Você está na página 1de 24

PLASVI

PLANO DE ASSISTÊNCIA AS VÍTIMAS DE ACIDENTES


AERONÁUTICOS E APOIO AOS FAMILIARES

Revisão: 02
Data: 30/06/xxxx
01/07/xxxx REV. ORIGINAL Pag
Capítulo:

PLANO DE ASSISTENCIA AOS FAMILIARES DAS VÍTIMAS DE ACIDENTE


AERONÁUTICO

LISTA DE PÁGINAS EFETIVAS

SEÇÃO Páginas Revisão Data


afetadas
Controle de Revisões 1 02 30/06/xxxx
Lista de Páginas Efetivas 1 02 30/06/xxxx
Sumário 1 02 30/06/xxxx
1 - Introdução 1 02 30/06/xxxx
2 - Responsabilidades e Procedimentos 5 02 30/06/xxxx
3 - Procedimentos da Administração Aeroportuária 1 02 30/06/xxxx
4 – Anexos 1 02 30/06/xxxx
5 – Check-lists 1 02 30/06/xxxx
6 – Revisão e Atualização 1 02 30/06/xxxx
7 - Distribuição 2 02 30/06/xxxx
8 – Considerações Finais 1 02 30/06/xxxx
ANEXO I - PESSOAL DA EMPRESA 1 02 30/06/xxxx
ANEXO II – Telefones Comuns a todas Bases Operacionais 2 02 30/06/xxxx
ANEXO III–Telefones Relacionados a Base de 2 02 30/06/xxxx
ANEXO IV – Telefones Relacionados a Base de 2 02 30/06/xxxx
ANEXO V – Telefones Relacionados a Base de 2 02 30/06/xxxx

2
01/07/xxxx REV. ORIGINAL Pag
Capítulo:

PLANO DE ASSISTENCIA AOS FAMILIARES DAS VÍTIMAS DE ACIDENTE


AERONÁUTICO

CONTROLE DE REVISÕES

REV DATA RESP DATA REV DATA RESP DATA


No REV ATUAL INSER No REV ATUAL INSER
01 19/05/2013 GSO

02 30/06/xxxx DSO

3
01/07/xxxx REV. ORIGINAL Pag
Capítulo:

PLANO DE ASSISTENCIA AOS FAMILIARES DAS VÍTIMAS DE ACIDENTE


AERONÁUTICO

SUMÁRIO

1. INTRODUÇÃO 4
1.1. Regulação, competência e localização 4
2. RESPONSABILIDADES E PROCEDIMENTOS 4
2.1. Notificação Interna de Acidente Aéreo 4
2.2. Ativação do Centro de Gerenciamento de Crises 4
2.3. Lista de Passageiros 4
2.4. Reconciliação da Lista de Passageiros 4
2.5. Divulgação da Lista dos Passageiros a Bordo e/ou Vítimas 5
2.6. Notificação aos Familiares das Vítimas 5
2.7. Transporte e Acomodação dos Familiares e Vítimas 6
2.8. Centro de Recepção aos Familiares e Sobreviventes e Assistência Especial 6
2.9. Deslocamento da Equipe de Assistência e dos Familiares das Vitimas para o Local do
Acidente 7
2.10. Assistência Jurídica aos Familiares e/ou seus Representantes Legais. 7
2.13. Assistência na Liberação de Despojos e Pertences das Vítimas 8
2.14. Seguro 8
3. PROCEDIMENTOS DA ADMINISTRAÇÃO AEROPORTUÁRIA 8
3.1. Procedimentos 8
4. ANEXOS 8
5. CHECK-LIST 9
5.1. Definição do Check- List 9
6. REVISÃO E ATUALIZAÇÃO 9
6.1. Revisão 9
6.2. Atualização 9
7. DISTRIBUIÇÃO 9
7.1. Definição da distribuição 9
8. CONSIDERAÇÕES FINAIS 10
8.1. Local, responsabilidade, compromisso e coordenação: 10
9. PESSOAL DA EMPRESA 11

4
01/07/xxxx REV. ORIGINAL Pag
Capítulo:

PLANO DE ASSISTENCIA AOS FAMILIARES DAS VÍTIMAS DE ACIDENTE


AERONÁUTICO

10. TELEFONES COMUNS A TODAS BASES OPERACIONAIS DA EMPRESA 12


11. TELEFONES RELACIONADOS A BASE DE 16
12. TELEFONES RELACIONADOS A BASE 18
13. TELEFONES RELACIONADOS A BASE 21

1. INTRODUÇÃO

1.1. Regulação, competência e localização


1.1.1. O Plano de Assitência às Vítimas de Acidente Aeronáutico e Apoio a seus Familiares
instituído de acordo com a IAC 200-1001, aprovada pela Portaria nº706/DGAC, de 22 de julho de
2005, tem por objetivo estabelecer procedimentos visando prover assistência, serviços e
informações imediatas aos familiares de acidentes aéreos.
1.1.2. Compete ao Gestor Responsável direcionar e fazer cumprir o estabelecido neste plano,
sendo na sua ausência, substituído pelo Diretor Presidente, Diretor de Operações ou Diretor de
Segurança Operacional.
1.1.3. Compete aos demais membros do Centro de Gerenciamento de Crises, cumprir as ações
deste plano.
1.1.4. Em casos de acidentes, é formado o Centro de Gerenciamento de Crises, localizado na
Coordenação de Voos da Sede da xxxxxx Táxi Aéreo Ltda, sob a direção do Gestor Responsável,
Diretor de Operações e Diretor de Segurança Operacional, supervisionado pelo Piloto Chefe e
gerenciado pelos Coordenadores.

2. RESPONSABILIDADES E PROCEDIMENTOS

2.1. Notificação Interna de Acidente Aéreo


2.1.1. Qualquer colaborador da xxxxxx Táxi Aéreo, que for informado de uma aeronave da frota da
empresa que esteja em emergência deverá repassar a informação imediatamente para Coordenação
de Voos.

2.2. Ativação do Centro de Gerenciamento de Crises


2.2.1. A Coordenação de Voos deverá acionar o Centro de Gerenciamento de Crises, emitindo o
imediato comunicado ao Gestor Responsável, Diretor de Segurança Operacional, Diretor de
Operações e Piloto Chefe, quando:
− qualquer pessoa informe que há indícios que evidencie um possível incidente ou acidente
com as aeronaves da frota da empresa;
− for identificado desvios de rotas e destinos da aeronave em operação;
− identificar que o tempo necessário para o destino e alternativa da aeronave for
ultrapassado;

5
01/07/xxxx REV. ORIGINAL Pag
Capítulo:

PLANO DE ASSISTENCIA AOS FAMILIARES DAS VÍTIMAS DE ACIDENTE


AERONÁUTICO

2.3. Lista de Passageiros


2.3.1. A lista de passageiros embarcados deve ser feito preenchimento por ocasião do embarque
dos passageiros, sendo o responsável por esse preenchimento o representante da empresa ou, na
ausência deste, o comandante da aeronave.
2.4. Reconciliação da Lista de Passageiros
2.4.1. Para os voos estabelecidos por contratos, cabe ao Departamento Comercial da Empresa,
estabelecer cláusula contratual, para que emita-se a lista dos passageiros com nome e contato do
familiar, que não esteja no mesmo voo, sendo mantida com seu Fiscal de Contrato, para
Coordenação de Voos realizar consulta e reconciliação imediata;
2.4.2. A comunicação da lista de passageiros entre o cliente e a Coordenação de Voos será por
meio eletrônico.
2.4.3. A comunicação da lista de passageiros da Coordenação de Voos para o Comandante será
por meio físico, eletrônico ou telefônico.
2.4.4. Aos voos de fretamento esporádicos, caberá ao Departamento Comercial solicitar ao cliente
antecipadamente a emissão da lista de passageiros, para repasse à Coordenação de Voos.
2.4.5. Somente quando não for possível obter previamente as informações dos passageiros, caberá
ao Comandante da aeronave coletar as informações dos passageiros, na ocasião do embarque,
mediante o preenchimento e consolidação no Manifesto de Passageiros da Empresa, mantendo-o
até o final do voo.
2.4.6. No transporte de indígenas, os órgãos contratantes, durante a terceirização do transporte
aéreo através da xxxxxx Táxi Aéreo Ltda, este é o responsável oficial pela movimentação de
indígenas e suas informações.
2.4.7. Nos voos de resgate de enfermos e seus acompanhantes, cabe exceção às regras, em
virtude da situação de emergência.
2.4.8. A Coordenação de voos é responsável pela reconciliação da lista de passageiros,
utilizando-se das informações atualizadas em conjunto com Departamento Comercial e o
cliente. A reconciliação deverá ocorrer em até 03(três) horas, após ser recebida a informação
do acidente.

2.5. Divulgação da Lista dos Passageiros a Bordo e/ou Vítimas


2.5.1. O Gestor Responsável ou, na ausência deste, o Diretor de Segurança Operacional e Diretor
de Operações, após tomar conhecimento de um acidente aeronáutico, envolvendo uma das
aeronaves da frota da empresa, deverá estar ciente da lista reconciliada dos passageiros e

6
01/07/xxxx REV. ORIGINAL Pag
Capítulo:

PLANO DE ASSISTENCIA AOS FAMILIARES DAS VÍTIMAS DE ACIDENTE


AERONÁUTICO

tripulantes a bordo da aeronave acidentada, no prazo de 03(três) horas, para seu próprio uso e para
a Autoridade Aeronáutica, caso esta a solicite.
2.5.2. A lista dos passageiros a bordo só poderá ser divulgada após a notificação aos familiares,
ficando a critério da Empresa fazer a divulgação parcial, mediante o andamento das notificações,
sendo preservada, em caráter confidencial, até a divulgação para o público.
2.5.3. A divulgação da lista de passageiros somente ocorrerá após expressa autorização do
Gestor Responsável, sendo na sua ausência pelo Diretor de Segurança Operacional ou Diretor
de Operações.

2.6. Notificação aos Familiares das Vítimas


2.6.1. Cabe ao Gestor Responsável ou Diretor de Operações, de posse da Lista de Pessoas a
Bordo e das informações de contatos indicadas pelas vítimas, para iniciar as notificações e a
disponibilização das informações atualizadas da ocorrência do acidente aéreo.
2.6.2. As Notificações deverão conter apenas a informação da ocorrência do acidente aéreo com
possibilidade de vítimas e a pessoa em questão se encontrava a bordo.
2.6.3. Serão designados profissionais treinados, para se possível pessoalmente, notificar aos
familiares quando houver vítima com falecimento. As confirmações quanto à existência de vítimas
serão fornecidas tão logo as equipes responsáveis pelo resgate tenham atingido o local do acidente
e informado ao Centro de Gerenciamento de Crises.
2.6.4. As Notificações deverão incluir o convite para os familiares se deslocarem conforme disposto
no ítem 2.7 deste plano.

2.7. Transporte e Acomodação dos Familiares e Vítimas


2.7.1. O Diretor(a) Administrativo-Financeiro da Empresa em conjunto com o Coordenador(a) de
Logística, são os responsáveis pela promoção do deslocamento de ida e volta dos familiares até a
cidade, ou a mais próxima, do local do acidente e acomodações.
2.7.2. Por ocasião de cada contato, competirá ao Coordenar(a) de Logística, estabelecer com o
familiar da vítima a necessidade e os arranjos necessários para transporte e hospedagem,
determinando, ainda, o número de acompanhantes que virão.
2.7.3. Salvo quando em caso de falecimento, por decisão do familiar, mediante acordo prévio,
poderá ser promovido somente o seu transporte até o local da cerimônia do funeral.
2.7.4. O Diretor(a) Administrativo-Financeiro da Empresa em conjunto com o Coordenador(a) de
Logística, promoverão o transporte e acomodação para os sobreviventes conforme necessário, na
localidade do acidente aeronáutico, ou na mais próxima deste, quando possível, até sua residência.
2.7.5. Caso solicitada, pelos familiares e desde que possível, preservando a segurança dos
interessados e mediante a coordenação com a autoridade local, poderá ser organizada visita ao local
do acidente.

7
01/07/xxxx REV. ORIGINAL Pag
Capítulo:

PLANO DE ASSISTENCIA AOS FAMILIARES DAS VÍTIMAS DE ACIDENTE


AERONÁUTICO

2.8. Centro de Recepção aos Familiares e Sobreviventes e Assistência Especial


2.8.1. O Diretor(a) Administrativo Financeiro ou Diretor de Operações em conjunto com o
Coordenador(a) de Logística serão os responsáveis pelo Centro de Assistência Especial, assim
como a provisão de informações a respeito das ações assistenciais às vítimas e aos familiares;
2.8.2. No Centro de Assistência Familiar serão disponibilizadas acomodações, alimentação,
segurança, assistência médica, psicológica e religiosa aos familiares das vítimas e sobrevivente.
2.8.3. Acionamento do Centro de Atendimento Telefônico, disponibilizando um número de telefone
exclusivo para chamadas gratuitas dos familiares com a finalidade de complementar o processo de
notificação.

2.9. Deslocamento da Equipe de Assistência e dos Familiares das Vitimas para o Local do
Acidente
2.9.1. O Diretor(a) Administrativo Financeiro ou Diretor de Operações em conjunto com o
Coordenador(a) de Logística serão os responsáveis por promover o transporte dos familiares ou
representantes legais para a localidade mais próxima ao sítio do acidente aéreo.
2.9.2. O Coordenador(a) de Logística providenciará às equipes envolvidas com a assistência,
comunicação, transporte, acomodação, de modo a viabilizar seu trabalho;
2.9.3. Somente depois de estabelecidos os arranjos necessários de transporte e acomodação é
que serão transportadas as equipes de assistência aos familiares das vítimas (médico, psicólogo e
assessor jurídico), o Diretor(a) Administrativo-Financeiro, ou seu substituto imediato, e os familiares
das vítimas para a localidade mais próxima ao sítio do acidente aéreo.

2.10. Assistência Jurídica aos Familiares e/ou seus Representantes Legais.


2.10.1. Compete à Assessoria Jurídica da Empresa:
I.Na ocasião, assistir juridicamente a qualquer familiar de vítimas de acidente aeronáutico e/ou
representante legal em qualquer questão relativa ao acidente, que não se constitua em demanda
contra a Empresa ou contra prepostos da Empresa.
II.Promover assistência às vítimas e apoio a seus familiares nos trâmites de imigração e alfândega;
III.Ser o elo de ligação com agentes diplomáticos e consulares caso haja vítima estrangeira;

2.11. No caso de óbitos, caberá ao Assessor Jurídico da Empresa, ou na sua ausência, o


representante da empresa, tão logo se encontre na localidade sob jurisdição da qual ocorreu o
acidente, entrar em contado com as Autoridades Policiais e de Medicina Legal, com o propósito de
obter a identificação e liberação dos corpos e dos pertences das vitimas.

2.12. Assistência aos Familiares Junto aos Serviços Funerários

8
01/07/xxxx REV. ORIGINAL Pag
Capítulo:

PLANO DE ASSISTENCIA AOS FAMILIARES DAS VÍTIMAS DE ACIDENTE


AERONÁUTICO

2.12.1. Diretor(a) Administrativo-Financeiro da Empresa em conjunto com o Coordenador(a) de


Logística são responsáveis para o contratação dos serviços funerários, conforme anseios solicitados
pelas famílias.
2.12.2. Determinadas e estabelecidas os anseios dos familiares das vítimas quanto ao local
de destino final dos corpos, caberá ao Coordenador(a) de Logística tomar todas as providências
relativas aos serviços funerários, incluindo transporte dos corpos do local do acidente para o local
do velório e de destino final dos despojos.

2.13. Assistência na Liberação de Despojos e Pertences das Vítimas


2.13.1. O Diretor de Operações ou Assessor Jurídico da Empresa, na ausência deste o advogado
para substituí-lo, serão os responsáveis para realização da orientação aos representantes da
empresa, que serão designados para realizar a retirada, identificação, contagem e elaboração da
lista de pertences das vítimas.
2.13.2. A entrega dos objetos aos familiares será realizada por representante da empresa treinado,
designado para estes fins de conferências e liberação de Despojos.
2.13.3. Na incapacidade da entrega dos despojos, a empresa disponibilizará assessoria jurídica,
referente às requisições de indenização sobre danos a carga e bagagens.
2.13.4. A indenização de bagagem por passageiro do Seguro RETA, poderá não exceder aos
valores praticados pela legislação vigente por quilograma da bagagem sinistrada. (CBA)

2.14. Seguro
2.14.1. Compete à Assessoria Jurídica da Empresa a responsabilidade de assistir juridicamente a
qualquer familiar de vítimas de acidente aeronáutico e/ou representante legal em qualquer questão
relativa ao seguro, visando seu benefício e celeridade no processo para os beneficiários dos prêmios
do seguro.

3. PROCEDIMENTOS DA ADMINISTRAÇÃO AEROPORTUÁRIA


3.1. Procedimentos
3.1.1. O Diretor de Operações coordenará com administração aeroportuária local do aeroporto
afetado pelo acidente aeronáutico ou incidente grave, quando envolver aeronaves da frota da
empresa, utilizando-se instalações do próprio aeroporto para disponibilizar:
I.Centro de Recepção aos Familiares;
II.Centro de Recepção aos Sobreviventes e Centro de Imprensa;
III.Promover segurança e controle de acesso nos centros ativados.

9
01/07/xxxx REV. ORIGINAL Pag
Capítulo:

PLANO DE ASSISTENCIA AOS FAMILIARES DAS VÍTIMAS DE ACIDENTE


AERONÁUTICO

3.1.2. A Autoridade Aeronáutica encaminhará sobreviventes e familiares aos respectivos


centros, e os receberá, até que a empresa xxxxxx Táxi Aéreo Ltda. tenha condições de
assumir a operação desses centros.

4. ANEXOS
4.1. Descrição dos Anexos
4.1.1. Este Plano de Assistência (PLASVI) tem como Anexos:
I.Anexo I, uma relação contendo nome e telefone de contato do pessoal da empresa responsável
pelas ações deste Plano.
II.Anexo II, uma relação constante do contém nome, endereço e telefone dos Órgãos Públicos, comuns
a todas às bases operacionais.
III.Anexo III, uma relação constante do contém nome, endereço e telefone dos Órgãos Públicos e
empresas privadas, relacionadas as ações do PLASVI da Base Operacional de xxxxxx-MA;
IV.Anexo IV, uma relação constante do contém nome, endereço e telefone dos Órgãos Públicos e
empresas privadas, relacionadas as ações do PLASVI da Base Operacional de xxxxxx-AM;
V.Anexo V, uma relação constante do contém nome, endereço e telefone dos Órgãos Públicos e
empresas privadas, relacionadas as ações do PLASVI da Base Operacional de xxxxxx-TO.

10
01/07/xxxx REV. ORIGINAL Pag
Capítulo:

PLANO DE ASSISTENCIA AOS FAMILIARES DAS VÍTIMAS DE ACIDENTE


AERONÁUTICO

5. CHECK-LIST
5.1. Definição do Check- List
5.1.1. O Check-List disciplina as ações a serem tomadas pelos representantes das funções e
responsabilidades estabelecidas no PLASVI.
5.1.2. Cada representante deve conhecer suas funções e sempre ter uma cópia do Check-list de
sua função, podendo ser uma via eletrônica para confirmação das execuções de suas atribuições.

6. REVISÃO E ATUALIZAÇÃO
6.1. Revisão
6.1.1. As revisões no texto e procedimentos deste Plano de Assistência às Vítimas de Acidente
Aeronáutico e Apoio a seus Familiares são da competência exclusiva do Diretor de Operações da
Empresa, mediante aprovação do Gestor Responsável.
6.2. Atualização
6.2.1. Cada detentor deste plano é responsável pela atualização do documento imediatamente após
receber cada revisão do mesmo, dando conhecimento a seus subordinados, direta ou indiretamente,
envolvidos nos procedimentos aqui contidos e suas revisões.

7. DISTRIBUIÇÃO
7.1. Definição da distribuição
7.1.1. O presente Plano de Assistência às Vítimas de Acidente Aeronáutico e Apoio a seus
Familiares (PLASVI) será distribuído para:
I.ANAC – NURAC/RE;
II.ANAC – GEOP;
III.Departamento de Operações;
IV.Coordenação de Vôo;
V.Sistema de Gerenciamento da Segurança Operacional;
VI.Base xxxxxx; e
VII.Base xxxxxx.

11
01/07/xxxx REV. ORIGINAL Pag
Capítulo:

PLANO DE ASSISTENCIA AOS FAMILIARES DAS VÍTIMAS DE ACIDENTE


AERONÁUTICO

8. CONSIDERAÇÕES FINAIS
8.1. Local, responsabilidade, compromisso e coordenação:
8.1.1. A empresa xxxxxx Táxi Aéreo Ltda. possui como base de operação o Aeroporto de xxxxxx/
Aeroporto xxxxxxx, portanto, o presente PLASVI encontra-se disponível em sede sua social e
operacional.
8.1.2. Sob responsabilidade do Departamento de Operações, em local de fácil acesso, e que é do
conhecimento de todos os seus funcionários, inclusive em Ambiente Virtual Corporativo.
8.1.3. O Departamento de Operações deverá prover treinamento do PLASVI para a equipe de
resposta à emergência da sua base operacional.
8.1.4. A empresa xxxxxx Táxi Aéreo Ltda. coordenará, junto aos órgãos e empresas de apoio, suas
respectivas participações no PLASVI.

xxxxxx, MA em 30 de junho de xxxx.

12
01/07/xxxx REV. ORIGINAL Pag
Capítulo:

PLANO DE ASSISTENCIA AOS FAMILIARES DAS VÍTIMAS DE ACIDENTE


AERONÁUTICO

ANEXO I

9. PESSOAL DA EMPRESA

INTEGRANTES TELEFONES
RESID. CELULAR
Gestora Responsável e Diretora
Administrativo/Financeiro

Diretor de Operações

Diretor de Segurança Operacional

Chefe de Pilotos

Coordenação de Voos e Logística

ASSESSORIA JURÍDICA

13
01/07/xxxx REV. ORIGINAL Pag
Capítulo:

PLANO DE ASSISTENCIA AOS FAMILIARES DAS VÍTIMAS DE ACIDENTE


AERONÁUTICO

ANEXO II

10. TELEFONES COMUNS A TODAS BASES OPERACIONAIS DA EMPRESA

AUTORIDADES DA AVIAÇÃO
Autoridade Endereço Telefones
Av. Mal. Mascarenhas de
ANAC-RF Moraes, 6333 - Imbiribeira, (81)2101-6034
Recife.
SHIS QI 05 ÁREA
ESPECIAL 12, LAGO SUL 61 3364 – 8800
CENIPA
– BRASÍLIA/DF, CEP: FAX (61) 3365-1004
71615-600
Av. do Turismo nº 1.350 –
SALVAERO - MN Prédio do CVA – Bairro (92) 3631-2550
Tarumã – xxxxxx - AM.
Av. Júlio César, s/nº -
(91) 3204-9108
COMAR-I Bairro do Souza – xxxxxx -
PA.
Av. Júlio César, s/nº -
COMAR-I (Oficial de Dia) Bairro do Souza – xxxxxx - (91) 3204-9175
PA.
Rod. Arthur Bernardes,
BABE (Oficial de Dia) s/nº - Bairro de Val de (91) 3182-9300
Cans – xxxxxx - PA.
1º Serviço Regional de
Invest. e Prevenção de Av. Pará, s/nº - Bairro Val
(91) 3073-8181
Acidentes Aeronáuticos de Cans – xxxxxx - PA.
(SERIPA-1)

REPRESENTANTE CONSULAR
Órgão Endereço Telefones
Esplanada dos Ministérios,
Palácio do Itamaraty Bloco H - Eixo (61) 2030-8051
Monumental, Brasília - DF

14
01/07/xxxx REV. ORIGINAL Pag
Capítulo:

PLANO DE ASSISTENCIA AOS FAMILIARES DAS VÍTIMAS DE ACIDENTE


AERONÁUTICO

15
01/07/xxxx REV. ORIGINAL Pag
Capítulo:

PLANO DE ASSISTENCIA AOS FAMILIARES DAS VÍTIMAS DE ACIDENTE


AERONÁUTICO

ANEXO III

11. TELEFONES RELACIONADOS A BASE DE -MA

AUTORIDADES ADMINISTRATIVAS AEROPORTUÁRIAS


Aeroporto de xxxxxx Endereço Telefones
Infraero Aeroporto (xx)3524-4666/3524-4555
SGSO Aeroporto (xx)3542-4666
(xx)xx123-3193
Aeroporto (xx) xx124-1302
Gerência de Operações e
Segurança
Bombeiros Aeroporto (xx) 3524-4666

POLÍCIAS, SERVIÇOS DE SALVAMENTO E ADUANEIROS


Órgão Endereço Telefones
Polícia Federal Avenida xxxxxx, s/n, quadra 10, (xx) 3529-2900/ 3525-
lote 10-a - Parque Planalto 2700
CEP: 65.917-301 Fax: (xx) 3529-2970
Polícia Civil Rua Sousa Lima- Centro (xx) 3525-1545
Polícia Militar Rua Leôncio Pires Dourado, s/n (xx) 3525-3095
Bacuri.
Bombeiros Militar R. Leôncio Píres Dourado, 1286 (xx) 3525-1663
União xxxxxx - MA
Receita Federal R. Rui Barbosa, 302, xxxxxx - MA, (xx) 3523-2041
65900-440
Defesa Civil Rua Dom Cesário, Nº 360, Bairro (xx) 8834-0130
Três Poderes, CEP 65.901-230 (xx) 8834-0028
defesacivil@xxxxxx.ma.gov.br
SAMU Av Bernardo Sayão , 2180, Três (xx)2101 0192
Poderes

SERVIÇOS DE ASSISTÊNCIA CIVIL


Órgão Endereço Telefones
Vigilância Sanitária Rua Alagoas 938 (xx) 3524-9722
Conselho Tutelar Rua Godofredo Viana 50 (xx) 3524 9826
Bairro, Centro, xxxxxx, MA
CEP: 65900-100
CREAS Rua Hermes da Fonseca, (xx) 3525 -8617/ (xx)
1204- Juçara xx200-0835
IML – Instituto Médico Rua coletora 2 s/n - Vila (xx) 3582-8957
Legal Vitória

16
01/07/xxxx REV. ORIGINAL Pag
Capítulo:

PLANO DE ASSISTENCIA AOS FAMILIARES DAS VÍTIMAS DE ACIDENTE


AERONÁUTICO

HOSPITAIS PÚBLICOS
Hospital Endereço Telefones
HMI - Socorrão Rua Benedito Leite 861 - (xx)3524-9707
Centro

SERVIÇOS MÉDICOS
Clinicas de Saúde Endereço Telefones
Conselho Regional de Rua Coriolano Milhomem, (xx) 3524-3716
Medicina 39, Centro.
Centro de Psicologia Rua Sergipe, subs. (xx) 3524-2964
Clínico e Empresarial Bernardo Sayão, nº 50, 3
poderes.
Unimed xxxxxx Praça da Meteorologia, 23, (xx) 2101-8700/8701
Beira Rio.

HOTÉIS
Hotel Endereço Telefones
Hotel Imperial Rodovia BR- 010 nº100 – (xx)3529-6100/6102
Jardim São Luis
Hotel São Luís R. Coriolano Milhomem, (xx) 3254-6151
1626 centro

EMPRESAS FUNERÁRIAS
Empresa Endereço Telefones
Funerária Tocantins Rua Luis Domingues, 986 (xx)3524-3475
Centro.

EMPRESAS DE TRANSPORTE
Empresa Endereço Telefones
Açailândia Cargas Rodovia BR-010 603ª (xx)3523-4479
galpão 78 - Bacurí
Localiza rent a car Av. Moacyr xx. Ribeiro – (xx) 3524-1095
Aeroporto

17
01/07/xxxx REV. ORIGINAL Pag
Capítulo:

PLANO DE ASSISTENCIA AOS FAMILIARES DAS VÍTIMAS DE ACIDENTE


AERONÁUTICO

ANEXO IV

12. TELEFONES RELACIONADOS A BASE xxxxxx-AM


AUTORIDADES ADMINISTRATIVAS AEROPORTUÁRIAS
Contatos Endereço Telefones
Infraero Aeroporto (92) 3652-1212/ 3652-
1317/ 3652-1200
SGSO Aeroporto (92) 3652-1340
Bombeiros Aeroporto (92) 3652 -1793/1100

POLÍCIAS, SERVIÇOS DE SALVAMENTO E ADUANEIROS.


Órgão Endereço Telefones
Polícia Federal Av. Domingos Jorge Velho, 40 (92) 3655-1515/ 1517
Bairro Don Pedro II
Polícia Civil Av. Pedro Teixeira , 180, - Dom (92) 3214-2201/2207
Pedro
Polícia Militar Av. Benjamin Contant, s/n – (92) 3214-9417
Petrópolis.
Bombeiros Militar Av. Codajás 1503, Petrópolis – (92) 3216-9379/3216-9377
xxxxxx.
Receita Federal AV. Senador Álvaro Botelho (92) 3233-5180
Maia, 1881 – Adrianópolis.
Defesa Civil Av. Carvalho Leal, 1659 - (92) 3216-9382
Cachoeirinha. CEP 69065-000,
xxxxxx - Amazonas

comadec@comadec.am.gov.br
SAMU Pç Francisco Pereira da Silva (92) 3237-3754
967 - Crespo | CEP: 69073-270
xxxxxx, AM

SERVIÇOS DE ASSISTÊNCIA CIVIL


Órgão Endereço Telefones
Vigilância Sanitária R. Cmte. Paulo Lasmar s/n, (92) 3216-7756
Cj. Santos Dumont, Bairro
Da Paz,
18
01/07/xxxx REV. ORIGINAL Pag
Capítulo:

PLANO DE ASSISTENCIA AOS FAMILIARES DAS VÍTIMAS DE ACIDENTE


AERONÁUTICO

Conselho Tutelar da – Av. André Araújo, 21 Bairro (92)3611-5208


Zona Centro Sul Aleixo.
CRAS Cachoeirinha Avenida Carvalho Leal, s/nº - (92) 3631- 8607
Bairro: Cachoeirinha.
IML – Instituto Médico Av Noel Nutel, 300 Cidade (92)3216-6070
Legal Nova II

19
01/07/xxxx REV. ORIGINAL Pag
Capítulo:

PLANO DE ASSISTENCIA AOS FAMILIARES DAS VÍTIMAS DE ACIDENTE


AERONÁUTICO

HOSPITAIS PÚBLICOS
Hospital Endereço Telefones
Hospital Pronto Socorro 28 Av. Mario Ipiranga, 1581 (92) 3643 -7100
de Agosto Adrianópolis, xxxxxx.

SERVIÇOS MÉDICOS
Clinicas de Saúde Endereço Telefones
Conselho Regional de Av. Raimundo Parente, 06, (92) 3656-0531
Medicina Bairro Da Paz
Conselho Regional de Rua Neves da Fontoura, (92)3584-4320
Psicologia 217 - Adrianópolis.
Unimed Av. Professor Nilton Lins, (92) 3212 2770
3259 - Bloco A - 1°
Pavimento - Bairro Flores.

HOTÉIS
Hotel Endereço Telefones
Hotel Monaco Rua Silva Ramos, Número (92) 2121-5026
20, Centro. xxxxxx
Hotel Millennium Av. Djalma Batista, 1661, (92) 3655-3131
Chapada

EMPRESAS FUNERÁRIAS
Empresa Endereço Telefones
Funerária Imperial Rua Luís Antony, 410, (92) 3232-7009
Centro.

EMPRESAS DE TRANSPORTE
Empresa Endereço Telefones
Benfica Cargas Rua São Bento, 13, Bairro (92) 3237-1942
Da Paz.
Localiza rent a car R. Major Gabriel 1558 – (92) 3233 - 4141
Centro.
NS Navegação Rua Rio Negro, 161 (92) 3232-0305
Educandos.

20
01/07/xxxx REV. ORIGINAL Pag
Capítulo:

PLANO DE ASSISTENCIA AOS FAMILIARES DAS VÍTIMAS DE ACIDENTE


AERONÁUTICO

ANEXO V

13. TELEFONES RELACIONADOS A BASE xxxxxx-TO

AUTORIDADES ADMINISTRATIVAS AEROPORTUÁRIAS


Contatos Endereço Telefones
Infraero Aeroporto (63) 3219-3700
SGSO Aeroporto (63) 3219-3831
Bombeiros Aeroporto (63) 3219-3744

POLÍCIAS, SERVIÇOS DE SALVAMENTO E ADUANEIROS


Órgão Endereço Telefones
Polícia Federal AV Teotonio Figurado 302 (63) 3236-5400
Norte, Qi 1, lote 2, Plano
diretor norte.
Polícia Civil 4 DPC Rua Rio Grande do Norte, (63) 3218 1892/1896
QNE-10, Lt.09 - Jardim
Aureny I
Polícia Militar 1º BPM 303 Sul, Av Ns 5 com LS 5 (63) 3218-2746
- Plano Diretor Sul
Bombeiros Militar Quadra 403 Sul, Avenida (63) 3218-4718
LO com AV NS 5, 09 -
Plano Diretor Sul.
Receita Federal 202 Norte, Av Lo 4, Conj 3, (63)3901-1175
Lote 5-6, Plano diretor
norte
Defesa Civil 103 Sul, Rua SO11, Lote (63)3218-4732
19- Plano Diretor Sul.
SAMU 1002 Sul, conj 01, lote 10- (63)3218-5072
Centro.

SERVIÇOS DE ASSISTÊNCIA CIVIL


Órgão Endereço Telefones
Vigilância Sanitária 504 Sul, Av LO 11, lote 7. (63) 3218 5367/ (63) 3218-
Plano Diretor Sul 5365 - Gerente Silvania
Conselho Tutelar Quadra 904 sul, Av. LO 21, (63) 3218-5194
lote 6 - Plano Diretor Sul.

21
01/07/xxxx REV. ORIGINAL Pag
Capítulo:

PLANO DE ASSISTENCIA AOS FAMILIARES DAS VÍTIMAS DE ACIDENTE


AERONÁUTICO

CRÀS Santa Barbára Quadra 8, Rua 01, Lote 27 (63) 3218-5451


– Setor Santa Barbára
IML – Instituto Médico 304 Sul, Av NS 04 Lote 02 (63) 3218-6840
Legal Centro.

22
01/07/xxxx REV. ORIGINAL Pag
Capítulo:

PLANO DE ASSISTENCIA AOS FAMILIARES DAS VÍTIMAS DE ACIDENTE


AERONÁUTICO

HOSPITAIS PÚBLICOS
Hospital Endereço Telefones
Hospital Geral de xxxxxx 201 Sul, Av. NS 01 (63) 3218-7802
Conjunto 2, lote2- Plano
Diretor Sul

SERVIÇOS MÉDICOS
Clinicas de Saúde Endereço Telefones
Conselho Regional de Avenida Joaquim Teotônio (63) 2111-8100
Medicina Segurado, Quadra 702
Sul, Conjunto 1 Lote 1
Plano Diretor Sul
Conselho Regional de Quadra 107 Norte, Rua (63) 3215-1663
Psicologia NE-7, Lote 4 Plano Diretor
Norte
Unimed 401 Sul, Av NS 1, (63) 3219 5700
Conjunto 2, lote 3-5 Centro

HOTÉIS
Hotel Endereço Telefones
Girassol Plaza 101 Norte Rua NS A (63) 3212-0202
Conjunto 02 Lote 04
Hotel Munart Quadra 104 Sul, Av. LO- (63) 3219-3500
03, Nº53, xxxxxx

EMPRESAS FUNERÁRIAS
Empresa Endereço Telefones
Funerária Paxtins 210 Sul, Alameda Lo 05, (63) 3213-1134
lote 9, Plano Diretor Sul

EMPRESAS DE TRANSPORTE
Empresa Endereço Telefones
Mudança e Transporte Quadra 110 norte, (63) 3217-2145
Mude Melhor Alameda 23, Nº 77, Centro
Localiza Rent a Car Rua SO 03, nº 107, Centro (63) 3223-8700

23
01/07/xxxx REV. ORIGINAL Pag
Capítulo:

PLANO DE ASSISTENCIA AOS FAMILIARES DAS VÍTIMAS DE ACIDENTE


AERONÁUTICO

INTENCIONALMENTE EM BRANCO

24