Você está na página 1de 16

Disciplina: Processos Psicológicos Básicos II

• Agora vamos realizar um REVISÃO dos


temas estudados na Disciplina Processos
Psicológicos Básicos II

É esperado, que ao final, você reconheça os


conceitos centrais apresentados nos SEIS
módulos:

I- CONSCIÊNCIA; II- INTELIGÊNCIA;


III- MEMÓRIA; IV- APRENDIZAGEM
V- PENSAMENTO e LINGUAGEM;
VI- EMOÇÃO
Unidade I - CONSCIÊNCIA

Consciência DESPERTA
Estar ciente de nós mesmos
e de tudo que nos cerca

Estados alterados de Consciência


DROGAS
1- Estimulantes 2- Depressivas
3-Alucinógenas
SONO E SONHOS
O sono é influenciado pelo ritmo biológico de 24 horas
chamado de ritmo circadiano
O ESTAR CIENTE,
característico de
nossa consciência,
nos permite exercer
controle voluntário
e comunicar nosso
grau de consciência
aos outros;
ela é também a ponta
do iceberg do
processamento da
http://pro.corbis.com/Enlargement/Enlargement.aspx?id=42-18115818&caller=search
informação
• A relevância do seu
• Os estados alterados de estudo na Psicologia
consciência como
sonhar ou estados Busca constante dos
induzidos por uso de estados alterados
drogas, atraíram desde
sempre a atenção do ser
humano que se sentiu Uma patologia quando
preso dentro consciência única maneira de
mundana do dia-a-dia lidarmos com o peso da
nossa consciência
desperta
Unidade II – INTELIGÊNCIA E CRIATIVIDADE
A primeira Escala de
As definições Inteligência
existentes - Alfred Binet – 1900

DOIS aspectos Revisão das Primeiras Escalas


Willian Stern – 1912
Termo Q.I. – Quociente de
• Capacidade de inteligência
adaptação
Terman – 1916
Definição inteligência
• Capacidade de Capacidade de resolver problemas

aprender
Gardner e a Teoria das TIPOS DE INTELIGÊNCIA
Inteligências Múltiplas

• Inteligência - habilidade • Verbal-linguística


para resolver problemas ou
criar produtos que sejam • Lógico-matemática
significativos em um ou • Espacial
mais ambientes culturais • Cinestésico-corporal
• Musical
• Existem formas diferentes
de ser inteligente Uma • Interpessoal
pessoa pode destacar-se • Intrapessoal
das demais em uma área • Naturalistica
Inteligência Artificial (I.A) Criatividade

• Surgimento:1960 com o Envolve geração de ideias


sub-área das ciências da originais, novas e úteis -
computação “combustível”:
IMAGINAÇÃO
• Desenvolver sistemas
computacionais inteligentes Pessoas criativas

- sensibilidade elevada
Linguagem, memória, - dispostas a enxergar novas
capacidade de resolução possibilidades
de problemas - buscar novas relações entre
as coisas
Unidade III – MEMÓRIA
“ Uma competência de Processamento de
armazenar e recuperar a informação
informação, como também é um
indicativo de que a
aprendizagem persistiu através Conduzir a informação
dos tempos. São construções ao cérebro (codificação)
pessoais”
Reter a informação
“ Forma a base do nosso
(armazenamento)
conhecimento, de modo a estar
envolvida com a nossa
orientação no tempo e no Resgatar a informação
espaço, como também em (recuperação)
relação às nossas habilidades
intelectuais e mecânicas”
ESQUECIMENTO OS DIFERENTES
TIPOS DE MEMÓRIA
Falha na codificação
da informação MEMÓRIA – Três
ESTÁGIOS
Falha na recuperação
– perda de pistas Registro – Memória
Sensorial
Freud: “Esquecimento Processamento – Memória a
motivado” curto prazo
Mecanismo de Defesa - Codificação – Memória a
longo prazo
Recalque
Unidade IV – APRENDIZAGEM

O QUE É?

“Um conjunto de processos psicológicos


(cognitivos, emocionais, motivacionais e
comportamentais) que permitem que as
pessoas adquiram (ou aprendam) algo
novo”
Unidade V – PENSAMENTO E LINGUAGEM

Determinismo lingüístico
(Whorf, 1930)
http://www.todayinsci.com/4/4_24.htm

“Linguagem apresenta diferentes


conceitos de realidade ao homem e
por tanto molda as suas idéias”
Pensamento e resolução de problemas
Pensamento refere se à - Resolução heurística
atividade mental de relacionar, - Resolução via algoritmo
compreender e comunicar
informações - Resolução tentativa e erro

- Insight
Conceitos
+ Com maior carga afetiva
aumenta complexidade do
Protótipos problema

Controle emocional
www.kazuya-akimoto.com/blog4/2008/03

atenção
Unidade VI – EMOÇÃO
EMOÇÃO

Uma mistura de ativação


fisiológica

Expressão de
comportamento

Experiência consciente

Figura 1 – Os ingredientes da
Sentimentos Emoção
TEORIAS DA EMOÇÃO

1- A Teoria de James-Lange
Nós sentimos a emoção após ter
percebido nossa resposta
fisiológica

2- A Teoria de Cannon-Bard
Nós sentimos as emoções
concomitantemente à resposta
de nosso corpo

3- A Teoria Bifatorial de Schachter


http://www.corbisimages.com/Enlargement/Enlargement.aspx?
id=42-20913332&caller=search As emoções tem dois componentes:
excitação física e o rótulo
cognitivo
•Responsável pelo Conteúdo:
•Prof. Dra. Maria Aparecida Conti
• Lattes: http://lattes.cnpq.br

www.cruzeirodosulvirtual.com.br

Campus Liberdade
R. Galvão Bueno, 868
01506-000
São Paulo SP Brasil
Tel: (55 11) 3385-3000

Você também pode gostar