Você está na página 1de 8

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE

CENTRO DE TECNOLOGIA
DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA MECÂNICA
3° LISTA DE EXERCÍCIO

Disciplina: Mecânica dos Sólidos II


Professor: Raimundo Carlos Silverio Freire Júnior

Hibbeler 7ed. 8.4. O tanque do compressor de ar está sujeito a uma pressão interna de
0,63 MPa. Se o diâmetro interno do tanque for 550 mm e a espessura da parede for 6
mm, determine as componentes da tensão que agem no ponto A. Desenhe um elemento
de volume do material nesse ponto e mostre os resultados no elemento.
Resp.

Hibbeler 7ed. 8.6. O tubo de extremidade aberta feito de cloreto de polivinil tem
diâmetro interno de 100 mm e espessura de 5 mm. Se transportar água corrente à
pressão de 0,42 MPa, determine o estado de tensão nas paredes do tubo.
Resp.

Hibbeler 7ed. 8.7. Se o fluxo de água no interior do tubo do problema 8.6 for
interrompido devido ao fechamento de uma válvula, determine o estado de tensão nas
paredes do tubo. Despreze o peso da água. Considere que os apoios exercem somente
forças verticais sobre o tubo.
Resp.

Hibbeler 7ed. 8.11.Um tubo de madeira com diâmetro interno de 0,9 m é atado com
aros de aço cuja área de seção transversal é 125 mm2. Se a tensão admissível para os
aros for adm = 84 MPa, determine o espaçamento máximo s dos aros ao longo da seção
do tubo de modo que este possa resistir a uma pressão manométrica interna de 28 kPa.
Considere que cada aro suporta a pressão do carregamento que age ao longo do
comprimento s do tubo.
Resp.

Hibbeler 7ed. 8.12.Uma caldeira é feita de chapas de aço de 8 mm de espessura ligadas


nas extremidades por uma junta de topo que consiste em duas chapas de cobertura de 8
mm e rebites com diâmetro de 10 mm e espaçados de 50 mm, como mostra a figura. Se
a pressão do vapor no interior da caldeira for 1,35 MPa, determine: (a) a tensão
circunferencial na chapa da caldeira separada na costura, (b) a tensão circunferencial na
chapa de cobertura externa ao longo da linha de rebites a-a e (c) a tensão de
cisalhamento nos rebites.
Resp.a) .
b)
c)

Beer 6.78. Uma viga engastada, de seção transversal retangular (b= 25 mm, h = 100 mm), é
carregada por uma força P que age à meia altura da viga e está inclinada em um ângulo em
relação à vertical. Dois extensômetros são colocados no ponto C, que também está à meia altura
da viga. O extensômetro A mede a deformação na direção horizontal e o extensômetro B mede a
deformação em um ângulo = 45° em relação à horizontal. As deformações medidas são a =
125·10-6, b = -375·10-6. Determine a força P e o ângulo , assumindo que o material é o aço,
com E = 200 GPa e = 0,3.

Beer 6.110. Um vaso de pressão de 300 mm de diâmetro externo é fabricado com chapa de aço
de 6,35 mm de espessura, que é soldada ao longo de uma hélice formando um ângulo de 22,5°
com a horizontal. Sabendo-se que a pressão no interior do vaso é de 1,7 MPa e que a força axial
P de 270 kN é aplicada no centro da placa superior, determinar: as tensões longitudinal e
circunferencial na parede do vaso, a diminuição da espessura do mesmo depois da aplicação das
forças. Qual é o valor de tensão normal e cisalhamento aplicado na direção longitudinal e
transversal do cordão de solda?

10.6. O estado de deformação no ponto da lança do guindaste hidráulico tem


componentes x = 250•10-6 y = 300•10-6 e xy = -180•10-6. Usar o círculo de Mohr para
determinar (a) as deformações principais no plano e (b) a deformação por cisalhamento
máxima no plano e a deformação normal média. Especificar em cada caso a orientação
do elemento e mostrar no plano x-y como as deformações o distorcem.
Resp.

10.30. A roseta de 45° está montada no elo da retro-escavadeira. As seguintes leituras


foram obtidas em cada aferidor: a = 650•10-6 b = -300•10-6 e c = 480•10-6. Determinar
(a) as deformações principais no plano, (b) a deformação por cisalhamento máxima no
plano e a deformação normal média associada.
Resp.

10.47. As deformações principais em um ponto, medidas experimentalmente na


fuselagem de alumínio de um avião a jato são 1 = 630•10-6 2 = 350•10-6. Supondo que
esse seja um caso de estado plano de tensões, determinar as tensões principais
associadas a esse ponto no mesmo plano. Eal = 10•103ksi e al = 0,33.
Resp.

12.2. Um homem está executando um salto com vara. O raio de curvatura mínimo da
vara mede 4,5 m. Se a vara tem diâmetro de 40 mm e é feita de plástico reforçado com
fibra de vidro, para o qual Efibra = 131 GPa, qual a tensão de flexão maxima nela
desenvolvida. Resp.

12.17. A barra é suportada por um rolete contido em B, que permite seu deslocamento
vertical, mas resiste a carga axial e momento. Supondo que a barra seja submetida ao
carregamento mostrado, determinar a inclinação em A e a deflexão em C. Considerar EI
constante.
Resp.

12.19. São usados postes de madeira para conter um muro de 3 pol de diâmetro. Se a
pressão do solo ao longo do poste varia de zero no topo ao máximo de 300 lb/pé na
extremidade inferior B, quais são a inclinação e o deslocamento no topo? Emadeira =
1,6•103ksi.
Resp.

12.26 e 12.27. O eixo é feito de aço inoxidável 304 e tem diâmetro de 15 mm.
Determinar sua deflexão máxima, a equação da linha elástica e encontrar as inclinações
nos mancais A e B, os quais exercem apenas reações verticais sobre o eixo.
Resp.

12.113. Neste conjunto, composto por três vigas simplesmente apoiadas, a parte inferior
da viga superior repousa sobre a parte superior das duas inferiores. Se uma carga de 3
kN/m for aplicada na viga superior, quais serão as reações verticais em cada apoio?
Considerar EI constante.
Resp.

12.117. O eixo de aço A-36 de 1 pol de diâmetro é apoiado por mancais rígidos em A e
C. O mancal em B repousa em uma viga de abas largas simplesmente apoiada, com
momento de inércia I = 500 pol4. Se as cargas da correia sobre a roldana forem de 400
lb cada uma, determinar as reações verticais em A, B e C.
Resp.

12.118. Determinar a força na mola. Considerar EI constante.


Resp.

12.119. A viga é feita de um material elástico mole com EI constante. Supondo que ela
inicialmente esteja a uma distância da superfície de seu apoio na extremidade,
determinar a distância a entre os dois quando ela está submetida à carga uniforme w0,
suficientemente grande para provocar essa condição.
Resp.

13.15. A coluna com 10 pés de comprimento tem as dimensões mostradas. Determinar a


carga crítica supondo que a extremidade inferior esteja engastada e a superior presa por
pino. Emadeira = 1,6•103ksi, esc = 5 ksi.
Resp.

13.20. A alavanca é usada para operar uma prensa simples que comprime latas.
Determinar o menor diâmetro da haste de aço BC, com aproximação de 1/8 pol, que
pode ser usado se a força máxima P aplicada à alavanca é P = 60 lb. A haste está presa
por pino nas extremidades. Eaço = 29•103ksi, esc = 36 ksi.
Resp.

13.24. O tubo de aço A-36 tem diâmetro externo de 2 pol e espessura de 0,5 pol.
Supondo que seja mantido em posição por um tirante, determinar o diâmetro interno
que precisa ter com aproximação de 1/8 pol, a fim de suportar uma carga horizontal
máxima P = 4 kip sem sofrer flambagem. Supor que suas extremidades estejam
acopladas por pino.
Resp.

13.29. Determinar a força máxima P que pode ser aplicada no cabo da alavanca de
modo que a haste de controle BC feita de aço A-36 e com 25 mm de diâmetro não sofra
flambagem.
Resp.
13.30. O mecanismo articulado está composto por hastes de aço A-36, todas com seção
transversal circular. Supondo que cada uma tenha diâmetro de ¾ pol, determinar a
maior carga que o mecanismo pode suportar sem que nenhuma haste sofra flambagem.
Supor que as hastes estejam acopladas por pinos nas extremidades.
Resp.

13.32. A haste de bronze C86100 com 50 mm de diâmetro está engastada em A, e entre


sua extremidade B e a parede há uma folga de 2 mm. Determinar o aumento de
temperatura T que provocará flambagem nessa haste. Supor que o contato em B atua
como um pino.
Resp.

13.33. Determinar se a estrutura pode suportar a carga w = 6 kN/m supondo que o fator
de segurança em relação à flambagem do elemento AB seja 3. Supor, também, que AB
seja feita de aço e esteja presa por pino nas extremidades, para o caso de flambagem em
relação ao eixo x-x, e engastada nas extremidades para o caso de flambagem em relação
ao eixo y-y. Eaço = 200 GPa, esc = 360 MPa.
Resp.
O material não suportará a flambagem, pois é aplicada uma força superior a 7,4
kN (B=8kN).

13.37. O piso é suportado pelas duas colunas quadradas de 40 mm de lado. A coluna


AB está presa por pino em A e engastada em B, enquanto CD está presa por pino em C
e D. Supondo que o piso esteja impedido de se movimentar para os lados, determinar a
posição d do centro de gravidade da carga e a maior grandeza de carga sem provocar
colapso do piso. Ambas as colunas são feitas de abeto Douglas.
Resp.

13.39. A viga é suportada pelos três tirantes, todos com diâmetro de 0,5 pol e feitos de
aço A-36. Determinar a maior carga uniforme w que pode ser aplicada à viga sem
provocar flambagem em AB e CB.
Resp.
QUESTÕES DO HIBBELER 7 EDIÇÃO E DO BEER

Hibbeler 8.4 Beer 6.110

Beer 6.78 Hibbeler 8.6 e 8.7

Hibbeler 8.11 Hibbeler 8.12