Você está na página 1de 5

Aviso legal: Este é um modelo inicial que deve ser adaptado ao caso concreto por profissional habilitado.

Verifique sempre a vigência das leis indicadas, a jurisprudência local e os riscos de improcedência. Limitações
de uso: Você NÃO PODE revender, divulgar, distribuir ou publicar o conteúdo abaixo, mesmo que
gratuitamente, exceto para fins diretamente ligados ao processo do seu cliente final.
REMOVA ESTE AVISO ANTES DO USO | Perguntas frequentes | Termos de uso.

EXCELENTÍSSIMO SENHOR DOUTOR JUIZ DE DIREITO DA


________ VARA ________ DA COMARCA DE ________

Processo: ________

________ , já devidamente qualificado nos autos em epígrafe,


por intermédio de seu procurador que esta subscreve, nos autos da presente
AÇÃO DE ________ , vem respeitosamente perante Vossa Excelência, em
face da Certidão Negativa do Oficial de Justiça, de ________ requerer a
CITAÇÃO POR EDITAL do Réu ________ , pelos fundamentos a seguir.

DAS TENTATIVAS FRUSTRADAS DE CITAÇÃO

Consta no processo que já houve ________ tentativas de citação


por meio de Oficial de Justiça em indicar qtde de endereços endereços distintos
e todas resultaram infrutíferas.
No presente caso, o Autor foi diligente e buscou indicar várias
vezes o endereço do Réu, sem êxito, solicitando inclusive o auxílio do INFOJUD
para a obtenção de novos endereços.

Todavia, a resposta foi sempre a mesma: "desconhecimento da


pessoa buscada pelos moradores locais".

DO CABIMENTO DA CITAÇÃO POR EDITAL

A citação por edital, a teor do artigo 256 do CPC/15, poderá ser


procedida quando:

"Art. 256. A citação por edital será feita:


I - quando desconhecido ou incerto o citando;
II - quando ignorado, incerto ou inacessível o lugar em que
se encontrar o citando;
III - nos casos expressos em lei.

A doutrina ao lecionar sobre o tema, destaca o cabimento da


citação por edital após esgotadas as tentativas de obtenção de endereço válido,
como ocorre no presente caso:

"Edital. A citação por edital pode ser essencial ou


acidental. Sendo essencial, não há que se cogitar em
outra forma de citação (é o que ocorre, por exemplo, na
ação de usucapião de terras particulares e na ação de
recuperação ou substituição de título ao portador, art.
259, I e II, CPC). Se acidental, só se legitima se esgotados
todos os meios possíveis para localização do demandado
sem êxito (STJ, 1.ª Turma, REsp 837.050/SP, rel. Min.
Luiz Fux, j. 17.08.2006,DJ18.09.2006, p. 289). Cabe
citação por edital quando desconhecido ou incerto o réu,
quando ignorado, incerto ou inacessível o lugar em que
esse se encontra e nos demais casos expressos em lei."
(MITIDIERO, Daniel. ARENHART, Sérgio Cruz.
MARINONI, Luiz Guilherme. Novo Código de Processo
Civil Comentado - Ed. RT, 2017. e-book, Art. 256.)

Assim, após esgotadas todas as formas de pesquisa pelo endereço e


as reiteradas tentativas sem êxito, devidamente comprovadas, cabível que a
citação ocorre por edital conforme precedentes sobre o tema:

MANDADO DE SEGURANÇA. DECISÃO DA


AUTORIDADE IMPETRADA QUE INDEFERE A
REALIZAÇÃO DE DILIGÊNCIAS PARA LOCALIZAR O
RÉU. CITAÇÃO POR EDITAL TAMBÉM INDEFERIDA.
VIOLAÇÃO A DIREITO LÍQUIDO E CERTO. A utilização
pelo magistrado das ferramentas colocadas a sua
disposição pelo CNJ ou por este Tribunal em virtude de
convênios celebrados com outras entidades não tornam o
Poder Judiciário mero órgão consultivo. O objetivo de
sistemas como BACENJUD, INFOJUD e JUCERJA é dar
efetividade ao princípio da cooperação, atualmente
inscrito no art. 6º do CPC. Ademais, o art. 319, § 1º, do
CPC prevê a realização de diligências para
descobrir o endereço do réu, e caso, ainda assim,
o réu não seja localizado, o art. 841, § 1º, parte
final, da CLT, determina a citação por edital. A
decisão da Autoridade Impetrada, portanto, coloca a
Impetrante em um impasse. Não defere a consulta aos
sistemas aos quais apenas o magistrado tem acesso, nem
permite a citação por edital. Assim, há evidente
negativa de prestação jurisdicional e violação a
direito líquido e certo da Impetrante. (TRT-1,
01019813020175010000, Redator Desembargador/Juiz do
Trabalho: GISELLE BONDIM LOPES RIBEIRO, Gabinete
da Desembargadora Giselle Bondim Lopes Ribeiro,
Publicação: 2019-02-21)

APELAÇÃO CÍVEL. EMBARGOS À EXECUÇÃO.


EXECUÇÃO DE TÍTILO EXTRAJUDICIAL. NULIDADE
DA CITAÇÃO POR EDITAL. NÃO OCORRÊNCIA.
CITAÇÃO VÁLIDA. Possível a citação por edital quando o
autor afirmar o desconhecimento do paradeiro do réu, sob
as penas previstas no art. 233, do CPC/73. Comprovada a
fixação e desafixação do edital na sede do juízo, bem como
a publicação em jornal local, em duas oportunidades, não
há falar em descumprimento do art. 232, inciso II, do
CPC/73. Decurso do prazo de 15 dias entre a publicação do
edital em jornal local e no órgão oficial que se trata de
mera irregularidade, não sendo capaz de, por si, causar a
nulidade do ato citatório, até porque não demonstrado
qualquer prejuízo. Hipótese dos autos em que se
reputa satisfeita a exigência legal de esgotamento
das diligências para a localização do réu, o que
está por possibilitar a citação por edital. Sentença
confirmada. RECURSO DESPROVIDO. (TJRS, Apelação
70075910604, Relator(a): Marlene Marlei de Souza,
Décima Oitava Câmara Cível, Julgado em: 11/12/2018,
Publicado em: 14/12/2018)

CITAÇÃO POR EDITAL. Alegação de nulidade da


citação por edital, por falta de esgotamento dos meios para
localização do réu. Não cabimento. Utilização de
inúmeros meios de localização do réu, como
INFOSEG, CAEX, endereço informado pelo
próprio réu em interrogatório nos autos do
inquérito policial. Aplicação do art. 256, inc. II do
NCPC. Preliminar rejeitada. (...) (TJ-SP - APL:
00068765520138260053 SP 0006876-
55.2013.8.26.0053, Relator: Claudio Augusto Pedrassi,
Data de Julgamento: 20/06/2017, 2ª Câmara de Direito
Público, Data de Publicação: 22/06/2017)

ISTO POSTO, pelo fato do Autor já ter esgotado as vias de


obtenção de endereço atualizado do réu, nos termos do disposto do artigo 6º do
NCPC, princípio da Cooperação, e com fulcro no artigo 256, ________ , requer
a realização de CITAÇÃO POR EDITAL.

Nestes Termos, pede e espera deferimento.

________ , ________ .

________ , ________