Você está na página 1de 5

DIREITO ADMINISTRATIVO

Autarquia
Produção: Equipe Pedagógica Gran Cursos Online

AUTARQUIA

Principais Características das Autarquias

As autarquias praticam atividades típicas de Estado, de Administração Pública.


Exemplo: para cuidar do meio ambiente, o Estado criou o Ibama.

CRIAÇÃO

Segundo a Constituição Federal:

Art. 37.
(...)
XIX – somente por lei específica poderá ser criada autarquia e autorizada a institui-
ção de empresa pública, de sociedade de economia mista e de fundação, cabendo
à lei complementar, neste último caso, definir as áreas de sua atuação; (Redação
dada pela Emenda Constitucional n. 19, de 1998)

A partir de sua publicação em lei, a autarquia adquire personalidade própria.


É comum lei que verse sobre temas diversos, porém, para criar autarquia, deve
haver lei específica, lei ordinária, que trate de matéria única, abordando todas as
características da autarquia, como sede, atribuições, recursos públicos etc.

Direto do concurso
1. (CESPE/SE-DF/PROFESSOR/2017) Uma autarquia é entidade administrati-
va personalizada distinta do ente federado que a criou e se sujeita a regime
jurídico de direito público no que diz respeito a sua criação e extinção, bem
como aos seus poderes, prerrogativas e restrições.

Comentário
A autarquia é uma pessoa jurídica distinta do ente federado que a criou e
atende norma de direito público. Ela é criada por lei específica, por isso sua
extinção também deve ser realizada por lei.
ANOTAÇÕES

1
www.grancursosonline.com.br
DIREITO ADMINISTRATIVO
Autarquia
Produção: Equipe Pedagógica Gran Cursos Online

2. (FCC/SEGEP-MA/AUDITOR FISCAL DA RECEITA FEDERAL/2016) As au-


tarquias devem ser criadas por
a. lei e com personalidade jurídica de direito público.
b. decreto pelo Ministério ou Secretaria ao qual estejam vinculadas e podem
ter personalidade jurídica de direito privado ou de direito público.
c. decreto quando tiverem personalidade jurídica de direito privado; e lei
quando tiverem personalidade jurídica de direito público.
d. lei e sua personalidade jurídica pode ser definida via decreto.
e. lei e podem atuar no mercado financeiro, uma vez que podem ter persona-
lidade jurídica de direito privado.

Comentário
As autarquias são criadas por meio de lei, o que confere personalidade jurídica
de direito público. Elas prestam serviços públicos descentralizados, por isso
não atuam no mercado financeiro.

PATRIMÔNIO

Como o regime jurídico das autarquias é de direito público, seus bens são
públicos.
De acordo com o Código Civil:

Art. 98. São públicos os bens do domínio nacional pertencentes às pessoas jurí-
dicas de direito público interno; todos os outros são particulares, seja qual for a
pessoa a que pertencerem.

Características dos bens públicos

• Impenhorabilidade – quita obrigações por meio de precatórios.


• Imprescritibilidade – não prescreve se não for utilizado. O bem público
não pode ser tomado por ação de usucapião.
• Inalienáveis – não é absoluta.
ANOTAÇÕES

2
www.grancursosonline.com.br
DIREITO ADMINISTRATIVO
Autarquia
Produção: Equipe Pedagógica Gran Cursos Online

Atenção!
Em prova, se o item afirmar que “todos os bens públicos são inalienáveis”, ele
estará incorreto. Essa regra não é absoluta.

Nesse sentido, o Código Civil dispõe que:

Art. 100. Os bens públicos de uso comum do povo e os de uso especial são ina-
lienáveis, enquanto conservarem a sua qualificação, na forma que a lei determinar.
Art. 101. Os bens públicos dominicais podem ser alienados, observadas as
exigências da lei.

Os bens públicos dominicais são aqueles que não estão sendo utilizados
pela Administração Pública, por isso podem ser alienáveis. Além disso, a Lei n.
8.666/1990 autoriza a venda de bens inservíveis para a Administração.
Exemplo: vender frota de veículos que será trocada.

Direto do concurso

3. (ESAF/FUNAI/ANALISTA/2016) Assinale a opção que não retrata uma ca-


racterística da autarquia.
a. Os seus bens são públicos.
b. A sua criação ocorre por meio de lei complementar.
c. Em regra, suas contratações devem ser feitas mediante licitação.
d. Há necessidade de concurso público para seleção de seus trabalhadores.
e. Possui personalidade jurídica.

Comentário
As autarquias são criadas por meio de lei específica, isto é, lei ordinária.
ANOTAÇÕES

3
www.grancursosonline.com.br
DIREITO ADMINISTRATIVO
Autarquia
Produção: Equipe Pedagógica Gran Cursos Online

JUÍZO COMPETENTE

Ações comuns envolvendo autarquias federais são de competência da Jus-


tiça Federal. Em caso de ações envolvendo autarquias estaduais ou municipais,
a competência é da Justiça Estadual.

Art. 109. Aos juízes federais compete processar e julgar:


I – as causas em que a União, entidade autárquica ou empresa pública federal fo-
rem interessadas na condição de autoras, rés, assistentes ou oponentes, exceto as
de falência, as de acidentes de trabalho e as sujeitas à Justiça Eleitoral e à Justiça
do Trabalho.

Direto do concurso
4. (CESPE/STJ/ANALISTA JUDICIÁRIO/ÁREA JUDICIÁRIA/2012) As causas
em que as autarquias federais forem interessadas, na condição de autoras,
rés, assistentes ou oponentes, serão processadas e julgadas na justiça fe-
deral.

Comentário
As causas das autarquias federais são processadas e julgadas na Justiça
Federal.

RESPONSABILIDADE CIVIL

A responsabilidade civil de pessoas jurídicas de direito público é do tipo obje-


tiva, tendo como base a teoria do risco administrativo. Então, se o dano for con-
sequente de ação do Estado, o particular deve ser indenizado pelo Estado.

Art. 37, § 6º As pessoas jurídicas de direito público e as de direito privado pres-


tadoras de serviços públicos responderão pelos danos que seus agentes, nessa
qualidade, causarem a terceiros, assegurado o direito de regresso contra o respon-
sável nos casos de dolo ou culpa.
ANOTAÇÕES

4
www.grancursosonline.com.br
DIREITO ADMINISTRATIVO
Autarquia
Produção: Equipe Pedagógica Gran Cursos Online

A pessoa jurídica de direito público possui responsabilidade objetiva quando,


por ação de seus agentes públicos, causar prejuízo ao particular.

IMUNIDADE TRIBUTÁRIA

Art. 150. Sem prejuízo de outras garantias asseguradas ao contribuinte, é vedado


à União, aos Estados, ao Distrito Federal e aos Municípios:
(...)
VI – instituir impostos sobre:
a) patrimônio, renda ou serviços, uns dos outros;
(...)
§ 2º A vedação do inciso VI, “a”, é extensiva às autarquias e às fundações ins-
tituídas e mantidas pelo Poder Público, no que se refere ao patrimônio, à renda
e aos serviços, vinculados a suas finalidades essenciais ou às delas decorrentes.

A autarquia possui imunidade tributária se o bem estiver vinculado a sua ativi-


dade-fim. Em caso de atividade diversa de sua atividade-fim, não há imunidade
tributária.

GABARITO

1. C
2. a
3. b
4. C

�Este material foi elaborado pela equipe pedagógica do Gran Cursos Online, de acordo com a
aula preparada e ministrada pelo professor Rodrigo Cardoso.
ANOTAÇÕES

5
www.grancursosonline.com.br