Você está na página 1de 44

M

Anexo 1 do PGS-3209-46-18
ANÁLISE DE RISCO DA ATIVIDADE - ARA
Classificação: Uso interno
Gerência Área Turno Data N
COE - Projetos FOSFOGESSO ADM ✘ 2/10/2019
Necessário Permissão de Trabalho: SIM ✘ NÃO Permissão de trabalho em Esp. Confinado SIM
Atividade não rotineira Atividade rotineira Verificação: Diária ✘

Necessário Gerenciamento de Mudança do Risco? SIM NÃO ✘

Atividade: TRABALHO A QUENTE Local

Equipe elaboradora Matrícula Cargo Setor As

Item Passo a passo da atividade Perigo/Aspecto Risco/Impacto Medidas de controle

• Caso haja necessidade de abertura de PT reunir co


avaliar;
• Divu
todos os colaboradores, e que tenho
conhecimento e que fiquem instruídos sobre as med
propostas.
Preparar os Funcionários para a Atividade e • Orientar a todos os funcionários quanto á obrigatorie
1 Divulgação da ARA (Análise de Risco da comunicação falha/falta EPI's: • Capacete de proteção com jugular, óculos d
Atividade) auricular tipo concha, botina de segurança com biqu
proteção do metatarso.
outros se necessário.
• Realize o "DDS" (Dialogo Diário de Segurança), com
abordando os riscos presentes aos serviços e local d
• Acessar somente os locais permitidos pela área.
Item Passo a passo da atividade Perigo/Aspecto Risco/Impacto Medidas de controle

• É proibido acesso as áreas operacionais da Mosaic


prévia.
• Em caso situações de emergência, seguir orientaçõe
Mosaic, verificar a direção do vento através das birut
pontos de encontro mais próximos conforme estabel
gases/vapores/névoa/neblina inalação/exposição Atendimento a Emergência - PAE.
• Ao perceber vazamento nas tubulações entrar em co
responsável da obra, segurança e fiscalização.
• Em caso de contato com ácido fosfórico lav
abundância.
• É obrigatório a mascara de fuga constantemente.
• Respeitar a sinalização e transitar de acordo com as
movimentação de veículos nas travessias de vias e c
Identificar a área e se deslocar em forma ordenada.

• Ter atenção com man


da atividade.
colisão e
equipamentos móveis • Fique atento ao atravessar as vias de trânsito ou a á
abalroamento/atropelamento
acesso a área de vivência e sanitários.
• Observe e fique bem atento a movimentação de má
equipamentos no local.
Mobilização e desmobilização (de empregados e
2
equipamentos) • Os motoristas deverão segu
placas de sinalização
existente, respeitando também a circulação de pesso
• Realizar a inspeção em local adequado, utilizar luvas
as partes cortantes devidamente protegidas.
material perfuro-cortante manuseio/utilização • Manter suas mãos fora do alcance das par
perfurantes das ferramentas ou equipamentos, fazer
segurança.

• Utilizar protetor solar e camisa de manga longa;


• Fazer pausa para descanso;
Radiação não ionizante
exposição a • Se necessário, manter um garrafa térmica próxima a
(térmica,solar,fusão solda)
bastante água.
• Manter área de trabalho limpa e organizada, não dei
ferramentas espalhados pelo chão.
• Em locais de passagem, observe atentamente onde
acesso inadequado queda sempre em locais destinados a passagem de pedest
faixa.
• Ande não corra.
• Fique atento com saliências do piso.

Item Passo a passo da atividade Perigo/Aspecto Risco/Impacto Medidas de controle

ruído danos à saúde ocupacional • Utilizar abafador de ruido com nivel de atenuação( N

particulados/poeiras inalação/exposição • Quando necessário utilizar respirador semifacial des

• Manter área de trabalho limpa e organizada, não dei


ferramentas espalhados pelo chão.
piso escorregadio/irregular • Em locais de passagem, observe atentamente onde
queda
/inclinado /defeituoso redobrar a atenção durante a movimentação de mate
piso não possui saliências ou obstrução tais como: c

Inspeção do local de trabalho / equipamento /


3 • Manter mãos e dedos fora de pontos de prensament
Isolamento e sinalização de área.
• Dispor proteção adequada nos materiais perfuro-cor
material perfuro-cortante manuseio/utilização
• Utilizar os EPIs (capacete com jugular, protetor auric
segurança, luva de segurança e botina com biqueira

• Fazer uso de acessos seguros pré determinados;


• Os locais das atividades deveram ter iluminação sufi
desenvolvimento dos serviços;
iluminação deficiente exposição a • Se necessário instalar refletores próximos ao local d
• Proibida a utilização de óculos escuros durante o pe
de galpões.
• Utilizar uniforme com fitas refletivas.

ruído danos à saúde ocupacional • Utilizar abafador de ruido com nivel de atenuação( N

Particulados/ Poeira inalação/exposição • Quando necessário utilizar respirador semifacial des


• Manter área de trabalho limpa e organizada.
• Não deixar materiais e ferramentas espalhados pelo
passagem.
piso escorregadio/irregular
queda • Observe atentamente onde andar e pisar.
/inclinado /defeituoso
• Ande, não corra.
• Fique atento com saliências e buracos no piso.
• Manter e sempre utilizar um acesso seguro.
Manuseio e Utilização de ferramentas manuais e
4
életricas
• Manter mãos e dedos fora de pontos de prensament
• Dispor proteção adequada nos materiais perfuro-cor
• Manter atenção ao manusear ferramentas.
material perfuro-cortante manuseio/utilização • Utilizar os EPIs (capacete com jugular, protetor auric
segurança, luva de segurança e botina com biqueira
• Utilizar Luva de Segurança constantemente (atentar
específico de cada ferramenta).

• Utilizar protetor solar e camisa de manga longa.


Radiação não ionizante
exposição a • Fazer pausa para descanso.
(térmica,solar,fusão solda)
• Se necessário, manter um garrafa térmica próxima a

Item Passo a passo da atividade Perigo/Aspecto Risco/Impacto Medidas de controle

ruído danos à saúde ocupacional • Utilizar abafador de ruido com nivel de atenuação( N

Particulados/ Poeira inalação/exposição • Quando necessário utilizar respirador semifacial des

• Peso máximo a ser transportado por trabalhador seg


• Caso necessário, solicitar ajuda de outro trabalhador
movimento/posição manual.
esforço físico
antiergonômica • Transporte um volume adequado de material por vez
• Não transportar materiais em excesso.
• Sempre que necessário, utilize carro prancha ou de
• Manter mãos e dedos fora de pontos de prensament
• Dispor proteção adequada nos materiais perfuro-cor
• Manter atenção ao manusear ferramentas.
• Proibido utilizar ferramentas danificadas.
• Proibido improvisar ferramentas.
• Utilizar os EPIs (capacete com jugular, abafador de r
segurança, luva de segurança e botina com biqueira
Manuseio e Utilização de ferramentas manuais e • Para uso de estilete: Somente profissional treinado e
4 életricas. termo de responsábilidade poderão fazer a utilizaçã
(Continuação) • Acionar, utilizar ou armazená-lo conforme treinamen
recomendações estabelecidos no procedimento ope
• Observar todos os riscos inerentes ao seu acioname
guarda, bem como adotar todas as medidas de contr
a prevenção de acidentes;
• Não amolar ou trocar suas lâminas sem a observaçã
material perfuro-cortante contato com segurança e utilizando os EPI´s necesssários.
• Não alterar ou modificá-lo sob hipótese alguma.
• Não permitir que outros empregados não autorizado
a ferramenta.
• Não utilizá-lo com os fins de brincadeiras que coloqu
empregados.
• Zelar pela sua guarda e conservação com as devida
• Certifica-se que a lâmina da serra tico-tico esteja em
uso e afiação.
• Proibido apoiar peças sobre membros, durante utiliz
equipamentos com partes rotativas.
• Utilizar bancada apropriada para execuação da ativid
para fixação da peça a ser cortada.

Item Passo a passo da atividade Perigo/Aspecto Risco/Impacto Medidas de controle

• Utilizar bancada apropriada para execuação da ativid


• Realizar pausa de descanso.
movimento/posição
esforço físico • Utilizar suporte de apoio para a lixadeira.
antiergonômica
• Proibido a utilização da lixadeira apoiada em membr
• Proibido corte com utilização de lixadeira com peças
• Antes de cada período de utilização, cada equipame
inspecionada para identificação de possíveis condiçõ
(inspeção diária - check list e inspeção mensal - cor
. Ao executar a atividade de trabalho a quente fazer o
com filtro.
• Os discos e flanges da lixadeira devem ser montado
causar deformação ou ruptura no núcleo;
• Para debastar utiliza-se somente disco de desbaste
relação a peça;
• A lixadeira de 7 polegadas deve ser retirada o dispos
automatico
• Não utilizar disco de corte para corte de chapas/tubo
• Biombos constituídos por material não combustível d
da peça para evitar que fagulhas atinjam o operador
• O lixamento deve ser feito longe de áreas com mate
partes móveis/rotativas projeção/lançamento de
evitando-se assim o risco de incêndio/explosão;
• O equipamento deve ser manipulado com precaução
Manuseio e Utilização de ferramentas manuais e ou quedas;
4 életricas. • Utilizar disco somente com a RPM (rotatividade por m
(Continuação) com o equipamento;
• Não remover as proteções das máquinas.
• Utilizar os EPIs: capacete com jugular, máscara PFF
segurança, luva, avental e perneira de raspa, protet
auricular e caso haja necessidade mangote ou blusã
• Certificar a existência de extintor de incêndio próxim
• Caso necessite de ajuda, o auxiliar deverá utilizar os
• As brocas da parafusadeira devem ser introduzidas
deformação ou ruptura no núcleo;
• Não tapar as aberturas laterais da máquina, que fora
o motor.

• Os paíneis e tomadas deverão estar indentificados c


• Verificar a tensão eletrica

energia elétrica contato com cabos de energia estão sem emendas, e utilizar de f
suspensa,
• Respeitar a tensão de cada equipamento.
• Verificar se há material combustível próximo a ativida
substância química ignição/incêndio/explosão eliminá- lo.
• Manter próximo a atividade o extintor de incêndio.

Item Passo a passo da atividade Perigo/Aspecto Risco/Impacto Medidas de controle

• Em caso de chuva forte e/ou raios, paralisar a ativida


insegurança atingido por
(tenda e ou container) devidamente aterrado.

• Somente eletricista treinado e capacitado em RAC 1


instalações, reparos e manutenção em máquinas e
elétricos.
• Todos equipamentos elétricos devem estar devidame
Inspecione todos os componentes elétricos antes de
energia elétrica contato com se esta livre de defeitos ou mau contato.
• As manutenções de equipamentos életricos somente
realizadas com as mesmas desplugada da fonte de
• As intervenções nos paineis Mosaic, somente poder
por profissional Mosaic.

Manuseio e Utilização de ferramentas manuais e


4 életricas.
(Continuação)
• Somente pessoal treinado e capacitado (RAC 1) pod
em altura.
No crachá dos colaboradores devera constar a data d
Manuseio e Utilização de ferramentas manuais e
RAC 1;
4 életricas.
• Acima de 1,80 utilizar cinto de segurança com dois t
(Continuação)
• Acima de 1,80 m obrigatório atracar os talabartes em
andaime (linha de vida);
• Se o único ponto de ancoragem do cinto for à estrutu
cabo de segurança atrelado a estes pontos, devem s
suportar a carga de impacto de 1500kgf.
• Para acessar os andaimes deverá estar com a placa
Liberado).
• A liberação devera ser realizada pelo supervisor de a
trabalho em altura queda
• Manter o raio da área que está sendo realizada a ati
sinalizada.
• Manter os acessos desobstruídos e estocar materiai
de circulação de pessoas desempedidas.
• Proibido trabalho sobreposto que não tenha antepar
segurança das pessoas contra queda de materiais e
nível superiores;
• Utilizar luvas de vaqueta mista para manusear o mat
• Caso necessário utilizar escada móvel, . Amarrar a e
solicitar que outro coloborador segure a mesma;
• As escadas móveis devem atender as exigências de

Item Passo a passo da atividade Perigo/Aspecto Risco/Impacto Medidas de controle


• Fazer devolução de ferramentas danificadas ou com
almoxarifado, para destinação correta ou manutençã
Inutilizar e devolver ao almoxarifado todas as ferram
para o serviço.
• Deverá ser utilizada a ferramenta apenas para a fun
destina, ficando proibido executar improvisos com fe
ou elétricas.
• Verificar e realizar check list das ferramentas diariam
• As ferramentas manuais não poderão ser deixadas
possam cair ou atingir pessoas.
• As ferramentas manuais deverão ser transportadas e
Manuseio e Utilização de ferramentas manuais e
até o local de trabalho.
4 életricas. ferramenta manual manuseio/utilização
• Não sendo permitido o seu porte nos bolsos da vesti
(Continuação)
para utilização somente amarradas.
• Escolher as ferramentas corretas para o serviço, não
improvisações.
• Fica proibido a utilização de marreta acima de 10kg.
• Para o manuseio de marretas com peso superior ou
somentes pessoas treinadas e autorizadas.
• Antes do inicio da atividade com a marreta verefique
boas condições de uso.
• Verifique se o cabo da marreta não esta pintado, se
rachadura se o cabo esta bem encunhado (cabo esta
• Em caso de não conformidade, fica proibida a utiliza

• Utilizar o respirador semifacial descartável PFF-2 pa


particulados/poeiras inalação/exposição
de lixamento e solda.

• Utilizar bancada apropriada para execuação da ativid


• É obrigatório o aterramento das bancadas.
5 Execução de serviço de Solda movimento/posição
esforço físico • Utilizar suporte de apoio para a lixadeira.
antiergonômica
• Proibido a utilização da lixadeira apoiada em membr
• Proibido corte com utilização de lixadeira com peças

fumo metálico inalação/exposição • Ao executar a atividade de trabalho a quente fazer o


filtro.

Item Passo a passo da atividade Perigo/Aspecto Risco/Impacto Medidas de controle


• Quando necessário utilizar Biombos, isolar corretam
EPI´s adequados à atividade, como avental, perneir
de couro, máscara de solda e máscara de filtro PFF
• Verificar o local antes de iniciar a soldagem, certifica
produtos inflamáveis e/ou explosivos.
• As operações a quente de solda somente poderão s
trabalhadores qualificados e após terem sido orienta
encarregados.
• Verificar o local antes de iniciar a soldagem, certifica
partes móveis/rotativas projeção/lançamento de
produtos inflamáveis e/ou explosivos.
• Certificar-se que haja um extintor de incêndio próxim
• Nunca usar uma máquina de solda com parte do seu
ou mesmo aberta.
• Posicionar o equipamento de solda ou de corte de fo
fique exposto aos respingos oriundos da soldagem o
mangueiras não devem ter contato com partes quen
• Para atividades em altura, proteger com manta anti-c
abaixo da atividade.

• É expressamente proibida a movimentação do conju


com o cabo conectado à tomada industrial.
Execução de serviço de Solda • A carcaça da máquina de solda deve ser aterrada pe
5
(Continuação) • Ligar a máquina de solda somente através de plug/to
• O cabo elétrico de alimentação deve ter no máximo,
comprimento e ser isento de emendas.
• Trabalhos com solda elétrica, em locais alagados e/o
serão permitidos com a adoção de medidas de cont
evitar o contato do empregado com a umidade,
tais como uso de mantas de proteção, tablados de m
suspensão da fiação. Caso seja instalado material c
mesmo também deverá ser protegido com chapas m
cobertura anti-chama adequada.
• A máquina de solda deve ser instalada próximo ao p
o cabo de 380 V não deve estar exposto. A máquina
energia elétrica contato com
protegida contra ações de intempéries.
• Somente o eletricista deve fazer ligações elétricas.
• Os cabos elétricos que alimentam as chaves blindad
solda não podem ter emendas;
• Utilizar os EPIs (Capacete com jugular, protetor auric
proteção, máscara de solda, perneira de raspa, blusã
mangote de raspa, luvas de raspa cano longo e resp
• Não deixar cabos elétricos espalhados pelo piso em
com o cabo conectado à tomada industrial.
Execução de serviço de Solda • A carcaça da máquina de solda deve ser aterrada pe
5
(Continuação) • Ligar a máquina de solda somente através de plug/to
• O cabo elétrico de alimentação deve ter no máximo,
comprimento e ser isento de emendas.
• Trabalhos com solda elétrica, em locais alagados e/o
serão permitidos com a adoção de medidas de cont
evitar o contato do empregado com a umidade,
tais como uso de mantas de proteção, tablados de m
suspensão da fiação. Caso seja instalado material c
mesmo também deverá ser protegido com chapas m
cobertura anti-chama adequada.
• A máquina de solda deve ser instalada próximo ao p
o cabo de 380 V não deve estar exposto. A máquina
energia elétrica contato com
protegida contra ações de intempéries.
• Somente o eletricista deve fazer ligações elétricas.
• Os cabos elétricos que alimentam as chaves blindad
solda não podem ter emendas;
• Utilizar os EPIs (Capacete com jugular, protetor auric
proteção, máscara de solda, perneira de raspa, blusã
mangote de raspa, luvas de raspa cano longo e resp
• Não deixar cabos elétricos espalhados pelo piso em
pessoas/equipamentos nem em contato com estrutu
• As máquinas de solda deverão ser testadas quanto
elétrica, sinalizadas e instaladas em locais protegido
• Os fios condutores dos equipamentos, as pinças ou
soldagem devem ser mantidos longe de locais com
umidade e devem ser deixados em descanso sobre
isolantes.

Item Passo a passo da atividade Perigo/Aspecto Risco/Impacto


• Somente pessoal treinado e capacitado (RAC 1) pod
em altura.
No crachá dos colaboradores devera constar a data d
• Acima de 1,80 utilizar cinto de segurança com dois t
• Acima de 1,80 m obrigatório atracar os talabartes em
andaime (linha de vida);
• Se o único ponto de ancoragem do cinto for à estrutu
cabo de segurança atrelado a estes pontos, devem s
suportar a carga de impacto de 1500kgf.Para acessa
estar com a placa verde Andaime Liberado. A liberaç
realizada pelo supervisor de andaime e inspecionado
que vai utiliza-lo.
• Manter a área isolada e sinalizada na execução da a
• Manter os acessos desobstruídos e estocar materiai
Execução de serviço de Solda de circulação de pessoas desimpedidas.
5 trabalho em altura queda
(Continuação) • Proibido trabalho sobreposto que não tenha antepar
segurança das pessoas contra queda de materiais e
nível superiores.
• Proibido deixar cabos elétricos em contato com estru
• Proibido subir sobre a estrutura. Caso necessário so

• Proibido trabalho sobreposto que não tenha antepar


segurança das pessoas contra queda de materiais e
nível superiores;
• Proibido subir sobre a gaiola da PTA.
• Proibido pular a gaiola da PTA e passar diretamente
• Proibibo o uso de equipamentos de guindar como su
elevação de pessoas para atividades em altura.
• Para atividades em altura, proteger com manta anti-c
abaixo da atividade.

Item Passo a passo da atividade Perigo/Aspecto Risco/Impacto Medidas de controle


• Transportar os cilindros sempre na posição vertical o
próprios para esta finalidade.
• Não rolar os cilindros sobre seu próprio corpo. Movim
rolando-o sobre sua base.
• Proibido içar cilindros de oxicorte.
• Sempre transportar os cilindros com capacete de pro
atarraxados.
• O transporte dos cilindros de acetileno e de oxigênio
veículo apropriado, presos por correntes ou abraçad
posição vertical e com os capacetes de proteção da
• O conjunto deve ser armazenado de pé, em local ve
temperaturas elevadas, chuva, umidade, produtos q
derivados de petróleo. Deve-se observar também
se não há risco de queda de materiais sobre os mes
• Somente ajustar os reguladores com as mãos e ferra
graxa ou material oleoso.
• Utilizar válvulas contra retrocesso de chama e retenç
6 Execução de serviço com Oxi Corte (Maçarico) inflamável ignição/incêndio/explosão válvulas) dos cilindros.
• Mangueiras próprias na cor verde (oxigênio) e verme
emendas
• É proibido utilizar o próprio corpo como suporte para
• Após o término do serviço de corte com o maçarico,
despressurizar a mangueira.
• Usar o oxigênio dos cilindros única e exclusivamente
corte e solda e nunca em substituição ao uso de ar
limpar peças ou qualquer outra finalidade.
• Nunca despressurizar mangueiras de gás combustív
espaços confinados;
• Verificar eficiência dos manômetros e indicação de li
pressão.
• Utilizar somente equipamentos em perfeitas condiçõ
• Todas as atividades que envolvem solda/ corte no pr
e acessorios de PRFV, onde haja projeção ou trabalho
dispostos e preparador com: • Manta
incêndio; Mangueira de agua de hidrante

Item Passo a passo da atividade Perigo/Aspecto Risco/Impacto Medidas de controle


• Usar os seguintes EPI’s para oxi-corte: Capacete co
auricular, óculos com lentes filtrantes, perneira de ra
luvas de raspa cano longo, avental de raspa e respir
• Para a circulação dos gases de oxicorte deverão ser
adequadas.
• Isolar e sinalizar o local da atividade.
• Proibido improvisar ferramentas para ajustar as cone
oxi-corte.
• Utilizar dispositivo apropriado para conter a queda e
incandescente.
superfície/objeto quente contato com • Não toque objetos/equipamentos quentes.
• Todas as aberturas de parede e piso precisam ser co
material anti chama).
• Ao finalizar ou interromper os trabalhos, as manguei
despressurizadas e enroladas, fechando a válvula do
Execução de serviço com Oxi Corte (Maçarico) as dos maçaricos.
6
(Continuação) • Faça sempre o teste de vazamento utilizando águ
início da operação.
• É terminantemente proibido o uso de isqueiros ou eq
similares para acendimento de maçaricos. Utilizar so
fricção específico para a finalidade.

• Observar a presença do extintor de incêndio e sua v


• Os cilindros devem ser mantidos limpos, secos e ise
graxa.
• Certificar-se que haja um extintor de incêndio próxim
partes móveis/rotativas projeção/lançamento de • Não improvise ferramentas para ajustar as conexões
• Avaliar a existência de materiais combustíveis próxim
atividade.
• Realizar o bloqueio conforme procedimento.
• O bloqueio deverá ser realizado pelo responsável e
• A linha deverá ser despressurizada e drenada.
• Realizar bloqueios em válvulas e flanges especificad
ramificação onde será realizado os tie-ins.
7 Execução de tie-in na tubulação existente fluido sob pressão exposição a • Bloquear com dispositivos físicos (corrente, cadeado
dispositivos de bloqueio a alimentação da linha).
• Testar a efetividade dos bloqueios junto à fiscalizaçã
operação da área.
• É proibida a remoção do cadeado do responsável pe
existência de outros cadeados na caixa de bloqueio.

• Realizar medição de gases no local do furo.


• Se caso não for possivél fazer a medição deverá ser
Execução de tie-in na tubulação existente de aço abrindo furos resfriando com água de forma a permi
8 gases/vapores/névoa/neblina emissão de
carbono medição de gases.
• Se indentificar nível de explosividade, adotar medida

Item Passo a passo da atividade Perigo/Aspecto Risco/Impacto Medidas de controle

• Recicláveis como Papel e Plástico terão acondiciona


em recipientes com distinção de materiais e destinaç
terceirizada fazendo o recolhimento dos resíduos.
• Cada material deve ser retirado e acondicionada ade
9 Organização e Limpeza da Área Residuos Solidos Geração de • Não posicionar membros em pontos de prensamento
• Utilizar EPIs para proteção das mãos e pés – luva de
ou mista) e botina com biqueira de composite.
• Realizar uma pausa 15 minutos antes do final da ativ
limpeza e organização das área.

PLANO DE ATENDIMENTO A EMERGÊNCIA - PAE

Tipos de alarmes de emergência: O que você deve fazer em caso de emergência:


Inicio de emergência - 1 toque de 15 segundos- Estado de alerta interromper atividades, atenção a direção do 1-Nunca, jamais se dirigir para o local da emergência.
vento e procurar o monitor de abandono
Abandono Área - 1 toque de até 4 minutos - Abandono de área e dirigir-se para o ponto de encontro (PE), 2-Havendo a necessidade de evasão, caminhar em fila indiana, utilizando as laterais das vias de
conforme orientações do monitor de abandono. circulação.
3- Portar ou utilizar máscara de fuga.
Fim de emergência - 1 toque de 15 segundos - Seguir as orientações do monitor para retorno. 4 - Observar sempre a direção do vento, através das birutas ou chaminés.
Teste da sirene - 1 toque de 15 5 - Deslocar para os pontos de encontro no sentido lateral ao vento.
segundos - Todas as segundas feiras. 6 - Manter-se calmo, evitando correrias.

ATIVIDADES: TRABALHO A QUENTE


DECLARAÇÃO

Declaro que tomei conhecimento do passo a passo da atividade,perigos/aspectos, riscos/impactos e medidas de controle e comprometo-me a
as providências e verificações adicionais contidas nesta ARA e minhas condições físicas e psicológicas estão favoráveis para a execuç

DATA EXECUTANTES MATRÍCULA CARGO SETOR ASS


CONHECIMENTO DIÁRIO DO RESPONSÁVEL DA ÁREA
DATA RESPONSÁVEL MATRÍCULA CARGO SETOR ASS
Mosaic Fertilizantes
Pág.: 1 de 15
Rev.: 00
Numero
2
SIM ✘ NÃO
Mensal

U-640

Assinatura

Medidas de controle

• Caso haja necessidade de abertura de PT reunir com a fiscalização e


avaliar;
• Divulgar está analise de risco a
todos os colaboradores, e que tenho
conhecimento e que fiquem instruídos sobre as medidas de Segurança
propostas.
• Orientar a todos os funcionários quanto á obrigatoriedade do uso dos
EPI's: • Capacete de proteção com jugular, óculos de segurança protetor
auricular tipo concha, botina de segurança com biqueira de composite e
proteção do metatarso.
outros se necessário.
• Realize o "DDS" (Dialogo Diário de Segurança), com os envolvidos
abordando os riscos presentes aos serviços e local de trabalho.
• Acessar somente os locais permitidos pela área.
Medidas de controle

• É proibido acesso as áreas operacionais da Mosaic sem autorização


prévia.
• Em caso situações de emergência, seguir orientações dos monitores
Mosaic, verificar a direção do vento através das birutas e se direcionar aos
pontos de encontro mais próximos conforme estabelecido no Plano de
Atendimento a Emergência - PAE.
• Ao perceber vazamento nas tubulações entrar em contato com o
responsável da obra, segurança e fiscalização.
• Em caso de contato com ácido fosfórico lavar o local com água em
abundância.
• É obrigatório a mascara de fuga constantemente.
• Respeitar a sinalização e transitar de acordo com as normas, verificar
movimentação de veículos nas travessias de vias e criar acesso seguro.
Identificar a área e se deslocar em forma ordenada.

• Ter atenção com manobras de caminhões no local


da atividade.
• Fique atento ao atravessar as vias de trânsito ou a área de trabalho para
acesso a área de vivência e sanitários.
• Observe e fique bem atento a movimentação de máquinas e
equipamentos no local.

• Os motoristas deverão seguir as orientações das


placas de sinalização
existente, respeitando também a circulação de pessoas.
• Realizar a inspeção em local adequado, utilizar luvas de proteção e manter
as partes cortantes devidamente protegidas.
• Manter suas mãos fora do alcance das partes móveis, cortantes ou
perfurantes das ferramentas ou equipamentos, fazer uso de luvas de
segurança.

• Utilizar protetor solar e camisa de manga longa;


• Fazer pausa para descanso;
• Se necessário, manter um garrafa térmica próxima a atividade , beba
bastante água.
• Manter área de trabalho limpa e organizada, não deixar materiais e
ferramentas espalhados pelo chão.
• Em locais de passagem, observe atentamente onde andar e pisar , ande
sempre em locais destinados a passagem de pedestres, atravesse na
faixa.
• Ande não corra.
• Fique atento com saliências do piso.

Medidas de controle

• Utilizar abafador de ruido com nivel de atenuação( NRRsf) de 21 dB

• Quando necessário utilizar respirador semifacial descartável PFF-2.

• Manter área de trabalho limpa e organizada, não deixar materiais e


ferramentas espalhados pelo chão.
• Em locais de passagem, observe atentamente onde andar e pisar,
redobrar a atenção durante a movimentação de materiais, verificando se o
piso não possui saliências ou obstrução tais como: canaletas, desniveis.

• Manter mãos e dedos fora de pontos de prensamento.


• Dispor proteção adequada nos materiais perfuro-cortante;
• Utilizar os EPIs (capacete com jugular, protetor auricular, óculos de
segurança, luva de segurança e botina com biqueira de composite).

• Fazer uso de acessos seguros pré determinados;


• Os locais das atividades deveram ter iluminação suficiente ao
desenvolvimento dos serviços;
• Se necessário instalar refletores próximos ao local de trabalho;
• Proibida a utilização de óculos escuros durante o período noturno e dentro
de galpões.
• Utilizar uniforme com fitas refletivas.

• Utilizar abafador de ruido com nivel de atenuação( NRRsf) de 21 dB

• Quando necessário utilizar respirador semifacial descartável PFF-2.


• Manter área de trabalho limpa e organizada.
• Não deixar materiais e ferramentas espalhados pelo chão, em locais de
passagem.
• Observe atentamente onde andar e pisar.
• Ande, não corra.
• Fique atento com saliências e buracos no piso.
• Manter e sempre utilizar um acesso seguro.

• Manter mãos e dedos fora de pontos de prensamento.


• Dispor proteção adequada nos materiais perfuro-cortante.
• Manter atenção ao manusear ferramentas.
• Utilizar os EPIs (capacete com jugular, protetor auricular, óculos de
segurança, luva de segurança e botina com biqueira de composite).
• Utilizar Luva de Segurança constantemente (atentar-se ao tipo de luva
específico de cada ferramenta).

• Utilizar protetor solar e camisa de manga longa.


• Fazer pausa para descanso.
• Se necessário, manter um garrafa térmica próxima a atividade.

Medidas de controle

• Utilizar abafador de ruido com nivel de atenuação( NRRsf) de 21dB

• Quando necessário utilizar respirador semifacial descartável PFF-2.

• Peso máximo a ser transportado por trabalhador segundo a NIOSHI: 23Kg.


• Caso necessário, solicitar ajuda de outro trabalhador para o transporte
manual.
• Transporte um volume adequado de material por vez.
• Não transportar materiais em excesso.
• Sempre que necessário, utilize carro prancha ou de mão.
• Manter mãos e dedos fora de pontos de prensamento e corte.
• Dispor proteção adequada nos materiais perfuro-cortante.
• Manter atenção ao manusear ferramentas.
• Proibido utilizar ferramentas danificadas.
• Proibido improvisar ferramentas.
• Utilizar os EPIs (capacete com jugular, abafador de ruido, óculos de
segurança, luva de segurança e botina com biqueira de composite).
• Para uso de estilete: Somente profissional treinado e autorizado mediante
termo de responsábilidade poderão fazer a utilização do estilete.
• Acionar, utilizar ou armazená-lo conforme treinamento, orientações e
recomendações estabelecidos no procedimento operacional.
• Observar todos os riscos inerentes ao seu acionamento, utilização e
guarda, bem como adotar todas as medidas de controle necessárias para
a prevenção de acidentes;
• Não amolar ou trocar suas lâminas sem a observação dos requisitos de
segurança e utilizando os EPI´s necesssários.
• Não alterar ou modificá-lo sob hipótese alguma.
• Não permitir que outros empregados não autorizados acionem ou utilizem
a ferramenta.
• Não utilizá-lo com os fins de brincadeiras que coloquem em risco outros
empregados.
• Zelar pela sua guarda e conservação com as devidas proteções.
• Certifica-se que a lâmina da serra tico-tico esteja em boas condições de
uso e afiação.
• Proibido apoiar peças sobre membros, durante utilização de ferramentas/
equipamentos com partes rotativas.
• Utilizar bancada apropriada para execuação da atividade, com dispositivo
para fixação da peça a ser cortada.

Medidas de controle

• Utilizar bancada apropriada para execuação da atividade;


• Realizar pausa de descanso.
• Utilizar suporte de apoio para a lixadeira.
• Proibido a utilização da lixadeira apoiada em membros.
• Proibido corte com utilização de lixadeira com peças no chão.
• Antes de cada período de utilização, cada equipamento rotativo deve ser
inspecionada para identificação de possíveis condições inseguras
(inspeção diária - check list e inspeção mensal - cor do mês);
. Ao executar a atividade de trabalho a quente fazer o uso da mascara PFF2
com filtro.
• Os discos e flanges da lixadeira devem ser montados de forma a não
causar deformação ou ruptura no núcleo;
• Para debastar utiliza-se somente disco de desbaste e inclinado em
relação a peça;
• A lixadeira de 7 polegadas deve ser retirada o dispositivo de acionamento
automatico
• Não utilizar disco de corte para corte de chapas/tubos de alta espessura;
• Biombos constituídos por material não combustível devem estar ao redor
da peça para evitar que fagulhas atinjam o operador e pessoas próximas.
• O lixamento deve ser feito longe de áreas com materiais inflamáveis,
evitando-se assim o risco de incêndio/explosão;
• O equipamento deve ser manipulado com precaução para evitar impactos
ou quedas;
• Utilizar disco somente com a RPM (rotatividade por minuto) compatível
com o equipamento;
• Não remover as proteções das máquinas.
• Utilizar os EPIs: capacete com jugular, máscara PFF2, óculos de
segurança, luva, avental e perneira de raspa, protetor facial, protetor
auricular e caso haja necessidade mangote ou blusão de raspa.
• Certificar a existência de extintor de incêndio próximo à atividade.
• Caso necessite de ajuda, o auxiliar deverá utilizar os mesmos EPIs.
• As brocas da parafusadeira devem ser introduzidas de forma a não causar
deformação ou ruptura no núcleo;
• Não tapar as aberturas laterais da máquina, que foram feitas para ventilar
o motor.

• Os paíneis e tomadas deverão estar indentificados com sua tensão.


• Verificar a tensão eletrica
• Verificar se os
cabos de energia estão sem emendas, e utilizar de forma
suspensa,
• Respeitar a tensão de cada equipamento.
• Verificar se há material combustível próximo a atividade, protegê- lo ou
eliminá- lo.
• Manter próximo a atividade o extintor de incêndio.

Medidas de controle

• Em caso de chuva forte e/ou raios, paralisar a atividade e procurar abrigo


(tenda e ou container) devidamente aterrado.

• Somente eletricista treinado e capacitado em RAC 10, poderá realizar


instalações, reparos e manutenção em máquinas e equipamentos
elétricos.
• Todos equipamentos elétricos devem estar devidamente aterrados.
Inspecione todos os componentes elétricos antes de usá-los, verificando
se esta livre de defeitos ou mau contato.
• As manutenções de equipamentos életricos somente poderam ser
realizadas com as mesmas desplugada da fonte de energia.
• As intervenções nos paineis Mosaic, somente poderam ser realizadas
por profissional Mosaic.
• Somente pessoal treinado e capacitado (RAC 1) poderá realizar trabalho
em altura.
No crachá dos colaboradores devera constar a data do treinamento da
RAC 1;
• Acima de 1,80 utilizar cinto de segurança com dois talabartes;
• Acima de 1,80 m obrigatório atracar os talabartes em ponto isolado do
andaime (linha de vida);
• Se o único ponto de ancoragem do cinto for à estrutura do andaime ou
cabo de segurança atrelado a estes pontos, devem ser reforçados para
suportar a carga de impacto de 1500kgf.
• Para acessar os andaimes deverá estar com a placa verde (Andaime
Liberado).
• A liberação devera ser realizada pelo supervisor de andaime.

• Manter o raio da área que está sendo realizada a atividade isolada e


sinalizada.
• Manter os acessos desobstruídos e estocar materiais deixando as áreas
de circulação de pessoas desempedidas.
• Proibido trabalho sobreposto que não tenha anteparo que garantam a
segurança das pessoas contra queda de materiais e/ou ferramentas de
nível superiores;
• Utilizar luvas de vaqueta mista para manusear o material;
• Caso necessário utilizar escada móvel, . Amarrar a escada móvel ou
solicitar que outro coloborador segure a mesma;
• As escadas móveis devem atender as exigências definidas pela RAC 1;

Medidas de controle
• Fazer devolução de ferramentas danificadas ou com rebarbas para
almoxarifado, para destinação correta ou manutenção das mesmas.
Inutilizar e devolver ao almoxarifado todas as ferramentas inadequadas
para o serviço.
• Deverá ser utilizada a ferramenta apenas para a função que a mesma se
destina, ficando proibido executar improvisos com ferramentas manuais
ou elétricas.
• Verificar e realizar check list das ferramentas diariamente;
• As ferramentas manuais não poderão ser deixadas solta em locais onde
possam cair ou atingir pessoas.
• As ferramentas manuais deverão ser transportadas em caixas ou carrinho
até o local de trabalho.
• Não sendo permitido o seu porte nos bolsos da vestimenta; ferramentas
para utilização somente amarradas.
• Escolher as ferramentas corretas para o serviço, não é permitido
improvisações.
• Fica proibido a utilização de marreta acima de 10kg.
• Para o manuseio de marretas com peso superior ou inferior a 2kg,
somentes pessoas treinadas e autorizadas.
• Antes do inicio da atividade com a marreta verefique se a mesma esta em
boas condições de uso.
• Verifique se o cabo da marreta não esta pintado, se esta livre de trinca e
rachadura se o cabo esta bem encunhado (cabo esta fixo na marreta).
• Em caso de não conformidade, fica proibida a utilização da mesma.

• Utilizar o respirador semifacial descartável PFF-2 para realizar serviços


de lixamento e solda.

• Utilizar bancada apropriada para execuação da atividade.


• É obrigatório o aterramento das bancadas.
• Utilizar suporte de apoio para a lixadeira.
• Proibido a utilização da lixadeira apoiada em membros.
• Proibido corte com utilização de lixadeira com peças no chão.

• Ao executar a atividade de trabalho a quente fazer o uso da mácara PFF2 com


filtro.

Medidas de controle
• Quando necessário utilizar Biombos, isolar corretamente a área e utilizar
EPI´s adequados à atividade, como avental, perneira e mangote de raspa
de couro, máscara de solda e máscara de filtro PFF2.
• Verificar o local antes de iniciar a soldagem, certificando da ausência de
produtos inflamáveis e/ou explosivos.
• As operações a quente de solda somente poderão ser executados por
trabalhadores qualificados e após terem sido orientados pelo
encarregados.
• Verificar o local antes de iniciar a soldagem, certificando da ausência de
produtos inflamáveis e/ou explosivos.
• Certificar-se que haja um extintor de incêndio próximo à atividade.
• Nunca usar uma máquina de solda com parte do seu gabinete removido
ou mesmo aberta.
• Posicionar o equipamento de solda ou de corte de forma que este não
fique exposto aos respingos oriundos da soldagem ou corte (as
mangueiras não devem ter contato com partes quentes).
• Para atividades em altura, proteger com manta anti-chama e isolar a área
abaixo da atividade.

• É expressamente proibida a movimentação do conjunto de solda elétrica


com o cabo conectado à tomada industrial.
• A carcaça da máquina de solda deve ser aterrada pelo eletricista.
• Ligar a máquina de solda somente através de plug/tomada.
• O cabo elétrico de alimentação deve ter no máximo, 03 (três) metros de
comprimento e ser isento de emendas.
• Trabalhos com solda elétrica, em locais alagados e/ou úmidos, somente
serão permitidos com a adoção de medidas de controle específicas para
evitar o contato do empregado com a umidade,
tais como uso de mantas de proteção, tablados de madeira no piso, e
suspensão da fiação. Caso seja instalado material combustível no piso, o
mesmo também deverá ser protegido com chapas metálicas ou outra
cobertura anti-chama adequada.
• A máquina de solda deve ser instalada próximo ao painel de alimentação,
o cabo de 380 V não deve estar exposto. A máquina de solda deve estar
protegida contra ações de intempéries.
• Somente o eletricista deve fazer ligações elétricas.
• Os cabos elétricos que alimentam as chaves blindadas e as máquinas de
solda não podem ter emendas;
• Utilizar os EPIs (Capacete com jugular, protetor auricular, óculos de
proteção, máscara de solda, perneira de raspa, blusão ou avental com
mangote de raspa, luvas de raspa cano longo e respirador PFF2).
• Não deixar cabos elétricos espalhados pelo piso em áreas de transito de
• Somente pessoal treinado e capacitado (RAC 1) poderá realizar trabalho
em altura.
No crachá dos colaboradores devera constar a data do treinamento da Rac
• Acima de 1,80 utilizar cinto de segurança com dois talabartes;
• Acima de 1,80 m obrigatório atracar os talabartes em ponto isolado do
andaime (linha de vida);
• Se o único ponto de ancoragem do cinto for à estrutura do andaime ou
cabo de segurança atrelado a estes pontos, devem ser reforçados para
suportar a carga de impacto de 1500kgf.Para acessar os andaimes deverá
estar com a placa verde Andaime Liberado. A liberação deverá ser
realizada pelo supervisor de andaime e inspecionado pelo colaborador
que vai utiliza-lo.
• Manter a área isolada e sinalizada na execução da atividade.
• Manter os acessos desobstruídos e estocar materiais deixando as áreas
de circulação de pessoas desimpedidas.
• Proibido trabalho sobreposto que não tenha anteparo que garantam a
segurança das pessoas contra queda de materiais e/ou ferramentas de
nível superiores.
• Proibido deixar cabos elétricos em contato com estrutura dos andaimes.
• Proibido subir sobre a estrutura. Caso necessário solicitar plataforma.

• Proibido trabalho sobreposto que não tenha anteparo que garantam a


segurança das pessoas contra queda de materiais e/ou ferramentas de
nível superiores;
• Proibido subir sobre a gaiola da PTA.
• Proibido pular a gaiola da PTA e passar diretamente para a estrutura.
• Proibibo o uso de equipamentos de guindar como suporte/apoio de
elevação de pessoas para atividades em altura.
• Para atividades em altura, proteger com manta anti-chama e isolar a área
abaixo da atividade.

Medidas de controle
• Transportar os cilindros sempre na posição vertical ou sobre carrinhos
próprios para esta finalidade.
• Não rolar os cilindros sobre seu próprio corpo. Movimentá-lo em pé,
rolando-o sobre sua base.
• Proibido içar cilindros de oxicorte.
• Sempre transportar os cilindros com capacete de proteção das válvulas
atarraxados.
• O transporte dos cilindros de acetileno e de oxigênio deve ser realizado em
veículo apropriado, presos por correntes ou abraçadeiras, mantidos na
posição vertical e com os capacetes de proteção das válvulas.
• O conjunto deve ser armazenado de pé, em local ventilado livre de
temperaturas elevadas, chuva, umidade, produtos químicos corrosivos e
derivados de petróleo. Deve-se observar também
se não há risco de queda de materiais sobre os mesmos.
• Somente ajustar os reguladores com as mãos e ferramentas isentas de
graxa ou material oleoso.
• Utilizar válvulas contra retrocesso de chama e retenção (na caneta e nas
válvulas) dos cilindros.
• Mangueiras próprias na cor verde (oxigênio) e vermelha (acetileno), sem
emendas
• É proibido utilizar o próprio corpo como suporte para as mangueiras;
• Após o término do serviço de corte com o maçarico, fechar as válvulas e
despressurizar a mangueira.
• Usar o oxigênio dos cilindros única e exclusivamente para as atividades de
corte e solda e nunca em substituição ao uso de ar comprimido para
limpar peças ou qualquer outra finalidade.
• Nunca despressurizar mangueiras de gás combustível no interior de
espaços confinados;
• Verificar eficiência dos manômetros e indicação de limite máximo e mínimo de
pressão.
• Utilizar somente equipamentos em perfeitas condições de uso.
• Todas as atividades que envolvem solda/ corte no proximidade de equipamentos
e acessorios de PRFV, onde haja projeção ou trabalho sobreposto deve estar
dispostos e preparador com: • Manta Anti - chama; Extintor de
incêndio; Mangueira de agua de hidrante

Medidas de controle
• Usar os seguintes EPI’s para oxi-corte: Capacete com jugular, protetor
auricular, óculos com lentes filtrantes, perneira de raspa, blusão de raspa,
luvas de raspa cano longo, avental de raspa e respirador PFF2.
• Para a circulação dos gases de oxicorte deverão ser utilizados mangueiras
adequadas.
• Isolar e sinalizar o local da atividade.
• Proibido improvisar ferramentas para ajustar as conexões do conjunto
oxi-corte.
• Utilizar dispositivo apropriado para conter a queda e projeção de material
incandescente.
• Não toque objetos/equipamentos quentes.
• Todas as aberturas de parede e piso precisam ser cobertas (Utilizar
material anti chama).
• Ao finalizar ou interromper os trabalhos, as mangueiras devem ser
despressurizadas e enroladas, fechando a válvula dos cilindros e abrindo
as dos maçaricos.
• Faça sempre o teste de vazamento utilizando água e sabão antes do
início da operação.
• É terminantemente proibido o uso de isqueiros ou equipamentos
similares para acendimento de maçaricos. Utilizar somente acendedor de
fricção específico para a finalidade.

• Observar a presença do extintor de incêndio e sua validade e nível.


• Os cilindros devem ser mantidos limpos, secos e isentos de óleo ou
graxa.
• Certificar-se que haja um extintor de incêndio próximo à atividade.
• Não improvise ferramentas para ajustar as conexões do conjunto oxi-corte.
• Avaliar a existência de materiais combustíveis próximo do local da
atividade.
• Realizar o bloqueio conforme procedimento.
• O bloqueio deverá ser realizado pelo responsável e executante.
• A linha deverá ser despressurizada e drenada.
• Realizar bloqueios em válvulas e flanges especificados ao fluxo na
ramificação onde será realizado os tie-ins.
• Bloquear com dispositivos físicos (corrente, cadeado ou outros
dispositivos de bloqueio a alimentação da linha).
• Testar a efetividade dos bloqueios junto à fiscalização de segurança e
operação da área.
• É proibida a remoção do cadeado do responsável pelo bloqueio com a
existência de outros cadeados na caixa de bloqueio.

• Realizar medição de gases no local do furo.


• Se caso não for possivél fazer a medição deverá ser utilizada furadeira
abrindo furos resfriando com água de forma a permitir a realização da
medição de gases.
• Se indentificar nível de explosividade, adotar medidas para inertizar a linha.

Medidas de controle

• Recicláveis como Papel e Plástico terão acondicionamento temporário


em recipientes com distinção de materiais e destinação final de empresa
terceirizada fazendo o recolhimento dos resíduos.
• Cada material deve ser retirado e acondicionada adequadamente.
• Não posicionar membros em pontos de prensamento.
• Utilizar EPIs para proteção das mãos e pés – luva de segurança (vaqueta
ou mista) e botina com biqueira de composite.
• Realizar uma pausa 15 minutos antes do final da atividade para fazer
limpeza e organização das área.

MENTO A EMERGÊNCIA - PAE

O que você deve fazer em caso de emergência:


unca, jamais se dirigir para o local da emergência.

avendo a necessidade de evasão, caminhar em fila indiana, utilizando as laterais das vias de
circulação.
ortar ou utilizar máscara de fuga.
Observar sempre a direção do vento, através das birutas ou chaminés.
Deslocar para os pontos de encontro no sentido lateral ao vento.
Manter-se calmo, evitando correrias.

BALHO A QUENTE ARA: 2


CLARAÇÃO

ectos, riscos/impactos e medidas de controle e comprometo-me a segui-las, bem como


s condições físicas e psicológicas estão favoráveis para a execução da atividade.

ASSINATURA
RIO DO RESPONSÁVEL DA ÁREA
ASSINATURA
Vale Fertilizantes
Anexo 1 do PGS-3209-46-18 Pág.: 1 de 2
LISTA DE VERIFICAÇÃO DA ARA
Classificação: Uso interno Rev.: 00

Descrição da
atividade: TRABALHO A QUENTE GERÊNCIA: COE - Projetos

Número da ARA 2

Data 5/22/2019 5/23/2019 5/24/2019 5/25/2019 5/26/2019 5/27/2019 5/28/2019


ITENS A SEREM VERIFICADOS ANTES DO INÍCIO DAS ATIVIDADES Turno
N° PT
1

2
3

4
5
6
7
8
9
10

Avaliar os itens de verificação como: NC - Não Conforme C - Conforme NA - Não aplicável


Caso algum item seja avaliado como NC, a atividade não poderá ser executada até que sejam tomadas ações corretivas para este item.
PROVIDÊNCIAS E VERIFICAÇÕES ADICIONAIS

EMPREGADO MATRÍCULA CARGO SETOR ASSINATURA

DECLARAÇÃO
Declaro que tomei conhecimento do passo a passo da atividade, riscos, perigos e medidas de controle e comprometo-me a segui-las, bem como as providências e verificações adicionais
contidas nesta ARA e minhas condições físicas e psicológicas estão favoráveis para a execução da atividade.

DATA EXECUTANTES MATRÍCULA CARGO SETOR ASSINATURA


DATA EXECUTANTES MATRÍCULA CARGO SETOR ASSINATURA

DATA EXECUTANTES MATRÍCULA CARGO SETOR ASSINATURA

DATA EXECUTANTES MATRÍCULA CARGO SETOR ASSINATURA

DATA EXECUTANTES MATRÍCULA CARGO SETOR ASSINATURA

DATA EXECUTANTES MATRÍCULA CARGO SETOR ASSINATURA

DATA EXECUTANTES MATRÍCULA CARGO SETOR ASSINATURA

CIÊNCIA DO RESPONSÁVEL DA ÁREA


DATA RESPONSÁVEL MATRÍCULA CARGO SETOR ASSINATURA
5/22/2019
5/23/2019
5/24/2019
5/25/2019
5/26/2019
5/27/2019
5/28/2019
Vale Fertilizantes
Anexo 1 do PGS-3209-46-18 Pág.: 1 de 2

Classificação: Uso interno Rev.: 01-10/07/2014

GERÊNCIA: Empresa:

Nome do empregado: Registro:

Setor:

DECLARAÇÃO

Declaro que li e estou ciente do passo a passo da atividade, riscos, perigos e medidas de controle e comprometo-me a segui-las, não iniciando a atividade antes das mesmas serem implementadas.
Declaro tembém que minhas condições físicas e psicológicas estão favoráveis para a execução da atividade.

Data 5/22/2019 5/23/2019 5/24/2019 5/25/2019 5/26/2019 5/27/2019 5/28/2019 5/28/2019


Turno
ARA
N° PT
Assinatura

Há perigo / riscos e medidas ✘
de controles adicionais na Sim Não Sim Não Sim Não Sim Não Sim Não Sim Não Sim Não Sim Não
ARA, e foram incluidos?

CIÊNCIA DO RESPONSÁVEL DA ÁREA


DATA MATRÍCULA CARGO SETOR ASSINATURA
5/22/2019
5/23/2019
5/24/2019
5/25/2019
5/26/2019
5/27/2019
5/28/2019
ARA: 15 ATIVIDADES:TRABALHO A QUENTE
DECLARAÇÃO
Declaro que tomei conhecimento do passo a passo da atividade,perigos/aspectos, riscos/impactos e medidas de controle e
comprometo-me a segui-las, bem como as providências e verificações adicionais contidas nesta ARA e minhas condições físicas e
psicológicas estão favoráveis para a execução da atividade.
DATA EXECUTANTES MATRÍCULA CARGO SETOR ASSINATURA

DATA EXECUTANTES MATRÍCULA CARGO SETOR ASSINATURA

DATA EXECUTANTES MATRÍCULA CARGO SETOR ASSINATURA

DATA EXECUTANTES MATRÍCULA CARGO SETOR ASSINATURA

DATA EXECUTANTES MATRÍCULA CARGO SETOR ASSINATURA

CONHECIMENTO DIÁRIO DO RESPONSÁVEL DA ÁREA


DATA RESPONSÁVEL MATRÍCULA CARGO SETOR ASSINATURA
Orientações para o preenchimento do formulário

Campo do formulário Orientação

Nº revisão Identificação deverá ser realizada pelo sequencial numérico

Neste campo deverá ser indicado o número da revisão do documento em específico o qual deverá ser mudado sempre
Data revisão
que a ARA for alterada no sistema

Gerência Gerencia responsável pela execução da atividade.

Área Área responsável pela execução da atividade.

Turno Neste campo, os elaboradores devem selecionar o turno de trabalho

Data A data refere-se à data específica da elaboração da ARA.

Número da ARA Identificação deverá ser realizada pelo sequencial numérico

Atividade Selecionar se a atividade é rotineira ou não

Necessário PT e/ou (PET): Selecionar a necessidade ou não da emissão da Permissão para Trabalho e/ou PET.

Atividade Descrever a atividade a ser realizada


ANÁLISE DE RISCO DA ATIVIDADE - ARA

Verificação Selecionar se a verificação é diária ou mensal.

Necessário Gerenciamento de
Selecionar a necessidade de GMR para a executação da atividade.
mudança do Risco

Atividade Descrição detalhada da atividade à ser executada

Local Local da execução da atividade (Ex. U- xxxx, Oficina de Caldeiraria, Terminal xxx, etc.).

Equipe de elaboração Deverá constar neste campo os nomes dos elaboradores/responsáveis da ARA

Matrícula Deverá constar neste o número de matrícula dos elaboradores/responsáveis da ARA

Cargo Deverá constar neste campo os cargos dos elaboradores/responsáveis da ARA

Setor Deverá constar neste campo o setor de trabalho dos elaboradores/responsáveis da ARA

Assinatura Deverá constar neste campo as assinaturas dos elaboradores/responsáveis da ARA

Nome dos responsáveis pela


Deverá constar neste campo os nomes dos responsáveis da ARA
validação

Nº Ordem sequencial numérica (1, 2, 3, 4, ...)

Campos preenchidos pelos elaboradores e avaliadores Obs: Poderão ser acrescentados pelos executantes novos
Passo a passo da atividade riscos avaliados antes da execução das atividades. Neste campo deverá ser realizada uma avaliação detalhada das
fases de execução da atividade, identificando os riscos e propondo as recomendações necessárias

Perigo/Aspecto Neste campo, os elaboradores devem selecionar possíveis fontes de perigos e/ou aspectos.

Risco/Impacto Neste campo, os elaboradores devem selecionar possíveis riscos e/ou impactos.

Relacionar as medidas que devem ser tomadas para o bloqueio das causas, prevenção e gerenciamento dos riscos.
Medidas de controle
Caso tenha controle operacional especifico deverá estar identificado o documento para essa atividade

11.06.2012
Rev:00
Perigo/Aspecto Risco/Impacto

Descrição Descrição
1 abertura no piso/canaleta/vala abalroamento/colisão

2 acesso inadequado alteração / perturbação da fauna

3 ácidos/bases alteração da biodiversidade

4 agente biológico (bactéria, bacilo, fungo, etc.) alteração da flora

5 agrotóxicos/defensivos agrícolas alteração da qualidade da água

6 andaime alteração da qualidade da água e do ar

7 animais domesticados alteração da qualidade da água e do solo

8 Animais peçonhentos alteração da qualidade da água, do ar e do solo

9 animais silvestres alteração da qualidade do ar

10 animais/insetos alteração da qualidade do ar e do solo

11 arma de fogo alteração da qualidade do solo

12 atividade monótona alteração paisagística / visual

13 atividade não rotineira assoreamento

14 atividade nova ataque de

15 barragem/Bacia de contenção atingido por

16 caldeiras/Vasos de pressão ausência/redução de oxigênio

17 campo elétrico/magnético bater contra

18 carga suspensa colisão e abalroamento/atropelamento

19 comunicação condição instável

20 consumo de água consumo de

21 consumo de água / alimento contaminado contato com

22 consumo de combustível danos à saúde ocupacional

23 consumo de energia danos materiais

24 consumo de madeira derramamento de

25 consumo de produtos e insumos desmotivação

26 consumo de recursos minerais disposição de


27 contato com agrotóxicos emissão de

28 derramamento / vazamento de substância química não perigosa erosão

29 derramamento / vazamento de substância química perigosa erosão do solo

30 desplacamento de choco excesso de confiança

31 efluente líquido exposição a

32 energia elétrica falha/falta

33 energia hidráulica geração de

34 energia potencial ignição/incêndio/explosão

35 equipamentos móveis inalação/exposição

36 equipamentos móveis/veículos pesados ingestão

37 equipamentos móveis/veículos pesados/veículos manuseio/utilização

38 equipamentos/materiais movimento repetitivo

39 escada fixa/plataformas movimento/posição antiergonômica

40 escada móvel perda de produtividade / aumento do Risco

41 esforço físico perturbação do conforto da comunidade

42 espaço de trabalho limitado prensamento

43 explosivo projeção/lançamento de

44 ferramenta manual queda

45 ferramenta/equipamento pneumático reação entre materiais

46 fluido sob pressão realização com

47 fumo metálico repovoamento / reflorestamento

48 gases/vapores/névoa/neblina rompimento

49 iluminação deficiente tombamento

50 inabilidade transbordamento/vazamento

51 inaptidão física variação da disponibilidade de recursos naturais

52 inflamável

53 insegurança
54 invasores/estranhos

55 jornada prolongada

56 material perfuro-cortante

57 metal líquido

58 nível educacional

59 óleo/graxa

60 partes móveis/rotativas

61 particulados/poeiras

62 piso escorregadio/irregular /inclinado /defeituoso

63 piso obstruído

64 problema familiar

65 problema financeiro

66 produto cancerígeno

67 qualificação

68 radiação ionizante (raios-X, raios gama, etc.)

69 Radiação não ionizante (térmica,solar,fusão solda)

70 regime de turno

71 rejeitos minerais

72 resíduos sólidos

73 resíduos sólidos perigoso

74 ruído

75 substância química

76 substância química perigosa

77 superfície/objeto frio

78 superfície/objeto quente

79 trabalho em altura

80 trabalho em ambiente confinado


81 trabalho em turno / noturno

82 transporte de substâncias químicas não perigosas

83 transporte de substâncias químicas perigosas

84 umidade

85 utilização de recursos naturais (solo,água,ar,etc)

86 veículos leves

87 veículos pesados

88 veículos pesados/veículos leves

89 vibração

Você também pode gostar