Você está na página 1de 14

INCLUDEPICTURE

"http://www.unicarioc
a.br/imagens/logo.jpg" Associação Carioca de Ensino Superior
\*
MERGEFORMATIN
ET Centro Universitário Carioca

CURSO DE BACHAREL EM CIENCIAS CONTÁBEIS

DIRETRIZES PARA A ORIENTAÇÃO E


ELABORAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DO
CURSO - TCC – CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS

2019-1

1
CENTRO UNIVERSITÁRIO CARIOCA
CURSO DE BACHAREL EM CIENCIAS CONTÁBEIS

DIRETRIZES PARA A ORIENTAÇÃO E ELABORAÇÃO DO TRABALHO DE


CONCLUSÃO DO CURSO

Desde a implantação do Projeto Pedagógico do Curso de Ciências Contábeis, a


apresentação de um Trabalho de Conclusão do Curso (TCC) foi estabelecida
como obrigatória. O TCC apresenta-se sob a forma de projeto ou monografia com
o propósito de complementar a formação do aluno, exigindo-lhe uma reflexão
sistemática e permitindo-lhe problematizar alguma questão do seu interesse.

O presente documento tem a finalidade de apresentar as linhas básicas capazes


de dar suporte à confecção do TCC, norteando alunos e orientadores.

Elaborado no último período do curso, o TCC, sob a forma de um trabalho


monográfico ou projeto, é uma exigência acadêmica para a conclusão do curso.

O Trabalho de Conclusão de Curso (TCC), no Curso de Ciências Contábeis


assume a forma de uma monografia, visando à síntese dos conhecimentos
obtidos, sua aplicação a um contexto específico ou o aprofundamento de questão
pertinente à área de estudo, sob a supervisão de um Professor–Orientador e com
alcance compatível ao nível de graduação.

Para sua construção e homologação deste trabalho acadêmico há todo um


conjunto de procedimentos a que se deve atender, seja no que diz respeito à
metodologia científica, seja quanto à construção e formatação do texto, seja
quanto ao cumprimento das exigências institucionais.

Da escolha do tema e/ou do objeto a ser pesquisado e da escolha do Professor-


Orientador à entrega das cópias definitivas à Biblioteca Central da UniCarioca
para posterior solicitação do diploma do curso, há um longo caminho a percorrer.

Nesta perspectiva, no presente documento de orientação, destacamos as


competências pertinentes aos atores (professor e aluno) na construção do
trabalho, alertando para uma série de regras e de detalhes que envolvem este tipo
de construção acadêmica.

2
I - PROCEDIMENTOS INICIAIS

1.1 Da matrícula em TCC

Para realização do trabalho de conclusão de curso, o aluno deverá matricular-se


na disciplina TCC, dentro do prazo estabelecido no calendário acadêmico.

A disciplina TCC será administrada por um grupo de professores-orientadores,


conforme o número de alunos inscritos na disciplina. Para cada aluno matriculado
em TCC será necessário um professor-orientador. O Coordenador do Curso será o
responsável pela coordenação das orientações e será o elemento de ligação entre
alunos e professores- orientadores, sempre que se fizer necessário à sua
intervenção.

1.2 Da escolha do tema e do orientador

A escolha do tema e/ou objeto a ser pesquisado é da responsabilidade e do


interesse exclusivo do aluno, dentro das linhas de pesquisa oferecidas na
disciplina TCC do Curso de Ciências Contábeis e correspondentes aos
professores-orientadores que comporão o grupo de orientação.

Uma vez escolhido o tema/objeto para investigação, também o perfil do Professor-


Orientador deverá estar delineado, dentro das mesmas linhas de pesquisa.

O Professor-Orientador é um agente auxiliar na trajetória do aluno. Será um


Professor que tenha um conhecimento aprofundado no tema em foco. A ele cabe
assessorar seu orientando em todas as etapas da construção do trabalho.

II - DIRETRIZES PARA O TRABALHO MONOGRÁFICO

2.1 Introdução

O Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) é individual e consiste em realizar uma


monografia orientada e apresentada nos moldes de trabalho científico. Seu
objetivo é ser um elo no processo integrador e interdisciplinar em que o aluno tem
a oportunidade de sistematizar os conhecimentos adquiridos durante o curso e
ampliar sua capacidade de desenvolver processos reflexivos de produção e
difusão do conhecimento científico-tecnológico do campo educacional, articulando
a teoria com a prática. Por ser um componente curricular com características
próprias, tem avaliação distinta que a difere das demais disciplinas curriculares.

2.2 Diretrizes gerais

a) Em princípio, o grupo de professores-orientadores será composto por


docentes do Curso de Ciências Contábeis da UniCarioca, preferencialmente com
formação de pós-graduação em nível “stricto sensu”. Outros professores da
equipe docente do curso, conforme definido pela coordenação do curso, poderão
compor o grupo professores-orientadores.
b) A escolha do orientador é de responsabilidade exclusiva dos alunos, dentre
os docentes que compõem o grupo de professores-orientadores, observando suas
3
respectivas linhas de pesquisa (ANEXO 1). A formalização da aceitação do aluno
como orientando será através da assinatura do professor-orientador no formulário
de aceitação (ANEXO 2 ). O documento, após assinado pelo professor-orientador,
será entregue ao coordenador do curso pelo aluno.
c) Na situação em que o aluno não saiba como escolher, ou não encontre
nenhum professor que se disponha a assumir a sua orientação, ele deverá
procurar o coordenador do curso a fim de que ele lhe auxilie na escolha.
d) O número de vagas a serem oferecidas em cada período variará de acordo
com a possibilidade dos orientadores que, salvo casos específicos a critério da
UniCarioca, deverá ser de, no mínimo 1 (cinco) e no máximo 15 (quinze)
orientandos por professor-orientador.
e) As orientações deverão ser feitas através de encontros presenciais e online
e de acordo com as disponibilidades dos orientadores e orientandos. Os contatos
com o orientador devem ser sistemáticos e não devem ultrapassar duas semanas
de intervalo. As datas dos encontros de orientação serão agendados entre
professor-orientador e orientando, através do preenchimento da ficha em ANEXO
3.
f) Os alunos terão um atendimento individual. Para tanto, será agendado, com
cada aluno, os dias e horários dos encontros de orientação para atendimento
individual, observando um tempo médio mínimo por aluno. É obrigatória a
presença do aluno, nos atendimentos individuais. O controle das orientações será
efetuado por meio de uma ficha de acompanhamento de encontros de orientação
presencial (ANEXO 4). Cada aluno terá uma ficha de acompanhamento
preenchida pelo professor-orientador.
g) Na condução das orientações será cumprido o Planejamento das Atividades
de Orientação do TCC em ANEXO 5.
h) Também, serão definidos alguns encontros com o coordenador do curso,
responsável pela coordenação geral dos trabalhos de orientação, em que todos os
alunos deverão estar presentes para esclarecimentos e informações de interesse
geral.
i) Caso o aluno não cumpra, de forma sistemática, com as atividades
solicitadas pelo orientador, este terá o direito de não prosseguir com o processo
de orientação. Caberá ao coordenador do curso, se for o caso, reconduzir o aluno
para outro orientador.
j) O aluno que desejar mudar de orientador deverá encaminhar solicitação
justificada por escrito ao coordenador do curso e esta será submetida à avaliação.
O limite para essa solicitação deverá ser antes de decorrido 25% da carga horária
da disciplina de TCC. Somente em casos excepcionais, a critério da coordenação
da disciplina poderá haver troca orientador.
k) Para produção do TCC, o aluno deverá observar o Roteiro Básico para
Elaboração da Monografia constante no ANEXO 6.
l) O trabalho final da disciplina TCC será submetido a avaliação por uma
banca de Avaliação composta pelo professor orientador da monografia,
Coordenador do Curso e por um professor representante do Núcleo Docente
Estruturante (NDE) do Curso convidado especialmente para este fim.

2.3 Avaliação

a) A avaliação do trabalho final é a sequência do trabalho executado na


disciplina TCC, com todos os elementos característicos de trabalhos acadêmicos
4
(pré-textual, textual e pós-textual). A ficha de avaliação do TCC consta no ANEXO
7 e a Ata da Comissão de Avaliação de Monografia consta no ANEXO 8.
b) A nota mínima para aprovação em TCC é 7.0.
c) As notas finais do TCC serão divulgadas no sistema acadêmico, pelo
professor orientador responsável pela disciplina de TCC, respeitando-se o
calendário escolar.
d) O aluno que não obtiver a nota mínima de aprovação em TCC deverá
refazer a disciplina desde o começo, podendo, inclusive, escolher outro orientador.

2.4 Entrega de material

Após a avaliação do trabalho final, os avaliadores devolverão os trabalhos com a


análise e ponderações escritas para que, se for o caso, sejam feitas as correções
devidas.

O trabalho final escrito deverá ser entregue encadernado (um exemplar) ao


orientador. O período para entrega será de acordo com o calendário definido pelo
professor orientador, compatível com o período letivo.

III - AÇÕES POSTERIORES À APROVAÇÃO DO TRABALHO

Após a aprovação do trabalho, o aluno deverá imprimir as cópias definitivas e


encaderná-las. Caso haja correção ou alterações a fazer por sugestão da
Comissão de Avaliação, deverá fazê-las antes da encadernação. Para tanto, o
prazo definido para os alunos entregarem o trabalho, não poderá ultrapassar o
período de 02(dois) meses, a partir da data de aprovação.

. As cópias que constarão do acervo acadêmico deverão ser entregues à


Biblioteca Central da UniCarioca.

IV - EXIGÊNCIAS QUANTO AO NÚMERO DE CÓPIAS

É exigência do processo que o aluno entregue à Biblioteca Central da UniCarioca:


01 (uma) cópia impressa de seu trabalho acadêmico, outra cópia digital e a
apresentação.

V – CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO DOS TRABALHOS

Os itens do TCC que serão avaliados e a pontuação atribuída aos elementos do


trabalho científico pelos membros da comissão de avaliação são:

AVALIAÇÃO DA APRESENTAÇÃO ESCRITA - 6,0 pontos

AVALIAÇÃO DA DEFESA ORAL - 4,0 pontos

5
V – LINHAS DE PESQUISA

a) Escrita contábil e fiscal

b) Contabilidade e Planejamento Tributário

c) Controladoria

d) Custos e Contabilidade Gerencial

d) Auditoria de Controle Interno

e) Auditoria de Balanço

f) Análise de Balanço

g) Pericia Contábil

h) Contabilidade Pública

VI – DISPOSIÇÕES FINAIS

1 - As presentes diretrizes poderão ser modificadas sempre que constatadas


necessidades relevantes.
.2 - Os casos omissos, após analisados pela Coordenação de Curso, serão
julgados pela Gerência Acadêmica da UNICARIOCA que dará o devido
encaminhamento aos setores competentes.
3 - As presentes diretrizes entram em vigor na data de sua aprovação pelo
Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão da UNICARIOCA.

6
ANEXO1

PROFESSORES-ORIENTADORES DE TCC CIENCIAS CONTÁBEIS

Rio Comprido:

a) Escrita contábil e fiscal – Waldir Ladeira / Douglas Bastos

b) Contabilidade e Planejamento Tributário – Luiz Alves / Sergio Araújo

c) Controladoria / Custos – Francisco Viana / Sergio Araújo

d) Auditoria de Controle Interno - Sergio Vidal / Douglas Bastos

e) Auditoria de Balanço – Sergio Vidal / Douglas Bastos

f) Análise de Balanço- Douglas Bastos / Francisco Viana

g) Perícia Contábil – Douglas bastos / Sergio Araújo

h) Contabilidade Pública- Waldir Ladeira / Sergio Araújo

Meier:

a) Escrita contábil e fiscal – Sergio Araújo / Anderson Daniel

b) Contabilidade e Planejamento Tributário – Sergio Araújo

c) Controladoria / Custos – Francisco Vianna / Sergio Araújo

d) Auditoria de Controle Interno/ Balanço - Sergio Vidal / Douglas Bastos

e) Análise de Balanço- Francisco Viana / Sergio Araújo

f) Pericia Contábil / Contabilidade Pública- Gecilda / Aline Filgueiras

g) Pericia Contábil / Contabilidade Pública- Aline Filgueiras

ANEXO 2

7
MODELO DE DECLARAÇÃO DE ACEITAÇÃO DE ALUNO-ORIENTANDO

Associação Carioca de Ensino Superior

Centro Universitário Carioca

CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS

Declaro que aceito o aluno


__________________________________________________________________________, regularmente
matriculado no Curso de Ciências Contábeis, do Centro Universitário Carioca - UniCarioca, na condição de
Orientando, observando a linha de pesquisa assinalada a seguir, para produção do Trabalho de Conclusão de
Curso (TCC), no período letivo de _____________.

________________________________
Data

_____________________________________________________________________

Assinatura do Professor-Orientador

ANEXO 3
CENTRO UNIVERSITÁRIO CARIOCA

8
CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS
CONTROLE DA FREQUÊNCIA DE ALUNOS AOS ENCONTROS DE ORIENTAÇÃO DE TCC .............

Unidade: Turma:
Professor – Orientador:

Matrícula do aluno Nome do aluno 1º 2º 3º 4º 5º 6º 7º 8º 9º 10º 11º 12º 13º 14º

ANEXO 4
CENTRO UNIVERSITÁRIO CARIOCA
CURSO SUPERIOR DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS

9
Unidade: Turma:
Professor – Orientador:

FICHA DE REGISTRO DAS ATIVIDADES DE ORIENTAÇÃO E ACOMPANHAMENTO DO TCC

ALUNO(A):
EIXO TEMÁTICO:
TÍTULO:

ATENDIMENTO DATA: HORÁRIO:


Observações:

Recomendações:

ATENDIMENTO DATA: HORÁRIO:


Observações:

Recomendações:

ATENDIMENTO DATA: HORÁRIO:


Observações:

Recomendações:

ATENDIMENTO DATA: HORÁRIO:


Observações:

Recomendações:

ANEXO 5
CENTRO UNIVERSITÁRIO CARIOCA
CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS
10
PLANEJAMENTO DAS ATIVIDADES DE ORIENTAÇÃO DO TCC
Aulas Temas das Aulas Estratégias de Ensino / Recursos Didáticos
1  Estabelecimento das diretrizes da disciplina. Apresentação do calendário com os encontros de orientações.
Orientação sobre o desenvolvimento do TCC. Esclarecimentos sobre os critérios de avaliação. Informar os livros
Apresentação da disciplina orientadores do TCC.
 Esclarecer aspectos iniciais para o uso do 28H como ferramenta de apoio (nome de usuário, senha inicial e
acesso às disciplinas).
 Entregar formulário formalizando a Orientação, Linha de Pesquisa e o Professor-Orientador.
2 Diretrizes do TCC  Planejamento das orientações com o Orientador.
 Agendamento dos encontros de orientação.
 Esclarecimentos sobre as normas de orientação de monografia segundo os padrões estipulados pela
UniCarioca e diretrizes para TCC.
3 1º Encontro de Orientação  Orientação para elaboração do capítulo 1
 Orientação sobre instrumentos de coleta de dados para a pesquisa.
4 2º Encontro de Orientação  Orientação para elaboração do capítulo 1
 Orientação sobre instrumentos de coleta de dados para a pesquisa.
5 3º Encontro de Orientação  Orientação para elaboração do capítulo 1
 Orientação sobre instrumentos de coleta de dados para a pesquisa.

6 4º Encontro de Orientação  Aluno entrega o capítulo 1 para avaliação.

7 5º Encontro de Orientação  Orientação para Elaboração do capítulo 2


 Tratamento dos dados coletados para a pesquisa.

8 6º Encontro de Orientação  Orientação para Elaboração do capítulo 2


 Tratamento dos dados coletados para a pesquisa.

9 7º Encontro de Orientação  Aluno entrega o capítulo 2 para avaliação


10 8º Encontro de Orientação  Orientação para Análise dos dados coletados.
 Orientação para Elaboração do capítulo 3
11 9º Encontro de Orientação  Orientação para Análise dos dados coletados.
 Orientação para Elaboração do capítulo 3
12 10º Encontro de Orientação  Orientação para Análise dos dados coletados.
 Orientação para Elaboração do capítulo 3

13 11º Encontro de Orientação  Aluno entrega o capítulo 3 para avaliação.

14 12º Encontro de Orientação  Orientação para Elaboração das considerações finais / Elaboração da introdução / Elaboração das
referências /Conclusão.
 Orientação para finalização e formatação do trabalho segundo o modelo adotado na UniCarioca.
15 13º Encontro de Orientação  Orientação para Elaboração das considerações finais / Elaboração da introdução / Elaboração das
referências /Conclusão.
 Orientação para finalização e formatação do trabalho segundo o modelo adotado na UniCarioca.
16 14º Encontro de Orientação  Orientação para Elaboração das considerações finais / Elaboração da introdução / Elaboração das
referências /Conclusão.
 Orientação para finalização e formatação do trabalho segundo o modelo adotado na UniCarioca.
17 Avaliação  Aluno entrega o TCC completa para correção.

18  Correção do trabalho e devolução ao Aluno com comentários e/ou correções a serem feitas (se
Avaliação necessário).

19 Avaliação  Entrega do trabalho para a Comissão de Avaliação de TCC.


20 Avaliação  Defesa do trabalho

ANEXO 6

11
ROTEIRO BÁSICO PARA ELABORAÇÃO DO TCC

Estrutura
Pré-Texto Obrigatórios: Capa, folha de rosto, folha de aprovação, resumo, sumário.
Opcionais: errata, dedicatórias(s), agradecimento(s), epígrafe, lista de ilustrações, lista de tabelas, lista
de abreviaturas e siglas, lista de símbolos.
Texto Corpo do trabalho Introdução O objetivo principal é ambientar o leitor diante do
propriamente dito. tema. Deve propiciar uma visão abrangente do
assunto, de forma clara e simples sobre: Qual é o
tema, a sua importância e como está organizada a
apresentação do assunto.
Desenvolvimento Fundamentação lógica do trabalho de pesquisa, cuja
finalidade é expor e demonstrar as principais idéias.
É organizada em capítulos (1 a 3/4) que traduzem os
momentos da pesquisa:

- Capítulo 1: Apresentação da pesquisa, situando a


problemática de estudo, os avanços na área, os
objetivos, a forma de pesquisa, e o que mais houver
de interessante dentro de cada tema para ser
apresentado neste capítulo. Como sugestão, este
capítulo poderá ser composto pelo projeto de
pesquisa reformulado.
- Capítulo 2: Fundamentação teórica (ampliar a
discussão já iniciada no projeto sobre a revisão
bibliográfica na área)
- Capítulo 3: Apresentação e discussão da
metodologia utilizada, os dados encontrados e sua
análise a partir do referencial bibliográfico
apresentado no capítulo 2.

Conclusão É o fecho do trabalho. Retoma a idéia central


expressa na introdução. Resume os resultados. É
quando o problema proposto na introdução é
respondido de modo objetivo e satisfatório.

São as Considerações finais: O que é chamado de


“considerações finais” não é um capítulo e sim um
fechamento do trabalho de pesquisa (monografia).
Neste item, o pesquisador deve retomar os objetivos
e o método usado em poucas palavras. Além disso,
deve fazer uma síntese das reflexões e/ou
resultados apresentados no decorrer do trabalho,
bem como pode apontar aspectos positivos e
negativos de sua pesquisa. Pode, também,
apresentar as dificuldades enfrentadas para
conseguir material, ter acesso a biblioteca, etc.
Contudo, a forma e a maneira como nos colocamos
faz a diferença. Outro aspecto muito importante e
que deve ser ressaltado nas considerações finais é a
importância para educação do seu trabalho de
pesquisa (chamado muitas vezes de validade social
do trabalho).

Pós-Texto Obrigatórios: referencias.


Opcionais: Glossário; apêndice(s) =São materiais suplementares (opcionais), que consistem em textos
ou documentos elaborados pelo autor do trabalho, a fim de complementar sua argumentação, sem
prejuízo da unidade nuclear do trabalho; Anexo(s) = São materiais suplementares (opcionais), não
elaborados pelo autor do trabalho, como fotos, entrevistas, recortes de periódicos, dentre outros, que
servem de fundamentação, comprovação e ilustração; Índice(s).

OBS: Na formatação do TCC, o aluno deverá cumprir as diretrizes estabelecidas pela UniCarioca.
Os documentos normativos constam no espaço da Biblioteca, que pode ser acessado pelo Portal
da UniCarioca.

ANEXO 7

12
INDICADORES PARA A AVALIAÇÃO Do TCC
Indicador Avaliativo Pontuação Pontuação obtida pelo aluno

AVALIAÇÃO DA APRESENTAÇÃO ESCRITA

1 - O título está adequado ao estudo proposto? 0,2


O
2 - A introdução procura inserir o tema proposto no processo de produção de conhecimento na área? 0,2
R 3 - As questões atuais, relevantes para o tema, são tratadas? 0,2
G 4 - O objetivo geral do estudo é enunciado de forma clara e concisa? 0,2
5 - Os objetivos específicos são claramente formulados? São coerentes com o objetivo geral? 0,2
A
6 - Na justificativa o autor convence o leitor da relevância do estudo? 0,2
N 7 - A referencial teórico é pertinente ao tema? 0,2
I 8 - Os procedimentos metodológicos são apropriados aos objetivos? 0,2
9 – Descreve os instrumentos de pesquisa e as técnicas utilizadas? 0,2
Z 10 – Há coerência entre objetivos, metodologia e resultados? 0,2
A 11 - As referências bibliográficas utilizadas são adequadas em termos de qualidade e atualidade? 0,2
12 – Apresenta a estrutura básica geral: pré-texto, texto e pós-texto 0,2
Ç
Ã
O
R 0,2
E 1 - O texto apresenta correção gramatical (ortografia, pontuação e concordância verbal e nominal)?
0,2
D
2 - Emprega terminologia adequada?
A
0,2
Ç
4 - Atende às recomendações básicas para formatação do projeto?
Ã
O
C 1 - Evidencia que realizou uma pesquisa (citações e referência bibliográfica)? 0,5
O
2 - Demonstra um trabalho mental criador? 0,5
N 3 - Apresenta idéias relevantes? 0,5
T 5 - Apresenta correção conceitual? 0,5
6 - Considerando a monografia como um todo, as idéias são apresentadas com clareza e organização lógica? 1,0
E
Ú
D
O
PONTUAÇÃO 6,0

AVALIAÇÃO DA DEFESA ORAL


A Qualidade da apresentação: 1,0
P A exposição é facilmente entendida? As idéias são concatenadas logicamente?Os recursos audiovisuais usados ajudam na
R compreensão? A exposição desperta interesse?
Visão geral: 1,0
E
Apresentou o tema, o problema, delimitando seu trabalho?Apresentou os objetivos? Abordou os referenciais teóricos que
S
embasaram o trabalho?
E
Conhecimento do assunto: 1,0
N
Apresentou o trabalho com segurança, demonstrando domínio do conteúdo?Responde com segurança às questões da
T
comissão de avaliação?
A Capacidade de aplicação: 1,0
Ç É capaz de interligar estes conhecimentos com os outros adquiridos durante o curso?
Ã
O
PONTUAÇÃO 4,0

PONTUAÇÃO FINAL OBTIDA PELO ALUNO

ANEXO 8

13
ATA DA COMISSÃO DE AVALIAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE
CURSO

NOME DO ALUNO

_________________________________________________________________________

Trabalho de Conclusão de
Curso apresentado ao Centro
Universitário Carioca, como
requisito parcial para obtenção
do grau de Bacharel em
Ciências Contábeis.
Aprovação em 20..

Comissão de Avaliação

______________________________________________________________
xxx
Centro Universitário Carioca

_______________________________________________________________
xxx
Centro Universitário Carioca

______________________________________________________________
xxx
Centro Universitário Carioca

14