimia, gratuito b) 2, 4, 3, 1, 5 c) 4, 1, 5, 3, 2 d) 2, 4, 3, 5, 1 e) 4, 1, 5, 2, 3
notam. É sempre bom ouví-lo. E) misantropo, cranio, ruim
a) 1 b) 2 c) 3 d) 4 Gabarito: B 7. (FAAP-SP) Infatigavelmente (in + fatigável + mente): Processo de formação de palavras
Gabarito: D a que chamamos:
Questão 58: EsSA 2012 Sargento (banca Exército) a) derivação prefixal b) derivação sufixal
Questão 49: EEAer2015 Sargento (banca Aeronáutica) Assinale a opção correta: c) derivação prefixal e sufixal
Assinale a alternativa cuja palavra em destaque é classificada como paroxítona. a) Trissilábica, a palavra maioria apresenta um tritongo e um hiato. d) composição por justaposição
a) O Diretor chegou atrasado à formatura, de maneira sutil, e sentou-se na última fileira de b) Trissilábica, a palavra existem apresenta um ditongo. e) composição por aglutinação
cadeiras. c) Proparoxítona, a palavra rúbrica recebe acento gráfico.
b) Em um aeroporto de uma cidadezinha do interior, o empresário guardava seu avião no d) Paroxítona, a palavra Nobel não é acentuada graficamente. 8. (UECE) Assinale a única opção constituída por palavras formadas apenas por
hangar. e) Paroxítona, a palavra gratuito apresenta um hiato. sufixação:
c) A situação dele não era a melhor após o acidente, toda posição na cama era ruim. Gabarito: B a) agulha, diplomata, costureira
d) Todos foram avisados que a rubrica deveria ser feita no canto inferior direito do b) silencioso, insuportável, saleta
documento. c) ordinário, orgulhoso, caminho
Gabarito: D d) costureira, silencioso, saleta
ESTRUTURA E FORMAÇÃO DE PALAVRAS
Questão 50: EEAer2015 Sargento (banca Aeronáutica) 1. (ITA-SP) Considere as seguintes palavras, cujos prefixos são de origem grega: 9. (PUC-SP) Recheio, fruta-do-conde e cruzamento passaram, respectivamente, pelos
Marque a alternativa que apresenta, correta e respectivamente, as palavras que diáfano(Transparente), endocárdio (Membrana que reveste interiormente as seguintes processos de formação:
completam as lacunas do fragmento de texto abaixo. cavidades do coração), epiderme(Membrana que forma a zona externa da pele), a) hibridismo, derivação sufixal e composição
Poucos .... consciência de que, quando ainda era jovem, ele .....decidir anfíbio(Que pode viver no ar e na água). b) derivação prefixal, composição e derivação sufixal
..... que caminho seguir. Qual alternativa apresenta palavras cujos prefixos, de origem latina, correspondem, quanto c) derivação prefixal, hibridismo e derivação sufixal
a) têm, pôde, por. ao significado, aos de origem grega? d) hibridismo, derivação sufixal e derivação prefixal
b) tem, pode, por. a) translúcido, ingerir, sobrepor, ambivalência e) derivação sufixal, hibridismo e composição
c) têm, pôde, pôr b) disseminar, intramuscular, superficial, ambiguidade
d) tem, pôde, por. c) disjungir (Desatrelar; separar do jugo), emigrar, supervisão, bilíngue 10. (Unifesp) Pneumotórax, palavra que dá título ao famoso poema de Manuel Bandeira, é
Gabarito: A d) transalpino (Que está além dos Alpes, que ultrapassa as montanhas mais altas da vocábulo constituído de dois radicais gregos (pneum[o]- + -tórax). Significa o procedimento
Europa), enclausurar, supercílio, ambicionar médico que consiste na introdução de ar na cavidade pleural, como forma de tratamento de
Questão 51: EEAer2014 Sargento (banca Aeronáutica) e) percorrer, imergir, epopeia, ambivalência moléstias pulmonares, particularmente a tuberculose. Tal enfermidade é referida no diálogo
Assinale a alternativa em que todas as palavras recebem acento gráfico devido ao mesmo entre médico e paciente, quando o primeiro explica a seu cliente que ele tem “uma
princípio. 2. (UNIFENAS-MG) Assinale a alternativa que contém, pela ordem, o nome do processo escavação no pulmão esquerdo e o pulmão direito infiltrado”. Esta última palavra é formada
a) vídeo, freguês, exótico b) planície, anzóis, papéis de formação das seguintes palavras: ataque, tributária e expatriar: com base em um radical: filtro.
c) sábio, nódoa, espontâneo d) pêssego, possível, privilégio a) prefixação, sufixação, derivação imprópria Quanto à formação vocabular, o título do poema e o vocábulo infiltrado são constituídos,
Gabarito: C b) derivação imprópria, sufixação, parassíntese respectivamente, por:
c) prefixação, derivação imprópria, parassíntese a) composição e derivação prefixal e sufixal
Questão 52: EEAer 2016 Sargento (banca Aeronáutica) d) derivação regressiva, sufixação, prefixação e sufixação b) derivação prefixal e sufixal e composição
Assinale a alternativa que apresenta a mesma regra de acentuação gráfica da palavra e) derivação regressiva, sufixação, parassíntese c) composição por hibridismo e composição prefixal e sufixal
espontâneo. d) simples flexão e derivação prefixal e sufixal
a) Pátria b) Cônsul c) Bênção d) Esplêndido 3. (CEFET-PR) Em qual das alternativas não há relação entre as duas colunas quanto ao e) simples derivação e composição sufixal e prefixal
Gabarito: A processo de formação das seguintes palavras:
a) magoado-derivação sufixal 11. (UFPI) (...)
Questão 53: EsSA 2016 Sargento (banca Exército) b) obscuro-derivação prefixal “Esses monstros atuais, não os cativa Orfeu, a vagar, taciturno, entre o talvez e o se.” (...)
Assinale a alternativa em que os vocábulos estejam acentuados pela mesma razão. a) c) infernal-derivação prefixal e sufixal (“Legado”, Carlos Drummond de Andrade)
parabéns, álbuns b) exército, jóquei d) aterrador-derivação prefixal e sufixal As palavras talvez e se são formadas por:
c) hífen, também d) chapéu, herói e) lápis, país e) descampado-derivação parassintética a) derivação sufixal b) derivação prefixal
Gabarito: D c) derivação parassintética d) derivação imprópria
4. (VUNESP) As palavras perda, corredor e saca-rolha são formadas, respectivamente, e) composição
Questão 54: EsPCEx 2016 Cadete (banca Exército) por:
Assinale a alternativa cujo vocábulo só pode ser empregado com acento gráfico. a) a) derivação regressiva, derivação sufixal, composição por justaposição 12. (Unifenas-MG) Assinale a alternativa que contém a correspondência correta entre o
Diálogo b) Até c) Análogo d) É e) Música b) derivação regressiva, derivação sufixal, derivação parassintética composto de origem grega e o seu significado.
Gabarito: C c) composição por aglutinação, derivação parassintética, derivação regressiva a) anarquia = falta de cabeça
d) derivação parassintética, composição por justaposição, composição por aglutinação b) aristocracia = governo dos plebeus
Questão 55: IME 2015 Cadete (banca Exército) e) composição por justaposição, composição por aglutinação, derivação prefixal c) teocracia = governo de religiosos
Dentre os vocábulos abaixo, assinale aquele cuja regra de acentuação é diversa daquela d) oligarquia = governo de um pequeno grupo
usada no vocábulo destacado em: 5. (ACAFE-SC) Quanto à formação de palavras, aponte o exemplo que não corresponde à e) plutocracia = governo exercido por estrangeiros
"(...) a verdade é questionável". afirmação:
a) abdômen b) fóssil c) fascínio d) tórax e) câncer a) infeliz – derivação prefixal 13. (UFPE) Quanto à formação de palavras:
Gabarito: C b) inutilmente – derivação prefixal e sufixal a) preconceito é formação parassintética.
c) couve-flor – composição por justaposição b) pluralismo e fragilidade são formações sufixais.
Questão 56: EsSA 2013 Sargento (banca Exército) d) planalto – composição por aglutinação c) incontroverso, individual e interna são formadas com o prefixo latino in-, com sentido de
Marque a alternativa cuja regra de acentuação é a mesma da palavra sótão. e) semideus – composição por aglutinação negação.
A) réptil. B) fáceis. C) lúmen. D) índex. E) cônsul d) ampliação, repetência, preparação e cidadania são substantivos formados a partir de
Gabarito: B 6. (PUC-SP) Considerando o processo de formação de palavras, relacione a coluna da formas verbais.
direita com a da esquerda: e) em fragilizar, modernizar e democratizar o sufixo -izar forma verbos a partir de adjetivos.
Questão 57: EsSA 2012 Sargento (banca Exército) 1. derivação imprópria ( ) desenredo
2. prefixação ( ) narrador
14. (PUC-SP) O vocábulo ostentando apresenta em sua estrutura os seguintes elementos 24. (UFF-RJ) O vocábulo catedral, do ponto de vista de sua formação, é: a) primitivo b) a) escritorezinhos, informaçãozinhas, ligaçãozinhas, materialzinhos
mórficos: composto por aglutinação b) escritorzinhos, informaçãozinhas, ligaçãozinhas, materialzinhos
a) o radical ostenta e o prefixo -ndo. c) derivado sufixal d) parassintético c) escritorezinhos, informaçõezinhas, ligaçõezinhas, materiaizinhos
b) o radical ostent-, a vogal temática -a, o tema ostenta e a desinência -ndo. e) derivado regressivo de catedrático d) escritorezinhos, informaçãozinhas, ligaçõezinhas, materialzinhos
c) o prefixo os-, o radical tent-, a vogal temática -a e a desinência -ndo. e) escritorzinhos, informaçõezinhas, ligaçõezinhas, materialzinhos
d) o radical ostenta, o tema ostent- e a desinência -ndo. 25. (PUC-SP) Assinale a classificação errada do processo de formação indicado. a) o
e) o radical -ndo, o tema ostent- e a vogal temática -a. porquê– conversão ou derivação imprópria 5. (Mackenzie-SP) Assinale a alternativa correta quanto ao gênero das palavras:
b) desleal– derivação prefixal a) A lança-perfume foi proibida no carnaval.
15. (ESALq-SP) São palavras formadas por prefixação: c) impedimento– derivação parassintética b) Os observadores terrestres esperavam atentos a eclipse da Lua.
a) luminoso, fraternidade b) liberdade, sonhador d) anoitecer– derivação parassintética c) A gengibre é uma erva de grande utilidade medicinal.
c) conselheiro, queimado d) linguagem, escravidão e) borboleta– primitivo d) A dinamite é um explosivo à base de nitroglicerina.
e) percurso, ingrato e) n. d. a.
26. (PUC-RJ) Relacione os sinônimos nas duas colunas abaixo e assinale a res1posta
16. (PUC-SP) As palavras azuladas, esbranquiçadas, bons-dias e lavagem foram correta. 6. (UFU-MG) Indique a alternativa em que só aparecem substantivos abstratos:
formadas, respectivamente, pelos processos de: 1. translúcido ( ) contraveneno a) tempo, angústia, saudade, ausência, esperança, imagem
a) derivação parassintética, derivação prefixal e sufixal, composição por aglutinação, 2. antídoto ( ) metamorfose b) angústia, choro, sol, presença, esperança, amizade
derivação prefixal e sufixal. 3. transformação ( ) diáfano c) amigo, dor, claridade, esperança, luz, tempo
b) derivação sufixal, derivação parassintética, composição por justaposição, 4. adversário ( ) antítese d) angústia, saudade, presença, esperança, amizade
derivação sufixal. 5. oposição ( ) antagonista e) espaço, mãos, claridade, rosto, ausência, esperança
c) derivação parassintética, derivação parassintética, composição por aglutinação, a) 1, 3, 4, 2, 5 b) 2, 3, 4, 5, 1 c) 2, 3, 1, 5, 4
derivação sufixal. d) 1, 4, 5, 2, 3 e) 4, 3, 1, 5, 2 7. (Mackenzie-SP) Indique a alternativa que não contém um substantivo no grau
d) derivação prefixal e sufixal, derivação prefixal, composição por justaposição, derivação diminutivo:
parassintética. 1–A 2–E 3–C a) Todas as moléculas foram conservadas com as propriedades particulares,
e) derivação sufixal, derivação imprópria, composição por justaposição, derivação sufixal. independentemente da atuação do cientista.
4–A 5–E 6–B b) O ar senhoril daquele homúnculo transformou-o no centro de atenções na tumultuada
17. (Cefet-PR) Em qual das alternativas não há relação entre as duas colunas quanto ao assembleia.
7–C 8–D 9–B
processo de formação das seguintes palavras: c) Através da vitrina da loja, a pequena observava curiosamente os objetos
a) magoado-derivação sufixal 10 – A 11 – D 12 – D decorativos expostos à venda, por preço bem baratinho.
b) obscuro-derivação prefixal d) De momento a momento, surgiam curiosas sombras e vultos apressados na silenciosa
c) infernal-derivação prefixal e sufixal 13 – B 14 – B 15 – E viela.
d) aterrador-derivação prefixal e sufixal e) Enquanto distraía as crianças, a professora tocava flautim, improvisando cantigas
e) descampado-derivação parassintética 16 – B 17 – C 18 – D alegres e suaves.

18. (Fuvest-SP) Foram formadas pelo mesmo processo as seguintes palavras: a) 19 – D 20 – A 21 – B 8. (UEL-PR) Viam-se ...junto aos ....do jardim.
vendavais, naufrágios, polêmicas a) papelsinhos – meios-fio b) papeizinhos – meio-fios
b) descompõem, desempregados, desejava 22 – E 23 – A 24 – C c) papeisinhos – meio-fios d) papelsinhos – meios-fios
c) estendendo, escritório, espírito e) papeizinhos – meios-fios
25 – C 26 – C 27 – A
d) quietação, sabonete, nadador
e) religião, irmão, solidão 9. (UEL-PR) Fiquei com ...dó enorme, porque ...estratagema utilizado pelos ....confundiu
muita gente inocente. a) um – o – guardas-noturnos
19. (Fuvest-SP) Assinalar a alternativa que registra a palavra que tem o sufixo formador de SUBSTANTIVO b) uma – o – guarda-noturnos c) um – a – guardas-noturno
advérbio. d) uma – a – guardas-noturnos e) um – o – guarda-noturnos
a) desesperança b) pessimismo c) empobrecimento 1. (UFSC) Há substantivos que têm um só gênero gramatical para designar pessoas de
d) extremamente e) sociedade ambos os sexos. Uma das alternativas seguintes constituída de três substantivos desta 10. (FUVEST-SP) Assinale a alternativa em que está correta a forma plural: a) júnior:
espécie é: júniors b) gavião: gaviães c) fuzil: fuzíveis
20. (PUCC-SP) Sabendo-se que prefixo é um morfema que se antepõe ao radical, a) criança, a vítima, o selvagem d) mal: mals e) atlas: atlas
alterando sua significação, assinale a alternativa que apresenta as quatro palavras b) a criança, a testemunha, o agente
iniciadas por um prefixo. c) a vítima, a jovem, o parente 11. (FUVEST-SP) “O diminutivo é uma maneira ao mesmo tempo afetuosa e precavida de
a) perfazer, decifrar, disparidade, reposição d) a criança, a vítima, o cônjuge usar a linguagem. Afetuosa porque geralmente o usamos para designar o que é agradável,
b) retidão, dissonância, divindade, insatisfação e) a testemunha, a patroa, o mestre aquelas coisas tão fáceis que se deixam diminuir sem perder o sentido. E precavida
c) discorrer, entrever, perguntar, reler porque também o usamos para desarmar certas palavras que, por sua forma original, são
d) inamovível, bisavô, comprimento, descansar 2. (PUC-PR) Assinale a alternativa em que os sentidos foram trocados: ameaçadoras demais.”
e) surpresa, asmático, esbravejar, anulação a) a coma: juba; o coma: estado mórbido (Luís Fernando Verissimo, Diminutivos) A alternativa inteiramente de acordo com a
b) a gênese: geração; o gênese: 1.º livro do Pentateuco definição do autor de diminutivo é:
21. (UFRJ) Assinale a alternativa cujo prefixo sub tem o sentido de “posterioridade”. c) a grama: erva rasteira; o grama: unidade de massa a) O iogurtinho que vale por um bifinho.
a) sublinhar b) subsequente c) subdesenvolvimento d) a guia: documento; o guia: aquele que conduz b) Ser brotinho é sorrir dos homens e rir interminavelmente das mulheres.
d) subjacente e) submisso e) a crisma: óleo usado em alguns sacramentos; o crisma: o sacramento da c) Gosto muito de te ver, Leãozinho.
confirmação d) Essa menininha é terrível.
22. (Fuvest-SP) Assinale a alternativa em que uma das palavras não é formada por e) Vamos bater um papinho.
prefixação. a) readquirir, predestinado, propor 3. (UEPG-PR) Indique a alternativa em que todas as palavras são femininas:
b) irregular, amoral, demover c) remeter, conter, antegozar a) cal, faringe, dó, alface, telefonema 12. (Cefet-PR) Assinale a alternativa em que há gênero aparente na relação
d) irrestrito, antípoda, prever e) dever, deter, antever b) omoplata, apendicite, cal, ferrugem masculino/feminino dos pares.
c) criança, cônjuge, champanha, dó, afã a) boi – vaca b) homem – mulher c) cobra macho – cobra fêmea
23. (UM-SP) Dentre as alternativas abaixo, assinale aquela em que ocorrem dois prefixos d) cólera, agente, pianista, guaraná, vitrina d) o capital – a capital e) o cônjuge (homem) – o cônjuge (mulher)
que dão ideia de negação. a) impune, acéfalo b) pressupor, ambíguo c) anarquia, e) jacaré, ordenança, sofisma, análise, nauta
decair d) importar, soterrar 13. (Cefet-PR) Das opções a seguir, assinale a que apresenta um substantivo que só tem
e) ilegal, refazer 4. (UFSM-RS) Identifique a alternativa em que o plural do diminutivo das palavras escritor, uma forma no plural.
informações, ligação e material está de acordo com a língua-padrão: a) guardião b) espião c) peão d) vulcão e) cirurgião
14. (Unimep-SP) O plural de fogãozinho e cidadão é: 1–D 2–E
a) fogãozinhos e cidadãos. b) fogãosinhos e cidadãos. 7. (ITA-SP) Dadas as afirmações de que os adjetivos correspondentes aos substantivos:
c) fogõezinhos e cidadãos. d) fogõezinhos e cidadões. 3–B 4–C 5–D 1. enxofre 2. chumbo 3. prata
e) fogõesinhos e cidadões. São, respectivamente,
6–D 7–C
1. sulfúreo 2. plúmbeo 3. argênteo
15. (FMU-FIAM-SP) Indique a alternativa em que só aparecem substantivos abstratos. 8–E 9–A 10 – E Verificamos que está(ão) correta(s):
a) tempo, angústia, saudade, ausência, esperança, imagem a) apenas a afirmação 1. b) apenas a afirmação 2.
b) angústia, sorriso, luz, ausência, esperança, inimizade 11 – C 12 – D 13 – B c) apenas a afirmação 3. d) apenas as afirmações 1 e 2.
c) inimigo, luto, luz, esperança, espaço, tempo e) todas as informações.
d) angústia, saudade, ausência, esperança, inimizade 14 – C 15 – D 16 – D
e) espaço, olhos, luz, lábios, ausência, esperança, angústia 8. (ITA-SP) Durante uma Copa do Mundo, foi veiculada, em programa esportivo de uma
17 – C 18 – C 19 – E emissora de TV, a notícia de que um apostador inglês acertou o resultado de uma partida,
16. (UM-SP) Numere a segunda coluna de acordo com o significado das expres- sões da porque seguiu os prognósticos de seu burro de estimação. Um dos comentaristas fez,
primeira coluna e assinale a alternativa que contém os algarismos na sequência correta. 20 – A 21 – C 22 – C então, a seguinte observação:
(1) o óleo santo ( ) a moral “Já vi muito comentarista burro, mas burro comentarista é a primeira vez.”
23 – D
(2) a relva ( ) a crisma Percebe-se que a classe gramatical das palavras se altera em função da ordem que elas
(3) um sacramento ( ) o moral assumem na expressão.
(4) a ética ( ) o crisma Assinale a alternativa em que isso NÃO ocorre:
(5) a unidade de massa ( ) a grama a) obra grandiosa b) jovem estudante c) brasileiro trabalhador
(6) o ânimo ( ) o grama ADJETIVO d) velho chinês e) fanático religioso
a) 6, 1, 4, 3, 5, 2 b) 6, 3, 4, 1, 2, 5 c) 4, 1, 6, 3, 5, 2
d) 4, 3, 6, 1, 2, 5 e) 6, 1, 4, 3, 2, 5 1. (EFOA-MG) “... onde predomina o corte de cabelo afro-oxigenado.” 9. (FGV-SP) Aponte a alternativa em que corretamente se faz a concordância dos termos
A concordância do adjetivo destacado acima com o substantivo a que se refere manteve- destacados.
17. (UFJF) Assinale a alternativa em que aparecem substantivos simples, se correta em: a) cabelos afros-oxigenado a) disputas sino-soviética, informações econômico-financeiras, camisas azul-piscinas,
respectivamente, concreto e abstrato. b) cabeleiras afras-oxigenadas c) cabelos afros-oxigenados camisas pastéis
a) água, vinho b) Pedro, Jesus c) Pilatos, verdade d) cabeleiras afra-oxigenadas e) cabelos afro-oxigenados b) disputas sino-soviéticas, informações econômicas-financeiras, camisas azuis-piscinas,
d) Jesus, abaixo-assinado e) Nova Iorque, Deus camisas pastéis
2. (PUCCAMP-SP) O desagradável da questão era vê-lo de mau humor depois da troca c) disputas sinas-soviéticas, informações econômicas-financeiras, camisas azul-piscina,
18. (UFF-RJ) Assinale a única frase em que há erro no que diz respeito ao gênero das de turno. Na frase acima, as palavras destacadas comportam-se, respectivamente, como: camisas pastéis
palavras. a) substantivo, adjetivo, substantivo d) disputas sino-soviéticas, informações econômicas-financeiras, camisas azul-piscinas,
a) O gerente deverá depor como testemunha única do crime. b) adjetivo, advérbio, verbo camisas pastéis
b) A personagem principal do conto é o Seu Rodrigues. c) substantivo, adjetivo, verbo e) disputas sino-soviéticas, informações econômico-financeiras, camisas azul-
c) Ele foi apontado como a cabeça do motim. d) substantivo, advérbio, substantivo piscina, camisas pastel
d) O telefonem deixou a anfitriã perplexa. e) adjetivo, adjetivo, verbo
e) A parte superior da traqueia é a laringe. 10. (FGV-SP) Aponte a alternativa que traga os superlativos absolutos sintéticos de acordo
3. (UFPR) Em qual dos casos o primeiro elemento do adjetivo composto não corresponde com a norma culta.
19. (UM-SP) Assinale a alternativa em que há um substantivo cuja mudança de gênero ao substantivo entre parênteses? a) celebérrimo, crudelésimo, dulcíssimo, nigérrimo, nobilíssimo
não altera o significado. a) Indo-europeu (Índia) b) Ítalo-brasileiro (Itália) b) celebésimo, crudelíssimo, dulcíssimo, nigérrimo, nobérrimo
a) cabeça, cisma, capital b) águia, rádio, crisma c) Luso-brasileiro (Portugal) d) Sino-árabe (Sião) c) celebérrimo, crudelíssimo, dulcíssimo, nigérrimo, nobilíssimo
c) cura, grama, cisma d) lama, coral, moral e) Anglo-americano (Inglaterra) d) celebríssimo, cruelérrimo, dulcésimo, negérrimo, nobérrimo
e) agente, praça, lama e) celebríssimo, crudelérrimo, dulcíssimo, negérrimo, nobérrimo
4. (UEPG-PR) Assinale a frase em que o adjetivo está no grau superlativo relativo de
20. (UM-SP) Relacione as duas colunas, de acordo com a classificação dos substantivos, superioridade: 11. (Febasp) “Os homens são os melhores fregueses” – os melhores encontra-se no grau:
e assinale a alternativa correta. a) Estes operários são capacíssimos. a) comparativo de superioridade.
(1) padre ( ) próprio b) O quarto estava escuro como a noite! b) superlativo relativo de superioridade.
(2) seminário ( ) coletivo c) Não sou menos digno que meus pais. c) superlativo absoluto sintético.
(3) Dias ( ) derivado d) Aquela mulher é podre de rica! d) superlativo absoluto analítico de superioridade.
(4) ano ( ) comum e) Você foi o amigo mais sincero que eu tive.
a) 3, 4, 2, 1 b) 1, 2, 4, 3 c) 1, 3, 4, 2 d) 3, 2, 1, 4 e) 2, 4, 3, 1 12. (Unimep-SP) Em algumas gramáticas, o adjetivo vem definido como sendo “a palavra
5. (FEI-SP) Assinale a alternativa errada quanto ao superlativo erudito. que modifica o substantivo”. Assinale a alternativa em que o adjetivo destacado contraria a
21. (UFU-MG) Dentre os plurais de nomes compostos aqui relacionados, há um que está a) amargo => amaríssimo; cruel => crudelíssimo definição.
errado. Qual? a) escolas-modelo b) pobre => paupérrimo; livre => libérrimo a) Li um livro lindo. b) Beber água é saudável.
b) quebra-nozes c) chefes de seções d) guardas-noturnos c) negro => negríssimo; doce => dulcíssimo c) Cerveja gelada faz mal. d) Gente fina é outra coisa!
e) redatores-chefes d) sagrado => sacratíssimo; feroz => ferocíssimo e) Ele parece uma pessoa simpática.
e) magro => macérrimo; nobre => nobilíssimo
22. (Unimep-SP) Classificam-se como substantivos as palavras destacadas, exceto em: 13. (Fatec-SP) Indique a alternativa em que não é atribuída a ideia de superlativo ao
a) “... o idiota com quem os moleques mexem...”. 6. (ESPM-SP) Os superlativos absolutos sintéticos de amável, fiel, eficaz, doce, incrível, adjetivo. a) É uma ideia agradabilíssima.
b) “... visava a me acostumar à morna tirania...”. íntegro, magnífico e próspero são, respectivamente: b) Era um rapaz alto, alto, alto. c) Saí de lá hipersatisfeito.
c) “Adeus, volto para meus caminhos...”. a) amabilíssimo, fidelíssimo, eficacíssimo, dulcíssimo, d) Almocei tremendamente bem.
d) “... conheço até alguns automóveis...”. incredibilíssimo, integérrimo, magnificentíssimo, prospérrimo. e) É uma moça assustadoramente alta.
e) “...todas essas coisas se apagarão em lembranças...”. b) amabilíssimo, fidelíssimo, eficientíssimo, docérrimo, incrivelíssimo,
integríssimo, magnificentérrimo, prospérrimo. 14. (UnB-DF) Relacione a primeira coluna à segunda.
23. (UFV-MG) Assinale a alternativa em que há erro na flexão de número. c) amabilérrimo, fidelíssimo, eficacérrimo, dulcérrimo, incredibilérrimo, (1) água(aquático) (2) pluvial
a) as águas-marinhas, as públicas-formas, os acórdãos integérrimo, magnificientíssimo, prospérrimo. (2) chuva (4) ebúrneo
b) abajures, caracteres, os ônus d) amabilésimo, fidelésimo, ificentérrimo, dulcíssimo, indredibilérrimo, (3) gato (3) felino
c) autosserviços, alto-falantes, lilases integríssimo, magnificentíssimo, prospérrimo. (4) marfim (7) aquilino ( águia )
d) capitães-mor, sabiás-pirangas, autos de fé (5) prata (5) argênteo
e) amabilíssimo, fidelíssimo, eficentésimo, dulcérrimo, incredibilíssimo,
e) guardas-florestais, malmequeres, Ave-Marias integérrimo, magnificentérrimo, prospérrimo. (6) rio (fluvial)
(7) não consta da lista
A sequência correta é: 7. (CEFET-MG) Em “Pretendo falar para saber informações sobre o próximo livro,
1–E 2–A 3–D
a) 7, 7, 3, 1, 7. b) 6, 3, 7, 1, 4. c) 2, 4, 3, 7, 5. d) 2, 4, 7, 1, 7. pelo que muito agradeço”, as lacunas serão corretamente preenchidas pelos pronomes:
4–E 5–C 6–A a) contigo – seu – te b) consigo – seu – lhe
15. (ITA-SP) Os superlativos absolutos sintéticos de comum, soberbo, fiel, miúdo são, c) convosco – vosso – o d) com V. Ex.ª – vosso – o
respectivamente: 7–E 8–A 9–E e) com V. S.ª – seu – lhe
a) comuníssimo, super, fielíssimo, minúsculo.
b) comuníssimo, sobérrimo, fidelíssimo, minúsculo. 10 – C 11 – B 12 – B 8. (ITA-SP) Dadas as sentenças:
c) comuníssimo, superbíssimo, fidelíssimo, minutíssimo. 1. Ela comprou um livro para mim ler.
d) comunérrimo, sobérrimo, fidelíssimo, miudérrimo. 13 – D 14 – C 15 – C 2. Nada há entre mim e ti.
e) comunérrimo, sobérrimo, fielíssimo, minutíssimo. 3. Alvimar, gostaria de falar consigo. Verificamos que está (estão) correta(s): a) apenas a
16 – A 17 – D 18 – A
sentença n.º 1. b) apenas a sentença n.º 2.
19 – E 20 – E 21 – D c) apenas a sentença n.º 3. d) apenas as sentenças n.ºs 1 e 2.
e) todas as sentenças.
16. (ITA-SP) Os adjetivos lígneo, gípseo, níveo, braquial significam, respectiva- mente: 22 – D
a) lenhoso, feito de gesso, alvo, relativo ao braço. 9. (FUVEST-SP) Destaque a frase em que o pronome relativo está empregado
b) lenhoso, feito de gesso, nivelado, relativo ao crânio. corretamente:
c) lenhoso, rotativo, abalizado, relativo ao crânio. a) É um cidadão em cuja honestidade se pode confiar.
d) associado, rotativo, nivelado, relativo ao braço. PRONOME b) Feliz é o pai cujo os filhos são ajuizados.
e) associado, feito de gesso, abalizado, relativo ao crânio. c) Comprou uma casa maravilhosa, cuja casa lhe custou uma fortuna.
1. (Cesgranrio-RJ) d) Preciso de um pincel delicado, sem o cujo não poderei terminar meu quadro.
17. (UM-SP) Aponte a alternativa incorreta quanto à correspondência entre a locução e o Para aliviar de Cristo os sentimentos. Para aliviar-lhe os sentimentos. e) Os jovens, cujos pais conversam com eles, prometeram mudar de atitude.
adjetivo. O pronome lhe substitui a expressão destacada acima e apresenta valor possessivo.
a) glacial (de gelo); ósseo (de osso) Indique a opção cujo pronome não apresenta esse valor. 10. (CEFET-MG) Indique a alternativa em que o emprego do pronome fere a norma culta:
b) fraternal (de irmão); argênteo (de prata) a) Concederam o perdão ao romeiro – Concederam-lhe o perdão. a) O livro? Deram-mo para que o devolvesse à Biblioteca.
c) farináceo (de farinha); pétreo (de pedra) b) Ajeitaram a roupa da santa – Ajeitaram-lhe a roupa. b) Para mim, resolver este exercício é fácil.
d) viperino (de vespa); ocular (de olho) c) O vento acariciava o rosto do padre – O vento acariciava-lhe o rosto. c) Não se preocupe, querida, eu vou consigo ao aeroporto.
e) ebúrneo (de marfim); insípida (sem sabor) d) Não pude ver o seu rosto – Não lhe pude ver o rosto. d) Remetemos o abaixo-assinado a Sua Excelência, o governador.
e) Afirmo que não puxaram o braço do religioso – Afirmo que não lhe puxaram o braço. e) Ela ficou-me observando enquanto eu lia a sua mão.
18. (UFJF-MG) Marque:
a) se I e II forem verdadeiras. 2. (VUNESP) Considere os enunciados a seguir: 11. (FESP-SP) Aponte a opção que completa corretamente as frases abaixo:
b) se I e III forem verdadeiras. I. O senhor não deixe de comparecer. Precisamos de seu apoio. 1. Este é o garoto .... pai fui professor.
c) se II e III forem verdadeiras. II. Você quer que te digamos toda a verdade? 2. Era uma grande árvore .... sombra descansávamos.
d) se todas forem verdadeiras. III. Vossa Excelência conseguiu realizar todos os vossos intentos? 3. Você é a pessoa .... recorrerei.
e) se todas forem falsas. IV. Vossa Majestade não deve preocupar-se unicamente com os problemas dos seus a) de cujo – em cuja – a quem b) cujo – em cuja – que
“... eu não sou propriamente um autor defunto, mas um defunto autor...” auxiliares diretos. c) a cujo – da qual – com quem d) cujo o – cuja – a quem
I. No primeiro caso, autor é substantivo; defunto é adjetivo. Verifica-se que há falta de uniformidade no emprego das pessoas gramaticais nos e) do qual – sobre a qual – para quem
II. No segundo caso, defunto é substantivo; autor é adjetivo. enunciados:
III. Em ambos os casos, tem-se um substantivo composto. a) II e IV b) III e IV c) I e IV d) I e III e) II e III 12. (Mackenzie-SP) Ninguém atinge a perfeição alicerçado na busca de valores materiais,
nem mesmo os que consideram tal atitude um privilégio dado pela existência.
19. (Cesgranrio-RJ) Assinale a alternativa em que o termo cego(s) é um adjetivo. 3. (FESP-SP) Identifique a opção em que houve erro ao se substituir a expressão Os pronomes assinalados no período acima classificam-se, respectivamente, como:
a) “Os cegos, habitantes de um mundo esquemático, sabem aonde ir...” destacada pelo pronome oblíquo: a) indefinido, demonstrativo, relativo, demonstrativo.
b) “O cego de Ipanema representava naquele momento todas as alegorias da noite escura a) antecederam a Segunda Guerra Mundial / antecederam-lhe b) indefinido, pessoal do caso oblíquo, relativo, indefinido.
da alma...” b) procuraram descrever a sociedade do futuro / procuraram descrevê-la c) de tratamento, demonstrativo, indefinido, demonstrativo.
c) “Todos os cálculos do cego se desfaziam na turbulência do álcool.” c) iniciando a série de science fiction / iniciando-a d) de tratamento, pessoal do caso oblíquo, indefinido, demonstrativo.
d) “Naquele instante era só um pobre cego.” d) presenciava todos os atos / presenciava-os e) demonstrativo, demonstrativo, relativo, demonstrativo.
e) “... da Terra que é um globo cego girando no caos.” e) caracterizam as modificações / caracterizam-nas
13. (PUC-SP) Nos versos:
20. (PUC-SP) No trecho “... o homem não fala simplesmente uma língua, não a usa, como 4. (UFRJ) No período: “Luísa e Maria estudaram na Europa: esta em Paris, aquela em “Amo-te, ó rude e doloroso idioma,
mero instrumento de comunicação...”, o termo destacado é um: a) substantivo e significa Roma”, entende-se que: Em que dá voz materna ouvi: ‘meu filho!’
“simples”. a) Luísa estudou em Roma. b) Maria estudou em Roma. E em que Camões chorou no exílio amargo.”
b) advérbio e significa “genuíno”. c) adjetivo e significa “quase”. d) advérbio e c) Luísa estudou em Paris. d) Luísa e Maria estudaram em Roma. A expressão em que, neles destacada, refere-se, respectivamente, a:
significa “estreme”. e) adjetivo e significa “puro”. e) Luísa e Maria estudaram em Paris. a) idioma, voz b) idioma, idioma c) rude e doloroso, Camões
d) eu, eu e) voz, Camões
21. (UM-SP) Assinale a alternativa em que ambos os adjetivos não se flexionam em 5. (UFPA) Em “... os que creem que é possível distinguir de modo absoluto o bem do
gênero. mal...”, a palavra grifada classifica-se, morfologicamente, como: 14. (PUC-SP) “Os depoimentos ... teve acesso comprovaram que a República não
a) elemento motor, tratamento médico-dentário a) pronome pessoal oblíquo átono de 3.ª pessoa do plural cumpriu, nesses cem anos, as promessas ... foi portadora.” a) a que – de que b) aos
b) esforço vão, passeio matinal b) artigo definido plural quais – de cujas
c) juiz arrogante, sentimento fraterno c) artigo indefinido plural c) pelo quais – às quais d) os quais – das quais e) que – que
d) cientista hindu, homem célebre d) pronome demonstrativo plural
e) costume andaluz, manual lúdico-instrutivo e) pronome indefinido plural 15. (UFMG) Em todos os versos, o pronome em destaque está corretamente classificado,
exceto em:
22. (UFU-MG) Relativamente à concordância dos adjetivos compostos indicativos de cor, 6. (PUC-MG) O pronome átono tem valor possessivo em: a) “Isto aqui não é Vitória / Nem é Glória do Goitá.” (indefinido)
uma, dentre as seguintes alternativas, está errada. Qual? a) saia amarelo-ouro a) À criança, diga-lhe sempre a verdade. b) “O mar de nossa conversa / precisa ser combatido.” (possessivo)
b) papel amarelo-ouro c) caixa vermelho-sangue b) Àquela hora já lhe havia entregue o dinheiro. c) “Seu José, mestre caipira, / que lhe pergunte permita.” (pessoal)
d) caixa vermelha-sangue e) caixas vermelho-sangue c) Deixe-me falar de minhas preocupações. d) “Primeiro é preciso achar / um trabalho de que viva.” (relativo)
d) Escutou-lhe a voz e ficou aguardando a chegada do amigo. e) “Mas este setor de cá / é como a estação dos trens.” (demonstrativo)
e) Mandei-o sair antes que os estranhos chegassem.
16. (UFSCar-SP) O que não é pronome relativo na opção:
a) “Não há mina de água que não o chame pelo nome, com arrulhos de namorada.”
b) “Não há porteira de curral que não se ria para ele, com risadinha asmática de velha Tomo a liberdade de levar ao conhecimento de V. EX.ª que os ... que ... foram
regateira.” 24.(PUC-SP) Assinale a alternativa que preencha, pela ordem, corretamente as lacunas encaminhados defendem causa justa e ficam a depender tão somente de ... decisão para
c) “– Me espere em casa, que eu ainda vou dar uma espiada na novilhada parida da abaixo. que sejam atendidos.
vereda.” 1. A espécie nova ... se referia Meyer era uma borboleta. a) abaixos-assinados, lhe, sua b) abaixos-assinados, vos, vossa
d) “– Tenho uma corrente de prata lá em casa que anda atrás de uma trenheira destas 2. A espécie nova ... Meyer tratava era uma borboleta. c) abaixo-assinados, lhe, sua d) abaixo-assinados, vos, vossa
para pendurar na ponta.” 3. A espécie nova ... Meyer se maravilhava era uma borboleta. e) abaixo-assinados, lhe, vossa
e) “Quem seria aquele sujeito que estava de pé, encostado ao balcão, todo importante no 4. A espécie nova ... Meyer descobriu era uma borboleta.
terno de casimira?” a) que, de que, com que, que b) a que, de que, que, de que 34. (Fuvest-SP) “Quanto a mim, se vos disser que li o bilhete três ou quatro vezes, naquele
c) a que, que, com que, a que d) a que, de que, com que, que dia, acreditai-o, que é verdade; se vos disser mais que o reli no dia seguinte, antes e
17. (UFPA) Qual das alternativas abaixo está correta? e) de que, a que, que, a que depois do almoço, podeis crê-lo, é a realidade pura. Mas se vos disser a comoção que
a) Sabeis Vossas Excelências das vossas responsabilidades? tive, duvidai um pouco da asserção, e não a acei- teis sem provas.”
b) Sabem Vossas Excelências das suas responsabilidades? 25. (Unimep-SP) “Eu não ... vi na festa do clube ontem. Os diretores não ... convidaram? Mudando o tratamento para a terceira pessoa do plural, as expressões desta- cadas
c) Sabeis Vossas Excelências das suas responsabilidades? Não ... disseram que era ontem? Eu ... avisei de que não podia confiar neles!” a) o, o, o, o passam a ser:
d) Sabeis Suas Excelências das vossas responsabilidades? b) o, lhe, lhe, o c) o, o, lhe, o a) lhes disser; acreditem-no; podem crê-lo; duvidem; não a aceitem.
e) Sabem Suas Excelências das vossas responsabilidades? d) lhe, lhe, lhe, lhe e) lhe, lhe, o, o b) lhes disserem; acreditem-lo; podem crê-lo; duvidam; não a aceitem.
c) lhe disser; acreditem-no; podem crer-lhe; duvidam; não a aceitam.
18. (UEPG-PR) Na oração “Certos amigos não chegaram a ser jamais amigos certos”, os 26. (Unimep-SP) d) lhe disserem; acreditam-no; possam crê-lo; duvidassem; não a aceiteis.
termos destacados são respectivamente: I. Demos a ele todas as oportunidades. e) lhes disser; acreditem-o; podem crê-lo; duvidem; não lhe aceitem.
a) adjetivo e pronome. II. Fizemos o trabalho como você orientou.
b) pronome adjetivo e adjetivo. III. Acharam os livros muito interessantes. 35. (UEL-PR) O suspeito do sequestro falava de forma evasiva, sem encarar os policiais,
c) pronome substantivo e pronome adjetivo. Substituindo as palavras destacadas por um pronome oblíquo, temos: negando o seu envolvimento com o caso e dizendo desconhecer o local onde se achariam
d) pronome adjetivo e pronome indefinido. a) I. Demos-lhe; II. Fizemo-lo; III. Acharam-los. a vítima e o dinheiro do resgate.
e) adjetivo anteposto e adjetivo proposto. b) I. Demos-lhe; II. Fizemos-lo; III. Acharam-os. As palavras destacadas na frase são, respectivamente:
c) I. Demos-lhe; II. Fizemo-lo; III. Acharam-nos. a) pronome substantivo, advérbio de lugar, pronome reflexivo.
19. (UFAM) Assinale o item em que há ERRO no emprego do pronome pessoal: d) I. Demo-lhe; II. Fizemos-o; III. Acharam-nos. b) pronome adjetivo, pronome relativo, pronome apassivador.
a) Recebidas as mangas, os meninos as repartiam irmãmente entre si. e) I. Demo-lhe; II. Fizemo-lhe; III. Acharam-nos. c) pronome substantivo, advérbio de lugar, pronome apassivador.
b) Sempre me presenteava livros, dizendo-me que era para eu adquirir o hábito da leitura. d) pronome adjetivo, pronome relativo, pronome reflexivo.
c) Estas deliciosas balas de mangarataia, eu as trouxe para ti levares ao Píndaro. 27. (Unimep-SP) “A exposição ... inauguração assisti mostrou os lindos quadros ... me e) pronome adjetivo, advérbio de lugar, pronome apassivador.
d) Os altruístas pensam menos em si e mais nos outros. referi na nossa conversa do outro dia. Amanhã, haverá um leilão na mesma sala ... estão
e) Leve o jornal consigo, Acácio. Já o li desde cedo. expostos.” 36. (UFMG) Em todas as alternativas, a expressão destacada pode ser substituída pelo
A alternativa que preenche corretamente as lacunas é: pronome lhe, exceto em:
20. (UFRRJ) “Há quem pense que as empresas jornalísticas, ao promover o uso de jornais a) a cuja, aos quais, em que. b) a cuja, os quais, na qual. a) Tu dirás a Cecília que Peri partiu.
na educação, o fazem unicamente com o objetivo de criar o leitor do futuro.” c) cuja, a que, em que. d) a qual, aos quais, na qual. b) Cecília viu perto a Isabel.
Em relação ao termo destacado, a classificação e a justificativa de seu uso são as e) à qual, que, que. c) O tiro fora destinado a Peri por um dos selvagens.
seguintes: d) Cecília recomendou a Peri que estivesse quieto.
a) artigo definido, pois determina um substantivo subentendido na oração. 28. (Unimep-SP) “Os dados que ... enviei são confidenciais. Chame seu secretário e e) Peri prometeu a D. Antônio levar-te à irmã.
b) pronome demonstrativo, pois substitui a ideia expressa pela oração anterior. instrua-... a não falar nada. Peça-... que destrua as folhas o mais rápido possível. Vejo-...
c) pronome pessoal, pois substitui um substantivo subentendido na oração anterior. amanhã no escritório.” 37. (FCMSCSP) A carta vinha endereçada para ... e para ...; ... é que a abri. a) mim, tu, por
d) pronome demonstrativo, pois situa cronologicamente a ação do verbo fazer. A alternativa que preenche corretamente as lacunas é: isso b) mim, ti, porisso c) mim, ti, por isso
e) artigo definido, pois substantiva o verbo fazer, determinando-o. a) o, o, lhe, lhe. b) o, o, lhe, o. c) lhe, lhe, lhe, o. d) eu, ti, porisso e) eu, tu, por isso
d) lhe, o, lhe, lhe. e) lhe, o, lhe, o.
21. (Fuvest-SP) “Ensinar-me-lo-ias, se o soubesses, mas não sabes-o.” A frase 38. (FCMSCSP) São excelentes técnicos, ... colaboração não podemos prescindir. a) cuja
acima estaria de acordo com a norma gramatical, usando-se, onde as formas destacadas: 29. (Unimep-SP) “Este é um assunto entre ... . Não tem nada a ver ” b) de cuja c) que a d) de que a e) dos quais a
a) ensinar-mo-ias – o soubesses – o sabes. Assinale a alternativa que preenche corretamente as lacunas.
b) ensinarias-mo – soubesse-lo – sabe-lo. a) eu e ele, contigo b) eu e ele, consigo c) mim e ele, com você 39. (FCMSCSP) Por favor, passe ... caneta que está aí perto de você; ... aqui não serve
c) ensinarias-mo – soubesses-o – o sabes. d) mim e ele, consigo e) mim e ti, consigo para ... desenhar.
d) ensinar-mo-ias – soubesses-o – sabe-lo. a) aquela, esta, mim b) esta, esta, mim c) essa, esta, eu
e) ensinarias-mo – soubesse-lo – o sabes. 30. (Unimep-SP) d) essa, essa, mim e) aquela, essa, eu
I. Coloquem os móveis no lugar. II. Enviamos cartas a vocês.
22. (PUC-SP) Nos trechos: III. Refez a lição que estava errada? 40. (Fuvest-SP)
“... aquelas cores todas não existem na pena do pavão...” “... este é o luxo do grande Substituindo as palavras destacadas por pronomes, teremos: Eu ... desconheço./ Roubaram-... o carro. / Os carros? Roubaram-... /
artista,...” a) I. Coloquem-nos; II. Enviamos-lhes; III. Refê-la. Não...era permitido ficar na sala./ Obrigaram-...a sair daqui.
“Ele me cobre de glórias...” b) I. Coloquem-nos; II. Enviamo-lhes; III. Refê-la. a) o, lhe, nos, lhe, nos b) lhe, o, o, o, no c) o, os, lhe, lhe, lhe
Sob o ponto de vista morfológico, as palavras destacadas são, respectiva- mente: c) I. Coloquem-os; II. Enviamo-las; III. Refez-lhe. d) lhe, lhe, lhe, se, os e) o, o, os, lhe, no
a) pronome demonstrativo, pronome demonstrativo, pronome pessoal. d) I. Coloquem-os; II. Enviamos-lhes; III. Refi-la.
b) pronome indefinido, pronome indefinido, pronome pessoal. e) I. Coloque-os; II. Enviamo-los; III. Refez-lhe. 41. (ITA-SP) Dadas as sentenças:
c) pronome demonstrativo, pronome demonstrativo, pronome relativo. 1. Confesso que fiquei fora de si quando recebi o telefonema.
d) pronome indefinido, pronome demonstrativo, pronome relativo. 31. (UEL-PR) Foram divididos ... próprios os trabalhos que.....em equipe. a) conosco, se 2. O nome do sinal em forma de estrela ( ) é asterístico.
e) pronome relativo, pronome demonstrativo, pronome possessivo. devem realizar b) com nós, devem-se realizar 3. Ela é uma pessoa bastante arvoada.
c) conosco, devem realizar-se d) com nós, se devem realizar Deduzimos que:
23. (UFV-MG) Das alternativas abaixo, apenas uma preenche de modo correto as lacunas e) conosco, devem-se realizar a) apenas a sentença 1 está correta. b) apenas a sentença 2 está correta.
das frases. Assinale-a. c) apenas a sentença 3 está correta. d) todas estão corretas. e) n. d. a.
Quando saíres, avisa-nos que iremos ... . 32. (UEL-PR) Para ... poder terminar a arrumação da sala, guarde....material em outro
Meu pai deu um livro pra ler. lugar até que eu volte a falar.... , dizendo que já podem entrar. a) eu, seu, com vocês b) 42. (UFJF-MG) Marque:
Não se ponha entre e ela. eu, vosso, convosco a) se I e II forem verdadeiras; b) se I e III forem verdadeiras;
Mandou um recado para você e ... . c) eu, vosso, consigo d) mim, seu, com vocês e) mim, vosso, consigo c) se II e III forem verdadeiras; d) se todas forem verdadeiras;
a) contigo, eu, eu, eu b) com você, mim, mim, mim e) se todas forem falsas.
c) consigo, mim, mim, eu d) consigo, eu, mim, mim 33. (Fuvest/FGV-SP) Assinale a alternativa que preenche corretamente as lacunas. Somente pronomes estão destacados em:
e) contigo, eu, mim, mim I. “Algum tempo hesitei se devia abrir estas memórias...”
II. “... duas considerações me levaram a adotar diferente método: a primeira é que eu não b) Consta-se que os herdeiros se .....quando da leitura do testamento, pois alguns deles a) Naquela situação de tensão, os garotos se houveram com muita discrição e elegância.
sou...” não aceitaram que os empregados ... beneficiados. (desaviram; fossem) b) Todos eles já haviam vivido situações de tensão semelhantes anteriormente.
III. “Moisés, que também contou a sua morte.” c) Se ele .... licença para instalar a loja, é aconselhável que ... , pois o local é c) Eles sabiam que deviam haver punições para os que violassem as regras.
bastante perigoso. (obtiver; se precavenha) d) Mesmo assim, os adultos houveram por bem recomendar cautela a todos.
43. (Acafe-SC) Assinale a alternativa em que a palavra destacada exerce a função de d) Nunca ....a tais manifestações, pois não acredito que elas ....aos meus propósitos. e) Dessa maneira, não haveria arrependimentos nem lamentos mais tarde.
pronome adjetivo. (adito; se adéquem)
a) Partiu sem ao menos dizer-me adeus. e) Ele sempre ....contra possíveis dificuldades e ....todas as necessidades da família. (se 11. (PUC-PR) Assinale a alternativa que preenche corretamente os espaços abaixo:
b) Poderíamos reconhecê-lo como um dos nossos mártires. precaveu; proviu) I. ... agora pedir-lhe que interfira em favor do rapaz.
c) Aquela não foi uma obra de arte, mas esta será? II. Se o diretor ..., conseguiríamos o documento hoje.
d) Leio muito, porém não o que me desagrada. 2..(TRF-RJ) “... fique alerta.” Se trocarmos a pessoa do verbo para a segunda do singular, III. Se alguém ...as crianças, poderemos trabalhar sossegados.
e) Sempre serei assim, mesmo que não me aceites. mantendo-se o mesmo tempo e modo verbal, a frase teria a forma: a).fiquem alerta b).ficas IV. Se ...todos, poderemos fazer o trabalho.
alerta c).fica alerta V. Se você ...meu irmão, avise-me.
44. (PUC-SP) No trecho: “O presidente não recebeu ninguém, não havia nenhuma d).ficai alerta e).fiques alerta a) Viemos – intervisse – entretiver – vieram – vir
fotografia sorridente dele, nenhuma frase imortal, nada que fosse supimpa”, tem-se: b) Vimos – intervisse – entreter – vierem – vir
a) quatro pronomes adjetivos indefinidos. 3..(TRT-RJ) “Tudo isso pode ser comprovado por qualquer cidadão.” A forma ativa dessa c) Vimos – interviesse – entretiver – vierem – vir
b) dois pronomes adjetivos indefinidos e dois pronomes substantivos indefinidos. mesma frase é: d) Viemos – interviesse – entretiver – virem – ver
c) um pronome substantivo indefinido e três pronomes adjetivos indefinidos. a).Qualquer cidadão pode comprovar tudo isso. e) Vimos – interviesse – entretiver – virem – ver
d) quatro pronomes substantivos indefinidos. b).Tudo pode comprovar-se.
e) um pronome adjetivo indefinido e três pronomes substantivos indefinidos. c).Qualquer cidadão se pode comprovar tudo isso. 12. (FUVEST-SP) Assinale a opção que completa corretamente as lacunas:
d).Pode comprovar-se tudo isso. Se ...as consequências, não ... na discussão. Entretanto não .
45. (Fuvest-SP) Considere a validade das afirmações sobre o enunciado “cartas que não e).Qualquer cidadão pode ter tudo isso comprovado. a) previsse – teria intervindo – titubeou – interveio
se escrevem”. . b) prevesse – interviria – se conteve – interviu
I. O termo que retoma o seu antecedente, introduzindo uma oração que tem o valor de um 4..(ESAF-CJF) A forma verbal sublinhada não foi classificada corretamente em: c) tivesse previsto – interferiria – hesitou – interviu
modificador desse mesmo antecedente. a) Não julgues o teu próximo. (2ª pessoa do singular do imperativo negativo) d) predissesse – teria intervido – se absteve – interveio
II. O termo que é agente e paciente do processo expresso pelo verbo escrever. b) Finalmente permitiram que eu falasse. (1ª pessoa do singular do pretérito imperfeito do e) previsse – se intrometeria – titubiou – inteferiu
III. O enunciado não determina qual é o agente do processo expresso pelo verbo escrever. subjuntivo)
a) Apenas a afirmação I está correta. c) Ao entrardes no templo, demonstrei o vosso respeito e a vossa fé. (2ª pessoa do plural 13. (UNIMEP-SP) Não fales! Não bebas! Não fujas! Passando para a forma afirmativa,
b) Apenas a afirmação II está correta. do imperativo afirmativo) teremos:
c) Apenas as afirmações II e III estão corretas. d) Se a proposta nos convier, aceitaremos discuti-la oportunamente. (3ª pessoa do singular a) Fala! Bebe! Foge! b) Fala! Bebe! Fuja! c) Fala! Beba! Fuja!
d) Apenas as afirmações I e III estão corretas. do futuro do pretérito do indicativo) d) Fale! Beba! Fuja! e) Fale! Bebe! Foge!
e) Todas as três afirmações estão corretas. e) Continuando assim, serás o primeiro da classe. (2ª pessoa do singular do futuro do
presente do indicativo) 14. (FATEC-SP – adaptada) Indique a alternativa em que o verbo destacado está
1–A 2–E 3–A empregado corretamente:
5. (TCE-RJ) Assinale a opção cuja conjugação verbal está correta: a) Você já reouve o que lhe emprestei?
4–A 5–D 6–D a) É preciso dar um remédio para essa criança, a fim de que ela não tossa tanto. b) Quando nos vermos de novo, não seremos os mesmos.
b) Não acredito que essas ações valam alguma coisa, se precisarmos vendê- las. c) Viemos agora neste instante porque vimos ontem e não o encontramos.
7–E 8–B 9–A c) Sem dúvida, tu proviste teus alunos com ensinamentos sábios e úteis. d) Se nós intervíssemos em seu discurso, ele nos excomungaria.
d) Os motoristas prudentes remediam os efeitos das irresponsabilidades dos imprudentes. e) Gastou o que tinha, mas se proveio do essencial por meses.
10 – C 11 – A 12 – A e) Lamento que eles vão se queixar ao diretor contra faltas tão corriqueiras.
15. (PUCCAMP-SP)Assinale a alternativa em que os verbos estão correta e
13 – B 14 – A 15 – A
6. (TCE-RJ) Todos os verbos apresentam uma irregularidade no futuro do subjuntivo em: adequadamente empregados:
16 – C 17 – B 18 – B a) pôr – ver –rir a) Para que possamos discutir tudo com calma, pretendo vir às cinco horas, a não ser que
b) dar – saber – ouvir c) dizer – equivaler – medir não dê para sair em tempo e tenha de deixar nosso encontro para mais tarde.
19 – C 20 – B 21 – A d) fazer – dispor – vir e) incendiar – caber – intervir b) Quero que vocês tentam novamente e progridam nesses estudos, para que
comprovamos a validade dessa teoria.
22 – A 23 – E 24 – D 7. (TRT-PR) Se você ...Maria Paula, .... a ela este caderno e ...- lhe que me espere no c) Se supormos que eles desistem do empreendimento na hora da decisão final, talvez
ponto de ônibus. a) vir – dê – pede b) ver – dê – peça devemos providenciar outros profissionais que estejam realmente interessados.
25 – C 26 – C 27 – A c) vir – dê – peça d) ver – dá – pede e) ver – dá – peça d) Será que existem cientistas que retêm o segredo que fará com que, numa bela manhã,
acordamos sem ameaças de guerra atômica?
28 – E 29 – C 30 – A 8. (TRF-CJF) Assinale a alternativa que apresenta um verbo incorretamente flexionado: e) Quando eles proporem o acordo que tanto aguardamos, é necessário que nos
a) O enxoval conviria às noivas dos bairros mais pobres. comprometemos a cumprir nossa parte.
31 – D 32 – A 33 – C
b) Não despeças os carregadores antes do desembarque.
34 – A 35 – B 36 – B c) Os policiais interviram nos protestos dos grevistas. 16. (UEL-PR) A flexão da forma verbal destacada está correta na frase:
d) A noiva precaveu-se contra os prejuízos da mudança. a) Os advogados interporam novo recurso.
37 – C 38 – B 39 – C e) Eu expeço, primeiramente, as malas dos estudantes. b) Não admito que as razões dele se sobreponhem às minhas.
c) O árbitro interviu e acabou com as provocações.
40 – A 41 – C 42 – D 9. (SRF) Assinale a sentença que contém erro na forma verbal: d) Se você o revir, será que o reconhecerá?
a) “Examinai todas as coisas e retende o que for melhor.” (extraído de um marcador de e) Teríamos reclamado, se os guardas o detessem.
43 – B 44 – B 45 – D páginas)
b) Detenhamo-nos nos aspectos centrais do pensamento marxista para que saibamos 17. (PUCCAMP-SP) “Técnicos da Funai suspeitaram de uma tentativa de conta- minação
extrair dele o que melhor se aproveita para os dias atuais. dos índios e, antes que ocorresse uma epidemia, não se demoraram em questões
c) Para que elaboremos propostas inovadoras, é preciso que ponhamos nossa criatividade burocráticas: anteciparam a vacinação.”
VERBO a serviço da geração de ideias inusitadas. Substituindo os verbos destacados por, respectivamente, supor, advir e deter, e mantendo
d) Mas não caiamos na tentação de julgar todos os dirigentes políticos como se fossem o mesmo tempo e modo verbais, obtêm-se corretamente. a) suporam – adviesse –
1. (TCU-UNB) Assinale a opção em que as formas verbais entre parênteses completam uns aproveitadores, que usam os cargos apenas para se locupletarem. detiveram
corretamente as lacunas. e) Se almejardes o saber, vades aos livros e conviveis com os sábios. b) suporam – advisse – deteram
a) Até agora não ..... no andamento das investigações, mas considero necessário que se a c) supuseram – advisse – deteram
veracidade das informações. (intervim; averigue) 10. (SRF) Assinale a opção em que a conjugação do verbo haver desrespeita a norma d) supuseram – adviesse – detiveram
culta: e) supuseram – advisse – detiveram
c) Caso eles hajam com má-fé, serão processados. d) O ensino de Português já sofrera profundas modificações, quando se organizou um
18. (FATEC-SP) “Mais: estava certo de que a sobrinha nutria por mim verdadeira paixão, d) Grande velocidade foi impressa ao carro. Simpósio Nacional para discutir o assunto.
mas se ela o consultasse o seu conselho seria negativo.” e) Ainda que sejem culpados, têm direito à defesa. e) Não fora a coerção exercida pelos defensores do purismo linguístico, todos teremos
Considerando a correlação dos tempos dos verbos grifados, escolha a alterna- tiva em que liberdade de expressão.
a correlação se mantém, sem prejuízo de sentido: 24. (FUVEST-SP) Assinale a alternativa em que uma forma verbal foi empregada
a) está – nutre – consulta – será incorretamente: 33. (FUVEST-SP) A frase em que a correlação de tempos e modos verbais foge às
b) está – teria nutrido – consultara – será a) O superior interveio na discussão, evitando a briga. normas da língua escrita padrão é:
c) está – nutre – consultar – será b) Se a testemunha depor favoravelmente, o réu será absolvido. a) Pode-se prever que os ideólogos do capitalismo usarão todos os apelos populistas de
d) estivera – nutria – consultara – fora c) Quando eu reouver o dinheiro, pagarei a dívida. que puderem valer-se para introduzir um forte golpe.
e) estivera – nutre – tivesse consultado – fora d) Quando você vir Campinas, ficará extasiado. b) Em 1970, não houve argumento capaz de convencer a imprensa paulista de que seria
e) Ele trará o filho, se vier a São Paulo. de interesse geral a I Bienal Internacional do Livro.
c) Todos seríamos escravos de ideias maniqueístas, não fora o trabalho desenvolvido
25. (CESGRANRIO-RJ) Assinale o período em que aparece uma forma verbal in- pelos filósofos iluministas.
19. (ITA-SP) Assinale a opção cujas formas verbais preenchem corretamente as corretamente empregada com relação à norma culta da língua: d) Agora que ensandeceste, se a tua consciência reouver um instante de sagacidade, tu
respectivas lacunas do texto. a) Se o compadre trouxesse a rabeca, a gente do ofício ficaria exultante. dirás que queres viver.
É notável o fato de que as civilizações clássicas – gregos e romanos – não marcam a b) Quando verem o Leonardo, ficarão surpresos com os trajes que usava. e) Se os parlamentares tivessem tido preocupação de discutir com seriedade as
história da humanidade por contribuições práticas ou inventos que ... o esforço humano no c) Leonardo propusera que se dançasse o minuete da corte. propostas, os eleitores só poderão estar satisfeitos.
desempenho do trabalho. Isso não significa que não ... exemplos de dispositivos que se ... d) Se o Leonardo quiser, a festa terá ares aristocráticos.
a essa finalidade e que ... a essa época. e) O Leonardo não interveio na decisão da escolha do padrinho do filho. 34. (Unifenas-MG) Leia os versos abaixo e responda ao que se pede.
Em contraposição, as contribuições dessas civilizações no desenvolvimento da Filosofia, “Convive com teus poemas, antes de escrevê-los. Tem paciência, se obscuros. Calma, se
da ciência pura, das artes, da Política e do Direito ... os fundamentos e os rumos de parte 26. (EFOA-MG) Assinale a alternativa que preenche correta e respectivamente as lacunas te provocam.”
considerável do conhecimento humano. das frases apresentadas. Caso o poeta tivesse optado pela forma você, em vez de tu, a alternativa que contém as
(YOUSSEF, A. N.; FERNANDEZ, V. P. Informática e sociedade. São Paulo: Áti- ca, 1988.) Mesmo que nós ...., não conseguiríamos que eles ..... os papeis que os chefes ... em mudanças corretas seria:
a) atenuassem – existissem – prestem – remontam – estabelecem segredo. a) Conviva com teus poemas, antes de escrevê-los. Tenha paciência, se obscuros. Calma,
b) atenuem – existem – prestam – remontam – estabelecem a) interviéssemos, requeressem, mantêm se o provocam.
c) atenuam – existissem – prestam – remontem – estabelecem b) intervíssemos, requeressem, mantém b) Convive com seus poemas, antes de escrevê-los. Tende paciência, se obscuros.
d) atenuassem – existam – prestam – remontem – estabeleceram c) interviéssemos, requisessem, mantêm Calma, se lhe provocam.
e) atenuem – existam – prestem – remontem – estabeleceram d) intervíssemos, requisessem, mantém c) Conviva com seus poemas, antes de escrevê-los. Tenha paciência, se obscuros. Calma,
e) interviéssemos, requeressem, mantêem se o provocam.
20.(FGV-SP) O tratamento utilizado no diálogo a seguir corresponde à segunda pessoa do d) Convivei com seus poemas, antes de escrevê-los. Tenha paciência, se obscuros.
plural. As marcas desse tratamento aparecem destacadas em ne- grito. 27. (EFOA-MG) Assinale a alternativa que contém a forma correta dos verbos me- dir, Calma, se lhe provocam.
valer, caber e datilografar, na primeira pessoa do singular do presente do indicativo, pela e) Convivei com vossos poemas, antes de escrevê-los. Tende paciência, se obscuros.
–Vosso passado vos condena. Saí daqui antes que eu vos mate. ordem. Calma, se vos provocam.
–Esperai, que já vos mostro. Não tenteis amedrontar-me! a) meço, valo, cabo, datilógrafo
b) meço, valho, caibo, datilografo 35. (ESALq-SP) (Adaptado) Considerando os verbos destacados nas frases a se- guir,
Se utilizarmos o tratamento correspondente à segunda pessoa do singular, obteremos, c) mido, valo, caibo, datilógrafo relacione-as com as alternativas numeradas. Depois marque a sequência numérica que
respectivamente: d) mido, valho, caibo, datilografo corresponde à resposta certa.
a) Seu passado o condena. Saia daqui antes que eu o mate. / Espere, que já lhe mostro. e) meço, valho, caibo, datilógrafo ( ) Ser livre – como diria o famoso conselheiro – é não ser escravo. ( ) Somos, pois,
Não tente amedrontar-me!... criaturas nutridas de liberdade.
b) Teu passado te condena. Saia daqui antes que eu te mate. / Espera, que já te mostro. 28. (USF-SP) “Hoje não se corretamente nessa situação, com energia o pai.” a) ( ) Diz-se que o homem nasceu livre.
Não tenta amedrontar-me!... aviu – interviu b) houve – interveio ( ) Diz-se que renunciar à liberdade é renunciar à própria condição humana. ( ) Os
c) Teu passado te condena. Sai daqui antes que eu te mate. / Espera, que já te mostro. c) ouve – interviu d) haveu – interveio e) aveio – interviu papagaios vão pelos ares até onde os meninos de outrora não acreditavam que se
Não tentes amedrontar-me!... pudesse chegar com um fio de linha.
d) Seu passado lhe condena. Saia daqui antes que eu o mate. / Espere, que já te mostro. 29. (FUVEST-SP) No trecho “Sem nem ao menos se darem as mãos caminhavam na ( ) Os loucos que sonharam sair de seus pavilhões usando a fórmula do incêndio para
Não tente amedrontar-me!... chuva”, o segmento em negrito pode ser corretamente substituído por: “Sem que nem ao chegarem à liberdade, morreram.
e) Teu passado o condena. Saí daqui antes que te mate. / Espera, que já te mostro. Não menos se (1) infinitivo impessoal (2) presente do indicativo
tentes amedrontar-me!... a) deem as mãos”. b) davam as mãos”. c) deram as mãos”. (3) infinitivo pessoal (4) futuro do pretérito do indicativo
d) dessem as mãos”. e) dariam as mãos”. (5) imperfeito do subjuntivo (6) perfeito do indicativo
21. (FGV-SP) Assinale a alternativa em que não haja erro de conjugação de verbo. a) 4-2-6-1-5-3 b) 5-6-2-4-1-3 c) 3-5-2-6-4-1
a) Em pouco mais de três meses, a lesão do jogador poderá estar curada, se ele manter 30. (MACKENZIE) “– Querido, se você me ama, tire a camisa!” d) 6-2-4-1-3-5 e) 3-6-5-2-1-4
adequadamente o tratamento. Transformando-se a flexão dos verbos da frase destacada para imperfeito do subjuntivo e
b) O moderador interviu assim que ficou a par dos problemas técnicos. futuro do pretérito, tem-se a seguinte sequência correta: a) se você me amar / tirará a 36. (PUC-SP) Nos trechos:
c) Se a Patrícia previr tempo seco para o litoral, haveremos de descer a serra antes de o camisa b) se você me amasse / tirava a camisa Vejam, continuou ele, como não dá. e
sol nascer. c) caso você me ame / tire a camisa d) se você me amasse / tiraria a camisa Cante esta, convidou o major.
d) Leocádia estava terrivelmente irritada. Tinha ganas de dizer a Alberto tudo o que ele e) caso você me ama / tira a camisa Alterando-se o sujeito dos verbos destacados para tu e depois para vós, teremos,
merecia; mas se deteu, esperando oportunidade melhor. respectivamente:
e) Quando o negociador propor uma saída honrosa, será o momento de todos o 31. (FUVEST-SP) em ti, mas nem sempre ...dos outros. a) vê – canta vede – cantai b) vejas – cantes vejais – cantais
aplaudirmos. a) Creias, duvides b) Crê, duvidas c) Creias, duvidas c) vês – cantas vedes – cantais d) veja – cante vejai – cantei
d) Creia, duvide e) Crê, duvides e) vês – cantas vede – cantai
22. (ACAFE-SC) Somente uma das opções está incorreta. Assinale-a:
a) leio – lês – lê – lemos – ledes – leem 32. (FUVEST-SP) Considerando a necessidade de correlação entre tempos e modos 37. (Unimep-SP) “Não fales! Não bebas! Não fujas!” Passando tudo para a forma
b) valho – vales – vale – valemos – valeis – valem verbais, assinale a alternativa em que ela foge às normas da língua escrita padrão: afirmativa, teremos:
c) venho – vens – vem – vimos – vindes – vêm a) A redação de um documento exige que a pessoa conheça uma fraseologia complexa e a) Fala! Bebe! Foge! b) Fala! Bebe! Fuja! c) Fala! Beba! Fuja!
d) vou – vais – vai – vamos – ides – vão arcaizante. d) Fale! Beba! Fuja! e) Fale! Bebe! Foge!
e) divirjo – diverges – diverge – divergimos – divergides – divergem b) Para alguns professores, o ensino de língua portuguesa será sempre melhor, se houver
o domínio das regras de sintaxe. 38. (UFV-MG) Nos períodos de C. D. de Andrade citados abaixo, assinale a opção em que
23. (UEL-PR) A forma verbal em destaque está correta na frase: c) O ensino de Português tornou-se mais dinâmico depois que textos de autores mais o verbo está na voz passiva.
a) Não convém que requeramos isto, já passou o prazo. modernos foram introduzidos no currículo. a) “E não soubemos, ah, não soubemos amá-las, E todas sete foram mortas.”
b) Se os fiscais interviessem agora, seriam hostilizados. b) “E patati patatá...
Sete quedas por nós passaram.” 46. (UFRPE/UFPE) Relacione as frases cujos verbos destacados estão no mesmo tempo, e) faça, entra, tua, fique
c) “Sete fantasmas, sete crimes Dos vivos golpeando a vida Que nunca mais renascerá.” modo e pessoa gramatical.
d) “Sete quedas por mim passaram E todas sete somem no ar.” 1. Que todo homem é um diabo não há mulher que o negue. 55. (Fatec-SP) Aponte o emprego errado do verbo destacado.
e) “Aqui outrora retumbaram vozes Da natureza imaginosa, fértil 2. Vem, eu te farei da minha vida participar. a) Se a resposta condissesse com a pergunta...
Em teatrais encenações de sonhos.” 3. Ide em paz, o Senhor vos acompanhe. b) Poucos reaveram o que arriscaram em jogos.
4. Estou preso à vida e olho meus companheiros. c) Não que não antepuséssemos alguém a você.
39. (UCS-RS) “Não ( ) os dons que recebeste; ( ) sempre que a felicidade se ( ) aos 5. Tu não me tiraste a natureza... Tu mudaste a natureza. d) Não tenha dúvida, refaremos tantas vezes quantas forem necessárias.
poucos.” ( ) Cala essa canção soturna. e) Se não nos virmos mais... tenha boas férias.
a) esquece, lembre, constrói b) esqueça, lembra, constrói ( ) Interrogai-as agora que os reis tremem no seu trono.
c) esqueça, lembre, constrói d) esqueças, lembra, constrói ( ) Debruço-me na grade da banca e respiro penosamente. ( ) Trouxeste-a para o pé de 56. (Fundação Lusíada) Assinale a alternativa que se encaixe no período seguinte: Se
e) esqueças, lembre, constrói mim. você ( ) e o seu irmão ( ), quem sabe você ( ) o dinheiro. a) requeresse, interviesse,
( ) Mesmo assim elas procuram um diabo que as carregue. A sequência correta é: reouvesse
40. (Fame/Fupac-MG) Em: “Sei de uma moça... Se alguém escrevesse a sua história, a) 3, 2, 4, 5 e 1 b) 4, 3, 2, 1 e 5. c) 5, 1, 4, 2 e 3. b) requisesse, intervisse, reavesse c) requeresse, intervisse, reavesse
diriam como o senhor (...)”, há verbos empregados respectivamente no: d) 1, 4, 5, 3 e 2. e) 2, 3, 4, 5 e 1. d) requeresse, interviesse, reavesse e) requisesse, intervisse, reouvesse
a) presente do indicativo, pretérito imperfeito do subjuntivo, futuro do pretérito do
indicativo. 47. (UCS-RS) Assinale a alternativa que preenche corretamente as lacunas: 57. (UM-SP) Assinale a alternativa em que não há erro na forma verbal.
b) presente do indicativo, pretérito imperfeito do indicativo, futuro do pretérito do indicativo. Se tudo ( ) conforme ele ( ), o trabalho já ( ). a) Minha mãe hesitou; tu não hesitastes.
c) presente do indicativo, pretérito imperfeito do indicativo, pretérito imperfeito do a) for feito, preveu, vai ser concluído b) Esta página vale por meses; quero que valha para sempre.
subjuntivo. b) fosse feito, prevera, teria sido concluído c) Tu tiveste dezessete anos; vós tivesteis sempre a mesma idade.
d) presente do indicativo, futuro do pretérito do indicativo, pretérito imperfeito do indicativo. c) é feito, preveu, estaria pronto d) A análise das minhas emoções é que entrava no meu plano, vós não entrávais.
e) presente do indicativo, futuro do pretérito do subjuntivo, pretérito imperfeito do d) tivesse sido feito, havia previsto, estaria concluído e) Achavam-me lindo e diziam-mo; achavais-me lindo e dizieis-mo.
subjuntivo. e) tiver sido feito, preverá, será concluído
58. (UFF-RJ) Das frases que seguem, uma traz errado emprego de forma verbal. Assinale-
41. (F. C. Chagas-SP) Para que você ( ) isso, precisa ser ambicioso; quem ( ) sem que ( ), 48. (FCMSCSP) Assinale a alternativa correta quanto ao uso de verbos abundan- tes. a.
certamente é ambicioso. a) Por haver aceitado as normas, o candidato foi aceito na Faculdade. a) Cumpre teus deveres e terás a consciência tranquila.
a) deseja, deseja, estima b) deseje, deseja, estime b) Por haver morto o passarinho, o menino chorou. Realmente, o bicho estava bem morto. b) Suporta-se com paciência a cólica do próximo.
c) deseje, deseja, estima d) deseja, deseje, estime c) Foi elegido pelas mulheres apesar de haver eleito a maioria dos homens. c) Nada do que se possui com gosto se perde sem desconsolação.
e) deseje, deseje, estima d) O pastor tinha emergido os crentes depois de ter emergido ele mesmo pelo bispo. Era d) Não voltes atrás, pois é fraqueza desistir-se da coisa ameaçada.
emersão que não acabava mais. e) Dizia Rui Barbosa: “Fazei o que vos manda a consciência, e não fazei o que vos
42. (UFMG) Qual dos verbos destacados não se acha no infinitivo? e) Todos os casos serão omitidos da pauta tal como você já tivera omisso os seus casos convém aos apetites”.
a) Os avós devem ter-se modernizado também. ontem.
b) A ideia de ser montado – e por mim – não era das mais aprazíveis. CONJUNÇÃO
c) Estranho apartamento, se juntarmos, em sua representação, os móveis modernos aos 49. (Imes-SP) Assinale a alternativa que corresponde ao que se pede:
objetos remotos. –verbo ver – 3ª pessoa do singular do pretérito mais-que-perfeito do indicativo 1. (PUC-SP) No período:
d) Um desejo de nos pacificarmos, de atingirmos a bondade e a compreensão, nos tornava –verbo ser – 3ª pessoa do singular do presente do subjuntivo “Da própria garganta saiu um grito de admiração, que Cirino acompanhou, em- bora com
indiferentes à matéria cotidiana. –verbo haver – 3ª pessoa do singular do pretérito perfeito do indicativo menos entusiasmo”,
e) Luís engoliu o pão com geleia como se fosse o último alimento sobre a terra, e sua –verbo vir – 2ª pessoa do singular do imperativo afirmativo a palavra destacada expressa uma ideia de:
salvação dependesse de tê-lo ingerido. a) vera, seja, houve, vem b) vera, seja, havi, venha a) explicação b) concessão c) comparação
c) vira, seja, houve, vem d) vira, seje, houve, venha d) modo e) consequência
43. (UFF-RJ) Assinale a série em que estão devidamente classificadas as formas verbais e) vira, seje, havi, vem
em destaque: 2. (PUC-SP) No trecho:
“Ao chegar da fazenda, espero que já tenha terminado a festa.” 50. (F. C. Chagas-SP) Ele ( ) que lhe ( ) muitas dificuldades, mas enfim ( ) a verba para a “É uma espécie ... nova... completamente nova! Mas já tem nome... Batizei-a logo... Vou-
a) futuro do subjuntivo, pretérito perfeito do indicativo pesquisa. lhe mostrar...”,
b) infinitivo, presente do subjuntivo a) receara, opusessem, obtera b) receara, opusessem, obtivera sob o ponto de vista morfológico, as palavras destacadas correspondem, pela ordem, a:
c) futuro do subjuntivo, presente do subjuntivo c) receiara, opossem, obtivera d) receiara, opossem, obtera a) conjunção, preposição, artigo, pronome.
d) infinitivo, pretérito imperfeito do subjuntivo e) receara, opossem, obtera b) advérbio, advérbio, pronome, pronome.
e) infinitivo, pretérito perfeito do subjuntivo c) conjunção, interjeição, artigo, advérbio.
51. (UEL-PR) requeiro a dispensa de taxa concedida aos que ( ), como eu, os bens que ( ). d) advérbio, advérbio, substantivo, pronome.
44. (FGV-SP) A primeira pessoa do singular do presente do indicativo dos verbos indignar- a) reouveram, pleiteiaram e) conjunção, advérbio, pronome, pronome.
se, afrouxar, caber e extinguir é, respectivamente: b) reaveram, pleiteiaram c) rehouveram, pleiteiaram
a) indiguino-me, afroxo, caibo, extínguo. d) reouveram, pleitearam e) rehaveram, pleitearam 3. (Unimep-SP) “Apenas se viu cruzando a linda de chegada, começou a gritar de alegria.”
b) indigno-me, afrouxo, caibo, extingo. Comece com: Começou a gritar de alegria, ...
c) indigno-me, afróxo, cabo, extínguo. 52. (UEL-PR) Ainda que vários fatores ( ) a seu favor, estava claro que ele não ( ) as a) conquanto b) à medida que c) tanto que d) já que e) contudo
d) indiguino-me, afrouxo, cabo, extínguo. consequências que ( ) de seu impensado gesto.
e) indigno-me, afrouxo, caibo, extínguo. a) intervissem, previra, adveriam b) interviessem, prevera, adviriam 4. (Unimep-SP) “havendo tempo, irei à sua casa.”
c) intervissem, prevera, adviriam d) intervissem, prevera, adveriam Comece com: Irei à sua casa, ...
45. (FGV-SP) Assinale a alternativa em que é incorreto o uso do particípio regular ou e) interviessem, previra, adviriam a) se houvesse b) embora haja c) exceto se houver
irregular. d) desde que houvesse e) caso haja
a) Não haveria mais o que discutir, pois o mancebo havia entregado o livro para Íris. 53. (UEL-PR) Os ouvintes ( )-se de opinar, temendo que se ( ) as críticas e os âni- mos
b) Aquiles sentiu um puxão nas fraldas da camisa, que estavam soltas. O ajudante do não se ( ). a) absteram, mantivessem, refazessem 5. (Unimep-SP) “Ele insiste em trabalhar, conquanto mal tenha saído de uma pneumonia.”
delegado aproximou-se e cochichou que ele seria solto em poucos minutos. b) absteram, mantessem, refizessem Comece com: Mal saiu de uma pneumonia, ...
c) Era verdade que a fruta parecia passada, que recendia a podre. Lozardo provocou o c) abstiveram, mantivessem, refizessem a) no entanto b) por isso c) logo d) embora e) então
pároco, mas percebeu que logo todas as luzes seriam acesas. Afastou-se da fruteira. d) absteram, mantessem, refazessem
d) A lei tinha já extinto qualquer penalidade para aquele ato, que não mais era considerado e) abstiveram, mantessem, refizessem 6. (Vunesp-SP) ... a esposa estar, há muito tempo, longe de casa, o marido não sente sua
ilícito. falta, ... se rodeia de amigos, ... comemorar sua liberdade.
e) José Américo tinha soltado o freio da motocicleta, para evitar acidente maior. Mesmo 54. (Fuvest-SP) Assinale a alternativa que preenche corretamente as lacunas: Não ( ) Observando a coerência na indicação das circunstâncias, assinalar a alternativa que
assim, as consequências da queda foram bastante sérias. cerimônia, ( ) que a casa é ( ), e ( ) à vontade. preenche adequadamente as colunas.
a) faças, entre, tua, fique b) faça, entre, sua, fique a) em razão de; à proporção que; para b) apesar de; já que; a fim de
c) faças, entra, sua, fica d) faz, entra, tua, fica c) na hipótese de; desde que; por d) não obstante; quando; sem
e) no caso de; conforme; de modo a 02. Além do frio ventava demais. c) com sujeito oculto.
03. São Paulo está ensolarado. d) com sujeito composto.
7. (Fecap-SP) Classifique a palavra como nas construções seguintes, numerando, 04. Febre alta e dor de cabeça são sintomas da dengue. e) com sujeito indeterminado.
convenientemente, os parênteses. A seguir, assinale a alternativa correta. 05. Prenderam o ladrão.
1. preposição 2. conjunção subordinativa causal 06. Faz muito calor em minha cidade. 3. (Fatec-SP) Indique o período em que o sujeito é apenas agente.
3. conjunção subordinativa conformativa 07. Vive-se bem no campo. a) Tu te atiraste escala abaixo, assim é que te machucaste?
4. conjunção coordenativa aditiva 08. Perdi minha caneta. b) Por mim não seriam guardadas estas coisas.
5. advérbio interrogativo de modo 09. Não é habitada a Lua. c) Coisas outras se apresentaram durante o processo.
( ) Perguntamos como chegaste aqui. 10. De vez em quando Teresinha vira onça. d) Você vai, ora se vai!
( ) Percorrera as salas como eu mandara. 11. Bateram à porta. e) n.d.a.
( ) Tinha-o como amigo. 12. A temperatura aumentou na região sul.
( ) Como estivesse muito frio, fiquei em casa. 13. O álbum e as figurinhas estão aqui. 4. (Omec-SP) Assinale a alternativa em que há sujeito indeterminado.
( ) Tanto ele como o irmão são meus amigos. 14. Come-se com fartura em sua casa. a) Amanheceu radiante o dia de hoje.
a) 2, 4, 5, 3, 1 b) 4, 5, 3, 1, 2 c) 5, 3, 1, 2, 4 15. As chuvas transformaram o deserto. b) No inverno anoitece muito cedo.
d) 3, 1, 2, 4, 5 e) 1, 2, 4, 5, 3 16. Eram doze horas. c) Vive-se bem com Deus.
17. Existirão seres vivos em outros mundos? d) Conta-se que vai haver uma festa.
PREPOSIÇÃO 18. Anoiteceu. e) Contam-se muitas coisas de você.
19. Chegaram os filhos da vizinha.
1. (ITA-SP) Considerando que o pronome relativo deve ser examinado em rela- ção ao 20. Crê-se em Deus. 5. (Ufpa) Na frase “Precisa-se de operários”, a partícula se é índice de indeterminação do
verbo que lhe vem imediatamente depois, quais frases abaixo estão corretas? 21. Todos ficaram quietos. sujeito porque o verbo está na terceira pessoa do singular.
1. Apresento as provas do concurso de que fui por vós designado a elaborar. 22. Apareceu um mágico por lá. a) asserção: verdadeira; razão: verdadeira (a razão explica corretamente a asserção).
2. Apresento as provas do concurso a que fui por vós designado a fiscalizá-lo. 23. Da cartola do mágico saem pombos e vários objetos. b) asserção: verdadeira; razão: verdadeira (mas a razão não explica corretamente a
3. Apresento as provas do concurso de cuja organização me destes a honra. 24. Um dia lhe telefonarei. asserção).
4. Apresento as provas do concurso para cuja fiscalização fui por vós designado. 25. Não encontraram o corpo do rapaz afogado. c) asserção: verdadeira; razão: falsa.
a) Todas. b) Apenas a 1 e a 3. c) Apenas a 2 e a 4. d) Apenas a 3 e a 4. 26. Choveu garrafa vazia lá de cima. d) asserção: falsa; razão: verdadeira.
e) Apenas a 1 e a 2. 27. Trovejou muito. e) asserção: falsa; razão: falsa.
28. Meu chefe trovejou de raiva.
2. (PUCC-SP) O projeto, ... realização sempre duvidara, exigira toda a dedicação ... fosse 29. O velho dono do bar resolveu tomar uma atitude. 6. (Unimar-SP) Nas orações a seguir:
capaz. 30. Caíram ao chão uma árvore e um poste. I – As chuvas abundantes , pródigas, violentas, fortes anunciaram o verão. II – Eu e você
a) do qual, a que b) cuja a, da qual c) de cuja, de que 31. Saiu o ônibus para o Rio. vamos juntos.
d) que sua, de cuja e) cuja, a qual 32. Nomearam meu primo diretor do clube. III – Vendeu-se a pá.
33. Estão em vigor, as novas tarifas telefônicas. O sujeito é respectivamente
3. (PUCC-SP) Os folhetos ... não temos cópia são exatamente aqueles ... con- teúdo ele 34. Começa a ventar. a) composto, simples, indeterminado.
se fixou. 35. Aqui quando chove não se sai de casa. b) composto, composto, indeterminado.
a) que, cujo b) de que, cujo o c) de cujos, no qual 36. Faz duas semanas que cheguei. c) simples, simples, oculto.
d) dos quais, em cujo e) os quais, ao qual 37. Havia muitos anos que não vinha ao Rio. d) simples, composto, “a pá”.
38. Hoje são vinte de março. e) Composto, simples, “a pá”.
4. (Unimep-SP) “De todas as garotas da classe, Paula foi a que mais me impressionou. 39 Após as enxurradas ficam cheias as sarjetas.
Gostaria de ter ido a sua festa com ela. Eu a convidei, mas ela não aceitou.” 40. Aconteceram fatos importantes na reunião. 7. (UEPG-PR) Só num caso a oração é sem sujeito. Assinale-o.
As palavras destacadas são, respectivamente: 41. Ele trovejava impropérios sobre a turba. a) Faltavam três dias para o batismo.
a) pronome oblíquo, artigo, preposição. 42. Choviam flores do helicóptero. b) Houve por improcedente a reclamação do aluno.
b) pronome demonstrativo, preposição, pronome oblíquo. 43. À noite, eu e Rodrigo iremos ao cinema. c) Só me resta uma esperança.
c) pronome oblíquo, preposição, pronome oblíquo. 44. Escureceu cedo hoje. d) Havia tempo suficiente para as comemorações.
d) pronome demonstrativo, preposição, artigo. 45. Esta comida não serve para consumo. e) n.d.a.
e) preposição, artigo, pronome demonstrativo. 46. Subitamente, pararam todos.
47. Estavam com fome. 8. (Omec-SP) Assinale a oração sem sujeito.
5. (Unimep-SP) “... dois meses que não vejo Paulo. Soube que ele esteve ... beira de uma 48. Aproximou-se então uma menina. a) Convidaram-me para a festa.
crise nervosa ... menos de cinco dias do vestibular.” A alternativa que preenche 49. Soou na escuridão uma pancada seca. b) Diz-se muita coisa errada.
corretamente as lacunas é: 50. Choveu fininho ontem à noite. c) O dia está quente.
a) há, a, a b) há à, a c) há, à, à d) a, a, à e) a, à, a 51. Na dúvida, velhos e moços calaram-se. d) Alguém se enganou.
52. Um vento triste assobia lá fora. e) Vai fazer bom tempo amanhã.
53. Isto não é nada.
54. Ninguém o viu sair. 9. (Acafe-SC) Identifique no conjunto de orações a que não tem sujeito.
55. O Viver é perigoso. a) Hei de vencer todas as dificuldades.
56. Quebraram a lanterna do meu carro. b) Os operários fizeram um bom trabalho.
57. Havia pessoas descontentes na assembleia. c) Bateram à porta.
58. Assistiu-se a uma cena desagradável. d) As ondas são preguiçosas.
59. Era noite fechada. e) Há muitas pessoas honestas.

1. (PUC-SP) “Que há entre a vida e a morte?” 10. (UFMG) Em todas as alternativas, o termo em negrito exerce a função de sujei- to,
a) O sujeito do verbo haver é o pronome interrogativo que. exceto em:
b) Tem-se uma oração sem sujeito. a) Quem sabe de que será capaz a mulher de teu sobrinho?
c) O sujeito está oculto. b) Raramente se entrevê o céu nesse aglomerado de edifícios.
SINTAXE DE ORAÇÃO – TERMOS ESSENCIAIS DA ORAÇÃO d) O sujeito é indeterminado. c) Amanheceu um dia lindo, e por isso todos correram à piscina.
TIPOS DE SUJEITO: EXERCÍCIOS e) O sujeito é “uma curta ponte”. d) Era somente uma velha, jogada num catre preto de solteiro.
e) É preciso que haja muita compreensão para com os amigos.
Identifique e Classifique o Sujeito: 2. (Uni-Rio-RJ) Em “Na mocidade, muitas coisas lhe haviam acontecido”, temos oração:
a) sem sujeito. 11. (Fesp) Em “Retira-te, criatura ávida de vingança.”, o sujeito é:
01. Haverá reunião todos os sábados. b) com sujeito simples e claro. a) te.
e) É noite. a) Nominal, verbo-nominal, verbal.
b) Nominal, verbal, verbo-nominal.
20. (Fuvest-SP) Assinale a alternativa que tem oração sem sujeito. c) Verbo-nominal, verbal, nominal.
b) inexistente. a) Existe um povo que a bandeira empresta. d) Verbo-nominal, nominal, verbal.
c) oculto determinado. b) Embora com atraso, haviam chegado. e) Verbal, verbo-nominal, nominal.
d) criatura. c) Existem flores que devoram insetos.
e) n.d.a. d) Alguns de nós ainda tinham esperança de encontrá-lo. 28. (Fuvest-SP) Observe a oração: “... e Fabiano saiu de costas...”.
e) Há de haver recurso desta sentença. Agora, assinale a alternativa em que a oração também tenha verbo intransitivo.
12. (PUC-SP) Indique a alternativa correta no que se refere ao sujeito da oração “Da a) “... Fabiano ajustou o gado...”
chaminé da usina subiam para o céu nuvens de fumaça”. 21. (FCC) Em “... não havia público para os escritores...”. O sujeito é: b) “... acreditara na sua velha.”
a) simples, tendo por núcleo chaminé. a) elíptico. c) “... davam-lhe uma ninharia.”
b) simples, tendo por núcleo nuvens. b) indeterminado. d) “Atrevimento não tinha...”
c) composto, tendo por núcleo nuvens de fumaça. c) inexistente. e) “Depois que acontecera aquela miséria...”
d) simples, tendo por núcleo fumaça. d) simples.
e) simples, tendo por núcleo usina. e) composto. 29. (FOS-SP) Assinale a alternativa correta em relação à classificação dos predica- dos
das orações abaixo.
13. (Faenquil-SP) No período: “Ser amável e ser egoísta são coisas distintas”, o sujeito é: 22. (FMU-SP) 1. Todos nós consideramos a sua atitude infantil.
a) indeterminado. Há crianças sem carinho. Disseram-me a verdade. Construíram-se represas. 2. A multidão caminhava pela estrada poeirenta.
b) “ser amável”. Os sujeitos das orações acima são, respectivamente: 3. A criançada continua emocionada.
c) “coisas distintas”. a) inexistente, indeterminado, simples. a) 1 – predicado verbal, 2 – predicado nominal, 3 – predicado verbo-nominal.
d) “ser amável e ser egoísta”. b) indeterminado, implícito, indeterminado. b) 1 – predicado nominal, 2 – predicado verbal, 3 – predicado verbo-nominal.
e) n.d.a. c) simples, indeterminado, indeterminado. c) 1 – predicado verbo-nominal, 2 – predicado verbal, 3 – predicado nominal.
d) inexistente, inexistente, simples. d) 1 – predicado verbo-nominal, 2 – predicado nominal, 3 – predicado verbal.
14. (Faap-SP) Qual a alternativa em que há sujeito indeterminado? e) indeterminado, simples, inexistente. e) 1 – predicado nominal, predicado verbal, predicado verbo-nominal.
a) Comecei a estudar muito tarde para o exame.
b) Em rico estojo de veludo, jazia uma flauta de prata. 23. (UM-SP) No período: “O homem andava triste porque não conseguiu que seu irmão lhe
c) Soube-se que o proprietário estava doente. desse apoio naquela difícil empresa”, os verbos andar (andava), con- seguir (conseguiu) e
d) Houve muitos feridos no desastre. dar (desse), quanto à predicação, classificam-se em: 30. (FMPA-MG) Assinale a alternativa em que apareça predicado verbo-nominal.
e) Julgaram-no incapaz de exercer o cargo. a) intransitivo, transitivo direto, transitivo indireto. a) A chuva permanecia calma.
b) de ligação, transitivo direto, transitivo direto e indireto. b) A tempestade assustou os habitantes da vila.
15. (FOC-SP) Duas das orações abaixo têm sujeito indeterminado. Assinale-as: c) de ligação, transitivo direto e indireto, transitivo direto e indireto. c) Paulo ficou satisfeito.
I – Projetavam-se avenidas largas. II – Há alguém esperando você d) intransitivo, transitivo direto, transitivo direto e indireto. d) Os meninos saíram do cinema calados.
III– No meio das exclamações, ouviu-se um risinho de mofa. e) intransitivo, transitivo direto, transitivo direto. e) Os alunos estavam preocupados.
IV– Falava-se muito sobre a possibilidade de escalar a montanha. V – Até isso chegaram a
dizer. 24. (UFPR) 31. (Unimep-SP)
a) I e II. 1) Durante o carnaval, fico agitadíssimo. (predicado verbal). I. Pedro está adoentado.
b) III e IV. 2) Durante o carnaval, fico em casa. (predicado nominal). II. Pedro está no hospital.
c) IV e V. 3) Durante o carnaval, fico vendo o movimento das ruas. (predicado nominal). Assinale a a) O predicado é verbal em I e II.
d) I e V. certa: b) O predicado é nominal em I e II.
a) 1 e 2. c) O predicado é verbo-nominal em I e II.
16. PUC-SP) “Em 1949 reuniram-se em Perúgia, Itália, a convite da quase totalidade dos b) 2 e 3. d) O predicado é verbal em I e nominal em II.
cineastas italianos, seus colegas de diversas partes do mundo”. O núcleo do sujeito de c) 1 e 3. e) O predicado é nominal em I e verbal em II.
reuniram-se é: d) Todas as alternativas estão certas.
a) cineastas. e) Todas as alternativas estão erradas. 32. (F. Objetivo-SP) Em “Se descobrissem a desmoralização que reina dentro de mim”,
b) convite. temos, respectivamente, verbos:
c) colegas. 25. (FCMSC-SP) Examine as três frases abaixo: a) transitivo direto e transitivo indireto.
d) totalidade. I– As questões de física são difíceis b) transitivo direto e de ligação.
e) se. II– O examinador deu uma entrevista ao repórter do jornal. c) transitivo indireto e intransitivo.
III– O candidato saiu do exame cansadíssimo. d) transitivo direto e intransitivo.
17. (UEPG-PR) Só num caso a oração é sem sujeito. Assinale-o: Os predicados assinalados nas três frases são: e) intransitivo e intransitivo.
a) Faltam três dias para o batismo. a) respectivamente, verbo-nominal, nominal, verbal.
b) Houve por improcedente a reclamação do aluno. b) respectivamente, nominal, verbal, verbo-nominal. 33. (UM-SP)
c) Só me resta uma esperança. c) todos nominais. “– Muito bom dia, senhora, Que nessa janela está; Sabe dizer se é possível Algum
d) Havia tempo suficiente para as comemorações. d) todos verbais. trabalho encontrar?” (João Cabral de Melo Neto)
e) n.d.a. e) todos verbo-nominais. No verso “Que nessa janela está”, o verbo é:
a) transitivo direto. b) de ligação. c) transitivo indireto.
18. (Unimep-SP) Existem muitas definições de sujeito. Uma delas é: “Sujeito é aquele que 26. (UFU-MG) “O sol entra cada dia mais tarde, pálido, fraco, oblíquo.”; “O sol bri- d) transobjetivo. e) intransitivo.
pratica a ação verbal”. Das frases a seguir, qual contraria tal defi- nição? lhou um pouquinho pela manhã.” Pela ordem, os predicados das orações acima
a) O rato foi comido pelo gato. classificam-se como: 34. (Cefet-PR) Assinale a alternativa que classifica corretamente, e pela ordem, os
b) O rapaz leu o gibi. a) nominal e verbo-nominal. predicados das frases:
c) A menina brinca com a boneca. b) verbal e nominal. I– Os filhos consideram falsa a atitude da mãe.
d) O menino entregou o jornal. c) verbal e verbo-nominal. II– A atitude da mãe parecia falsa.
e) Viajo todos os domingos. d) verbo-nominal e nominal. III– Finalmente, os filhos consideraram a atitude da mãe.
e) verbo-nominal e verbal. a) Verbal, nominal, verbo-nominal.
19. (Omec-SP) Assinale a frase em que há sujeito indeterminado. b) Verbo-nominal, nominal, verbal.
a) Compram-se jornais velhos. 27. (FCMSC-SP) Observar as seguintes orações: c) Nominal, verbo-nominal, verbal.
b) Confia-se em suas palavras. I – Rosária continua preocupada com o preço da carne. II – Zoraíde andava, andava e d) Verbo-nominal, verbal, nominal.
c) Chama-se José o sacerdote. andava pelas alamedas. III – Encontrei-a dormindo. e) Verbal, verbo-nominal, nominal.
d) Choveu muito. Respectivamente, os predicados são:
35. (Univ. Est. Ceará) É exemplo de predicado verbo nominal: b) nominal, porque o verbo é de ligação. 30. Caíram (o quê?) ao chão uma árvore e um poste. (sc)
a) “Cuspi no chão com um nojo desgraçado”. c) verbal, porque o verbo é de ligação e são atribuídas duas caracterizações ao sujeito. 31. Saiu o ônibus para o Rio. (ssd)
b) “O corpo me doía todo”. d) verbo-nominal, porque o verbo é de ligação e vem seguido de dois advérbios de modo. 32. Nomearam meu primo diretor do clube. (si)
c) “Estrela se sentou na cama assustada”. e) nominal, porque o verbo tem sua significação completada por dois nomes que 33. Estão (o quê?) em vigor, as novas tarifas telefônicas. (ssd)
d) “Ele saiu correndo com os pés descalços”. funcionam como adjuntos adnominais. 34. Começa a ventar. (oss)
35. Aqui quando chove não se sai de casa. (oss)
36. (Ueba) Assinale a alternativa correspondente ao período em que há predicativo do 45. (Facens-SP) Assinale a alternativa em que o verbo é transitivo direto. a) Comprei um 36. Faz duas semanas que cheguei. (oss)
sujeito. terreno e construí a casa. 37. Havia muitos anos que não vinha ao Rio. (oss)
a) Como o povo anda tristonho! b) Os guerreiros dormem agora. c) O cego não vê. 38. Hoje são vinte de março. (oss)
b) Agradou ao chefe o novo funcionário. d) João parece zangado. e) n.d.a. 39 Após as enxurradas ficam cheias (o quê?) as sarjetas. (ssd)
c) Ele nos garantiu que viria. 40. Aconteceram (o quê?) fatos importantes na reunião. (ssd)
d) No Rio não faltam diversões. 46. (Unimep-SP) Quando a oração não tem sujeito, o verbo fica na terceira pessoa do 41. Ele trovejava (quem?) impropérios sobre a turba. (ssd)
e) O aluno ficou sabendo hoje cedo de sua aprovação. singular. Esta afirmação pode ser comprovada em: 42. Choviam flores do helicóptero. (ssd)
a) Chegou o pacote de livros. 43. À noite, eu e Rodrigo iremos ao cinema. (sc)
37. (Fafi-Belo Horizonte-MG) Nas opções abaixo, o verbo destacado faz parte de um b) Existe muita gente amedrontada. 44. Escureceu cedo hoje. (oss)
predicado verbal, exceto: c) Ainda há criança sem escola. 45. Esta comida não serve (o quê?) para consumo. (ssd)
a) “Quando as pessoas chegavam, os donos da casa estavam à porta, à espera.” d) Não procede a acusação contra ele. 46. Subitamente, pararam todos. (ssd)
b) “Não que fosse praxe. Simplesmente costume.” e) É proibida a entrada. 47. Estavam com fome. (S. ind.)
c) “Mas se os donos ali não estivessem, as conversas começavam na sala.” 48. Aproximou-se então uma menina. (ssd)
d) “Ficavam um pouco de pé, costurando uns rabos de assuntos...” 47. (Uni-Rio-RJ) Assinale a frase cujo sujeito se classifica do mesmo modo que o da frase 49. Soou (o quê?) na escuridão uma pancada seca. (ssd)
e) “O café era servido à chegada e quase no fim...” “Faz muito calor no Rio o ano inteiro”. 50. Choveu fininho ontem à noite. (oss)
a) Devia haver mais interesse pela boa formação profissional. 51. Na dúvida, velhos e moços (quem?) calaram-se. (sc)
38. (PUC-SP) No trecho: “Se eu convencesse Madalena de que ela não tem ra- zão... Se b) Falaram muito mal dos estimuladores de conflitos. 52. Um vento triste assobia lá fora. (ssd)
lhe explicasse que é necessário vivermos em paz...”, os verbos destacados são, c) Vive-se bem no clima de montanha. 53. Isto (o quê?) > não é nada. (ssd)
respectivamente: d) Almejamos dias melhores. 54. Ninguém (quem?) > o viu sair. (ssd)
a) transitivo direto, transitivo indireto, transitivo direto, transito indireto. e) Haviam chegado cedo todos os candidatos. 55. O Viver é perigoso. (ssd) ( o viver = substantivado)
b) transitivo direto e indireto, transitivo direto, transitivo direto e indireto, intransitivo. 56. Quebraram a lanterna do meu carro. (si)
c) transitivo indireto, transitivo direto, transitivo direto, intransitivo. 48. (UFPR) Qual a oração sem sujeito? 57. Havia pessoas descontentes na assembleia. (oss)
d) transitivo direto e indireto, transitivo direto, intransitivo, transitivo indireto. a) Falaram mal de você. b) Ninguém se apresentou. 58. Assistiu-se a uma cena desagradável. (si)
e) transitivo direto, transitivo direto, intransitivo, intransitivo. c) Precisa-se de professores. d) A noite estava agradável. 59. Era noite fechada. (oss)
e) Vai haver um campeonato.
39. (UM-SP) “Na manhã seguinte, desci um pouco amargurado, outro pouco satisfeito”. TERMOS INTEGRANTES DA ORAÇÃO
Indique a alternativa que contém o predicado do mesmo tipo que o do período acima. 49. (FMU-SP) “Ouviram do Ipiranga as margens plácidas De um povo heróico o brado
a) Esta injúria merecia ser lavada com sangue dos inimigos. retumbante...” O sujeito desta afirmação com que se inicia o Hino Nacio- nal é: 1. (PUC-SP) “... e no fim declarou-me que eu tinha medo de que você me esque-
b) Na tarde de uma segunda-feira, anunciei-lhe um pouco de minha tristeza, outro pouco a) indeterminado b) “um povo heróico”. c) “as margens plácidas”. cesse”, as palavras destacadas têm respectivamente, funções sintáticas de:
de minha satisfação. d) “do Ipiranga”. e) “o brado retumbante”. a) objeto indireto, objeto direto, objeto direto.
c) Recebeu convicto e com certa afeição as verdades do filósofo. b) objeto direto, objeto direto, objeto direto.
d) Mas eu era moço à semelhança de meu tio Neves. OSS = Oração sem Suj. / SC = S. Composto / SSD = S. Simples Determinado / SO = S. c) objeto direto, predicativo do sujeito, objeto direto.
e) Naquele dia, eram tantos os castelos e tantos os sonhos esboroados... Oculto ou Elíptico / SI = S. Indeterminado. d) objeto indireto, objeto indireto, objeto indireto.
e) objeto direto, adjunto adverbial, objeto direto.
40. (UFPB) Há oração sem sujeito no período: 01. Haverá reunião todos os sábados. (oss)
a) Numa terça-feira me chamaram. 02. Além do frio ventava demais. (oss) 2. (Uepg-PR) A oração que apresenta complemento nominal é:
b) Abria-se para mim, de repente, um céu. 03. São Paulo está ensolarado (ssd) a) Os pobres necessitam de ajuda.
c) Itabaiana estava a um salto do Santa Rosa. 04. Febre alta e dor de cabeça são sintomas da dengue. (sc) b) Sejamos úteis à sociedade.
d) Não há judiação, coronel. 05. Prenderam o ladrão. (si) c) Os homens aspiram à paz.
06. Faz muito calor em minha cidade. (oss) d) Os pedidos foram feitos por nós.
41. (Unirio-RJ) Na oração “O sol caía de ponta, brutal”, o predicado é verbo-nominal 07. Vive-se bem no campo. (si) e) A leitura amplia nossos conhecimentos.
porque: 08. (Eu) Perdi minha caneta. (SO)
a) O verbo cair é intransitivo e brutal funciona como predicativo do sujeito. 09. Não é habitada a Lua. (ssd) 3. (ESPM-SP) Consideradas as frases:
b) O verbo cair é intransitivo e de ponta e brutal são adjuntos adverbiais de modo. 10. De vez em quando Teresinha (quem?) vira onça. (ssd) I. Os meninos de rua que procuram trabalho são repelidos pela população.
c) A oração não tem sujeito, pois sol, um ser inanimado, não pode praticar a ação. 11. Bateram à porta. (SI) II. Os meninos de rua, a população rechaça-os, relega-os à lata de lixo da
d) O verbo cair é de ligação e de ponta e brutal estão funcionando como predicativo do 12. A temperatura aumentou na região sul. (ss) história.
sujeito. 13. O álbum e as figurinhas estão aqui. (sc)
e) Aparecem na oração um verbo (cair) e um nome (o sol). 14. Come-se com fartura em sua casa. (si)
15. As chuvas transformaram o deserto. (ssd)
42. (UM-SP) O sujeito é simples e determinado em: 16. Eram doze horas. (oss) Podemos analisar alguns termos da seguinte forma:
a) Há somente um candidato ao novo cargo, doutor? 17. Existirão (quem?) seres vivos em outros mundos? (ssd) a) em I e II, meninos de rua é sujeito, trabalho é objeto direto e os pronomes “os”
b) Vive-se bem ao ar livre. 18. Anoiteceu. (oss) também o são.
c) Na reunião de alunos, só havia pais. 19. Chegaram (quem?) os filhos da vizinha. (ssd) b) em I, meninos de rua é sujeito; em II é objeto direto.
d) Que calor, filho! 20. Crê-se em Deus. (si) c) em I e II, meninos de rua é objeto direto; em II, os “os” são objetos
e) Viam-se eleitores indecisos durante a pesquisa. 21. Todos ficaram quietos. (ssd) pleonásticos.
22. Apareceu (quem?) um mágico por lá. (ssd) d) em I e II, meninos de rua é sujeito; em II, os vários “os” são objetos
43. (F. Araraquara-SP) O professor entrou apressado. O destaque indica: 23. Da cartola do mágico saem (o quê?) pombos e vários objetos. (sc) pleonásticos.
a) predicado nominal. b) predicado verbo-nominal. 24. Um dia (eu) lhe telefonarei. (so) e) n.d.a.
c) predicado verbal. d) adjunto adverbial. e) n.d.a. 25. Não encontraram o corpo do rapaz afogado. (si)
26. Choveu garrafa vazia lá de cima. (ssd) 4. (ESPM-SP) “Quando percebi que o doente expirava, recuei aterrado, e dei um
44. (PUC-SP) Na oração: “A inspiração é fugaz, violenta”, podemos afirmar que o 27. Trovejou ( muito. (oss) grito, mas ninguém me ouviu.” (Machado de Assis)
predicado é: 28. Meu chefe trovejou (quem?) de raiva. (ssd) A função sintática das palavras doente, grito, ninguém, me é respectivamente:
a) verbo-nominal, porque o verbo é de ligação e vem seguido de dois predicativos. 29. O velho dono do bar resolve tomar uma atitude. (ssd) a) sujeito, objeto direto, objeto direto, objeto indireto.
b) objeto direto, sujeito, objeto direto, sujeito. b) Se não transpõe o limite da queixa (...)
c) sujeito, objeto indireto, sujeito, objeto direto. 14. (FCE-SP) “A recordação da cena persegue-me até hoje”. Os termos em desta- c) (...) pautam sua vida por princípios de dignidade.
d) objeto indireto, objeto direto, sujeito, objeto direto. que são, respectivamente: d) (...) vêm sendo investigadas e punidas.
e) sujeito, objeto direto, sujeito, objeto direto a) objeto indireto – objeto indireto. e) (...) não indo além de um mero discurso ético.
b) complemento nominal – objeto direto.
5. (Famema-SP) Classifique corretamente os termos integrantes destacados. c) complemento nominal – objeto indireto.
“Mulher que a dois ama, a ambos engana”. d) objeto indireto – objeto direto.
a) objeto direto preposicionado e objeto direto preposicionado e) n.d.a. 23. (ESPM-SP) “Sorvete Kibon decora sua cozinha. E dá nome às latas”.
b) objeto indireto e objeto direto Os termos destacados são, respectivamente:
c) objeto indireto pleonástico e complemento nominal 15. (UM-SP) Em “Chamou-se um eletricista para a instalação dos fios”, o termo a) sujeito, objeto direto, objeto indireto.
d) objeto direto e objeto direto preposicionado destacado é: b) objeto direto, sujeito, objeto indireto.
e) objeto direto preposicionado e objeto indireto. a) objeto direto. c) sujeito, objeto indireto, objeto direto.
b) sujeito. d) sujeito, sujeito, objeto indireto.
6. (Cesesp-PE) Para classificar os verbos do trecho abaixo quanto à sua predica- c) predicativo do sujeito. e) objeto direto, sujeito, objeto direto.
ção, preencha os parênteses, obedecendo à seguinte instrução: d) objeto indireto.
a) intransitivo. e) agente da passiva. 24. (FCC) “Vive dos espaços ilimitados, dos projetos vastos, dos horizontes distan-
b) transitivo direto. tes”.
c) transitivo indireto. 16. (Fatec-SP) Assinale a frase em que a palavra destacada indica o agente. O mesmo tipo de exigência quanto ao complemento do verbo grifado acima está na frase:
d) transitivo direto e indireto. a) Por mim foram elaborados estes documentos. a) ... que enxerga primeiro a dificuldade a vencer ...
b) De mim conseguires o que quiserdes. b) ... mede todas as possibilidades de esperdício ...
“Viveras (...) e para sempre, / na terra que aqui aforas (...): e terás (...) enfim tua roça.” c) Falou-se de mim na reunião? c) ... que sente ânimo de praticar ...
A alternativa que contém a sequência correta é: d) Contra mim estavam todos eles. d) ... terá por imorais e detestáveis as qualidades próprias do aventureiro ...
a) a, a, b. b) a, b, b. c) b, a, b. d) b, d, c. e) b, b, b. e) n.d.a. e) ... coube ao espírito do trabalho ... papel muito limitado, quase nulo.

7. (Uece) Marque a opção que encerra um objeto indireto. a) Que a deixe, por quê? 17. (FMPA-MG) Assinale a alternativa em que o termo destacado não está corre- TERMOS ACESSÓRIOS DA ORAÇÃO
b) Que lhe importa o meu ar? c) Que vale isso. d) Toda cheia de si. tamente classificado.
a) Mozart nasceu compositor. (predicativo do sujeito) 1. (FMIt-MG) Em todas as orações o termo em destaque está corretamente anali-
8. (UFPR) Na oração “O alvo foi atingido por uma bomba formidável”, a locução b) Não duvides das verdades divinas. (objeto indireto) sado, exceto em:
por uma bomba formidável tem a função de: a) objeto direto. b) agente da passiva. c) Foi demorado o desembaraço da bagagem. (complemento nominal) a) Existe, nesta cidade, um carpinteiro. (objeto direto)
c) adjunto adverbial. d) complemento nominal. e) adjunto adnominal. b) É importante o apoio dos operários. (sujeito)
c) Já tínhamos certeza da derrota. (complemento nominal)
9. (Fefasp) Em que alternativa há objeto direto preposicionado? d) O estudante permaneceu inalterável. (predicativo)
a) Passou aos filhos a herança recebida dos pais. d) Vives cercado por perigos. (agente da passiva) e) Renato, o engenheiro, logo protestou. (aposto)
b) Amou a seu pai com a mais plena grandeza da alma. e) Caíram bombas sobre a cidade. (objeto direto)
c) Naquele tempo era muito fácil viajar para os infernos. 2. (Fuvest-SP) No trecho “Em suma: o servilismo ao código apriorístico – asse-
d) Em dias ensolarados, gosto de ver nuvens flutuarem nos céus de agosto. 18. (FEI-SP) Assinale a alternativa correta quanto à função sintática do termo des- gurando a comunicação imediata com o público – é o critério básico da sua
tacado.
10. (Fac. Med. Pouso Alegre-MG) Assinale a alternativa em que o verbo destacado A aldeia era povoada de indígenas.
não é de ligação: a) A criança estava com fome. b) Pedro parece adoentado. a) agente da passiva.
c) Ele tem andado confuso. d) Ficou em casa o dia todo. e) A jovem continua sonhadora. b) complemento nominal. confecção”, as palavras servilismo, código e apriorístico são, respectiva- mente:
c) adjunto adverbial. a) sujeito, complemento nominal, adjunto adnominal.
11. (FEI-SP) No período: “Sem dúvida, este jovem gosta de música e toca órgão d) objeto indireto. b) aposto, objeto indireto, adjunto adverbial.
muito bem”, os termos destacados são, respectivamente: e) objeto direto. c) aposto, adjunto adverbial, adjunto adverbial.
a) complemento nominal e objeto direto. d) sujeito, adjunto adverbial, predicativo.
b) complemento nominal e agente da passiva. 19. (UM-SP) Em: “Não eram tais palavras compatíveis com a sua posição”, o termo e) aposto, objeto indireto, predicativo.
c) objeto indireto e adjunto adverbial de instrumento. em destaque é:
d) objeto direto e objeto indireto. a) complemento nominal. 3. (FCMSC-SP) Examine as três frases a seguir:
e) objeto indireto e objeto direto. b) objeto indireto. I. Comumente a ira se acende em sentimentos desumanos.
c) objeto direto. II. No campo reina a paz.
12. (Ac. Milit. Agulhas Negras-RJ) “O bom funcionário não soube resolvê-la, nin- d) sujeito. III. Ao sétimo dia, quando bateu, por volta da meia-noite, à porta da residência,
guém na repartição o soube.” e) agente da passiva. ouviu um rebuliço extraordinário.
Quanto aos pronomes deste período, para sermos exatos e completos, deve- mos afirmar Assinale a alternativa correta quanto à existência de adjunto adverbial.
que: 20. (Faap-SP) “Pintaram os antigos ao amor menino”. Ao amor é: a) não existe em nenhuma.
a) todos empregados como objetos diretos. a) sujeito. b) existe nas três.
b) objeto indireto. c) existe apenas na I.
c) objeto direto pleonástico. d) existe na II e na III.
d) objeto direto preposicionado. e) existe apenas na III.
b) um é objeto; outro, objeto indireto; ambos, oblíquos. e) objeto direto cognato.
c) Um é sujeito, os outros, objetos diretos. 4. (Unesp-SP) “De resto não é bem uma greve, é um lock-out, greve dos pa-
d) Um é sujeito, o outro, objeto direto. 21. (ESPM-SP) “Surgiram fotógrafos e repórteres”. Indique a alternativa que clas- trões, que suspenderam o trabalho noturno”.
e) Os três são objetos diretos dos verbos saber e resolver. sifica corretamente a função sintática e a classe gramatical dos termos desta- cados. “Muitas vezes lhe acontecera bater à campainha de uma casa e ser atendido
a) objeto indireto – substantivo. por uma empregada ou por uma outra pessoa qualquer”. “E, às vezes, me julgava
13. (UFMG) Assinale o item em que a função não corresponde ao termo em desta- b) objeto direto – substantivo. importante”.
que. c) objeto direto – adjetivo. Assinalar a alternativa em que os termos em destaque aparecem corretamen- te
a) Comer demais é prejudicial à saúde. (complemento nominal) d) sujeito – adjetivo. analisados quanto à função sintática.
b) Jamais me esquecerei de ti. (objeto indireto) e) sujeito – substantivo. a) predicativo, sujeito, objeto direto
c) Ele foi cercado de amigos sinceros. (agente da passiva) b) aposto, agente da passiva, predicativo
d) Não tens interesse pelos estudos. (complemento nominal) 22. (FCC) É exemplo de construção verbal na voz passiva: c) objeto direto, objeto indireto, adjunto adverbial
e) Tinha grande amor à humanidade. (objeto indireto) a) Como não concordar com a oportunidade da frase? d) complemento nominal, adjunto adverbial, aposto
e) vocativo, adjunto adnominal, predicativo c) agente da passiva. 1. (PUCC-SP) A alternativa em que se encontra uma oração subordinada subs-
d) objeto direto. tantiva subjetiva iniciada por conjunção é:
5. (Univ. Católica-MG) Em: “Ajeitou-lhe as cobertas”, o pronome lhe exerce a e) aposto. a) Os repórteres que o procuraram já saíram.
mesma a mesma função que em: b) Reafirmo meu desejo: que todos fiquem à vontade.
a) Cada vez que lhe negava uma resposta, o bolo crescia. 12. (Unimep-SP) c) Vai ser difícil que ele atenda nosso pedido.
b) Luz sempre lhe afugenta o sono. I. Ele é muito simpático. d) Foi tão incisivo em suas declarações que convenceu a todos.
c) O irmão dizia-lhe para ser coisa séria. II. Ele trabalha muito pouco. e) Pretendemos que todos tenham acesso às facilidades propostas.
d) Olhava para o irmão que lhe estava de costas. III. Há muito livro interessante.
e) Vinha-lhe, então, raiva e vontade de sair correndo. Muito é: 2. (FEI-SP) “Estou seguro de que a sabedoria dos legisladores saberá encon- trar
a) adjunto adverbial em I e II e adjunto adnominal em III. meios para realizar semelhante medida”. A oração em destaque é:
b) adjunto adverbial em I e adjunto adnominal em II e III. a) objetiva indireta.
c) adjunto adverbial em II e adjunto adnominal em I e III. b) completiva nominal.
6. (PUC-SP) Indique a alternativa que apresenta, respectivamente, as funções d) adjunto adverbial em I, II e III. c) objetiva direta.
sintáticas das expressões destacadas nos versos: e) adjunto adnominal em I, II e III. d) subjetiva.
“Amo-te, ó rude e doloroso idioma”. e) apositiva.
“És, a um tempo, esplendor e sepultura”. 13. (Unimep-SP) Em “... as empregadas das casas saem apressadas, de latas e
a) objeto direto e objeto direto. garrafas na mão, para a pequena fila do leite”, os termos destacados são, 3. (PUC-SP) “As cunhãs tinham ensinado pra ele que o sagüi-açu não era sa-
b) sujeito, vocativo. respectivamente: güim não, chamava elevador e era uma máquina”.
c) aposto, sujeito. a) adjunto adverbial de modo e adjunto adverbial de matéria. Em relação à oração não destacada, as orações em destaque são, respecti- vamente:
d) vocativo, predicativo do sujeito. b) predicativo do sujeito e adjunto adnominal. a) subordinada substantiva objetiva direta, coordenada assindética, coordenada
e) predicativo do objeto, predicativo do sujeito. c) adjunto adnominal e complemento nominal. sindética aditiva.
d) adjunto adverbial de modo e adjunto adnominal. b) subordinada adjetiva restritiva, coordenada assindética, coordenada sindética
7. (FCMSC-SP) Observe as duas frases seguintes: e) predicativo do objeto e complemento nominal. aditiva.
I. O proprietário da farmácia saiu. c) subordinada substantiva objetiva direta, subordinada substantiva objetiva
II. O proprietário saiu da farmácia. SINTAXE DO PERÍODO COMPOSTO direta, coordenada sindética aditiva.
Sobre elas são feitas as seguintes considerações: d) subordinada substantiva objetiva direta, subordinada substantiva objetiva
Na I, da farmácia é adjunto adnominal. Na II, da farmácia é adjunto adverbial. Orações coordenadas direta, subordinada substantiva objetiva direta.
Ambas as frases têm exatamente o mesmo significado. e) subordinada substantiva subjetiva, coordenada assindética, coordenada
Tanto em I como em II, da farmácia tem a mesma função sintática. Dessas quatro 1. (PUCC-SP) A alternativa em que se encontra uma oração subordinada subs- sindética aditiva.
considerações: tantiva subjetiva iniciada por conjunção é:
a) apenas uma é verdadeira. a) Os repórteres que o procuraram já saíram. 4. (UEPG-PR) Em “É possível que comunicassem sobre política”, a segunda ora-
b) apenas duas são verdadeiras. b) Reafirmo meu desejo: que todos fiquem à vontade. ção é:
c) apenas três são verdadeiras. c) Vai ser difícil que ele atenda nosso pedido. a) subordinada substantiva subjetiva.
d) as quatro são verdadeiras. d) Foi tão incisivo em suas declarações que convenceu a todos.
e) nenhuma é verdadeira. e) Pretendemos que todos tenham acesso às facilidades propostas.

8. (U. Bauru-SP) Assinale a alternativa em que a expressão destacada tem a fun- 2. (FEI-SP) “Estou seguro de que a sabedoria dos legisladores saberá encon- trar b) subordinada adverbial predicativa.
ção de complemento nominal. meios para realizar semelhante medida”. A oração em destaque é: c) subordinada substantiva predicativa.
a) A curiosidade do homem incentiva-o à pesquisa. a) objetiva indireta. d) principal.
b) A cidade de Londres merece ser conhecida por todos. b) completiva nominal. e) subordinada substantiva objetiva direta.
c) O respeito ao próximo é dever de todos. c) objetiva direta.
d) O coitado do velho mendigava pela cidade. d) subjetiva. Orações subordinadas adjetivas, adverbiais e reduzidas
e) O receio de errar dificulta o aprendizado das línguas. e) apositiva.
1. (PUC-SP) Assinale a alternativa que apresenta um período composto em que
9. (UFPA) Os termos destacados no trecho “O pobre índio, tímido, não se ani- 3. (PUC-SP) “As cunhãs tinham ensinado pra ele que o sagüi-açu não era sa- uma das orações é subordinada adjetiva.
mava a chegar-se a casa, senão quando via de longe a D. Antônio de Mariz passeando güim não, chamava elevador e era uma máquina”. a) ... a nenhuma pedi ainda que me desse fé: pelo contrário, digo a todas o como
sobre a esplanada”, desempenham, respectivamente, as funções de: Em relação à oração não destacada, as orações em destaque são, respecti- vamente: sou.
a) objeto direto, sujeito e adjunto adverbial. a) subordinada substantiva objetiva direta, coordenada assindética, coordenada b) Todavia, eu a ninguém escondo os sentimentos que ainda há pouco mostrei.
b) sujeito, objeto direto preposicionado e objeto indireto. sindética aditiva. c) ... em toda a parte confesso que sou volúvel, inconstante e incapaz de amar
c) sujeito, objeto direto preposicionado e adjunto adverbial. b) subordinada adjetiva restritiva, coordenada assindética, coordenada sindética três dias um mesmo objeto.
aditiva. d) Mas entre nós há sempre uma grande diferença; vós enganais e eu
c) subordinada substantiva objetiva direta, subordinada substantiva objetiva desengano.
direta, coordenada sindética aditiva. e) – Está romântico!... está romântico... exclamaram os três...
d) sujeito, objeto indireto e adjunto adverbial. d) subordinada substantiva objetiva direta, subordinada substantiva objetiva
e) sujeito, objeto indireto e objeto indireto. direta, subordinada substantiva objetiva direta. 2. (UM-SP) “Este apartamento é o sítio em que as potências da fé e da vontade
e) subordinada substantiva subjetiva, coordenada assindética, coordenada marcaram um encontro profundo”.
10. (Fuel-PR) Ainda que surgissem poucos recursos para o projeto, todos mostra- sindética aditiva. “Não peço à vida que me dê fortuna, ganância, nem valores superficiais”.
vam-se satisfeitos com a boa vontade do chefe. Com relação às palavras em destaque nos dois períodos acima, pode-se afir- mar que:
As palavras em destaque no período exercem, respectivamente, a função sin- tática de: a) a primeira dá origem a uma oração subordinada adjetiva e a segunda, a uma
a) objeto direto, complemento nominal. adverbial.
b) sujeito, objeto indireto. 4. (UEPG-PR) Em “É possível que comunicassem sobre política”, a segunda ora- b) a primeira marca o início de uma oração subordinada adjetiva e a segunda, de
c) objeto direto, adjunto adnominal. ção é: uma substantiva.
d) objeto direto, objeto indireto. a) subordinada substantiva subjetiva. c) a primeira principia uma oração subordinada substantiva e a segunda, uma
e) sujeito, adjunto adnominal. b) subordinada adverbial predicativa. adjetiva.
c) subordinada substantiva predicativa. d) ambas iniciam orações subordinadas adjetivas.
11. (Unimep-SP) “Três seres esquivos que compõem em torno à mesa a instituição d) principal. e) ambas introduzem orações subordinadas substantivas.
tradicional da família, célula da sociedade.” O termo destacado é: e) subordinada substantiva objetiva direta.
a) complemento nominal. 3. (UM-SP)
b) vocativo. Orações Subordinadas Substantivas Dois versos para Greta Garbo
“O teu sorriso é imemorial como as Pirâmides d) E se me dispusesse a pintar Eurídice, talvez viesse a surgir na tela um hastil, o
E puro como a flor que abriu na manha de hoje”. (Mário Quintana) Assinale a alternativa arco tendido da lua...
correta sobre o texto. e) É tudo isso e outras coisas que só os anjos e os demônios saberão.
a) O poeta descreveu o sorriso por meio de duas orações subordinadas b) substantiva completiva nominal.
adverbiais comparativas e uma oração subordinada adjetiva restritiva. 9. (Efoa-MG) Assinale a alternativa cujo período tem uma oração subordinada c) substantiva objetiva direta.
b) A flor com a qual se compara o sorriso da mulher é toda flor de toda manhã da adverbial consecutiva. d) substantiva predicativa.
vida do poeta. a) À medida que subimos, a ilha esplende, verde, aos nossos olhos. e) substantiva subjetiva.
b) Comer pombas é, como diria Saint-Exupéry, a verdade do gavião, mas matar
um gavião no ar com um belo tiro pode ser a verdade do caçador. 17. (UM-SP) “A reação do adversário foi tamanha que assustou o campeão”. A
c) Minha medíocre história anda escrita em tuas ruas e nenhuma entre as cidades oração em destaque é:
c) O poeta fala da mulher, musa inspiradora, mas não a posiciona como sua é mais formosa do que tu, nem sabe mais coisas de mim. a) subordinada adverbial causal.
interlocutora. d) O amor é como a lua, resiste a todos os sonetos e abençoa todos os pântanos. b) coordenada sindética explicativa.
d) Os termos que têm a função sintática de predicativo do sujeito insinuam e) Parece tão lenta a descida desses aviões, tão suaves as nuvens brancas c) subordinada adverbial consecutiva.
figuras de um leve erotismo na descrição do sorriso da mulher. espalhadas pelo céu de um azul estranhamente delicado que dá vontade de viajar para d) subordinada adverbial concessiva.
e) A oração subordinada adjetiva explicativa, que abriu na manhã de hoje, qualquer cidade. e) subordinada adjetiva explicativa.
expande o conceito de flor, a que é comparado o sorriso.
10. (Unimep-SP) Assinale a alternativa que, embora tenha valor de causa-conse- 18. (UFAC) Em “... é possível fazer a realidade de tudo isso sem fazer nada disso”,
4. (FGV-SP) “Nota-se facilmente que nunca perceberam o papel secundário que quência, não contém oração adverbial causal. a segunda oração reduzida é:
exerciam naquele período”. A oração em destaque é: a) Cheguei tarde, porque choveu muito. a) subordinada substantiva subjetiva.
a) substantiva objetiva direta. b) Como estava doente, não fui à escola. b) subordinada substantiva predicativa.
b) substantiva completiva nominal. c) Estava tanto frio, que não saí de casa. c) subordinada adverbial consecutiva.
c) substantiva predicativa. d) Fiquei chateado, porque fui despedido. d) subordinada adverbial concessiva.
d) substantiva subjetiva. e) Devo ir mal na prova, já que não estudei. e) subordinada adjetiva restritiva.
e) n.d.a.
19. (FSJT-SP) “Em Quincas Borba recupera-se a narração em terceira pessoa
5. (Fesp-SP) “... Quando vinha para casa de táxi, encontrei um amigo e o trou- xe para melhor objetivar o nascimento, a paixão e a morte de um provinciano ingênuo.
até Copacabana...” 11. (Fuvest-SP) No período: “Ainda que fosse bom jogador, não ganharia a par- Rubião, herdeiro improvisado de uma grande fortuna, cai nos laços de um casal
Na frase, os termos destacados exercem, respectivamente, as funções sintá- ticas de: tida”, a oração destacada encerra ideia de: ambicioso; a mulher, a ambígua Sofia, vendo-o rico e desfrutável, dá-lhe esperanças, mas
a) oração subordinada adverbial temporal e objeto direto. a) causa. se abstém cautelosamente de realizá-las ao perceber no apaixonado traços de crescente
b) oração subordinada adverbial final e objeto direto. b) concessão. loucura”. (Alfredo Bosi, História concisa da literatura brasileira)
c) oração subordinada substantiva subjetiva e objeto direto. c) fim. As três orações reduzidas denotam circunstâncias que indicam, respectiva- mente:
d) oração subordinada adjetiva e adjunto adnominal. d) condição. a) concessão, finalidade, causa.
e) oração subordinada adverbial final e adjunto adnominal. e) proporção. b) proporcionalidade, comparação, consequência.
c) finalidade, tempo, tempo.
6. (UFV-MG) Assinale a alternativa que, em sequência, numera corretamente as 12. (Fatec-SP) A oração destacada está em forma reduzida (de infinitivo): d) adversidade, condição, tempo.
frases abaixo, indicando, assim, a função sintática do que. “Apesar de só dizer a verdade, não lhe deram crédito”. e) finalidade, concessão, concessão.
1) sujeito Assinale a alternativa em que ela aparece desenvolvida de forma correta.
2) objeto direto a) Apesar que só dizia a verdade, não lhe deram crédito. (F.C.Chagas-PR) As questões 40 a 48 apresentam um período que você deve modificar,
3) objeto indireto b) Apesar que só dissesse a verdade, não lhe deram crédito. iniciando-o conforme se sugere, mas sem alterar a ideia contida no primeiro. Como
4) predicativo c) Visto que só dizia a verdade, não lhe deram crédito. resultado, outras partes da frase sofrerão alte- rações. Assinale a alternativa que contém o
5) complemento nominal d) Embora só dissesse a verdade, não lhe deram crédito. elemento adequado ao novo período.
( ) Perdeu o único aliado a que se unira. e) Mesmo dizendo a verdade, não lhe deram crédito. Exemplo: Abraçou-me com tal ímpeto, que não pude evitá-lo.
( ) O artilheiro que o julgaram ser não se revelou na nossa equipe. ( ) À janela, que dava
para o mar, assomavam todos. 13. (UM-SP) Qual das orações subordinadas pode ser considerada adverbial
( ) A prova de que tenho mais receio é a de Matemática. ( ) Os exames que terá pela frente causal?
não o assustam. a) Mesmo que parta antes, precisarei do resultado das provas. Comece com: Não pude evitá-lo...
a) 3, 2, 1, 4, 1 b) Chegamos tão cedo, que o portão da faculdade ainda estava fechado. a) assim
b) 5, 4, 4, 3, 2 c) Já que possuo pouco dinheiro tomarei apenas um lanche. b) quando
c) 3, 1, 2, 5, 4 d) O público aplaudia euforicamente para que o circense bisasse o número. c) à medida que
e) Realizou os exercícios de acordo com as instruções do mestre. d) então
e) porque
14. (FFALM-PR) No período “Embora lhe desaprovassem a forma, justificavam-lhe Neste caso, a resposta correta é e, pois a frase transformada seria: “Não pude evitá-lo,
d) 5, 2, 2, 3, 1 a essência”, podemos afirmar que ocorre uma oração: porque me abraçou com grande ímpeto”.
e) 3, 4, 1, 5, 2 a) coordenada explicativa.
b) coordenada adversativa. 20. Por mais que se esforçasse, não alcançava bons resultados.
7. (PUCC-SP) “Se não tiverem organizado os documentos, o coordenador irá c) subordinada adverbial conformativa. Comece com: Esforçava-se muito...
solicitar ajuda de outro departamento, se bem que não o tenham atendido em outra d) subordinada adverbial concessiva. a) para alcançar
ocasião”. e) subordinada integrante. b) alcançando assim
As orações destacadas expressam, respectivamente, as seguintes circunstân- cias: c) contudo não alcançava
a) conformidade e finalidade. 15. (Fuvest-SP) Dos termos destacados nas orações que seguem, diga qual deles d) porque não alcançasse
b) consequência e tempo. tem função sintática idêntica a “ser objeto do ódio” em “Tornara-se doloroso para mim ser e) até que alcançasse
c) finalidade e concessão. objeto do ódio daquele homem”.
d) condição e concessão. a) Não seria conveniente tramar toda aquela história. 21. Obtendo dados mais precisos, telefonarei a você.
e) condição e consequência. b) Dizia ser ele homem de moral forte. Comece com: Telefonarei a você...
c) O pretexto era sair daquele lugar incômodo. a) mesmo que obtenha
8. (UFPA) A oração assinalada tem valor de adjetivo em: b) embora obtivesse
a) Não sei por que há de a gente desenhar objetivamente as coisas. 16. (UFAC) Em “Estava tão habituada a se esquecer de si mesma”, a segunda c) a não ser que obtivesse
b) Para isso, já existe a fotografia, com a qual jamais poderemos competir. oração é subordinada: d) caso obtenha
c) Se tivesse o dom da pintura, eu seria um pintor lírico. a) substantiva objetiva indireta. e) à medida que obtiver
c) oração subordinada adverbial proporcional e oração subordinada substantiva d) Comentaram-se muito durante a estreia da peça.
22. O pai era excessivamente severo e o filho tornou-se um tímido. adjetiva e) Convocou-se os candidatos à Prefeitura.
Comece com: O pai era de tal forma severo... d) oração subordinada adverbial temporal e oração subordinada adjetiva
a) mas e) n.d.a. 7. (FEI-SP) Assinale a alternativa que apresenta concordância verbal incorreta.
b) portanto a) Crianças, jovens, adultos, ninguém ficou imune a seus encantos.
c) embora SINTAXE DE CONCORDÂNCIA b) Mais de mil pessoas compareceram ao comício.
d) por isso c) Não só a educação mas também a saúde precisa de muita atenção do
e) que Concordância verbal governo.
d) Bastam dois toques para sabermos que você chegou.
23. Ponha um peso sobre a mesa, senão os papéis voarão. 1. (ESPM-SP) Assinale a alternativa que contenha erro de concordância. e) Boa parte das pessoas está preocupada com o futuro.
Comece com: Os papéis voarão... a) Os resultados pareciam depender da vontade do diretor.
a) contanto que b) A medicina tem avançado pouco, hajam vistas as pesquisas sobre a Aids. 8. (Fesp-SP) Assinale o item correto quanto à concordância verbal.
b) porque c) Os diagnósticos parecia dependerem do resultado dos exames de laboratório. a) Fazem quatro anos que não viajo.
c) a não ser que d) O poder da propaganda é discutível, haja vista a acentuada queda de b) Batem quatro horas o relógio da matriz.
d) já que consumo. c) Existem fatos que ainda não foram revelados.
e) visto que e) Se houvesse melhores condições de ensino, existiriam melhores resultados. d) Sobra-lhe motivos para poder considerar-se uma pessoa feliz.
e) Partirá amanhã tu, Ramiro e as crianças.
2. (UM-SP) ... existir discos voadores, mas muitos testemunhos já ... que ... consi-
derar-se absurdos. 9. (MEC-Letras) Esta é uma manchete de jornal:
24. Como não gostava de revelar seus sentimentos, passava frequentemente por a) podem – houve – podem. “O argentino prêmio Nobel da Paz acha que a chancelaria dos dois países
antipático. b) pode – houve – podem. decidirão o problema”.
Comece com: Passava... c) podem – houveram – pode.
a) conquanto d) pode – houve – pode.
b) à medida que e) podem – houveram – podem.
c) embora A forma verbal destacada nessa frase representa uma concordância que:
d) uma vez que 3. (FCC – PBGÁS/PB) O verbo indicado entre parênteses deverá flexionar-se a) É a única possível.
e) conforme numa forma do singular para preencher corretamente a lacuna da frase: b) É uma das duas possíveis, mas é a mais correta.
a) A ninguém (abalar) os inconvenientes de nossa vida tão apressada. c) É a única correta, porque o adjunto adnominal que a precede está no plural.
25. A ser verdadeira a sua história, nada mais poderá ser feito. b) A menos que (vir) a perder o ímpeto, tais obsessões pela velocidade d) Não é correta, porque chancelaria é singular.
Comece com: Nada mais... nos e) Não é correta, porque o sujeito de decidirão é o mesmo de acha.
a) caso custarão muito caro.
b) porque c) É inútil imaginar que (partir) de um entusiasta da informática iniciativas 10. (UFPB) Em relação à concordância verbal, as lacunas dos textos
c) conforme que ponham em questão o preço da velocidade. “Um oficio ou telegrama ... arrancar Batista à comissão política reservada”. (Machado de
d) embora d) Como não se (cogitar) de quaisquer outros critérios, o fator velocidade Assis)
e) enquanto reina absoluto. “Os ferreiros ... o sustentáculo da Nação”. (Carlos Drummond de Andrade)
e) São muitos os que se (eximir) de opinar sobre essa moderna e angustiosa “... nove horas e os operários das fábricas chegavam para o almoço”. (Aluísio Azevedo)
26. A nos expormos assim, tudo estará perdido. ânsia de velocidade. “Algum de vocês ... ir comigo à missa amanhã?” (Machado de Assis)
Comece com: Tudo estará perdido... “Do cortiço, onde esta novidade causou sensação, ... – se nas janelas do so- brado, surgir
a) porque nos expusemos 4. (TRF 5ª Região – Analista Judiciário – Judiciária) O verbo indicado entre pa- de vez em quando Leonor ou Isaura, a sacudirem tapetes e capa- chos”. (Aluísio Azevedo)
b) então nos exporemos rênteses deverá adotar uma forma do plural para preencher corretamente a frase: São preenchidas com as formas:
c) se nos expusermos a) As razões a que se (apegar) o maior dos pessimistas podem ser a) vieram – é – dava – querem – viam.
d) sendo que nos expúnhamos análogas às do maior otimista. b) veio – é – davam – quer – viam.
e) apesar de nos expormos b) Se lhes (convir) preferir os pessimistas aos otimistas, aceitemos c) veio – são – dava – querem – viam.
o fato. d) veio – são – davam – quer – via.
27. A audiência fora marcada, mas o secretário não quis receber os professores. c) Para as pessoas mais sensatas, ................... (implicar) sérios riscos a drástica e) vieram – são – davam – quer – via.
Comece com: O secretário... divisão entre pessimistas e otimistas.
a) por conseguinte, marcou-se 11. (Fuvest-SP) Qual a frase com erro de concordância?
b) mesmo tendo sido marcada a) Para o grego antigo a origem de tudo se deu com o caos.
c) então marcaram b) Do caos, massa informe, nasceu a terra, ordenadora e mãe de todos os seres.
d) por isso foi marcada d) A qualquer pessoa (poder) ocorrer, neste tempo de radicalismos, c) Com a terra tem-se assim o chão, a firmeza de que o homem precisava para o
e) contudo, marcariam argumentos em favor da mais pessimista expectativa histórica. seu equilíbrio.
e) Aos velhos céticos não se (costumar) associar, em geral, senão d) Ela mesma cria um ser semelhante que a protege: o céu.
28. Ele não me escrevia; fui procurá-lo. o pessimismo impenitente dos que muito se amarguraram. e) Do céu estrelado, em amplexo com a terra, é que nascerá todos os seres.
Comece com: Fui procurá-lo...
a) se 5. (PUCC-SP) A única frase em que há erro de concordância verbal é: 12. (Fuvest-SP) Das frases adiante, a única inteiramente de acordo com as nor-
b) então a) Na comemoração certamente havia muitas pessoas que não trabalharam no mas gramaticais é:
c) por isso projeto. a) Os votos e as sentenças do ministro, por mais que se os vejam de prismas
d) porque b) Se todos houvessem seguido as normas, não teria havido centenas de diversos, atestam cultura jurídica indiscutível.
e) por que reclamações. b) Soltam rojões contra o gabinete do ministro e depois se cotizam para pagar os
c) O descuido é tal que, naquela imensa área, já não existem várias espécies de vidros que a explosão dos rojões quebraram.
vegetais típicos da região. c) O ministro diz que lhe dói os ouvidos quanto escuta uma nota desafinada.
d) Eles têm trazido muitas informações sobre os cuidados no cultivo de orquídeas. d) Deve haver uma lei geral e devem haver leis especiais.
29. (Unifor-CE) Escolha nas alternativas a análise correta das orações destacadas e) Se surgir mais fatos duvidosos, não haverão mais dúvidas sobre o e) Nós é que, senhor Presidente, não podemos concordar com tal ilegalidade.
no período abaixo. comportamento desleal de alguém da equipe.
“Enquanto vagas assim à distância do vento, airoso barco, volta às brancas areias a
saudade que te acompanha”. (José de Alencar) 6. (UM-SP) O período está expresso corretamente em:
a) oração principal e oração subordinada adjetiva a) Não se pensam em miséria com dinheiro no bolso. 13. (UFV-MG) Assinale a alternativa, abaixo, cuja sequência enumera corretamen-
b) oração subordinada adverbial temporal e oração subordinada substantiva b) Estudaram-se esta matéria. te as frases.
objetiva direta c) Esclareceram-se as dúvidas. (1) Concordância verbal correta.
(2) Concordância verbal incorreta. b) Aqui não ... os sítios onde eu brincava. (existe / existem). e) deve haver – realize.
( ) Ireis de carro tu, vossos primos e eu. c) Uma porção de sabiás ... na laranjeira. (cantava / cantavam).
( ) O pai ou o filho assumirá a direção do colégio. ( ) Mais de um dos candidatos se d) Não ... em minha terra belezas naturais. (falta / faltam). 28. (Fuvest-SP) “Eu não sou o homem que tu procuras, mas desejava ver-te, ou,
insultaram. e) Sou eu que ... morrer ouvindo o canto do sabiá. (quer / quero). quando menos, possuir o teu retrato”.
( ) Os meninos parece gostarem dos brinquedos. Se o pronome tu fosse substituído por Vossa Excelência, em lugar das pala- vras
( ) Faz dez anos que ocorreram todos esses fatos. 20. (FEI-SP) Assinale a alternativa que apresenta lapso de concordância verbal. destacadas no trecho acima transcrito teríamos, respectivamente, as se- guintes formas:
a) 1, 2, 2, 2, 1. a) Do alto, observavam-se as ruas e as casas; via-se também, nas praças, a) procurais, ver-vos, vosso.
b) 2, 2, 2, 1, 2. frondosas árvores. b) procura, vê-la, seu.
c) 2, 1, 1, 1, 1. b) Encontrar-nos-emos amanhã à noite. c) procura, vê-lo, vosso
d) 1, 2, 1, 1, 2. c) Ouvia-se o farfalhar das folhas das palmeiras e o marulhar das ondas. d) procurais, vê-la, vosso.
e) 2, 1, 1, 1, 2. d) Para desenvolver este projeto, precisa-se de engenheiros capazes. e) procurais, ver-vos, seu.
e) Reestabelecer-se-iam, de imediato, as ligações, se houvesse técnicos de
14. (Fuvest-SP) Num dos provérbios abaixo não se observa a concordância pres- plantão. 29. (F. Objetivo-SP) Assinale a alternativa que contém erro de concordância verbal.
crita pela gramática. Indique-o. a) Passará o céu e a terra, mas minhas palavras não passarão.
a) Não se apanham moscas com vinagre. b) Tu e ele sereis convencidos de que andais em erro.
b) Casamento e mortalha no céu se talha. c) Esta foi uma das cidades que mais sofreram com as inundações.
c) Quem ama o feio, bonito lhe parece. 21. (Cesgranrio-RJ) Assinale a opção em que a concordância verbal contraria a d) A história que vou referir só a sabe, em toda a cidade, minha mulher e eu.
d) De boas ceias, as sepulturas estão cheias. norma culta da língua. e) Acontece coisas esquisitas neste mundo: hoje vi uma delas.
e) Quem cabras não tem e cabritos vende, de algum lugar lhe vêm. a) Não se assistia a tais espetáculos por aqui.
b) Podem-se respeitar essas convenções. 30. (UEFS-BA) “Toda a verdade dos fatos ..., ainda que ... as revelações”.
15. (Fatec-SP) Assinale a alternativa em que o período 2 não corresponde à corre- c) Pode-se perdoar aos exilados. a) será apurado – doa.
ta pluralização do período 1. d) Há de se fazer muitas alterações. b) será apurados – doa.
a) 1. Mantenha-se calmo: não vai haver mais assalto. e) Não se trata de problemas graves. c) serão apurados – doa.
2. Mantenham-se calmos: não vai haver mais assaltos. d) serão apurada – doam.
b) 1. A notícia parece que correu muito rapidamente. 22. (Acafe-SC) “Não ... meios de saber que já ... vinte anos que não se ... mais e) será apurada – doam.
2. As notícias parece que correram muito rapidamente. galochas”.
c) 1. Haja vista a ocorrência policial... a) haviam, faz, usam. 31. (FGV-SP) Aponte a frase gramaticalmente correta.
2. Haja vista as ocorrências policiais... b) havia, faz, usam. a) Existem uma serie de problemas insolúveis.
d) 1. É essa a objeção que se costuma fazer? c) havia, fazem, usa. b) Existe uma série de problemas inssolúveis.
2. São essas as objeções que se costuma fazer? d) haviam, fazem, usam. c) Existe uma serie de problemas insolúveis.
e) 1. Haverá de existir solução menos traumática. e) haviam, fazem, usa.
2. Haverão de existir soluções menos traumáticas.
23. (Furg-RS) A alternativa em que a concordância verbal esta correta é:
16. (UM-SP) Assinale a frase em que a concordância verbal não é aceita pelos a) Fazem anos que não estudo mais. d) Existem uma série de problemas inssolúveis.
padrões da norma culta. b) Deveriam haver mais pessoas trabalhando aqui. e) Existe uma série de problemas insolúveis.
a) Minha família e eu gostaríamos de que as lojas de São Paulo acabassem com c) É justo que hajam as mesmas oportunidades para todos.
as incertezas da economia. d) Houve grandes comemorações na semana passada. 32. (FMU-SP) Assinale a alternativa que, na sequência, completa corretamente as
orações abaixo.
24. (Furg-RS) A alternativa em que a concordância verbal está correta é: I. Isto ... migalhas.
a) No centro da cidade, viam-se os representantes dos professores grevistas. II. Nossa vida ... loucuras.
b) Faltava apenas dois veículos para que a indústria automobilística aquecesse o b) Dá-se aulas gratuitamente. III. Vocês ... meu castigo.
mercado de vendas de carros modernos. c) Durante a passeata, atirou-se muitos objetos nos falsos grevistas. IV. As cores vermelha e negra ... a marca do brasão.
c) Um mês, um ano, uma década não é suficiente para estabilizar os problemas d) Responderam-se a todas as cartas. V. Hoje ... 12 de janeiro.
deste país. e) Nesta cidade, assistiram-se aos melhores espetáculos circenses. a) são, eram, serão, eram, são.
d) Ocuparam-se, para surpresa das Forças Armadas, todas as instalações b) é, eram, serão, era, é.
militares da capital. 25. (UFV-MG) Assinale a alternativa correta. c) são, era, serão, era, são.
e) Poderão existir combinações afinadíssimas entre imagens e sons nos arranjos a) Sem educação não podem haver cidadãos conscientes. d) é, eram, serão, eram, são.
desse compositor extraordinário b) Os prefeitos são de opinião que devem haver escolas em todos os bairros. e) são, eram, serão, era, é.
c) Se as coisas continuarem assim, têm de haver decepções.
17. (UFF-RJ) Quanto à concordância verbal, é inaceitável, segundo a norma culta d) Quantos há de haver que silenciam o coração. 33. (FCC-BA) Em muito pouco tempo ... vários erros, e ... horas para corrigi-los.
contemporânea, a seguinte frase: e) Amanhã vão haver muitas surpresas. a) foram cometidos – serão necessárias.
a) Não só o encontro de duas expansões, mas também a expansão de duas b) foi cometido – será necessário.
formas podem resultar na supressão de uma delas. 26. (UFSM-RS) Assinale a alternativa em que a frase está gramaticalmente cor- c) foram cometidos – será necessárias.
b) A guerra é um dos eventos que mais caracterizam a história das civilizações. reta. d) foi cometido – será necessárias.
c) Havia apenas um campo de batatas para as tribos, mas outros poderiam haver a) Falta, apenas, dois minutos pra o término do jogo. e) foram cometidos – será necessária.
na vertente posterior da montanha. b) Precisam-se de vendedores com experiência.
d) A vida ou a morte restará depois da batalha. c) Se existissem recursos, poderia haver mais obras. 34. (Fuvest-SP) “Disse o sabiá à flauta:
e) Cabe às tribos, pela força, definir quem tem direito às batatas. Eu, tu e o artista ... de modo diferente; mas o artista e tu ... de modo igual. Por- tanto, entre
... e ... há uma grande diferença”.
18. (FMPA-MG) A concordância verbal não está correta em: Assinale a alternativa que completa corretamente as lacunas do hipotético texto acima.
a) Isso são verdadeiros absurdos. d) Não se aceita reclamações após a entrega da mercadoria. a) cantam, cantais, mim, tu.
b) Os Andes ficam na América. e) Fazem cinco anos que moro nesta cidade. b) cantemos, cantam, eu, ti.
c) Entre nós não haviam segredos. c) cantamos, cantas, eu, ti.
d) Isso não passa de absurdos comentários. 27. (FCMSC-SP) Suponho que ... meios para que se ... os cálculos de modo mais d) cantamos, cantais, mim, ti.
e) Menos de dois alunos disputam a vaga. simples. e) cantais, cantam, eu, você.
a) devem haver – realize.
19. (Cesgranrio-RJ) Assinale a opção em que a lacuna pode ser preenchida por b) devem haver – realizem. 35. (FCC-BA) Se V. Exª ... partir, só me resta desejar-... que ... feliz.
qualquer das duas formas verbais indicadas entre parênteses. c) devem haverem – realize. a) pensais – vos – seja.
a) Um de seus sonhos ... morrer na terra natal. (era / eram). d) deve haver – realizem. b) pensa – lhe – seja.
c) pensais – vos – sejais. d) Espera-se dias mais propícios.
d) pensa – vos – sejais. Formulaste depois o raciocínio: houveram roubos.
e) pensais – lhe – seja. 44. (UEL-PR) A apuração dos dois crimes ... até que se ... provas decisivas. b) “A partir de 6 de outubro do ano cadente, sumiu-me uma besta”. A partir de 6
a) vai continuar – encontrem. de outubro do ano cadente, sumiram-se duas bestas.
b) vão continuar – encontre. c) “... entretanto, essas criações voltam a existir porque soubeste descrevê-las”.
c) vão continuar – encontrem. ... entretanto, essa criação volta a existir porque soubeste descrevê-la.
36. (FCC-BA) Assinale a alternativa que completa corretamente o período: d) vai continuarem – encontrem. d) “Não há, sobretudo, esse amor à tarefa bem-feita...” Não há, sobretudo, esses
“... de exigências! Ou será que não ... os sacrifícios que ... por sua causa?” e) vão continuarem – encontrem. amores à tarefa bem-feita...
a) Chega – bastam – foram feitos. e) “Não há, sobretudo, esse amor à tarefa bem-feita, que se pode manifestar até
b) Chega – bastam – foi feito. 45. (FCC-BA) Alguns sócios deixaram a firma ... alguns meses, mas ainda ... resol- mesmo num anúncio de besta sumida”.
c) Chegam – basta – foi feito. ver alguns pontos, antes que se ... a partilha das propriedades. Não há, sobretudo, esses amores à tarefa bem-feita, que se podem manifestar até mesmo
d) Chegam – basta – foram feitos. a) faz – faltam – definam. num anúncio de besta sumida.
e) Chegam – bastam – foi feito. b) faz – falta – defina.
c) fazem – faltam – defina. 52. (FCC-RJ) A ocorrência de interferência ...-nos a concluir que ... uma relação
37. (Fuvest-SP) Indique a alternativa correta. d) fazem – falta – defina. profunda entre homem e sociedade que os ... mutuamente dependentes.
a) Tratavam-se de questões fundamentais. e) fazem – faltam – definam. a) leva, existe, torna.
b) Comprou-se terrenos no subúrbio. b) levam, existe, tornam.
c) Precisam-se de datilógrafas. 46. (UnB-DF) Em todas as opções, o verbo pode ir para o plural ou para o singular, c) levam, existem, tornam.
d) Reformam-se ternos. exceto em: d) levam, existem, torna.
e) Obedeceram-se aos severos regulamentos. a) Um grande número de fugitivos (sair) pelas montanhas. e) leva, existem, tornam.
b) Um bando de papagaios (pousar) no laranjal.
38. (FCMSC-SP) Não chove ... meses; mas a esperança e o vigor que sempre ... 53. (Procurador Município – S.J. Rio Preto/Vunesp – 2008) Assinale a alternativa
no sertanejo não o ... . correta quanto à concordância.
a) faz – existiu – abandonou. a) A organização de festas infantis aparenta serem muito lucrativas.
b) faz – existiram – abandonaram. c) Mais de um ciclista (cair) da bicicleta. b) Quanto aos valores gastos com os preparativos, nenhum de nós os revelou.
c) fazem – existiu – abandonou. d) Pequena parte dos visitantes (estar) em silêncio. c) Um abraço e um presente barato já não basta para agradar as crianças.
d) fazem – existiram – abandonaram. d) Devia ser cinco da tarde quando os convidados começaram a chegar.
e) fazem – existiu – abandonaram. 47. (FSM-SP) Ainda que ... eleições, não ... que se ... os resultados. e) Foi proibido a permanência de crianças desacompanhadas neste salão.
a) hajam, convém, antecipem.
39. (Agente Fiscal Pref. São José do Rio Preto/Vunesp – 2008) Assinale a alterna- b) haja, convêm, antecipe. 54. (FCMSC-SP) Não ... ainda sete horas, e já ... muitas pessoas que ... o início do
tiva em que a frase obedece às regras de concordância verbal, estabelecidas pela norma c) haja, convem, antecipem. expediente.
culta. d) haja, convém, antecipem. a) seriam, haviam, aguardava.
a) Era feriado e haviam mulheres e homens espalhados pelos bares. e) hajam, convém, antecipe. b) seriam, havia, aguardavam.
b) O índice de agressões domésticas aumenta com o exagero na bebida. c) seria, haviam, aguardava.
c) Fazem horas que ela ronda as avenidas e ruas da cidade à sua procura. 48. (FCC-BA) Sempre ... pessoas revoltadas com pequenas coisas a que não se ... d) seria, haviam, aguardavam.
d) As propagandas tem muita responsabilidade pela mensagem que passam. dar maior importância. e) seria, havia, aguardavam.
e) Restou poucos clientes no restaurante italiano, o último a fechar naquela praça. a) há de haver, devem.
b) há de haverem, deve. 55. (Fatec-SP) Assinale a alternativa incorreta.
40. (FCC-BA) ... fazer cinco meses que não a vemos; existir motivos c) hão de haver, devem. a) Em “Fazia um pouco mais que manhã”, o verbo fazer é impessoal e não
imperiosos d) há de haver, deve. equivale, gramaticalmente, ao verbo haver em “Havia-se passado uma semana desde
para a sua ausência, pois, se não , ela já nos teria procurado. e) hão de haver, deve. então”.
a) Vai – deve – houvessem. b) O significado de fazer corresponde em “Fazia um pouco mais que manhã”, ao
b) Vai – devem – houvesse. 49. (FCC – Metrô/SP – Supervisor de Linha) O verbo indicado entre parênteses significado de ser ou estar em “Era pouco mais de meio-dia” ou “Estava uma tarde
c) Vão – deve – houvessem. deverá flexionar-se numa forma do singular para preencher corretamente a lacuna da ensolarada”.
d) Vão – devem – houvesse. frase:
e) Vão – devem – houvessem. a) Que não (vir) a iludir a ninguém os propósitos formulados a cada fim de
ano.
b) Todo aquele a quem (costumar) atrair os planos mirabolantes de fim de c) É correto dizer “Haviam-se formado dois grupos contrários”, assim como
ano torna-se um ressentido. “Devem haver dois grupos contrários em formação”.
41. (FCC-BA) A essa altura, não ... mais ingressos, pois já ... dias que a casa tem c) Menos (haver) de planejar metas mirabolantes aqueles que tomarem d) São igualmente corretas as formas “Fazia anos que ela esperava” e “Eram
estado com a lotação esgotada. consciência dos limites de sua liberdade. anos de espera”.
a) deve haver – faz. d) Só se (deixar) iludir com propósitos de fim de ano quem não reconhece e) Estão corretas as formas verbais em “até há bem pouco tempo, existiam
b) deve haver – fazem. limites em sua liberdade. senadores com cara de vitória-régia”.
c) deve haverem – faz. e) Não (parecer) importar, para os membros de um casal, os prazeres que
d) devem haver – fazem. pode trazer o simples convívio de cada dia. 56. (FCC-BA) ... três meses que não ... os pássaros.
e) devem haver – faz. a) Faziam – via-se.
50. (PUC-RS) Asseguro a V. S.ª que são ... incomodar- com a elaboração dos b) Fazia – viam-se.
42. (Fuvest-SP) ... dez horas que se ... iniciado os trabalhos de apuração dos votos testes; ficar tranquilo. c) Fazia – se viam.
sem que se ... quais seriam os candidatos vitoriosos. a) precisa, se, pode. d) Fazia – se via.
a) fazia – haviam – previsse. b) precisa, se, podes. e) Faziam – se viam.
b) faziam – haviam – prevesse. c) precisas, te, podes.
c) fazia – havia – previsse. d) precisais, vos, podeis. Concordância nominal
d) faziam – havia – previssem. e) precisa, vos, pode.
e) faziam – haviam – prevessem. 1. (Fuvest-SP) Aponte a alternativa correta.
51. (PUC-MG) Todas as alternativas apresentam concordância correta, de acordo a) Considerou perigosos o argumento e a decisão.
43. (UFCE-CE) Assinale a opção correta. com a norma padrão, exceto: b) É um relógio que torna inesquecível todas as horas.
a) Mais de um retirante se afastou do serviço. a) “Formulaste depois o raciocínio: houve roubo”. c) Já faziam meses que ela não a via.
b) Qual de vós sabeis o destino do retirante? d) Os atentados que houveram deixaram perplexa a população.
c) Podem haver, no campo, dias horríveis. e) A quem pertence essas canetas?
b) Assista uma TV de LCD pelo preço de uma de projeção e leve junto um Home d) se apenas II está correta.
2. (UM-SP) Marque a alternativa cuja sequência preencha adequadamente as Theater! e) se todas estão incorretas.
lacunas do seguinte período: c) O jóquei Nélson de Sousa foi para Inglaterra visando títulos e euros.
“Nós ... socorremos o rapaz e a moça ”. d) Construir impérios a partir do nada implica inovação e paixão pelo risco. 9. (Mackenzie)
a) mesmos – bastante – machucados. e) A Caixa Econômica informou os mutuários que não haverá prorrogação de I. O autor, contra cuja obra todos se manifestaram, concederá entrevista coleti-
b) mesmo – bastantes – machucados. prazos. va no próximo dia 18 de janeiro.
c) mesmos – bastantes – machucados. II. A cidade, cujas estradas os caminhões transitam diariamente, precisa de
d) mesmo – bastante – machucada. 3. (Fuvest) A televisão tem de ser vista um prisma crítico, principalmente melhor rede rodoviária.
e) mesmos – bastantes – machucada. as III. O livro, entre cujas páginas deixei aquela fotografia tão querida, desapare- ceu.
telenovelas, audiência é significativa. Quanto à regência verbal, assinale:
3. (FCC-RJ) “ainda ... furiosa, mas com ... violência, proferia injúrias para es- Temos de procurar saber elas prendem tanto os telespectadores. a) se todas as afirmações estão corretas.
candalizar os mais arrojados.” Preenchem de modo correto as lacunas do texto, respectivamente, b) se apenas I e III estão corretas.
a) meia – menas – bastantes. a) a nível de / as quais a / por que. c) se todas estão incorretas.
b) meia – menos – bastante. b) sobre / que / porquê. d) se apenas II está correta.
c) meio – menos – bastante. c) sob / cuja / por que. e) se apenas II e III estão corretas.
d) meio – menos – bastantes. d) em nível de / cuja a / porque.
e) meio – menas – bastantes. e) sob / cuja a / porque. 10. (PUCC-SP) A frase em que a regência verbal está INCORRETA é:
a) Você e sua empresa devem e agora podem ter à sua disposição um consultor
4. (FCC-RJ) “Elas ... providenciaram os atestados, que enviaram às procura- econômico experiente.
ções, como instrumentos para os fins colimados.” b) A homenageada, com muita emoção, deu as boas-vindas e cedeu seu lugar de
a) mesmas – anexos – bastantes. 4. (FGV) Assinale a letra correspondente à alternativa que completa adequada- honra à veterana atriz.
b) mesmo – anexo – bastante. mente as lacunas dos períodos a seguir: c) Calendários com obra de arte: para cada mês, uma obra de arte, que você
Posso informar irmãos de Paula esses resultados não querem aludir destaca, emoldura e decora sua residência ou escritório.
enfermidade da mãe? d) A nova imagem da grife é um rejuvenescimento que atrairá e modernizará as
a) os – de que – à. pessoas acostumadas ao guarda-roupa tradicional.
c) mesmas – anexo – bastante. b) os – que – à. e) Contra todas as evidências e análises, os jovens de hoje mostram que estão
d) mesmo – anexos – bastante. c) aos – que – a. preocupados, e sabendo lidar responsavelmente, com sua sexualidade.
e) mesmas – anexos – bastante. d) aos – de que – a.
e) os – que – a. 11. (PUCC-SP) Os verbos NÃO têm a mesma regência e, portanto, o complemento
5. (FCC-RJ) “Ela ... não sabia se as declarações deviam ou não ... ao processo.” NÃO está corretamente relacionado com ambos, em:
a) mesma – ir anexas. 5. (FGV) Assinale a letra correspondente à alternativa que completa adequada- a) Muitas expedições ao fundo do mar localizaram e recuperaram cargas valiosas
b) mesmo – ir anexo. mente as lacunas dos períodos a seguir: de navios naufragados.
c) mesma – irem anexas. Quanto a amigos, prefiro João Paulo, quem sinto sim- patia. b) Esses trabalhos deram início e incentivaram cada vez mais os trabalhos
d) mesmo – ir anexos. a) a – por – menos. relacionados à exploração oceanográfica moderna.
e) mesma – ir anexa. b) do que – por – menos. c) O dólar substitui e supera o ouro nas transações internacionais.
c) a – para – mensal. d) Muitos produtos originários da Índia ingressaram e circularam na Europa
6. (Ufac) Assinalar a alternativa em que a concordância nominal está correta. d) do que – com – mensal.
a) Os fatos falam por si só. e) do que – para – menos.
b) Seus apartes eram sempre o mais pertinentes possíveis.
c) O relógio bateu meio-dia e meio. 6. (FGV) Assinalar a alternativa correta quanto à regência verbal: durante o século XVI.
d) Todos se moviam cautelosamente, preocupado com o perigo. a) Ela sempre disse que queria bem as amigas. e) Os índios se rebelam e lutam contra todos os invasores de seu legítimo
e) Chegada a sua hora e a sua vez, intimidou-se. b) Não me simpatizo com aquele ator. território.
c) Volte para mim, eu lhe adoro.
7. (Fuvest-SP) Indique a alternativa correta. d) A menina que eu gosto está aqui. 12. (PUCC-SP) A frase em que a regência verbal e a regência nominal estão IN-
a) Filmes, novelas, boas conversas, nada o tiravam da apatia. e) Paguei-lhe a última prestação. CORRETAS é:
b) A pátria não é ninguém; são todos. a) Angustiada contra o sofrimento do filho, imaginou de recorrer a outro
c) Se não vier, as chuvas, como faremos? 7. (ITA) Assinale a opção em que o uso do pronome relativo NÃO está de acordo especialista.
d) É precaríssima as condições do prédio. com a norma padrão escrita. b) A hesitação em defendê-la contra as maledicências propiciou a ela um bom
e) Vossa Senhoria vos preocupais demasiadamente com a vossa imagem. (excertos extraídos e adaptados de “Folha de S. Paulo”, 1.º/11/1993.) motivo para romper o noivado.
SINTAXE DE REGÊNCIA a) [O cineasta sofreu] um derrame, do qual não iria se recuperar mais. c) Vendo-a ferida pelos espinhos, encharcou o lenço com água fresca e ofereceu-
b) [O rosto e a voz do cineasta] são aqueles os quais estamos acostumados, lho.
Regências Verbal e Nominal talvez um pouco mais cansados. d) Ele foi bastante simples no falar, mas persuadiu os jovens a voltarem depois.
c) [Estar doente era] uma realidade sobre a qual [o cineasta] não sabia nada, e) Estavam habilitados para discutir o fato e, além disso, eram muito competentes
1. (FGV) Assinale a alternativa em que HÁ ERRO de regência verbal. sobre a qual jamais havia pensado. naquela matéria.
a) Os padres das capelas que mais dependiam do dinheiro desfizeram-se em d) [Com ele, o cinema] não é mais um meio; torna-se o fim, no qual o autor é a
elogios à garota. principal referência. 13. (PUCC-SP) A frase em que a regência (verbal e nominal) está correta é:
b) As admoestações que insisti em fazer ao rábula acabaram por não produzir e) Depois das três cirurgias às quais se submetera, teve um ataque cardíaco. a) Nem sempre é fácil distinguir a voz do escritor com a do narrador.
efeito algum. b) O abandono do fumo está sendo atribuído, em grande parte, aos
c) Nem sempre o migrante, em cujas faces se refletia a angústia que lhe ia na 8. (Mackenzie) constrangimentos sociais que os fumantes vêem experimentando.
alma, tinha como resolver a situação. I. Os recursos de que disponho no momento são precários. c) Muitas pessoas associam a Aids como comportamentos promíscuos.
d) Era uma noite calma que as pessoas gostavam, nem fria nem quente demais. II. O cavalheiro cujo escritório estivemos é advogado. d) Esta falha nas estatísticas se deve, talvez, pelas mulheres não admitirem sua
e) Nem sempre o migrante, cujas fazes refletiam a angústia que lhe ia na alma, condição de chefe de família.
tinha como resolver a situação. e) A discordância insuperável entre os invasores com os proprietários da terra
acabou por exigir interferência de grupos não governamentais.
2. (FGV) Assinale a alternativa em que a regência verbal está de acordo com a III. Os elementos que ele conta para elaborar sua tese são muito bons. Quanto ao
norma culta. emprego dos pronomes relativos e à regência verbal, assinale: 14. (PUCC-SP) A frase em que o segmento destacado está empregado de acordo
a) As crianças, obviamente, preferem mais os doces do que os legumes e a) se todas as afirmações estão corretas. com a gramática normativa é:
verdura. b) se apenas I está correta. a) Enviei os convites não somente A ELE, como também aos tios.
c) se apenas III está correta.
b) Encontrou o idoso perambulando pela rua e resolveu levar-LHE a um posto 20. (UM-SP) Aponte a alternativa em que a regência do verbo pagar contraria a 26. (CEFET-MG) Em todos os trechos abaixo, retirados de Olhai os lírios do cam-
policial. norma culta. po, há exemplos de regência verbal.
c) Soube que ela perdera o ônibus. PORISSO tentou adiantar o seu serviço. a) Aliviando-se de um verdadeiro pesadelo, o filho pagava ao pai a promessa feita Marque a opção em que a regência foi alterada, tornando-se incorreta.
d) Queria saber PORQUE eu não o avisara antes, já que ele fatalmente saberia no início do ano. a) “Lembras-te daquela tarde em que nos encontramos nas escadas da
do ocorrido. b) O empregado pagou-lhe as polias e tachas roídas pela ferrugem para amaciar- faculdade?”
e) Ficou bem claro DE que eles não dispunham de recursos para viagem tão lhe a raiva. b) “... pensava vagamente num desquite, mesmo sem se sentir ainda com
dispendiosa. c) Pagou-lhe a dívida, querendo oferecer-lhe uma espécie de consolo. coragem para propô-lo.”
d) O alto preço dessa doença, paguei-o com as moedas de meu hábil esforço. c) “O dr. Candia é um solitário, foge dos homens mas gosta muito dos bichos.
15. (PUC-PR) Considerando o registro culto da linguagem, apenas um dos enun- e) Paguei-o com ouro, todo o prejuízo que sofrera com a destruição da seca. Simpatizo-me com ele.”
ciados abaixo pode ter o pontilhado preenchido corretamente por LHE. Qual é ele?
a) Jamais vi levar seus filhos à escola. 21. (PUCC-SP) A frase que mantém o padrão culto da linguagem é:
b) Saiba que ainda quero muito bem. a) O projeto que ele se referiu foi analisado ontem e o texto definitivo que se
chegou após as discussões será encaminhado a vocês amanhã mesmo. d) “... aqui estou te escrevendo porque não me perdoaria a mim mesma se fosse
b) Aquele assalto a que ele foi vítima só lhe trouxe tristezas, mas as pessoas cujo embora desta vida sem te dizer umas quantas coisas...”
testemunha ele dependeu são suas amigas até hoje. e) “Eles esquecem o que têm de mais humano e sacrificam o que a vida lhes
c) Certamente, a mãe é a pessoa que mais estima. c) O grupo de amigos, cujo padrão ele quer pertencer, é o maior responsável por oferece de melhor: as relações de criatura para criatura.”
d) Espero que a partir de agora todos deixem em paz. seus problemas, principalmente pelo tipo de lazer que eles estão acostumados.
e) Não convido nunca mais para a festa do meu aniversário. d) Afirmou, com maior segurança, de que havia posto o assunto em debate na 27. (UFAC) Assinale a alternativa em que a regência verbal está correta.
sessão anterior, a qual acabamos de receber a ata. a) Dona Maria não pagou o verdureiro nem o açougueiro.
16. (PUC-PR) Numere a 1 coluna de acordo com a 2: e) O carinho com que ele sempre se dispõe a atender os mais necessitados faz b) Prefiro brincar do que trabalhar.
() pretende você chegar? dele uma pessoa da qual devemos orgulhar-nos muito. c) Este é o aluno que o professor deu nota baixa.
( ) Você sabe fica a Rua das Flores? d) O romance cujas características não me lembro agora, foi lido há três anos.
() será que se esconderam os meninos? ( ) Veja bem eles se dirigem. 22. (FCC – PBGÁS/PB) O New York Times publicou uma galeria de rostos e no- e) Pagaremos pela casa o preço justo.
(1) onde. mes, expôs rostos e nomes ao longo de vários números, evocou esses ros- tos e nomes
(2) aonde. para que o público não olvidasse esses nomes e rostos. 28. (FEI-SP) Assinale a alternativa em que a regência do verbo contraria a norma
Assinale a alternativa que contém a sequência correta: Evitam-se as viciosas repetições da frase acima substituindo- se os elementos culta da língua.
a) 1, 2, 1, 2. sublinhados, na ordem dada, por: a) Ele queria aos pais, contudo não queria os livros.
b) 2, 1, 2, 1. a) expôs a eles – evocou-lhes – lhes olvidasse. b) A vida a que aspirava era uma ilusão.
c) 1, 2, 2, 1. b) expô-los – evocou a eles – olvidasse-os. c) Peri ficou imobilizado por centenas de lanças que visavam o seu peito.
d) 2, 1, 1, 2. c) expôs-lhes – evocou-os – os olvidasse. d) Jamais me esquecerei daquele fato marcante em minha vida.
e) 1, 1, 1, 2. d) expôs eles – evocou-lhes – olvidasse eles. e) Avisaram-no que a reunião começaria no horário marcado?
e) expô-los – evocou-os – os olvidasse.
17. (UECE) NÃO ocorre erro de regência em: 29. (UEL) Assinale a letra correspondente à alternativa que preenche corretamente
a) A equipe aspirava o primeiro lugar. as lacunas da frase apresentada.
b) Obedeça aos mais experientes. O debate participaram os representantes dos trabalhadores foi muito inte-
c) Deu a luz a vizinha a três crianças sadias. 23. (FAAP-SP) ressante, motivo serão convidados para participar de uma mesa-redonda.
d) O verdadeiro amor sucede frequentes contatos. “... Ninguém assistiu ao formidável enterro de tua última quimera”. Com o pronome no a) que – que.
lugar do termo em negrito: b) que – pelo qual.
18. (Cesgranrio-RJ) Assinale a opção cuja lacuna não pode ser preenchida pela a) Ninguém o assistiu. c) que – de que.
preposição entre parênteses. b) Ninguém assistiu a ele. d) de que – pelo qual.
a) uma companheira desta, cuja figura os mais velhos se comoviam c) Ninguém lhe assistiu. e) de que – que.
(com). d) Ninguém a assistiu.
b) uma companheira desta, cuja figura já nos referimos anteriormente (a) e) Ninguém os assistiu. 30. (UFMG) Em todas as alternativas, a regência verbal está correta, exceto em:
c) uma companheira desta, cuja figura havia um ar de grande dama a) Preferia-me às outras sobrinhas, pelo menos nessa época.
decadente 24. (PUCC-SP) A alternativa em que os verbos têm a mesma regência e, portanto, b) Você chama isso de molecagem, Zé Luís.
(em). o complemento está corretamente relacionado com ambos é: c) Eu lhe acordo antes que meu marido se levante.
d) uma companheira desta, cuja figura os mais velhos se comoviam a) Esse novo banco não precisa nem exige o comparecimento diário dos clientes d) De Barbacena, lembro-me do frio e da praça.
(por). a suas agências. e) Um implica o outro que, por sua vez, implica um terceiro.
e) uma companheira desta, cuja figura as crianças se assustavam (de). b) A coordenação do movimento não concordou e quer rever os principais pontos
de seu programa. 31. (Cesgranrio-RJ) Entre os exemplos abaixo, frequentemente empregados na
19. (UEL) c) Até há pouco tempo todos podiam consultar e aplicar diariamente nos Fundos linguagem informal, apenas um está de acordo com a norma culta. Assinale-o.
I. O rapaz assistia o ministro no desempenho de seu cargo. de Aplicação Financeira. a) Com quem você está namorando agora?
II. Naquela época, éramos pequenos e assistíamos na fazenda de meu avô. d) Gilda de Abreu enfrentou e acabou por enfraquecer os preconceitos de uma b) Lá em casa somos em quatro filhos.
III. Preso no trânsito, o técnico não conseguiu assistir à apresentação dos no- vos sociedade que não aceitava a emancipação da mulher.
jogadores. e) Todos os artistas citados no documento difundem e contribuem para a
A respeito do emprego do verbo ASSISTIR nas frases acima: campanha contra a discriminação aos contaminados com o vírus HIV.
c) Tudo que o pai diz, a mãe acredita.
25. (FCC – Metrô/SP – Supervisor de Linha) Ao final do ano vêm as frustrações e, d) Meu amigo, isto implicará em sua suspensão.
já que não podemos evitar as frustrações, descarregamos essas frus- trações nas costas e) O candidato residente na Rua Cosme Velho não compareceu.
a) a I está errada, porque o verbo deveria estar empregado com objeto indireto (= dos outros, atribuindo aos outros a responsabilidade por nossa decepção.
ao ministro). Evitam-se as viciosas repetições da frase acima substituindo-se os elementos sublinhados, 32. (FCC – Analista Judiciário – TRF 3.ª Região) Está correto o emprego de ambas
b) a II está totalmente errada, porque o verbo não tem significado claro. respectivamente, por: as expressões sublinhadas em:
c) apenas III está correta, porque se trata de um verbo transitivo indireto. a) podemos evitar-lhe − descarregamos elas − atribuindo-lhes. a) As áreas aonde os homens se concentravam exibiam edifícios em cujos não
d) apenas I e III estão corretas, porque estão construídas de acordo com a b) as podemos evitar − as descarregamos − atribuindo-os. havia arejamento.
regência do verbo. c) as podemos evitar − descarregamo-las − atribuindo-lhes. b) Em cortiços de cimento, a que faltavam espaço e arejamento, comprimiam- se
e) I, II e III estão corretas, porque estão construídas de acordo com a regência do d) podemos evitá-las − descarregamos-lhes − lhes atribuindo. milhões de indivíduos para quem a natureza parecia representar uma ameaça.
verbo. e) podemos as evitar − as descarregamos − lhes atribuindo. c) Esse texto, de cujo o autor era também poeta, promove um típico exercício de
imaginação em que muitos autores de ficção são tentados.
d) Os mistérios porque somos atraídos na ficção costumam impressionar os d) O menino preferia contar histórias à ficar sozinho.
leitores em cujos também não falta a liberdade da imaginação. b) A firme reação dos justos será uma surpresa de que os desonestos jamais e) O menino preferia contar histórias que ficar sozinho.
e) Os espaços urbanos pelos quais se espanta o imaginário narrador seriam estarão preparados.
testemunho de uma civilização à qual eram frouxos os laços com a natureza. c) A desonestidade e o egoísmo são defeitos de cujos nenhum contraventor se 48. (Aman-RJ) Escolha, abaixo, a exata regência do verbo chamar.
envergonha. a) Chamamo-lo inteligente. b) Chamamo-lo de inteligente.
33. (F. Dom Bosco-DF) Assinale a alternativa que preenche corretamente as la- d) Os princípios de dignidades aos quais o homem honesto vê uma prioridade c) Chamamos-lhe inteligente. d) Chamamos-lhe de inteligente.
cunas. devem transformar-se em ação. e) Todas as regências acima estão corretas.
“Informamos ... alunos ... a feira de livros começará na próxima semana e ... os convites e) A inação dos justos é uma condição com que contam os desonestos para
serão distribuídos amanhã.” continuar operando. 49. (FCC – Soldado PM/BA) As ações repressivas passam a ser legitimadas pelo
a) aos – que – que. referendo da população que não deseja render-se ao poder dos contraventores e
b) os – que – que. 41. (Centec-BA) Há erro de regência verbal em: criminosos.
c) aos – de que – de que. a) Venha assistir aos debates em minha sala. A frase acima permanecerá formalmente correta se substituirmos o segmento sublinhado
d) aos – de que – que. b) Ninguém lhe convidou para a festa de despedidas. por
e) os – que – de que. c) Perdoa-lhe as faltas, pois não agiu com maldade. a) aspira se curvar no poder.
d) Este é certamente um direito que não lhe assiste. b) concorda em submeter ao poder.
34. (PUCC-SP) A única frase em que a regência verbal, tendendo para oralidade, e) Notifiquei-o que havia sido convidado. c) concorda de ser submissa pelo poder.
afasta-se da norma culta escrita é: d) concede a se curvar através do poder.
a) A descoberta da tribo perdida colocou mais lenha na fogueira da disputa pela 42. (PUC-SP) Assinale a alternativa que preenche, pela ordem, corretamente as e) admite deixar-se dominar pelo poder.
terra na região. lacunas.
b) Estranhamente, na semana passada alguns fazendeiros levaram no local um 1. A aurora é o terceiro tom ... fala o poeta. 50. (UFV-MG) Assinale a alternativa correta.
ex-funcionário da Funai e um grupo de índios cintas-largas. 2. A aurora é o terceiro tom ... se refere o poeta. a) Preferia antes morrer que fugir como covarde.
c) Os fazendeiros contestam a presença histórica dos índios. 3. A aurora é o terceiro tom ... propõe o poeta. b) A cortesia mandava obedecer os desejos da minha antiga dama.
d) Apenas na Amazônia, os sertanistas estão no encalço de 22 tribos. 4. A aurora é o terceiro tom ... faz menção o poeta. c) A legenda ficou, mas a lição esqueceu.
e) Ali, os sertanistas dão como certa a presença de pelo menos cinco novos a) de que, a que, a que, que. d) O país inteiro simpatizou-se com esse princípio.
grupos. b) que, a que, que, a que. e) Jesus perdoou o pecador.
c) de que, a que, que, a que.
35. (FCC – Metrô/SP – Supervisor de Linha) Cabe a um líder,....iniciativa costuma d) a que, a que, que, que. 51. (PUC-SP) Assinale a alternativa que preencha, pela ordem, corretamente as
depender a orientação de um grupo de trabalho, incentivar aquele integrante...nota um e) de que, que, de que, a que. lacunas abaixo.
declínio da autoestima. 1. O verso ... se refere o poeta é mais belo, mais variado e mais imprevisto.
Preenchem corretamente as lacunas da frase acima, respectivamente: 43. (FCC – Soldado PM/BA) Está correto o emprego de ambos os pronomes subli- nhados 2. O verso ... trata o poeta é mais belo, mais variado e mais imprevisto.
a) de cuja − em quem. na frase: 3. O verso ... o poeta monta seu poema é mais belo, mais variado e mais im-
b) do qual a − com quem. a) Não basta pensar na prevenção; exercer-lhe é o dever que nos compete. previsto.
c) cuja − em quem. b) Se a violência é indiscriminada, devemos repudiá-la, submetendo-a à execração 4. O verso ... o poeta constrói é mais belo, mais variado e mais imprevisto. a) em que – a
d) de cuja − a quem. pública. que – que – de que.
e) do qual a − com quem. c) Quem aceita a barbárie, legitima-lhe; quem lhe rejeita, pede a punição do responsável. b) com que – que – com que – de que.
d) Diante das autoridades, devemos cobrá-las as providências para, nos casos de iminente c) a que – de que – com que – que.
36. (F. Dom Bosco-DF) Assinale a alternativa que preenche corretamente as lacunas. violência, prevenir-lhes. d) a que – de que – que – de que.
“As informações ... teve acesso comprovam suas suspeitas. Ele só tinha medo... algo e) Se te prevines, não precisarás preocupar-se com as situações sem remédio. e) que – de que – com que – que.
errado acontecesse.” a) a que – de que.
b) que – que. c) a que – que. d) que – de que. e) às quais – que. 44. (PUCC-SP) A frase que mantém o padrão culto da linguagem é: 52. (Agente Fiscal Pref. São José do Rio Preto/Vunesp – 2008) Assinale a alternativa em
a) A sugestão a qual devemos acatar suas diretrizes sem questioná-la é que me debato: que os termos destacados no trecho a seguir estão corretamente substituídos por
37. (UFAC) Assinale a alternativa que preenche corretamente a lacuna da frase. quero poder externar meus pontos de vista. pronomes que, por sua vez, também estão adequadamente colocados na frase,
“Assim é a obra poética ... origens me referi há pouco.” b) A lei cuja a contravenção pode levar o indivíduo à cadeia, e pela qual ainda estamos respeitando-se a norma culta da língua.
a) sobre cuja. subordinados, será submetida a uma nova avaliação. Ao contrário do que propõe Ruy Castro, as agências de publicidade não aceitam a
b) a cujas. c) Essas são as ideias das quais ele mais se orgulha, daí poder-se concluir que não abrirá proibição de comerciais já que consideram essa prática uma afronta à liberdade de
c) cujas. mão delas. expressão.
d) de cujas. d) Ela solicitou para que ninguém interviesse a seu favor, a fim de não colocar em questão a) a aceitam – a consideram. b) a aceitam – lhe consideram.
e) em cujas. a autoridade que estava investida. c) aceitam-na – lhe consideram. d) aceitam-na – consideram-na.
e) O problema o qual relacionei seu medo de escuro, de cujo já lhe falei, merece ser mais e) lhe aceitam – a consideram.
38. (UFPR) Onda há erro de regência verbal? bem pesquisado.
a) Esqueceram-lhe os compromissos assumidos. 53. (UEL-PR) “Cônscio ... sua grande responsabilidade,desempenhou-se muito bem ...
b) Nós lhes lembramos o compromisso assumido. 45. (Centec-BA) A regência verbal está correta em: tarefas ... foi incumbido.”
c) Eu esqueci os compromissos assumidos. a) Prefiro esforçar-me hoje do que lamentar amanhã. a) em – nas – que. b) de – nas – que. c) com – das – a que.
d) Não me lembram tais palavras. b) Não lhe procurei mais desde a última discussão. d) em – às – de que. e) de – das – de que.
e) Lembro-me que tais eram as suas palavras. c) Chame os empregados e pague-os os meses atrasados.
d) Ele aspira muito pouco progresso na vida. 54. (Fuvest-SP) Assinale a alternativa gramaticalmente correta.
39. (UM-SP) Indique a alternativa correta. e) Chamei-lhe de bobo, porque perdeu uma grande oportunidade. a) Não tenham dúvidas que ele vencerá.
a) Prefiro correr à nadar. b) O escravo ama e obedece a seu senhor.
b) Prefiro correr a nadar. 46. (Juiz de Direito – TJ/SP 176º) Assinale a alternativa que completa, correta e c) Prefiro estudar do que trabalhar.
c) Prefiro mais correr a nadar. respectivamente, os espaços, observando a correta regência dos verbos. d) O livro que te referes é célebre.
d) Prefiro mais correr que nadar. Para favorecer ... cliente, o escrevente tentou obstar...andamento do processo, ... o juiz se e) Se lhe disserem que não o respeito, enganam-no.
e) Prefiro correr do que nadar. reportou ontem. Esta atitude implicou ..... instauração de procedimento administrativo. a)
ao – ao – a que – a. 55. (FCC – TRT 23ª Região – Analista Judiciário) Se há iniciativa e astúcia na ação do
40. (FCC – TRT 23ª Região – Analista Judiciário) Está adequado o emprego do b) o – o – que – na. c) ao – ao – o qual – na. d) o – ao – que – a. homem injusto, não há iniciativa e astúcia no bom cidadão que, apesar de indignado, não
elemento sublinhado na frase: confere à iniciativa e à astúcia o mesmo valor que o mau reconhece na iniciativa e na
a) A resignação diante dos descalabros é uma reação de cujos efeitos só trazem 47. (Cesgranrio-RJ) Assinale a alternativa correta quanto à regência. astúcia.
benefícios aos maus cidadãos. a) O menino preferia contar histórias do que ficar sozinho. Evitam-se as viciosas repetições da frase acima substituindo-se os segmentos sublinhados
b) O menino preferia mais contar histórias a ficar sozinho. por, respectivamente,
c) O menino preferia contar histórias a ficar sozinho. a) há elas – não as confere – reconhece nelas.
b) as há – não lhes confere – nelas reconhece. b) Prefiro aspirar uma posição honesta que ficar aqui. 71. (UM-SP) Em qual das alternativas ocorre um erro de regência verbal?
c) as há – não confere-lhes – as reconhece. c) Prefiro aspirar a uma posição honesta que ficar aqui. a) Esqueceu-me o desejo discreto de conhecer as coisas do coração.
d) há as mesmas – não lhes confere – reconhece-lhes. d) Prefiro antes aspirar a uma posição honesta que ficar aqui. b) Lembrou-me a inusitada transformação por que passa a universidade brasileira.
e) há estas – não as confere – nelas reconhece. e) Prefiro aspirar a uma posição honesta a ficar aqui. c) Prefiro os casos que a inteligência discute a formas tecnocráticas da resolução dos
problemas.
56. (UFV-MG) Assinale a alternativa cuja sequência completa corretamente as frases 64. (Cesgranrio-RJ) Assinale a opção em que o verbo exige a mesma preposição d) Aqui se jogam as sementes para informar-lhes de que a cultura não deve ser
abaixo. que referir-se em “... a boneca de pano a que me referi”. acadêmica.
A lei ... se referiu já foi revogada. a) O homem ... quem conversei há pouco. e) Procede-se com brandura quando querem detectar falhas no relacionamento humano.
Os problemas ... se lembraram eram muito grandes. b) O livro ... que lhe falei há pouco.
O cargo ... aspiras é muito importante. c) A criança ... quem aludi há pouco. 72. (UFES) O segmento destacado está estruturado de acordo com a norma culta em:
O filme ... gostou foi premiado. d) O tema ... que escrevi há pouco. a) “Além de ser um dos alimentos mais consumidos do planeta, a pizza é também uma das
O jogo ... assistimos foi movimentado. e) A fazenda ... que estive há pouco. iguarias mais antigas QUE SE TEM NOTÍCIA.” (Isto É)
a) que, que, que, que, que. b) “Quem é o ator ou a atriz que você MAIS SE IDENTIFICA?” (Domingo – JB)
b) a que, de que, que, que, a que. 65. (PUC-PR) Observe as frases incompletas: c) “O pai brigou com Inácio ao tomar conhecimento da trama QUE O FILHO PARTICIPOU
c) que, de que, que, de que, que. 1. Os elementos ...se dispõe não permitem tirar grandes conclusões. para esconder a verdade sobre a paternidade de Alice (Claudia Abreu).” (TV-Folha)
d) a que, de que, a que, de que, a que. 2. Com certeza existem pessoas ....poucas vezes nos lembramos. d) “Tem razão o presidente eleito de AGRADECER O POVO e se congratular em seu
e) a que, que, que, que, a que. 3. Há provocações... não é possível resistir. nome ao ver essa admirável reafirmação da liberdade, como um valor, e de seu
4. Essa foi uma das perguntas......não consegui responder. aperfeiçoamento, como um destino.” (Jornal do Brasil)
57. (Fuvest-SP) Assinale a frase correta. Assinale a alternativa que preenche corretamente os espaços, completando as frases. e) “Na impossibilidade de prever o futuro, resta a discussão de medidas que VISEM A
a) Por que motivo preferiu vim aqui, do que me esperar na rua? a) a que, que, a que, a que. IMPEDIR que esse futuro seja sombrio.” (Folha de São Paulo)
b) Por que você preferiu vim aqui, do que me esperar na rua? b) de que, de quem, a que, a que.
c) Porque você preferiu mais vir aqui que me esperar na rua? c) de que, das quais, que, de que. 73. (UM-SP) Em:
d) Porque motivo você preferiu vir aqui, antes que me esperar na rua? d) a que, de que, das quais, que. 1. filme você assistirá a noite?
e) Por que motivo você preferiu vir aqui a me esperar na rua? e) com que, que, que, a qual. 2. doentes aquela enfermeira assistiu?
3. o candidato pretende chegar?
58. (Fumec-MG) Com referência à regência do verbo assistir, todas as alternativas estão 66. (Fuvest-SP) Assinale a alternativa que preenche corretamente as lacunas. 4. o esportista mais gosta?
corretas, exceto: A arma ... se feriu desapareceu. Aqui está a foto ... me referi. 5. você aspira na vida?
a) Assistimos ontem um belo filme na televisão. Encontrei um amigo de infância ... nome não me lembrava. Qual a alternativa que melhor preencheria as lacunas?
b) Os médicos assistiram os feridos durante a guerra. Passamos por uma fazenda ... se criam búfalos. a) que, a que, a que, que, a que.
c) O técnico assistiu os jogadores no treino. a) que – de que – cujo – que. b) a que, a que, de que, a que, que.
d) Assistiremos amanhã a uma missa de 7.º dia. b) com que – que – cujo qual – onde. c) que, que, a que, que, que.
e) Machado de Assis assistia em Botafogo. c) com que – a que – de cujo – onde. d) a que, que, a que, de que, a que.
d) com a qual – de que – do qual – onde. e) que, a que, a que, de que, a que.
59. (Agente Fiscal Pref. São José do Rio Preto/Vunesp – 2008) Assinale a alterna- tiva e) que – cujas – do cujo – na cuja.
cujas palavras completam corretamente a frase a seguir. O Conar é o órgão. se deve 74. (Unimep-SP) Quando implicar tem sentido de “acarretar”, “produzir como con-
recorrer, quando se faz necessário conhecer as normas que regulam a publicidade no 67. (PUCC-SP) Assinale a letra correspondente à alternativa que preenche corretamente sequência”, constrói-se a oração com objeto direto, como se vê em:
Brasil. as lacunas da frase apresentada. a) Quando era pequeno, todos sempre implicavam comigo.
a) pelo qual. “O projeto, ... realização sempre duvidara, exigiria toda a dedicação ... fosse capaz.” b) Muitas patroas costumam implicar com as empregadas domésticas.
b) com qual. a) do qual a – que. c) Pelo que diz o assessor, isso implica em gastar mais dinheiro.
c) ao qual. b) cuja a – da qual. d) O banqueiro implicou-se em negócios escusos.
d) em qual. c) de cuja – de que. e) Um novo congelamento de salários implicará uma reação dos trabalhadores.
e) do qual. d) que sua – de cuja.
e) cuja – a qual. 75. (FMU-SP) Assinale a única alternativa incorreta quanto à regência do verbo.
60. (UFPel-RS) A frase que não apresenta problema(s) de regência, levando-se em a) Perdoou nosso atraso no imposto.
consideração a língua escrita, é: 68. (UFPE) Observe os enunciados abaixo quanto à regência verbal. b) Lembrou ao amigo que já era tarde.
a) Preferiu sair antes do que ficar até o fim da peça. 1) Ao rei, os relatos da viagem informaram-lhe as novas descobertas. c) Moraram na rua da Paz.
b) O cargo a que todos visavam já foi preenchido. 2) Os conhecimentos marítimos em que os europeus confiavam estão ultra- passados. d) Meu amigo perdoou ao pai.
c) Lembrou de que precisava voltar ao trabalho. 3) Para os índios, o tempo se divide em AB (‘antes do branco’) e DB (‘depois do branco’), e) Lembrou de todos os momentos felizes.
d) As informações que dispomos não são suficientes para esclarecer o caso. marca que os lembra a usurpação de sua terra.
e) Não tenho dúvidas que ele chegará breve. 4) As comemorações dos 500 anos pouco aludem a quase total extinção das línguas 76. (Uece) Assinale a opção em que o verbo chegar apresenta regência censurada pela
indígenas. gramática normativa.
61. (UEL) Assinale a letra correspondente à alternativa que preenche corretamente as Estão corretos apenas: a) Ele chegou na hora do almoço.
lacunas da frase apresentada. a) 1 e 2. b) 1, 2 e 3. c) 2 e 3. d) 2, 3 e 4 e) 3 e 4. b) Ao chegar a casa, o filho pródigo foi bem recebido.
Essas são responsabilidades ..... eles na podem se eximir, por isso afirmo c) Era muito tarde quando cheguei ao colégio.
.......comparecerão à reunião. 69. (UM-SP) d) O noivo chegou atrasado na igreja.
a) de que – de que. I. Certifiquei-o ... que uma pessoa muito querida aniversaria neste mês.
b) de que – que. II. Lembre-se ... que, baseada em caprichos, não obterá bons resultados. 77. (F. Cásper Libero-SP) Marque a alternativa que completa:
c) que – que. III. Cientificaram-lhe ... que aquela imagem refletia a alvura de seu mundo in- terno. Éramos...assistindo... jogo.
d) que – de que. De acordo com a regência verbal, a preposição de cabe: a) em seis, o. b) em seis, ao. c) seis, o. d) seis, ao.
e) a que – de que. a) nos períodos I e II. b) apenas no período II. c) nos períodos I e III.
d) em nenhum dos três períodos. e) nos três períodos. 78. (UFSCar-SP) Assinale a alternativa correta quanto à regência.
62. (Cesgranrio-RJ) Assinale a opção que completa corretamente as lacunas da seguinte a) A peça que assistimos foi muito boa.
frase: “O controle biológico de pragas, o texto faz referência, é certamente o mais 70. (Fuvest-SP) Leia as frases abaixo e assinale a que está correta. b) Estes são os livros que precisamos.
eficiente e adequado recurso ... os lavradores dispõem para proteger a lavoura sem a) A jovem que eu lhe falei à pouco vai ser entrevistada. c) Esse foi um ponto que todos se esqueceram.
prejudicar o solo”. b) A jovem que a pouco foi entrevistada é aquela que eu lhe falei. d) Guimarães Rosa é o escritor que mais aprecio.
a) do qual, com que. b) de que, que. c) que, o qual. d) ao qual, cujos. e) a que, de que. c) A jovem de cuja eu lhe falei há pouco foi entrevistada é aquela que foi entrevistada. e) O ideal que aspiramos é conhecido por todos.
d) A jovem que há pouco foi entrevistada é aquela de que eu lhe falei.
63. (ITA-SP) Assinale a alternativa correta. e) A jovem que há pouco foi entrevistada é aquela que eu lhe falei. 79. (PUC-RS) Obedeça-..., estime-... e ... sempre que precisar.
a) Antes prefiro aspirar uma posição honesta que ficar aqui. a) os – os – recorra a eles. b) lhes – os – recorra a eles.
c) lhes – lhe – recorra-lhes. d) os – lhes – recorra-lhes. e) Chamei-lhe sábio, pois sempre soube decifrar os enigmas da vida. 2. (Fesb-SP) Não me refiro ... essa peça, mas ... a que assistimos sábado ... noite. a) a –
e) os – lhes – recorra a eles. àquela – à. b) a – aquela – a. c) à – aquela – à. d) à – àquela – a. e) à – àquela – à.
90. (Fuvest-SP) Posso informar ... senhores ... ninguém, na reunião, ousou aludir
80. (FCC-BA) Quanto a amigos, prefiro João ... Paulo, ... quem sinto ... simpatia. a) a – por ... tão delicado assunto. 3. (UFRS) O grupo obedece ... comando de um pernambucano, radicado ... tem- pos em
– menos. b) do que – por – menos. a) aos – de que – o. São Paulo, e se exibe diariamente ... hora do almoço. a) o, a, à. b) ao, há, à. c) ao, a, a. d)
c) a – para – menos. d) do que – com – menos. b) aos – de que – ao. o, há, a. e) o, a, a.
e) do que – para – menos. c) aos – que – à.
d) os – que – à. 4. (Acafe-SC) Assinale a alternativa que completa a frase.
81. (FCC-BA) Como não ... vi, chamei o contínuo e mandei ..., então, ... . a) lhe – ele – e) os – de que – a. Trouxe ... mensagem ... Vossa Senhoria e aguardo ... resposta, ... fim de levar... pessoa
procurar você. b) o – o – procurá-lo. que me enviou. a) a – a – à – a – a.
c) lhe – o – procurá-lo. d) o – ele – procurar-lhe. 91. (FCC – Soldado PM/BA) Está correto o emprego da expressão sublinhada na frase: b) a – à – a – à – a. c) à – à – à – à – a. d) a – a – a – a – à.
e) lhe – lhe – procurar-lhe. a) A aversão com que alguns demonstram pela prevenção é incompreensível. e) à – a – a – a – a.
b) A prevenção é uma medida de cujos bons efeitos todos devem apoiar.
82. (FCMSC-SP) São excelentes técnicos,.....colaboração não podemos prescindir. a) c) É injustificável a má vontade de que muitos manifestam diante da prevenção. 5. (Unaerp-SP) Levando em conta que alguns nomes de lugar admitem a anteposição do
cuja. b) de cuja. c) que a. d) de que a. d) A prevenção, em que muitos fazem questão de ignorar, é imprescindível. artigo, assinale a alternativa em que a crase foi empregada corretamente. a) Ele nunca foi
e) dos quais a. e) Medidas preventivas provocam efeitos de cuja eficácia ninguém duvide. à Berlim.
b) Ele nunca foi à Paris. c) Ele nunca foi à Portugal.
83. (Fuvest-SP) Indique a alternativa correta. 92. (FCC-BA) A mãe não ... bem, nem ... bem; isso talvez explique o seu ... humor. a) o d) Ele nunca foi à Roma. e) Ele nunca foi à China.
a) Preferia brincar do que trabalhar. queria – lhe tratava – mau.
b) Preferia mais brincar a trabalhar. b) o queria – o tratava – mau. c) lhe queria – lhe tratava – mau. 6. (F. Cásper Líbero-SP) Assinale a alternativa que completa esta frase. Diga ... essa
c) Preferia brincar a trabalhar. d) lhe queria – o tratava – mau. e) lhe queria – o tratava – mau. menina que estou ... fazer o exercício ... risca.
d) Preferia brincar à trabalhar. a) a – a – à. b) à – a – à. c) a – à – a. d) a – à – à.
e) Preferia mais brincar que trabalhar. 93. (FCC – Analista Judiciário – TRF 3ª Região) Devaneios, quem não tem devaneios?
Têm devaneios as crianças e os jovens, dão aos devaneios menos crédito os adultos, mas 7. (PUC-SP) Assinale a alternativa que preencha, pela ordem, corretamente as lacunas.
84. (FCC-BA) O projeto ... estão dando andamento é incompatível...tradições da firma. a) é impossível abolir os devaneios completamente. “... seis horas da manhã, já estávamos ... esperar o trem que nos levaria ... cidadezinha,
de que – com as. Evitam-se as indesejáveis repetições da frase acima substituindo- se os ele- mentos de onde iríamos, ... cavalo, ... fazenda do Sr. Juca.” a) As – à – a – à – à.
b) a que – com as. c) que – as. d) à que – às. e) que – com as. sublinhados, na ordem dada, por: b) Às – a – à – à – a. c) As – a – à – a – à. d) Às – a – à – a – à.
a) os tem – Têm-lhes – dão-lhes – abolir-lhes. e) As – à – à – a – a.
85. (Cefet-PR) Assinale a alternativa que apresenta incorreção quanto à regência. b) tem eles – Têm-nos – dão-lhes – abolir-lhes.
a) Nós nos valemos dos artifícios que dispúnhamos para vencer. c) os tem – Têm eles – dão-nos – aboli-los. 8. (UFS-SP) Se você for visitar ... região Nordeste, não deixe de ir conhecer ... belas praias
b) Ele preferiu pudim a groselha. d) tem a eles – Os têm – dão a eles – abolir a eles. ... disposição dos turistas.
c) O esporte de que gosto não é praticado no meu colégio. e) os tem – Têm-nos – dão-lhes – aboli-los. a) a – as – a. b) a – as – à. c) à – às – à. d) à – as – à. e) a – às – a.
d) Sua beleza lembrava a mãe, quando apenas casada.
e) Não digo com quem eu simpatizei, pois não lhe interessa. 94. (Unimep-SP) Assinale a alternativa que preenche corretamente as lacunas. “Esta casa, 9. (UEL-PR) Quanto ... mim, nada mais direi ... favor ou contra uma decisão sobre a qual já
... construção assisti, tem mais cômodos do que aquela ... você morou no Rio de Janeiro.” opinei ... muito tempo.
86. (Cefet-PR) Assinale a alternativa que indica, dentre as orações abaixo, as com erro de a) cuja – em que. a) a – a – há. b) à – à – à. c) a – à – há. d) à – a – à. e) à – à – há.
regência nominal. b) de cuja – onde. c) a cuja – na qual. d) a qual – em que.
1. Sou avesso aos abusos de certas autoridades. e) da qual – onde. 10. (Efoa-MG) Assinale a alternativa em que o acento indicativo de crase está cor-
2. Ele é versado com a arte de enganar os trouxas. retamente empregado em todos os casos.
3. Sua mente é escassa de boas ideias. 95. (FCC – Analista Judiciário – TRF 3ª Região) Considere as seguintes frases: a) Foram feitas referências elogiosas à família e à pessoa do desembargador na reunião.
4. Os inseticidas são nocivos às aves que se alimentam de sementes e insetos. I. É muito restritivo o aspecto da “razoabilidade” dos sonhos, de que o autor do texto b) À todas as pessoas de bem, é garantido o direito à regalias no clube.
5. Esta função não é compatível de sua dignidade. analisa no segundo parágrafo. c) Daqui à uma semana, irei à Campinas atender à algumas pessoas.
a) 1 – 2. b) 3 – 4. c) 2 – 5. d) 3 – 5. e) 2 – 3. II. Talvez um dos “dragões” a que se deva dar combate em nossos dias seja o império dos d) Quando menos se esperam apelos à favor de mudanças, eles acontecem a beça.
interesses materiais. e) Às duas horas, sairemos à procura de alguém que possa ficar frente à frente com o
87. (Juiz de Direito – TJ/SP) Assinale a alternativa incorreta quanto à regência. III. Os sonhos em cuja perseguição efetivamente nos lançamos podem transformar-se em preso.
a) Este é o romance de que lhe falei e cujo autor é um francês. conquistas objetivas.
b) Com quem Maria está namorando? Está correto o emprego do elemento sublinhado APENAS em: 11. (PUC-RS) Em todas as frases deve ser utilizado o acento indicativo da crase, exceto
c) Ele está apto para frequentar o colégio naval. a) I. b) II. c) III. d) II e III. e) I e III. na: a) É preciso resistir a violência.
d) O atleta atingiu o limite de sua capacidade física. b) Nem sempre se sobrevive a violência.
96. (Fatec-SP) Indique a alternativa em que há erro quanto à regência. c) A dor do agredido sucede a violência.
88. (Cefet-PR) Escolha a alternativa que completa corretamente as lacunas, em a) Eu o agradei, Antônio? d) É necessário desaprovar a violência.
observância ao regime dos verbos. b) Eu não lhe agradei, Antônio? e) Não se pode ceder a violência.
1. O governo deve assistir ... trabalhadores. c) Muito lhe amo, saiba disto.
2. O filme de aventuras é o ... mais gosto. d) Você não é uma pessoa de que eu goste. 12. (UFS-SP) Falando ... equipe que ... aguardava desde cedo, a socióloga apresentou ...
3. Os presidenciáveis aspiram ... cargo com ardor. e) Sua explanação, contra cuja oportunidade me volto, é bem agradável mas falha. proposta inicial de seu trabalho.
4. Os fracos abdicam ... luta pela vida. a) à – à – à. b) à – a – a. c) a – à – à. d) a – a – a. e) a – à – a.
5. É um regulamento ... ninguém obedece. 97. (FCC – PBGÁS/PB) Está correto o emprego do elemento sublinhado na frase:
a) os – que – o – da – a que. a) Há em nosso mundo paisagens belas, em cujas faz bem pousar os olhos. 13. (Efoa-MG) O acento gráfico indicativo da ocorrência da crase está corretamente
b) os – que – ao – pela – que. b) São belas paisagens, cuja sedução nos leva a contemplá-las. empregado em:
c) aos – do que – o – da – a que. c) Há paisagens aonde nosso olhar se demora prazerosamente. a) À família compete obedecer às leis que garantem à criança o direito à vida.
d) os – de que – o – pela – de que. d) São belezas de um tempo onde o homem não tinha tanta pressa. b) À justiça compete garantir à todas as crianças o cumprimento das leis que as protegem.
e) aos – de que – ao – da – a que. e) A reação de que toda beleza nos impõe é a calma da contemplação. c) Daqui à algumas semanas, iremos às urnas à fim de elegermos nossos representantes.
d) À noitinha, todos se reúnem à beira da fogueira alimentada à fogo brando.
89. (UM-SP) Assinale a alternativa incorreta quanto à regência verbal. EMPREGO DO ACENTO GRAVE – A CRASE e) Todo o mundo vive à reclamar mudanças, pois o país está às portas do caos.
a) Ele custará muito para me entender.
b) Hei de querer-lhe como se fosse minha filha. 1. (UEL-PR) Ainda ... pouco, o professor referia-se ... questões interligadas ... prática de 14. (Agente Fiscal Pref. São José do Rio Preto/Vunesp – 2008) Assinale a frase em que o
c) Em todos os recantos do sítio, as crianças sentem-se felizes, porque aspiram o ensino. a) a – à – a. b) há – à – à. c) à – à – à. d) há – a – à. e) a – a – a. sinal indicativo de crase foi empregado corretamente.
ar puro. a) Comerciais de bebidas alcoólicas são nocivos a sociedade porque não mostram os
d) O presidente assiste em Brasília há quatro anos. perigos da bebida e induzem à juventude à um comportamento irresponsável.
b) Comerciais de bebidas alcoólicas são nocivos à sociedade porque não mostram os 35. (Cefet-MG) Observe:
perigos da bebida e induzem à juventude a um comportamento irresponsável. 25. (FCC – TRT 23ª Região – Analista Judiciário) Justificam-se ambas as ocorrências do I. Frau Herta estava presente ... acontecimento.
c) Comerciais de bebidas alcoólicas são nocivos à sociedade porque não mostram os sinal de crase em: II. Afonso não fez referência ... .
perigos da bebida e induzem a juventude à um comportamento irresponsável. a) Na entrevista que concedeu à TV, a juíza recorreu à uma frase de Disraeli. III. No colégio, ele não assistia...festas.
d) Comerciais de bebidas alcoólicas são nocivos à sociedade porque não mostram os b) A frase à que se reportou a juíza diz respeito à distinções éticas. IV. Não sabia por que traziam...baila aquelas velhas discórdias.
perigos da bebida e induzem a juventude a um comportamento irresponsável. c) Faltam audácia e iniciativa à quem deveria propor-se às ações afirmativas. Os períodos acima ficarão corretos se forem preenchidos, respectivamente, por: a) aquele
e) Comerciais de bebidas alcoólicas são nocivos a sociedade porque não mostram os d) Não se abra àqueles inescrupulosos o campo favorável à impunidade. – àquilo – à – as.
perigos da bebida e induzem a juventude à um comportamento irresponsável. e) A comunidade dos justos assiste à obrigação de dar combate à tal ousadia. b) aquele – aquilo – a – à. c) aquele – aquilo – à – a.
d) àquele – àquilo – a – à. e) aquele – àquilo – a – à.
15. (UFSCar-SP) Leia as frases abaixo: 26. (Unifor-CE) Discordâncias ... parte, dedico meu trabalho ... ela, com quem aprendi ...
A conclusão do inquérito foi prejudicial ... toda categoria. Mostrou-se insensível ... qualquer ler a linguagem da natureza. 36. (Cefet-PR) O pobre homem fica ... meditar, ... tarde, indiferente.....que acontece ao
argumentação. a) à – à – à. b) a – a – a. c) a – a – à. d) a – à – a. e) à – a – a. seu redor. a) à –a – aquilo.
Este prêmio foi atribuído ... melhor aluna do curso. Faço restrições ... ter mais elementos b) a – a – àquilo. c) a – à – àquilo. d) à – à – aquilo. e) à – à – àquilo.
no grupo. 27. (FCC – PBGÁS/PB) Justificam-se as duas ocorrências do sinal de crase em:
Indique a alternativa que, na sequência, preenche as lacunas acima correta- mente. a) a – a) Caberá à maioria das pessoas decidir se continuarão preferindo a velocidade à 37. (Efoa-MG) Ele saiu ... pé, ... caminho do teatro, e daí, ... pouco, saímos procura
a – à – a. b) à – à – à – à. c) à – à – a – a. qualidade mesma das experiências. dele. a) a – a – há – à. b) a – à – a – à.
d) à – à – a – à. e) a – a – à – à. b) O valor atribuído à velocidade está prestes à ser substituído por algum parâmetro que c) a – a – a – à. d) à – a – a – à. e) à – à – há – à.
leve em conta a ecologia.
16. (UEFS-BA) Ainda ... pouco, eu ... vi atravessando aquela rua, ali ... direta. c) Desde que se alçou à tal poder, o fator velocidade não tem encontrado oponentes à 38. (Furg-RS) Joana foi .. bela Campinas, dirigiu-se...referida pensão e aí, pondo-se ...
a) há – a – à. b) há – a – a. c) a – a – a. d) a – à – à. e) à – a –a. altura de seu prestígio. vontade, solicitou ... criadas um prato....portuguesa. a) a – à – à – as – a. b) a – à – à – às
d) Dada à importância que assumiu na informática, a velocidade dos processos tornou-se – à.
17. (PUCC-SP) A frase em que o acento grave indica corretamente a ocorrência de crase indispensável à massa dos internautas. c) à – à – a – às – à. d) à – a – à – as – a. e) à – à – à – às – à.
é: e) Sabe-se que, à curto prazo, o fator velocidade será submetido à uma mais rigorosa e
a) Eles pareciam aborrecidos, pois chegaram à recusar até mesmo um cafezinho. justa avaliação. 39. (Uni-Rio-RJ) Assinale o item que completa as lacunas: “.uma semana atrás,...
b) Todos fizeram severas críticas à redação do texto; quanto à mim, quero ressaltar seus composição de Bandeira, uma ... uma, era enviada gráfica”. a) Há – à – a – a. b) A – a –
méritos. 28. (FSA-SP) A alternativa que preenche corretamente as lacunas da frase “... muito à – a. c) A – à – à – a.
c) Em seu discurso, o homenageado dirigiu-se especialmente àqueles que, em passado tempo, devido ... condições político-econômicas do país, não é dado ... população o direito d) Há – a – a – à. e) Há – a – à – a.
recente, o haviam censurado. de viver ... salvo de sobressaltos financeiros” é: a) A – as – à – à. b) À – às – à – a.
d) Sugeri que recorrêssemos à pessoas mais preparadas para tratar do assunto. c) Há – às – à – a. d) Há – às – à – à. e) à – as – à – a. 40. (Acafe-SC) Assinale a alternativa que completa corretamente as frases.
e) Este documento deve ser encaminhado à seu chefe, para que ele o assine o mais I. De ponta ... ponta da rua, viam-se cartazes.
rápido possível. 29. (Fafeod-MG) Assinale a opção que completa corretamente as lacunas da frase. II. Estamos ... procura de melhores oportunidades.
Saiu de casa ... oito horas da manhã, ... escondidas, só retornando ... noite, dirigindo-se ... III. Agradeço ... você pelas sugestões que me deu.
18. (UCDB-MT) Assinale a opção que completa corretamente as lacunas. aposento suspeito. a) às – as – a – aquele. IV. A promoção será realizada de 27 ... 29 de julho do corrente ano.
... dois dias, ele pegou ... sacola, disse adeus ... filha e saiu ... cavalo. b) as – às – à – àquele. c) às – às – à – àquele. a) a, à, a, a. b) a, à, à, à. c) à, à, a, à. d) à, a, a, à. e) à, a, à, a.
a) A – a – à – à. d) às – às – a – aquele. e) às – às – à – àquele.
b) A – à – a – a. 41. (Juiz de Direito – TJ/SP) Assinale a frase correta quanto à crase.
c) Há – a – a – à. 30. (Fuvest-SP) Assinale a frase, que pode ser completada com Há – a – à, nessa ordem: a) Jamais me referi à Vossa Excelência com palavras desrespeitosas.
d) Há – a – à –a. a)... tempos não ... via, mas sempre estive ... espera de um encontro. b) Depois de dois dias no mar, os marinheiros voltaram à terra para descansar.
e) Há – a – à – à. b) Aqui, ... beira do rio, ... muitos anos, existia ... casa-grande do engenho. c) Os turistas observavam os animais à distância.
c) Em resposta ... essa solicitação, só posso dizer que não ... vaga ... disposição. d) Aos fins de semana costumava ir à Santos das belas praias.
19. (Unifor-CE) O aluno fará ... tempo as correções relativas ... respostas dadas ao d) Fiz ver ... quem de direito, que não ... possibilidade de atender ... solicitação.
examinador. e)... esperança de obtermos, ... custa de muito empenho, ... vaga de servente. 42. (FCC-BA) A casa fica ... direita de quem sobe a rua, ... duas quadras da avenida do
a) há – as. Contorno.
b) à – às. 31. (Efoa-MG) Solicito ... V. Sª. Que compareça ... qualquer hora ... uma de nossas a) à – há. b) a – à. c) a – há. d) à – a. e) à – à.
c) a – às. agências e traga ... filha. a) à – em – em – vossa b) a – a – a – sua. c) a – a – à – vossa.
d) há – às. d) à – em – a sua. e) a – a – a vossa. 43. (FMABC-SP) A alternativa que preenche corretamente as lacunas da frase “Ele já saiu
e) a – as. ... muito tempo; deverá chegar ... terra de seus pais daqui ... alguns dias, se não tiver
32. (UCDB-MT) Ele falou ... respeito de seus planos. Pode ser que ... partir da próxima deixado o carro ... gasolina, com que viajaria, ... espera de revisão” é: a) a, à, a, à, a. b)
20. (UM-SP) Assinale a alternativa que preencha corretamente as lacunas. semana já haja muitas coisas ... fazer. há, à, a, a, à. c) à, a, à, a, a. d) há, a, a, a, a. e) à, à, a, à, a.
Julgo que ... dez anos a situação era diferente. Daqui ... pouco não poderemos mais ir ... a) à – a – a. b) a – a – a. c) à – à – à. d) à – à – a. e) a – a – à.
cidade sem receio. 44. (Juiz de Direito – TJ/SP) Assinale a frase em que o “a” deve receber o acento
a) há – à – a. b) à – há – a. c) a – a – à. d) a – há – à. e) há – a – à. 33. (FCC – Analista Judiciário – TRF 3ª Região) É preciso suprimir um ou mais sinais de indicativo de crase.
crase em: a) As alunas se retiraram uma a uma.
21. (Unifor-CE) Nas compras ... vista ou ... prazo, o desconto oferecido ... clientela é a) À falta de coisa melhor para fazer, muita gente assiste à televisão sem sequer atentar b) De terça a quinta houve reuniões.
praticamente o mesmo. para o que está vendo. c) O terreno dista de cinco a seis metros da esquina.
a) à – à – a. b) à – a – à. c) a – a – à. d) à – à – à. e) a – a – a. b) Cabe à juventude de hoje dedicar-se à substituição dos apelos do mercado por d) Quem faltar a aula não fará o exame.
impulsos que, em sua verdade natural, façam jus à capacidade humana de sonhar.
22. (UFPI) Ainda ... pessoas no mundo que veem muito pouco ... própria volta. c) Os sonhos não se adquirem à vista: custa tempo para se elaborar dentro de 45. (Policial Civil-RJ) Assinale a frase em que está INCORRETO o uso do acento grave. a)
a) há – a. b) há – à. c) a – à. d) a – a. e) à – há. nós a matéria de que são feitos, às vezes à revelia de nós mesmos. Ele vive às custas do pai.
d) Compreenda-se quem aspira à estabilidade de um emprego, mas prestem- se b) O professor age sempre às claras.
23. (Unifor-CE) Senti, ... partir daquele instante, que ... empresa pouco importara minha todas as homenagens àquele que cultiva seus sonhos. c) Não têm conta às vezes que viajou.
dedicação ... campanha de vendas. e) Quem acha que agracia à juventude de hoje com elogios ao seu pragmatismo d) Examinou o doente às pressas.
a) à – a – a. b) a – à – à. c) a – à – a. d) à – à – a. e) a – a – à. não está à salvo de ser o responsável pela frustração de toda uma geração. e) Sairei às três horas.

24. (UFSM-RS) Assinale a alternativa que completa, corretamente, as lacunas da frase. 34. (FMU-Fiam-SP) Assinale a alternativa que preencha corretamente e respectivamente 46. (ITA-SP) Dadas as sentenças:
Nesta oportunidade, volto ... referir-me ... problemas já expostos ... V. Sª. ... alguns dias. a) os espaços da oração. “Fui ... casa de meu pai ... procura de um livro que ... tempos eu 1. Lançaram-se a novas conquistas. 2. Não sei a quem puxastes.
à, àqueles, a, há. não via.” 3. Procurei você de ponta a ponta.
b) a, àqueles, a, há. c) a, aqueles, à, a. d) à, àqueles, a, a. a) a – a – a. b) a – à – há. c) à – à – há. d) à – a – a. e) à – a – há. Constatamos que o acento indicador de crase no a deve ocorrer:
e) a, aqueles, à, há. a) apenas na sentença 1. b) apenas na sentença 2.
c) apenas na sentença 3. d) em todas as sentenças. 57. (UEL-PR) ... cerimônias, ... início finalmente se procedeu, compareceram muitos a) Enviei à Roma suas fotografias.
e) n.d.a. curiosos. a) Às – cujo. b) Às – a cujo. b) Foi à Lapa para inaugurar a gráfica.
c) As – à cujo. d) As – a cujo. e) às – à cujo. c) Alô, franceses, chegamos à Paris.
47. (Fuvest-SP) De ... muito, ele se desinteressou em chegar a ocupar cargo tão d) Viajou à Londres a fim de rever antigo amor.
im- portante, ... coisas mais simples na vida e que valem mais que a posse momentâ- nea 58. (Fuvest-SP) Diga ... elas que estejam daqui ... pouco ... porta da biblioteca. a) à – há – e) Referimo-nos à Niterói, em nossa excursão pelo interior.
de certos postos de relevo ... que tantos ambicionam por amor ... ostentação. a. b) a – há – à. c) a – a – a. d) à – a – a.
a) a – há – à – à. e) a – a – à. 70. (Furg-RS) ... muitos anos, o gaúcho era livre para percorrer ... cavalo largas distâncias,
b) há – as – a – a. pondo ... prova suas qualidades de cavaleiro.
c) há – há – a – à. 59. (Fuvest-SP) ... noite, todos os operários voltaram ... fábrica e só deixaram o serviço ... Selecione a alternativa que preenche corretamente as lacunas da frase apresentada. a) Há
d) a – hão – a – à. uma hora da manhã. / à / a. b) A / a / à. c) À / à / a.
e) há – a – a – a. a) Há – à – à. b) A – a – a. c) À – à – à. d) À – a – há. e) A – à – a. d) Há / a / a. e) Há / a / à.

48. (Fesp-SP) Assinale a alternativa com erros de crase. 60. (UEL-PR) No território nacional – ... estatísticas o demonstram – ... cada trinta minutos SINTAXE DE COLOCAÇÃO PRONOMINAL
a) Você já esteve em Roma? Eu irei a Roma logo. uma pessoa sucumbe ... tuberculose.
b) Refiro-me à Roma antiga, na qual viveu César. a) as – à – a. b) às – à – à. c) às – à – a. d) as – a – à. e) às – a – a. 1. (Inst. Champagnat) Assinale a alternativa em que o pronome pessoal átono admite outra
c) Fui a Lisboa de meus avós, pois gosto da Lisboa de meus avós. colocação:
d) Já não agrada ir a Brasília. A gasolina ... 61. (Fuvest-SP) Assinale a frase gramaticalmente correta. a) Nunca me esquecerei de sua ajuda.
a) O papa caminhava à passo firme. b) Chamou-lhe a atenção a elegância dela.
49. (FCC-PR) Estou ... espera de uma certa pessoa, ... quem poderei pedir informações ... b) Dirigiu-se ao tribunal disposto à falar ao juiz. c) Quando me chamaram era muito tarde.
respeito deste processo. c) Chegou à noite, precisamente as dez horas. d) Esperamos que nos venha visitar.
a) à – à – a. b) a – à – à. c) à – a – a. d) à – a – à. e) a – a – à. d) Esta é a casa à qual me referi ontem às pressas. e) Tudo aquilo a incomodava bastante.
e) Ora aspirava a isto, ora aquilo, ora a nada.
50. (ITA-SP) Assinale a alternativa que corretamente preenche as lacunas. 2. (Fac. Agronomia Luiz Meneghel) Assinale a alternativa correta quanto à colocação
Quando ... dois dias disse ... ela que ia ... Itália para concluir meus estudos, pôs-se ... 62. (UEL-PR) Todos acorreram ... praça, ... fim de apreciar os festejos que se inicia- ram pronominal:
chorar. a) a – a – a – a. b) há – à – à – a. daí ... alguns instantes. a) Aquilo parece-me sonho.
c) a – à – a – à. d) há – a – à – a. e) há – a – a – à. a) à – a – à. b) Este que fala-vos nunca disse mentiras.
b) à – à – à. c) Aqui deu-se a maior tragédia da história.
51. (FCC-PR) Os que assistiram ... peça chegaram ... aplaudi-la de pé, postando- se ... c) à – a – a. d) Sairei, já que não me aceitam no emprego.
poucos metros do palco. d) a – à – a.
a) à – à – há. b) à – a – a. c) a – a – à. d) à – a – há. e) a – à – a. e) à – à – a. 3. (Música-Santos/SP) Assinale a única alternativa incorreta quanto a colocação
pronominal:
52. (ITA-SP) Dadas as sentenças: 63. (Fesp-SP) Refiro-me ... atitudes de adultos que, na verdade, levam as moças ... a) Agora, ajeite-se como quiser. b) Agora convenci-me da verdade.
1. Meu irmão dedicou-se à áreas literárias. rebeldia insensata e ... uma fuga insensata. c) Se se pode ir, vai-se. d) Quanta honra nos dá sua visita!
2. Estamos à espera de socorro. a) às – à – à. b) as – à – à. c) às – à – a. d) as – à – a. e) às – a – à. e) Quanta honra encontrá-la!
3. Transmita esta informação à Sua Excelência. Deduzimos que:
a) apenas a sentença nº. 1 está correta. 64. (UEL-PR) Fique ... vontade e confie ... mim tudo que tem ... dizer. 4. (Fac. São Judas/SP) Assinale a alternativa errada quanto à colocação pronominal:
b) apenas a sentença nº. 2 está correta. a) a – a – à. b) à – a – a. c) à – a – à. d) à – à – à. e) a – à – a. a) Apesar de contrariarem, não me fariam mudar de ideia.
c) apenas a sentença nº. 3 está correta. b) Que Deus te acompanhe por toda parte.
d) todas estão corretas. 65. (UM-SP) ... vezes, não ... considero como amiga, mas, ... esta hora, sua ausência traz- c) Isso não me admira: eu também contrariei-me com o caso.
e) n.d.a. me grande saudade! d) Conforme foi decidido espero que todos se compenetrem de seu dever.
Habituei-me ... boa vida de regalias ... mais de quinze anos. e) n.d.a.
53. (FCMSC-SP) Assinale a sentença em que a crase foi empregada corretamente. Aponte a alternativa que completa adequadamente os vazios do período acima.
a) Não se esqueça de chegar à casa cedo. a) As – a – à – aquela – a. b) Às – a – a – àquela – há. 5. (Fac. Brás Cubas/SP) Apontar a sentença que deverá ser corrigida.
b) Prefira isto aquilo, já que ao se fazer o bem não se olha à quem. c) Às – a – à – aquela – há. d) às – a – à – aquela – a. a) Poderá resolver-se o caso imediatamente.
c) Já que pagaste àquelas dívidas, à que situação aspiras? e) As – à – a – aquela – há. b) Sabes o que se deverá dizer ao professor?
d) Chegaram até à região marcada e daí avançaram até à praia. c) Poder-se-á resolver o caso imediatamente.
e) Suas previsões não deixaram de ter razão, pois à uma hora da madrugada é um perigo 66. (UM-SP) d) Sabe o que deverá dizer-se ao professor?
andar à pé, sozinho. I. Em relação a renda familiar, o emprego intensivo de mão de obra não é a melhor e) Poderá-se resolver o caso imediatamente
solução.
54. (PUC-RS) Foi ... mais de um século que, numa reunião de escritores, se propôs a II. Desde a última década, sinistros presságios atormentam-lhe a mente. 6. (Fecap/SP) Assinale a alternativa gramaticalmente correta:
maldição do cientista que reduzira o arco-íris ... simples matéria: era uma ameaça ... III. Os investidores americanos, habituados à lentidão do ritmo inflacionário, conseguem a) Quando recebe-o em minha casa fico feliz.
poesia. acumular fortuna. b) Tudo fez-se como você mandou.
a) a – a – à. b) há – à – a. c) há – à – à. d) a – a – a. e) há – a – à. De acordo com o emprego adequado da crase, deduz-se que: c) Por este processo, teriam-se obtido melhores resultados.
a) todos os períodos estão corretos. d) Em se tratando disto, podemos contar com ele.
55. (FCMSC-SP) Assinale a alternativa cuja sequência preencha corretamente os b) nenhum dos três está correto. e) Me levantei assim que você saiu.
espaços: “Chamam ... isto de aventura? Tão logo desceram ... terra, os aviado- res foram c) estão corretos os períodos I e II.
calmamente assistir ... sessão, depois voltaram ... pressas, deixando os repórteres ... meio d) estão corretos os períodos II e III. 7. (FCC) Só não ..... louco, porque muito bem.
quarteirão de distância”. a) a – a – à – às – a. b) a – à – a – as – a. e) somente o período III está correto. a) o chamei, lhe quero. b) o chamei de, o quero.
c) a – a – a – às – à. d) à – à – a – as – à. e) a – à – a – as – à. c) chamei-o, quero-lhe. d) lhe chamei, quero-o.
67. (Fuvest-SP) Assinale a alternativa que preenche adequadamente as lacunas do texto. e) lhe chamei de, o quero.
56. (UFPR) Quais as formas que completam, pela ordem, as lacunas das frases “Chegar cedo ... repartição. Lá ... de estar outra vez o Horácio conversando ... uma das
seguintes? portas com Clementino.” 8. (Fuvest) “ENSINAR-ME-LO-IAS, se o SOUBESSES, mas não SABES-O.”
Daqui ... pouco vai começar o exame. a) à – há – a. b) à – há – à. c) a – há – a. d) à – a – a. e) a – a – à. A frase estaria de acordo com a norma gramatical, usando-se, onde estão as formas em
Compareci ... cerimônia de posse do novo governador. maiúsculo:
Não tendo podido ir ... faculdade hoje, prometo assistir ... todas as aulas amanhã. a) à – a 68. (Fesp-SP) Assinale a alternativa que completa a frase. a) Ensinar-mo-ias – o soubesses – o sabes.
– a – à. b) há – na – à – a. c) a – há – na – à. “Após ... reunião, todos foram ... sala, para assistir ... chegada dos hóspedes.” b) Ensinarias-mo – soubesse-lo – sabe-lo.
d) há – na – à – à. e) a – à – à – a. a) a – à – a. b) à – à – à. c) a – à – à. d) à – a – a. e) a – a – a. c) Ensinarias-mo – soubesses-o – o sabes.
d) Ensinar-mo-ias – soubesses-o – sabe-lo.
69. (UM-SP) Marque o período em que o uso da crase é permitido. e) Ensinarias-mo – soubesse-lo – o sabes.
32 – Eles apressaram-se a convidar-nos para a festa. 7. (Cefet-PR) Assinale a única alternativa que apresenta pontuação não justificável.
9. (FGV) O emprego e a colocação do pronome estão de acordo com a norma culta na a) Eu, sou valente, disse o fanfarrão.
alternativa: EMPREGO DOS SINAIS DE PONTUAÇÃO b) Todos, os meus amigos, sabem disso, meu velho!
a) Trata-se, evidentemente, de material muito simples, mas muitos dos que são c) Todos os meus amigos sabem, disso estou certo!
alfabetizados não conseguem lê-lo, nem compreendê-lo. 1. (UFPR) Quais são as frases corretamente pontuadas? d) A caridade, que é virtude cristã, agrada mais aos pobres que aos ricos.
b) Pensemos na desobediência, na heresia e nas seitas e em como o conhecimento lhes a) Os alunos angustiados esperam o resultado dos exames. e) Fui lá, ainda ontem, e procurei-o.
introduziu no mundo. b) Os alunos, angustiados, esperam o resultado dos exames.
c) Lembre-se das rodas dentadas da pobreza, da ignorância, da falta de esperança e da c) Os alunos, esperam angustiados, o resultado dos exames. 8. (UFSM-RS) Assinale a alternativa em que a pontuação está correta.
baixa autoestima e de como usam-as para criar um tipo de máquina do fracasso perpétuo. d) Angustiados, os alunos esperam o resultado dos exames. a) Embora esteja ameaçada pela poluição, aquela praia recebe durante o veraneio, muitos
d) Temos dilemas que nos perseguem e inteligências brilhantes, que poderiam ajudar a e) Os alunos, esperam, angustiados, o resultado dos exames. turistas.
solucionar eles rapidamente. f) Os alunos esperam angustiados, o resultado dos exames. b) Por muitos séculos, o homem usou, imprudentemente seu ambiente natural,
e) Existe a ideia de que a capacidade de ler, o conhecimento, os livros e os jornais são ocasionando desequilíbrio ecológico.
potencialmente perigosos; os tiranos e os autocratas sempre compreenderam-na. 2. (Unisinos-RS) Ocorre pontuação inaceitável em: c) A guerra flagelo terrível, tem sido uma constante, em todos os tempos da humanidade.
a) Doutor, ainda que mal pergunte, que negócio é esse? d) As recentes conquistas nucleares, alteram de modo profundo, as relações
10. (UFSC) Assinale a oração em que, alterando-se a posição do pronome, faz-se a sua b) Se queres distrair-te, ouve cantores italianos. internacionais.
adequação ao registro prescrito pela gramática normativa da língua portuguesa. c) Bento era entre todos os empregados, o mais fiel. e) Jovem, para entender a vida, comece por estudar o homem.
a) Ele tinha a culpa? = Tinha a culpa ele? d) Perdoo-te; espero, porém, que não reincidas no erro.
b) Me franzi. = Franzi-me. e) Não creias naqueles que não acreditam em ninguém. 9. (UFRJ) Marco Túlio Cícero, tão famoso quanto Demóstenes na área da retórica, sempre
c) Os olhos – vislumbre meu ... = Os olhos – meu vislumbre ... dizia: Prefiro a virtude do medíocre ao talento do velhaco. Neste período está faltando um
d)... como o de nenhum pasto. = ... como o de pasto nenhum. 3. (Uni-Rio-RJ) Assinale o item em que há erro no tocante à pontuação. sinal de pontuação:
e) De que jeito eu podia amar um homem ... = De que jeito podia eu amar um homem ... a)– D. Sara, a senhora é nossa benfeitora. a) vírgula b) ponto-e-vírgula c) ponto de exclamação d) aspas
b) Mulheres pobres, lavando roupa nas tinas, representavam o outro lado do mundo. e) reticência
11. (UFSM) Assinale a alternativa que NÃO apresenta erro de colocação do prono- me c) Peixadas, galinha de cabidela, tudo me recordava D. Sara.
oblíquo e de emprego de crase. d) Bandeira, só, enfrentava a orfandade. 10. (UEPG-PR) A opção em que está correto o emprego do ponto-e-vírgula é:
a) Jane Goodall, uma das primeiras a observar os chimpanzés, escreveu um livro que se e) Couto meu melhor amigo antecedeu-me na Academia. a) Solteiro, foi um menino turbulento; casado, era um moço alegre; viúvo, tornara-se um
refere a trinta anos de experiência na selva. macambúzio.
b) Jane Goodall, uma das primeiras à observar os chimpanzés, escreveu um livro que 4. (FCC – PBGÁS/PB) A pontuação está inteiramente correta na frase: b) Solteiro; foi um menino turbulento, casado; era um moço alegre, viúvo; tornara-se um
refere-se à trinta anos de experiência na selva. a) Deve-se considerar que, o fator velocidade, representa em nosso dias, um paradigma macambúzio.
c) Jane Goodall, uma das primeiras à observar os chimpanzés, escreveu um livro que se de prestígio absoluto que ninguém se põe a questionar. c) Solteiro, foi um menino; turbulento, casado; era um moço alegre viúvo, tornara-se um
refere a trinta anos de experiência na selva. b) Talvez devamos nos perguntar acerca do tempo subjetivo, com o qual precisemos macambúzio.
d) Jane Goodall, uma das primeiras a observar os chimpanzés, escreveu um livro que contar, para assimilarmos uma bela peça musical? d) Solteiro foi um menino turbulento, casado era um moço alegre, viúvo; tornara- se um
refere-se a trinta anos de experiência na selva. c) Em sua grande maioria, os internautas, não importa onde estejam, viajam por imagens macambúzio.
e) Jane Goodall, uma das primeiras a observar os chimpanzés, escreveu um livro que do mundo sem saber o que buscam. e) Solteiro, foi um menino turbulento, casado; era um moço alegre, viúvo; tornara-se um
refere-se à trinta anos de experiência na selva. d) Se antigamente, os homens saíam ao mar por razões econômicas, hoje, há quem viaje macambúzio.
pelas telas de um computador, sem qualquer necessidade real.
12. (UFF) Assinale a opção em que a reformulação da frase abaixo apresenta um emprego e) De duas uma; ou estamos hipnotizados pela velocidade, ou nos tornamos tão 11. (Ueba) Assinale a letra que corresponde ao período de pontuação correta.
de pronome NÃO COMPATÍVEL com o uso formal da língua: prepotentes, que sentimos dominá-la pondo-a a nosso serviço. a) Deu uma, última entrevista ocasião, em que pôde expor melhor suas intenções.
“E em tal maneira é graciosa que, querendo-a aproveitar, dar-se-á nela tudo, por bem das b) Deu uma última entrevista, ocasião em que pôde expor melhor suas intenções.
águas que tem”. 5. (Fuvest-SP) Escolha a alternativa em que o texto é apresentado com a pontua- c) Deu uma última entrevista, ocasião em que, pôde expor melhor, suas intenções.
a) E em tal maneira é graciosa que, se a quisermos aproveitar, dar-se-á nela tudo por ção mais adequada. d) Deu uma última, entrevista, ocasião em que pôde, expor melhor suas intenções.
causa das águas que tem. a) Depois que há algumas gerações, o arsênico deixou de ser vendido, em farmácias, não e) Deu uma última entrevista ocasião em que, pôde expor melhor, suas intenções.
b) E em tal maneira é graciosa que, querendo-a aproveitá-la, dar-se-á nela tudo, por bem diminuíram os casos de suicídio, ou envenenamento criminoso, mas aumentou e –
das águas que tem. quanto... o número de ratos. 12. (FCC – Metrô/SP – Supervisor de Linha) Está inteiramente correta a pontuação da
c) E em tal maneira é graciosa que, querendo-a aproveitar, tudo nela se dará, por causa b) Depois que há algumas gerações o arsênico, deixou de ser vendido em farmácias, não seguinte frase:
das águas que tem. diminuíram os casos de suicídio ou envenenamento criminoso, mas aumentou: e quanto! a) Há os que se gabam de jamais fazerem concessões, a quem quer que seja, será que
d) E em tal maneira é graciosa que, ao querer-se aproveitá-la, tudo dar-se-á nela, por bem O número de ratos. não imaginam, que para isso é preciso não levar em conta − seus próprios semelhantes?
da águas que tem. c) Depois que, há algumas gerações, o arsênico deixou de ser vendido em farmácias, não b) Há os que se gabam de jamais fazerem concessões a quem quer que seja; será que
e) E em tal maneira é graciosa que, querendo aproveitar ela, tudo dar-se-á por bem das diminuíram os casos de suicídio ou envenenamento criminoso, mas aumentou – e quanto! não imaginam que, para isso, é preciso não levar em conta seus próprios semelhantes?
águas que tem. – o número de ratos. c) Há os que se gabam, de jamais fazerem concessões, a quem quer que seja: será que
d) Depois que há algumas gerações o arsênico deixou de ser vendido em farmácias – não não imaginam que para isso é preciso não levar em conta seus próprios semelhantes?
13. (FGV) Observe a ocorrência da mesóclise nos seguintes exemplos: diminuíram os casos de suicídio, ou envenenamento criminoso, mas aumentou; e quanto – d) Há os que se gabam de jamais fazerem concessões, a quem quer que seja, será que
–veremos + o = vê-lo-emos; –faríamos + os = fá-los-íamos; o número de ratos. não imaginam que, para isso é preciso não levar em conta: seus próprios semelhantes?
–veríamos + a = vê-la-íamos. e) Depois que, há algumas gerações o arsênico deixou de ser vendido em farmácias, não e) Há os que se gabam de, jamais, fazerem concessões, a quem quer, que seja: será que
Assinale abaixo a alternativa em que a mesóclise ocorre de acordo com a nor- ma culta. diminuíram os casos de suicídio ou envenenamento criminoso, mas aumentou; e quanto, o não imaginam que para isso é preciso não levar em conta seus próprios semelhantes...
a) Fa-los-ei. b) Entende-los-ás. c) Partí-las-ás. numero de ratos!
d) Integrá-las-eis. e) Intui-las-emos. 13. (UEPG-PR) Assinale a alternativa que corresponde ao período de pontuação correta.
6. (TRF 5ª Região – Analista Judiciário – Judiciária) A frase cuja pontuação está a) Quando um juiz, sentencia, ouvindo somente uma das partes, a sentença, poderá ser
14. (UFC-CE) Assinale as opções gramaticalmente corretas: inteiramente correta é: justa, mas o juiz não o é de maneira nenhuma.
a) Sobre aquela ocorrência, os alunos tinham prevenido-o há alguns dias. a) Momentos de extrema felicidade, sabe-se, costumam ser raros e efêmeros; por isso, há b) Quando um juiz sentencia, ouvindo somente uma, das partes, a sentença poderá ser
b) Nesta circunstância, amparemo-lo com todo o carinho. quem busque tirar o máximo proveito de acreditar neles e antegozá-los. justa, mas o juiz não o é de maneira nenhuma.
c) Quanto ao emprego, não aceitando-o, oferecê-lo-ei a outro amigo. b) É muito comum que as pessoas valendo-se do senso comum, vejam o pessimismo e o c) Quando um juiz, sentencia ouvindo somente, uma das partes, a sentença poderá ser
d) Não sei se me não deves agradecer. otimismo como simples oposições: no entanto, não é esta a posição do autor do texto. justa mas, o juiz não o é de maneira nenhuma.
c) Talvez, se não houvesse a expectativa da suprema felicidade, também não haveria d) Quando um juiz sentencia, ouvindo somente uma das partes, a sentença poderá ser
15. (UFSC) Indique a soma das frases em que a colocação dos pronomes oblíquos átonos razão para sermos pessimistas, ou otimistas, eis uma sugestão, das entrelinhas do texto. justa mas, o juiz não o é, de maneira nenhuma.
está correta: d) O autor nos conta que outro dia, interessou-se por um fragmento de um blog; e o e) Quando um juiz sentencia, ouvindo somente uma das partes, a sentença poderá ser
01– Nunca soubemos quem roubava-nos nas medidas. transcreveu para melhor explicar a relação entre otimismo e pessimismo. justa, mas o juiz não o é de maneira nenhuma.
02– Pouco se sabe a respeito de novas fontes energéticas. 04 – Nada chegava a e) Quem acredita que o pessimismo é irreversível, não observa que, na vida, há surpresas
impressioná-lo na juventude. e espantos que deveriam nos ensinar algo, sobre a constante imprevisibilidade de tudo. 14. (Fuvest-SP) Assinale a alternativa que está com a pontuação correta.
08 – Falaria-me tudo, se eu fizesse pressão. 16 – Dar-lhe-emos novas oportunidades.
a) Citando o dito da rainha de Navarra, ocorre-me que entre o nosso povo, quando uma b) Em 2003, o projeto ganhou o apoio do Tribunal de Contas do Estado do Maranhão. A Os dois-pontos (:) do período acima poderiam ser substituídos por vírgula, explicitando-se
pessoa vê outra pessoa arrufada, costuma perguntar-lhe: “Gentes, quem matou seus parceria culminou na instrução normativa que obriga as prefeituras e as câmaras o nexo entre as orações pela conjunção:
cachorrinhos?” municipais a colocarem à disposição da população a prestação de contas municipais. A a) portanto. b) e. c) como. d) pois. e) embora.
b) Citando o dito, da rainha de Navarra, ocorre-me que entre o nosso povo instrução tem como amparo a Lei de Responsabilidade Fiscal.
quando, uma pessoa vê outra pessoa arrufada costuma perguntar-lhe: “Gentes, quem 28. (FCC – TRT 23ª Região – Analista Judiciário) Está inteiramente adequada a pontuação
matou seus cachorrinhos?” c) O projeto foi então, adotado pelo Fórum Permanente dos Promotores de Justiça, da seguinte frase:
c) Citando, o dito da rainha de Navarra, ocorre-me que entre o nosso povo, “Depois, fizemos com que esses comitês tivessem participação em todas as atividades do a) A indignação de muita gente não transpõe na maioria dos casos, o âmbito das
quando uma pessoa vê outra pessoa arrufada costuma perguntar-lhe: “Gentes, quem estado, no planejamento do orçamento, na execução orçamentária e até, na prestação de conversas privadas e assim, os valores éticos acomodam-se no plano raso de um
matou seus cachorrinhos?” contas”, explicou o promotor de justiça. discurso, que não leva à ação.
d) Citando o dito da rainha de Navarra, ocorre-me que entre o nosso povo, b) A indignação de muita gente, não transpõe, na maioria dos casos, o âmbito das
quando uma pessoa vê outra pessoa arrufada, costuma perguntar-lhe: “Gentes quem d) O projeto Contas na Mão nasceu em 2000, a partir de audiências públicas no interior do conversas privadas, e assim, os valores éticos acomodam-se no plano raso de um
matou seus cachorrinhos?” Maranhão. Nesses encontros, os promotores discutiam com a população, o processo discurso que não leva à ação.
e) Citando o dito, da rainha de Navarra, ocorre-me, que, entre o nosso povo, quando uma eleitoral e possíveis crimes como: a compra de votos. “Depois, achamos necessário que c) A indignação, de muita gente, não transpõe na maioria dos casos o âmbito das
pessoa, vê outra pessoa arrufada, costuma perguntar-lhe: “Gentes, quem matou seus esse trabalho de conscientização se estendesse para além do período eleitoral”, disse, um conversas privadas, e assim os valores éticos acomodam-se, no plano raso de um
cachorrinhos?” promotor de justiça. discurso, que não leva à ação.
d) A indignação de muita gente não transpõe, na maioria dos casos, o âmbito das
15. (FCC-SP) Cada um dos períodos seguintes foi pontuado de cinco formas diferentes. e) No Maranhão, os comitês são formados por cidadãos, indicados, pelos promotores de conversas privadas, e, assim, os valores éticos acomodam-se no plano raso de um
Leia-os todos e assinale a letra que corresponde ao período de pontuação correta. cada comarca do estado. Eles obtêm capacitação por meio de: cursos realizados na discurso que não leva à ação.
a) A questão, porém, não é de pão, é de manteiga. capital São Luís, e também no interior. Tudo é mantido com recursos da Procuradoria- e) A indignação de muita gente, não transpõe, na maioria dos casos o âmbito das
b) A questão porém, não é de pão é de manteiga. Geral de Justiça maranhense e por meio de parcerias com a AMPEM. conversas privadas, e, assim, os valores éticos, acomodam-se no plano raso de um
c) A questão, porém, não é de pão é de manteiga. Opções adaptadas. Internet: <http://www.cgu.gov.br>. Acesso em 17/6/2005. discurso que não leva à ação.
d) A questão porém não: é de pão, é de manteiga.
e) A questão, porém não é de pão, é de manteiga. 22. (FGV-SP) “Considerando as razões apresentadas, penso, que a solicitação será
deferida.”
16. (FCC-PR) Aponte a alternativa pontuada corretamente. No texto acima, uma das vírgulas separa erradamente: 29. (FCMSC-SP) Assinale o período de pontuação correta.
a) Para mim ser é admirar-me de estar sendo. a) a oração principal e a oração subordinada substantiva objetiva direta. a) Permita-me, portanto cumprimentá-lo, por tão brilhante desempenho.
b) Para mim, ser é admirar-me de estar sendo. b) o sujeito e o objeto indireto. b) Permita-me, portanto, cumprimentá-lo por tão, brilhante desempenho.
c) Para mim ser, é admirar-me de estar sendo. c) o predicativo e a oração subordinada substantiva objetiva indireta. c) Permita-me portanto, cumprimentá-lo, por tão brilhante desempenho.
d) Para mim ser é admirar-me de, estar sendo. d) o predicativo do sujeito e o gerúndio. d) Permita-me portanto cumprimentá-lo por, tão brilhante desempenho.
e) Para mim ser, é admirar-me de estar, sendo. e) a oração subordinada adverbial causal e a oração principal. e) Permita-me, portanto, cumprimentá-lo, por tão brilhante desempenho.

17. (Fuvest-SP) “Maria das Dores entra e vai abrir o comutador. Detenho-a: não quero luz.” 23. (FCC-PR) Assinale a alternativa em que o texto está corretamente pontuado. 30. (USF-SP) Os períodos apresentam diferenças de pontuação. Indique a alterna-
Os dois-pontos (:) usados acima estabelecem uma relação de subordinação entre as a) Bem te dizia eu, que não iriam a bons resultados as tuas paixões. tiva que corresponde ao período de pontuação correta.
orações. Que tipo de subordinação? b) Bem te dizia eu que, não iriam a bons resultados a tuas paixões. a) A menina chorando de emoção, recebeu, o presente das mãos do padrinho.
a) temporal b) final. c) causal. d) concessiva. e) conclusiva. c) Bem te dizia eu que não iriam a bons resultados, as tuas paixões. b) A menina, chorando de emoção recebeu o presente, das mãos do padrinho.
d) Bem te dizia eu que não iriam a bons resultados as tuas paixões. c) A menina, chorando de emoção recebeu o presente das mãos, do padrinho.
18. (Cesgranrio-RJ) Assinale a opção em que a vírgula está empregada para separar dois e) Bem te dizia eu que não iriam, a bons resultados as tuas paixões. d) A menina chorando, de emoção recebeu o presente, das mãos do padrinho.
termos que possuem a mesma função na frase. e) A menina, chorando de emoção, recebeu o presente das mãos do padrinho.
a) “Minhas senhoras, seu Mendonça pintou o diabo enquanto viveu.” 24. (Procurador Município – S. J. Rio Preto/Vunesp) Leia os provérbios:
b) “Respeitei o engenho do dr. Magalhães, juiz.” I. O sol nasce para todos e a lua, para quem merece. 31. (UM-SP)
c) “E fui mostrar ao ilustre hóspede a serraria, o descaroçador e o estábulo.” II. O coração que suspira não tem o que deseja. “– Muito bom dia, senhora, Que nessa janela está; Sabe dizer se é possível Algum
d) “Depois da morte do Mendonça, derrubei a cerca...” III. Em terra de cego quem tem um olho é rei. trabalho encontrar?” (João Cabral de Melo Neto)
e) “Não obstante essa propaganda, as dificuldades surgiram.” IV. Quem tem telhado de vidro, não atira pedra no do vizinho. Considerando as regras de No primeiro verso, senhora vem entre vírgula porque o tema é:
pontuação, assinale a alternativa correta. a) um aposto. b) um sujeito deslocado. c) um vocativo.
19. (FCMSC-SP) Assinale a letra que corresponde ao período de pontuação correta. a) Em I, a vírgula está incorreta. d) um predicativo. e) um sujeito simples.
a) Apurados, os votos considerados válidos para o cálculo divide-se o número deles pelo b) Em II, deve-se acrescentar uma vírgula após suspira para que a frase fique correta.
número de vagas, que já conhecemos. c) O sentido de II permanecerá inalterado se a expressão que suspira ficar entre vírgulas. 32. (PUCC-SP) Assinale a letra que corresponde ao período de pontuação cor- reta.
b) Apurados os votos, considerados válidos para o cálculo divide-se o número, deles pelo a) Não, não esgotemos, tudo hoje, inclusive porque este assunto, deve ser discutido bem
número de vagas que já conhecemos. devagar.
c) Apurados os votos considerados, válidos para o cálculo divide-se, o número deles pelo b) Naquele dia – uma sexta-feira como outra qualquer – receberia a todos em sua casa:
número de vagas, que já conhecemos. d) A frase III estará correta com uma vírgula após cego. não era festa, apenas um jantarzinho íntimo.
d) Apurados os votos considerados válidos, para o cálculo divide-se o número deles pelo e) A vírgula em IV é obrigatória. c) Calçados os sapatos, buscou a bolsa e falando muito; saiu correndo, não sem dizer, um
número de vagas que, já conhecemos. adeus apressado.
e) Apurados os votos considerados válidos para o cálculo, divide-se o número deles pelo 25. (FCC-PR) Assinale a alternativa em que o texto está corretamente pontuado. d) Nem as meninas, nem os rapazes ninguém conseguia – com bons modos, convencê-lo,
número de vagas, que já conhecemos. a) Não, o homem que achei não é nada disso. a sair sem briga.
b) Não, o homem, que achei, não é nada, disso. e) Ela, em pé esperava atenta: ele, na cadeira de balanço olhava para o retrato, de Mozart
20. (FMU-SP) Assinale a alternativa que contenha emprego incorreto da vírgula. c) Não o homem, que achei, não é nada disso. em cima do piano.
a) Arrumou as malas, saiu, lançou-se na vida. d) Não, o homem que, achei, não é, nada disso.
b) Os visados éramos nós, e eles foram violentamente torturados. e) Não o homem, que, achei não, é nada disso.
c) Eu contesto, a justiça que mata.
d) Preciso ouvir, disse o velho ao menino, a causa desse ressentimento. 26. (Cesgranrio-RJ) Das seguintes redações abaixo, assinale a que não está pontuada
e) O período consta de dez orações, porque esse é o número exato de verbos. corretamente.
a) Os meninos, inquietos, esperavam o resultado do pedido.
21. (Cespe/UNB) Assinale a opção correta quanto à pontuação. b) Inquietos, os meninos esperavam o resultado do pedido.
a) Promotores representantes da Associação do Ministério Público do Estado do c) Os meninos esperavam, inquietos, o resultado do pedido.
Maranhão (AMPEM), vão propor à Controladoria-Geral da União (CGU) a realização de d) Os meninos inquietos esperavam o resultado do pedido.
convênio no projeto Contas na Mão. Nascido há cinco anos, o projeto tem como objetivo, e) Os meninos, esperavam inquietos, o resultado do pedido.
formar comitês de cidadania para fiscalizar contas públicas em estados e municípios.
27. (Fuvest-SP) “Podem acusar-me: estou com a consciência tranquila.”

Interesses relacionados