Você está na página 1de 20

CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DE GUANAMBI – CESG

CENTRO UNIVERSITÁRIO FG - UNIFG

REGULAMENTO INSTITUCIONAL DOS TRABALHOS DE


CONCLUSÃO DE CURSO DO UNIFG

GUANAMBI – BAHIA
ABRIL 2018
REGULAMENTO INSTITUCIONAL DOS TRABALHOS DE
CONCLUSÃO DE CURSO

O Conselho Superior de Pesquisa e Extensão da UNIFG - CONSEPE, no uso de suas


atribuições legais, baseando-se no art.84 da Lei 9.394 de 20.12.96, torna público o Regulamento
Institucional dos Trabalhos de Conclusão de Curso, com as características que se seguem.

CAPÍTULO I
Disposições Preliminares
Art. 1º O presente Regulamento normatiza o processo de elaboração, apresentação e avaliação
dos Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC), dos cursos de Graduação do Centro
Universitário FG - UNIFG.

Art. 2º A disciplina de Metodologia Científica, oferecida aos alunos no 1º ano de curso, trata-
se do contato inicial com elementos da pesquisa científica. Além disso, os temas pertinentes a
área do conhecimento referente ao curso de graduação do aluno serão apresentados ao longo
dos semestres de estudo acadêmicos e servirão como fundamentação para o TCC.

CAPÍTULO II
Conceituação e Objetivos
Art. 3º O TCC é uma atividade de integração curricular e consiste em um trabalho de natureza
científica ou técnica de sistematização de conhecimentos, a ser elaborado pelo estudante, tendo
como princípios:

I. Consolidar a instituição como um centro de produção científica e tecnológica


integrando o ensino, a pesquisa e a extensão no projeto político pedagógico da
instituição;
II. Fomentar o espírito investigativo no graduando.

Art. 4º O TCC tem caráter obrigatório e deverá ser elaborado e defendido pelos alunos, durante
as disciplinas de TCC I e TCC II, com orientação e acompanhamento do professor orientador
temático.

Art. 5º São objetivos do TCC:


I. Ser pré-requisito para conclusão dos cursos de graduação, por exigências legais,
conforme Diretrizes Curriculares de Cursos e do CONSEPE;
II. Contribuir para que o aluno possa correlacionar e aprofundar os conhecimentos teórico
práticos adquiridos nos cursos;
III. Inserir os acadêmicos dos cursos de graduação do UNIFG no campo da pesquisa
Científica e/ou análise técnica e Educacional.

CAPÍTULO III
Das Modalidades
Art. 6º A ferramenta utilizada para a estruturação metodológica do TCC I será o Projeto de
Pesquisa que consiste em uma proposta na qual se busca o conhecimento das causas de um
fenômeno natural e/ou social.

§ 1º O TCC, cuja a pesquisa envolve seres humanos, deverá ser submetido e aprovado
pelo Comitê de Ética em Pesquisa (CEP) conforme resolução 466/2012 do Conselho Nacional
de Saúde. O parecer consubstanciado do CEP deve ser anexado ao II que será apreciado pela
banca examinadora.
§ 2º O TCC, cuja a pesquisa envolve animais, deverá ser submetido e aprovado pelo
Comitê de Ética no Uso de Animais (CEUA) conforme resolução 11.794/2008. E o parecer
consubstanciado deve ser anexado ao TCC II que será apreciado pela banca examinadora.

Art. 7º O TCC II apresenta os resultados obtidos a partir do projeto desenvolvido e poderá ser
realizado de acordo com as modalidades a serem consideradas por cada colegiado dos cursos:

Artigo Científico: Trabalho acadêmico que expressa resultado de investigação empírica,


experimental, conceitual, revisão de literatura ou relato de experiência.

Relato de Caso: Fundamentado em Revisão Bibliográfica, contendo Introdução,


Desenvolvimento e Considerações Finais.

Monografia: Produção científica que se destina a estudar um assunto em específico. Tem


como principal objetivo reunir informações, análises e interpretações científicas que agreguem
valor relevante à ciência, dentro de um determinado ramo, assunto, abordagem ou
problemática.
Relatório técnico científico: É o documento original pelo qual se faz a difusão da informação
corrente, sendo ainda o registro permanente das informações obtidas. É elaborado
principalmente para descrever experiências, investigações, processos, métodos e análises.

Projeto Integrador: Aplicação dos conceitos e teorias adquiridas durante o curso de forma
interdisciplinar e integralizador, por meio da execução de um projeto correlato com a área de
formação.

Parágrafo primeiro: O TCC será conduzido individualmente ou em dupla, dependendo das


normas específicas das Diretrizes Curriculares de cada curso.

Parágrafo segundo: O TCC deverá ser organizado segundo o Manual de Trabalhos


Acadêmicos do UNIFG, disponível em http://faculdadeguanambi.edu.br/nupex

CAPÍTULO IV
Do Desenvolvimento e das Exigências Normativas do TCC
Art. 8º O planejamento e organização dos processos que envolvem o TCC deverão ser
exercidos pelo coordenador do curso, juntamente com o Núcleo de Pesquisa e Extensão
(NUPEX).

Art. 9º Compete às coordenações de curso:

I. Catalogar junto ao corpo docente a descrição da linha de pesquisa que cada professor
pretende orientar;
II. Apresentar o quadro de orientadores aos alunos, de acordo com a linha de pesquisa;
III. Estabelecer a banca avaliadora, podendo a coordenação solicitar do professor
orientador sugestões de professores para compor as bancas de qualificação e/ou defesa;
IV. Estruturar as respectivas datas, horários e salas das bancas de TCC I e TCC II e
encaminhar ao NUPEX respeitando período estabelecido para isso em calendário
próprio a ser divulgado no início do semestre letivo;
V. Receber os TCC’s e encaminhá-los aos membros das bancas de qualificação e defesa em
período estipulado no calendário de TCC;
VI. Receber do NUPEX os formulários de avaliação e ata devidamente assinados pela
banca;
VII. Lançar as notas finais do aluno, após o recebimento do protocolo da versão final,
encaminhada pelo NUPEX;
VIII. Encaminhar os formulários de avaliação e a ata à Secretaria Acadêmica, para
arquivamento em pasta do aluno;
IX. Informar ao professor orientador das prorrogações de prazo de qualificação e ou defesa,
quando devidamente aprovadas em Colegiado.
X. Comunicar a data de ocorrência das bancas prorrogadas, previamente, ao NUPEX.
Art. 10 O trabalho entregue ao coordenador não mais poderá sofrer alterações. Em caso de
necessidade, as alterações no documento escrito serão autorizadas após apresentação oral.

Art. 11 Compete ao NUPEX:

I. Organizar as apresentações dos TCC;


II. Encaminhar as notas finais às Coordenações dos Cursos para que as mesmas sejam
incluídas no sistema;
III. Receber a versão final corrigida em formato PDF salva em um CD- ROM e uma cópia
impressa sem espiral, mediante apresentação do Termo de Autorização para Entrega
da Versão Final (Anexo 08);
IV. Encaminhar à biblioteca a cópia da versão final impressa e encadernada por curso e
semestre;
V. Instaurar comissões metodológicas para julgamento de casos de plágio e outras más
condutas científicas e desordens ocorridas nas bancas, quando assim forem sinalizadas.
Art. 12 O TCC será desenvolvido em duas etapas denominadas de Qualificação e Defesa.

§ 1º A etapa de qualificação ocorrerá no período do TCC I, onde o discente deverá


submeter um projeto de pesquisa, oralmente e por escrito, à avaliação de uma banca
examinadora, sob a supervisão do orientador temático, em data definida pela Coordenação do
Curso.

§ 2º A etapa de defesa acontecerá no período do TCC II, no qual o discente deverá


submeter o trabalho finalizado, oralmente e por escrito, à avaliação de uma banca examinadora,
no formato definido pelas Diretrizes Curriculares de cada curso, sob a supervisão do orientador
temático, em data definida pela Coordenação do Curso.

CAPÍTULO VI
Da Orientação dos Trabalhos de Conclusão de Curso
Art. 13 Deverão ser orientadores temáticos, prioritariamente, os docentes do UNIFG com
experiência na temática e na metodologia a ser desenvolvida.
§ 1º Para ser orientador externo, o mesmo deverá ser um profissional da área e preencher o
termo em anexo (Anexo 01).

Art. 14 Compete ao professor orientador temático do TCC I e TCC II:

I. Tomar ciência deste Regulamento;


II. Assinar o Termo de aceite para orientação dos acadêmicos (Anexo 02);
III. Divulgar durante as orientações os Manuais e o Regulamento de TCC para os alunos;
IV. Orientar, acompanhar e avaliar o desenvolvimento do TCC, em todas as suas fases de
elaboração;
V. Atender seus orientandos em horário previamente agendado;
VI. Preencher a ficha de orientações para devidas comprovações (Anexo 03);
VII. Promover orientações das apresentações orais;
VIII. Supervisionar a utilização das fontes de pesquisa;
IX. Analisar e verificar os textos produzidos pelo aluno ao longo do processo de elaboração
do trabalho;
X. Incentivar o aluno a participar de Encontros de Iniciação Científica e Congressos, onde
possa divulgar os resultados parciais e finais da pesquisa;
XI. Realizar a leitura final do TCC, antes da liberação do trabalho para os demais membros
da banca examinadora;
XII. Liberar o TCC para qualificação e/ou defesa, mediante parecer favorável (Anexo 04);
XIII. Assumir a presidência da banca avaliadora;
XIV. Sugerir a composição das bancas de TCC, encaminhando à coordenação de curso, o
nome de dois membros e de um suplente para as defesas e qualificações;
XV. Entregar as atas e fichas de avaliação da banca examinadora, devidamente preenchidas
e assinadas ao NUPEX;
XVI. Comunicar, por escrito, à coordenação do curso a ocorrência de problemas,
dificuldades e dúvidas relativas ao processo de orientação, para as devidas providências;
XVII. Revisar a versão final de acordo com as correções sugeridas e/ou propostas pela banca
examinadora e autorizar a confecção da versão final a ser entregue ao Núcleo de
Pesquisa e Extensão e assinar o Termo de Autorização para Entrega da Versão Final
(Anexo 08);
XVIII. Avaliar o trabalho quanto a conteúdo plagiado;
XIX. Solicitar, se necessário, por escrito e de maneira fundamentada ao colegiado do curso
a prorrogação de prazo para qualificação e/ou defesa, que ao ser concedida deverá ser
feita em 30 dias que antecede o JEPEX.
Art. 15 Será permitida, ao professor, a orientação simultânea de no máximo cinco Trabalhos
de Conclusão de Curso.

Parágrafo único: O número maior de orientações poderá ser aceito após deliberação do
colegiado do curso.

Art. 16 A aceitação para orientar o aluno dar-se-á mediante a assinatura de Termo de Aceitação
pelo orientador (Anexo 02).

Parágrafo primeiro: É facultativo a presença de um co-orientador nos trabalhos de conclusão


de cursos de graduação do UNIFG.

Parágrafo segundo: A co-orientação de um trabalho de conclusão de curso, quando existir,


implica nas mesmas competências, obrigações e responsabilidades daquelas atribuídas ao
orientador temático.

Art. 17 A desistência da orientação somente poderá ocorrer mediante a assinatura de um


requerimento próprio, acompanhado de justificativa (Anexo 05) e aprovado pela coordenação
do curso.

Parágrafo único: O orientador poderá comunicar à coordenação do curso a sua desistência


em orientar o aluno, nos casos de não cumprimento das suas obrigações ou por
incompatibilidade teórico-metodológica no processo de orientação.

Art. 18 Em caso de desistência de orientação aprovada pela coordenação do curso, assumirá a


orientação do TCC o co-orientador (quando existir) ou outro docente indicado pela
coordenação do curso.

Art. 19 Compete ao acadêmico:

I. Comparecer às reuniões marcadas pelo orientador temático cumprindo as atividades


designadas pelos mesmos;
II. Elaborar seu trabalho de acordo com as disposições contidas neste regulamento e com
orientações do professor, prezando pela originalidade e propriedade das informações;
III. Cumprir com o dever de lealdade científica, apresentando o TCC dentro dos
parâmetros normativos, inclusive no que diz respeito a norma culta e originalidade do
trabalho;
IV. Cumprir as datas estabelecidas no calendário de TCC, a ser divulgado pela instituição
todo início de semestre letivo;
V. Entregar 3 (três) exemplares impressos do TCC (em espiral), e enviar ao e-mail da
coordenação uma cópia em PDF;
VI. Entregar ao coordenador do curso, juntamente com os três exemplares da versão
preliminar, a autorização para qualificação e/ou defesa, emitida e assinada pelo
orientador temático;
VII. Comparecer em dia, hora e local determinados para a qualificação e/ou defesa do
trabalho;
VIII. Defender o trabalho após questionamento dos membros da banca avaliadora;
IX. Entregar a versão final corrigida (impressa e CD), juntamente com o Termo de
Autorização para Entrega da Versão Final (Anexo 08) assinado pelo orientador;
X. Trabalhos que apresentarem restrições, conforme Art. 23, deverão ser entregues em
três vias, juntamente com a cópia do parecer com as alterações solicitadas no prazo
máximo de 10(dez) dias úteis após qualificação/defesa.

CAPÍTULO VII
Das Avaliações

Art. 20 O aluno será avaliado em dois momentos, avaliação da apresentação oral e análise do
trabalho escrito, por uma banca examinadora composta por três membros que atribuirão,
individualmente, nota ao trabalho.

Art. 21 No trabalho escrito, cada membro deve avaliar: organização sequencial, argumentação,
pertinência do tema, relevância e contribuição acadêmica da pesquisa, correção gramatical,
clareza, apresentação estética e adequação aos aspectos formais e às normas estabelecidas em
Manual próprio da IES.

Art. 22 Na apresentação oral, cada membro deve avaliar: domínio do conteúdo, organização
da apresentação, habilidades de comunicação e expressão, capacidade de argumentação, uso
dos recursos audiovisuais, correção gramatical e apresentação estética do trabalho.

Recomenda-se que a Qualificação do TCC siga a seguinte distribuição de tempo:

- 15-20 (quinze a vinte) minutos para a apresentação oral pelo candidato;


- 10 (dez) minutos de arguição pelos membros da banca examinadora;

Recomenda-se que a Defesa do TCC siga a seguinte distribuição de tempo:


- No mínimo 20 (vinte) minutos e no máximo 30 (trinta) minutos para a
apresentação oral pelo candidato;
- 15 (quinze) minutos de arguição pelos membros da banca examinadora;

Art. 23 Para a qualificação e/ou defesa, a nota de cada examinador será a soma do trabalho
escrito (com valor de 0 a 7 - zero a sete) e da apresentação oral (com valor de 0 a 3 - zero a
três), totalizando, assim, nota 10 (dez). A nota final será calculada pela média aritmética das
notas atribuídas pela banca avaliadora.

O trabalho poderá ser:

I – Aprovado: média final igual ou superior a 7 (sete)

II – Reprovado: menor ou igual a 6,9 (seis, nove)

III- Restrito: nos casos em que a banca solicitar reapresentação do trabalho escrito, em 3 (três)
vias impressas, com as alterações pontuadas no prazo máximo de 10(dez) dias úteis após
qualificação/defesa. O não cumprimento desse prazo implicará na reprovação do trabalho.

§ 1º O aluno será avaliado durante o semestre de forma qualitativa. A nota final será
atribuída somente após qualificação e/ou defesa.

§ 2º O trabalho que for reprovado não terá direito à revisão.

Art. 24 A avaliação será documentada em fichas de avaliações individual e final, onde devem
constar as notas que cada examinador atribuiu ao aluno (Anexo 06).

Art. 25 Ao término da qualificação ou defesa, o orientador temático deverá entregar as fichas


de avaliação e a ata de Qualificação ou Defesa assinadas ao NUPEX.

Art. 26 A banca avaliadora de qualificação deverá emitir um parecer com sugestões ou


modificações, quando pertinentes, o qual deve ser entregue ao aluno e anexado às cópias do
TCC II (anexo 07).

Art. 27 A banca avaliadora de defesa deverá emitir um parecer com sugestões ou modificações,
quando o trabalho for restrito ou reprovado, cuja deve ser entregue ao aluno e anexado às
novas cópias para avaliação (Anexo 07).
Art. 28 A nota final do aluno somente deve lhe ser atribuída, mediante a entrega da versão final
do TCC ao NUPEX, com as correções sugeridas pela banca e com o Termo de entrega
assinado, no prazo máximo de 10 (dez) dias corridos após a apresentação.

Art. 29 A identificação de qualquer tipo de plágio, má conduta científica ou a não adoção das
modalidades de trabalho e normas instituídas pelo UNIFG resulta em reprovação do trabalho
com nota 0 (zero), sem direito a apresentação do trabalho.

Art. 30 A oferta de procedimento específico para apresentação do TCC só será permitida após
avaliação favorável do Centro Psicopedagógico (CPP).

Art. 31 O discente só será considerado aprovado no TCC II após a entrega da versão final do
trabalho.

Parágrafo único: A solicitação para o procedimento específico deverá ser feita pelo orientador
temático em um período máximo de 30 (trinta) dias que antecedem as bancas de qualificação
e/ou defesa à coordenação do curso.

CAPÍTULO VIII
Da Composição da Banca
Art. 31 A Banca Examinadora para qualificação e ou defesa será composta por um Presidente
e dois membros.

§ 1º O Presidente da banca examinadora será o orientador temático, os membros serão dois


avaliadores convidados.

§ 2º Caso possua co-orientador, o mesmo poderá assumir a presidência da banca na ausência


do orientador.

Art. 32 Caso o membro convidado não possa comparecer à apresentação oral, deverá
comunicar ao coordenador do curso, num prazo mínimo de 48 horas que antecedem a banca.
Nestes casos, o suplente será convidado.
§ 1º O membro convidado que não puder comparecer, cujo prazo para comunicação
já houver expirado, deverá encaminhar à coordenação do curso um parecer sobre a avaliação
realizada, para ser entregue ao suplente.

CAPÍTULO IX
Da Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão (JEPEX)
Art. 33 As apresentações dos Trabalhos de Conclusão de Curso ocorrerão na JEPEX e terão
suas datas e horários definidos pelo NUPEX e publicadas em calendário próprio.

Art. 34 São objetivos da Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão (JEPEX):

I. Apresentar à comunidade e aos alunos, a diversidade e a amplitude dos temas que estão
sendo discutidos na área da pesquisa;
II. Valorizar o trabalho de pesquisa realizado pelos alunos no decorrer do curso;
III. Proporcionar ao aluno a experiência de mostrar e discutir suas ideias, sua prática,
concretizada nas relações estabelecidas durante o curso;
IV. Possibilitar ao aluno diferentes formas de apresentação de seu trabalho e propiciar um
ambiente agradável para a realização destas apresentações;
V. Tornar o conhecimento acessível à sociedade em geral, a partir do momento em que
este for divulgado, discutido e refletido.

CAPÍTULO X
Das Disposições Finais
Art. 35 Casos não previstos por este Regulamento serão resolvidos pelo NUPEX,
Coordenação do Curso e Gerência Acadêmica.

Art. 36 Este regulamento entra em vigor a partir da data de sua publicação, revogando-se as
disposições em contrário.

26 de abril de 2018
ANEXO 01

TERMO DE ACEITAÇÃO DO DOCENTE CONVIDADO

Eu ,
Profissional da área: , declaro
aceitar o convite da Coordenação do Curso de __________para
desenvolver atividades de orientação do Trabalho de Conclusão de Curso da graduação
do(s) acadêmico(s):

_______________________________________________________________

_______________________________________________________________

Comprometendo-me a atender as normas do Regulamento de Trabalhos de Conclusão de


Curso do Centro Universitário - UNIFG, estando inclusive ciente da necessidade de
minha participação na banca avaliadora por ocasião da defesa do trabalho. Tenho a
consciência que essa atividade acontecerá sem vínculo empregatício.

Guanambi, de de __ .

________________________________ ______________________________
Acadêmico Acadêmico

______________________________
Orientador(a)
ANEXO 02

TERMO DE ACEITE PARA ORIENTAÇÃO

Eu, e eu
na condição de Professor(es),
aceito (amos) a solicitação de pedido de orientação e co-orientação, respectivamente,
do(s) discente(s):

___________________________________________________________

___________________________________________________________

no período letivo do ano de__________, durante o período de realização dos Trabalhos


de Conclusão de Curso (TCC I e II), como parte das exigências da UNIFG para obtenção
do Título de Bacharel em .

Atenciosamente,

Assinatura do (a) Orientador (a):


Assinatura do (a) Co-orientador (a):

E-mail do (a) Orientador (a):


E-mail do (a) Coorientador (a):

Guanambi, de de .

*Elaboração de 0 (duas) vias: 1ª Via – Coordenação do Curso; 2ª Via - discente


ANEXO 03

FICHA DE ORIENTAÇÃO PRESENCIAL DE TCC

Orientador:

Disciplina: TCC I ( ) TCC II ( ) Data: / /

Hora Data Assinatura Aluno Orientador (rubrica) Orientações efetivadas

Assinatura do Orientador (a) Temático:

02 (Duas) vias: 1ª via – Coordenador de Curso; 2ª via – discente (s).


ANEXO 04

PARECER DE AUTORIZAÇÃO PARA QUALIFICAÇÃO E/OU DEFESA

Eu, , Professor (a) do


Curso de desta Instituição, estando ciente das
minhas obrigações enquanto orientador,

Autorizo
Não autorizo. Justificativa:
____________________________________________________________________
____________________________________________________________________
____________________________________________________________________

ALUNO(a):

1.____________________________________________________________
2.____________________________________________________________

TITULO DO TRABALHO:

__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________

A submeterem e apresentarem o Trabalho de Conclusão de Curso à banca avaliadora.

Sugestões de banca:
Prof.1___________________________________________________
Prof. 2 __________________________________________________
Suplente: ________________________________________________

Guanambi, de de_____.

_______________________________________
Assinatura do orientador(a)
ANEXO 05

FORMULÁRIO DE AVALIAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE


CURSO (BAREMA)

1. IDENTIFICAÇÃO

Título do Trabalho de Conclusão de Curso

____________________________________________________________________________

____________________________________________________________________________

Autores: Aluno (a) 1:_________________________________________________________________________

Aluno (a) 2:_________________________________________________________________________

Orientador (a)/coorientador(a):________________________________________________________________

Membro Convidado(a)_______________________________________________________________________

Membro Convidado(a)_______________________________________________________________________

2. AVALIAÇÃO DO TRABALHO ESCRITO


QUESITOS DESCRIÇÃO PONTOS NOTA
ATRIBUÍDA

Originalidade O trabalho tem originalidade no tema ou na forma de


1,0
abordagem do mesmo.

Completude O trabalho está completo em todas as suas etapas 2,0

A redação atende aos critérios de uma produção


1,0
acadêmica.
Estrutura do texto
O conteúdo esteve circunscrito ao tema adotado. 1,0

A análise apresentada na fundamentação teórica decorreu


1,0
de forma encadeada, objetiva e coerente.

Normatização O trabalho atende ao padrão estipulado pelo Manual de


Trabalhos Acadêmicos da UNIFG, nos elementos pré- 1,0
textuais, textuais e pós-textuais.

7,0
NOTA FINAL DO TRABALHO ESCRITO
3. AVALIAÇÃO DA APRESENTAÇÃO ORAL

ALUNOS

QUESITOS DESCRIÇÃO PONTOS Aluno 1 Aluno 2

1. A exposição seguiu uma sequência lógica


dividindo equitativamente o tempo de
0,5
apresentação (introdução, desenvolvimento e
conclusão).

2. Na abordagem do tema foi demonstrado


Apresentação 0,5
segurança e domínio do assunto.

3. As ideias foram expostas de forma crítica


e em consonância ao referencial teórico- 1,0
metodológico adotado.

Resposta à arguição 1. As respostas foram emitidas de forma


1,0
correta.

NOTA FINAL DA APRESENTAÇÃO ORAL 3,0

__________________________________

Assinatura
ANEXO 06

FORMULÁRIO FINAL DE AVALIAÇÃO

DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO

IDENTIFICAÇÃO

Título do Trabalho de Conclusão de Curso

____________________________________________________________________________

____________________________________________________________________________
Autor: Aluno (a) 1:___________________________________________________________________________

Aluno (a) 2:____________________________________________________________________________

Orientador (a)/coorientador(a):________________________________________________________________

Membro Convidado(a)_______________________________________________________________________

Membro Convidado(a)_______________________________________________________________________

AVALIAÇÃO FINAL
NOTA

AVALIAÇÕES ALUNO (a) 1 ALUNO (a) 2

NOTA FINAL DA APRESENTAÇÃO ORAL


3,0

NOTA DO FINAL DO TRABALHO ESCRITO 7,0

MÉDIA FINAL INDIVIDUAL 10,0

________________________________ ________________________________
Membro convidado(a) Membro convidado (a)

_________________________________
Orientador (a)
ANEXO 07

PARECER DA BANCA*

Título do trabalho:
_________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________

Orientador temático:______________________________________________________

Aluno 01:________________________________________________________________
Aluno 02:________________________________________________________________

Parecer:
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________

*Será emitido aos discentes, responsáveis por realizar as devidas correções/alterações sugeridas pela banca sob a
orientação do professor, para ser anexado as cópias do TCC II entregues a banca avaliadora. Este anexo é
dispensável nos casos em que o não se aplica nenhuma correção.
ANEXO 08

TERMO DE AUTORIZAÇÃO PARA ENTREGA DA VERSÃO FINAL DO TCC II

Autorizo a entrega da versão final do Trabalho de Conclusão de Curso II intitulado:

___________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________
do(s) discente(s):

1.___________________________________________________________________
2.___________________________________________________________________

Por considerar que ele atende as normas e regulamentos do Centro Universitário FG -UNIFG.

Data:_____/_______/________
Curso: _________________________________
Assinatura do (a) Orientador (a)

------------------------------------------------- LINHA DE CORTE----------------------------------------------------


Recebemos a versão final do TCC II do(s) discente(s):

1.___________________________________________________________________
2.___________________________________________________________________

Curso: ____________________________ Orientador: ________________________

Contendo a 1(uma) cópia impressa e 1(um) CD-ROM com a versão em formato PDF referente
ao _____ ° semestre de __________.

Em: ______ de ______________ de ______________ Hora: ____: ______

Recebido por: (nome) ___________________________________________


Núcleo de Pesquisa e Extensão (NUPEX/UniFG)

OBSERVAÇÕES:

1. Este é o seu comprovante de entrega da versão final do Trabalho de Conclusão de Curso II (TCC II). Você deve levá-lo preenchido
quando for entregar o material impresso, para que ele seja assinado por um funcionário do NUPEX/UNIFG.

2. Você deve guardar este recibo, como comprovante da data e hora da entrega de seu material impresso. Este recibo pode ser preenchido à
mão ou digitado. É válido em sua forma original, sem rasuras ou alterações.