Você está na página 1de 3

VÍNCULOS FAMILIARES E SUA TOTAL IMPORTÂN CIA

http://www.dilzasantos.com.br/vinculos-familiares/

A PRESENÇA DE FAMILIARES NA SALA DE QUIMIOTERAPIA PEDIÁTRICA

PIMENTEL GOMES, Isabelle; DOULAVINCE AMADOR, Daniela; COLLET, Neusa. A presença de


familiares na sala de quimioterapia pediátrica. Revista Brasileira de Enfermagem, v. 65, n. 5, 2012.

O RECONHECIMENTO LEGAL DO CONCEITO MODERNO DE FAMÍLIA–O ART. 5º, II


E PARÁGRAFO ÚNICO, DA LEI Nº 11.340/2006, LEI MARIA DA PENHA

ALVES, Leonardo Barreto Moreira. O reconhecimento legal do conceito moderno de família–o


art. 5º, II e parágrafo único, da Lei nº 11.340/2006, Lei Maria da Penha. De jure: revista jurídica
do Ministério Público do Estado de Minas Gerais, 2007.

ARRANJOS FAMILIARES DE CRIANÇAS DAS CAMADAS POPULARES

DE ALMEIDA AMAZONAS, Maria Cristina Lopes et al. Arranjos familiares de crianças das camadas
populares. 2003.

A GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIA SOB A PERSPECTIVA DOS FAMILIARES:


COMPARTILHANDO PROJETOS DE VIDA E CUIDADO

SILVA, Lucía; TONETE, Vera Lúcia Pamplona. A gravidez na adolescência sob a perspectiva dos
familiares: compartilhando projetos de vida e cuidado. Revista Latino-Americana de Enfermagem,
p. 199-206, 2006.

OPINIÕES DOS ADOLESCENTES DO ENSINO MÉDIO SOBRE O


RELACIONAMENTO FAMILIAR E SEUS PLANOS PARA O FUTURO

PRATTA, Elisângela Maria Machado; DOS SANTOS, Manoel Antônio. Opiniões dos adolescentes do
ensino médio sobre o relacionamento familiar e seus planos para o futuro. Paidéia (Ribeirão Preto),
v. 17, n. 36, p. 103-114, 2007.

O PAPEL DA MULHER NO CONTEXTO FAMILIAR: UMA BREVE REFLEXÃO

BORSA, Juliane Callegaro; FEIL, Cristiane Friedrich. O papel da mulher no contexto familiar: uma
breve reflexão. O portal dos Psicólogos, v. 185, p. 1-12, 2008.

INTERVENÇÃO COM A FAMÍLIA PRA O FORTALECIMENTO DOS VÍNCULOS


FAMILIARES NO ENFRENTAMENTO DA VIOLÊNCIA CONTRA A CRIANÇA E O
ADOLESCENTE

LOLIS, Dione; KURIKI, Lisa Mitiko Koga. Intervenção com a família para o fortalecimento dos
vínculos familiares no enfrentamento da violência contra a criança e o adolescente. Serviço Social em
Revista, v. 15, n. 1, p. 65-88, 2012.

O APOIO SOCIAL AO FAMILIAR CUIDADOR DURANTE A INTERNAÇÃO


HOSPITALAR DA CRIANÇA
GOMES, Giovana Calcagno et al. O apoio social ao familiar cuidador durante a internação hospitalar
da criança. 2011.
POLÍTICAS PÚBLICAS DE GARANTIA DO DIREITO À CONVIVÊNCIA FAMILIAR E
COMUNITÁRIA

SIQUEIRA, Aline Cardoso; DELL’AGLIO, Débora Dalbosco. Políticas públicas de garantia do direito
à convivência familiar e comunitária. Psicologia & Sociedade, v. 23, n. 2, p. 262-271, 2011.
VÍNCULOS E REDES SOCIAIS EM CONTEXTOS FAMILIARES E INSTITUCIONAIS:
UMA REFLEXÃO CONCEITUAL

CARVALHO, Ana Maria Almeida et al. Vínculos e redes sociais em contextos familiares e
institucionais: uma reflexão conceitual. 2006.
FAMÍLIA EM SITUAÇÃO DE VULNERABILIDADE SOCIAL: UMA QUESTÃO DE
POLÍTICAS PÚBLICAS

GOMES, Mônica Araújo; PEREIRA, Maria Lúcia Duarte. Família em situação de vulnerabilidade
social: uma questão de políticas públicas. Ciência & Saúde Coletiva, v. 10, p. 357-363, 2005.

FORTALECIMENTO DA REDE E EMPODERAMENTO FAMILIAR

DEBASTIANI, Cinara; BELLINI, Maria Isabel Barros. Fortalecimento da rede e empoderamento


familiar. Boletim da Saúde| Porto Alegre| Volume, v. 21, n. 1, 2007.

A PRESERVAÇÃO DOS VÍNCULOS FAMILIARES

VOLIC, Catarina et al. A preservação dos vínculos familiares: um estudo em abrigos. 2006.

COMO CRIAR, MANTER E SAIR DE UMA SOCIEDADE FAMILIAR (SEM BRIGAR)

BERNHOEFT, Renato. Como criar, manter e sair de uma sociedade familiar (sem brigar). Senac,
2017.
REDE SOCIAL E VÍNCULOS APOIADORES DAS FAMÍLIAS DE CRIANÇAS COM
CÂNCER

OLIVEIRA DI PRIMIO, Aline et al. Rede social e vínculos apoiadores das famílias de crianças com
câncer. Texto & Contexto Enfermagem, v. 19, n. 2, 2010.

AMBIENTE FAMILIAR E DESENVOLVIMENTO COGNITIVO INFANTIL: UMA


ABORDAGEM EPIDEMIOLÓGICA

ANDRADE, Susanne Anjos et al. Ambiente familiar e desenvolvimento cognitivo infantil: uma
abordagem epidemiológica. Revista de saúde Pública, v. 39, p. 606-611, 2005.

VÍNCULOS FAMILIARES E SOCIAIS NAS RELAÇÕES DOS IDOSOS

ARAÚJO, Cíntia Kroth et al. Vínculos familiares e sociais nas relações dos idosos. Revista Jovens
Pesquisadores, n. 1, 2012.

A IMPORTÂNCIA DA FAMÍLIA NO TRATAMENTO DO USO ABUSIVO DE DROGAS:


UMA REVISÃO DA LITERATURA

SCHENKER, Miriam; MINAYO, Maria Cecília de Souza. A importância da família no tratamento do


uso abusivo de drogas: uma revisão da literatura. Cadernos de Saúde Pública, v. 20, p. 649-659, 2004.
A IMPORTÂNCIA DO BRINCAR NO DESENVOLVIMENTO PSICOMOTOR: RELATO
DE EXPERIÊNCIA

SCALHA, Thais Botossi et al. A importância do brincar no desenvolvimento psicomotor: relato de


experiência. Revista de Psicologia da UNESP, v. 9, n. 2, p. 79-92, 2017.
RELACIONES FAMILIARES EN LA VEJEZ: VÍNCULOS DE LOS ABUELOS Y DE LAS
ABUELAS CON SUS NIETOS Y NIETAS EN LA INFANCIA

OSUNA, María José. Relaciones familiares en la vejez: vínculos de los abuelos y de las abuelas con
sus nietos y nietas en la infancia. Revista Multidisciplinar de Gerontología, v. 16, n. 1, p. 16-25,
2006.
O QUE É FAMÍLIA

PRADO, Danda. O que é família. Brasiliense, 2017.


A FAMÍLIA E A ESCOLA COMO CONTEXTOS DE DESENVOLVIMENTO HUMANO

DESSEN, Maria Auxiliadora; DA COSTA POLONIA, Ana. A família e a escola como contextos de
desenvolvimento humano. Paidéia, v. 17, n. 36, 2007.
A ORIGEM DA FAMÍLIA, DA PROPRIEDADE PRIVADA E DO ESTADO

ENGELS, Friedrich. A origem da família, da propriedade privada e do Estado. Clube de Autores,


2009.
A FAMÍLIA E DESENVOLVIMENTO INDIVIDUAL

WINNICOTT, Donald W. A família e o desenvolvimento individual. São Paulo: Martins, 1993.


FAMÍLIA, EMOÇÃO E IDEOLOGIA

REIS, José Roberto Tozoni. Família, emoção e ideologia. Psicologia social: o homem em movimento,
v. 8, p. 99-124, 1984.