Você está na página 1de 42

1

ORIXÁS E SEUS ENCANTOS

O mundo foi dividido por Olorum e Odudua, os deuses pais dos outros orixás. Eles
reuniram seus filhos e como a terra era muito grande, iam dar uma parte para cada um, para
que pudessem reinar num lugar, sem brigas e mal entendidos. Assim, mandou chamar todos
que estivessem no seu palácio, a mesma hora. Então, foram chegando um a um, menos
Tempo e Exu. Depois de muito esperar, Olorum começou a dividir seu reino por seus filhos.
Chamou Ogum e deu-lhe, como guerreiro, todos os caminhos e quem quisesse passar para
qualquer lugar ou caminho, tinha que ter ordem dele.
Para Oxosse, ele deu as matas, porque era caçador e tido como homem valente, e
quem quisesse tudo o que tinha na mata, teria que ter sua permissão para apanhar.
Para Obaluaê ele deu o cemitério para tomar conta de todos que partissem para ele,
e não deixasse ninguém entrar lá sem sua ordem.
Para Iemanjá ele deu o mar para zelar.
Pana Nana ele deu os pântanos, que por ser velha, não poderia nadar, correr e pular.
Para Oyá ele deu rios, onde tinha matas, pedras preciosas e peixes.
Para Oxum ele deu as cachoeiras cercadas de flores para tomar conta.
Para Xangô deu as grandes pedreiras para construir casas, estradas e poder.
Aí, chegaram Tempo e Exu.
Olorum deu a Oxalá o dom de tomar conta da terra e ajudar seus irmãos no que
fosse preciso.
Então, Tempo gritou: __ E eu, Senhor?
__ Não tivestes hora para me atender, então, não terás nada, a não ser os espaços
que eu dei ao mundo, a mudança da noite e do dia, chuva e sol, fortuna e miséria, riqueza e
pobreza, poder e escravidão, sofrimento e saúde, inteligência e negligência, tudo será
passageiro.
Aí Exu gritou: ___ E eu, Senhor?
Para ti, só sobrou os desertos sem água, alimento e pousada.
Então, Yemanjá se apiedou de seu filho e disse: ___ Senhor, posso dar um presente a
meu filho? Ele respondeu: ___ Sendo seu, pode.
Ela mergulhou uma peneira no mar e retirou 16 búzios, juntou uma pedra e disse:
____ Filho, arme uma tenda à beira do deserto e quem tiver de passar, terá que lhe pedir
ajuda. Jogando, ganhas e ajudas a todos.
Assim, foi dividido o reino de Olorum.
Olorum e Odudua governam a todos e Ifá governa o jogo da adivinhação.
2
CANDOMBLÉ

Religião africana. Era composta de várias nações.

1 – Gêge _ se divide em: Gêge Marrim


Gêge Daí

2 – Kêtu ou Alaketu

3 – Angola e Congo

4 – Efon ou Ijexá

DIA : segunda-feira de 18 às 24 hs
CORES : preto, vermelho e a cor do santo de que é escravo
FRUTAS : limão, figo
QUIZILA : água, sal, pinha
ANIMAIS : cabrito, galo de briga, frango mariscado, pato

1 _ EXU (vovô Cipriano)

1) Barakesan – Exu rei do jogo, ligado a Ifá. Vem com todos os orixás (Tranca Rua d’Imbaré)
2) Barainã – Exu do jogo, vem de Iansã e Xangô (7 Cruzeiros)
3) Baravidun – vem de Xangô (7 Porteiras)
4) Barayanzi – vem de Tempo e Nana (7 Gravetos)
5) Vary – Exu Velho, vem do Omulu. É o rei dos Exus (Lúcifer) – (Tata Caveira)
6) Geru – vem do Omulu (7 Caveiras)
7) Lalu – vem de Oxalá
8) Eleru – Exu que recebe as oferendas, vem de Oxosse junto com Ibuarama (7 Pimentas)
9) Alaketu – vem de Oxosse e da Oxum, causador de acidentes (7 Figueiras)
10) Aleru – Exu do caminho, não come dendê, vem de Oxossi, Oxaguian e Ossanha
11) Aladi – vem de Oxalá (Tranca Rua das Almas)
12) Kibilu – vem do Tempo (7 Montanhas)
13) Eledu – vem de Ogum e Omulu novo – Exu do carvão (Exu Veludo)
14) Eleupopó – vem de Xangô e Iemanjá (7 Encruzilhadas do cemintério)
15) Igbarabô – só vem de Xangô (7 Tronqueiras)
16) Marabô – vem de Ogum (7 Facadas) e de Iemanjá (Pinga Fogo)
17) Kindocoiá – vem de Tempo, Iansã e Nana (Viramundo)
18) Kodoroin – vem de Ogum e da Oxum (7 Galões de ouro)
19) Kanvangy – vem de Obaluaê, Nana e Iansã (7 Catacumbas)
20) Kassarapan – vem de Ossanha e Oxumarê (7 Dormideiras)
21) Kitirenan – vem de Oxaguian e Iemanjá (7 Luzes)

FUNDAMENTOS

1 - Exu Aleru não come dendê. Seu padê leva 02 olhos de gato e 7 moedas
2 - Animais: cabrito, cobra com veneno, gato, rato e cachorro
3
3 – o leba é dono dos caminhos, das ruelas, porque foi ele que embebedou Oxalá, e por isso
ganhou as trevas, mas acabou ganhando tudo, pois decide o destino das pessoas junto com Tempo.
Tem tanta força que é saudado antes de todos os orixás. É o único que vive nos 2 extremos: entre o
aiê (terra) e o orum (céu)

OLUPONAN – iniciante em Exu


Adôche: ralar 03 sementes verdes da palmeira de dendê e fazer o adôche.
Exu é raspado em 7 dias, de 2ª a 2ª feira, exceto na 6ª feira. O féxa é no pé
Uma comida: pinha com mel
Bombogiras: Mavandeluzi – 7 Encruzilhadas
Bontiefé
Omiã
Bara-alerô – Tiriri das Almas
KIUMBA = um empregado de Exu
Os exus Marabô Toquinho, 7 Gargalhadas e 7 Porteiras são filhos de Pai Cipriano
O Exu não tem sexo. Ele se passa por qualquer coisa, até mesmo por erê, menos por Oxalá.

2 – OXALÁ

a) Oxalufã – Deus e Espírito Santo (o velho)


b) Obatalá – Pai Eterno
c) Oxaguian – Jesus Cristo (o novo)
d) Orixalá – Sr. Jesus do Bonfim
e) Alufã – Jesus Trabalhador
f) Talabi – Jesus da Festa (milagre do vinho)
g) Eleufun – N.Sr. dos Passos
h) Orumilá – Dono do mundo
i) Olorum – Deus milagroso
j) Odudua – Deus Pai Criador
l) Ifá – Deus do Destino e da adivinhação

Eleufun, Orumilá, Olorum, Odudua e Ifá não se manifestam.

DIA : sexta – feira


CORES : branco leite, prata e ouro
FRUTAS : principalmente uva branca, todas
VERDURAS : brócolis
LEGUMES : pipino, inhame branco, batata inglesa
QUIZILA : pimenta, cana, fígado, café
ANIMAIS : pombo, cabra, carneiro, frango, galo, galinha d’angola branca
PERSONALIDADE : bondade, desprendimento, e amor a tudo
FEXAS : 7 riscos e 1 cruz. No meio das costas 3 cruzes na frente
ÁGUAS DE OXALÁ : mar, cachoeira, rio, lagoa, poço, chuva, sereno
ARMAS : paxorô – cajado com 3 divisões cheios de sinos, e em cima uma
Bola (o mundo) com 1 pombo (Oxalufan)
Enidô – arma de Oxaguian – pilão e a faca. Simboliza o
Espírito Santo
4
ANGOROSSIS

1) É como axequê
Mamba co orixalá
Orixalá é lebo Babá (Oxalá é pai de exu)
Olá mixe fererê
I guda Babá guinguin ta numbó
Babá olá mixe fererê
Talabô iaô ebô
Ebô uala Orixalá.

2) Gin gin gin


Oxaladê amaleô
Gin gin gin
Oxaladê amaleô

3) Orixalá to ê amalodê
Orixalá tou ê amalodê bis
Orixalá me reriou
Maiô, maiô
Maiô, maiô bis

COMIDAS

1 – Pão de Oxalá: 7, 14 ou 21 fatias de pão arrumadas no prato, embebidas em vinho tinto e


regadas com mel

2 – Amalá de Oxalá: Canjica cozida em água. Arrumar em tigela branca, depois de fria, colocar
algodão (paz) cobrindo a canjica e regar com mel

3 – Arroz de Oxalá: Arroz cozido em água sem sal, arrumado na tigela branca, coberto com
algodão e regado com mel

4 – Ori de Oxalá: Miolo de boi inteiro, cozido em água, sem sal, regado com mel e arrumado em
prato branco

5 – Feijão de Oxalá: Feijão branco com lombo (sem sal), cozido em água sem sal, regado com mel
e arrumado na tigela

6 – Tripa de Oxalá: Tripa cozida em água sem sal, cortada em pedaços pequenos, arrumada em
prato branco regada com mel

7 – Sangue de Oxalá: Sangue cozido em água sem sal, cortado em pedaços, enfeitado com salsa e
cebolinha picadas, regado com mel e arrumado em prato branco

8 – Apeté de Oxalá: Batata cozida, cheiro verde e farinha de trigo. Amassar bem e fazer as
bolinhas, passar na farinha de trigo e colocar para assar. Arrumar no prato branco e regar com mel
5
9 – Peixe de Oxalá: Peixe de água doce cozido em água sem sal, servido com pirão de farinha de
mesa, arrumado na travessa, enfeitado com cheiro verde e regado com mel

10 – Emé de Oxalá: Claras de ovos cozidos, cortadas em pedaços pequenos, arrumadas no prato
branco e regadas com mel

11 – Inhame branco: Inhame branco cozido. Amassar para fazer uma farofa, regar com mel e
colocar no prato branco

OXALÁS (Tranca-Rua)

1 – Oxaguian ou Oxoguian (esta forma surgiu porque era comedor de inhame)


2 – Oxalufan ou Oxolufan ( “ “ “ “ “ “ “ “ )
3 – Orixacô
4 – Orixaiá
5 – Babaiguibó – divide-se em: Oxaguian – a metade nova e Oxalufan – a metade velha. Come
inhame amassado
6 – Unibabá
7 – Ioluiwá
8 – Ajagunan
9 – Axagundé
10 – Axauntaiá
11 – Açadumê
12 – Oxafuru – foi profeta. Se veste de preto, porque o branco era luto e o preto protegia a sua pele
13 – Oxadudu
14 – Ajobé
15 – Aquirê ou Ikirê
16 – Oxonin
17 – Oxonian
18 – Oxodinhã
19 – Orodian
20 – Oradinhan
21 – Oxodin
22 – Oroninhan
23 – Oloroguibó
24 – Bolufan
25 – Otalaiá – orixá feminino, mãe dos seres e das coisas. Não se raspa
26 – Obatalá – orixá masculino pai dos seres e das coisas. Não se raspa
27 – Odudua – é mãe do aiê (terra). Orixá feminino. Não se raspa. Moldou os seres no barro e deu
vida
28 – Onilê – orixá ocó que vem da adivinhação. Não se raspa
29 – Orumilá – igual a Onilê (Onirê – Ogum)
30 – Olodumarê – orixá ocó dono da vida e da morte. Tão importante quanto Olorum
31 – Olorum – Deus criador do universo.

FUNDAMENTOS:
1 – Oxalás do 28 ao 31 – ninguém é filho
6
2 – Oxalás do 25 ao 31 – não viveram, não forma humanos. São o centro de tudo. Destes Oxalás
saíram os outros Oxalás. Oxalufan, o mais velho, Oxaguian, o mais novo.
3 – Oxafuru – não leva ijé porque queima o seu corpo
4 – só se dá ebô (canjica – que é grão) para Oxalá velho e inhame amassado para Oxalá novo,
porque o grão levou um tempo para crescer, ficou grande e é mais velho do que o inhame
5 – quando Odudua chegou, encontrou Nana e Irôco (vivia em cima e dentro da gameleira branca e
se alimentava dos bichos que davam dentro da árvore)
6 – tudo que Odudua faz deu para alguém tomar conta. O candomblé é tudo da natureza, porque
foi da natureza que foi feito o homem: o barro (dado a todos os santos); o fogo (dado a Xangô); o
carvão (dado a Exu)

FUNDAMENTOS (Vovô Cipriano)

1 - Odudua é o Deus procriador – vem como macho e fêmea. Não tem sexo.
2 - O féxa é na mão (o destino a Oxalá pertence)
3 - Ervas – manjericão branco, macaçá, alfazema
4 - Otalaiá – é a mãe de todos os seres vivos. Não se raspa
5 - Metal – chumbo
6 – quase todo filho de Oxaguian é filho da Oxum
7 – Oxaguiam vem com Oxum ou Iemanjá
8 – Iansã nunca vai passar Oxalá porque é irmã de Obatalá
9 – Olorum é pai de Iansã, como todos os orixás
10 – Ifé (amor) – reinou Oxalá
11 – quem fez a terra foi Oranian
12 – Oxalá quando nasceu, quando chegou no mundo, Caru (pai de Iemanjá), já existia. Oxalá
quando veio criar o mundo, aqui só tinha água e é por isso que a criança é gerada na água
13 – Itacilê – orixá que vive no mar

3 – OXUM

a) Ajô – N.S. da Conceição


b) Adzeleba – N.S.de Fátima
c) Nakiê – N.S.das Graças
d) Lactibá – N.S.das Dores
e) Cesi – N.S. da Penha
f) Epandá – N.S. do Paraíso
g) Aquará – Coração de Maria
h) Apará – N.S. do Desterro
i) Eubamibé – N.S. de Lourdes
j) Obaciou – N.S. da Anunciação
l) Olexá – N.S. do Perpétuo Socorro
m) Oba-ouxá – N.S. das Dores
n) Abaló – N.S. das Cabeças
o) Omicilê – N.S. das Cabeças
p) Aziri – N.S. Menina
q) Naete – N.S. de Guadalupe
r) Adé Xaluga – N.S. de Nazaré
s) Omixabi – N.S. da Boa Morte
7
t) Abotô
u) Ipondá
v) Eiê Mouô
x) Karey – N.S. Nazaré do Círio
z) Opaciniy – Lua

DIA : sábado
CORES : amarelo ouro, azul claro e rosa bebê
FRUTAS : banana, nêspera, cana, nozes
VERDURAS : couve
LEGUMES : couve-flor, palmito, ervilha
QUIZILA : siri, tamarina, abil, tangerina
ANIMAIS : pombo, cabra, galinha d’angola, galinha d’angola branca, franga branca
PERSONALIDADE : dona da riqueza, do ouro, da barriga, mãe, bondade e perdão
FÉXAS : 3 traços em cada braço; 1 lua na barriga
ARMAS : abebê (ventarola com espelho; leque e boneca (2 bolsas de metal dourada

ANGOROSSIS

1 – Quecê quecê ô caiá (bis)


Caiá tunda lundá
Quecê quecê ô caiá (bis)
Caiá é tuandá
Azurum gaia da muquelê (bis)
Azurum gaia da casa da muquelê
Na zangüenda angoromeia

2 – Alô mina aia


Alô mina aia
Alô mina aia
Do miquelê
Oxum é aro mi gexá
Oro mi gexá
Oxum é aro mi gexá
Oro mi gexá

3 – Alô mina ia
Alô mina ia, domiquelê
Oxum é oromi gexá

COMIDAS

1 – Omolocô - Feijão fradinho cozido em água sem sal, 3, 5 ou 7 ovos cozidos inteiros. Amassar o
feijão e colocar na tigela com os ovos arrumados por cima. Regar com mel

2 – Jojô - Arroz bem cozido. Depois de frio colocar ovos crus (de preferência 3), salsa, coentro,
cebola. Amassar tudo até fazer a consistência de uma massa. Depois fazer os bolinhos e fritar em
dendê bem quente. Arrumar em prato
8

3 – Xinxim - Arroz bem cozido. Fazer um molho de galinha cozida, desfiada com camarão seco,
salsa, cebolinha, amendoim e castanha de caju torrados e moídos. Depois do molho pronto,
despejar sobre o arroz e misturar. O molho é cozido em dendê. Servir em tigela

4 – Couve de Oxum - Couve cortada fina, passada no dendê quente, junto com 3, 5 ou 7 ovos
mexidos. Servir em prato e regar com mel

5 – Banana de Oxum - 7 bananas pratas ou ouro em rodelas arrumadas em prato e regadas com
mel

6 – Ova de tainha - fritar no dendê, servida com farofa de farinha de mesa ou arroz bem cozido.
Colocar em prato e regar com mel

7 – Tainha de Oxum - fritar a tainha no dendê. Arrumar no prato e regar com mel

8 – Peixe de água doce – qualquer peixe de rio, cozido em água sem sal. Arrumar em prato e regar
com mel

OXUM (Vovô Cipriano)

1 – Opará (pegou na mão de Ogum Xeroquê) – come com Ogum e Iansã


2 – Carê – como com Oxumarê
3 – Ipondá ou Epondá – come com Xangô
4 – Iabomi – come com Oxosse
5 – Abaé – come com Oxosse e Iemanjá
6 – Ioni – come com Ogum
7 – Tími – come com Ogum
8 – Insin – come com Iansã e Nana
9 – Minibu – come com Nana
10 – Iabaomi – come com Olumilá
11 – Abotô ou Ipetu (N.Srª do Líbano) – come com Omulu
12 – Abalu – come com Obaluaê
13 – Aquidã – come com Nana e Iansã
14 – Jobaquerê – come com Oxosse, Ogum e Xangô
15 – Deuá – come com Tempo
16 – Ajumum – come com Obatalá
17 – Mori – come com Ogum
18 – Pamilandê – come com os ocós
19 – Apunqué – come com os ocós
20 – Ajo – come com Xangô
21 – Naquiê – come com Obaluaê
22 – Popolocum – come com Olorum – é a Oxum mais velha. É a da nascente das águas. Não se
raspa. Só vem na cabeça de abicu. Todas as outras oxuns são filhas dela

FUNDAMENTOS:
9
1 – as filhas de Iabaomi, depois de 07 anos de feitura, não viram mais, depois disso são apeti de
ifá, guardiães de ifá, dos jogos de ifá. Muitas não menstruam. São raspadas novas. Têm que
aprender todos os jogos de ifá (deus da adivinhação). Só procura cabeça de mona.
2 – Ovô Ifá – filho de Ifá, sacerdote, babalaô. Ninguém é filho de Ifá
3 – a Oxum era um ser moldado no barro, na argila.Não levou o ijé de bicho, levou o ijé da terra
(água), para lhe dar a vida
4 – a Oxum é a rainha dona da lua (dièje). Não se deita uma filha da Oxum em lua minguante,
porque senão seca o útero, se tem filho, pode acontecer alguma coisa com ele. Se for na lua
minguante, matar um galo para a lua. O galo porque a Oxum é a dona dos ocós.
5 – a Oxum é filha de Orumilá e Odudua
6 – a Oxum é a santa que tem mais fundamento com Oxalá porque é sua mãe. Quase todo filho de
Oxaguian é filho de Oxum. Oxaguiam vem com Oxum ou Iemanjá

COMIDAS (Vovô Cipriano)

1 – 1 jojô com camarão seco socado


couve escaldada arrumada como flor. Fazer 16 bolinhos
16 é a conta de Oxalá, de aláfia

2 – Couve cortada fininha e refogada


ovo mexido e 3 ovos inteiros no centro

4 – OGUM

a) Matinata Topirinan – S. Francisco de Assis


b) Maiê – S. Francisco Xavier
c) Goiá – S.Francisco de Paula
d) Iara Jaio – S. Tiago
e) Ilua Eua – S.Luis Gonzaga
f) Dele – S. Luis Gonzaga
g) Opelé – S. Simião
h) Opará – S. Tomé
i) Aeua – S. Jorge
j) Megê – S. Expedito
l) Naruê – S.Benedito
m) Demalê – S. Antônio
n) Jobé – S.Miguel Arcanjo
o) Afefe – Stº Agostinho
p) Benym – S.Luiz, Rei de Portugal
q) Oloupopo – S. Gabriel
r) Akingolé – S. Rafael
s) Obemiagum – S. Geraldo
t) Jaio –
u) Oganian – S.Pedro de Alcântara
v) Lebedé – S. Nicodemus
x) Nicata – S. José de Arimatéia
z) Mukumbê – S. Cristóvão
y) Kerê Kerê
10
k) Cariri
w) Nekocê

DIA : terça-feira
CORES : azulão e branco
FRUTAS : manga, figo, cajá manga, genipapo, carambola
VERDURAS : agrião
LEGUMES : vagem, inhame roxo
QUIZILA : manga redonda, caranguejo, siri
ANIMAIS : pombo, cabrito,frango, galinha d’angola, peru
PERSONALIDADE : dupla personalidade, não tem firmeza
INAETO : grilo
FÉXAS : Peito: espada; braço: 3 espadas em um e 4 em outro
ARMAS : espada, punhal, escudo, armadura

ANGOROSSIS:

1) Ogum Ogum nas afirê a la jubó


Ogum é lá oré, Ogum é lá oré, ô
Ogum é lá oré
É um bobô nitô gum ô
Ilê ta mitá bequé
Assim para um obé
Ogum a cocô che bobô corô ilê ô
Ogum mariô bobel
Ogum mariô bobel

2) Ogum daqueri atê (bis)


Ogum daqueri, queri iawô
Ogum madesse, lá venha ver
La venha ver, la venha ver

3) Ogum já manguê
Ogum já manguê
É um alerejá
Ogum já mangue

COMIDAS:

1 -Amalá de Ogum: feijão fradinho cozido em água s/sal, servido em tijela ou prato. Regarc/dendê

2 - Cunamê: galo de Ogum frito no dendê, servido com farofa de camarão em tijela ou prato

3 - Amendoim cozido em água, regado com dendê e camarão seco por cima. Serve-se em tijela ou
prato

4 - Amendoim cozido em água. Servido em prato. Regar com mel


11
5 - Amendoim torrado sem sal e servido em alguidar ou prato

6 - Feijão fradinho torrado com camarão seco cozido por cima. Serve-se em prato. Regar com
dendê

7 - Acarajá: igual ao da Iansã

8 - Feijão fradinho torrado com um coração cozido em água sem sal ou cru. Colocar em cima do
feijão. Arruma-se em tijela ou prato. Regar com dendê

9 - Inhame branco ou roxo cozido em água sem sal, inteiro ou cortado. Servir em prato. Regar com
mel

10 - Engambelo: manga espada cortada em 3, regada com mel. Servir em prato

OGUNS (Vovô Cipriano – Congo)

1) Onjé – come com Obaluaê


2) Alagabedê – come com Iemanjá
3) Obefarã – come somente com Oxosse Emboalama
4) Ogum Ió – come com Oxum
5) Iguibó Iguibó – come com Obaluaê e Iemanjá
6)Tatameji (Ogum velho) – come com Oxosse
7) Denorê – come com Logum Edé e Iemanjá
8) Cariri (Ogum da Porta) – come com o Tempo
9) Xeroquê (São Rafael) – come com Exu
10) Orinã – Ogum que estuprou Iemanjá , que foi expulso e virou Exu
11) Onilê – O PRIMEIRO OGUM
12) Ale – come com Oxum e Oxossi
13) Ogum Já (Onirê) – come com Odudua e Oxossi
14) Naruê – come com Oxumarê
15) Narim – come com Oxaguiam
16) Biolê – come com Exu

COMIDAS:

1) Oju de incoce (olhos de Ogum): 1 punhado de vagem - só escaldar – (representa a palha com
que se cobria para se livrar das maldades). Não passar a faca.
Feijão fradinho – colocar de molho e depois cozinhar.
Camarão seco – socar com o feijão até fazer uma papa. Colocar um pouco de farinha de mesa
paraficar igual a um bolo sólido.
Colocar no alguidar 7, 4, 21 ou 28 vagens e arrumar em volta (igual a uma coroa) do bolo feito da
massa de camarão e feijão.

2 orobôs e colocar como se fossem os olhos e 1 obi para fazer a boca.

FUNDAMENTOS:
12
1 – Origan – 1º Ogum (tornou-se Exu)
2 – Onirê – filho de rei e filho único
3 _ Quando Ogum dá o nome, ele grita “incossi”, seguido de seu nome
4 _ Ogum Cariri só toma rum em Angola. Não é raspado em ketu.

5 – TEMPO

a) Aebobô – S. Lourenço
b) Alaxé – S. Caetano
c) Daomey – S.Bartolomeu Romano
d) Irokó – S. Conrado
e) Kabiezi – S.João Capristano
f) Zamgbeto – S.Gregório
g) Uemê – S. Moisés

DIA : quarta
CORES : verde, marrom, cinza
FRUTAS : jamelão, ananás, goiaba, araçá, laranja da terra
VERDURAS : coentro
LEGUMES : batata baroa, caraduá, giló
QUIZILA : abóbora, caqui, fígado, pinha
ANIMAIS : pombo, cabrito, frango
PERSONALIDADE :
INSETO : vagalume
FÉXAS : nos braços os riscos e nas costas 1 grelha
ARMAS : grelha – p/cozinhar
cajado

ANGOROSSIS

Iemanjá gunté um oba


Ou luou oba mirerê
Ou luou oba é um guinguim
É guinguim balijá
Lemba vila, ê ô cassange (bis)
Lemba Tempo, ê ô cassange (bis)

COMIDAS
1 – Ovo cozido – descascar e deixar inteiro. Regar com mel ou dendê, Servir em alguidar ou prato

2 – Jiló cozido inteiro, arrumado em alguidar ou prato, regado com mel

3 – Mingau de creme de fubá, regado com dendê. Servir em alguidar ou prato

4 – Batata baroa cozida e inteira ou cortada em rodelas, regada com mel. Colocar em prato

5 – Comida de quizila – arroz cozido em água sem sal, arrumado em alguidar ou prato e regado
com mel
13

6 – Atum de Tempo – atum cozido em água sem sal, servido com acaçá de milho, regado com mel
ou dendê

7 – Ibichim – pombo frito no dendê, servido com farofa de dendê. Colocar em alguidar ou prato

TEMPO (Vovô Cipriano) – Tembo é o certo

1 – Irôco – nome de iró: Jaraboguê


2 – Iroquetrim – iró: Naraquezan (é um babaegum)
3 – Najeozan – iró: Mavilembatoiá (exu + Oxalá + Iansã)
4 – Locum – não se deve mexer, é perigoso, é dono das águas

FUNDAMENTOS

1 – os Tempos de 1 a 3 são de Angola


2 – o Irôco é a base de qualquer Tempo
3 – dentro das nações existem 7 Tempos. No Gêge e no Keto é Irôco. Tempo se afeiçoa a todas as
pessoas
4 – os 3 Tempos de Angola se dividem em 7: sol, chuva, maldade (guerra), alegria, tristeza,
falsidade e paz

6 – IEMANJÁ

a) Sobá – N.S. dos Navegantes


b) Adobá – N.S. do Carmo
c) Omim – N.S. das Candeias
d) Olocum – N.S. do Rosário
e) Obá-Olocum – N.S. das Neves
f) Janaína Imbé – N.S. da Glória
g) Ierossum – N.S. da Glória
h) Ododua – N.S. Auxiliadora
i) Aleuô-Popó – N.S. do Paraíso
j) Aymu – N.S. da Apresentação
l) Ojuntó – N.S. da Natividade
m) Ogunté – N.S.da Piedade

DIA :sábado
CORES : branco, azul claro e rosa pétala
FRUTAS : melão, mamão, pêra, uva branca
VERDURAS : alface
LEGUMES : chuchu, abóbora d’água
QUIZILA : manga, maçã, morango
ANIMAIS : pombo, franfo, Galina d’angola, cabra, pato
PERSONALIDADE : egoísta, e só pensa em si
INSETO : lacraia
FÉXAS : 3 traços em cada braço. Uma fratela na barriga
ARMAS : alubi – um peixe
14
Espelho separado ou c/alubi
2 bolsas de metal c/desenho de peixe, prateada

ANGOROSSIS

1) Morejou, morejou, Iemanjá oci


Iemanjá já querê ou lodô iá
Iemanjá como quê como cori cocó
Iemanjá qué um abo } bis
Qué um aibô omi jaré } bis

2) Oba colê, cole missê


Leriou Iemanjá
Oba cole, cole missê
Leriou Iemanjá

3) É um quequê
Amaleká
É Iemanjá Dodé
A diou

IEMANJÁ (Tranca-Rua)

1 – Yemovô – a assediada por Oxaguian, a esposa. É muito velha e só vem com Oxaguian ou
Ogum
2 – Yamazé – gerou Xangô, Oxumarê e Oranian. Conhecida como Grunci (mãe parideira)
3 – Sobá – come com Oxalufã
4 – Olossá – come com Oxalá. É a Iemanjá das águas salobas
5 – Ogunté – come com Ogum Alagabedê. A única que come dendê e carrega uma ofange (faca
pequena)
6 – Sezi
7 – Wodô (lê-se ôdu)
8 – Oinú
9 – Iacum
10 – Minassaiê
11 – Baribô
12 – Azirizobô (Karen) – é mãe de Exu. A que foi estuprada por Exu. A primeira Iemanjá

FUNDAMENTOS
1 – são as 12 Iemanjás em todas as nações
2 – Caru é pai de Iemanjá. Antes de entregar qualuer coisa na praia, acender uma vela para Caru,
que vive nas profundezas das águas salgadas. Vivia na mesma época de Nana. É o mais velho dos
orixás. Já nasceu na água
3 – Iemanjá só come comida branca. Não gosta de peixe. A comida preferida é o coco ralado, arroz
e mel. Gosta também de manjar, xuxu passado no ovo de pata e frito com azeite

7 – OSSANHA
15
a) Ossaiyn – Stª Isabel

DIA : quarta-feira
CORES : amarelo ouro e marrom
FRUTAS : tamarina, pitanga, amora e romã
VERDURAS : cerralha
LEGUMES : nabo
QUIZILA : caqui, melancia e cana
ANIMAIS : pombo, frango, galinha d’angola, ganso
PERSONALIDADE :
INSETO : esperança
FÉXAS : na frente, se for fêmea, uma lua, se for macho, um sol e nos braços 3 riscos
em cada um
ARMAS : macho – cajado e braçada de folhas grandes
: fêmea – balaio de folhas ou flores silvestres. 1 palma ou folha de bananeiro

ANGOROSSIS

1) Arolê coupê milodê


Arolê coupê milodê
Que o mitadô arerefô
Catendê coupê milodê arefô
Aiê, coma arefô, como arefô
Coupê milodê } bis

2) Catendê
De la mina aruandê
Meu catendê, de la mina aruandê

COMIDAS

1 – Zarabamba – carne de porco, dendê e mel. O pedaço da carne é frita no azeite, depois coloca-se
em uma folha de bananeira ou taioba. Colocar em prato e regar com mel

2 – Apecó – mingau de aipim. Cozinhar bem o aipim e depois misturar com salsa, cebola e dendê,
amassando bem. Servir em alguidar

3 – Galinha de Ossanha – coxa de galinha desfiada depois de cozida, misturada com nabo e servir
com acaçá de milho. Colocar o acaçá no alguidar e a carne em prato

4 – Capivara – pedaços das patas fritas no dendê e servida com farofa. Colocar em prato

5 – Cerralha – refoga-se a cerralha com cebola e serve-se com acaçá vermelho. Colocar em prato

6 – Amoras, tamarinas ou pitangas arrumadas em prato e regadas com mel

7 – Peixe de Ossanha – traíra da água doce cozida e regada com mel e servida com pirão. Colocar
em prato
16

8 – Peixe de Ossanha – bagre cozido e regado com mel e servido com pirão. Colocar em prato

9 – Batata baroa cará doce – cozida e regada com mel e arrumada em prato

OSSAIM, são 4 (Vovô Cipriano - Congo)

a.1 – Abeneji – come com Odudua e Nanã


a.2 – Aroni – come com Oxosse e Nana
a.3 – Agüétí – come com os ocos
a.4 – Sananvangê – come com as iabás
É filho de Odudua com Oxalá

b) Dada
c) Equessayn

8 – OXUMARÊ

a) Dambala (fêmea) – N.S. Aparecida


b) Angorô ou Bessem (macho) – S. Bartolomeu

DIA : quinta-feira
CORES : verde e amarelo ouro
FRUTAS : pêra e laranja
VERDURAS : bertalha
LEGUMES : abobrinha verde e giló
QUIZILA : caranguejo e abacaxi
ANIMAIS : pombo, cabra, cabrito, coelho, frango, galinha d’angola
PERSONALIDADE : pronto para ajudar os outros
INSETO :
FÉXAS : igual ao de Ossanha
ARMAS : macho – cobra
: fêmea – folhas enroladas simbolizando um ninho ou um arco-íris

ANGOROSSIS

1) Angorô dandalunda
Quecê obá
É quecê é caiá é angorô
É iaiá um jaré } bis
É senhora do ualê } bis

2) Oxum omi soube, soube, soube


Aei iêou soube, soube, maré
Oxum maré, lou querê
Lou querê, Oxumaré
17
COMIDAS
1) Abobrinha d’água cozida em água sem sal, regada com mel. Pode-se colocar inteira ou cortada
em fatias e arrumadas em feitio de cobra. Colocar em prato

2) Giló cozido com o cabinho, arrumado em tigela ou prato e regado com mel

3) Tartaruga cozida, regada com mel e servida em tigela ou prato

4) Ovos da tartaruga, misturado com farinha de mesa e cebola. Depois fritar no dendê. Regar com
mel. Colocar em prato

5)Timbé – cobra cozida ou frita no azeite doce, servida em prato e regada com mel

6) Cortar a pêra ao cumprido, juntar a laranja em gomos e arrumar no prato, regar com mel

7) Carne de porco, colocar para refogar com camarão e cebola ralada. Enfeitar com 7 quiabos
cozidos, abertos de trás para a frente e retirados os caroços. Não picar o quiabo. Servir em prato

8) Salada – folhas de alface, laranja cortada em rodelas sem caroço, ovos cozidos, cortados em
rodelas, banana são Tomé (frita no azeite doce) e pepino em rodelas.Servir em prato

OXUMARÊ (vovô Cipriano – Congo)

1 – Angoromeia (fem.) – arco-íris de água


2 – Angorô (masc.)

9 – NANÃ

a) Buruquê – Santana (nova)


b) Abedzutá – Santana (velha)
c) Kauté – Santana
d) Nansulê – Santana (irmã de Lázaro)
e) Gegebô
f) Boukou
g) Olissará
h) Niodé
i) Amanu
l) Aloquedê
m) Animajté

DIA : quarta-feira
CORES : lilás, rosa e roxo suave
FRUTAS : melancia, jabuticaba, uva rosada, castanha
VERDURAS : taioba, chicória
LEGUMES : beterraba, berinjela
QUIZILA : tangerina, cana, caranguejo, siri
ANIMAIS : pombo, cabra, galinha d’angola, tartaruga, cágado, galinha caipira
PERSONALIDADE : pessoa feliz com o que tem
18
INSETO : aranha
FÉXAS : o mesmo que Oxalá
ARMAS : alubi (cajado)

ANGOROSSIS

1) Iamissã missamiê talabi iabá


Iamissã missamiê talabi iabá
Bara ganju no Jagunã }
Iá iá santo rei iá } bis

2) Talabi ogam Nanã omi


Talabi ogam Nanã omi
Talabi ogam Nanã aché
Talabi ogam Nanã ache

3) Nanã suá suá euá


Nanã suá suá euá
Euá euá Nanã
La no aiê

COMIDAS

1 – Zarabamba – carne fresca frita em tiras, no dendê, depois colocar em uma folha de bananeira
ou taioba e regar com mel. Pode servir também com farofa de farinha de mandioca com dendê.
Colocar em prato

2 – Aboim – galinha d’angola frita no dendê rodeado de côco ralado. Servir em prato . Regar com
mel

3 – Engambelo – banana figo ou da terra, cozida e cortada em tiras. Colocar em prato e regar com
mel

4 – Ova de tainha cozida na água sem sal, regada com mel. Servir com arroz bem cozido. Colocar
no prato

5 – Tainha cozida em água sem sal. Servir com pirão de farinha de mesa. Colocar no prato ou
travessa. Regar com mel

6 – Chicória refogada com cebola, cortada bem fina e servida com acaçá branco. Colocar no prato
e regar com mel

7 – Berinjela ou beterraba cozida e cortada em rodelas, regadas com mel. Servir em prato

8 – Melancia cortada em quadradinhos sem caroço, rodeada de uvas rosadas, salpicada com
castanhas moídas, regada com mel e servir em prato
19
NANÃS (vovô Cipriano – Congo)

1) Oioguibô
2) Burucum
3) Biodum
4) Assainã
5) Eiliguibé
6) Sussurê
7) Nanbocu
8) Inssaim
9) Tinoiocum
10) Ajapá ou Mahapá (em Gêge)
Todas essas comem com todos os orixás somente nas obrigações
11) Iniê – come com Oxalufã
12) Orofé – come com Urumilá
13) Rona – come com Odudua
14) Adoiocu – não come com ninguém. É a própria morte. A Nana mais velha

FUNDAMENTOS

1 - São Inquices, mas estes nomes são vistos em outras nações


2 - Abiri – para Nanã se equilibrar no lodo
3 - Vassoura – porque Nanã é considerada a bruxa de todas as águas
4 - Nanã só teve Oxumarê como filho e apenas criou Obaluaê
5 - Nanã não tem mãe.
6 - Caravandê – é o Deus das águas do pântano, mas dizem que é pai de Nanã.
7 - Nanã veio do barro. Não gosta de féxas. O féxa de Nanã é no pé.
8 - Para raspar Nanã: concha do mar, osso de um carneiro ou elefante.

10– OMULU

a) Acalombé – S.Lázaro (Obaluaê)


b) Iemokou – S.Zacarias (Obaluaê)
c) Auereketé S.Jó (Obaluaê)
d) Ataolô – S. Bento
e) Azuciniketé – S.Josafá
f) Xapanã – S.Bernardo
g) Yabayn – Stº Onofre
h) Obabaru – S. Jeremias
i) Wuriucary – S. Antão Pilatos
j) Baku – S. Cipriano
l) Akeboutá – S. Clemente
m) Giledé – S. Barnabé
n) Dozodji – S. Bruno
o) Dalagen – Stº Afonso
p) Aglossanto – Stº Euzébio
q) Dazindji –Stº Hipólito
r) Gibrazu – S. Venceslau
20
s) Jagum – Profeta Isaías (Obaluaê – não se raspa)
t) Burungunço –
u) Kuketê

DIA : segunda-feira de 0 h até 12 h


CORES : preto, branco, roxo, marrom claro, cinza, vermelho
FRUTAS : abacaxi, amêndoa, uva preta, sapote
VERDURAS : espinafre
LEGUMES : maxixe, nabo
QUIZILA : quiabo, laranja azeda, jabuticaba
ANIMAIS : pombo, cabrito, frango, galo, galinha d’angola
PERSONALIDADE :
INSETO : mosca, lesma
FÉXAS : 7 riscos e 1 cruz nas costas, do lado direito. Na língua e solas dos pés
ARMAS : paxorô – feixe de bambu amarrado com palha da costa enfeitado com
búzios. Muleta e capanga (p/esmolas)

ANGOROSSIS

1) Aê, aê cassuté lengá


Cassuté Obaluaê cassuté lengá
O meu cassuté, té, té, té
Cassuté lengá terá migongá
Totô ma fuleô }
Obaluaê ma fuleô } bis

2) Que sanjá no aloni }


Aloni no caiangô } bis
Tateto no aloni }
Aloni no caiangô } bis

COMIDAS

1 – Ajeum de Olumu – 7 rodelas de abacaxi arrumadas em prato, regadas com mel. Pode-se usar a
lima da pérsia

2 – Doburu – fazer as pipocas com o milho alho numa panela de ferro. Depois de frias, colocar
numa tigela e regar com mel

3 – Siquerê – aipim, ovo e pimenta – cozinhar o aipim, depois amassar junto com o ovo e a
pimenta. Depois fazer os bolinhos e fritar no dendê. Colocar em prato

4 – Culaê – feijão preto, dendê, pé de porco, orelha, rabinho, lombo. Tudo sem sal. Colocar para
cozinhar tudo junto. Servir em tigela ou prato

5 – Aberem – farinha de mesa, coco ralado, ovos e açúcar. Misturar tudo, fazer os bolinhos e assar
na trempe e colocar em prato
21
6 – Sangue picadinho, cozido com cheiro verde, cebola e coentro. Servir com acaçá vermelho em
tigela ou prato

7 – Maxixe cozido inteiro ou cortado ao comprido, regado com mel. Servir emprato

OMULUS (o novo) E OBALUAÊS (o velho) - (Tranca Rua)

1 – Jaguns
1.1 – Ibonan – come com Ogum
1.2 – Aravará – come com Iansã e Oxosse
1.3 – Aravaré – come com Oxaguian
Os 3 são trigêmeos: Ibonan e Aravará nasceram primeiro. São Omulus. Aravaré é o mais velho. É
um Obaluaê.

2 – Acaran (Omulu) – come com as monas


3 – Sapecó (Omulu) – come com Oxum e Oxaguian
4 – Ajagunã (Omulu) – come com Ogum e Oxalufã
5 – Azauane (Obaluaê) – come com Oxosse
6 – Azeuzin (Omulu) – come com as monas
Azuane e Azeuzin são gêmeos
7 – Gebu (Omulu) – come com as monas
8 – Acanan (Obaluaê) – come com Oxalufã
9 – Sakapatá (Omulu) – come com as monas
10 – Xaponã Airo (Omulu – Ivan) – come com Exu
11 – Xaponã Bocu ou Bacu (Obaluaê) – come com Nanã e Exu
Airo e Bocu são irmãos
12 – Áfona (Omulu) – come com as monas
13 – Tetun (Obaluaê) – come com Exu
14 – Ipô Ipô = Intotu (pó, terra, o chão de uma casa)

Bacu = Bocu = filho de Nanã


Obaluaê traz a cura e a praga. Omulu e Obaluaê governam o mundo. Depois de Zâmbi, é o maior
orixá. Foi quem Jesus ressuscitou.
Xaponã foi quem rogou as pragas em Xangô, era o que diziam. É a parte guerreira, sanguinária do
Omulu.
Os 16 são um só

11 – IANSÃ

a) Balley – Stª Bárbara –


b) Lapá – Stª Guida
c) Imbelodê – Stª Luzia
d) Atopé – Stª Rita de Cássia
e) Obassinim – Stª Terezinha
f) Otaí – Stª Cecília
g) Obratá – Stª Maria Madalena
h) Atulu – Stª Clara
i) Inhapopô – Stª Lúcia
22
j) Zereuá – Stª Marta
l) Obaoke – Stª Joana D’Arc
m) Obaoyá – Stª Filomena
n) Dava-Obá – Stª Mônica
o) Badê – Stª Isabel de Portugal
p) Yadossun – Stª Inês
q) Locangê – Stª Catarina
r) Dessan-Conti – Stª Rosa de Lima
s) Oyacilê – Stª Guida

DIA : terça-feira
CORES : laranja, branco, vermelho, rosa vivo e coral
FRUTAS : manga, tangerina, jambo, morango e maçã
VERDURAS : nabiça
LEGUMES : repolho, cenoura, abóbora madura
QUIZILA : caranguejo, limão, abacate, abóbora
ANIMAIS : pombo, cabra, franga, galinha d’angola
PERSONALIDADE : vence pelo esforço, planta e dá
INSETO : cigarra
FÉXAS : nos braços: 3 traços em cada braço
ARMAS : adaga (espada curta); ereuxim (rabo de cavalo para espantar os eguns; 2
chimpanas (chifres de boi para chamar as crianças e achar as pessoas
perdidas

ANGOROSSIS

1) Iansã está no aloni }


Aloni no caiangô } bis
Edê caiangô }
Ai eueu no qüeti } bis

(COREJASSY)
2) Iansã está no abaô }
Peixe marinho } bis
Está no zambecô }
Abre a porta cabecili
Este abacá está no zambecô

3) Quero loiá mujibá


Iansã balley caô ché
Quero loiá ê parrei
Na zamburá odara
Que linde bossilê aloiá
Iansã pampam
Maracam belé mi ronco
Iaô, iaô
Acaju dundum ma racambelé }
Me ronco acajá } bis
23

COMIDAS

1 – Acaçá – creme de arroz ou farinha de acaçá. Fazer o mingau, enrolar em pedaços de folha de
bananeira. A folha de bananeira deve ser aquecida em vapor d’água ou numa grelha para melhor
fazer as trouxinhas. Arrumar em prato

2 – Abará – feijão fradinho. Colocar o feijão para cozinhar, depois de bem cozido, amassar e
enrolar na folha de bananeira. Arrumar em prato

3 – Acarajá – feijão fradinho, camarão seco e dendê. Colocar o feijão de molho e passar tudo na
máquina de moer ou no moinho. Depois da massa pronta, formar os bolinhos e fritar no dendê.
Colocar no prato

4 – Barecô – angu de fubá com galinha cozida, desfiada, pimenta, coentro, salsa e cebola. Misturar
tudo e fazer a massa. Arrumar os bolinhos e fritar no dendê. Colocar no prato

5 – Pamonha – milho verde ralado, coco ralado e açúcar. Fazer a massa e enrolar na folha do
milho, depois colocar para cozinhar em água quente. Arrumar no prato

6 – Língua – cozinhar a língua de vaca em água sem sal, arrumar no prato e regar com azeite de
dendê

7 – Carne de vaca frita ou assada no dendê e servida com acaçá vermelho ou farofa de dendê.
Arrumar no prato

8 – Feijão de Iansã – feijão fradinho cozido com camarão seco, dendê e cebola. Ao arrumar na
tigela do santo, colocar mais camarão seco por cima e regar com mel

9 – Cenoura cozida inteira ou em tiras. Arrumar no prato e regar com azeite de dendê

IANSÃ (OIÁS – Tranca Rua – Congo)

1 – Oiá Egunitá
2 – Oiá Binicá
3 – Oiá Seno – só pode ser assentada junto com Oxumaré macho (Becen)
4 – Oiá Bagã – quando se raspa se assenta Exu primeiro (Exu bagã)
5 – Oiá Gunã
6 – Oiá Codun
7 – Oiá Mangandolê
8 – Oiá Ipopô
9 – Oiá Ossonin
10 – Oiá Ibonin
11 – Oiá Sirê
12 – Oiá Sesirá
13 – Oiá Seni
14 – Oiá Caran
15 – Oiá Baguiduré
24

Todas comem com todos os orixás

IGUIBALÉS (Iansãs de Balé)

1 – Iguibalé
2 – Cará
3 – Funlelé ou Aisa Orô Olorum Fulelé ou Aisã Orô Fulelé
4 – Mofuru
5 – Furam
6 – Furê
7 – Gerê
8 – Toninguimbé e Farachebô – não se raspam. Só vêm em abicu (Ogan e Ekedi)

FUNDAMENTOS:

1 - Oiá = santa das águas escuras – come com todos os orixás, babaegum e especialmente com
Babaegum Alarapiô
2 - Topé ou Gegê = é qualidade de Alaketu. Não se raspa, é a própria morte.
3 - Oranian e Oramian = são gêmeos filhos de Lacanje com Oxalá.
4 - Oranian dentro da nação de Congo, é Xangô
5 - Oranian – metade branca do Oxalá
6 - Oramian – metade escura do Ogum
7 - Lacanje e Funlelé são gêmeas. É uma qualidade de Ewá. Lacanje teve um filho, Oraniam
(metade branco – Oxalá e metade preto – Ogun. Teve mais dois filhos: Oradian e......
8 - Funlelé é uma das mulheres de Ogunjá
9 – pai de Iansã é Olorum

COMIDAS

1 – Feijão fradinho escaldado


7 folhas de repolho branco – abrir para fazer uma rosa
3 obis no miolo da rosa cobertos com mel
em volta do miolo colocar dendê (epô)

12 – OXOSSE

a) Obatalá – S. Sebastião
b) Otaocy – S.Tarcísio
c) Motalombô – S. Felipe
d) Axamby – S. Zacarias
e) Orixá-Irô – S. Mateus
f) Iricô – D. Bosco
g) Onixabé – S.João de Deus
h) Tauamin – S. Marcos
i) Odemozum – S. Tomás
25
j) Acambi – S. João Evangelista
l) Ferrugan – Stº Antão
m) Ferragi – Stº Inácio
n) Olossain – S. Boaventura
o) Oxiri – S. Maurício
p) Topodunciman – S. Cornélio
q) Fernegan – S. Henrique
r) Ada – S. Camilo
s) Obualama – S. Silvestre
t) Cava

DIA : quinta-feira
CORES : verde e amarelo canário
FRUTAS : laranja, coco, pêssego, fruta de conde, ameixa
VERDURAS : caruru
LEGUMES : aipim, pimentão, quiabo
QUIZILA : limão, cana, melancia
ANIMAIS : pombo, cabrito, coelho, frango, galo, galinha d’angola, cobra, pavão, porco
PERSONALIDADE : andarilho, não tem parada, guerreiro, lutador, batalhador
INSETO : louva-deus
FÉXAS : 3 flexas em cada braço e nas costas
ARMAS : capanga e arco e flecha
bodogue e flechas
capangas (p/guardas as flechas)
lança

ANGOROSSIS

1) Odé ilê ou que manjou


É ou que manjou
Odé é lorixá e é codidê
Ô gibê ô gibê de milecê } 3 vezes
Oxosse amalê ô

2) Oia mina como nagô arimã }


Mina como nagô arimã } bis
Mina coquê arimã
Mina coquê arimã

3) Odé mi tafá } bis


O lairá oxé
Mi tafá odé } bis

COMIDAS

1 – Coco de Oxosse – coco ralado ou cortado em tiras, regado com mel. Arrumar emalguidar ou
prato
26
2 – Milho de Oxosse – 7 espigas de milho. Abrir as espigas, afastando-se bem as palhas. Encher
com mel, tornar a repor as palhas no lugar e amarrar com fita verde. Arrumar em alguidar ou prato

3 – Raiz de Oxosse – cozinhar o aipim em água sem sal, cortado em pedaços e sem casca. Arrumar
em alguidar ou prato e regar com mel

4 – Aorô – cozinhar o milho (de galinha) em água sem sal, depois de ter deixado do molho durante
2 dias. Arrumar em alguidar, cobrir com coco ralado e mel

5 – Comida de Oxosse – cortar o rim em pedaços pequenos, fritar no dendê, colocar cebola cortada
em fatias. Depois de frito, fazer uma farofa com farinha de mandioca e arrumar em alguidar ou
prato

6 – Comida de Oxosse – 7 costelas de porco s/sal, depois fritar em dendê. Fazer uma farofa de
farinha de mandioca e arrumar em alguidar ou prato

7 – Comida de Oxosse – cozinhar 7 costelas de porco em água sem sal. Em seguida fazer um pirão
com farinha de mandioca e arrumar em alguidar ou prato e regar com mel

8 – Ageum de Oxosse – tirar o sal do camarão seco com cabeça. Fazer um refogado no dendê, com
cebola, salsa e depois de refogado, colocar o quiabo cortado em pedacinhos e arrumar em prato ou
alguidar

9 – Exé – fazer um angu de fubá, colocar o sangue de porco cortado em pedacinhos refogado no
dendê com todos os temperos. Arrumar em alguidar ou prato

10 – Caxepó –moranga cozida, aberta somente no centro como se fosse um buraco, onde coloca-se
o fumo de rolo e o mel

11 – Caxepé – asas e coxas de frango, cozidos com quiabo, em água sem sal. Regar com dendê e
servir com acaçá de fubá. Colocar em alguidar ou prato

12 – Sarapatel – todos os miúdos do porco, boi e galinha e os temperos, tudo cozido junto com
dendê. Servir com acaçá branco e vermelho e colocar com alguidar ou prato

OXOSSE (Vovô Cipriano – Congo)

OBS: Gongobila – Oxosse menino (angola e Congo)


Logun Edé – Oxosse menino (alaketu)
Odé – Oxosse velho (Angola e Congo – violento, selvagem, sanguinário, bugre)

1 – Odé Ieiê Logum – come com Ogum e Iemanjá


2 – Odé Iroquê – come com Babairôco
3 – Odé Catimbá – come com Iemanjá
4 – Odé Benim – come com Exu Alaketô – Intilê é o pai e Oxum Epondá é a mãe
5 – Odé Cuedemá – come com Oxum Apará
6 – Odé Lodê – come com Oxum
7 – Odé Tajaí – come com Oxalá
27
8 – Odé Bairá – come com Xangô
9 – Odé Forocum – come com Nana
10 – Odé Tocueran – come com Oxum
11 – Odé Acueran – come com Oxum Carêi
12 – Odé Yapopô – come com Ogum e Iemanjá
13 – Odé Inrilê = Intilê = Inlê – come com Oxaguian e Iemanjá
14 – Odé Ipopô – come com Iemanjá
15 – Odé Emboalama (se identifica com Oxalá e se veste na palha) – come com Omulu e
Obaluaê
16 – Odé Otim – come com Exu
17 – Odé Odinê – come com Iemanjá
18 – Odé Iagro – come com Iemanjá
19 – Odé Agrossai – come com Ossaim
20 – Odé Orualê – come com Obaluaê e Iemanjá
21 – Odé Maré – come com Oxumarê

FUXIXO: para plantar Ode Benin é preciso tirar a pedra de baixo de um pé de Iroko, um
pedaço de raiz e a tabatinga onde o Iroko foi plantado. O Iroko deve ter sido plantado, a pelo
menos 07 anos. A Gameleira branca é a força de Oxossi. É muito ligado a Ossanha e a Tempo.
Oxosse é filho de Oxalá com Iemanjá.
O féxa é no pé, porque é do pé que ele precisa para correr
OBS: Os Odés só comem com santo de mel

12 – LOGUNS ( Keto)

Gongobilas (Vovô Cipriano – Congo)

1 – Apanan
2 – Loco
3 – Ebain
4 – Logun Edé

DIA : quinta-feira
CORES : azul claro e amarelo canário
FRUTAS : as de Oxosse e Oxum
VERDURAS : couve e caruru
LEGUMES : todos os de Oxosse e Oxum
QUIZILA : todas as de Oxosse e Oxum
ANIMAIS : pombo, cabrito, frango, galo, galinha d’angola, pavão, porco, coelho, cobra
PERSONALIDADE :
INSETO :
FÉXAS : mesmo que Oxosse e Oxum
ARMAS : capanga e abebê (leque)

ANGOROSSIS

Odé bajá oxumpandá


Ecó ecó orumilá
28
Odé bajá oxumpandá
Ecó ecó orumilá
E lorixá é codidê
E lorixá logum endá
E lorixá é codidê
E lorixá logum endá

COMIDAS

Todas as comidas da Oxum e do Oxosse, podendo colocar no prato do santo comida dos 2 santos:
metade de cada um. É a forma preferida

ESPECIAL – fazer um tempero de cebola ralada com camarão seco. Colocar para refogar e
acrescentar coco ralado e milho. Deixar cozinhar bem. Colocar num alguidar e em volta enfeitar
com frutas (banana prata, ouro ou laranja). Regar com mel

OBS: os Loguns só comem com Oxum e Oxosse

13 – XANGÔ

a) Agodô – S. Gerônimo
b) Alafin-Airá – S.João Batista
c) Abomi – S.Paulo Apóstolo
d) Acaju – S.João Damaceno
e) Baossô – S. Pedro
f) Calofé – S. José
g) Julibé – S. Joaquim
h) Agoinhan – S. Judas Tadeu
i) Caô – S. Brás
j) Axamby – S. Romualdo
l) Bayany – Stº Irineu
m) Badé – S. Constantino
n) Lamoroudu – S. Calixto
o) Addagounam – S. Lucas Evangelista
p) Obalugem – S. Domingos
q) Afonjá – Stº Ambrósio
r) Baloney – S. Nicolau
s) Zaze
t) Bambaranguajê
u) Kibukô

DIA : quarta-feira
CORES : vermelho, branco e vinho
FRUTAS : abacate, jaca, maçã, caqui, caju
VERDURAS : acelga
LEGUMES : batata doce, rabanete, quiabo
QUIZILA : laranja lima, cajá
ANIMAIS : pombo, cabrito, carneiro, frango, galo, galinha d’angola, tartaruga, cágado
29
PERSONALIDADE : sofrido, inteligente, maldoso, orgulhoso, vaidoso
INSETO : lagartixa
FÉXAS : braços: lanças costas: oxé
ARMAS : machadinha de 2 faces e 1 cetro

ANGOROSSIS

1) Ou micoussum jambiajá, ele é um a dabá


Ou micoussum jambiajá ele é um ilê
É um ati bou ni oiá
Ele é um nibá
Ou luou adê é um aqüé de ô }
É pamedê ô, é um jambelé } bis

2) Erufim ni xangô }
Manabô } bis
Lairá bani }
Aba ossou } bis

3) Bela mina de Xangô


É para mi bejá
É para mi bejá, é para mi bejá

COMIDAS

1 – Amalá – rabada, carne de peito, quiabo e dendê. Cozinhar a rabada com o peito, depois o
quiabo e os temperos, sem sal. Servir em tigela e regar com dendê

2 – Kilimi – carne de carneiro do lado das patas dianteiras, assado e servido com farofa de farinha
de mandioca com dendê. Servir em tigela ou prato

3 – Batata doce, cozida, cortada em rodelas e regada com mel. Servir em prato

4 – Isca de Xangô – fígado cortado em tiras. Passar no dendê bem quente e servir com farofa de
farinha de mandioca. Colocar em prato e regar com mel

5 – Engambelo – maçã cortada em fatias, ao comprido, em feitio do oxé de Xangô, arrumadas no


prato e regadas com mel

6 – Rabanete cozido em água sem sal ou cru, arrumado em prato e coberto com mel

XANGÕ (Vovô Cipriano)

1 – AIRÁS
1.1 – Intilê
1.2 – Eguibomi
1.3 – Ibuna (muito velho)
1.4 – Ajaoci
30
Arma: 2 oxés ou 1 oxé e 1 mão de pilão
Comem com Oxalá
Só usam branco
2 – Abomi
3 – Abacossô
4 – Aganjô
5 – Afonjá
6 – Womu
Comem com as iabás
7 – Equeberu – come com exu Baru (só responde por Xangô) e Iansã
8 – Iufin – come com as iabás
9 – Alafim – come com Oxalá
10 – Badesi – come com as iabás
11 – Agodô – come com Oxalá e as iabás
12 – Aboju – come com as iabás
13 – Dada-Ajacá = Oió – não se raspa. Pai de Xangô. Xangô é rei de Oió
14 – Wunge – é pai de Zazi, o orixá que rege os erês.

FUNDAMENTOS:

1 - Xangô é rico porque era vaidoso, filho de Iemanjá que deu a ele os búzios para se enfeitar. O
búzio representava a riqueza. Come na gamela, feita da árvore do orobô. Ele cavou no tronco da
árvore e comia come se fosse num prato. Pode ser também na jaqueira. No lugar do orobô pode ser
1 caroço de jaca
2 - Todo Xangô vem no dendê ou azeite doce
3 - Os Airás são os que carregem os Oxalás. São funfun (orixás brancos).Só no mel. Carrega o oxé
embanhado e o pilão na mão. Só dança cantiga pegando a pedra. Cantigas calmas
4 - Zaze é o orixá que vem vadiar. É o encanto de Xangô. Xangô consegue segurar o Corisco com
a mão. É o orixá da Justiça
5 - Xangô trouxe o fogo batendo uma pedra na outra
6 - Ió – reinou Xangô

14 – OBÁ (Vovô Cipriano)

1 – Ilecô
2 – Ibadéu
3 – Réwa

FUNDAMENTOS:
1 – foi a 1ª esposa de Xangô. Não é Iansã
2 – Sudação: Oba cirê!
Lê roia!
3 – é considerada a iabá da folha da taioba porque em uma das batalhas perdeu 1 orelha e colocou
a taioba para tampar. É a mais velha, ranzinza, e briguenta. Não é vaidosa, é guerreira. Depois de
traída por Oxum, chorou tanto que virou o rio Oba e desapareceu. Ninguém sabe onde vive. Tinha
muita afeição a Iemanjá e Nana que não disputaram Xangô com ela.

IBEJU (Erês que se raspam – vovô Cipriano)


31

1 - Dowu
2 - Alabá
3 - Abanquim
4 – Iabancur

ODUS

NÚMERO NOME DOS ORIXÁS (ODUS)

1 – Okaran – Exu
2 – Ejiokomeji – Ogum, Ibeji
3 – Etáogundá – Obaluaê e Ogum
4 – Yorossum – Iemanjá
5 – Oxé – Oxum
6 – Obará – Oxosse, Logum e Xangô – odu da fortuna, da prosperidade. Número 8: sempre
comidas brancas (8 acaçás, 8 velas, morim branco na entrada da mata)
7 – Odi – Oxosse, Obaluaê e Oxaguian
8 – Egionele – Oxaguian
9 – Ossá – Iansã
10 – Ogiofun – Oxalufan
11 – Dorurin – Ogum, Iansã e Exu
12 – Egilaxeborá – Xangô
13 – Odilobá – Nana Buruquê
14 – Iká – Oxumarê e Ossanha
15 – Obeoeundá – Eua, Oba, Oxumarê e Omulu
16 – Alafiá – Orixalá, Odudua e Obatalá
17 – Equetrim – Oxaguiam
18 – Bajedolu – Omulu, Obaluaê e Nanã
19 – Glasay – Oxosse, Ogum e Iansã

DEFINIÇÕES (Vovô Cipriano)

1 – Matança – só pode ser feita por uma razão forte. Só quando da feitura do orixá. Não se mistura
o ijé do santo para quem se está sangrando com os demais orixás.
2 – Egumgum – viveu com os santos e foi zelador de santo. Vem como egum e vem também dentro
do santo. É quem ensina e mostra o caminho para a cerimônia, para o toque correr bem. É a
ligação entre as pessoas e o orixá.
3 – Kiumba – é um exu empregado de outro exu. É tão bom quanto o outro.
4 – Inquice – é uma parte do orixá
5 – Ebó de Itacylê de Olorumfandá – um ebó de força
6 – Apeti de Ifá (olhos de Ifá) – tem que ser virgem
7 – Cavungo ou Cazanza - Obaluaê
8 – boronã – o tombo (bolar)
9 – apanã – quitanda – 1 dia antes da saída do iaô
10 – Oluô – aquele que guarda o livro dos odus
11 – derogum – jogo de búzios com Exu
12 – olupanan – cuidam de leba
32
13 – Tetum (terra) – como junto com Ogum Onilê

VOCABULÁRIO (Vovô Cipriano)

1 – uíque – mel
2 – tambulamenha – água
3 - ebó – sacudimento
4 – Irôco – gameleira branca (Tempo, no Keto)
5 – maritu – espírito
6 – inganda – criança
7 – erã – carne
8 – ofange – faca pequena

SAUDAÇÕES

1 – “Quiuaua Cavungo” – Seja bem-vindo Omulu


2 – “Quiuaua Oxosse” – Seja bem-vindo Oxosse

SACUDIMENTOS
1 – ebó etacuylê – milho de Omulu (saúde); algodão de Oxalá (que cobre) e esfregar as folhas

FUXICOS (Vovô Cipriano)

1 – Aisã – abrir e sangrar para todos os orixás. Para Tempo, sangrar fora do barracão e levar o ijé
para o aisã. Colocar a fava de cada orixá, a folha de cada um, 1 obi, 1 orobô. Para o filho de Ogum,
7, 14 ou 21 caroços de dendê. O ilê fica fechado por 01 ano. Toda semana dar de comer ao orixá do
aisã e a outro orixá. Depois de 01 ano, abrir e sangrar 01 bicho para o santo do aisã. Dar de comer
de 07 em 07 anos, abrindo o aisã.

2 – Atabaque – tem de comer de 03 em 03 anos, no máximo.

3 – Primeira casa a ser feita, plantada: Casa de Egum – procurar 01 pessoa morta de morte natural,
não importa o tempo. Tem que ser de adulto, porque a criança não se desprende com facilidade do
mundo. Fazer um buraco, colocar as folhas de egum, o osso e matar 01 galo branco ou mariscado e
dar para o Babaegum (nome – Maraquesan). Babaegum vai segurar esse egum que vai ser
plantado. Tem que se saber o nome, a idade do egum e tem que se dar sempre uma comida.
Mandar dizer uma missa todo o ano para o egum. Colocar 21 comidas brancas, 01 acaçá enfeitado
com caroço de feijão, dormideira, arruda, peregum. Depois que fechar, não se abre mais.

4 – Casa de Leba – matar 01 cabrito e 01 cabra. Colocar as favas, as folhas. Do cabrito, não
se esquecer os testículos e da cabra, as tetas. Usar qualquer folha, menos a de Oxalá.

5 – Odé Benim – só pode ser plantado com o oté tirado debaixo do irôco e tem que ter um pedaço
da raqiz do irôco. A terra tem que ser de um irôco plantado, no mínimo, 07 anos. A árvore dele é a
gameleira branca (irôco), de onde tira a sua força. É muito ligado a Ossanha e Tempo.
33
6 – Os orixás eram diferenciados pela marca (féxa) no corpo (no rosto)

7 – Quando se entrega 1 cuia – tem que ter 1 fava de cada santo: 1 fava de ofá (santo homem) e 1
fava de aberem (santa mona)

8 – Erê – quando o filho é recolhido, se faz o apanan (quitanda). É o lado infantil do orixá. É o
orixá mais novo

9 – Odus – multiplicam-se em 16. 4 são os principais: Exu; Ogum junto com Oxosse; Xangô;
Oxalá junto com Omulu. Os outros 12 odus são apóstolos

10 – Féxa – para marcar o sofrimento que Cristo passou por derramar o sangue por nós

11 – Nunca se deita um barco só com Xangô e Ogum. Colocar uma Iemanjá

12 – Jogo de Ifá – com os 16 odus que se multiplicam em 1680 que se multiplicam em 4183 odus

13 – Axogum tem que ser do Ogum porque ele traz o pocó na mão

14 – Quebra de quizila – é um toque para que o orixá do iaô pegue na mão tudo o que não poderá
pegar para fazer. Quando acaba a feitura, depois do oruncó, ele não tem mais nenhuma quizila

15 – Lorogum – guerra. Toque de lorogum é um toque para os orixás irem á guerra. Quando os
orixás vão para a guerra, outros protegem Oxalá, fechando em cerco

16 – Axexê – todo filho pode freqüentar, mas aqueles com mais de 7 anos. Botar a mão, só filho de
santo de carrego (Ogum, Iansã, Omulu, Leba e Tempo). Todos que entram só podem sair depois
que o carrego é suspenso (7 dias). Cada dia se mata para um santo. Antes de começar o axexê,
tomar um banho com 21 folhas ou 7 folhas que os búzios vão decidem: 1 banho de milho alho ou 1
com milho branco, ou 1 com arroz branco ou 1 de feijão branco ou 1 de ervilha. O último é o de
canjica. 02 ervas tem que usar, dormideira e comigo-ninguém-pode, para bater a casa toda. Os
banhos são em todos os 07 dias. Antes de sair, passar o acaçá. Colocar contra-egum, umbigueira.
Cada dia tem que tirar 7 toadas de axexê. Das Oxuns, só a Oxum Apará pode levar carrego

17 – Ebó de Caru – onde se faz 7 comidas brancas e levar no mar. Caru é pai de Iemanjá

18 – Itacilê – orixá que vive no mar

19 – Nome de segredo – quando se raspa um orixá, o nome que se dá (uruncó), é o nome do


mundo, o eró é o nome verdadeiro do santo que não se dá para ninguém

20 – Muzenza = cantiga de saída do iaô


Saque de Lazenza = cantiga para tirar o oruncó

21 – Sabão da costa – gordura de boi + alcatrão


Ori – banha de carneiro + óleo de copaíba (Ogun) + óleo de amêndoa (Oxosse)
Pemba de Angola (para bons fluídos, paz e tranquilidade) – danda (raiz) + giz (claro) + cinza
(último vestígio da vida)
34

22 – Odu – todos têm. Não vem com o Orixá. Quando o óvulo é germinado, a pessoa já tem um
destino (odu). Ninguém pode mexer no destino. Quando se tem um Odu negativo, coloca-se ele do
lado positivo. Vem de acordo com a posição da lua, da estrela, do sol no dia do nascimento

23 – Zingarungongo = metade Oxosse, metade Tempo

24 – Kindocovan – exu do lixo

25 – Lebatinte-rei – se divide em: leba Lembaotiofim – vem com a Iemanjá Mazire e leba
Lembaotimomim vem com o Oxalá da água, o que faz a limpeza

26 – N° do Oxosse – 5; da Oxum – 6 (aproxima de Oxalá) e 8 (aproxima de Xangô); de Ogun - 7

27 – Efun = pintura do iaô


Adôche = de acordo com o orixá: obi (noz de cola) + caroço de algodão ou a massa sem a
fava e com ela por dentro
Doxum = feijão fradinho de molho e moído, depois raspar o obi e misturar tudo com o obi.
Fazer um cone e colocar na cabeça no lugar de uma cruz
Obi = santa mulher
Orobô = santo homem

28 – Sambangola – é toque para todos os orixás


Afoxé – saída do Leba para a festa
Lorogun – toque de orixás durante a quaresma. É o lado guerreiro dos orixás. Durante a
quaresma o orixá guerreiro de cada orixá é que reina. Ex. Oxum – reina Apará; Oxalá – reina
Oxaguian

RASPAGEM DE SANTO (Vovô Cipriano)


Não se recolhe orixá sem o toque de bolonã. Tem que se desligar o iaô do mundo e 03 dias antes,
leva-se o iaô na roça para descansar a cabeça do mundo. No 1° dia, fazer um ebô para Oxalá,
depois do sacudimento completo (ebó de limpeza). O iaô fica confinado até o toque de bolonã
(toque comum para recolher o iaô). Quando for levado para o roncó, o zelador tem que jogar na
hora, para saber quem é o orixá que está respondendo para ser recolhido, podendo ser um erê, um
bara, um leba, um obsessor ou o orixá. Tem que jogar antes de colocar o iaô sentado na dibula,
porque quando for para a dibula, o que estiver com ele, tem que ser raspado.
Depois de 21 dias, faz-se o panan (quitanda) para afastar o encanto (erê), que é quem toma conta
do iaô no ronco.
MATANÇAS DA FEITURA
Axé = força dos orixás juntos
A matança dos orixás é feita no mesmo dia, não se divide. Todo o orixá quando raspado leva uma
coisa dele. Tem orixá que tem que ser raspado na terra. Se não tiver um terreno, colocar um bocado
da terra debaixo dos pés.
Na água: Oxum, Oxumarê, Iemanjá e Logum.
Ferro: com um pedaço de ferro na mão – Ogun.
Folha: Ossaim – tem que ser raspado no tempo, ou pode raspar em lugar com as portas e janelas
abertas para o vento correr e em cima de chão coberto de folhas.
35
No dia do bolonã, da matança, o zelador já tem que saber as folhas que vão ser usadas. A folha de
fundamento é importantíssima e não se diz a ninguém. O zelador não pode anotar o nome da folha
de fundamento do iaô. O orixá faz com que o zelador esqueça depois da saída.
Ogun – raspado no aço puro (pocó = faca), algumas qualidades, porque acham que a navalha é de
mona, ou com um pocó em brasa. Fazer um féxa no pé esquerdo, antes de ser raspado, no dia da
raspagem. É um teste para ver se é mesmo um Ogun, porque ele cavou a terra com os pés até
formar um rodamoinho. É o orixá quem vai dizer como quer o féxa, através do jogo. Os Oguns que
vêm com Oxalá, têm que vir na palha, as paredes do quarto têm que estar revestidas de palha
Oxosse – na 1ª semana cortar para leba. Na 2ª semana, 01 noite tem que ser passada na mata. Na
mesa, colocar uma caça dele: 01 peixe de água doce. Nos 03 primeiros dias ou nos 21, tomar saião
em vez de dengue. Filho de Oxosse só toma banho no tempo. Se tiver um poço, usar esta água
Oxum – as filhas da Oxum têm que tomar um banho na cachoeira
Obaluaê – 1 abará com terra na mão, na hora da matança
SARACOPAN = é feito após a matança com o iaô coberto de pena
FÉXA = o 1° é no pé para Exu. O ijé é para botar no féxa do pé (para não tirar a força de andar),
no peito, nas costas e nas mãos. Do Orixá: ijé no peito, para que se tenha sempre amor, nas costas,
nos pés e na cabeça
Paó = como reverência e para chamar o orixá
Palmas = não se bate no barracão, pois o orixá vai embora. 07 palmas é para leba

LEBAS QUE TRABALHAM COM TRANCA RUA


NOME ODU SINCRETISMO
01 – Coreotupan Equitrim 7 Formigueiros
02 – Catuefê Bará 7 Caminhos
03 – Juntoobá Equitrim 7 Fogos (Marabô Toquinho)
04 – Masundelê Aláfia 7 Fogos (Barabô Toquinho)
OBS: Juntoobá e Masundelê são irmãos)
05 – Cassuandê Equitrim 7 Desgraças
06 – Mariondê Etaogundá 7 Facadas
07 – Satuandê Etaogundá 7 Agulhadas
Equitrim – odu de Obaluaê. São as 07 pragas que vêm com Obaluaê. 07 pragas que caminham
juntas. Se der comida para um, está-se dando para os 07. São os lados negativos
Barakezan = rei do jogo (Tranca rua), mexe com qualquer jogo.
7 Gargalhadas e 7 Poeiras = jogo de punhal
Jogo de Ita = jogo com pedras
Dilogum = jogo com búzios – direto com Exu
Opelê – jogo com odu. Cordão com semente
Iquim ifá = jogo com 01 tábua redonda, com areia. É a irradiação pelos dedos. A pessoa que joga é
vendada. É um jogo de odu.
OBS: só o opelê e o iquim ifá dizem o odu certo
36
V O C AB U L Á R I O

LETRA A

1 – aluá = bebida de caboclo 44 – aquerigibó = quem carrega o ebó


2 – adijidé = andar, levantar 45 – arobô = palhaço
3 – aló = lenda 46 – axexê = dança dos mortos
4 – abian = iniciante no santo 47 – aisan = lugar sagrado do terreiro
5 – alabê = tocador de atabaque 48 – acará = fogo
6 – axogum = encarregado de matança 49 – akiokô = pessoa que não sabe nada
7 – abadá = chinelo 50 – ajaúna - saudade
8 – achó = roupa de santo 51 – abá = paz
9 – aluvaiá = espírito ruim 52 – agerê = toque para Oxosse
10 – atabaque = tambor 53 – alogaci - felicidade
11 – aqüé = dinheiro 54 – abagajuló = que o santo cresça cada vez
12 – aquicó = galo mais
13 – adiê ou aquicoê = galinha 55 – atim = pemba
14 – axés = órgãos internos dos animais 56 – azé = coroa de palha da costa de Omulu e
15 – azuela = silêncio Obaluaê
16 – aché = chega, licença, obrigado 57 – aquidavi = varetas
17 – agô = perdão 58 – atarim = pimenta
18 – açú = açúcar 59 – alafia = saúde
19 – adijá = sino 60 – amurê = casamento
20 – adê = corôa das santas 61 - abatá = sapato
21 – abará = alguidar 62 – abadô = toalha
22 – agogô = instrumento 63 – acarajé = comida de Iansã e Ogun
23 – adofiró = afeminado 64 – acaçá = comida de todos os orixás
24 – acabaça = instrumento 65 – apeté = comida de vários orixás
25 – aguerê = briga 66 – abará = comida de Iansã
26 – abebê = instrumento da Oxum e Iemanjá 67 – adofana = 1ª filha do barco
27 – abô = banho de ervas 68 = adofanitinha = 2ª filha do barco
28 – aberem = comida de Omulu e Obaluaê 69 – achequeti lebara = vai pro inferno
29 – alubi = instrumento de Iemanjá 70 – angorossi = reza
30 – abiri = instrumento de Nana 71 – aruanda = céu
31 – abomei = irmãos 72 – adobalê = cumprimento entre orixás
32 – acudidê = pena na cabeça do iaô 73 – agafê = estar servido
33 – abeó = carneiro 74 – agafê no Zâmbi = Deus aumente e
34 – adobá = bater cabeça acrescente
35 – adé = afeminado 75 – amalá = comida para vários orixás
36 – adarrum = toque para os orixás 76 – aganegam = homem traído por mulher
37 – ajucará = colar de dentes 77 – amara no inté = armar a mesa
38 – ajirê = prova de fogo 78 – arimã = lugar proibido
39 – ajé = não presta 79 – achequê = ordenar, mandar
40 – alujá = toque para Xangô 80 – agô mi leu = dá licença, posso chegar
41 – alojá = toque para os orixás 81 – agô la milô = dá licença, posso sair
42 – apoti = banco 82 – avania = toque de Tempo e Logum
43 – areni = saci pererê 83 – abam = coco
37
84 – acuê = mês
85 – aqueté = chapéu
86 – atêmi = perfume
87 – afontaim = planta carnívora venenosa
88 – adupê iovô olorum = que Deus conserve minha vida e minha saúde
89 – alodê = pessoa falante
90 – aorô = comida de Oxum
91 – atexê = casamento mal realizado
92 – ajuncó diê = deitar
93 – ariaxé = banho
94 – alá = toalha que cobre o santo
95 – achó Dudu = roupa suja
96 – ajeum = comida
97 – ati = mato rasteiro
98 – aguedê = comida de Tempo
99 – aloni = reino
100 – alude = algodão
101 – adô = acabaça
102 – adupê = bem
103 – apolô = sapo
104 – abam malu = vaca
105 – ajaú = cachorro
106 – apopá = tartaruga
107 – ajuncó = sentar
108 – agutan = ovelha

LETRA B

01 – bingo = chifre 21 – biegum = viúva


02 – babás = com 07 anos de feito 22 – bacurum pemba = relação sexual
03 – bacuros = caboclos 23 – Baco = cama
04 – babá aribô = avô 24 – buru buru = burro
05 – babamum = meu pai 25 – bori = obrigação de santo
06 – bucuiu = abênção 26 – buandezu = abertura do toque
07 – bucuiu no Zâmbi = Deus abençoe 27 – biocô = barulho
08 – bechiula = bonito, formoso 28 – boquê boquê = fecha a boca
09 – bandy = bunda 29 – babá euá = nosso pai
10 – bêja = criança 30 – bateretê = jacaré
11 – brajá = pulseira de palha da costa e búzios 31 – balaminfé = brado de Ogum
12 – boquê = falatório
13 – barracão = onde se dança para o santo
14 – barravento = toque para chamar orixá
15 – barecô = comida de Iansã
16 – bravum = toque para Oxumarê
17 – bimba = coxa
18 – beroló = dane-se
19 – biliú = cabrito
20 – buxuxu = cumprimento entre irmãos
38
LETRA C

01 – cidagã = quem cuida de leba com obrigação


menor de 07 anos
02 – contra-egum = trança de palha da costa com
vassourinha
03 – candengue = criança
04 – cura = remédio para os féxas
05 – coaba = perdão
06 – capanga = arco de Oxosse
07 – cambono = quem atende ao santo
08 – camarinha = quarto onde os filhos são recolhidos
09 – caruru = comida de erê e uma folha
10 – caniquê = não vale nada
11 – caxepé = comida de Oxosse
12 – caxepó = comida de Oxosse
13 – culaê = comida de Omulu e Obaluaê
14 – cuiê = sal
15 – cuandá omi = beber água ou trazer água
16 – cuandá cossi = ir ao banheiro
17 – chiba = dançar
18 – cudeme = quarto onde se mata para o santo
19 – chimpanana = chifre onde os bacurus bebem
20 – cachato = instrumento de Oxalá
21 – cacarucaio = velho
22 – cafungo = orinol
23 – cubata = casa
24 – codara = estar ruim
25 – curi = cipó
26 – casa = brasa
27 – colofé = abênção ou hierarquia de ogan
28 – colofé no Zâmbi = Deus abençoe
29 – cigarra = inseto de Iansã
30 – curare = veneno
31 – coman o coman = não sabemos o que é
32 – candomblé = religião de culto africano

LETRA D

01 – dami ode = pedir dinheiro ou oferendas 10 – digina = nome do iaô


02 – dologum = 7 fios de miçangas juntos 11 – doburu = pipoca
03 – dilonga = caneca de iaô 12 – dorumixá = festa da rainha
04 – dibula ou diciza = esteira 13 – di-dê = de Deus
05 – decá = navalha que raspa o santo 14 – dengue = querida e bebida do
06 – dochum = ato da feitura do santo santo
07 – dumba = mulher 15 – djá-keleka = pessoa à tôa
08 – dã = cobra 16 – Dudu = sujo
09 – dacója = desprezo 17 – dandá = batata
39
18 – Daomey = cidade de Xangô (Nigéria)
19 – dum-dum = preto
20 – dudô = macaco
21 – dejá = nona filha do barco
22 – dejatinha = 10ª filha do barco
23 – daga = quem cuida de leba com obrigação de 07 anos

LETRA E

01 – egum = alma, espírito 40 – etu = galinha d’angola


02 – ebamby = 07 anos de ialorixá 41 – efó = comida africana
03 – ereuxim = instrumento de Iansã
04 – eminiu tissá o caô = brado de Xangô
05 – equete ou ekedi = quem veste o santo
06 – epô = dendê
07 – engambelo = comida de santo
08 – ebó = comida de leba
09 – eché = sangue
10 – egaim = carvão
11 – exi = cavalo
12 – efum = dente
13 – efim = farinha
14 – efom = pintura do iaô na cor do orixá
15 – egicá = toque para Iemanjá
16 – eru = rabo de boi, instrumento de Oxosse
17 – eledá = anjo da guarda
18 – enibaraô exu bé = saudação de exu
19 – enidô = pilão de Oxaguian
20 – epam = órgão masculino
21 – equê = mentira
22 – erê = criança no santo
23 – eram = carne
24 – emi = ovo
25 – ezala = cheiro
26 – endilogum = bicho de abô e carnes estragadas
27 – eró = segredo
28 – euê = folha
29 – ecram = coração
30 – ebity = carinho
31 – euim = mel
32 – endá = casa de santo
33 – equêti = n° 5
34 – etafum = n° 6
35 – erantim = seio
36 – emim = aquilo que é meu
37 – evanvy = carne nova
38 – esperança = inseto de Ossaim
39 – eram-eu = barriga
40
LETRA F

01 – féxas = cortes da feitura de santo


02 – fundanga = pólvora
03 – famo = 3ª filha do barco
04 – famutinho = 4ª filha do barco
05 – filá = coroa de palha da costa de Omulu e Obaluaê
06 – fungia = vagabunda, prostituta
07 – fioté = n° 4
08 – fuxico = encrenca ou segredo
09 – funanga = roupa

LETRA G

01 – guia = fio de contas na cor do orixá


02 – gamo = 5ª filha do barco
03 – gamutinho = 6ª filha do barco
04 – gam = agogô
05 – gajuló = crescer, subir
06 – gêge = nação de santo
07 – gelu = porco
08 – gombi = boi
09 – gunzo = força
10 – gafanhoto = inseto de Xangô
11 – grilo = inseto de Oxum
12 – gunokô = Tempo ou Irôco
13 – gigamum = saudação de Omulu e Obaluaê

LETRA I

01 – iaô = quem tem santo feito 19 – ió = sal


02 – iabá = quem cozinha para o santo 20 – iré = cura do santo e remédio para
03 – indaka = falar os féxas
04 – ilê = casa 21 – itaba = cigarro
05 – igorossi = abênção 22 – iuqui = açúcar
06 – iá = mãe de santo 23 – ixé = parte santa do barracão
07 – ialorixá = mãe de santo 24 – izala = fome
08 – iaquequerê = mãe pequena 25 – ideís = pulseiras de aço
09 – ibá = assentamento de santo 26 – ibás = remédio
10 – ibiri = folha de coqueiro e instrumento de Ossaim 27 – iá mim = minha mãe
11 – ibi = pé 28 – itabikê = cinza
12 – ibichim = pombo 29 – ibeki = peixe
13 – ijexá = toque para Oxum 30 – ibeki-ió = peixe salgado
14 – ifé = amor, querer bem 31 – ifé mim = meu amor
15 – igorossi no Zâmbi = Deus abençoe 32 – inam de euim = vela de mel (luz
16 – imbé = faca doce)
17 – imiangos = feiticeiros 33 – irolê = anoitecer
18 – inquice = santo 34 – ialê = mulher favorita
41
35 – igafim = cana 43 – iatabexê = mãe da cantiga
36 – ioruba = nação de santo 44 – irôko = Tempo
37 – iraê = estrela 45 – ienovô = mãe de Iemanjá
38 – iraxé = coroa 46 – ialaxé = zeladora do axé
39 – itanha = sapo 47 – iaefum = zeladora da pintura
40 – ibiti = tomate 48 – iaorixá = mãe de santo que não
41 – itá = pedra vira mais com o santo
42 – itaba de ungira = maconha

LETRA J

01 – jabonã = quem costura para o santo


02 – juncó = abaixar
03 – jaré = rei, senhor
04 – jojô = comida da Oxum
05 – juncó-di-lei = barco do santo
06 – jolofô = intrigante, fofoqueiro, falador

LETRA L
01 - lubaça = cebola, alho
02 – lamo = 7ª filha do barco
03 – lamotinho = 8ª filha do barco
04 – lequitibá = guia de Omulu e Obaluaê
05 – lebeu = órgão feminino
06 – lorogum = briga
07 – lê = atabaque menor, que marca para o santo
08 – lagozé = casado
09 – lióva = medo
10 – louva-deus = inseto de Oxosse
11 – lagartixa = inseto de Xangô
12 – lesma = inseto de Omulu e Obaluaê
13 – lacraia = inseto de Iemanjá
14 – lá iraxé obá oti tou = acima da coroa do rei, só Deus
15 – lessé = pé

LETRA M

01 – malingos = irmãos 12 – mão de ireme = mão de morte


02 – mameto = mãe de santo 13 – mão de leba = de fogo
03 – mucunã = cabelo 14 – mão de ofá = de mato, de erva
04 – mona = mulher 15 – mão de ifá = de búzios
05 – mucuiu = abênção 16 – mão de obé = de faca
06 – nucuiu no Zâmbi = Deus abençoe 17 – menga = sangue
07 – mundeo ou mundeco = buraco, abismo 18 – moçam = fio trançado de palha da
08 – marza = água costa com búzios, para o tornozelo
09 – manbouve = sofrer com resignação 19 – mona do aló = mulher macho
10 – maniputo = fósforo 20 – muana muzi = chefe da casa
11 – matim = não sabe de nada 21 – muzenza = toque de iaô
42
22 – muroji – curador 32 – mucutu = mentira
23 – modami = saudade 33 – muqua = companheira
24 – maianga = banho da madrugada dos iaôs 34 – muxinga = surra
25 – maracá = cabaça 35 – modupê = Deus seja contigo
26 – matembe = café 36 – miturum = urinar
27 – mosca = inseto de Omulu 37 – mazarinacihim = Deus mais do que
tudo
38 – muzambe mungongo di umbanda = que Deus, pai maior, senhor do céu, te dê, dentro do
santo, muita felicidade

LETRA N

01 -