Você está na página 1de 4

ATIVIDADE PRÉVIA - AP

VALOR TOTAL = 12 Pontos

Participante: Guilherme Ohse, Wesley Lourenço e Wilker Goulart

Disciplina: Estratégias Empresariais – até dia 24/04/2019

Professor: Marcus Lindgren

OBJETIVO DA ATIVIDADE PRÉVIA:


 Nivelamento conceitual

ORIENTAÇÕES:
A Atividade Prévia deve ser desenvolvida individualmente, em duplas ou em trios e
publicada no Canvas, em WORD, preferencialmente usando fonte tamanho 12 e espaço 1,5
entrelinhas, até três dias úteis antes do primeiro dia de aula.

TAREFA:
 Recorra ao conteúdo da disciplina “Análise Ambiental e Competitiva”, ministrada pelo
Prof. Paulo Vicente, nos dias 29 e 30/03/19 e responda as questões abaixo:

 Obs.: para aqueles que não participaram da mencionada disciplina, procure um colega
que tenha participado e interaja com ele. Essa será uma boa oportunidade de vocês
trocarem experiências e conhecimentos.

Questão 1.
Considerando a metodologia da análise PESTAL (Político, Econômico, Social, Tecnológico,
Social, Ambiental e Legal), procure descrever o macroambiente brasileiro para o setor de
energia, para os próximos 10 anos.
Não ultrapassar 10 linhas de desenvolvimento da resposta.

Questão 2.
Considerando o modelo das 5 Forças de Porter, procure descrever a cadeia dos atores
envolvidos no setor de energia e destaque o papel da CCEE dentro desta cadeia.
Não ultrapassar 10 linhas de desenvolvimento da resposta.

Questão 3.
Tomando como referência o conceito do RBV – Resource Based View, descreva quais são os
recursos e capacidades da CCEE que se encaixam no perfil de VRIN – Valioso, Raro,
Inimitável e Não-substituível.
Não ultrapassar 10 linhas de desenvolvimento da resposta
Boa sorte!

1
Questão 1.

Análise do macroambiente brasileiro para o setor de energia, para os próximos 10 anos,


utilizando a metodologia PESTAL:

 Político: política energética mais liberal com abertura do mercado; intercâmbio de


energia, regulamentação da geração distribuída.
 Econômico: privatizações das empresas de energia do governo; modicidade tarifária.
 Social: universalização da energia.
 Tecnológico: eficiência energética; novas tecnologias para armazenamento de
energia; soluções compartilhadas; qualidade da energia.
 Ambiental: tendência a matriz energética mais renovável; uso de carros elétricos
(redução de CO2).
 Legal: solução para o GSF e consequente destravamento do mercado; transferência
de responsabilidade ao mercado (menor centralização do Estado).

Questão 2.

Com base nas cinco forças de Porter, a cadeia dos atores envolvidos no setor de energia são
as relacionadas abaixo:
 Novos entrantes: investimento internacional, principalmente da China.
 Fornecedores: geradores, distribuidoras, transmissores e comercializadoras.
 Concorrência: leilões, capital estrangeiro e abertura do mercado.
 Clientes: consumidores de energia.
 Produtos substitutos: geração distribuída.

O papel da CCEE dentro desta cadeia é ser a facilitadora do desenvolvimento do mercado de


comercialização de energia elétrica no Brasil em conjunto com outras organizações
importantes do mercado de energia elétrica do país.

2
Questão 3.

Tomando como referência o conceito do RBV – Resource Based View, os recursos e


capacidades da CCEE que se encaixam no perfil de VRIN – Valioso, Raro, Inimitável e Não-
substituível são:

 Valioso: credibilidade, o capital humano, base histórica de dados.


 Raro: o papel de atuação.
 Inimitável: o modelo atual de configuração.
 Não-substituível: o legado.

3
4