Você está na página 1de 17

Como preparar

a empresa para a
TRANSFORMACÃO
DIGITAL

COMO PREPARAR A EMPRESA PARA A TRANSFORMAÇÃO DIGITAL


1
E m 2017, a Netflix lançou a série Black Mirror para mostrar
O ponto de mutação entre esses dois mundos aconteceu nos anos
90, quando testemunhamos o aumento da velocidade dos avanços
os impactos das tecnologias digitais no futuro. A obra explora tecnológicos. Desde então, as mudanças acontecem de forma
não apenas os efeitos esperados dos dispositivos e ferramentas exponencial. O meio físico se fundiu com o digital e a população
digitais, mas também as repercussões negativas que essas conectada se apropriou das mídias para que também pudesse se
inovações causam em nossas vidas. Os episódios já abordaram pronunciar, gerando um choque entre o velho e o novo produtor de
temas como alienação tecnológica e preconceito, conteúdo - completamente independente. O consumidor
vida eterna com transferência computacional, como protagonista alterou toda a dinâmica do mercado,
manipulação por meio de wearables, entre outros. inverteu o vetor de marketing, obrigando os gestores
A forma criativa e impactante que o filme é a pensarem fora da caixa e a implementarem novas
conduzido logo emplacou o bordão “Isso é estratégias que levassem a essa transformação
muito Black Mirror”, invadindo as redes digital.
sociais de memes e teorias da conspiração.

Mas de que transformação digital estamos


Essa não é a primeira vez que filmes que falando? Para os profissionais que atuam no
retratam a relação humana com o mundo portal Agile Elephant, essa mudança engloba
digital demonstram o impacto das tecnologias questões como modernizar a liderança das empresas,
sobre os seres humanos. Matrix (1999), desde questões como alterações na cultura, passando
Inteligência Artificial (2001) e Her (2013) são outros por incentivo à inovação e novos modelos de negócio, até
exemplos. É interessante observar que, à medida que a utilização crescente de tecnologia. David Rogers, no livro
essas obras são lançadas, a transformação digital vai ficando Transformação digital: repensando o seu negócio para a era digital,
cada vez mais próxima e enraizada no cotidiano. Ela deixou de também corrobora com a premissa de que a transformação digital não
fazer parte apenas dos enredos dos filmes e dos livros de ficção tem a ver apenas com tecnologia. Para ele, a era digital exige que os
científica e invadiu os lares, as escolas e as empresas, de todos gestores atualizem muito mais a própria mentalidade estratégica do que
os segmentos. a estrutura de TI de suas empresas.

COMO PREPARAR A EMPRESA PARA A TRANSFORMAÇÃO DIGITAL


2
A linha que separa os dois comportamentos é muito tênue. Se antes
a liderança era responsável por adquirir recursos tecnológicos com o Este e-book está dividido da seguinte
objetivo de otimizar processos, reduzir riscos e melhorar a gestão dos forma:
negócios, hoje, esse profissional precisa adotar uma postura muito
mais estratégica, explorando o aparato tecnológico para reinventar o → O que as empresas têm a ver com a
modelo de negócio em si. transformação digital?

Neste material, você entenderá que fazer a transformação digital → Como preparar a empresa para
acontecer na empresa é muito mais do que migrar os dados para a transformação digital?
nuvem ou investir em mídias sociais. É integrar os vários ativos da
organização, experimentar, lidar com as ideias que não deram muito → Quem é o responsável pela
certo e, principalmente, repensar a forma de entregar valor para o transformação digital?
cliente.
→ 3 comportamentos que promovem
a inovação digital

→ Qual o papel do RH na
transformação digital?

→ Transformação digital e novas


formas de trabalho

BOA LEITURA! → Conclusão

COMO PREPARAR A EMPRESA PARA A TRANSFORMAÇÃO DIGITAL


3
O que as empresas
têm a ver com a
transformação
digital?
Não importa qual o tamanho da sua empresa, certamente você já
deve ter percebido que é preciso pensar em novas estratégicas para
acompanhar as transformações causadas pelo avanço da tecnologia.
A pergunta de um milhão de dólares é: como tornar a empresa
competitiva (e relevante) à medida que o mundo se torna cada vez
mais digital? E a resposta pode ser meio decepcionante. Não existe
fórmula pronta. Cada organização sente os impactos e desenha seus
processos da forma mais alinhada à sua maturidade digital.

No entanto, o que deve ser comum a todas as empresas é a mudança


no mindset. É essencial desafiar diariamente o status quo, sair da
zona de conforto, experimentar novos modelos de negócio e se sentir

COMO PREPARAR A EMPRESA PARA A TRANSFORMAÇÃO DIGITAL


4
confortável caso algumas ideias inovadoras não atinjam os resultados
esperados. Isso significa se afastar de processos antigos e se aproximar No entanto, não será fácil. As previsões da IDC para os CIOs em 2018
cada vez mais de práticas que ainda estão sendo definidas. refletem: “Até 2019, arrastado por imperativos de transformação
digital conflitantes, inovação tecnológica ineficiente, transição de
O especialista Carlos Piazza lembra, neste vídeo sobre infraestrutura de nuvem e sistemas básicos de fim de vida sem
Sustentabilidade, Inovação e Tecnologia, da pesquisa realizada pela financiamento, 75% dos CIOs e suas empresas irão falhar para atender
Babson College que apontou que 40% das empresas listadas na a todos os seus objetivos digitais.”
revista Fortune 500 deixarão de existir por falta de adaptabilidade.
Assim, os líderes preocupados em manter seus negócios ativos devem Se você faz parte do grupo que ainda não começou a se mexer
concentrar os esforços em garantir suporte e colaboração em toda a para preparar a empresa para o futuro, confira alguns motivos para
empresa para obter a transformação digital desde o início. começar:

E mesmo que o investimento das empresas com transformação Os seus concorrentes podem estar começando agora
digital alcance 1,7 trilhão de dólares em todo o mundo até 2019, ainda mesmo
existem gestores que não acreditam que é preciso se reinventar. Os
dados são da projeção realizada pela FutureScape: Worldwide Investir em tecnologia de forma eficaz aumenta os
Digital Transformation 2018 Predictions que previu ainda um lucros da empresa
aumento de 42% na movimentação financeira do setor em relação a
2017. Otimizar processos proporciona melhor a qualidade
de vida no trabalho
Líderes empresariais têm recebido amplamente a mensagem. A
pesquisa da IDC “FutureScape: Worldwide Digital Transformation
2018 Predictions” relatou: “Até o final de 2019, os gastos com a
transformação digital (DX) atingirão US $ 1,7 trilhão em todo o mundo,
um aumento de 42% em relação a 2017”.

COMO PREPARAR A EMPRESA PARA A TRANSFORMAÇÃO DIGITAL


5
Como preparar
Carlos Piazza, no TEDx Não confunda trabalho com emprego e tudo
isso com a sua vida, fala sobre as relações de trabalho em tempos da
velocidade exponencial dos avanços tecnológicos e transformação

a empresa para
digital. Para ele, as empresas que chegarão no século 22 são aquelas
que conseguirão pensar de forma digital, ter uma identidade digital
e criar uma economia digital. Atingir esse patamar passa por uma

a transformação
mudança de paradigma, ou seja, transformar o pensamento analógico
em digital e entender, por exemplo, os conceitos de cibridismo e
ubiquidade. O primeiro refere-se à entrada e saída do mundo digital,

digital?
movimento intensificado pela mobilidade. Já o segundo, trata da
possibilidade de estar em todos os lugares ao mesmo tempo graças
aos smartphones.

COMO PREPARAR A EMPRESA PARA A TRANSFORMAÇÃO DIGITAL


6
Porém, como chegar neste cenário? Abordamos no início deste
e-book que a transformação digital vai muito além do investimento
em tecnologia de ponta. Essa etapa de planejar e executar a estrutura
é a parte do processo que pode ser terceirizada. No entanto, a
transformação digital é também uma questão de recursos humanos,
pois o trabalho de implementação e de adaptação é responsabilidade
de toda organização.

Uma pesquisa realizada pela MIT Solan Management Review


apontou que as empresas inovadoras que saem na frente quando o
assunto é transformação digital investem em três áreas principais:
experiência do cliente, processos operacionais e modelos de negócios.
Cada uma delas subdivide-se em mais três elementos, formando,
assim, 9 pilares básicos para a transformação digital:

E por onde começar? A transformação digital geralmente se inicia com


o cliente: como conhecê-los, como melhorar os serviços e digitalizar
a experiência. Hoje as empresas conseguem identificar o histórico
de compra, os pontos de contato com a marca e muito mais. Qual a
maturidade deste projeto em sua organização? Você está pronto para
dar o próximo passo?

COMO PREPARAR A EMPRESA PARA A TRANSFORMAÇÃO DIGITAL


77
Quem é responsável
Confira, abaixo, as habilidades que não podem faltar no perfil desse
profissional:

pela transformação Liderança para identificar e desenvolver


os stakeholders necessários para a

digital?
transformação digital

Habilidade para dissolver com empatia


alguns departamentos com o objetivo
de tornar a empresa mais transversal e
com estruturas híbridas

Há quem acredite que o CEO é o grande responsável pela transformação


Absorver com eficácia a cultura da
digital em uma empresa. Em organizações como Uber, AirBnB e Tesla,
empresa e conseguir gerenciá-la
eles são mesmo. Mas, longe do mundo das startups globais, não são
todos os líderes que conduzem organizações com uma mentalidade
digital desenvolvida.
Entender as linguagens utilizadas nos
Para esses casos que, na verdade, são a maioria, Jo Caudron e Dado setores de marketing, TI e financeiro
Van Peteghen explicam no artigo Who should lead your digital
transformation? The CEO, CIO, CMO,…? que o ideal é criar uma diretoria
digital. O profissional responsável trabalharia fixo na equipe e construiria, Conhecimento digital completo:
ao lado do CEO, uma visão de futuro, engajando colaboradores e e-commerce, transações, marketing,
promovendo uma visão mais transversal da organização. mídias sociais, análise de dados

COMO PREPARAR A EMPRESA PARA A TRANSFORMAÇÃO DIGITAL


8
3 comportamentos
feito para recuperar essa confiança? A resposta é até óbvia: investir
em treinamento e capacitação.

que promovem a Contudo, a mesma pesquisa apontou que houve uma redução de
25% para 10% do investimento em experiência humana. Um item
não sobrevive sem o outro. São as pessoas que operam as máquinas.

transformação digital Investir nelas é fundamental para que a transformação digital


aconteça de fato.

2. Desistir de
1. Aumentar o acompanhar
QI digital todas as
O QI digital nada mais é do que
a capacidade de usar novas
tecnologias. Há dez anos a Pwc estuda esse índice nas empresas -
inovações
como elas investem e lucram com tecnologia? O estudo, publicado Um pensamento equivocado que alguns líderes têm é o de que seus
em 2017, mostrou que os executivos perderam a confiança em suas concorrentes estão muito à frente quando o assunto é transformação
habilidades digitais. O QI digital era considerado forte por 66% dos digital. Esqueça isso! As mudanças que ocorrem nas organizações
líderes em 2014, 67% em 2015 e por um pouco mais da metade em não têm precedente histórico e todos os gestores estão tentando
2016 (ano analisado na publicação do ano passado). O que pode ser acompanhá-las. Porém, lembre-se de que elas não ocorrem mais de

COMO PREPARAR A EMPRESA PARA A TRANSFORMAÇÃO DIGITAL


9
forma linear. Assim, ao invés de gastar muito dinheiro para contratar investimento em tecnologia isolado de novas políticas de recursos
a mais avançada ferramenta tecnológica disponível, concentre-se humanos e de melhorias na experiência do usuário. O colaborador
em organizar a casa. Invista em planejamento estratégico, contrate não quer apenas um emprego, ele quer propósito e também fazer
uma consultoria para redesenhar processos, analise se o legado parte do sucesso da organização. Da mesma forma, o cliente não quer
tecnológico da sua empresa ainda cumpre o papel desejado. apenas comprar um produto, ele quer uma experiência cada vez mais
personalizada e próxima dos seus ideais.
Tom Puthiyamada, no artigo Gaining a Perspective on Digital IQ,
aconselha os gestores a expandir a visão sobre o digital: amadureça No TEDx Não confunda trabalho com emprego e tudo isso com
os objetivos do seu negócio e defina qual o tipo de experiência a sua a sua vida, Carlos Piazza também enfatiza que as empresas que
empresa quer entregar para os colaboradores e clientes. Para ele, ganharão destaque serão aquelas que farão coisas muito simples e
o QI digital de uma organização só aumenta quando as vozes são voltadas para experiência humana. Para ele, viveremos uma espécie
ampliadas. Ou seja, é preciso acolher ideias dos profissionais de TI, de paradoxo: quanto mais tech, mais touch seremos. Isso significa
comunicação, financeiro, entre outros. Oportunizar esse diálogo faz afirmar que, quanto mais tecnologia aportada, mais daremos valor as
com que a equipe estabeleça, de forma colaborativa, quais são as coisas simples da vida — cozinhar para os amigos, utilizar temperos
prioridades no âmbito digital. orgânicos, cheiro de terra molhada, entre outros. Reserve um tempo
na agenda para orientar as estratégias dos negócios com esse

3. Investir em propósito e avalie qual percepção que os colaboradores e os clientes


têm sobre sua empresa. Humanize-se!

experiência
humana
Estamos batendo nessa tecla desde a introdução do e-book
Como preparar a empresa para a transformação digital: não há

COMO PREPARAR A EMPRESA PARA A TRANSFORMAÇÃO DIGITAL


10
Qual o papel do RH
na transformação
digital?
Á área de Recursos Humanos precisa acompanhar a transformação
digital e isso não é novidade. Seus colaboradores provavelmente
devem ter um grupo no WhatsApp para falarem sobre trabalho. Eles
também conseguem com apenas um click um meio de transporte para
comparecerem a uma reunião. Por outro lado, de que forma esses
mesmos colaboradores pedem férias? Certamente, enviam diversos
e-mails, assinam alguns papéis, organizam atividades no Excel antes
de programar as férias. Talvez, esse demorado processo também
ocorra no gerenciamento das horas trabalhadas ou no fechamento da
folha de pagamento. Tudo isso nos leva a admitir que o setor de RH
está atrasado. Ele não conseguiu acompanhar o avanço tecnológico.
Muitas empresas ainda insistem em utilizar softwares antigos, com
modelos de dados limitados e que não abrem espaço para processos

COMO PREPARAR A EMPRESA PARA A TRANSFORMAÇÃO DIGITAL


11
mais modernos. Além disso, muitos gestores estão presos a modelos da época em que as mudanças ocorriam de forma linear, de quando havia
possibilidade de realizar um planejamento estratégico de 5 anos. O RH em tempos de transformação digital é empurrado, portanto, para assumir um
papel mais estratégico: o de transformar as organizações em empresas digitais e não apenas digitalizar processos.

O artigo Digital HR: platforms, peole and work apontou que, para que as áreas de Recursos Humanos atuem de forma mais estratégica, os líderes
precisam direcionar suas ações para três pontos:

1. Tornar a força de trabalho digital


O primeiro passo é redefinir o papel da área na empresa e, como já enfatizamos
anteriormente, isso passa pela mudança do mindset dos líderes do setor. Assim,
é essencial atrair para a organização pessoas com um DNA digital, prontas para
atualizar os sistemas legados, as ferramentas antigas de treinamento, de gestão de
desempenho e de recrutamento, além de implementar a cultura de inovação e de
compartilhamento entre os colaboradores.

2. Criar um ambiente de trabalho digital


Para criar um ambiente de trabalho digital que simplifique a comunicação e proporcione o compartilhamento
entre os colaboradores é fundamental utilizar recursos modernos de organização e de troca de mensagens.
No post Precisa se organizar? 4 ferramentas digitais para consultores e gestores, apresentamos algumas
ferramentas que promoverão o engajamento e o aumento da produtividade dos funcionários.

COMO PREPARAR A EMPRESA PARA A TRANSFORMAÇÃO DIGITAL


12
3. Operar de forma digital
O estudo apontou ainda que 56% das empresas estão criando novos desenhos
de processos com foco em ferramentas digitais. Entre as organizações
entrevistadas, 33% utilizavam recursos de inteligência artificial nas soluções
de RH e 44% trabalhavam com aplicativos que visam otimizar as rotinas no
departamento. Dessa forma, se a sua empresa não conta com um ambiente de
trabalho digital, trate de experimentar novas soluções agora mesmo.

É importante ressaltar que não existe uma estratégia correta de Recursos Humanos, principalmente no que se refere à tecnologia. O RH digital é
construído na base da inovação e da experimentação e, como seu objetivo é atuar de forma mais estratégica, muitos líderes têm contratado profissionais
mais jovens. Isso porque essas pessoas contam com experiência digital, sentem-se confortáveis em trabalhar sozinhos e em dividir seus conhecimentos
com a equipe.

O artigo Digital HR: platforms, peole and work também pontuou que, embora o RH esteja passando por um redesenho, as responsabilidades anteriores
não desapareceram. Ou seja, esse departamento continua recrutando talentos, gerenciando desempenho e construindo um ambiente de trabalho
atraente. A grande diferença é que o RH inovador e mais estratégico deve organizar a empresa em torno das equipes — com diversidade de pensamento,
cultura, carreira e conhecimentos —, além de requerer conhecimento de ferramentas digitais.

É importante reforçar que introduzir a tecnologia na organização não se trata apenas de levar os dados para a nuvem. As soluções devem ser incorporadas
(e personalizadas) ao fluxo de trabalho das organizações. Empresas como o Royal Bank of Canada e a Ford já contam com profissionais de design
no departamento de Recursos Humanos. O objetivo é utilizar a nuvem apenas como uma plataforma, projetando-a conforme as especificidades da
organização.

COMO PREPARAR A EMPRESA PARA A TRANSFORMAÇÃO DIGITAL


13
Transformação Por outro lado, os robôs também estão montando carros, registrando
compras em supermercados, fazendo cirurgias, entre outras atividades.

digital e novas Essas substituições provocam medo em alguns profissionais,


pois há quem acredite que a automação será responsável pela
demissão em massa de trabalhadores. No entanto, a Inteligência

formas de trabalho Artificial proporciona mais pontos positivos do que negativos, como
os robôs colaborativos, por exemplo, que desempenham as tarefas
mais pesadas, deixando o trabalho intelectual para as pessoas.

Assim, podemos afirmar que os empregos que


A Inteligência Artificial e o aprendizado de máquina têm
desaparecerão com o tempo são os ditos mecânicos e
revolucionado a área de RH, principalmente no que se
repetitivos, como a montagem de carros e a limpeza
refere ao recrutamento e planejamento de carreira.
de edifícios. E novas formas de trabalho surgirão
Graças ao chatbots, já é possível selecionar
a partir da transformação digital. No TEDx Não
candidatos alinhados à cultura da empresa e
confunda trabalho com emprego e tudo isso
ao perfil da vaga em aberto. Essa nova forma
com a sua vida, Carlos Piazza destaca um
de trabalho eliminou pilhas de currículos
dado da Universidade de Oxford de que,
e dispensou horas de entrevistas e de
em 20 anos, 57% dos empregos serão
cadastramento de vagas em sites de
substituídos por robôs. Ele também
emprego. Otimizou, portanto, o tempo
apresenta algumas profissões que surgirão
de quem era o responsável por essas
no futuro: fazendeiros urbanos, planejador
atividades. Com mais tempo em sua jornada
de velhice, piloto civil de drones, psicólogo de
de trabalho, esse profissional pode envolver-se
robôs, entre outras.
cada vez mais com a estratégia que promoverá a
transformação digital.

COMO PREPARAR A EMPRESA PARA A TRANSFORMAÇÃO DIGITAL


14
Conclusão
Ter sido bom e revolucionário no
passado não garante um lugar de
destaque no futuro. A transformação
digital é perene. Se as empresas
quiserem evoluir no mesmo ritmo
A transformação digital saiu das
acelerado da mudança digital,
telas de cinema e modificou a forma
devem trabalhar para aumentar a
de se relacionar, de consumir e
eficiência por meio da tecnologia,
de administrar empresas. Não há
além de investir em experiências
mais como negar que a tecnologia
humanas, pois uma transformação
evolui em escala exponencial
não acontece sem sem a outra.
e que as organizações que não
se prepararem ficarão para trás.
A partir dessas mudanças, o RH
No entanto, ao contrário do que
passa a ser muito mais estratégico.
muitos líderes pensam, promover
Esse setor continuará responsável
a transformação digital não é
pelas contratações e treinamentos
possuir um site ativo, responder
e por promover o bem-estar
aos clientes por meio das redes
no ambiente de trabalho. No
sociais ou investir em aplicativos
entanto, será aliado da gestão
e ferramentas tecnológicas de
na transformação digital, já que
ponta. Trata-se de uma mudança no
criará um ambiente voltado para
mindset dos gestores, da integração
o digital que incentive a cultura de
da tecnologia em todos os
inovação e o compartilhamento de
processos e de mudanças na forma
conhecimento entre os membros da
de entregar valor para o cliente.
equipe.

COMO PREPARAR A EMPRESA PARA A TRANSFORMAÇÃO DIGITAL


15
Referências
1. High level digital transformation diagnostic. Agile elephant.
2. Rogers, D. R. Transformação digital: repensando o seu negócio para era digital. São Paulo: Autêntica Business, 2017.
3. Carlos Piazza. Sustentabilidade, Inovação e Tecnologia. Fiap, 2017.
4. Carlos Piazza. Não confunda trabalho com emprego e tudo isso com a sua vida. TEDX Salon São Paulo, 2018.
5. George Westerman, Didier Bonnet and Andrew McAfee. The nine elements of digital transformation. MITSloan Management Review, 2014.
6. Jo Caudron and Dado Van Peteghem. Who should lead your digital transformation? The CEO, CIO, CMO,…?. Digital Transformation 2014.
7. Key findings. PricewaterhouseCoopers, 2017.
8. Tom Puthiyamadam. Gaining a Perspective on Digital IQ. Medium, 2017.
9. Erica Volini, Pascal Occean, Michael Stephan and Brett Walsh. Digital HR: platforms, peole and work. Deloitte insights, 2017.
Sobre a Beefind

Plataforma digital, também conhecida como HRtech por


trazer inovação no setor de RH, propõem um novo modelo
de contratação de consultores empresariais e profissionais
de educação corporativa.

A Beefind conta com um cadastro nacional de consultores


para palestras, treinamentos e consultoria, todos com CNPJ
e referências.

Acesse www.beefind.com.br e conheça as vantagens.

Você também pode gostar