Você está na página 1de 17
1 Tribunal Superior Eleitoral PROTOCOLO JUDICIARIO 34.703/2014 Cépia. 21/10/2014-13:08 (NAAN EXCELENTISSIMO SENHOR PRESIDENTE DO TRIBUNAL SUPERIOR ELEITORAL LUIS CARLOS CREMA, brasileiro, advogado, inscrito junto a OAB-DF sob n® 20.287, com endereco para intimacdo e notificages no Setor Comercial Sul, Quadra 2, Edificio Serra Dourada, Sala 105, CEP 70300-902, nesta Capital Federal, com fundamento no § 22 do art. 28 da Lei n° 9.096/95, vem, respeitosamente, a presenca de Vossa Exceléncia apesentar sua DENUNCIA PARA CANCELAMENTO DE PARTIDO POLITICO ~ PARTIDOS DOS TRABALHADORES (PT) — pelas razdes de ordem legal que passa a expor: hy | — DA SUBORDINACAO DO PARTIDO DOS TRABALHADORES (PT) A ENTIDADE E GOVERNOS ESTRANGEIROS. FORO DE SAO PAULO E GOVERNOS DA AMERICA LATINA. Com efeito, a Constituiclo de 1988, no art. 17, caput, e incisos |e Il, estabeleceu que os partidos politicos devem resguardar a soberania nacional, 2 democracia, e a proibi¢ao de subordinacdo a entidades estrangeiras, sendo vejamos: Art. 17. E livre a criagao, fusdo, incorporacgio e extinc3o de partidos politicos, resguardados a soberania nacional, o regime democratico, o Pluripartidarismo, os direitos fundamentais da pessoa humana e ‘observados os seguintes preceitos: | carater nacional; Il - proibicdo de recebimento de recursos financeiros de entidade ou governo estrangeiros ou de subordinagdo a estes; (grifos nosso) A Lei n? 9.096/1995, ao regulamentar as disposigdes constitucionais, determina expressamente que o partido politico destina-se a assegurar, no interesse do regime democrético, a autenticidade do sistema representativo e a defender os direitos fundamentais definidos na Constituicdo Federal (art. 12), que os seus programas devem respeitar a soberania nacional, o regime democratico, o pluripartidarismo e os direitos fundamentais da pessoa humana (art. 22). E, em seu art. 52, a lei exige que o partido politico ndo tenha subordinacao a entidades ou a governos estrangeiros. Ocorre que 0 Partido dos Trabalhadores (PT), como se passaré a demonstrar e comprovar, partido em que esta filiada a candidata a Presidéncia da Republica, Sra. Dilma Rousseff, est4 subordinado a entidade denominada “Foro de So Paulo”, bem assim possui subordinagao a governos estrangeiros, os da América Latina. Assim, em face da afronta direta a Constituico Federal e aos arts. 12, 22 € 58, da Lei n? 9.096/95, o Partido dos Trabalhadores (PT), deve ter seu registro civil e estatuto do partido cancelado, consoante o que dispde o art. 28, inciso II, do diploma legislativo antedito. 0 Partido dos Trabathadores fundou, juntamente com outros partidos € organizaces estrangeiras, o Foro de Sao Paulo, entidade estrangeira cujo objetivo é © auxilio reciproco entre partidos politicos que visam estabelecer uma ordem juridica socialista aos pafses representados por esses partidos e entidades. Nada obstante a aparente regularidade e legalidade da entidade Foro de So Paulo, é fato publico e notério que a entidade denominada “Foro de Sao Paulo” estabelece e direciona os “governos revolucionérios” da América Latina, no que se incluiu 0 PT, a institucionalizar, nos paises em que chegam ao poder (o que aconteceu no Brasil) verdadeiro atentado contra a soberania nacional e ao Estado Democratic de Direito, o que alias é confessado pelo préprio ex-presidente Sr. Luis Inacio Lula da Silva, e, pela entao presidenta, e candidata a reeleicdo, Sra. Dilma Rousseff. Mesmo que tais fatos sejam publicos e notérios, os Impetrantes trazem aos autos as provas cabais da criaco, pelo Partido dos Trabalhadores, do Foro de So Paulo e a participagdo deste na geréncia estratégica do movimento, nos seguintes documentos: a) Resolucdo do 3° Congresso do Partido dos Trabalhadores’, realizado em 2007, ocasiéo em que se completava 17 anos da existéncia da entidade’, que pode ser acessada no seguinte link: https: .pt.org.br/wp- content/uploads/2014/03/ Resolucoesdo30CongressoPT.ndf ; * https://www.pt.org.br/wa-content/uploads/2024/03/Resolucoesdo3oCongressoPT pdt ? A partir da convocatéria feita pelo PT, nasceu o que futuramente se chamaria Foro de Séo Paulo, que ao longo dos dltimos 17 anos contou com a participacio ativa da Frente Ampla de Uruguai, da Frente Farabundo Marti de Libertago Nacional (FMLN) de El Salvador, da Frente Sandinista de Libertacdo Nacional (FSLN) de Nicaragua, do Partido Revolucionario Democratico (PRO) do México e do Partide Comunista de Cuba, entre outras forcas politicas.(f. 127, Resolucdes do 3° Congreso do PT.