Você está na página 1de 6

Owntec Soluções em Engenharia Ltda

MF07 ESTUDO DO ESCOAMENTO EM TUBULAÇÕES

 Av. Independência 2293, bloco 16 sala 1608 – Universitário - CEP 96815-605 - Santa Cruz do Sul - RS
 +55-51-40422080  +55-51-999988033  www.owntec.com.br  contato@owntec.com.br
Owntec Soluções em Engenharia Ltda

Apresentação do Equipamento

A utilização de tubulações para a transferência de líquidos, faz parte do nosso


cotidiano, no entanto, apesar de aparentemente simples, uma série de fenômenos
estão presentes, sendo necessária sua compreensão para que, sistemas de
tubulações sejam projetados e implementados de maneira adequada.
Os estudos relacionados a medição de vazão, as tubulações, as perdas de
carga distribuídas e localizadas, as características básicas de uma motobomba, são
fundamentais nos cursos que abordam a mecânica dos fluidos.
O equipamento MF07 Estudo do Escoamento em Tubulações, agrega em uma
montagem, os elementos necessários a realização de práticas demonstrativas,
relacionadas ao escoamento interno em tubulações, permitindo aos estudantes
desenvolver uma série de competências, durante os cursos que tratam deste tema.

 Av. Independência 2293, bloco 16 sala 1608 – Universitário - CEP 96815-605 - Santa Cruz do Sul - RS
 +55-51-40422080  +55-51-999988033  www.owntec.com.br  contato@owntec.com.br
Owntec Soluções em Engenharia Ltda

Descrição Geral do Equipamento

O equipamento é constituído por uma estrutura tipo bancada com tampo em


aço e com rodízios para facilitar sua mobilidade. Essa estrutura dá suporte ao sistema
de fornecimento de fluxo, ao painel de tubulações, ao quadro de comando elétrico e
demais componentes.
O sistema de fornecimento de fluxo, da bancada é composto por reservatório
de fluido, motobomba e um conjunto de válvulas, que permitem direcionar o fluido para
a tubulação de interesse e estabelecer diferentes vazões conforme a necessidade de
estudo.

O painel de tubulações é constituído por uma estrutura em aço, na qual estão


instaladas tubulações com diferentes características de diâmetro e rugosidade,
válvulas, conexões e acessórios, comumente empregados nas instalações
hidráulicas. Integra também o painel de tubulações um medidor de vazão tipo
rotâmetro.

 Av. Independência 2293, bloco 16 sala 1608 – Universitário - CEP 96815-605 - Santa Cruz do Sul - RS
 +55-51-40422080  +55-51-999988033  www.owntec.com.br  contato@owntec.com.br
Owntec Soluções em Engenharia Ltda

** Outros dispositivos utilizados para medir vazão como tubo de Venturi, tubo
de Pitot, são fornecidos como opcionais.

As tubulações empregadas são de pvc, de cor branca e com conexões


roscáveis, que conferem além excelente aparência, maior resistência e durabilidade
ao equipamento, são dotadas de pontos para tomada de pressão, instalados ao longo
das tubulações. As conexões aos pontos de tomada de pressão são do tipo engate
rápido para mangueira, podendo ser utilizado com o Painel Manômetro Diferencial de
Coluna de Fluido e Piezômetro ou outro dispositivo de medição de pressão adequado.
** O Painel Manômetro Diferencial de Coluna de Fluido e Piezômetro é
fornecido como opcional.

A alimentação elétrica do equipamento, é realizada a partir de um cabo


multipolar e plug industrial e o acionamento da motobomba realizada por meio do
painel de comando equipado com botão liga/desliga, chave de emergência, contatora,
relé térmico e disjuntor diferencial residual.
O equipamento disponibiliza os recursos necessários, ao desenvolvimento de
atividades práticas de estudo, da perda de carga em tubulações e acessórios, da
medição de vazão com rotâmetro e demais abordagens da mecânica dos fluidos.
 Av. Independência 2293, bloco 16 sala 1608 – Universitário - CEP 96815-605 - Santa Cruz do Sul - RS
 +55-51-40422080  +55-51-999988033  www.owntec.com.br  contato@owntec.com.br
Owntec Soluções em Engenharia Ltda

Especificações técnicas

 Estrutura: tipo bandada;


 Dimensões: 2000mm x 725mm x 1700 mm (L x P x H);
 Tampo: confeccionado em aço;
 Rodízios: com revestidos de poliuretano;
 Sistema de Bombeamento
 Reservatório de água: em inox com capacidade de 280 litros;
 Motobomba: centrífuga com rotor fechado de alumínio;
 Motor: monofásico ½ CV, tensão elétrica de 127/220 Vac;
 Pressão máxima: 23mca;
 Vazão máxima: 7,7 m³ /h a 8mca e 3,4 m³/h a 20mca;
 Quadro de comando elétrico: adequado a NR12;
 Tubulações: em PCV, com conexões roscáveis nos diâmetros de 1”, ¾
“ ½”.
 Tubulação de 1” com rugosidade alterada;
 Diferentes acessórios e válvulas instalados na tubulação: junção 45º, tê,
luva de redução, curva 90º, joelho 90º, joelho 45º, luva, união, válvula
globo, válvula de gaveta, válvula de esfera;
 Medidor de vazão: tipo rotâmetro capacidade de 0,7 a 7m³/h;

Opcionais:
**Medidor de vazão diferencial tipo Venturi em acrílico cristal;
**Medidor de vazão diferencial tipo placa de orifício;
**Sistema medidor de velocidade do fluido tipo Tubo de Pitot em acrílico;
**Painel Manômetro Diferencial de Coluna de Fluido e Piezômetro;
** Tubulação de materiais diferentes do PVC.

 Av. Independência 2293, bloco 16 sala 1608 – Universitário - CEP 96815-605 - Santa Cruz do Sul - RS
 +55-51-40422080  +55-51-999988033  www.owntec.com.br  contato@owntec.com.br
Owntec Soluções em Engenharia Ltda

Aplicações Práticas Propostas

O equipamento MF07 Estudo do Escoamento em Tubulações, permite a


realização de atividades práticas de apoio, as abordagens teóricas relacionadas a:
1. Medida de pressão com manômetros de coluna de fluido, (**);
2. Medida de pressão com uso de piezômetro, (**);
3. Medida de pressão diferencial com manômetro de coluna de fluido, (**);
4. Medida de vazão com uso do tubo de Venturi, (**);
5. Calibração do medidor de vazão tipo tubo de Venturi, (**);
6. Medida de vazão com uso de placa de orifício, (**);
7. Calibração do medidor de vazão tipo placa de orifício, (**);
8. Medida de velocidade do fluido em tubulações com tubo de Pitot, (**);
9. Medida da vazão em tubulações com uso do tubo de Pitot, (**);
10. Perfil de velocidade em tubulações (Tubo de acrílico), (**);
11. Medida de vazão com uso de rotâmetro;
12. Perda de carga em tubulações;
13. Perda de carga distribuída em tubulações com diferentes comprimentos;
14. Variação da perda de carga devido a variação do fluxo;
15. Perda de carga em tubulações de diferentes diâmetros com mesmo
fluxo;
16. Perda de carga em tubulações com diferentes rugosidades, mesmo
diâmetros e mesmo fluxo;
17. Perda de carga em conexões e acessórios;
18. Perda de carga em válvulas e registros;
19. Perdas de carga em um sistema de tubulações;
20. Curva de perda de carga de um sistema;
21. Curva característica (pressão x vazão) de uma bomba centrífuga;
22. Ponto de funcionamento de um sistema de bombeamento.

(**) – Necessita do opcional correspondente.

 Av. Independência 2293, bloco 16 sala 1608 – Universitário - CEP 96815-605 - Santa Cruz do Sul - RS
 +55-51-40422080  +55-51-999988033  www.owntec.com.br  contato@owntec.com.br