Você está na página 1de 2

Nome: Shirley Dutra Cardoso RA:1814642

Polo: Tupã Turma:3N


Orientador de Disciplina: Prof. Dra. Sônia Maria Vanzella Castellar
Disciplina: Fundamentos Históricos, Filosóficos e
Sociológicos da História.

Atividade 05

1) Disserte sobre a herança socrática no pensamento platônico.


R. Sócrates tinha como ideia o diálogo, acreditava que todos poderiam
desenvolver um pensamento sobre a filosofia, para isso seria necessário ter
diálogo levando o mesmo a um consenso até uma razão. Acreditava que as
pessoas podiam libertar suas opiniões, conduzia o indivíduo a reflexão de
valores pessoais e sociais, defendendo a ética. Platão tornou-se discípulo de
Sócrates, utilizou esse mesmo método se destacando até os dias atuais. No
pensamento platônico refere-se a tentativa de encontrar uma solução para o
problema do conhecimento, a obra de Platão está ligada ao espírito educador
de Sócrates, procurando encontrar o caminho da finalidade do bem, superando
a filosofia e a pedagogia da razão socrática.

2) Como Platão concebe os ideais de homem virtuoso e de Estado justo? Quais


as implicações desses ideais para a concepção platônica de Paidéia Justa?
R. Platão tem consciência de que a reforma moral e política deve -se a uma
redefinição da justiça, que isso se dá através do indivíduo virtuoso e do que ele
acha ser justo, da ideia de cidade justa onde houvesse harmonia entre as classes.
Esse homem virtuoso se daria através do respeito a natureza, do contemplar de
suas qualidades, da cultura e da educação através da Constituição da Paideia
Justa, onde a nova educação depende do valor do conhecimento, por isso a
preocupação de Platão estaria em educar todos para a justiça. As implicações
desses ideais estaria no desenvolver de cada homem e suas virtudes, o homem
teria que se fundamentar, ser determinado em relação a si mesmo, procurando
o conhecimento do bem e almejar a Paideia Justa.

3) Estabeleça algumas relações entre a alegoria da caverna e o programa


educativo platônico. Dê um exemplo de como a alegoria da caverna poderia
estar presente em algumas situações educativas nos dias de hoje.
R. O termo “ caverna “ já diz, as pessoas viviam sem conhecimento, não
pensavam muito, viviam as sombras desde a infância, desconhecendo qualquer
outra realidade enquanto o programa educativo platônico volta-se para o
conhecimento, fazendo o individuo refletir na sociedade. Usemos como exemplo,
as pessoas, os políticos se aproveitaram dessa falta de conhecimento, não se
preocupando que eles continuem a viver em suas cavernas, muitas pessoas
acreditam ser felizes vivendo assim não fazendo nada para mudar. Por outro
lado tem a parte do conhecimento, a educação fazendo com que tenhamos outra
visão, fortalecendo o conhecimento com debates onde as pessoas expressem
suas opiniões havendo troca de informações. As pessoas se fecham em suas
cavernas ao invés de buscar aumentar o conhecimento que já existe dentro de
cada um.

4) Qual a provável diferença entre o pensamento platônico e o pensamento


socrático no que se refere às suas concepções pedagógicas? Explique.
R. Pensamento Platônico se dá ao conhecimento racional, científico, seus
conceitos são baseados no real, num objeto próprio, é um conhecimento
empírico, á opinião verdadeira se dá o mundo que vivemos, a cidade ideal de
Platão seria dividir em grupos.
Pensamento Socrático possibilita que a verdade superasse a opinião reconhece a
verdade através da discussão filosófica, através da maiêutica, acredita que está dentro
do indivíduo, só deve ser exercitado, liberado e de ironia , dialogando com os
indivíduos de forma que percebam com suas contradições a ignorância de seus
argumentos

Você também pode gostar