Você está na página 1de 119

IEST

CONVERSÃO E
JUSTIÇA PELA

Apostila

Diego Moreira da Silva


P1 - 2010
CONVERSÃO E JUSTIÇA PELA FÉ
Índice

O Propósito de Deus para o Homem Antes da Queda...............................3

A Mudança na Condição do Homem Depois da Queda…………….............8

Eleição Bíblica e o Livre Arbítrio……………………………………………...........17

Uma Sinopse do Plano da Salvação………….............................................21

Conversão e Novo Nascimento…..……….…………………............................27

Arrependimento…………………………………………………………………............31

Confissão..................................................................................................36

Fé………………………………………………………………………………………...........42

Justificação pela Fé………………................................................................48

Santificação pela Fé .................................................................................56

Vitória Sobre o Pecado e Perfeição de Caráter........................................63

Oração, Estudo da Bíblia e Serviço Cristão..............................................71

Aceitação com Deus……………………………………………………………….........80

A Natureza do Pecado..............................................................................84

Quando a Tentação Gera o Pecado..........................................................89

A Reivindicação do Caráter de Deus na Última Geração…………….........94

A Perfeita Obediência de Jesus em Carne Pecaminosa...........................99

Jesus nosso Modelo……………………………………………………………...........107

Paixões, Propensões e Tendências……………………………………….............113

Informação de Contato………………………………………………..............120

-2-
O PROPÓSITO DE DEUS PARA O
HOMEM ANTES DA QUEDA

1. Como Deus criou os céus e todo o exército dele?


Deus criou os céus pela Sua Palavra. Salmos 33:6, 9

2. O que a palavra revela?


Pela abundância do coração fala a boca; portanto a palavra
revela o pensamento do coração. Mateus 12:34

3. O que revela o pensamento do coração?


O pensamento do coração do homem revela o que ele é, ou
seja, seu caráter. Provérbios 23:7

4. O que os céus revelam?


Os céus declaram a glória, ou seja, o caráter de Deus.
Salmos 19:1

5. Em que sentido o homem foi a obra coroadora da


criação de Deus?
A mulher e o homem foram criados à imagem de Deus.
Gênesis 1:26, 27

6. Para que Deus criou o homem?


Deus fez o homem para a Sua glória. Isaías 43:7

7. Como pode o homem glorificar a Deus?


Deus é glorificado quando o homem produz fruto. João
15:8

8. Que fruto o homem deve produzir para a glória de


Deus?
O fruto do Espírito, traços do caráter de Deus reproduzido
no homem por Cristo, é: amor, gozo, paz, longanimidade,
benignidade, bondade, fé, mansidão e temperança. Gálatas
5: 2 2

-3-
9. Qual seria outra forma que o homem poderia
glorificar a Deus?
Deus é glorificado quando o homem pratica boas obras.
Mateus 5:16

10.Como era o homem ao sair das mãos do Criador?


a. Deus fez o homem justo e reto. Eclesiastes 7:29
b. O homem foi feito de modo assombroso e
maravilhoso. Salmos 139:14
c. O homem foi coroado com glória e honra. Salmos
8 : 4- 6

Citações do Espírito de Profecia

―Adão era um ser nobre, de mente poderosa, vontade em


harmonia com a vontade de Deus, as afeições centralizadas
no Céu. Possuía um corpo livre de herança de doenças, alma
portadora do cunho da Divindade.‖
Temperança 11

―Sua natureza estava em harmonia com a vontade de Deus.


A mente era capaz de compreender as coisas divinas. As
afeições eram puras; os apetites e paixões estavam sob o
domínio da razão. Ele era santo e feliz, tendo a imagem de
Deus, e estando em perfeita obediência à Sua vontade.‖
Patriarcas e Profetas 45

―Nossos primeiros pais, se bem que criados inocentes e


santos, não foram colocados fora da possibilidade de
praticar o mal. Deus os fez como entidades morais livres,
capazes de apreciar a sabedoria e benignidade de Seu
caráter, e a justiça de Suas ordens, e com ampla liberdade de
prestar obediência ou recusá-la.‖
Patriarcas e Profetas 48

―Quando Adão saiu das mãos do Criador, trazia ele em sua


natureza física, intelectual e espiritual, a semelhança de seu
Criador. ‗E criou Deus o homem à Sua imagem‘ (Gên. 1:27),

-4-
e era Seu intento que quanto mais o homem vivesse tanto
mais plenamente revelasse esta imagem, refletindo mais
completamente a glória do Criador. Todas as suas
faculdades eram passíveis de desenvolvimento; sua
capacidade e vigor deveriam aumentar continuamente.‖
Educação 15

―Era possível a Adão, antes da queda, formar um caráter


justo pela obediência à lei de Deus.‖
Caminho a Cristo 62

―Adão e Eva no Éden eram nobres em estatura, e perfeitos


em simetria e beleza. Eles estavam sem pecado, e em
perfeita saúde.‖
Conselhos Sobre o Regime Alimentar 145

―Ao sair o homem das mãos do Criador era de elevada


estatura e perfeita simetria. O rosto trazia a rubra coloração
da saúde, e resplendia com a luz da vida e com alegria. A
altura de Adão era muito maior do que a dos homens que
hoje habitam a Terra. Eva era um pouco menor em estatura;
contudo suas formas eram nobres e cheias de beleza.‖
Patriarcas e Profetas 45

―Ao sair Adão das mãos do Criador, era de nobre estatura e


perfeita simetria. Tinha mais de duas vezes o tamanho dos
homens que hoje vivem sobre a Terra, e era bem
proporcionado.‖
História da Redenção 21

―Deus fez o homem reto, perfeitamente santo e feliz…‖


Testemunhos para Igreja, volume 4, 293

―Se Adão, ao ser criado, não houvesse sido dotado de vinte


vezes maior vitalidade do que os homens possuem agora, a
humanidade, com seus presentes métodos de vida que
constituem uma violação da lei natural, já estaria extinta.‖
Conselhos Sobre Educação 8, 9

-5-
O trabalho de Adão ―não seria cansativo, mas aprazível e
revigorante.‖
História da Redenção 21

―Esse casal, que não tinha pecados, não fazia uso de vestes
artificiais. Estavam revestidos de uma cobertura de luz e
glória, tal como a usam os anjos. Enquanto viveram em
obediência a Deus, esta veste de luz continuou a envolvê-
los.‖
História da Redenção 21

-6-
NOTAS

-7-
A MUDANÇA NA CONDIÇÃO DO
HOMEM DEPOIS DA QUEDA

1. O que aconteceu com a raça humana quando Adão


foi vencido por Satanás?
Por quem o homem é vencido, do mesmo é ele trazido à
escravidão. 2 Pedro 2:19

2. O homem é servo de quem?


O homem é servo daquele ao qual obedece. Romanos 6:16

3. Deus criou o homem à Sua semelhança, conforme a


Sua imagem, mas como nasceu Sete, filho de Adão?
Sete foi feito à imagem de seu pai. Gênesis 5:1-3

4. Que resultado inevitável veio pela queda de Adão?


Como resultado do pecado de Adão, os homens nasceram
com a natureza pecaminosa e assim a escolha para o pecado
tornou-se fácil. Romanos 5:19

5. O que a Bíblia ensina sobre a natureza do homem


depois da queda?
O homem não pode fazer o bem porque está acostumado a
fazer o mal. Jeremias 13:23

6. O que disse Davi acerca de sua condição ao nascer


neste mundo?
Davi foi formado em iniqüidade, e em pecado sua mãe o
concebeu. Salmos 51:5

7. O que Davi escreveu sobre suas inclinações?


A declaração de Davi revela que seus caminhos não são
direcionados a obedecer a Deus. Salmos 119:5

8. Como Paulo descreve o homem desligado de Cristo?


Paulo descreve o homem não conectado com Cristo como
carnal e um escravo do pecado. Romanos 7:14

-8-
9. Segundo Paulo, o que é impossível o homem fazer
na carne do pecado?
É impossível o homem guardar a lei verdadeira e
perfeitamente, visto como está enfermo e limitado pela
carne pecaminosa. Romanos 8:3

10.Qual é a condição do homem na carne do pecado?


Na carne, sem o auxílio do Espírito Santo, é impossível
agradar a Deus, guardar Seus mandamentos, e ter vida.
Romanos 8:6-8

11.O que Paulo ensinou sobre a natureza do homem?


Somos por natureza filhos da ira. Efésios 2:3

12.O que é necessário do homem para ser seguidor de


Cristo?
a. Jesus ensinou que a fim de segui-Lo, devemos negar
a nós mesmos, ou seja, restringir nossa própria
inclinação. Mateus 16:24
b. Jesus ensinou que a fim de segui-Lo, devemos tomar
nossa cruz diariamente. Lucas 9:23

13.Como Salomão descreve o ímpio – o homem


afastado de Deus?
Salomão descreve o homem como mantido sob o controle
das cordas do pecado. Provérbios 5:22

14.O que disse Salomão acerca de uma criança


entregue a si mesma?
Uma criança entregue a si mesma, não restringida,
envergonhará sua mãe. Provérbios 29:15

15.Qual é a condição do homem que resiste a vontade


de Deus?
O homem que resiste a vontade de Deus é enlaçado pelo
diabo, cativo dele e à vontade dele preso. 2 Timóteo 2:26

16.Quais foram algumas conseqüências da queda do


homem?

-9-
a. A primeira morte é o destino de todos os filhos de
Adão. Gênesis 3:19
b. O homem vive aproximadamente 70 anos. Salmo
90:10
c. As mulheres sofrem dores nos partos. Gênesis 3:16
d. O trabalho do homem é efetuado com cansaço,
ansiedade, dor e dificuldade. Gênesis 3:17-19
e. Toda a criação geme e está com dores de parto.
Romanos 8:22
f. A capacidade intelectual do homem diminuiu.
Mensagens Escolhidas, Volume 1, 230

17.A Bíblia fala a respeito de quantos tipos de morte?


a. Morte do Eu
i. Paulo disse: ―… vivo não mais eu, mas Cristo
vive em mim.‖ Gálatas 2:20
ii. Ele também disse: ―Eu morro diariamente.‖ 1
Coríntios 15:31
iii. Nós precisamos morrer para a lei pelo corpo
de Cristo, para sermos dEle a fim de que
demos fruto para Deus. Romanos 7:4
b. Morte Espiritual
i. Paulo fala de pessoas que estavam mortas em
ofensas e pecados. Efésios 2:1
ii. Quem não ama o seu irmão está morto ainda
que viva. 1 João 3:14
iii. O filho pródigo estava morto quando longe de
seu pai. Lucas 15:32
C. Morte Temporal (1º Morte)
i. Cristo, falando de Lázaro, disse que ele estava
dormindo, ou morto. João 11:11-14
ii. Cristo disse aos Seus seguidores: Sê fiel até a
morte. Apocalipse 2:10
iii. Os vencedores não se preocupam com a morte
temporal. Apocalipse 12:11
d. Morte Eterna (2º Morte)

- 10 -
i. A morte da alma (morte eterna) deve ser
temida, porém não a morte do corpo (morte
temporal). Mateus 10:28
ii. A vontade de Deus é salvar da morte nossa
alma. Tiago 5:20
iii. O vencedor não vai ser atingido com a segunda
morte. Apocalipse 2:11

18.Quais são as faculdades superiores da mente?


a. Consciência – Senso moral do certo e do errado.
b. Razão – Habilidade de alcançar conclusões.
c. Juízo – A ação ou processo da mente em comparar
idéias. O processo de examinar os fatos e os
argumentos. O processo de examinar as relações
entre uma proposição e outra.

19.Quais são as faculdades inferiores da mente?


a. Apetites – Natural desejo por comida ou atividade
sexual.
b. Paixões – Forte sentimento excitando ação.
c. Emoções – Um impulso interno ou agitação da mente
que vai embora sem desejo.
d. Inclinações – Uma propensão da mente ou desejo;
Tendência; uma disposição mais favorável para uma
coisa do que para outra.

Citações do Espírito de Profecia

―Precisamos também considerar a mudança na condição do


homem em virtude da entrada do conhecimento do mal, e o
plano de Deus para ainda cumprir Seu glorioso propósito na
educação da humanidade.‖
Educação 14, 15

―O resultado de comer da árvore da ciência do bem e do mal,


é manifesto na experiência de todo homem. Há em sua
natureza um pendor para o mal, uma força à qual, sem
auxílio, não poderá ele resistir.‖
Educação 29

- 11 -
―Muitos têm de lutar contra fortes tendências hereditárias
para o mal. Fortes desejos não naturais, impulsos sensuais,
eis a herança que por nascimento receberam. Contra os
mesmos devem ser cuidadosamente guardados. Interior e
exteriormente, estão o bem e o mal em luta pelo domínio.
Os que nunca passaram por tais experiências não podem
conhecer o quase avassalador poder do apetite, ou o feroz
conflito entre os hábitos de condescendência consigo
mesmo e a decisão de ser temperante em todas as coisas.
Essa batalha deve ser travada uma e muitas vezes.‖
Ciência do Bom Viver 173

―Pais e mães podem estudar o próprio caráter nos filhos.


Podem muitas vezes ler humilhantes lições ao verem suas
próprias imperfeições reproduzidas nos filhos e filhas.
Enquanto procuram reprimir e corrigir nos filhos
tendências hereditárias para o mal, devem os pais chamar
em seu auxílio dupla paciência, perseverança e amor.‖
Lar Adventista 173

―Não podereis criar vossos filhos como desejaríeis sem o


auxílio divino; pois a natureza caída de Adão sempre luta
pela predominância.‖
Lar Adventista 205

―O pecado é a herança dos filhos... Com relação ao primeiro


Adão, os homens nada receberam dele senão a culpa e a
sentença de morte.‖
Orientação da Criança 475

―A menos que sejam corrigidas pelo Santo Espírito de Deus,


nossas tendências naturais encerram em si mesmas os
germes da morte. A menos que nos ponhamos em uma
ligação vital com Deus, não podemos resistir aos profanos
efeitos da satisfação própria, do amor de nós mesmos e da
tentação para pecar.‖
Ciência do Bom Viver 455

- 12 -
―A natureza do homem é tríplice, e o ensino recomendado
por Salomão compreende o devido desenvolvimento das
faculdades físicas, intelectuais e morais.‖
Orientação da Criança 39

―A vontade é o poder que governa a natureza do homem,


trazendo todas as outras faculdades sob sua influência.‖
Orientação da Criança 209
―Há na natureza humana, quando não está sob a influência
direta do Espírito de Deus, uma disposição para inveja,
ciúmes e desconfiança cruel, a qual, se não for subjugada,
levará ao desejo de destruir e estraçalhar a outros, enquanto
espíritos egoístas procurarão edificar-se sobre as ruínas
deles.‖
Testemunhos para Igreja, volume 3, 343
―Impossível é ao homem, de si mesmo, guardar essa lei; pois
a natureza do homem é depravada, deformada, e
inteiramente diversa do caráter de Deus. As obras do
coração egoísta são como coisa imunda; e ‗todas as nossas
justiças, como trapo da imundícia‘. Isa. 64:6.‖
O Maior Discurso de Cristo 54

―As palavras ‗subjugo o meu corpo‘, literalmente significam


repelir por severa disciplina os desejos, os impulsos e as
paixões.‖
Atos dos Apóstolos 314

―É necessário manter uma viva ligação com o Céu,


suplicando tantas vezes quantas o fazia Daniel - três vezes
ao dia - a graça divina para resistir ao apetite e à paixão.
Lutar com o apetite e a paixão sem a ajuda do poder divino
será inútil.‖
Medicina e Salvação 144

―A pervertida natureza humana pode deturpar o amor de


Deus, transformando-o num atributo de fraqueza…‖
Exaltai-O 159

- 13 -
―Com o pecado a semelhança divina ficou obscurecida,
sendo quase que totalmente apagada. Enfraqueceu-se a
capacidade física do homem e sua capacidade mental
diminuiu; ofuscou-se-lhe a visão espiritual. Tornou-se
sujeito à morte.‖
Educação 15

―Depois da queda seria impossível ao homem com sua


natureza decaída obedecer à lei de Deus, se Cristo não
tivesse oferecido Sua vida, assim comprando o direito de
elevar a raça humana aonde ela pudesse novamente viver
em harmonia com seus requisitos.‖
Review and Herald, 27 de setembro, 1881, par. 11

―Nossas inclinações e apetites naturais... foram divinamente


providos, e ao serem dados aos homens, eram puros e
santos. Era desígnio de Deus que a razão governasse os
apetites, e que eles servissem a nossa felicidade. E quando
eles são regulados e controlados por uma razão santificada,
são santidade ao Senhor.‖
Manuscrito 47, 1896

―Os que não têm colocado as paixões subalternas em


sujeição às faculdades mais altas do ser, que têm permitido
seja sua mente um canal de condescendências carnais das
paixões mais baixas, a estes Satanás está determinado a
destruir com suas tentações, a poluir-lhes a alma com
licenciosidade.‖
Lar Adventista 327

―A intemperança de qualquer espécie insensibiliza os órgãos


da percepção e enfraquece de tal maneira o poder dos
nervos cerebrais que as coisas eternas não mais são
apreciadas, mas são colocadas no mesmo nível das comuns.
As mais elevadas faculdades da mente, que visavam os mais
elevados propósitos, são trazidas em servidão às paixões
mais baixas.‖
Conselhos Sobre Saúde 105

- 14 -
―As tendências da natureza física, a menos que postas sob o
domínio de um poder mais alto, seguramente resultarão
ruína e morte. O corpo deve ser posto em sujeição às
faculdades mais altas do ser. As paixões devem ser
controladas pela vontade que, por sua vez, deve ela mesma
estar sob o controle de Deus. O régio poder da razão
santificada pela graça divina deve dominar a vida.‖
Mente, Caráter, e Personalidade, volume 2, 406

―As tendências inferiores devem ser mantidas sob o controle


das faculdades superiores.‖
Mente, Caráter, e Personalidade, volume 2, 377

―O conhecimento experimental de Deus e de Jesus Cristo, a


quem Ele enviou, transforma o homem na semelhança de
Deus. Dá ao homem o domínio próprio, submetendo todos
os impulsos e paixões da natureza inferior ao domínio das
faculdades superiores da mente. Faz de seu possuidor filho
de Deus e herdeiro do Céu. Leva-o à comunhão com a mente
do Infinito e lhe abre os ricos segredos do Universo.‖
Parábolas de Jesus 114

―Adão pecou, e os filhos de Adão partilham de sua culpa e


suas conseqüências; mas Jesus assumiu a culpa de Adão, e
todos os filhos de Adão que correrem para Cristo, o segundo
Adão, podem livrar-se da penalidade da transgressão.‖
Fé e Obras 88

- 15 -
NOTAS

- 16 -
ELEIÇÃO BÍBLICA E O LIVRO ARBÍTRIO

1. Segundo o que Deus predestina os homens?


Os homens são predestinados segundo o propósito de Deus,
o qual faz todas as coisas conforme Sua vontade. Efésios
1:11

2. Para que Deus os predestinou?


Deus predestinou os homens a serem conformes à imagem
de Seu Filho. Romanos 8:29

3. Deus deseja que quantos se salvem?


Deus deseja que todos se salvem. 1 Timóteo 2:4

4. Que, da parte do homem, é essencial para sua


salvação?
O homem precisa escolher a quem servirá. Josué 24:15

5. Que convite fez Jesus aos homens?


Jesus disse a qualquer um que sentisse sede: ―Venha a mim,
e beba.‖ João 7:37

6. É possível uma pessoa aceitar a Jesus como Salvador


pessoal e mais tarde perder sua salvação?
Jesus disse que muitos se surpreenderiam naquele dia ao
ouvir as palavras: ―Apartai-vos de mim.‖ Mateus 7:21-23

7. Que disse Pedro acerca do estado daqueles que


obtiveram o conhecimento de Jesus, aceitaram-O
como Salvador, e depois foram outra vez envolvidos
nas corrupções do mundo?
O estado desses tornou-se-lhes pior do que antes. 2 Pedro
2 :2 0

8. O que acontece quando um justo desvia-se do


caminho da justiça?
Quando um justo se desvia da justiça, e escolhe o caminho
de rebelião contra Deus, ―de todas as justiças que tiver feito
não se fará memória.‖ Ezequiel 18:24

- 17 -
9. Que acontece quando pecamos voluntariamente
depois de obtermos conhecimento da verdade?
O sacrifício não mais nos beneficiará. Hebreus 10:26, 27

Citações do Espírito de Profecia

―Deus poderia ter criado o homem sem a faculdade de


transgredir a Sua lei; poderia ter privado a mão de Adão de
tocar no fruto proibido; neste caso, porém, o homem teria
sido, não uma entidade moral, livre, mas um simples
autômato. Sem liberdade de opção, sua obediência não teria
sido voluntária, mas forçada. Não poderia haver
desenvolvimento de caráter. Tal maneira de agir seria
contrária ao plano de Deus ao tratar Ele com os habitantes
de outros mundos. Seria indigna do homem como um ser
inteligente, e teria apoiado a acusação, feita por Satanás, de
governo arbitrário por parte de Deus.‖
Patriarcas e Profetas 49

―Não é propósito de Deus coagir a vontade. O homem foi


criado como um ser moral livre. Como os habitantes de
todos os outros mundos, devia ser sujeito à prova da
obediência…‖
Patriarcas e Profetas 331, 332

―O poder da escolha deu-o Deus ao homem; a ele compete


exercê-lo. Não podeis mudar vosso coração, não podeis por
vós mesmos consagrar a Deus as vossas afeições; mas
podeis escolher servi-Lo. Podeis dar-Lhe a vossa vontade;
Ele então operará em vós o querer e o efetuar, segundo a
Sua vontade. Desse modo toda a vossa natureza será levada
sob o domínio do Espírito de Cristo; vossas afeições
centralizar-se-ão nEle; vossos pensamentos estarão em
harmonia com Ele.‖
Caminho a Cristo 47

- 18 -
―Deus não domina nossa mente sem nosso consentimento;
mas toda pessoa é livre para escolher o poder que deseja
domine sobre ela.‖
A Ciência do Bom Viver 93

―Não há constrangimento na obra da redenção. Não se


exerce nenhuma força externa. Sob a influência do Espírito
de Deus, o homem é deixado livre para escolher a quem há
de servir.‖
O Desejado de Todas as Nações 466

―Todo homem é livre para escolher que poder o regerá.‖


O Desejado de Todas as Nações 258

- 19 -
NOTAS

- 20 -
UMA SINOPSE DO PLANO DA SALVAÇÃO

1. Quando foi elaborado o plano da salvação?


O plano da salvação foi elaborado antes da fundação do
mundo, portanto antes da queda do homem. 1 Pedro 1:20
e Apocalipse 13:8

2. Em quem encontramos a salvação?


A salvação não é encontrada em nenhum outro, a não ser
em Jesus Cristo. Atos 4:12

3. Quem precisa de salvação?


Jesus veio salvar o que se tinha perdido. Mateus 18:11 e
Lucas 5:31

4. O que essa salvação envolve?


Deus, através de Cristo, está reconciliando consigo o
mundo. 2 Coríntios 5:19

5. O que nos separa de Deus?


O pecado separa o homem de Deus. Isaías 59:2

6. Qual é o salário do pecado?


O salário do pecado é a morte. Romanos 6:23

7. Quantos pecaram?
Todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus.
Romanos 3:23

8. Qual é o objetivo do evangelho pelo qual somos


chamados?
Deus nos chamou pelo evangelho a obter novamente a glória
de Jesus Cristo. 2 Tessalonicenses 2:14

9. O que é o evangelho?
O evangelho é o poder de Deus para a salvação. Romanos
1:16

10.De que Jesus veio nos salvar?


Jesus veio para salvar-nos dos nossos pecados. Mateus
1:21

- 21 -
11.O que é pecado?
O pecado é a transgressão da Lei de Deus. 1 João 3:4

12.Através de que Deus nos salva do pecado?


Pela graça somos salvos. Efésios 2:8

13.Por que Deus nos concede a graça?


A graça de Deus habilita-nos a obedecer. Romanos 1:5

14.Qual é a condição do mundo diante de Deus?


O mundo inteiro é culpado perante Deus. Romanos 3:19

15.À luz de o mundo inteiro estar culpado, o que Deus


está disposto a fazer?
Deus oferece o dom da justificação. Romanos 3:24

16.Qual é a promessa de Deus quanto ao domínio do


pecado em nossas vidas?
O pecado tinha domínio sobre o homem, mas agora Deus
promete liberdade de seu poder. Romanos 6:14

17. Para que somos feituras de Deus, criados em Cristo


Jesus?
Nós somos criados em Cristo para as boas obras. Efésios
2:10

18.O que acontecerá com aqueles que são de Cristo na


segunda vinda?
Os que são do Senhor serão redimidos deste mundo de
pecado. 1 Tessalonicenses 4:16-18

19. O que fará o Senhor Jesus com os nossos corpos


abatidos por ocasião de Sua vinda?
Quando Jesus voltar, Ele transformará o nosso corpo
abatido, para ser conforme o Seu corpo glorioso.
Filipenses 3:20, 21

- 22 -
20. Que história do Antigo Testamento ilustra a
salvação de Deus?
O Senhor salvou os filhos de Israel quando eles estavam em
uma situação onde não podiam salvar a si mesmos do poder
dos egípcios. Êxodo 14:30

21.Quantas coisas são possíveis ao cristão que crê em


Cristo?
Eu posso fazer todas as coisas através de Cristo. Filipenses
4:13

22.O que pode fazer o cristão sem Cristo?


Eu não posso fazer nada sem Cristo. João 15:5

23. Qual é a amplitude da libertação que Deus quer


nos dar?
Deus liberta-nos da penalidade do pecado, do poder do
pecado, e nos libertará da presença do pecado. 2 Coríntios
1:10

24.Até que ponto pode Cristo me salvar?


Cristo pode me salvar perfeitamente se eu for a Deus através
dEle. Hebreus 7:25

25.Qual é o papel do Pai no plano da salvação?


O Pai amou o mundo, elaborou o plano da salvação e
autorizou sua execução. João 3:16, Romanos 8:3 e 2
Coríntios 5:19

26.Qual é o papel de Jesus no plano da salvação?


Jesus executou o plano da salvação. Gálatas 1:4, Tito 2:14
e 1 Timóteo 2:6

27.Qual é o papel do Espírito Santo no plano da


salvação?
O Espírito Santo torna o plano da salvação uma realidade
em nossas vidas práticas.
1 Tessalonicenses 4:8, João 16:8 e Efésios 3:16, 17

28.A salvação é garantida uma vez que aceito a Jesus


como Salvador pessoal?

- 23 -
Somos salvos somente se permanecermos no evangelho
firmemente até o fim. 1 Coríntios 15:2

29.Quem no final será salvo?


Somente aquele que perseverar até o fim será salvo.
Mateus 24:13

Citações do Espírito de Profecia

―A obra de ganhar a salvação é de co-participação e


cooperação. Deve haver cooperação entre Deus e o pecador
arrependido. Isto é necessário para a formação de corretos
princípios de caráter. Deve o homem fazer veementes
esforços para vencer o que o impede de alcançar a perfeição.
Mas, para alcançar êxito, ele depende inteiramente de Deus.
Por si mesmos os esforços humanos não são suficientes.
Sem a ajuda do poder divino ele de nada vale. Deus age e o
homem também. A resistência à tentação deve partir do
homem, que por sua vez deve obter de Deus o poder. De um
lado se acham sabedoria infinita, compaixão e poder; do
outro debilidade, pecaminosidade e incapacidade absoluta.‖
Atos dos Apóstolos 482

―A obediência a Seus preceitos aperfeiçoará o caráter


cristão, e restaurará o homem, por Cristo, a sua condição de
antes da queda.‖
Nossa Alta Vocação 136

―Cristo faz depender a salvação do homem, não meramente


da profissão, mas da fé que se manifesta em obras de justiça.
Agir, não simplesmente dizer, eis o que se espera dos
seguidores de Cristo.‖
O Maior Discurso de Cristo 149

―Nenhuma pessoa consegue, por si mesma, a sua salvação, e


Deus tampouco realizará essa obra pela pessoa sem a sua
cooperação. Todavia, quando o homem atua sinceramente,
Deus age com ele, dando-lhe o poder para tornar-se filho de
Deus.‖
Testemunhos para Igreja, Volume 6, 372

- 24 -
―Por infinito amor e misericórdia foi concebido o plano da
salvação, concedendo-se um tempo de graça. Restaurar no
homem a imagem de seu Autor, levá-lo de novo à perfeição
em que fora criado, promover o desenvolvimento do corpo,
espírito e alma para que se pudesse realizar o propósito
divino da sua criação - tal deveria ser a obra da redenção.‖
Educação 15, 16

―Ele [Jesus] veio aqui porque era impossível para o homem


redimir a si próprio e trazê-lo a si próprio a uma posição
onde Adão mantinha-se antes da queda.‖
Sermons and Talks, Volume 1, 108

―A morte de Cristo destinava-se a resolver para sempre a


questão da validade da lei de Jeová. Tendo sofrido toda a
penalidade por um mundo culpado, Jesus tornou-Se o
Mediador entre Deus e o homem, para restaurar a pessoa
arrependida ao favor de Deus, concedendo-lhe graça para
guardar a lei do Altíssimo.‖
Fé e Obras 118

―Sem harmonia com a natureza de Deus, inflexível aos


clamores de Sua lei, nada mais que a destruição estava
perante a raça humana. Desde que a lei é imutável como o
caráter de Deus, não poderia haver esperança para o homem
a menos que algum caminho pudesse ser planejado pelo
qual sua transgressão pudesse ser perdoada, sua natureza
renovada, e seu espírito restaurado para refletir a imagem
de Deus. O amor Divino concebeu este plano.‖
Signs of the Times, 13 de fevereiro, 1893 par. 6

―O homem tem se tornado tão degradado pelo pecado, sua


natureza tão pervertida pelo mau, que era impossível para
ele dele mesmo vir a estar em harmonia com Deus, cuja
natureza é pureza e amor. Mas Cristo o redimiu da
condenação da lei e comunicou poder divino, e através da
cooperação do homem, o pecador poderia ser restaurado ao
seu estado perdido.‖
Signs of the Times, 13 de fevereiro, 1893 par. 7

- 25 -
NOTAS

- 26 -
CONVERSÃO E NOVO NASCIMENTO

1. O que disse Jesus acerca da conversão?


Quem não se converter não entrará no reino de Deus.
Mateus 18:3

2. A que outra experiência Jesus associou a conversão?


Jesus associou a conversão com a cura espiritual. Mateus
13:15

3. Que se dá quando alguém se converte a Cristo?


Quem está em Cristo é nova criatura. 2 Coríntios 5:17

4. Que valor as formas externas teriam sem a


conversão?
Se não somos novas criaturas em Cristo, nenhuma
aparência de piedade nos adiantará. Gálatas 6:15

5. Como Jesus, ao Se dirigir a Nicodemos, descreveu o


milagre da conversão?
Jesus disse que para ver o reino de Deus era necessário
nascer de novo, ou seja, nascer da água e do Espírito. João
3:3-5

6. Qual é a experiência daquele que é nascido de


Deus?
O que é nascido de Deus tem nele a semente divina, e não
vive em pecado enquanto permanece em Jesus. 1 João 3:9;
5:18

7. Como é descrita a conversão na Bíblia?


Ter os olhos abertos e ser liberto do poder de Satanás a
Deus é a experiência de conversão. Atos 26:18

8. Como o apóstolo Paulo compara o homem não


convertido com o convertido?

- 27 -
O homem natural (não convertido) não compreende as
coisas espirituais, enquanto o homem espiritual
(convertido) as compreende. 1 Coríntios 2:14, 15

9. Que diz o apóstolo Paulo sobre a mente do homem?


Paulo falou da importância de nós sermos transformados
pela renovação da mente. Romanos 12:2, Efésios 4:23 e
Colossenses 3:10

10. Da mente de quem precisamos?


Nós precisamos da mente de Cristo. Filipenses 2:5; 1
Pedro 4:1 e 1 Coríntios 2:16

11. O que Deus quer fazer com a mente do homem?


Deus deseja reconciliar a mente alienada de Deus.
Colossenses 1:21

Citações do Espírito de Profecia

―Pode alguém não ser capaz de dizer exatamente a ocasião


ou lugar de sua conversão, nem seguir toda a cadeia de
circunstâncias no seu processo; mas isto não prova que essa
pessoa não seja convertida....Ver-se-á mudança no caráter,
nos hábitos e atividades. Será claro e positivo o contraste
entre o que foram e o que são.‖
Caminho a Cristo 57

―A grande verdade da conversão do coração pelo Espírito


Santo é apresentada nas palavras de Cristo a Nicodemos….
As inclinações naturais são abrandadas e subjugadas. São
implantadas novas idéias, novos sentimentos, novos
motivos.‖
Parábolas de Jesus 98

―A conversão é uma obra que a maioria das pessoas não


aprecia. Não é coisa pequena transformar um espírito
terreno, amante do pecado, e levá-lo a compreender o
inexprimível amor de Cristo, os encantos de Sua graça e a

- 28 -
excelência de Deus, de maneira que a alma seja possuída de
amor divino e fique cativa dos mistérios celestes. Quando a
pessoa compreende essas coisas, sua vida anterior parece
desagradável e odiosa. Aborrece o pecado; e, quebrantando
o coração diante de Deus, abraça a Cristo como a vida e
alegria da alma. Renuncia a seus antigos prazeres. Tem
mente nova, novas afeições, interesses novos e nova
vontade; suas tristezas, desejos e amor são todos novos. A
concupiscência da carne, a concupiscência dos olhos e a
soberba da vida até então preferidas a Cristo, são agora
desviadas, e Cristo é o encanto de sua vida, a coroa de seu
regozijo. O Céu, que antes não possuía nenhum atrativo, é
agora considerado em sua riqueza e glória; e ela o
contempla como sua futura pátria, onde verá, amará e
louvará Aquele que a redimiu por Seu precioso sangue.‖
Testemunhos para a Igreja, Volume 2, 294

―Necessita de total conversão – a transformação do eu ‗pela


renovação da… mente‘. Rom. 12:2. Sua auto-estima precisa
ser subjugada. Deve aprender a considerar os outros
superiores a si mesmo. Sua exaltada opinião sobre as
próprias qualificações deve ser posta de lado, e você precisa
possuir ‗um espírito manso e quieto, que é precioso diante
de Deus.‘ I Ped. 3:4.‖
Testemunhos para a Igreja, Volume 2, 301

―‗Se alguém está em Cristo, nova criatura é: as coisas velhas


já passaram; eis que tudo se fez novo.‘ II Cor. 5:17. Mediante
o poder de Cristo homens e mulheres têm quebrado a cadeia
do hábito pecaminoso. Têm renunciado ao egoísmo. O
profano tem-se tornado reverente; o bêbado, sóbrio; o
pervertido, puro. Pessoas que tinham a semelhança de
Satanás, transformaram-se na imagem de Deus.‖
Atos dos Apóstolos 476

- 29 -
NOTAS

- 30 -
ARREPENDIMENTO

1. Quem precisa do arrependimento?


Os pecadores são os que precisam de arrependimento.
Lucas 5:32

2. O arrependimento é uma condição de salvação?


O arrependimento é um pré-requisito para salvação. Lucas
13:3, 5

3. O que precisa acontecer antes que sejam apagados


os registros dos nossos pecados?
Os que se arrependerem poderão ter seus pecados apagados.
Atos 3:19

4. O que acompanha o arrependimento?


Com o arrependimento vem a remissão de pecados. Lucas
2 4: 47

5. Que evidência externa revela um arrependimento


genuíno?
O fruto do Espírito (Gálatas 5:22) é uma evidência do
verdadeiro arrependimento. Mateus 3:8

6. Em que momento Deus espera que o homem se


arrependa?
O arrependimento deve ocorrer quando a luz do
conhecimento da vontade de Deus chega. Atos 17:30

7. De onde vem o arrependimento?


O arrependimento é um dom de Deus. Atos 5:31; 11:18 e 2
Timóteo 2:25

8. O que conduz ao arrependimento?


A bondade de Deus nos conduz ao arrependimento.
Romanos 2:4

- 31 -
9. Que personagem da Bíblia ilustra que o
arrependimento é um dom de Deus?
Esaú, que procurou o arrependimento com lágrimas, não o
pôde achar. Hebreus 12:16, 17

10.Existe uma diferença entre tristeza e


arrependimento?
Paulo diferencia a tristeza divina, o arrependimento, da
tristeza do mundo. 2 Coríntios 7:8-11

11. Exemplos de Falso Arrependimento


a. Esaú – Gênesis 27:34
b. Faraó – Êxodo 9:27, 34
c. Judas – Mateus 27:3-5

12.Exemplos de Verdadeiro Arrependimento


a. Jacó – Gênesis 28:16-22
b. Davi – 2 Samuel 12:13 e Salmos 51:1-14
c. Pedro – Mateus 26:75

Citações do Espírito de Profecia

―O arrependimento do homem implica uma mudança de


intuitos.‖
Patriarcas e Profetas 630

―O arrependimento compreende tristeza pelo pecado e


afastamento do mesmo.‖
Caminho a Cristo 23

―Não é genuíno nenhum arrependimento que não opere a


reforma.‖
Desejado de todas as Nações 555

―O verdadeiro arrependimento é mais que tristeza pelo


pecado. É uma decidida renúncia ao mal.‖
Patriarcas e Profetas 557

―Tereis por vezes um desejo de vos arrependerdes. A menos,


porém, que vos reformeis decididamente e ponhais em

- 32 -
prática as verdades que tendes aprendido, a menos que
tenhais fé ativa, operante, uma fé que esteja crescendo de
contínuo em força, vosso arrependimento é como o orvalho
da manhã. Ele não dará permanente alívio à alma. O
arrependimento ocasionado por intermitente provocação
dos sentimentos é um arrependimento de que nos
precisamos arrepender; pois é ilusório. Uma violenta
exaltação dos sentimentos, que não produz em vós os
pacíficos frutos da justiça, deixa-vos em estado pior do que
aquele em que vos encontráveis anteriormente.‖
Mensagens Escolhidas, Volume 1, 108

―Mas os exemplos de genuíno arrependimento e humilhação


dados na Palavra de Deus revelam um espírito de confissão
na qual não há desculpas para o pecado ou tentativas de
justificação próprias.‖
Testemunhos para a Igreja, Volume 5, 641

―O verdadeiro penitente não afasta da lembrança seus


pecados passados. Não se mostra alheio aos erros que
praticou, tão logo haja alcançado paz. Ele pensa nos que
foram levados ao mal por sua conduta, e procura por todas
as formas levá-los de volta ao verdadeiro caminho. Quanto
mais clara a luz em que entrou, mais forte seu desejo de
firmar os pés de outros no caminho reto. Ele não atenua sua
perversa conduta, fazendo de seus erros coisa leve, mas
levanta o sinal de perigo, para que outros sejam advertidos.‖
Profetas e Reis 78

―Arrependimento como esse [o que Davi expressou em


Salmo 51], está além de nossas forças realizar; só é obtido
por meio de Cristo, que subiu ao alto e deu dons aos
homens.‖
Caminho a Cristo 25

―A Bíblia não ensina que o pecador tenha de arrepender-se


antes de poder aceitar o convite de Cristo... É a virtude que
emana de Cristo, que conduz ao genuíno arrependimento…
Assim como não podemos alcançar perdão sem Cristo,

- 33 -
também não podemos arrepender-nos sem que o Espírito de
Cristo nos desperte a consciência... Cristo é a fonte de todo
bom impulso. Ele, unicamente, é capaz de implantar no
coração a inimizade contra o pecado. Todo desejo de
verdade e pureza, toda convicção de nossa própria
pecaminosidade, é uma evidência de que Seu Espírito está
operando em nosso coração.‖
Caminho a Cristo 26

―Cristo tem de revelar-Se ao pecador como o Salvador morto


pelos pecados do mundo; e, ao contemplarmos o Cordeiro
de Deus sobre a cruz do Calvário, começa a desdobrar-se ao
nosso espírito o mistério da redenção, e a bondade de Deus
nos leva ao arrependimento. Morrendo pelos pecadores,
Cristo manifestou um amor que é incompreensível; e esse
amor, ao ser contemplado pelo pecador, abranda-lhe o
coração, impressiona-lhe o espírito e inspira-lhe à alma
contrição.‖
Caminho a Cristo 26, 27

―Mas a contrição e o arrependimento da congregação


precisam ser proporcionais à sua transgressão.‖
Testemunhos para a Igreja, Volume 3, 356

―O primeiro passo rumo da salvação é corresponder à


atração do amor de Cristo. Deus envia aos homens
mensagem após mensagem, instando com eles para que se
arrependam, a fim de que os possa perdoar, escrevendo
‗perdão‘ junto de seus nomes.‖
Mensagens Escolhidas, Volume 1, 323

―Quando o homem peca contra um Deus santo e


misericordioso, não pode seguir mais nobre caminho que
arrepender-se sinceramente, e confessar seus erros com
lágrimas e amargura de alma. Isto Deus requer dele; Ele não
aceita nada menos que um coração quebrantado e um
espírito contrito.‖
Profetas e Reis 435, 436

- 34 -
NOTAS

- 35 -
CONFISSÃO

1. Quem alcançará a misericórdia de Deus?


Aquele que confessa e abandona seus pecados alcançará a
misericórdia de Deus. Provérbios 28:13

2. O que caracteriza uma confissão genuína?


Quando uma confissão genuína é feita, não há tentativa de
encobrir os pecados. Salmos 32:5

3. Que promessa é feita aos que confessam seus


pecados?
Os que confessam os pecados receberão de Deus o perdão. 1
João 1:9

4. Como deve ser feita a confissão dos pecados?


A confissão deve ser feita de forma específica. Levíticos
5: 5

5. Como devemos confessar pecados públicos?


Pecados públicos devem ser confessados publicamente.
Atos 19:18, 19

6. O que mais deve acompanhar uma confissão


genuína?
A confissão dos pecados é acompanhada por uma
reintegração para com aqueles contra os quais fizemos
coisas erradas – restituição. Números 5:7

7. Além de confessar nossos pecados a Deus, a quem


mais devemos confessar nossas faltas?
Nós devemos confessar nossas faltas uns aos outros. Tiago
5:16

8. A confissão é necessária antes do batismo?


A confissão é um pré-requisito para o batismo. Marcos 1:5

- 36 -
9. O que pode acontecer se adiarmos a confissão dos
pecados?
Se nós não confessarmos a tempo, nosso pecado há de nos
achar. Números 32:23

10.É necessário confessar para que Deus fique ciente da


nossa conduta errada?
Nenhum pecado é oculto aos olhos de Deus. Salmos 90:8
e Hebreus 4:13

Citações do Espírito de Profecia

―Achamo-nos no grande dia de expiação, quando nossos


pecados devem, pela confissão e o arrependimento, ir de
antemão ao juízo.‖
Mensagens Escolhidas, Volume 1, 124

―Mediante oração e confissão de pecado, devemos abrir o


caminho do Rei.‖
Obreiros Evangélicos 308

―As penitências, mortificações da carne, confissão constante


de pecado, sem arrependimento sincero; jejuns, dias
santificados, e observâncias externas, desacompanhados da
verdadeira devoção - são todos destituídos de valor.‖
Evangelismo 192

―A confissão de pecados, quer pública quer privada, deve


ser de coração, expressa francamente. Não deve ser obtida
do pecador à força de insistência. Não deve ser feita de
maneira negligente ou folgazã, nem extorquida dos que não
reconhecem o abominável caráter do pecado.‖
Caminho a Cristo 38

―A confissão verdadeira tem sempre caráter específico e faz


distinção de pecados.‖
Caminho a Cristo 38

- 37 -
―É uma honra confessar um erro tão logo seja discernido.‖
Testemunhos para a Igreja, Volume 4, 240

―É um fato lamentável que o coração faltoso não esteja


disposto a ser criticado ou a sujeitar-se à humilhação pela
confissão do pecado. Alguns reconhecem suas faltas, mas
imaginando que a confissão lhes diminua a dignidade,
desculpam seu erro e eximem-se à disciplina que a confissão
proporcionaria à alma.‖
Fundamentos da Educação Cristã 239, 240

―Quão enganados estão os que imaginam que a confissão do


pecado lhes diminua a dignidade e atenue a influência entre
seus semelhantes! Apegando-se a esta idéia errônea, embora
vejam suas faltas, muitos deixam de confessá-las, mas antes
passam por alto os males que fizeram a outros,
amargurando assim a sua própria vida, e obscurecendo a
vida de outros. Não ferirá vossa dignidade o confessar
vossos pecados. Fora com esta falsa dignidade! Caí sobre a
Rocha e quebrantai-vos, e Cristo vos concederá a verdadeira
e celestial dignidade. Que nenhum orgulho, estima ou
justiça próprias impeçam a alguém de confessar seu pecado,
para que possa fazer jus à promessa: "O que encobre as suas
transgressões nunca prosperará, mas o que as confessa e
deixa, alcançará misericórdia.‖
Mensagens Escolhidas, volume 1, 326, 327

―É um teste rigoroso de coragem para homens e mulheres


serem levados a enfrentar os próprios pecados e com
fraqueza reconhecê-los. Dizer: ―Este erro deve ser lançado à
minha conta‖ requer uma força de princípios interior que o
mundo possui apenas em grau limitado. Aquele, porém, que
tem a coragem de dizer isto com sinceridade, ganha uma
decidida vitória sobre o eu, e efetivamente fecha a porta
contra o inimigo.‖
Testemunhos Para a Igreja, Volume 4, 336, 337

―Não é degradação para o homem prostrar-se diante de seu


Criador e confessar seus pecados e implorar perdão através

- 38 -
dos méritos de um Salvador crucificado e ressurgido. É
nobre reconhecer seu erro diante dAquele a quem se feriu
pela transgressão e rebelião. Isso o exalta diante dos
homens e dos anjos; pois ―quem a si mesmo se humilhar
será exaltado‖. Mat.23:12. Mas aquele que se prostra diante
do homem caído e abre em confissão os secretos
pensamentos e imaginações do coração desonra a si mesmo,
rebaixando sua maturidade e degradando todos os nobres
instintos de seu ser. Ao revelar os pecados de sua vida a um
sacerdote corrompido pelo vinho e licenciosidade, seu
padrão de caráter é rebaixado a ele, em conseqüência se
polui.‖
Testemunhos Para a Igreja, Volume 5, 638

―Se prejudicamos outros por qualquer injusta transação, se


nos aproveitamos de alguém num negócio, ou defraudamos
qualquer pessoa, ainda que sob a proteção da lei, devemos
confessar nossa injustiça e fazer restituição tanto quanto
esteja ao nosso alcance. Cumpre-nos restituir, não somente
o que tiramos, mas tudo quanto se teria acumulado, se posto
em justo e sábio emprego durante o tempo que se achou em
nosso poder.‖
O Desejado de Todas as Nações 556

―Os pecados secretos devem em segredo ser confessados a


Deus; mas o pecado público requer pública confissão.‖
O Desejado de Todas as Nações 811

―Quando uma crise finalmente vier, como certamente virá, e


Deus falar em favor de Seu povo, aqueles que pecaram,
aqueles que tem sido uma nuvem de escuridão e que tem
sido um empecilho à atuação de Deus a favor de Seu povo,
podem ficar alarmados de terem ido tão longe em
murmurar e trazer desalento sobre a causa; e, como Acã,
ficando aterrorizados, podem reconhecer que pecaram. Mas
suas confissões vêm demasiado tarde e não são da qualidade
certa para os beneficiar, embora podem auxiliar a causa de
Deus. Tais pessoas não fazem suas confissões por causa da

- 39 -
convicção de sua verdadeira condição e um sentimento de
quão ofensiva sua conduta tem sido a Deus.‖
Testemunhos Para a Igreja, Volume 3, 271

- 40 -
NOTAS

- 41 -

1. Qual é a definição bíblica de fé?


A fé é a confiança das coisas que se esperam, e prova das
que não se vêem. Hebreus 11:1

2. Como podemos ter certeza que o mundo foi criado


por Deus?
Pela fé nós entendemos que o mundo foi criado por Deus.
Hebreus 11:3

3. O que é impossível fazer sem fé?


Sem fé é impossível agradar a Deus. Hebreus 11:6

4. Como Deus considera as obras que não são


produtos de fé?
Tudo o que não é de fé é pecado. Romanos 14:23

5. Como é desenvolvida a fé?


A fé vem pelo ouvir a Palavra de Deus. Romanos 10:17

6. Como foi que o centurião romano demonstrou fé?


O centurião acreditou que a Palavra de Jesus era capaz de
realizar o que ela mesma ordenara. Mateus 8:7-10

7. Como foi Pedro habilitado a andar sobre as águas?


Pedro andou sobre as águas pala fé. Mateus 14:27-31

8. Como a Bíblia descreve a fé sem obras?


A fé sem obras é morta. Tiago 2:17-20

9. O que foi Abel capaz de fazer pela fé?


Pela fé Abel ofereceu a Deus um sacrifício aceitável.
Hebreus 11:4

10. O que fez Noé pela fé?


Pela fé Noé construiu uma arca, assim como o Senhor pediu,
embora nunca tivesse visto chuva. Hebreus 11:7

- 42 -
11. Que palavra chave é usada para descrever a fé de
Abraão?
A fé de Abraão se manifestou em obediência a Deus.
Hebreus 11:8

12. O que a fé de Abraão o conduziu a fazer?


Pela fé Abraão ofereceu a Isaque, assim como Deus lhe
pediu. Hebreus 11:17

13. O que os filhos de Israel foram capazes de fazer pela


fé?
Pela fé os filhos de Israel passaram pelo mar vermelho em
terra seca. Hebreus 11:29

14.O que aconteceu com os muros de Jericó quando a


fé do povo de Deus repousou em Seu poder?
Pela fé os filhos de Israel marcharam ao redor dos muros de
Jericó sete dias, e os muros caíram. Hebreus 11:30

15.Como viverá o justo?


O justo viverá pela fé. Habacuque 2:4

16.Que sentimento o homem de fé deixará de ter?


Fé em Deus não conduzirá ninguém a temer quando
surgirem circunstâncias difíceis. Mateus 8:26

17.Que dom podemos receber de Deus por meio da fé?


Recebemos a justiça de Deus pela fé. Filipenses 3:9

18.Que é necessário a fim de praticarmos boas obras?


A fim de praticar boas obras, devemos acreditar em Jesus.
João 6:28, 29

19.Como podemos alcançar a justiça de Deus?


A justiça de Deus é revelada de fé em fé. Romanos 1:17

20.Através de quem podemos experimentar a justiça


pela fé?

- 43 -
Através do Espírito de Deus nós podemos experimentar a
justiça pela fé. Gálatas 5:5

Citações do Espírito de Profecia

―Sentimento e fé são tão distintos um do outro como o Leste


é do Oeste. A fé não depende do sentimento.‖
Mente, Caráter, e Personalidade, Volume 2, 537

―A fé é a confiança em Deus, ou seja, a crença de que Ele nos


ama e conhece perfeitamente o que é para o nosso bem.
Assim ela nos leva a escolher o Seu caminho em vez de o
nosso próprio. Em lugar da nossa ignorância, ela aceita a
Sua sabedoria; em lugar de nossa fraqueza, aceita a Sua
força; em lugar de nossa pecaminosidade, Sua justiça. Nossa
vida e nós mesmos somos já Seus; a fé reconhece essa posse
e aceita as bênçãos dela. A verdade, correção e pureza, têm
sido designadas como segredos do êxito da vida. É a fé que
nos põe na posse destes princípios.‖
Educação 253

―A fé e as obras nos manterão bem-equilibrados e nos


tornarão bem-sucedidos na obra de aperfeiçoar o caráter
cristão.‖
Fé e Obras 49

―A verdadeira fé apreende e suplica a bênção prometida,


antes que esta se realize e a experimentemos.‖
Primeiros Escritos 72

―Disse o anjo: ‗Sentimento não é fé. Fé é simplesmente


tomar a Deus em Sua Palavra.‘‖
Testemunhos para a Igreja, Volume 1, 620

―A verdadeira fé assim pergunta ao Senhor: ‗Que queres que


faça?‘ (Atos 9:6) e, quando o caminho é indicado pelo
Mestre, a fé se acha pronta a fazer Sua vontade, sejam quais

- 44 -
forem as dificuldades ou sacrifícios.‖
Conselhos aos Pais, Professores e Estudantes 183

―Embora a fé verdadeira confie inteiramente em Cristo para


a salvação, ela conduzirá a perfeita conformidade com a lei
de Deus. A fé é manifestada pelas obras.‖
Fé e Obras 52

―Fé não é sentimento.... A verdadeira fé não se acha de


maneira alguma aliada à presunção. Somente aquele que
tem a verdadeira fé, está seguro contra a presunção, pois
esta é a falsa fé de Satanás. A fé reivindica as promessas de
Deus, e produz frutos de obediência. A presunção também
reivindica as promessas, mas delas se serve, como fez
Satanás, para desculpar a transgressão. A fé teria levado
nossos primeiros pais a confiar no amor de Deus, e a
obedecer aos Seus mandamentos. A presunção os induziu a
transgredir Sua lei, acreditando que Seu grande amor os
haveria de salvar das conseqüências do pecado. Não é fé o
que roga o favor do Céu sem cumprir as condições sob as
quais é assegurada a misericórdia. A fé genuína tem seu
fundamento nas promessas e medidas das Escrituras.‖
A Fé Pela Qual Eu Vivo 122

―...Verdadeira fé será manifestada por uma vida santa.‖


Grande Conflito 152

―O testemunho da Palavra de Deus é contra esta doutrina


perigosa da fé sem as obras. Não é fé pretender o favor do
Céu sem cumprir as condições necessárias para que a graça
seja concedida: é presunção; pois que a fé genuína se
fundamenta nas promessas e disposições das Escrituras.‖
O Grande Conflito 472

―A fé genuína apropria-se da justiça de Cristo, e o pecador é


feito vencedor com Cristo; pois ele se faz participante da
natureza divina, e assim se combinam divindade e
humanidade.‖
Mensagens Escolhidas, Volume 1, 363, 364

- 45 -
―A verdadeira fé não é presunção, mas se arrisca muito.‖
Vida e Ensinos 227

- 46 -
NOTAS

- 47 -
JUSTIFICAÇÃO PELA FÉ

1. Quantos grupos de pessoas a Bíblia reconhece?


A Bíblia descreve dois grupos de pessoas – os justos e os
ímpios. Salmos 37:12, Atos 24:15 e Provérbios 10:20
2. Quem pode ser justificado por Deus?
Os justos serão justificados, e os ímpios condenados. Êxodo
23:7, Deuteronômio 25:1, 1 Reis 8:32, e 2 Crônicas
6: 2 3
3. Que palavra poderia ser usada para descrever o
justo?
Ser justo é ser puro. Jó 25:4
4. Existe algum justo entre os seres humanos que já
viveram?
Não há nenhum justo, não, nenhum. Romanos 3:10 e
Salmos 143:2
5. Visto que não há nenhum justo, de que todos
precisam?
Visto que o mundo inteiro está condenado perante Deus,
todos precisam de justificação pela fé. Romanos 3:19-23
6. Como é considerada a justificação que Deus oferece
aos pecadores?
Justificação é um dom de Deus. Romanos 3:24 e Tito 3:7

7. O que torna o dom da justificação possível ao


homem?
Justificação é possível por causa do sangue de Jesus.
Romanos 5:9

8. O que o dom da justificação traz ao pecador?


Justificação traz paz ao pecador. Romanos 5:1

- 48 -
9. A justificação é pela fé ou pelas obras?
A justificação não é alcançada por causa de boas obras, mas
através da fé nos méritos de Jesus. Romanos 3:28 e
Gálatas 2:16; 3:11

10.Que condição a Palavra de Deus impõe para o


homem ser justificado?
Reconhecer nossa indignidade é uma condição de
justificação. Lucas 18:14

11.Que papel desempenha a lei de Deus na obra de


justificação?
A lei de Deus nos mostra nossa indignidade e nos conduz a
Cristo que nos justifica pela fé. Gálatas 3:24

12.Como é a justificação descrita na experiência de


Abraão?
Justificação pela fé vem quando o pecador crê que Deus
imputa a justiça de Cristo em sua conta. Gênesis 15:6 e
Romanos 4:3-8

13.Qual será a experiência daquele que é justificado


pela fé?
Justificação pela fé nos conduzirá à vida vitoriosa. Gálatas
2:17

14.Quem afinal é justo diante de Deus?


Os que só são ouvintes da lei não são justos diante de Deus,
mas os que obedecem a lei de Deus serão justificados.
Romanos 2:13

15.Que declaração faz Tiago acerca da experiência de


Abraão?
Abraão foi justificado pelas suas obras. Tiago 2:21, 24

16.Como viverá o justo?


O justo viverá pela fé. Hebreus 10:38

- 49 -
17.Como é o caminho do justo que vive pela fé?
A caminhada do justo é como a luz da aurora, que vai
brilhando mais e mais até se tornar dia perfeito.
Provérbios 4:18
18. O que o Senhor Jesus é para nós?
O Senhor é nossa justiça. Jeremias 23:6

Citações do Espírito de Profecia

―A condição de vida eterna é hoje justamente a mesma que


sempre foi - exatamente a mesma que foi no paraíso, antes
da queda de nossos primeiros pais - perfeita obediência à lei
de Deus, perfeita justiça. Se a vida eterna fosse concedida
sob qualquer condição inferior a essa, correria perigo a
felicidade do Universo todo. Estaria aberto o caminho para
que o pecado, com todo o seu cortejo de infortúnios e
misérias, se imortalizasse.‖
Caminho a Cristo 62

―A fé que é para salvação não é uma fé casual, não é o mero


assentimento do intelecto, é a crença arraigada no coração,
que abraça a Cristo como Salvador pessoal, com a certeza de
que Ele pode salvar perfeitamente aos que por Ele se
chegam a Deus.‖
Mensagens Escolhidas, Volume 1, 391

―Esta foi a posição da raça humana depois que o homem se


divorciou de Deus pela transgressão. Então ele não tinha
mais direito a uma inspiração de ar, a um raio da luz do Sol
ou a uma partícula de alimento. E a razão de o homem não
ter sido destruído era que Deus o amou de tal maneira que
deu o Seu Filho amado para que sofresse a penalidade da
transgressão dele. Cristo Se prontificou a tornar-Se o
penhor e substituto do homem, para que este, por meio de
graça sem igual, tivesse outra prova - uma segunda
oportunidade - tendo a experiência de Adão e Eva como

- 50 -
advertência para não transgredir a lei de Deus como eles o
fizeram.‖
Fé e Obras 21

―Quando o pecador penitente, contrito diante de Deus,


discerne a expiação de Cristo em seu favor e aceita essa
expiação como sua única esperança nesta vida e na vida
futura, seus pecados são perdoados. Isso é justificação pela
fé.‖
Fé e Obras 103

―Que é justificação pela fé? É a atuação de Deus abatendo


até ao pó a glória do homem, e fazendo por ele aquilo que
não está em sua capacidade fazer por si mesmo. Quando o
homem percebe sua completa desvalia, então está
preparado para ser vestido com a justiça de Cristo.‖
Fé Pela Qual Eu Vivo 111

―Ninguém pode crer com o coração para a justiça, e obter


justificação pela fé, enquanto continuar na prática das
coisas que a Palavra de Deus proíbe, ou enquanto
negligenciar qualquer dever conhecido.‖
Mensagens Escolhidas, Volume 1, 396

―Mas, embora Deus possa ser justo e ao mesmo tempo


justificar o pecador, pelos méritos de Cristo, homem algum
pode cobrir sua alma com as vestes da justiça de Cristo,
enquanto comete pecados conhecidos, ou negligencia
conhecidos deveres.‖
Mensagens Escolhidas, Volume 1, 366

―A justificação pela fé é um mistério para muitos. O pecador


é justificado por Deus quando se arrepende de seus pecados.
Ele vê a Jesus sobre a cruz do Calvário.... Ele olha para o
Sacrifício expiatório como sua única esperança, por meio de
arrependimento para com Deus - porque foram violadas as
leis de Seu governo - e de fé em nosso Senhor Jesus Cristo
como Aquele que pode salvar e purificar o pecador de toda
transgressão.‖

- 51 -
Nossa Alta Vocação 50

―A justificação pela fé em Cristo será manifestada na


transformação de caráter.‖
Seventh-day Adventist Bible Commentary, Volume 6, 1071

―Homem algum pode de si mesmo arrepender-se, tornando-


se digno da bênção da justificação. O Senhor Jesus está
constantemente procurando impressionar o espírito do
pecador e atraí-lo a fim de que O contemple, como Cordeiro
de Deus que tira os pecados do mundo.‖
Mensagens Escolhidas, Volume 1, 390
―Quando o Espírito de Deus controla a mente e o coração, a
alma convertida entoa um novo cântico; pois reconhece que
a promessa de Deus se tem cumprido em sua experiência,
que sua transgressão foi perdoada e seu pecado coberto. Ele
exerceu arrependimento para com Deus, pela transgressão
da divina lei, e fé para com Cristo que morreu para
justificação do homem. ‗Sendo pois justificados pela fé‘, ele
tem ‗paz com Deus, por nosso Senhor Jesus Cristo‘
Romanos 5:1.‖
Atos dos Apóstolos 476
―Muitas vezes, teremos de prostrar-nos e chorar aos pés de
Jesus, por causa de nossas faltas e erros; mas não nos
devemos desanimar. Mesmo quando somos vencidos pelo
inimigo, não somos repelidos, nem abandonados ou
rejeitados por Deus. Não; Cristo está à destra de Deus,
fazendo intercessão por nós. Diz o amado João: "Estas
coisas vos escrevo para que não pequeis; e, se alguém pecar,
temos um Advogado para com o Pai, Jesus Cristo, o Justo." I
João 2:1.‖
Caminho a Cristo 64
―Se tiverdes cometido erros, certamente alcançareis a
vitória, ao reconhecerdes estes erros e os considerardes farol
de advertência. Assim transformareis a derrota em vitória,
desapontando o inimigo e honrando o vosso Redentor.‖
Parábolas de Jesus 332

- 52 -
―Se você comete um erro, torne sua derrota numa vitória.‖
Testemunhos para a Igreja, Volume 7, 244
―O Senhor reconhecerá cada esforço que fazeis por alcançar
o Seu ideal para convosco. Quando cometeis um erro,
quando sois traído em pecado, não julgueis que não
podereis orar, que não sois dignos de vir perante o Senhor.
‗Meus filhinhos, estas coisas vos escrevo para que não
pequeis; e, se alguém pecar, temos um Advogado para com o
Pai, Jesus Cristo, o Justo.‘ I João 2:1. Com os braços abertos
aguarda o filho pródigo e o acolhe. Ide para Ele, e falai-Lhe
acerca dos vossos erros e fracassos. Pedi-Lhe que vos
fortaleça para de novo empreenderdes a luta. Ele nunca vos
decepcionará, nunca trairá vossa confiança.‖
Mensagens aos Jovens 97

―A humilhação da derrota demonstra-se muitas vezes uma


bênção, mostrando-nos a nossa incapacidade para fazer a
vontade de Deus sem o Seu auxílio.‖
Patriarcas e Profetas 633

―Quaisquer que tenham sido os erros ou insucessos do


passado, podemos, com o auxílio de Deus, levantar-nos
acima deles.‖
Ciência do Bom Viver 515

―Quando estivermos revestidos da justiça de Cristo, não


teremos nenhum prazer no pecado; pois Ele estará
trabalhando conosco. Poderemos cometer erros, mas
havemos de aborrecer o pecado que causou os sofrimentos
do Filho de Deus.‖
Mensagens aos Jovens 338

―Quando nós sentimos que pecamos e não podemos orar,


então esse é o tempo de orar. Podemos estar envergonhados
e profundamente humilhados, mas devemos orar e
acreditar.‖
O Maior Discurso de Cristo 115

- 53 -
―Nossa confiança não está no que o homem pode fazer; sem,
naquilo que Deus pode fazer pelo homem por meio de
Cristo. Quando nos entregamos inteiramente a Deus, e
cremos plenamente, o sangue de Cristo purifica de todo
pecado. A consciência pode ser libertada da condenação….
Podemos fruir o favor de Deus. Não devemos estar ansiosos
acerca do que Cristo e Deus pensam de nós, mas do que
Deus pensa de Cristo, nosso Substituto. Vós sois aceitos no
Amado. O Senhor mostra, aos contritos, crentes, que Cristo
aceita a entrega da alma, para ser moldada e afeiçoada
segundo a Sua imagem.‖
Mensagens Escolhidas, Volume 2, 32, 33

―Os olhos de Deus, que tudo vêem, notam os defeitos de


todos e a paixão dominante de cada qual; contudo, têm
paciência com os nossos erros, e Se compadecem de nossa
fraqueza.‖
Testemunhos para a Igreja, Volume 5, 95, 96

- 54 -
NOTAS

- 55 -
SANTIFICAÇÃO PELA FÉ

1. Qual é a vontade de Deus para nós?


A vontade de Deus é a nossa santificação. 1
Tessalonicenses 4:3

2. Quão completa é a santificação que Deus oferece?


Deus deseja nos santificar inteiramente, corpo, mente e
espírito. 1 Tessalonicenses 5:23

3. Como Paulo descreve a obra da santificação?


Deus opera em nós tanto o querer como o efetuar Sua
vontade. Filipenses 2:13

4. Por que a santificação é tão importante?


Sem a santificação ninguém verá a Deus. Hebreus 12:14

5. Precisamos obedecer para sermos santificados, ou


precisamos ser santificados para obedecer?
A santificação conduz a obediência. 1 Pedro 1:2

6. Como Paulo descreveu a santificação a Timóteo?


A santificação nos fará idôneos para o uso do Senhor. 2
Timóteo 2:21

7. Como Judas entendeu a obra da santificação?


Ser santificado é ser preservado ou conservado em Jesus
Cristo. Judas 1

8. Como Deus nos santifica?


Deus nos santifica através de Sua Palavra. João 17:17 e
Efésios 5:26

9. Como podemos experimentar a santificação?


A santificação é pela fé. Atos 26:18

- 56 -
10.Que agente da Divindade opera em nós a
santificação?
Deus nos santifica pelo Espírito Santo. Romanos 15:16 e 2
Tessalonicenses 2:13

11.O que tornou a santificação atingível ao homem?


A santificação é possível através do sangue de Jesus.
Hebreus 13:12

12.Como Jesus uniu a obra de justificação e


santificação?
A mulher pega em adultério foi justificada por Jesus e foi-
lhe dada a promessa de que ela poderia ser guardada de cair
no adultério novamente. João 8:11

13.Que declaração será feita quando a porta da graça


se fechar?
Quem é injusto (não justificado), continua injusto. Quem é
sujo (não santificado), continua sujo. Apocalipse 22:11

Citações do Espírito de Profecia

―Há condições para recebermos justificação e santificação, e


a justiça de Cristo.‖
Mensagens Escolhidas, Volume 1, 377

―É imputada a justiça pela qual somos justificados; aquela


pela qual somos santificados, é comunicada. A primeira é
nosso título para o Céu; a segunda, nossa adaptação para
ele.‖
Mensagens aos Jovens 35

―Que é santificação? É entregar-se inteiramente e sem


reservas - alma, corpo e espírito - a Deus; lidar com justiça;
amar a misericórdia e andar humildemente com Deus; saber
e cumprir a vontade de Deus sem consideração para com o
próprio eu e o seu interesse; ter mente espiritual, pura,

- 57 -
abnegada, santa, e sem mancha nem mácula.‖
Nossa Alta Vocação 210

―Os seguidores de Cristo devem tornar-se semelhantes a Ele


- pela graça de Deus devem formar caráter em harmonia
com os princípios de Sua santa lei. Isto é santificação
bíblica. Esta obra unicamente pode ser efetuada pela fé em
Cristo, pelo poder do Espírito de Deus habitando em nós.
Paulo admoesta aos crentes: ‗Operai a vossa salvação com
temor e tremor; porque Deus é o que opera em vós tanto o
querer como o efetuar, segundo a Sua boa vontade.‘ Filip.
2:12 e 13. O cristão sentirá as insinuações do pecado, mas
sustentará luta constante contra ele. Aqui é que o auxílio de
Cristo é necessário. A fraqueza humana se une à força
divina, e a fé exclama: ‗Graças a Deus que nos dá a vitória
por nosso Senhor Jesus Cristo.‘ I Cor. 15:57.‖
O Grande Conflito 469, 470

―A santificação bíblica não consiste em forte emoção. Eis


onde muitos são levados ao erro. Fazem dos sentimentos o
seu critério. Quando se sentem elevados ou felizes, julgam-
se santificados. Sentimentos de felicidade ou a ausência de
alegria não é evidência de que a pessoa esteja ou não
santificada.... Aqueles que estão batalhando contra
tentações diárias, vencendo as próprias tendências
pecaminosas e buscando santidade do coração e da vida,
não fazem nenhuma orgulhosa proclamação de santidade..‖
Fé Pela Qual Eu Vivo 119

―Exibição não é religião nem santificação.‖


Evangelismo 510

―Esta é a verdadeira santificação; porque a santificação


consiste na realização alegre de nossos deveres cotidianos
em obediência perfeita à vontade de Deus.‖
Parábolas de Jesus 360

- 58 -
―Noutra ocasião falei com referência a genuína santificação,
que não é nada mais do que um morrer diário para o eu e
diária conformidade à vontade de Deus.‖
Testemunhos para a Igreja, Volume 4, 299

―A santidade está ao alcance de todos aqueles que a buscam


com fé, não por suas boas obras, mas pelos méritos de
Cristo. O poder Divino dá a todos os que estão lutando a
vitória sobre o pecado e Satanás.‖
S.D.A. Bible Commentary, Volume 7, 908

―A verdadeira santificação consiste na harmonia com Deus,


na imitação de Seu caráter.‖
Testemunhos para a Igreja, Volume 6, 350

―Cristo tomou todas as providências para a santificação de


Sua igreja. Ele fez abundante provisão para que cada alma
tenha tal graça e poder que seja mais do que vencedora na
guerra contra o pecado... Ele veio a este mundo e viveu uma
vida sem pecado, para que, no poder de Cristo, Seu povo
também possa viver vidas impecáveis. Ele deseja que eles
pratiquem os princípios da verdade e mostrem ao mundo
que a graça de Deus tem poder para santificar o coração."
Review and Herald, 1 de abril de 1902

―Os que experimentam a santificação bíblica manifestarão


um espírito de humildade. Como Moisés, depois de
contemplarem a augusta e majestosa santidade, vêem a sua
própria indignidade contrastando com a pureza e excelsa
perfeição do Ser infinito. O profeta Daniel é um exemplo da
verdadeira santificação. Seus longos anos foram cheios de
nobre serviço a seu Mestre. Foi um homem ‗mui desejado‘
do Céu (Dan. 10:11). Todavia, ao invés de pretender ser puro
e santo, este honrado profeta, quando pleiteava perante
Deus em prol de seu povo, identificou-se com os que
positivamente eram pecadores em Israel.‖
O Grande Conflito 470

- 59 -
―A santificação é obra de toda uma vida.‖
Parábolas de Jesus 65

―A santificação é o resultado de uma obediência que dura a


vida toda.‖
Atos dos Apóstolos 561

―A santificação da alma pela operação do Espírito Santo é a


implantação da natureza de Cristo na humanidade.‖
Parábolas de Jesus 384

―As Escrituras claramente revelam que a obra da


santificação é progressiva. Quando na conversão o pecador
acha paz com Deus mediante o sangue expiatório, apenas
iniciou a vida cristã. Deve agora aperfeiçoar-se; crescer até
‗a medida da estatura completa de Cristo‘. Diz o apóstolo
Paulo: ‗Uma coisa faço, e é que, esquecendo-me das coisas
que atrás ficam, e avançando para as que estão diante de
mim, prossigo para o alvo, pelo prêmio da soberana vocação
de Deus em Cristo Jesus.‘ Filip. 3:13 e 14. E Pedro nos
apresenta os passos por que a santificação bíblica deve ser
atingida: ‗Pondo nisto mesmo toda a diligência, acrescentai
à vossa fé a virtude, e à virtude a ciência, e à ciência
temperança, e à temperança paciência, e à paciência
piedade, e à piedade amor fraternal; e ao amor fraternal
caridade... porque fazendo isto nunca jamais tropeçareis.‘ II
Ped. 1:5-10.‖
O Grande Conflito 470

―As Escrituras nos ensinam a buscar santificar corpo, alma e


espírito a Deus. Nesta obra, devemos ser coobreiros de
Deus. Muito se pode fazer para restaurar a imagem moral de
Deus no homem, para melhorar as faculdades físicas,
mentais e morais. Grandes mudanças se podem operar no
organismo físico mediante obediência às leis de Deus e não
introduzindo no corpo coisa alguma que contamine. E se
bem que não possamos pretender a perfeição da carne,
podemos possuir perfeição cristã da alma. Mediante o

- 60 -
sacrifício feito em nosso favor, os pecados podem ser
perfeitamente perdoados.‖
Mensagens Escolhidas, Volume 2, 32

- 61 -
NOTAS

- 62 -
VITÓRIA SOBRE O PECADO
E PERFEIÇÃO DE CARÁTER

1. O que Jesus é capaz de fazer por nós?


Jesus é capaz de guardar-nos de cair e nos preservar
irrepreensíveis perante a presença de Deus. Judas 24

2. Que promessa Jesus fez aos que viveriam nos


últimos dias?
Jesus promete que poderão vencer assim como Ele venceu.
Apocalipse 3:21

3. O que precisamos vencer?


Quem é nascido de Deus vence o mundo. 1 João 5:4

4. Qual deve ser a experiência de cada cristão?


Paulo disse que o pecado não deveria ter domínio sobre o
cristão. Romanos 6:14

5. Que somos em Jesus?


Em Jesus nós somos mais que vencedores. Romanos 8:37

6. O que Jesus sempre nos leva a fazer?


Jesus sempre nos leva a triunfar. 2 Coríntios 2:14

7. De que a verdade nos libertará?


Jesus disse que a verdade nos fará livres do pecado. João
8:32, 34

8. O que Deus deseja escrever em nossas mentes?


Deus quer escrever a Sua Lei em nossas mentes. Hebreus
10:17

9. Qual é o certo resultado de esconder a Palavra de


Deus no coração?
Quando escondemos a Palavra de Deus em nossos corações,
teremos vitória sobre o pecado. Salmos 119:11

- 63 -
10.Que ilustração a Bíblia nos dá de uma vida vitoriosa
em Cristo?
Pedro andando sobre as águas é um exemplo de como um
homem pode viver uma vida vitoriosa e sem pecado.
Mateus 14:25-32

11.É possível obter a vitória até nos pensamentos?


Em Cristo podemos levar cativo todo o entendimento à
obediência de Cristo. 2 Coríntios 10:5

12.Existem exemplos na Bíblia de homens que foram


perfeitos em suas esferas?
a. Noé foi considerado perfeito. Gênesis 6:9
b. O coração do rei Asa foi perfeito para com o Senhor. 1
Reis 15:14
c. Jó foi considerado perfeito. Jó 1:1, 8; 2:3

13.Que disse Deus a Israel?


Deus exorta Seus filhos a serem perfeitos como Ele é
perfeito. Deuteronômio 18:13

14.Que norma Deus colocou diante de Abraão?


O Senhor chamou Abraão a ser perfeito. Gênesis 17:1

15.Que alvo colocou Salomão diante do povo de Deus?


Salomão apresentou o alvo da perfeição para os israelitas.
1 Reis 8:61

16.O homem perfeito se considera perfeito?


Jó não se considerou um homem perfeito. Jó 9:19-21

17.Quem nos faz perfeitos?


É Deus que aperfeiçoa o nosso caminho. Salmos 18:32

18.Que ensinou Jesus acerca da perfeição?


Jesus apresentou para Seus seguidores o alvo da perfeição
como uma meta atingível. Mateus 5:48; 19:21

- 64 -
19.Que ensinou Paulo acerca da perfeição?
Paulo apresentou para seus conversos o alvo da perfeição e
maturidade de caráter. Filipenses 3:12, Colossenses
1:28, 2 Timóteo 3:17 e Efésios 4:13

20.Que ensinou Tiago acerca da perfeição?


Tiago apresenta o alvo da perfeição de caráter para o povo
de Deus. Tiago 1:2-4

21.Que ensinou Pedro acerca da perfeição?


O sofrimento desenvolve em nós a perfeição de caráter. 1
Pedro 5:10

22.Através de que ilustração Jesus ensinou a doutrina


da perfeição?
Jesus apresentou o conceito de perfeição através da
parábola do semeador. Marcos 4:26-29

Citações do Espírito de Profecia

―Podemos vencer. Sim, plena, inteiramente. Jesus morreu


para prover um meio de escape para nós, para que
possamos vencer o mau gênio, cada pecado, cada tentação e
nos assentarmos, afinal, com Ele.‖
Testemunhos para a Igreja, Volume 1, 144

―Se permanecerdes sob a bandeira ensangüentada do


Príncipe Emanuel, fazendo fielmente o Seu serviço, nunca
precisareis ceder à tentação; pois está ao vosso lado Alguém
capaz de guardar-vos de cair.‖
Manuscrito 8, 1899

―A influência do tentador não deve ser considerada desculpa


para qualquer má ação. Satanás rejubila quando ouve os
professos seguidores de Cristo apresentarem desculpas
quanto à sua deformidade de caráter. São essas escusas que
levam ao pecado. Não há desculpas para pecar. Uma santa

- 65 -
disposição, uma vida cristã, são acessíveis a todo filho de
Deus, arrependido e crente.‖
O Desejado de Todas as Nações 311

―Os que põem em Cristo a confiança, não devem ficar


escravizados por nenhuma tendência ou hábito hereditário,
ou cultivado. Em lugar de ficar subjugados em servidão à
natureza inferior, devem reger todo apetite e paixão. Deus
não nos deixou lutar com o mal em nossa própria, limitada
força. Sejam quais forem nossas tendências herdadas ou
cultivadas para o erro, podemos vencer, mediante o poder
que Ele nos está disposto a comunicar....‖
Conselhos Sobre Saúde 440

―Cristo prometeu que o Espírito Santo habitaria naqueles


que lutam pela vitória sobre o pecado, para demonstrar o
poder da força divina, dotando o instrumento humano de
poder sobrenatural, e instruindo o ignorante nos mistérios
do reino de Deus.‖
Obreiros Evangélicos 286

―Cristo veio à Terra e viveu uma vida de perfeita obediência,


para que homens e mulheres, por meio de Sua graça,
pudessem também viver vidas de perfeita obediência. Isso é
necessário para sua salvação.‖
Review and Herald, 15 de março de 1906

―Ele não veio salvar o homem no pecado, mas do pecado. E


todos que sentem a necessidade de um Salvador, e vão até
Ele crendo em Seu poder, obterão a vitória sobre o pecado.‖
Signs of the Times, 24 de fevereiro de 1898

―Não vos assenteis na poltrona de Satanás, dizendo que não


adianta, que não podeis deixar de pecar, que não há em vós
poder para vencer. Não há poder em vós, separados de
Cristo, mas tendes o privilégio de ter Cristo
permanentemente em vosso coração pela fé, e Ele pode
vencer o pecado em vós, quando com Ele cooperardes.‖
The Youth's Instructor, 29 de junho de 1893

- 66 -
―Todo aquele que, pela fé, obedece aos mandamentos,
alcançará o estado de impecabilidade no qual Adão viveu
antes de sua transgressão.‖
Signs of the Times, 23 de julho de 1902

―Cristo veio ao mundo para ser a garantia do homem, vencer


em seu favor, viver para ele uma vida sem pecado para que
em Seu poder o homem possa alcançar a vitória sobre o
pecado.‖
Signs of the Times, 26 de agosto de 1903

―Cada qual terá uma luta intensa para vencer o pecado no


próprio coração. Às vezes essa obra é muito penosa e
desanimadora; pois ao vermos os nossos defeitos de caráter,
pomo-nos a considerá-los, em vez de olhar para Jesus e
revestir-nos das vestes da Sua justiça. Todo aquele que
entrar na cidade de Deus pelas portas de pérola, fá-lo-á

como vencedor, e sua maior conquista terá sido a do próprio


eu.‖
Testemunhos para a Igreja, Volume 3, 381

―Requer-se obediência perfeita e aqueles que dizem que isso


não é possível, lançam sobre Deus a acusação de injustiça e
falsidade"
Manuscrito 148, 1899

―…os que esperam contemplar uma transformação mágica


em seu caráter sem resoluto esforço de sua parte, para
vencer o pecado, esses serão decepcionados.‖
Mensagens Escolhidas, Volume 1, 336

―Mediante o apreço do caráter de Cristo, por meio da


comunhão com Deus, o pecado se nos tornará aborrecível.‖
Desejado de Todas as Nações 668

―Cristo assumiu a humanidade e suportou o ódio do mundo


para que pudesse mostrar aos homens e mulheres que eles

- 67 -
podiam viver sem pecado, que suas palavras, suas ações, seu
espírito podiam ser santificados a Deus. Podemos ser
cristãos perfeitos se manifestarmos em nossa vida esse
poder.‖
Mente, Caráter, e Personalidade, Volume 2, 527

―Nossa obra é procurar alcançar em nossa esfera de ação a


perfeição que Cristo alcançou em Sua vida terrena, em cada
aspecto de Sua personalidade. Ele é nosso exemplo. Em
todas as coisas devemos procurar honrar a Deus em caráter.
O ficar diariamente aquém dos reclamos divinos constitui
perigo para a salvação de nossa alma. Precisamos
compreender e apreciar o privilégio de que Cristo nos
investe, e mostrar nossa determinação de alcançar a mais
elevada norma. Devemos confiar inteiramente no poder que
Ele nos prometeu dar.‖
Medicina e Salvação 253

―A ordem: ‗Portanto, sede vós perfeitos como perfeito é o


vosso Pai celeste‘, (Mat. 5:48) nunca teria sido dada se não
houvessem sido tomadas todas as providências pelas quais
pudéssemos tornar-nos tão perfeitos em nossa esfera como
Deus é na Sua.‖
Exaltai-O 124

―Nossa vida pode ser perfeita em cada estágio de seu


desenvolvimento; contudo, se o propósito de Deus para
conosco se cumpre, haverá constante progresso.‖
Orientação da Criança 162

―Deus nos convida a alcançarmos a norma da perfeição, e


põe diante de nós o exemplo do caráter de Cristo. O
Salvador mostrou, por meio de Sua humanidade consumada
por uma vida de constante resistência ao mal, que, com a
cooperação da Divindade, podem os seres humanos alcançar
nesta vida a perfeição de caráter. Esta é a certeza que Deus
nos dá de que também nós podemos alcançar a vitória
completa.‖
Atos dos Apóstolos 531

- 68 -
―Cristo, porém, não nos deu garantia alguma de que é fácil
alcançar perfeição de caráter. Não se herda caráter perfeito
e nobre. Não o recebemos por acaso. O caráter nobre é
ganho por esforço individual mediante os méritos e a graça
de Cristo. Deus dá os talentos e as faculdades mentais; nós
formamos o caráter. É formado por combates árduos e
relutantes com o próprio eu. As tendências herdadas devem
ser banidas por um conflito após outro. Devemos
esquadrinhar-nos detidamente e não permitir que
permaneça traço algum incorreto.‖
Parábolas de Jesus 331

―O ideal do caráter cristão é a semelhança com Cristo.


Diante de nós abre-se uma senda de contínuo progresso.
Temos um objeto a alcançar, uma norma a atingir, que
incluem tudo que é puro, bom, nobre e elevado. Deve haver
contínuo esforço e constante progresso para a frente e para
cima, rumo à perfeição do caráter.‖
Conselhos aos Pais, Professores, e Estudantes 365

―Deus nos toma a mão da fé, e a leva a apoderar-se


firmemente da divindade de Cristo, a fim de atingirmos a
perfeição de caráter.‖
Conselhos Sobre o Regime Alimentar 153

- 69 -
NOTAS

- 70 -
ORAÇÃO, ESTUDO DA BÍBLIA
E SERVIÇO CRISTÃO

Oração
1. Que exemplo Jesus nos deu de oração?
Jesus tinha o hábito de levantar cedo de manhã para orar
num lugar deserto. Marcos 1:35

2. Em que momento do dia Davi orava a Deus?


Davi tinha o hábito de orar a Deus pela manhã. Salmos 5:3

3. Que costume tinha Abraão?


Abraão tinha um lugar especial onde ia ter comunhão com
Deus pela manhã. Gênesis 19:27

4. Em qual horário do dia Jó orava pelos filhos?


Jó levantava cedinho pela manhã para oferecer sacrifícios a
Deus e orar pelos filhos. Jó 1:5

5. Quantas vezes ao dia Daniel orava?


Daniel tinha o hábito de orar três vezes ao dia – de manhã, à
tarde e à noite. Daniel 6:10

6. Que disse o salmista Davi acerca de suas orações?


Davi orava pela manhã, pela tarde, e pela noite. Salmos
55:17

7. Segundo Davi, quando é o melhor tempo para


entregar nosso caminho a Deus?
Davi falou da importância de procurar a guia de Deus pela
manhã. Salmos 143:8

8. Deus quer nos despertar todas as manhãs para ouvir


o quê?
Deus nos desperta pela manhã para ouvir a Sua voz. Isaías
50:4

- 71 -
9. Que papel tem a oração na luta contra o pecado?
A oração é um escudo contra a tentação. Lucas 22:46

10.Por que a oração é importante na vida dos filhos de


Deus nos últimos dias?
Jesus admoestou a orar sempre a fim de resistir no tempo
de angústia. Lucas 21:36

11.Que conselho nos dá o apóstolo Paulo?


Paulo adverte a orar sem cessar. I Tessalonicenses 5:17

12.Que elemento chave é essencial na oração eficaz?


Precisamos orar com perseverança. Efésios 6:18

Estudo da Bíblia
1. Qual é a natureza da Palavra de Deus?
A Palavra de Deus é poderosa, penetrando ao ponto de
dividir alma e espírito. Hebreus 4:12

2. Que declarou Cristo acerca de Suas palavras?


As palavras de Jesus são espírito e vida. João 6:68

3. Como Jesus sustenta todas as coisas?


Pela palavra do Seu poder Jesus mantém todo o universo.
Hebreus 1:3

4. Qual é o agente através do qual Deus opera em nós


o novo nascimento?
Mediante a Palavra de Deus somos regenerados de semente
incorruptível. 1 Pedro 1:23

5. Existe uma relação entre a criação da luz no


princípio e a reprodução do caráter de Deus em nós?
A mesma palavra que ordenou que das trevas
resplandecesse luz, ilumina os nossos corações com o
conhecimento da glória de Deus. 2 Coríntios 4:6

- 72 -
6. Que poder tem a Palavra quando abrigada no
co r a çã o ?
Quando guardamos a Palavra de Deus no coração,
recebemos poder para não pecar contra Ele. Salmos
119:11; 17:4

7. Que podem as Escrituras fazer pelo que nelas crê?


As Escrituras podem nos tornar sábios para a salvação pela
fé. 2 Timóteo 3:15

Serviço Cristão
1. Que exemplo de abnegação Deus deu ao mundo?
Deus deu o Seu Filho unigênito. João 3:16

2. Como foi provada a dedicação de Abraão?


Abraão ofereceu Isaque, estando disposto a sacrificar o seu
filho unigênito. Hebreus 11:17

3. Para nos salvar, que fez Jesus?


Jesus entregou-Se a Si mesmo. Gálatas 1:4

4. Que fazia Jesus quando andava entre os homens?


Jesus andava por toda a parte, fazendo o bem. Atos 10:38

5. Ao enviar Jesus os Seus discípulos, que lhes disse?


―De graça recebestes, de graça dai.‖ Mateus 10:8

6. Que disse Jesus acerca daqueles que se dão?


―Mais bem-aventurado é dar que receber.‖ Atos 20:35

7. O que era a coroa de glória de Paulo?


A alegria de Paulo era ver o desenvolvimento e bem estar
espiritual daqueles a quem ministrava. 1 Tessalonicenses
2:19, 20

- 73 -
8. Que promessa é feita aos que trabalham por Cristo
de forma abnegada?
Os que com lágrimas semeiam, com júbilo ceifarão. Salmo
126:5

9. Que promessa é feita aos ganhadores de almas?


Os que conduzem muitas pessoas a Cristo resplandecerão
como as estrelas eternamente. Daniel 12:3

Citações do Espírito de Profecia

―A oração é a respiração da alma. É o segredo do poder


espiritual.‖
Mensagens aos Jovens 249

―Por vossas ferventes orações de fé podeis mover o braço


que move o mundo.‖
O Lar Adventista 264

―A oração da fé é a grande força do Cristão, e com toda a


certeza prevalecerá contra Satanás. Por isso é que ele
insinua que não temos necessidade de orar. O nome de
Jesus, nosso Advogado, ele detesta; e quando sinceramente
vamos ter com Ele em busca de auxílio, os exércitos de
Satanás se alarmam. O negligenciarmos o exercício da
oração serve bem ao seu propósito, pois então seus
prodígios de mentira são acolhidos mais depressa.‖
Testemunhos Para Igreja, Volume 1, 296

―A oração põe a alma em imediato contato com a Fonte da


vida, e fortalece os nervos e músculos da vida religiosa.
Negligencia o exercício da oração, ou a ela vos dediqueis de
quando em quando, com intermitências, segundo pareça
conveniente, e perdereis vossa firmeza em Deus. As
faculdades espirituais perdem sua vitalidade, a experiência
religiosa carece de saúde e vigor.‖
Obreiros Evangélicos 255

- 74 -
―Orai muito. A oração é a vida da alma. A oração da fé é
arma pela qual podemos resistir com êxito a todo assalto do
inimigo.‖
Mensagens Escolhidas, Volume 1, 88

―O homem está cativo de Satanás e está naturalmente


inclinado a seguir suas sugestões e fazer sua vontade. Ele
não tem nele mesmo nenhum poder para opor-se a uma
resistência efetiva ao mal. É apenas quando Cristo habita
nele pela fé viva, influenciando seus desejos e o fortalecendo
com força do alto, que o homem pode aventurar-se a
enfrentar um inimigo tão terrível. Todos os outros recursos
defendidos são totalmente vãos. É apenas através de Cristo
que o poder de Satanás é limitado. Esta é uma verdade
momentânea que todos deveriam entender. Satanás está
ocupado a todo momento, vai de um lado para outro,
andando pra cima e pra baixo na terra, procurando a quem
ele possa devorar. Mas a oração mais sincera de fé frustrará
seus maiores esforços. Então tomai o ‗o escudo da fé,‘
irmãos, ‗com o qual podereis apagar todos os dardos
inflamados do maligno.‘‖
Testemunhos para Igreja, Volume 5, 294

―A oração é o abrir o coração a Deus como a um amigo. Não


que seja necessário, a fim de tornar conhecido a Deus o que
somos; mas sim para nos habilitar a recebê-Lo. A oração
não faz Deus baixar a nós, mas eleva-nos a Ele.‖
Caminho a Cristo 93

―A oração de fé é a chave que abre o tesouro do Céu. Ao


entregarmos nossas almas a Deus, lembremo-nos que Ele
mesmo ficou responsável por ouvir e responder nossas
petições. Nos convida a irmos a Ele, e Ele nos concede Suas
melhores escolhas e dons—dons que supre nossa grande
necessidade. Ele ama nos ajudar. Confiemos em Sua
sabedoria e no Seu poder. Oh que fé deveríamos ter! Oh que
paz e consolo nós deveríamos gozar‖
Manuscript Releases, Volume 8, 196

- 75 -
―A alma que permanece na pura atmosfera dos pensamentos
santos, é transformada pela comunicação com Deus por
meio do estudo de Sua Palavra.‖
Minha Consagração Hoje 262

―Ao procurarmos, mediante a Santa Palavra, tornar-nos


familiarizados com nosso Pai celestial, anjos se aproximarão
de nós, nossa mente será fortalecida, nosso caráter elevado e
enobrecido, e seremos mais semelhantes ao Salvador.‖
Conselhos Sobre a Escola Sabatina 40

―A Bíblia é o grande instrumento nas mãos de seu Autor


para fortalecer o intelecto. Ela franqueia o jardim da mente
para o cultivo do Lavrador celestial.‖
Fundamentos da Educação Cristã 111

―Nada há melhor calculado para dar vigor à mente e


fortalecer o intelecto do que o estudo da Palavra de Deus.
Nenhum outro livro é tão poderoso para elevar os
pensamentos, para dar vigor às faculdades, como as amplas
e enobrecedoras verdades da Bíblia. Se a Palavra de Deus
fosse estudada como deveria ser, os homens teriam uma
amplidão mental, uma nobreza de caráter, e uma
estabilidade de propósitos que raramente se vêem nestes
tempos.‖
Conselhos aos Pais, Professores e Estudantes 460

―Tão depressa uma pessoa se chegue para Cristo, nasce-lhe


no coração o desejo de revelar aos outros que precioso
amigo encontrou em Jesus; a salvadora e santificante
verdade não lhe pode ficar encerrada no coração. Se nos
achamos revestidos da justiça de Cristo, e cheios da alegria
proveniente da habitação de Seu Espírito em nós, não nos
será possível calar-nos. Se provamos e vimos que o Senhor é
bom, teremos alguma coisa a dizer....E o esforço no sentido
de abençoar aos outros reverterá em bênçãos para nós
mesmos. Foi este o propósito de Deus dando-nos uma parte
a desempenhar no plano da redenção.‖
A Maravilhosa Graça de Deus 303

- 76 -
―A igreja que trabalha, é igreja que progride. Os membros
encontram estímulo e tônico em ajudar a outros. Li a
história de um homem que, viajando num dia de inverno
através de grandes montes de neve, ficou entorpecido pelo
frio, o qual ia quase imperceptivelmente congelando-lhe as
forças vitais. Estava enregelado, quase a morrer, e prestes a
abandonar a luta pela vida, quando ouviu os gemidos de um
companheiro de viagem, também a perecer de frio.
Despertou-se-lhe a compaixão, e decidiu salvá-lo.
Friccionando os membros enregelados do infeliz homem,
conseguiu, depois de consideráveis esforços, pô-lo de pé.
Como o coitado não se pudesse suster, conduziu-o
compassivamente nos braços através dos mesmos montões
que supusera nunca poder transpor sozinho. Havendo
conduzido o companheiro de viagem a lugar seguro,
penetrou-lhe de súbito no espírito a verdade de que,
salvando seu semelhante, salvara-se a si mesmo. Seus
fervorosos esforços para ajudar a outro, estimularam-lhe o
sangue prestes a congelar nas veias, comunicando saudável
calor aos membros. Essa lição de que, em auxiliar os outros
nós mesmos somos ajudados, deve ser acentuada
continuamente por preceito e exemplo perante nossos
crentes jovens, a fim de que possam conseguir os melhores
resultados em sua experiência cristã. Que as pessoas
desanimadas, dispostas a pensar que o caminho da vida
eterna é difícil e cheio de provações, se dediquem a ajudar
os outros. Esses esforços, aliados à oração em busca de luz
divina, hão de fazer com que o próprio coração vibre com a
vivificante influência da graça de Deus, e suas afeições se
inflamem de mais divino fervor. Toda a sua vida cristã se
tornará mais real, mais zelosa, mais rica de oração.‖
Obreiros Evangélicos 198

―Muitos estão em trevas. Perderam seu rumo. Não sabem


que procedimento adotar. Procurem os que estão em
perplexidade outros nessas condições e dirijam-lhes
palavras de esperança e animação. Ao começarem a fazer
este trabalho, a luz do Céu revelar-lhes-á a senda que devem

- 77 -
seguir. Por suas palavras de consolação aos aflitos, eles
mesmos serão consolados. Ajudando a outrem, eles mesmos
serão ajudados a sair de suas dificuldades. A alegria toma o
lugar das sombras e tristezas. O coração, pleno do Espírito
de Deus, brilha com calor intenso para com todos os seres
semelhantes. Cada um desses não permanece mais em
trevas; pois sua ‗escuridão‘ será ‗como o meio-dia‘.‖
Mente, Caráter e Personalidade, Volume 2, 431, 432

―É na prática das obras de Cristo, ministrando como Ele


ministrou aos aflitos e sofredores, que formamos caráter
cristão. É para nosso bem que Deus nos chamou para a
prática da abnegação por amor de Cristo, para levarmos a
cruz, para trabalharmos e nos sacrificarmos a fim de buscar
e salvar o que se havia perdido. Este é o processo de
refinação do Senhor, pelo qual Ele refina o material de má
qualidade a fim de que os preciosos traços de caráter que
estavam em Cristo Jesus possam aparecer no crente. ... Pela
graça de Cristo nossos esforços para abençoar a outros não
são apenas os meios de nosso crescimento na graça, mas
darão realce a nossa futura felicidade eterna. Aos que têm
sido coobreiros de Cristo, se dirá: ‗Bem está, servo bom e
fiel. Sobre o pouco foste fiel, sobre muito te colocarei.‘ Mat.
25.21.‖
Review and Herald, 27 de junho de 1893

―Nós venceremos ajudando os outros a vencerem, pelo


sangue do cordeiro e pela palavra do nosso testemunho.‖
SDA Bible Commentary, Volume 7, 974

―Uma pessoa enfraquecida, e mesmo degradada por


condescendências pecaminosas, pode tornar-se filha de
Deus. Está em seu poder fazer constantemente bem aos
outros, e ajudá-los a vencer a tentação; e assim fazendo,
colherá benefício para si mesma.‖
Temperança 117

- 78 -
NOTAS

- 79 -
ACEITAÇÃO COM DEUS

1. Que privilégio tem nos concedido o Pai?


O Pai nos concedeu a benção de sermos chamados filhos de
Deus. 1 João 3:1

2. De que maneira unicamente se torna um pecador


filho de Deus?
Aos caídos filhos de Adão a única esperança de ser filho de
Deus é mediante a fé. Gálatas 3:26

3. Como Paulo descreve os filhos de Deus?


Os filhos de Deus são guiados pelo Seus Espírito, e não pela
carne. Romanos 8:14

4. Como que a Bíblia se refere aos seres celestiais não


caídos?
Representantes de mundos não caídos são chamados de
―filhos de Deus‖. Jó 1:6

5. Aos que recebem a Jesus como Salvador pessoal,


poder é concedido para quê?
Deus dará poder não somente para serem chamados filhos
de Deus, mas serem feitos filhos de Deus, aos que crêem em
Seu nome. João 1:12

6. Que disse Jesus a homens religiosos que não


aceitaram a Jesus como Salvador pessoal?
―Vós tendes por pai ao diabo.‖ João 8:44

7. O que tornou possível uma reconciliação entre Deus


e o homem pecador?
A morte de Jesus possibilitou que inimigos fossem
reconciliados com Deus. Romanos 5:10

- 80 -
8. Reconciliando o homem consigo mesmo, que
atitude tomou Deus para com Ele?
Deus não imputa aos homens as suas transgressões.
2 Coríntios 5:19

9. Que tornou para Deus possível tratar assim os que


eram inimigos, e não filhos?
O Senhor fez cair sobre Jesus a iniqüidade de nós todos.
Isaías 53:6

10.Qual é o grande desígnio de Cristo em Sua obra de


reconciliação?
Apresentar perante Deus santos, inculpáveis e
irrepreensíveis aqueles que são apenas chamados filhos.
Colossenses 1:21, 22

11.Quem é agradável a Deus?


Aquele que em qualquer nação teme a Deus e faz o que é
justo aos Seus olhos Lhe é agradável. Atos 10:35

12.A que conclusão podemos chegar baseado na


pergunta que Deus fez a Caim?
Deus nos aceitará se fizermos o bem. Gênesis 4:7

Citações do Espírito de Profecia

―A intuição de necessidade, o reconhecimento de nossa


pobreza e pecado, é a primeira condição para sermos aceitos
por Deus.‖
Parábolas de Jesus 152

―A condição de nossa aceitação para com Deus é uma


separação prática do mundo.‖
Conselhos Sobre Sáude 51

- 81 -
―Se atendemos ainda à iniqüidade em nosso coração, se nos
apegarmos a algum pecado consciente, o Senhor não nos
ouvirá; mas a oração da alma penitente e contrita será
sempre aceita. Depois de termos reparado todas as faltas de
que temos consciência, poderemos crer que Deus atenderá
às nossas petições. Nossos próprios méritos jamais nos
recomendarão ao favor de Deus; é o mérito de Cristo que
nos salvará, Seu sangue é que nos purificará; nós, porém,
temos uma obra a fazer para cumprir as condições da
aceitação.‖
Caminho a Cristo 95, 96

―Nenhuma beleza exterior pode recomendar a alma a Deus.


A sabedoria e a excelência reveladas no caráter e
comportamento exprimem a verdadeira beleza do homem; e
é o valor íntimo, a excelência do coração o que determina
nossa aceitação por parte do Senhor dos exércitos.‖
Patriarcas e Profetas 638

―Nada podemos fazer, absolutamente nada, para nos


recomendar ao favor divino. Não devemos absolutamente
confiar em nós mesmos nem em nossas boas obras; mas
quando, como seres erradios e pecadores, nos chegamos a
Cristo, encontramos descanso em Seu amor. Deus aceitará a
cada um dos que se chegam a Ele, confiando inteiramente
nos méritos de um Salvador crucificado. Brota o amor no
coração. Pode não haver êxtase de sentimentos, mas haverá
uma duradoura e pacífica confiança.‖
Mensagens Escolhidas, Vol. 1, 353, 354

―As condições para se alcançar misericórdia de Deus são


simples e razoáveis. O Senhor não requer que façamos
alguma coisa penosa para alcançarmos perdão. Não
precisamos fazer longas e exaustivas peregrinações ou
praticar dolorosas penitências para encomendar nossa alma
ao Deus do Céu ou expiar nossa transgressão. Aquele que
‗confessa e deixa‘ os seus pecados ‗alcançará misericórdia‘.
Prov. 28:13.‖
Atos dos Apóstolos 552

- 82 -
NOTAS

- 83 -
A NATUREZA DO PECADO

1. O que a Bíblia ensina acerca de condenação e culpa?


A condenação vem ao homem quando ele recebe a luz e
escolhe as trevas. João 3:19

2. O que trouxe culpa aos fariseus nos dias de Jesus?


Jesus disse aos fariseus que se fossem cegos ou ignorantes,
não teriam pecado, ou não seriam condenados, mas pelo
fato deles verem, seus pecados permaneciam. João 9:41

3. O que faz com que o homem fique sem desculpas


por seus pecados?
Pelo fato de Jesus ter vindo e falado aos judeus, eles não
tinham desculpas para os seus pecados. João 15:22

4. Como Deus trata os tempos da ignorância de uma


pessoa?
O tempo de ignorância Deus não leva em conta, mas quando
a verdade vem, Ele chama os homens ao arrependimento.
Atos 17:30

5. O que revela o apóstolo Tiago acerca da natureza do


pecado?
Aquele que sabe fazer o certo e não o faz, esse comete
pecado. Tiago 4:17

6. O que é nos ensinado acerca de pecado e culpa na


experiência dos israelitas que saíram do Egito?
Os filhos dos que deixaram o Egito não foram condenados
pela rebelião dos pais no deserto, mas foram autorizados a
entrar na Terra Prometida, porque eles não sabiam a
diferença entre o bem e o mal. Deuteronômio 1:39

7. Os filhos são condenados pelos pecados dos pais?


Os filhos não levam os pecados dos pais, mas cada um leva
os seus próprios pecados. Ezequiel 18:2-4, 20

- 84 -
8. Que princípio importante Jesus ensinou acerca de
responsabilidade individual?
A qualquer que muito for dado, muito se lhe pedirá. Lucas
12:48

9. Existem graus de responsabilidade de acordo com a


luz que uma pessoa recebe?
Jesus ensinou que há graus de responsabilidades, de acordo
com as oportunidades e privilégios. Mateus 11:20-24

10.O que Deus levará em conta quando julgar uma


pessoa?
Deus levará em consideração as circunstâncias que giraram
em torno do nascimento de uma pessoa. Salmos 87:4-6

Citações do Espírito de Profecia

―É inevitável que os filhos sofram as conseqüências das más


ações dos pais, mas não são castigados pela culpa deles, a
não ser que participem de seus pecados. Dá-se, entretanto,
em geral o caso de os filhos andarem nas pegadas de seus
pais. Por herança e exemplo os filhos se tornam
participantes do pecado do pai. Más tendências, apetites
pervertidos e moral vil, assim como enfermidades físicas e
degeneração, são transmitidos como um legado de pai a
filho, até a terceira e quarta geração.‖
Patriarcas e Profetas 306

―Todos serão julgados de acordo com a luz que tem sido


dada.‖
Atos dos Apóstolos 232

―Todos serão julgados de acordo com a luz que resplandeceu


sobre eles. Se tiveram luz sobre o sábado, eles não podem
ser salvos ao rejeitarem esta luz. Mas ninguém será
considerado responsável pela luz que nunca receberam.‖
Historical Sketches 234

- 85 -
―Alguns terão menos luz do que outros, mas cada um será
julgado de acordo com a luz recebida.‖
Eventos Finais 217

―Se a luz brilha e é posta de lado ou rejeitada, então vêm a


condenação e o desagrado de Deus; mas, antes que refulja a
luz, não há pecado, pois não há luz para o homem rejeitar.‖
Testemunhos para a Igreja, Volume 1, 116

―A luz manifesta e condena os erros que se ocultavam nas


trevas; e, ao chegar a luz, a vida e o caráter dos homens
devem mudar correspondentemente, para com ela se
harmonizarem. Pecados que eram outrora cometidos por
ignorância, devido à cegueira do espírito, já não podem

continuar a merecer condescendência sem que se incorra


em culpa.‖
Obreiros Evangélicos 162

―Ninguém será condenado por não fazer caso da luz e do


conhecimento que nunca teve, e não pode obter. Muitos,
porém, recusam obedecer à verdade que lhes é apresentada
pelos embaixadores de Cristo, porque desejam acomodar-se
aos padrões do mundo, e a verdade que tem alcançado o seu
entendimento, e a luz que tem resplandecido na alma,
condená-los-á no juízo. Os que têm a oportunidade de ouvir
a verdade, mas não se esforçam para ouvi-la e entendê-la,
pensando que, se não a ouvirem não serão responsáveis,
serão considerados culpados diante de Deus, como se a
tivessem ouvido e rejeitado. Não haverá desculpas para os
que preferem continuar no erro, quando poderiam
compreender o que é a verdade. Em Seus sofrimentos e
morte, Jesus fez expiação por todos os pecados de
ignorância, mas não foi tomada nenhuma providência para
a cegueira voluntária. Não seremos considerados
responsáveis pela luz que não atingiu nossa percepção, mas
pela luz a que resistimos e que rejeitamos. Um homem não
poderia compreender a verdade que nunca lhe foi

- 86 -
apresentada, e não pode, portanto, ser condenado pela luz
que nunca teve.‖
SDA Bible Commentary, Volume 5, 1145

―Todos serão julgados de acordo com os privilégios que


tiveram, e a luz e os benefícios concedidos.‖
Spirit of Prophecy, Volume 1, 313

―O pecado de proferir más palavras começa com o nutrir


maus pensamentos... Um pensamento impuro tolerado, um
desejo não santificado acariciado, e a alma se contamina e
compromete sua integridade.‖
Testemunhos para a Igreja, Volume 5, 177

―Oh, que o povo de Deus possa considerar sua superior


vantagem, e compreender à luz da Palavra de Deus que nós
devemos ser julgados de acordo com a luz que resplandeceu
em nosso caminho. Todos os privilégios e oportunidades de
Deus dado a nós são para o propósito de nos tornar homens
e mulheres. O povo de Deus deve agir sobre um princípio
estabelecido, tornando seu princípio-base a busca do reino
de Deus e Sua justiça, e então avançar de uma luz para outra
ainda maior.‖
Este Dia com Deus 48

- 87 -
NOTAS

- 88 -
QUANDO A TENTAÇÃO GERA O PECADO

1. Que recompensa receberá aquele que suportar a


tentação?
A recompensa de resistir à tentação é a coroa da vida. Tiago
1:12

2. É Deus que tenta o homem?


Deus não tenta a ninguém. Tiago 1:13

3. Em que consiste a tentação do homem?


O homem é tentado quando atraído pelos próprios desejos.
Tiago 1:14

4. Em que momento o pecado ocorre?


O desejo dá luz ao pecado quando o homem escolhe pecar.
Tiago 1:15

5. Que prova existe na Bíblia que a tentação não é


pecado?
A Bíblia afirma que Jesus foi tentado, entretanto Ele nunca
pecou. Mateus 4:1 e 2 Coríntios 5:21

6. Jesus foi engodado, ou atraído, por um desejo?


Jesus foi tentado, quando sentiu fome, a transformar a
pedra em pão. Mateus 4:2, 3

7. Até que ponto Jesus foi tentado como nós somos?


Jesus foi em todos os pontos tentado como nós somos.
Hebreus 4:15

8. Sendo que foi tentado como nós somos, o que Jesus


é capaz de fazer?
Pelo fato de Jesus ter sido tentado assim como nós o somos,
Ele é capaz de nos socorrer quando somos tentados.
Hebreus 2:18

- 89 -
9. O que sabe o Senhor fazer pelos piedosos?
O Senhor sabe como livrar os piedosos da tentação.
2 Pedro 2:9

10. Existe alguma tentação sobre a qual Deus não pode


conceder vitória?
O Senhor não nos deixará tentar acima do que podemos,
mas com a tentação nos dá o escape. I Coríntios 10:13

Citações do Espírito de Profecia

―Há pensamentos e sentimentos sugeridos e despertados


por Satanás, os quais molestam mesmo o melhor dos
homens; mas se eles não são acalentados, se são repelidos
como odiosos, a mente não se mancha com culpa, e
nenhuma outra pessoa é desonrada por sua influência.‖
Review and Herald, 27 de março de 1888

―Nenhum homem pode ser forçado a transgredir. É preciso


primeiro obter seu próprio consentimento; a alma tem de
propor-se a praticar o ato pecaminoso, antes de a paixão
poder dominar a razão, ou a iniqüidade triunfar sobre a
consciência. A tentação, por forte que seja, nunca é desculpa
para o pecado.‖
Mensagem aos Jovens 67

―Através de fé e oração todos podem satisfazer as exigências


do evangelho. Nenhum homem pode ser forçado a
transgredir. Seu próprio consentimento deve primeiramente
ser ganho; a alma deve propor-se ao ato pecaminoso antes
que a paixão possa dominar sobre a razão ou a iniqüidade
triunfar sobre a consciência. A tentação, por forte que seja,
nunca é desculpa para o pecado.‖
Testemunhos para Igreja, Volume 5, 177

―Em todos os séculos, as tentações mais atraentes à natureza


têm sido mais bem-sucedidas em corromper e degradar a
humanidade.‖
Desejado de Todas as Nações 122

- 90 -
―Satanás não entra imediatamente com suas tentações a
descoberto. Disfarça-as com um aspecto de bem.‖
Mensagens aos Jovens 83

―O conhecer-se a si mesmo salvará a muitos de cair em


graves tentações, e evitará muitas inglórias derrotas.‖
Obreiros Evangélicos 276

―Jesus está familiarizado com todas as fraquezas da


natureza humana e, se Lhe rogarem, dará forças para vencer
as mais poderosas tentações.‖
Orientação da Criança 467

―As três principais tentações pelas quais o homem é


assaltado foram resistidas pelo Filho de Deus. Ele recusava
render-Se ao inimigo neste ponto do apetite, ambição, e o
amor ao mundo. Mas Satanás é mais bem sucedido quando
ataca o coração humano. Por induzir os homens a se
renderem às suas tentações, ele pode controlá-los. E através
de nenhuma espécie de tentações ele consegue maior êxito
do que por meio daquelas destinadas ao apetite. Se ele
puder controlar o apetite, ele pode controlar o homem
todo.‖
Temperança 276

―Jamais podemos confiar seguramente em nós mesmos ou


sentir, aquém do Céu, que estamos livres da tentação.‖
Parábolas de Jesus 155

―Satanás é um trabalhador muito diligente, e não se cansa


em inventar maneiras de corromper todo espírito que se
abre às suas insinuações. Ele enfrenta famílias e indivíduos
em seu terreno, adaptando as tentações às suas inclinações e
debilidades.‖
Fundamentos da Fé Cristã 423

―As tentações muitas vezes parecem irresistíveis porque,


pela negligência da oração e estudo da Bíblia, o que é

- 91 -
tentado não pode facilmente lembrar-se das promessas de
Deus e enfrentar Satanás com as armas das Escrituras.‖
O Grande Conflito 600

―Temos todavia uma obra a fazer a fim de resistirmos à


tentação. Aqueles que não querem ser presa dos ardis de
Satanás devem bem guardar as entradas da alma; devem
evitar ler, ver ou ouvir aquilo que sugira pensamentos
impuros. A mente não deve ser deixada a divagar ao acaso
em todo o assunto que o adversário das almas possa
sugerir.‖
Patriarcas e Profetas 460

- 92 -
NOTAS

- 93 -
A REIVINDICAÇÃO DO CARÁTER DE DEUS NA
ÚLTIMA GERAÇÃO
1. A que elevada vocação todo cristão genuíno é
chamado?
Assim como Jesus foi um Agente para a revelação do Pai,
assim os cristãos devem ser meios para a revelação de
Cristo. João 17:18

2. Como Jesus descreve a condição que determinaria o


fim do mundo?
Quando o fruto do caráter de Jesus se mostra maduro na
experiência dos que professam fé em Deus, a ceifa ocorre.
Marcos 4:29

3. Como João descreve o cumprimento do princípio da


ceifa?
Quando a seara da Terra está madura, Cristo regressará
para segar. Apocalipse 14:14-16

4. Que declaração é feita acerca dos fiéis nos últimos


d i a s?
Deus terá um povo em cuja boca não será encontrado o
engano, e que será irrepreensível diante dEle. Apocalipse
14:5

5. O que faz Satanás diante de Deus?


Satanás acusa os professos seguidores de Cristo.
Apocalipse 12:10

6. Para que Satanás aponta quando nos acusa, e que


Jesus faz quando somos acusados?
Satanás nos acusa diante de Deus devido às nossas vestes
sujas, e Jesus nos defende como Advogado. Zacarias 3:1-5
e 1 João 2: 1

- 94 -
7. Jesus sempre nos defenderá a despeito de nosso
desempenho?
Qualquer que negar a Jesus diante dos homens deixará de
tê-Lo intercedendo por ele diante do Seu Pai. Mateus
10:33

8. Jesus confessará o nome de quem diante do Pai e


dos anjos?
O que vencer será defendido por Jesus quando acusado por
Satanás. Apocalipse 3:5

9. Que exemplo na história bíblica temos desse conflito


que gira em torno das almas que se apegam a Cristo
pela fé?
Quando Moisés morreu, o diabo disputou com Deus acerca
de seu direito de reclamá-lo como seu devido ao pecado que
cometeu. Judas 9

10.Que acusação trouxe Satanás a Deus acerca de Seu


servo Jó?
Satanás argumentou que Jó não servia a Deus por amor,
mas sim por egoísmo. Jó 1:7-11

11.Como foi o nome de Deus reivindicado na


experiência de Jó?
Jó não pecou quando severamente provado pelo inimigo,
demonstrando assim a autenticidade de sua fé. Jó 1:22

12.Que outro exemplo bíblico temos de um homem que


reivindicou o caráter de Deus diante do universo
expectador?
Quando Abraão demonstrou uma inabalável confiança em
Deus, seres não caídos puderam constatar que um homem
caído pode ser completamente restaurado à imagem do
Criador. Gênesis 22:12

13.Que característica distinguirá o povo de Deus nesta


última geração?
Deus apontará para a última geração, e dirá: ―Aqui está a

- 95 -
paciência dos santos; aqui estão os que guardam os
mandamentos de Deus e a fé de Jesus.‖ Apocalipse 14:12

Citações do Espírito de Profecia

―Quando o caráter de Cristo se reproduzir perfeitamente em


Seu povo, então virá para reclamá-los como Seus.‖
Parábolas de Jesus 69

―A própria imagem de Deus tem de ser reproduzida na


humanidade. A honra de Deus, a honra de Cristo, acha-se
envolvida no aperfeiçoamento do caráter de Seu povo.‖
O Desejado de Todas as Nações 671

―Quando os que professam servir a Deus seguirem o


exemplo de Cristo, praticando na vida diária os princípios
da lei, quando todos os seus atos testemunharem de que
amam a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a si
mesmos, então a igreja terá o poder de abalar o mundo.‖
Parábolas de Jesus 340

―Deus requer de Seus filhos perfeição. Sua lei é um


transcrito de Seu caráter, e é o padrão de todo caráter. Essa
norma infinita é apresentada a todos, para que não haja má
compreensão no tocante à espécie de homens que Deus quer
ter para compor o Seu reino. A vida de Cristo na Terra foi
uma expressão perfeita da lei de Deus, e quando os que
professam ser Seus filhos receberem caráter semelhante ao
de Cristo, obedecerão aos mandamentos de Deus. Então o
Senhor pode contá-los com toda a confiança entre os que
formarão a família do Céu.‖
Parábolas de Jesus 315

―Através do plano da salvação há de realizar-se um desígnio


mesmo mais vasto do que a salvação do homem e a
redenção da Terra. Mediante a revelação do caráter de Deus
em Cristo, seria manifesta perante o Universo a beneficência

- 96 -
do governo divino, refutada a acusação de Satanás,
esclarecidas a natureza e as conseqüências do pecado, e
demonstrada plenamente a perpetuidade da lei.‖
Para Conhecê-Lo 367

- 97 -
NOTAS

- 98 -
A PERFEITA OBEDIÊNCIA DE JESUS EM CARNE
PECAMINOSA

1. Segundo o apóstolo Paulo, o que é o mistério da


piedade?
O ―mistério da piedade‖ é a manifestação de Deus em carne.
1 Timóteo 3:16

2. O que ensina a Bíblia acerca da ascendência de


Jesus?
Jesus nasceu da descendência de Davi segundo a carne.
Romanos 1:3

3. Na semelhança de que carne Jesus veio?


Jesus veio na semelhança da carne do pecado.
Romanos 8:3

4. Até que ponto Jesus foi feito semelhante àqueles a


quem veio salvar?
Em todas as coisas Jesus foi feito semelhante aos Seus
irmãos. Hebreus 2:16, 17

5. O que fez Jesus quando assumiu a forma humana?


Jesus esvaziou-se a Si mesmo, ou seja, Ele velou Sua
divindade na humanidade quando veio à Terra.
Filipenses 2:7

6. Jesus usou Seu atributo de onisciência quando


esteve na Terra?
Jesus cresceu em sabedoria, e não sabia nem sequer o dia e
a hora de Sua vinda. Lucas 2:52 e Marcos 13:32

7. Quão dependente do Pai Jesus Se tornou quando


tomou a natureza humana?
Jesus viveu uma vida de total dependência, não podendo
fazer nada sem a ajuda do Pai. João 5:19, 30

- 99 -
8. A quem Jesus atribuiu o poder que operava nEle
para realizar as obras que fazia?
Jesus reconheceu que o Pai, habitando nEle, realizava as
obras. João 14:10

9. De que a humanidade de Jesus O fez sentir


necessidade?
Jesus sentiu a necessidade da oração. Lucas 6:12

10.Através de que recurso Jesus obteve a vitória


quando foi tentado?
Jesus venceu a tentação através da Palavra de Deus
escondida em Seu coração. Lucas 4:4, 8

11.Jesus estava sempre inclinado a fazer a vontade de


Seu Pai?
Jesus teve que negar Sua própria vontade quando ela se
encontrou em conflito com a do Pai. Mateus 26:39

12.Em que sentido Jesus foi um exemplo para os Seus


seguidores?
Jesus nos deixou um exemplo, provando que é possível a
humanidade caída vencer o pecado. I Pedro 2:21-23

Citações do Espírito de Profecia

Cristo, no ermo deserto, não se achava em posição tão


“C
favorável para resistir às tentações de Satanás, como Adão
quando foi tentado no Éden. O Filho de Deus humilhou-Se e
tomou a natureza humana, depois de haver a raça vagueado
quatro mil anos fora do Éden e do seu estado original de
pureza e retidão. O pecado tinha imposto seus terríveis
estigmas ao gênero humano, por séculos; e a
degenerescência física, mental, e moral prevalecia por toda a
família humana.‖
Mensagens Escolhidas, Volume 1, 267

- 100 -
―Satanás apontará o pecado de Adão como prova de que a lei
de Deus era injusta, e não podia ser obedecida. Cristo devia
redimir, em nossa humanidade, a falha de Adão. Quando
este fora vencido pelo tentador, entretanto, não tinha sobre
si nenhum dos efeitos do pecado. Encontrava-se na pujança
da perfeita varonilidade, possuindo o pleno vigor da mente e
do corpo. Achava-se circundado das glórias do Éden, e em
comunicação diária com seres celestiais. Não assim quanto a
Jesus, quando penetrou no deserto para medir-Se com
Satanás. Por quatro mil anos estivera a raça a decrescer em
forças físicas, vigor mental e moral; e Cristo tomou sobre Si
as fraquezas da humanidade degenerada. Unicamente assim
poderia salvar o homem das profundezas de sua
degradação.‖
O Desejado de Todas as Nações 117

―Tomando sobre Si a natureza humana em seu estado


decaído, Cristo não participou, no mínimo que fosse, do seu
pecado. Era sujeito às debilidades e fraquezas que atribulam
o homem, ‗para que se cumprisse o que for a dito pelo
profeta Isaías, que diz: Ele tomou sobre Si as nossas
enfermidades, e levou as nossas doenças‘ (Mat. 8:17). Ele foi
tocado com a sensação de nossas fraquezas, e em tudo foi
tentado como nós. E todavia não conheceu pecado.‖
Mensagens Escolhidas, Volume 1, 256

―Tenho recebido cartas, afirmando que Cristo não podia ter


tido a mesma natureza que o homem, pois nesse caso, teria
caído sob tentações semelhantes. Se não possuísse natureza
humana, não poderia ter sido exemplo nosso. Se não fosse
participante de nossa natureza, não poderia ter sido tentado
como o homem tem sido. Se não Lhe tivesse sido possível
ceder à tentação, não poderia ser nosso Auxiliador. Era uma
solene realidade esta de que Cristo veio para ferir as
batalhas como homem, em favor do homem. Sua tentação e
vitória nos dizem que a humanidade deve copiar o Modelo;
deve o homem tornar-se participante da natureza divina.‖
Mensagens Escolhidas, Volume 1, 408

- 101 -
―Jesus também lhes disse [aos santos anjos] que teriam
uma parte a desempenhar – estar com Ele, e fortalecê-Lo
em várias ocasiões. Que Ele tomaria a natureza decaída do
homem…‖
Primeiros Escritos 150

―Embora não houvesse nenhuma mancha de pecado em Seu


caráter, Ele condescendeu em ligar nossa decaída natureza
humana com a Sua divindade. Tomando assim a natureza
humana, Ele honrou a humanidade. Tendo assumido nossa
natureza decaída, Ele demonstrou o que ela poderia tornar-
se pela aceitação da ampla provisão que fizera para ela e
tornando-se participante da natureza divina.‖
Mensagens Escolhidas, Volume 3, 134

―Ele tomou sobre Sua natureza sem pecado a nossa


pecaminosa natureza, para saber como socorrer os que são
tentados.‖
Medicina e Salvação 181

―Vestido nos trajes da humanidade, o Filho de Deus veio


para o nível daqueles que Ele queria salvar. NEle não havia
engano ou propensão para o pecado; Ele era sempre puro e
imaculado; mesmo ao tomar sobre Si nossa natureza
pecaminosa. Vestindo Sua divindade com a humanidade,
que Ele pôde associar-Se com a humanidade caída; Ele
procurou recuperar para o homem aquilo que, através da
desobediência, Adão tinha perdido para si e para o mundo.‖
The Review and Herald, 15 de dezembro, 1896

―Jesus abençou crianças que possuiam semelhantes paixões


com as dEle.‖
Signs of the Times, 9 de abril, 1896

―O Filho de Deus, em Sua humanidade, lutou com as


mesmas cruéis, aparentemente esmagadoras tentações que
assediam os homens - tentações para condescender com o
apetite, a se aventurarem presunçosamente aonde Deus os
não conduziu, e darem culto ao deus deste mundo,

- 102 -
sacrificarem uma eternidade de bem-aventurança pelos
fascinantes prazeres desta vida. Cada um será tentado, mas
a Palavra declara que não seremos tentados acima do que
podemos suportar. Podemos resistir e derrotar o astuto
inimigo.‖
Mensagens Escolhidas, Volume 1, 95

―Sua divindade estava oculta. Ele venceu em a natureza


humana, confiando em Deus para receber poder.‖
Youth´s Instructor, 25 de abril de 1901

―A Majestade do Céu empreendeu a causa do homem e, com


os mesmos recursos que o homem pode alcançar, resistiu às
tentações de Satanás, como o homem tem de a elas resistir.
Esta era a única maneira em que o homem caído podia
tornar-se participante da natureza divina. Tomando sobre Si
a natureza humana, Cristo Se achou habilitado a
compreender as provas e tristezas do homem, e todas as
tentações que o rodeiam. Anjos, que não conheciam o
pecado, não podiam simpatizar com o homem em suas
provações peculiares. Cristo condescendeu em tomar a
natureza do homem, e como nós em tudo foi tentado, a fim
de que soubesse como socorrer a todos os tentados.‖
Mensagens Escolhidas, Volume 1, 252

―Sempre devemos ser gratos porque Jesus provou para nós,


por fatos concretos, que o homem pode guardar os
mandamentos de Deus, contradizendo a falsidade de
Satanás de que o homem não pode guardá-los. O Grande
Mestre veio ao nosso mundo para estar à frente da
humanidade, para assim elevar e santificar a humanidade
por Sua santa obediência a todos os requisitos de Deus,
mostrando que é possível obedecer a todos os mandamentos
de Deus. Ele demonstrou que é possível uma obediência que
dure toda a vida. Portanto Ele dá ao mundo homens
escolhidos e representativos, como o Pai deu o Filho, para
exemplificarem em sua vida a vida de Jesus Cristo… Se
Cristo possuísse um poder especial que o homem não tem o

- 103 -
privilégio de possuir, Satanás ter-se-ia aproveitado desse
fato.‖
Mensagens Escolhidas, Volume 3, 139

―A obediência que Cristo prestava, Deus requer hoje da


humanidade.‖
Parábolas de Jesus 282

―Como Cristo viveu a lei na humanidade, assim podemos


fazer, se nos apegarmos ao Forte em busca de força.‖
O Desejado de Todas as Nações 668

―A obediência de Cristo a Seu Pai é a mesma requerida do


homem... Ele não veio ao nosso mundo para prestar
obediência de um Deus menor a um maior, mas como
homem obedecer à santa Lei de Deus e, desse modo, ser
nosso exemplo. O Senhor Jesus desceu à Terra não para
revelar o que Deus poderia fazer, mas o que o homem
poderia realizar através da fé no divino poder para auxílio
em toda emergência.‖
SDA Bible Commentary, Volume 7, 929

―Adão foi tentado pelo inimigo e caiu. Não foi o pecado


interior que o lançou por terra, pois Deus o fizera puro e
justo, à Sua própria imagem. Ele era perfeito como os anjos
diante do trono. Não havia nele quaisquer princípios
corruptores e nem tendências para o mal. Mas quando
Cristo enfrentou as tentações de Satanás, trazia sobre Si a
'semelhança de carne pecaminosa'.‖
Signs of the Times, 17 de outubro de 1900

―Ele veio a este mundo para ser tentado em todos os pontos,


como nós o somos, a fim de provar a todo o Universo que,
neste mundo de pecado, os seres humanos podem viver de
um modo que Deus aprove…Satanás declarou que os seres
humanos não poderiam viver sem pecado.‖
Review and Herald, 9 de março de 1905

- 104 -
―Jesus guardou a Lei, provando, além de qualquer
controvérsia, que o homem também pode fazê-lo.‖
Review and Herald, 7 de maio de 1901

- 105 -
NOTAS

- 106 -
JESUS NOSSO MODELO

1. Os passos de quem devemos seguir?


Devemos seguir os passos de Jesus. 1 Pedro 2:21

2. Como devem andar os cristãos?


Os que dizem ter fé em Jesus devem andar como Ele andou.
1 João 2:6

3. Que sentimento devem ter os cristãos?


Todo o verdadeiro cristão deve ter o mesmo sentimento que
houve em Cristo Jesus. Filipenses 2:5

4. Que sentimento teve Jesus pelos que O


crucificaram?
Jesus sentiu pena dos inimigos, e desejou-lhes o bem.
Lucas 23:34

5. Como Jesus reagia diante da injustiça dos homens?


Quando injuriado, Jesus não revidava, e quando maltratado
não fazia ameaças. 1 Pedro 2:23

6. Que abnegado desígnio Jesus sempre manteve


diante de Si?
Jesus vivia para fazer, não a Sua própria vontade, mas sim a
do Pai. João 6:38

7. Qual era o sentimento de Jesus quanto ao pecado?


Jesus amava a justiça e sentia ódio pelo pecado, e foi por
isso que Ele era ungido com uma porção dobrada do
Espírito de Deus. Hebreus 1:9

8. Que disse Jesus acerca de Si em relação aos Seus


discípulos?
Jesus disse aos discípulos que lhes havia dado um exemplo
para que façam como Ele fez. João 13:15

- 107 -
9. Como são descritas a meninice e juventude de
Jesus?
Jesus era submisso aos Seus pais, dando um exemplo
fidelidade até às crianças e jovens. Lucas 2:51

10.Além de precisar ter fé em Jesus, que mais a Bíblia


declara que o povo de Deus precisa?
A Bíblia declara que precisamos da fé de Jesus. Gálatas
2:20 e Apocalipse 14:12

11.Quais semelhanças existem entre o relacionamento


de Jesus com o Pai, e o nosso com Jesus?
a. Assim como o Pai enviou a Jesus, nós somos enviados
por Cristo. João 20:21
b. Assim como o Pai habitava em Jesus,
semelhantemente Jesus habita em nós. João 17:23
c. Assim como Jesus viveu pelo Pai, semelhantemente
nós vivemos por Jesus. João 6:57
d. Sem o Pai, Jesus não podia fazer nada (João 5:30), e
sem Jesus não podemos fazer nada (João 15:5).
e. Precisamos ser um com Jesus, assim como Jesus foi
um com o Pai. João 17:21
f. Precisamos guardar os mandamentos de Jesus (João
14:15), assim como Jesus obedeceu os mandamentos
do Pai (João 15:10).
g. Jesus glorificou o Pai, e nós devemos glorificar a
Jesus. João 17:4, 10.
h. Jesus revelou o Pai, e nós precisamos revelar a Jesus.
João 14:9 e Atos 4:13

Citações do Espírito de Profecia

―Cristo viveu uma vida de perfeita obediência à Lei de Deus,


deixando nisto um exemplo perfeito a toda criatura
humana. A vida que Ele viveu neste mundo, devemos nós
viver, mediante Seu poder, e sob as Suas instruções... O
Salvador tomou sobre Si as enfermidades humanas, e viveu

- 108 -
uma vida sem pecado, a fim de os homens não terem
nenhum temor de que, devido à fraqueza da natureza
humana, eles não pudessem vencer. Cristo veio para nos
tornar ‗participantes da natureza divina‘ (II Ped. 1:4), e Sua
vida declara que a humanidade, unida à divindade, não
comete pecado.‖
Ciência do Bom Viver 180

―O poder que repousou sobre Ele veio diretamente do Pai, e


não devia exercê-lo em Seu próprio benefício. Com este
longo jejum inseriu-se em Sua experiência uma força e
poder que só Deus podia dar. Ele enfrentou e repeliu o
inimigo na força de um ‗Assim diz o Senhor‘. ‗Não só de pão
viverá o homem – disse Ele – mas de toda palavra que
procede da boca de Deus.‘ É o privilégio de todos os
tentados da Terra ter essa força. A experiência de Cristo é
para nosso benefício. Seu exemplo em vencer o apetite
indica como podem ver vitoriosos aqueles que querem ser
Seus seguidores… Estava cercado de dificuldades. Veio ao
nosso mundo para manter um caráter puro e sem pecado, e
para refutar a mentira de Satanás de que não era possível
aos seres humanos guardar a lei de Deus. Cristo veio viver a
lei em Seu caráter humano exatamente na maneira pela qual
todos podem viver a lei na natureza humana se procederem
como Cristo procedeu.‖
Mensagens Escolhidas, Volume 3, 128-130

―Teria sido uma quase infinita humilhação para o Filho de


Deus, revestir-Se da natureza humana mesmo quando Adão
permanecia em seu estado de inocência, no Éden. Mas Jesus
aceitou a humanidade quando a raça havia sido
enfraquecida por quatro mil anos de pecado. Como qualquer
filho de Adão, aceitou os resultados da operação da grande
lei da hereditariedade. O que estes resultados foram,
manifesta-se na história de Seus ancestrais terrestres. Veio
com essa hereditariedade para partilhar de nossas dores e
tentações, e dar-nos o exemplo de uma vida impecável.‖
O Desejado de Todas as Nações 49

- 109 -
―...Não obstante os pecados de um mundo criminoso serem
postos sobre Cristo, não obstante a humilhação de tomar
sobre Si nossa natureza decaída, a voz declarou ser Ele o
Filho do Eterno.‖
O Desejado de Todas as Nações 112

―Satanás... declara que nos é impossível obedecer-lhe aos


preceitos... Jesus devia patentear esse engano. Como um de
nós, cumpria-Lhe dar exemplo de obediência. Para isso
tomou sobre Si a nossa natureza, e passou por nossas
provas. ‗Convinha que em tudo fosse semelhante aos
irmãos.‘ Heb. 2:17. Se tivéssemos de sofrer qualquer coisa
que Cristo não houvesse suportado, Satanás havia de
apresentar o poder de Deus como nos sendo insuficiente.
Portanto, Jesus ‗como nós, em tudo foi tentado‘. Heb. 4:15.‖
O Desejado de Todas as Nações 24

―Se Ele não tivesse a natureza do homem, não poderia ser


nosso exemplo. Se Ele não tivesse participado de nossa
natureza, Ele não poderia ser tentado como são os
homens.... Sua tentação e vitória nos diz que a humanidade
precisa copiar o Modelo.‖
Review and Herald, 18 de fevereiro de 1890

―Em nossas conclusões, cometemos muitos erros por causa


de nossos errôneos pontos de vista sobre a natureza humana
de nosso Senhor. Quando conferimos à Sua natureza
humana um poder que não é possível ao homem possuir em
seus conflitos com Satanás, destruímos a inteireza de Sua
humanidade.‖
SDA Bible Commentary, Volume 7, 929

―Ele foi em natureza humana aquilo que você pode ser.‖


Carta 106, 1896

- 110 -
―Sua perfeita humanidade é a que todos os Seus seguidores
podem possuir, se forem sujeitos a Deus como Ele o foi.‖
O Desejado de Todas as Nações 664

―O Filho de Deus veio ao nosso mundo em forma humana


para nos mostrar que a Divindade combinada com a
humanidade pode obter a vitória sobre o pecado.‖
Signs of the Times, 1 de fevereiro de 1899

―O Senhor requer agora que todo filho e filha de Adão, pela


fé em Jesus Cristo, O sirva na natureza humana que temos
atualmente. O Senhor Jesus pôs uma ponte sobre o abismo
causado pelo pecado. Ele ligou a Terra com o Céu, e o
homem finito com o Deus infinito. Jesus, o Redentor do
mundo, só podia guardar os mandamentos de Deus da
mesma maneira que a humanidade pode guardá-los.‖
Nossa Alta Vocação 46

―O meio por que podemos vencer o maligno, é aquele pelo


qual Cristo venceu - o poder da Palavra.‖
O Desejado de Todas as Nações 258

- 111 -
NOTAS

- 112 -
PAIXÕES, PROPENSÕES E TENDÊNCIAS
1. Para entender o significado de certas palavras, é
importante considerar que...
―Significações diversas são expressas pela mesma palavra;
não há uma palavra para cada idéia distinta.‖
Mensagens Escolhidas, Volume 1, 20

2. Propensões Naturais
―Satanás...pressiona os homens com suas tentações para o
apetite, a fim de poder levá-los ao cativeiro desta
propensão, causando assim a sua ruína.‖
Review and Herald, 8 de setembro de 1874

3. Adão antes de sua queda tinha paixões.


―...os apetites e paixões estavam sob o domínio da razão.‖
Patriarcas e Profetas 45

4. Paulo tinha paixões que precisavam estar sob o


controle do Espírito Santo.
―Suas palavras, atos e paixões - tudo era posto sob o
controle do Espírito de Deus.‖
Atos dos Apóstolos 315

5. Daniel era vitorioso sob o pecado apesar de


possuir paixões semelhantes às nossas.
―Um homem sujeito às mesmas paixões que nós, é descrito
pela pena da Inspiração como isento de falta.‖
Profetas e Reis 546

6. O homem convertido, que teme a Deus, tem que


dominar todos os apetites e paixões.
―Todas as circunstâncias, todos os apetites e paixões
devem ser servos do homem que teme a Deus...‖
Testemunhos para Ministros 421

- 113 -
7. Jesus nos mostrou como vencer as propensões
naturais.
―Nossas propensões naturais devem ser controladas, ou
nunca poderemos vencer como Cristo venceu.‖
Testemunhos para a Igreja, Volume 4, 235

8. Jesus nos habilita a vencer as propensões


naturais.
―...habilitando o homem a sujeitar todas as suas
inclinações [no Inglês propensities] ao domínio das
faculdades mais elevadas.‖
Testemunhos para a Igreja, Volume 3, 491

9. Jesus sentiu a força da paixão da humanidade.


―Conquanto sentisse Ele toda a força da paixão da
humanidade, jamais cedeu à tentação de praticar um único
ato que não fosse puro, edificante e enobrecedor.‖
Nos Lugares Celestiais 155

10. Jesus foi feito com as mesmas propensões


mentais e físicas da humanidade.
―Ele foi feito semelhante aos irmãos, com as mesmas
suscetibilidades [no Inglês susceptibilities e propensities
são sinônimas] mentais e físicas.‖
Review and Herald, 10 de fevereiro de 1885

11. Jesus foi tentado e saiu vitorioso sobre o


apetite, assim mostrando que é possível o
homem vencer.
―Se Cristo saísse vitorioso sobre o apetite, então haveria a
possibilidade do homem, de vencer... Unicamente a
natureza humana de Cristo nunca poderia ter suportado
este teste, mas Seu poder divino combinado com a natureza
humana ganhou a vitória infinita em favor do homem.
Nosso representante nesta vitória levantou a humanidade
na escala de valor moral diante de Deus.‖
No Deserto da Tentação 80

- 114 -
12. A graça de Deus expelirá as más paixões.
―Quando esta [a graça de Cristo] é implantada no coração,

expelirá as más paixões que causam luta e dissensão.‖


Desejado de Todas as Nações 305

13. As más paixões devem ser crucificadas.


―As paixões contrárias à piedade devem ser
crucificadas.‖
Obreiros Evangélicos 128

14. Cristo é capaz de nos libertar de qualquer


paixão que possuímos.
―Seja qual for a má prática, a dominante paixão que,
devido à longa condescendência, acorrenta alma e corpo,
Cristo é capaz de libertar, e anseia fazê-lo.‖
O Desejado de Todas as Nações 203

15. Jesus não possuía más paixões.


―É um irmão em nossas fraquezas, mas não em possuir
idênticas paixões. Sendo sem pecado, Sua natureza
recuava do mal.‖
Testemunhos para a Igreja, Volume 3, 202

16. Satanás estimula as ambições profanas, ou más


propensões que há em nós.
―[Satanás] Estimula todas as más propensões,
despertando paixões e ambições profanas.‖
Mensagem aos Jovens 54

17. Jesus não teve uma propensão má, ou seja,


nunca caiu.
―Ele [Jesus] poderia haver pecado; poderia haver caído,
mas nem por um momento houve nEle uma propensão
má.‖
SDA Bible Commentary, Volume 7, 1128

- 115 -
18.Podemos vencer todas as propensões
pecaminosas.
―Precisamos aprender de Cristo. Precisamos saber o que é
Ele para aqueles a quem Ele resgatou. Temos de sentir que
pela fé nEle é nosso privilégio ser participantes da natureza
divina, escapando assim da corrupção que pela
concupiscência há no mundo. Somos então purificados de
todo pecado, de todos os defeitos do caráter. Não
precisamos conservar nem uma só propensão pecaminosa.‖
A Maravilhosa Graça de Deus 233

Citações do Espírito de Profecia

―Não precisamos conservar uma propensão


pecaminosa... as tendências herdadas e cultivadas para o
mal são separadas do caráter‖
SDA Bible Commentary, Volume 7, 943

―A irritabilidade, a exaltação de si mesmo, o orgulho, a


paixão e qualquer outro traço de caráter dessemelhante de
nosso santo Modelo precisa ser vencido...‖
Exaltai-O 189

―A vida cristã não é uma modificação ou melhoramento da


antiga, mas uma transformação da natureza.‖
O Desejado de Todas as Nações 172

―As propensões para trivialidades e amor aos prazeres


devem ser abandonadas.‖
Mensagem aos Jovens 42

―Mas ainda que suas más inclinações lhes possam parecer


tão preciosas como a mão direita ou o olho direito, devem
elas ser separadas do obreiro...‖
Testemunhos para Ministros 171, 172

- 116 -
Jesus tinha paixões e propensões naturais, que se não
dominadas pelo poder do Espírito Santo a fim de resistir às
tentações de Satanás, teriam O levado a pecar. Contudo, Ele
não teve paixões e propensões pecaminosas que o homem
cultiva e deve suprimir de seu caráter. Apesar do homem,
como Jesus, ter paixões e propensões naturais que precisam
ser subjugadas, ele também possui paixões e propensões
pecaminosas que precisam ser eliminadas de sua vida. Essas
paixões e propensões ele tem por traços de caráter herdados
dos pais e más tendências cultivadas no decorrer de sua
vida.

- 117 -
NOTAS

- 118 -
INFORMAÇÃO DE CONTATO

IEST - INSTITUTO DE EDUCAÇÃO E SAÚDE


DE TAQUARA

Endereço:
Caixa Postal 95023  CEP 25.275-970
Santa Cruz da Serra, Duque de Caxias - RJ

Telefone: (21) 2777-2882


Site: www.iestrj.com.br
E-mail: iest@iestrj.com.br

- 119 -