Você está na página 1de 34

E.E.

JOÃO TIBÚRCIO
CURSO TÉCNICO EM SEGURANÇA DO TRABALHO
DISCIPLINA: PREVENÇÃO E COMBATE A SINISTROS

Princípios básicos do fogo

ENG. RODRIGO OLIVEIRA


CONTEÚDO PROGRAMÁTICO
 PRINCÍPIOS BÁSICOS DO FOGO
 FOGO E INCÊNDIO
 CLASSES DE INCÊNDIO
 MÉTODOS DE EXTINÇÃO DO FOGO
 AGENTES EXTINTORES
 INSTALAÇÕES CONTRA INCÊNDIO
 PREVENÇÃO CONTRA INCÊNDIO
 TIPOS DE EQUIPAMENTOS DE EXTINÇÃO
 COMBATE A INCÊNDIO NO AMBIENTE DE TRABALHO
 SITUAÇÕES DE EMERGÊNCIA
 NORMAS REGULAMENTADORAS (NR 23 E LEGISLAÇÃO
ESTADUAL)
Objetivos
 Dar ao aluno o embasamento necessário para que possa
compreender, de forma clara, as características do fogo,
os tipos de classes de incêndio, os métodos de
propagação do fogo, os principais riscos que levarão a
este, bem como as possíveis ações para a prevenção dos
mesmos.
Considerações iniciais
 O fogo acontece devido a uma reação química entre três
elementos: o combustível, o comburente (oxigênio) e uma
fonte de energia de ativação (calor) que produz o
desprendimento de luz e calor intenso. Essa reação
química, chamada fogo, pode produzir benefícios, mas
também causar dor e destruição para o homem e para a
natureza.
 O fogo, quando utilizado de forma controlada, facilita
muito a nossa vida, pois sem ele e sem a inteligência do
homem, provavelmente, não teríamos chegado ao nível de
desenvolvimento tecnológico dos dias atuais. Mas, esse
mesmo fogo, que ajuda a construir, pode, também, ser um
elemento causador de destruição, extinguindo tudo por
onde passa
 Para evitarmos a destruição causada pelo fogo
descontrolado, devemos conhecer as técnicas de
prevenção, ou seja, as maneiras ou formas que temos para
evitar que o fogo aconteça. Como passo primordial para a
prevenção do princípio de incêndio, é importante
sabermos alguns conhecimentos básicos para evitar o
fogo, são eles:
 Conhecer as características do fogo.

 Conhecer as propriedades de risco dos materiais que


temos na empresa.

 Conhecer as principais fontes causadoras de incêndio.


Para que se possa realizar um combate eficiente ao
princípio de incêndio e evitar que o fogo tome proporções
catastróficas, faz-se necessário:
 Saber determinar com rapidez e eficiência as
características do incêndio em questão, ou seja, o tipo de
classe de fogo.
 Conhecer os tipos de agentes extintores mais eficientes
no combate para a classe de fogo em questão.
 Saber manusear os equipamentos portáteis de combate a
incêndio.
Elementos necessários para que o fogo
aconteça
 Combustível.
 Comburente (oxigênio do ar).
 Uma fonte de energia de ativação (fonte de calor).
Quando esses três elementos estão juntos, se acontecer
uma reação em cadeia entre eles, certamente se iniciará o
que denominamos fogo.
Combustível

 O combustível é qualquer elemento que pode entrar em


combustão (queima) no momento em que atinge suas
características físico-químicas, ou seja, atinge a sua temperatura
de combustão quando excitado por uma fonte externa de calor..

 Sólidos
 Madeira, papel, tecido, algodão, etc.
Combustível
Líquidos
 Voláteis – são os que desprendem
gases inflamáveis à temperatura ambiente.
Ex.:álcool, éter, benzina, etc.

 Não Voláteis – são os que


desprendem gases inflamáveis
à temperaturas maiores do
que a do ambiente.
Ex.: óleo, graxa, etc
Combustível
 Gasosos
 Butano, propano, etano, etc.
Propagação do fogo

 O fogo pode se propagar:


 Pelo contato da chama em outros combustíveis;
 Através do deslocamento de partículas incandescentes;
 Pela ação do calor.

 O calor é uma forma de energia produzida pela combustão ou


originada do atrito dos corpos. Ele se propaga por três processos de
transmissão:
Condução

 É a forma pela qual se transmite o calor através do próprio material,


de molécula a molécula ou de corpo a corpo.
Convecção

 É quando o calor se transmite


através de uma massa de ar
aquecida, que se desloca do local
em chamas, levando para outros
locais quantidade de calor
suficiente para que os materiais
combustíveis aí existentes
atinjam seu ponto de combustão,
originando outro foco de fogo.
Irradiação

 É quando o calor se transmite por


Sol
ondas caloríficas através do
espaço, sem utilizar
qualquer meio material.
Principais fatores que podem provocar um
incêndio
 Fator humano

 Fator natural

 Fator acidental
E.E. JOÃO TIBÚRCIO
CURSO TÉCNICO EM SEGURANÇA DO TRABALHO
DISCIPLINA: PREVENÇÃO E COMBATE A SINISTROS

Classes de incêndio
Métodos de combate a incêndio

ENG. RODRIGO OLIVEIRA


Classes de incêndio

 Os incêndios são classificados de acordo com as características dos


seus combustíveis. Somente com o conhecimento da natureza do
material que está se queimando, pode-se descobrir o melhor método
para uma extinção rápida e segura.

A - MADEIRA, PAPEL E ALGODÃO

B - LÍQUIDOS INFLAMÁVEIS

C - EQUIPAMENTOS ELÉTRICOS ENERGIZADOS

D- METAIS PIROFÓRICOS
Classes de incêndio

 Classe A

 Caracteriza-se por fogo em


materiais sólidos;
 Queimam em superfície e
profundidade;
 Após a queima deixam resíduos,
brasas e cinzas;
Classes de incêndio

 Classe B

 É o incêndio que
acontece em líquidos
combustíveis e
inflamáveis, ou seja,
substâncias que queimam
somente na superfície e
não deixam resíduos
Classes de incêndio

 Classe C

 É o incêndio que acontece em


equipamentos elétricos energizados.
Como exemplo: motores elétricos,
transformadores energizados,
quadros de distribuição,
ventiladores, condicionadores de ar
e outros.
Classes de incêndio

 Classe D

 Caracteriza-se por fogo em metais pirofóricos elementos


metálicos capazes de entrar em combustão pelo simples
contato com o oxigênio do ar atmosférico. Como
exemplo: magnésio, titânio, zircônio, sódio.
 Classe K
 Este incêndio acontece em óleos, em banhas e em
gorduras utilizados em cozinhas, os quais, aliados a altas
temperaturas, podem provocar um incêndio
ATIVIDADE
 Você Técnico(a) em Segurança do Trabalho, que
conhecimentos básicos você deve ter para implementar
um plano prevencionista e evitar os riscos de incêndio em
sua empresa?

 De dois exemplos em cada um dos fatores que podem


provocar incêndio
 A)fator humano
 B)fator natural
 C)fator acidental
Métodos de extinção do fogo

 Extinção por retirada do material (Isolamento)

 Esse método consiste em duas técnicas:

 Retirada do material que está queimando;


 Retirada do material que está próximo ao fogo.

combustível
Métodos de extinção do fogo
 Extinção por retirada do comburente (Abafamento)

 Este método consiste na diminuição


ou impedimento do contato de
oxigênio com o combustível.

combustível
Métodos de extinção do fogo
 Extinção por retirada do calor (Resfriamento)

 Este método consiste na diminuição


da temperatura e eliminação do
calor, até que o combustível não
gere mais gases ou vapores
e se apague.

combustível
Extintores de incêndio
 Destinam-se ao combate imediato e rápido de pequenos focos de
incêndios, não devendo ser considerados como substitutos aos sistemas de
extinção mais complexos, mas sim como equipamentos adicionais.

 Recomendações
 Instalar o extintor em local visível e sinalizado;
 O extintor não deverá ser instalado em escadas, portas e rotas de fuga;
 Os locais onde estão instalados os extintores, não devem ser obstruídos;
 O extintor deverá ser instalado na parede ou colocado em suportes de
piso;
 O lacre não poderá estar rompido.
Agentes extintores

 Água Pressurizada

 É o agente extintor indicado para incêndios de classe


A;
 Age por resfriamento e/ou abafamento;
 Pode ser aplicado na forma de jato compacto,
chuveiro e neblina.

 ATENÇÃO:
 Nunca use água em fogo das classes C

*Pressurizado
Agentes extintores

 Gás Carbônico (CO2)

 É o agente extintor indicado para


incêndios da classe C, por não ser
condutor de eletricidade;
 Age por abafamento, podendo ser
também utilizado nas classes A,
somente em seu início e na classe B
em ambientes fechados.

Pressurizado
Agentes extintores

 Pó Químico

 É o agente extintor indicado para


combater incêndios da classe B;
 Age por abafamento, podendo ser
também utilizados nas classes A e C,
podendo nesta última danificar o
equipamento.

Pressurizado